Вы находитесь на странице: 1из 3

EXCELENTSSIMO SENHOR JUIZ DA VARA CIVEL DA COMARCA DE CAXIAS - MA

QUALIFICAO DAS PARTES

Jos Rico, brasileiro, casado, advogado, residente e domiciliado nesta cidade rua 7 de setembro, casa 11, itapecuruzinho, aonde informa o endereo que recebe citaes, intimaes e demais documentos de praxe, vm perante Vossa Excelncia amparado no art. 5, LXXIII, da CF/88 e/ou art. 1 da Lei 4717/65, propor ao popular em face do muncipio de caxias, da empresa Ecolar e do prefeito joo da silva, propor ao popular que vise a anular ato lesivo ao patrimnio pblico e moralidade administrativa.

DOS FATOS

O Municpio de caxias, representado pelo Prefeito Joo da Silva, celebrou contrato administrativo com a empresa ecolar cujo scio majoritrio Antonio Precioso, filho da companheira do Prefeito , tendo por objeto o fornecimento de material escolar para toda a rede pblica municipal de ensino, pelo prazo de sessenta meses. O contrato foi celebrado sem a realizao de prvio procedimento licitatrio e apresentou valor de cinco milhes de reais anuais.

CABIMENTO DA AO POPULAR

Nos termos do art. 5,LXXIII, da CF/88 e/ou art. 1 da Lei 4717/65, qualquer cidado parte legtima para propor ao popular que vise a anular ato lesivo ao patrimnio pblico e moralidade administrativa.

FUNDAMENTAO JURIDICA

Ausncia de processo licitatrio para aquisio do material escolar, caracterizando ofensa ao art. 37, XXI da CRFB/88 e ao art. 2 da Lei n.

8666/93; violao ao princpio da impessoalidade, visto que a Administrao no pode atuar com vistasbeneficiar pessoas determinadas, uma vez que sempre o interesse pblico que tem que nortear o seu comportamento; violao ao princpio da moralidade ou probidade administrativa visto que a contratao direta, fora das hipteses de dispensa, de empresa do enteado do prefeito implica violao aos padrees ticos que devem pautar a atuao do administrador; violao norma do artigo 57 da Lei n. 8.666/93, que estabelece que a vigncia dos contratos administrativos adstrita vigncia dos respectivos crditos oramentrios.

DO PEDIDO

De acordo com o artigo 11 da Lei n. 4.717/65, requer-se, Citao de todos os rus para apresentao de defesa; Procedncia do pedido para anular o contrato administrativo; Procedncia do pedido para condenar os rus a ressarcir os danos causados ao errio; Produo genrica de provas; Condenao em honorrios sucumbenciais

VALOR DA CAUSA

500

mil reais

E. Termos E. Deferimento

luis gustavo rodrigues teles 3245 OAB -MA