Вы находитесь на странице: 1из 2

No Brasil, os garis são os profissionais da limpeza que recolhem o lixo das

residências, indústrias e edifícios comerciais e residenciais, além de varrer ruas,


praças e parques. Também capinam a grama, lavam e desinfetam vias públicas.

Em Portugal, eram conhecidos como almeida, em homenagem a um cidadão com


Almeida no nome que foi diretor geral da limpeza urbana da capital portuguesa.

O nome gari também é uma homenagem a uma pessoa que se destacou na história
da limpeza da cidade do Rio de Janeiro - o francês Aleixo Gary.

Falando em lixo, qualquer resíduo sólido proveniente das atividades humanas ou


gerado pela natureza é considerado lixo. Dentre os materiais que o compõem, estão
o papel, alumínio, plástico e vidro, entre outros, que demoram muito para serem
absorvidos pela natureza, causando danos ao meio ambiente.

Segundo dados do Ministério do Meio Ambiente, o Brasil produz, em média, 90


milhões de toneladas de lixo por ano e cada brasileiro gera, aproximadamente, 500
gramas de lixo por dia, podendo chegar a mais de 1 kg, dependendo do local em
que mora e do poder aquisitivo.

Algumas cidades brasileiras coletam o lixo produzido por seus habitantes. Em


outras, entretanto, quase metade dele é atirado nas ruas, terrenos baldios, rios,
lagos, lagoas e no mar.

Coleta seletiva

A coleta seletiva é o primeiro passo para a reciclagem. Ela visa separar e classificar
o lixo para que se possa aproveitar tudo o que é reciclável. Geralmente, separa-se
o material inorgânico - vidro, papel, metais, plásticos - do orgânico, composto de
restos de comida, frutas, verduras, aparas de grama e esterco de animais, em
recipientes de cores diferenciadas.

Reciclagem

Na reciclagem, o lixo passa por um processo de transformação industrial ou


artesanal, que possibilita reaproveitar o material inorgânico. Deixa de ser lixo para
servir de matéria-prima para outras coisas. Por exemplo, latinhas de alumínio,
quando recicladas, podem dar origem a outras latinhas, e papéis rasgados ou
riscados podem gerar novas folhas.

Mas é preciso prestar a atenção, pois nem todo lixo pode ser reciclado. Apenas
papel, metal, plástico e vidro - dependendo de seus tipos. Confira no quadro
abaixo:

Aterro sanitário

O local adequado para colocar o lixo de uma cidade é o aterro sanitário. Trata-se de
um amplo terreno com sistema de drenagem e impermeabilizado para não vazar o
chorume - líquido que contamina o ar, o solo e os lençóis d'água subterrâneos. O
material ali depositado deve ser coberto com terra para evitar a poluição e a
exposição aos animais.

Os aterros ajudam a acabar com os "lixões", ou espaços a céu aberto que não
foram preparados para receber o lixo. Infelizmente, no Brasil, 90% do lixo é jogado
nos lixões, o que contribui para a proliferação de doenças.

Segundo dados da Síntese de Indicadores Sociais - 2000 - do IBGE, 85% dos


34.870.828 domicílios brasileiros localizados na área urbana foram beneficiados
com a coleta realizada por empresa pública ou privada (coleta direta), contra 8,8%
cujo lixo foi depositado em caçamba, tanque ou depósito para depois ser removido
(coleta indireta). E em apenas 3,4% do total, o lixo foi queimado ou enterrado na
propriedade ou ainda jogado em terreno baldio, rua, rio ou mar. Sinal de que o lixo
está sendo destinado ao lugar certo, evitando assim a proliferação de doenças e a
poluição do solo e do ar.

Похожие интересы