You are on page 1of 6

Os Lusíadas

Poema épico

9º A
O que um poema épico?

Um poema épico é um poema heróico narrativo extenso, uma colecção de


feitos, de fatos históricos, de um ou de vários indivíduos, reais, lendários ou
mitológicos.
O poema épico eterniza lendas seculares e tradições ancestrais, preservadas
ao longo dos tempos pela tradição oral ou escrita. Os primeiros grandes modelos
ocidentais de epopeia são os poemas homéricos a Ilíada e a Odisseia, os quais
têm a sua origem nas lendas sobre a guerra de Tróia.
O poema épico pertence ao género épico, mas embora tenha fundamentos
históricos, não representa os acontecimentos com fidelidade, geralmente reveste
os acontecimentos relatados com conceitos morais e actos exemplares que
funcionam como modelos de comportamento.
Epopeias famosas

• Homero: Ilíada, Odisseia


• Virgílio: Eneida
• Dante Alighieri: A Divina Comédia
• A Canção de Rolando
• Luís Vaz de Camões: Os Lusíadas
• Beowulf
• Ludovico Ariosto: Orlando furioso
• Hesíodo: Teogonia
• Torquato Tasso: Jerusalém Libertada
• John Milton: Paraíso Perdido
• A Epopeia de Gilgamesh
Características do poema épico

• Tratam factos, acontecimentos ou peripécias mais ou menos verdadeiros ou


mesmo falsas.
• A maioria dos verbos contidos nessas obras literários estão no pretérito.
• O narrador aparece na obra ora sim, ora não, mas não está sempre presente como
no género lírico, nem desaparece por completo, como ocorre no género
dramático.
• Na maioria das vezes, a forma utilizada nessas obras é a prosa ou o verso largo.
• Tende a incluir os demais géneros (lírico, dramático, didáctico) e por isso tem
maior extensão.
• Divide-se em capítulos.
Elementos da epopeia
Herói Personagem principal. Povo português.

Maravilhoso Inclusão de deuses. Júpiter, Marte,


Vénus, Baco, etc.

Forma Estilo narrativo sublime e majestoso. Em verso.


Acção Facto histórico contado pelo poeta.

Unidade Articulação harmoniosa dos episódios.

Variedade Conseguida através da inclusão de episódios reais e Episódios reais.


imaginários.
Integridade A acção deve ter princípio, meio e fim. Principio, meio e
fim.
Verdade O assunto deve ser real ou verosímil. Assunto real.