Вы находитесь на странице: 1из 1

SGT PM ALMEIDA

DECRETO Nº 3.266, DE 17 DE ABRIL DE 1984

Altera o valor da Gratificação de Serviço Ativo e de Indenização de Representação dos


integrantes da Polícia Militar do Estado.
O Governador do Estado do Pará, usando das suas atribuições constitucionais, e,
Considerando o disposto nos artigos 5º e 6º da Lei nº 5.022, de 05 de abril de 1982.

DECRETA:
Art. 1º - A Gratificação de Serviço Ativo, de que trata o artigo 5º da Lei nº 5.022, de 05
de abril de 1982 é devida aos policiais-militares nas condições especificadas na referida Lei e no
Decreto nº 2.181, de 12 de abril de 1982, nas seguintes percentagens:

I - trinta por cento (30%) a Gratificação de Serviço Ativo, Tipo I;


II - vinte por cento (20%) a Gratificação de Serviço Ativo, Tipo II.
Art. 2º - A Indenização de Representação, prevista no artigo 6º da Lei nº 5.022/82 é
devida aos
policiais-militares, nas condições estabelecidas no artigo 3º de Decreto nº 2.181/82 e nos valores
abaixo especificados:
I - Oficial Superior - cinqüenta por cento (50%) do Soldo do próprio posto;
II - Oficial Intermediário - trinta e cinco por cento (35%) do Soldo do respectivo posto;
III - Oficial Subalterno - trinta por cento (30%) do Soldo do respectivo posto;
IV - Oitenta por cento (80%) do Soldo de Coronel PM, para o cargo de Comandante Geral
da
PMPA
V - Dez por cento (10%) do Soldo do posto quando no exercício do cargo de Chefe do
Estado
Maior, Comandante de Unidade, Chefe de Seção do Estado-Maior Geral, Ajudante Geral, Diretor
de Organização Policial-Militar, Assistente do Comandante-Geral e Ajudante de Ordens do
ComandanteGeral;
VI - Cinco por cento (5%) do Soldo do posto ou da graduação quando no exercício das
funções de:
- integrante de Banda de Música;
- motorista, ordenança ou dispenseiro do Comandante-Geral ou do Chefe do Estado-
Maior. Art. 3º - Na aplicação do presente Decreto deverão ser atendidas todas as
disposições contidas
nas Leis nºs 4.491, de 28 de novembro de 1973 e 5.022/82 e bem assim no Decreto nº 2.181/82 e
demais dispositivos em vigor pertinentes ao assunto.
Art. 4º - Os efeitos financeiros do presente Decreto vigorarão, a partir de 1º de julho do
corrente ano, revogadas as disposições em contrário.

Palácio do Governo do Estado do Pará, em 17 de abril de 1984.

JADER FONTENELLE BARBALHO


Governador do Estado
ALDO DA COSTA E SILVA
Secretário de Estado de Administração
ARNALDO MORAES FILHO
Secretário de Estado de Segurança Pública

DOE 25.229, DE 18/04/84


BG Nº 0077/84

DECRETO Nº 3.266/84