Вы находитесь на странице: 1из 5

Escola Básica N.º2 de S.

Silvestre
Classificação
____________
A Professora:
Prova de Avaliação Escrita de Ciências Naturais ____________
Nome_____________________________________________ Enc. Ed.:
N.º ___ 9º Ano/Turma __ Data __/10/2010 ____________
I
1. Estabelece a correspondência correcta entre cada frase e uma das letras da chave:
A saúde é influenciada por factores:

Alguns indivíduos já nascem com determinadas doenças que herdaram dos


seus progenitores. ___

A- Sociais Um estilo de vida saudável, com uma alimentação equilibrada e a prática de


desporto, respeitam o equilíbrio do organismo e promovem o seu bom
B- Económicos
funcionamento, pelo que são consideradas atitudes promotoras de saúde. ___
C- Biológicos
Determinadas crenças religiosas e tradições culturais, podem ser fortes
D- Genéticos antagonistas à promoção de melhores condições de saúde. ___

E- Ambientais Em regiões do globo onde há mais poluição, verifica-se uma maior incidência
de determinadas doenças. ___

Nos países pouco desenvolvidos, muitas vezes, faltam meios eficazes para
resolver problemas de saúde e para erradicar determinadas doenças,
facilmente controladas nos países mais desenvolvidos. ___

2. Lê atentamente o texto seguinte:


A epidemia de cólera matou mais de 230 pessoas na Guiné-Bissau desde o princípio de Junho,
informaram as autoridades sanitárias de Bissau que registaram mais de 12 000 casos. Apesar do
abrandamento do número de novas pessoas infectadas, o número de vítimas mortais continua a
crescer diariamente. As autoridades sanitárias estão particularmente preocupadas com 20 doentes,
maioritariamente jovens que «fugiram» do hospital de Bissau sem terem recebido alta e que podem
provocar o recrudescimento da epidemia.
A cólera é uma doença provocada pela bactéria Vibrio cholerae. É facilmente transmissível e é típica
da falta de higiene e saneamento e está, em geral, relacionada com elevados níveis de pobreza e
subdesenvolvimento das estruturas urbanas. A sua característica marcante é a diarreia de fezes
líquidas e abundantes, incontroláveis, e que podem atingir mais de oito litros por dia, originando a
morte por desidratação aguda e severa.
Expresso, 7 de Setembro de 2005
2.1. Identifica o agente infeccioso para a doença cólera.

2.2. A cólera é considerada uma epidemia. Justifica a afirmação.

2.3. Sugere duas medidas de prevenção primária para a cólera.

2.4. Define saúde segundo a OMS.

1
3. Completa o texto:
“No estudo de saúde de uma determinada população, utilizam-se ________________ do
_____________ de _____________. Estes permitem fazer uma avaliação estatística sobre o
_____________ de ______________ da população em estudo.
A ____________ ____ __________________ ___________________ (TMI)
________________ com o desenvolvimento das populações. A esperança de vida
_______________ com o grau de desenvolvimento.
As doenças infecciosas, que são doenças ___________________ através de qualquer forma de
__________________, podem dividir-se em dois grupos: doenças que se podem prevenir
através da _________________, como, por exemplo, o sarampo, e doenças para as quais ainda
não existe vacina.
As doenças cardiovasculares afectam o ____________________ e/ou __________
_______________ ; estas doenças são uma das maiores causas de morte em vários países. São
factores de risco destas doenças, entre outros, o consumo de ___________ e o tabagismo.”

4. O quadro que se segue diz respeito à taxa de mortalidade infantil (valores em ‰).

a) Nova Meta calculada para Portugal Continental. (b) Luxemburgo,


Eurostat (2010).
ND – Não Disponível. Fonte: Elaborado por GIP/ACS com base nos dados disponibilizados pelo INE, 2010.

4.1. Indica a taxa de mortalidade infantil em Portugal em 2001.

4.2. Qual dos sexos apresenta maior taxa de mortalidade infantil em 2009?

4.3. Podemos afirmar que em 2009 a taxa de mortalidade infantil se afastou da meta prevista
no Plano Nacional de Saúde para 2010. Explica esta afirmação, com base nos dados.

2
5. Lê as falsidades relativas à segurança rodoviária que são ditas por muitos dos condutores
portugueses.

As afirmações que se seguem são argumentos para responder às personagens da figura. Atribui
a cada afirmação uma das letras.

 Os “bons condutores” devem coabitar com outros. A velocidade é a causa principal de


40000 acidentes por ano e está na origem de 35 % dos acidentes mortais. ___
 A mortalidade rodoviária depende da boa condução. Na Alemanha, apesar de a densidade
de tráfego nas auto-estradas ser 50% maior do que a nossa, os condutores são exemplares.
___
 As companhias de seguro determinam que um terço dos acidentes rodoviários depende da
potência do veículo. Um veículo mais potente incita a correr mais riscos. ___
 São raros os acidentes devido ao mau estado da estrada. Mais frequentes são aqueles em
consequência do mau estado dos veículos, como travões, etc. ___
 Portugal é um Estado de direito democrático. ___
 Apenas um quarto dos condutores implicados em acidentes rodoviários apresentaram taxas
de alcoolemia superiores à legal. A partir de 0,5 g de álcool por litro de sangue, qualquer
pessoa tem o seu comportamento afectado. ___

6. Observa o quadro seguinte, no qual se encontra registada a evolução da taxa de cura dos
doentes infecciosos, em Portugal, entre 1996 e 2000.
Anos 1996 1997 1998 1999 2000
Taxa de cura dos doentes infecciosos 74,2% 73,8% 82,0% 83,3% 85,0%

6.1. Como evoluiu a taxa de cura dos doentes infecciosos?

6.2. Apresenta algumas justificações para essa evolução.

3
7. Explica a relação entre a taxa de incidência de obesidade e o desenvolvimento de
um país.

7.1. Se fosses responsável pelo sector da saúde do país, que medidas tomarias para fazer
diminuir a percentagem de obesos?

8. Selecciona com um X a opção correcta que completa a frase:


As horas descontroladas passadas pelos adolescentes ao computador são consideradas
… factor de stress, logo são medidas promotoras da saúde.
… factor de equilíbrio biológico e psíquico, logo são medidas promotoras da saúde.
… factor de stress, logo são medidas comprometedoras da saúde.
… factor de equilíbrio biológico e psíquico, logo são medidas comprometedoras da
saúde.

II
Além do crescimento súbito, ocorrem outras alterações importantes na adolescência.
9. Dá dois exemplos de caracteres sexuais secundários típicos do sexo feminino.

10. Indica um carácter sexual secundário comum aos dois sexos.

11. Faz a correspondência entre cada afirmação e a chave seguinte:


CHAVE
Dimensão psicológica da sexualidade
Dimensão biológica da sexualidade
Dimensão sociocultural da sexualidade

Afirmações:
 Caracteres sexuais. _____________________________________________
 Inclui, por exemplo, os rituais de namoro e o tipo de casal.
_____________________________________________
 É determinada pelo facto de cada indivíduo nascer biologicamente sexuado.
_____________________________________________
 Inclui, por exemplo, sentimentos e fantasias. _____________________________________________
 Dimensão relacionada apenas com o assegurar da continuidade da espécie.
_____________________________________________
 Inclui, por exemplo, os costumes e a moral. _____________________________________________

BOM TRABALHO!!!
A professora Cristina Pinheiro

4
QUESTÕES Proposta de soluções
I 1. D; C; A; E; B
2.1. Bactéria Vibrio cholerae.
2.2. É uma epidemia porque afecta um grande número de pessoas numa
dada região (Guiné Bissau).
2.3. Campanhas de sensibilização para a higiene, vacinação e existência de
saneamento (entre outras medidas de prevenção primárias).
2.4. Saúde é o completo bem estar físico, mental e social e não apenas a
ausência de doença ou enfermidade.
3 … indicadores do estado de saúde ;
…estado … saúde;
… taxa de mortalidade infantil;
… diminui;
… aumenta;
… transmissíveis;
… contágio;
… vacinação;
… coração;
… vasos sanguíneos;
… álcool ou drogas ou excesso de gorduras (entre outros).
4.1 4,8‰
4.2 Masculino
4.3 A taxa de mortalidade infantil em Portugal Continental diminui de 4,8‰
em 2001 para 3,6‰ em 2009. No entanto, em 2009 a taxa de
mortalidade infantil afastou-se da meta prevista no Plano Nacional de
Saúde para 2010 (2,6‰). Entre 2008 e 2009 verificou-se um aumento de
3,3 para 3,6 óbitos infantis por 1000 nados vivos.
5 B; A; C; E; F; D
6.1 A taxa de cura dos doentes infecciosos aumentou de 1996 até 2000 para
85%, exceptuando-se o ano de 1997 em que diminuiu de 74,2% para
73,8%.
6.2 Podem ter contribuído: novos métodos de tratamento, novos
medicamentos, aumento das unidades de saúde, aumento do n.º de
médicos e enfermeiros, …
7 A taxa de incidência de obesidade é geralmente tanto maior quanto mais
desenvolvido é o país. Nos países desenvolvidos o poder de compra é
maior, ….
7.1 Campanhas de alerta para os perigos da obesidade, campanhas de
promoção de saúde, …
8 … factor de stress, logo são medidas comprometedoras da
saúde.
II 9. A resposta poderá incluir aumento dos seios, alargamento das ancas, …,
características típicas do sexo feminino.
10. Aparecimento de pêlos púbicos e nas axilas.
11. Dimensão biológica
Dimensão sociocultural
Dimensão biológica
Dimensão psicológica
Dimensão biológica
Dimensão sociocultural