Вы находитесь на странице: 1из 4

1

EXERCÍCIO 05

01. Sendo as matrizes M = (mij)2x3, N = (nij)axb, P = (pij)cx4, 2 4   1 2


Q = (qij)dxe, é possível determinar M + N, N x P e P - Q, 05. (ITA-) Sejam as matrizes A =  ,B=  ,Z
se: 0 4 0 4
0 0  1 0
a) b–a=c–d =   eI=  .
0 0  0 1
b) a = b = c = d = e = -1
c) b = a + 1, c = d = e = 4
d) a x b = 6, a + 1 = b = c = d = e = -1 Então temos:
a + c
e) b = c = d = a) BA = I
2 b) BA = AB
c) A = 2B
R=D d) AI = BZ
 x 8 y 6   7 16 e) n.r.a
02. (UFBA-) M =  , N =     são
10 y  12 x + 4 23 13 R=E
3 2
matrizes que satisfazem à igualdade M + N = P ; logo,
2 3 3 x + y + 4z = 0
y – x é: 
06. (UFBA-) Dado o sistema S = x + y + 3 z = b , con-
2 x + 3 y + z = 0
a) 6
b) 4 clui-se:
c) 2
d) -3 (01) ∆x - ∆ é divisível por 5, se b = -5.
7 (02) O valor de x no sistema pertence a Z, se b = -5.
e)
10 (04) ∆y = 0, se b = 0.
(08) O sistema admite a solução (0,0,0), se b = 0.
R=B (16) Sendo M a matriz dos coeficientes das icógnitas de
1 x 1 2 
  3 0   
03. (UFBA-) 2 13 x  =  S e C = 1 , então M. C não está definido.
 para todo x pertencente
1 3 0  
2 x 3

a: (32) Se M é a matriz dos coeficientes das icógnitas, S. e


− 2 − 1 0 
a) {1,6}   t
B é a matriz  3 4 5  , tem-se M – 2B =
b) {1,7}  2 0 2
c) {1,-7}
d) {-1,7} 7 3 2 
e) {-1,-7}  
 − 5 − 7 − 13
 0 3 − 3 
R=D

04. (UFBA-) O elemento a23 da matriz inversa de R = 61


1 0 1
  3 2  3 2  x
2 1 0  é: 07. (UFBA-) Sendo A =  , B =     en-
0 1 1  2 − 3  2 − 3  y
tão:
a) -1
1 x
b) − (01)   é uma matriz linha.
3 y
c) 0 (02) A ordem da matriz B é 1 x 2.
2 (04) A operação A + B não está definida.
d) (08) A soma da matriz transposta com a simétrica da
3
e) 2 matriz A é uma matriz simétrica.
2
(16) A = 13I2 é a matriz identidade de 2ª ordem.
R=D
2
(32) O valor de x que verifica o sistema AX = B, onde X = R=D
x 10 
 eB=   é 6. 13. (UFBA-) Seja a matriz A = [ar,s]3x4, onde cada ar,s = (r
y 24 2
+ s) . Calcule a soma dos elementos de A que satisfazem
à condição r > s.
R = 56
R = 50
 2 3 2
08. (UFBA-) O determinante associado à matriz  
y 2 1 14. (UFBA-87) Sejam as matrizes A =  0 5 0  e B =
  − 3 6 1
0 2y − 1 é igual à maior das raízes da equação
4 3 2  5 8 − 3
 
|10 + x | = 2. Determine o menor valor de y.  − 7 − 4 2  . Calcule o módulo do determinante as-
 2 3 − 1
R = 00 t
sociado à matriz A – B.

 0 2 y R = 86
 
09. (UCS-) Se a matriz log 2 x 0 z 2  é simétrica, o
 3 2z 0  x + + y + z = k

valor de x + y + z é: 15. (UCS-) O sistema  x + z = k , nas variáveis x, y
 z=k
a) 0 ou 2
e z.
b) 4 ou 6
c) 7 ou 3 a) é impossível, para todo k real.
d) 5 + 3 ou 7 + 3 b) é impossível.
c) é possível e determinado, para todo k real.
e) 4 + 3 ou 6 + 3 d) admite apenas a solução trivial.
e) é impossível, se k ≠ 0.
R=E
3 −1 R=C
10. (UFBA-) Dadas as matrizes A =  e B =  x + 2 y + z = 10
4 2  
16. (UFBA- O sistema  3 x + 4 y = 12 é indeterminado
2 0  t -1
  , considere a matriz X tal que X = A . B – 6B 4 x + 2 y + az = b
0 − 2 
para algum valor de a e b.
Sabendo-se que o traço de uma matriz quadrada é a
soma dos elementos da sua diagonal principal, determine Calcule | a + b |
o traço da matriz X.
R = 19
R = 02
17. (UFBA-) Dadas as matrizes A = (aij)2x2 e B= (bij)2x2,
3 x + 5 y = 1  2 3 −1 0
sendo A =   e B=   , pode-se afirmar:
  − 1 4   2 1
11. (UFBA-) O sistema 2 x + z = 3 é impossível
5 x + py − z = 0
(01) O produto da matriz M = [2 – 1] pela matriz A é a
para um número real p. Determine m = 3p.
 4 −3 
matriz  .
R = 35 − 2 − 4
(02) A soma da matriz A com a matriz transposta de B é
3 2 1  1 5
  a matriz  
12. (UCS-) O determinante da matriz 2 4 b  é igual: − 1 5
3 a 1 (04) A matriz C = (cij)2x2, onde cij = aij, se i = j e cij = bij,
2 0 
se i ≠ j é  
a) (b + 1)(3a + 4) 2 4 
b) (3a – 1)(b – 4)
a −3 
c) (3b + 2)(a + 2) (08) A matriz M =   é simétrica da matriz A, se
d) (2 – a)(3b – 2) 1 − b
e) (b – 1)(3a - 4) a = -2 e b = 4.
3
(16) A soma dos termos das matrizes A = (aij)2x2 e B = 23. (UCS-) Sejam A e B matrizes quadradas de ordem 3
(bij)2x2, tais que i < j é 5. tais que A = 2. B Nestas condições, é correto afirmar que:

(32) O determinante da matriz B é igual a 2. a) det A = 2 . det B


−1 0 b) det A = 3 . det B
(64) A matriz inversa da matriz B é  . c) det A = 5 . det B
 2 1 d) det A = 6 . det B
e) det A = 8 . det B
R = 78
-1 t
R=E
18. (UFBA) Seja X uma matriz 2 x 2 tal que A (X )B = A.
3 0  2 0  24. (UCS-) Seja M a matriz quadrada de 3ª ordem, em
Sabendo-se que A =  eB=   , calcule det(X). que aij = 2i – j. O determinante de M é igual a:
2 2  0 1
a) -8
R = 18 b) -1
c) 0
19. (UFBA-) Calcule o valor de k para que o sistema d) 10
(1 − k)x + y + z = 0 e) 12
 2
2x + (2 − k)y = 2z − k + 5k = 4 seja homogêneo e inde-
 x + y + z - kz = 0
 R=C
terminado. 1 1 −1
25. (UCS0) O determinante m − 1 3 é igual a -20, se
R = 04
1 m 4
20. (UCS-) O determinante da matriz A = (aij)3x3 onde m for igual a:
i − j se i ≤ j
 é igual a: R=B
i + j se i > j
26. (UFBA-) Considerando o sistema a seguir
a) -32 x − z = 1
b) -26 
c) -22 kz + y + 3z = 0
d) 26 x + ky + 3z = 1
e) 34
(01) Se k = 2, então o sistema é determinado.
R=B
(02) A matriz transposta da matriz completa é
21. (UFBA-) Calcule o determinante da matriz
1 k 1
1 0 2 −1   
  0 1 k
2 1 3 − 2  . − 1 3 3
0 0 2 3   
   1 0 1
1 − 1 0 2 
(04) O elemento a23 da matriz principal A = (aij)2x3 é 3.
R = 15 (08) O produto da matriz [1 2 0 -1] pela matriz completa é
1 0 0 − 1
x + 2y + z = 10  
 a matriz k 2 0 0 
22. (UCS-) Para que o sistema linear 3x + 4y = 12 te- 1 2k 0 − 1
4x + 2y + az = b
 2 0 − 1
nha solução única a e b, devem satisfazer as seguintes  
condições. (16) A soma da matriz  0 2 − 2 com a matriz princi-
− 1 0 − 1
a) a ≠ 5 e b ≠ 14
b) a ≠ -5 e b ∈ R 3 0 − 2
 
c) a = 5 e b = 14 pal é a matriz k 3 1  .
d) a = -5 e b ≠ -14 0 k 2 
e) a ∈ R e B = -14
R = 23

R=B
4
 1 2 a1 a1 a1 a1 a4 a4 a4 a4
 
27. (UFBA-) Considere as matrizes A = 1 1 e B = a2 a2 a2 a2 a3 a3 a3 a3
(08) =
2 1 a3 a3 a3 a3 a2 a2 a2 a2
3 − 1 a4 a4 a4 a4 a1 a1 a1 a1
 
2 0  . Sabendo-se que X é uma matriz simétrica e
3 1   a1 b1 c1  a1 - a 2 b1 - b 2 c 1 - c 2
 
(16) a 2 b2 c 2  = a2 - a3 b2 - b3 c 2 - c 3
que AX = B, determine 12y11 - 4y21, sendo Y = (yij) =
-1
X . a 3 b3 c 3  a3 b3 c3

R = 04 (32) Se A é uma matriz inversível, então det A . det(A ) =


-1

-1.
28. . (64) Se A e B são matrizes n x n, então det(A + B) = det
A + det B.

R = 18
 2 − 1
  −1 2 3  31. (UFBA-)
29. (UFBA-) A = − 2 2  ; B =  ; C =
 2 1 1
 0 1
1) Apenas as afirmativas I, II e IV são verdadeiras.
−1 a  2) Apenas as afirmativas I, III e IV são verdadeiras.
  , com a = det(A.B) 3) Apenas as afirmativas I, III e V são verdadeiras.
 3 6 4) Apenas as afirmativas I, III e V são verdadeiras.
5) Apenas as afirmativas II IVe V são verdadeiras.
Considerando as matrizes acima, pode-se afirmar:
Considere as matrizes
(01) A . B é a matriz inversível.
(02) | det C | + det(A . B) = 6  1 2
(04) A . B + B . A = I, sendo I a matriz identidade de or-  
dem 3. A = (aij)3x2 = 1 0  .
t -1
(08) det(C ) : det(C ) = 36 0 1
t
(16) A matriz C + C é simétrica.
x
(32) Sendo X =   , B1, a matriz formada pela 1ª coluna a ij se i = j
y B = (bij)2x3, sendo bij = 
-1
de B e CX = B1, tem-se que x . y = -6. a ij se i ≠ j

R = 58 1 1
C=   uma matriz simétrica.
x 0
30. (UFBA-) Com base nas propriedades dos determinan-
tes, pode-se afirmar:
Indique as afirmativas verdadeiras:
 a1 b1 c1  2a 1 2b 2 2c 3  I. A soma dos elementos da diagonal principal de C
-1
   
(01) a 2 b2 c2  = 2a 1 2b 2 2c 3  tem módulo 1.
t t
a 3 b3 c 3  2a 1 2b 2 2c 3  II. Existe a matriz S = B . A + C.
2 4 
t  
(02) III. A + B = 2 0  e BA é uma matriz quadrada.
2 3 4 5   1 1 1 1  1 2 3 4 0 2
      IV. Det(AB) = 0
a1 b1 c1 d1  a1 b1 c1 d1 a1 b1 c1 d1 
= +
a2 b2 c 2 d2  a2 b2 c2 d2  a2 b2 c2 d2 
      1 1 0
a3 b3 c 3 d3  a3 b3 c3 d3  a3 b3 c3 d3  V. B =   e x = -1.
2 0 1
 1 1 1 1 
  R = I, III, IV
10 10 10 10 
(04)  2
6
=10
10 10 2 10 2 10 2 
 3 
10 10 3 10 3 10 3 