Вы находитесь на странице: 1из 38

NOÇÕES DE HIDRÁULICA

HIDRÁULICA PREDIAL

É a matéria que trata da condução d’água através de canalizações, equipamentos e dispositivos para atender
necessidades de higiene, consumo e aplicações sanitárias.

1
SISTEMA DE ABASTECIMENTO

A instalação predial de água fria pode ser alimentada por:

Rede pública de abastecimento. Ex. cidades.

Rede privada (quando não ocorre caso anterior). Ex. área rural.

2
SISTEMA DE DISTRIBUIÇÃO

A instalação predial de água fria pode ser alimentada por:

Indireto, sem bombeamento:

Indireto, com bombeamento:

Direto:

3
No manômetro teremos 10mca = 1Kgf/cm2 de pressão estática

4
PRESSÃO ESTÁTICA X ALTURA DA COLUNA:

Pergunta-se: Onde temos mais Pressão Estática?

Pressão hidráulica: é uma determinada força (altura de ponto de caixa d’água)


exercida sobre uma determinada área (altura do tubo). Na hidráulica temos dois tipos de pressão:

A Pressão Estática é a pressão medida quando a água está parada, sem se movimentar nas tubu-
lações, portanto a pressão é igual nas duas ilustrações, pois temos a mesma altura de coluna (A=B).
Ela é função da altura da coluna e não função do peso da água existente no recipiente, isto é, quanto
maior for a altura da coluna, maior será a pressão estática e vice - versa.

LEMBRETE
ASSIM,PODEMOS AFIRMAR QUE NÃO
É POSSÍVEL AUMENTAR A PRESSÃO “A Classe de Pressão indicada nos
ESTÁTICA SEM AUMENTAR A ALTURA folhetos da instalação de nossos
DA COLUNA produtos, refere-se a Pressão Estática.”

5
PRESSÃO DINÂMICA (PD)

“Entende-se neste trabalho a pressão dinâmica como a pressão de uso”. É a pressão d’água quando está em
movimento. Esta pressão é determinada pela forma construtiva do projeto hidráulico Isto quer dizer que o diâmetro (Ø)
da tubulação, desvios, as peças de utilização são responsáveis pela maior e ou menor pressão dinâmica.

A pressão de uso é a resultante da pressão estática menos a perda de carga (PD=PE-AP).

Vejamos o exemplo:

Pergunta-se: Onde temos maior Pressão Dinâmica?

Mesmo a altura sendo igual nos 3 casos (portanto, a Pressão Estática inicial é igual),a maior Pressão Dinâmica
localiza-se na fig.1, pois a bitola da tubulação é maior e possui menor número de desvios (menor perda de carga).
Ver item Perda de Carga.
NOTA – Para se conhecer o valor das pressões Estática e Dinâmica no ponto de utilização do produto pode-se utilizar
cálculos apropriados ou efetuar medições no local com manômetro.

IMPORTANTE: Recomenda-se seguir sempre o projeto hidráulico feito por profissional habilitado, pois o mesmo prevê
estas variáveis.

6
PERDA DE CARGA (AP)

É o atrito sofrido pelo fluxo d’água na tubulação, conexões e peças de utilização.

PERDA DE CARGA = PRESSÃO ESTÁTICA - PRESSÃO DINÂMICA (AP = PE – PD)

7
Perda de carga localizada

Perda de carga ao longo da tubulação

8
Vazão

É o volume de água que flui nem determinado período de tempo. Os valores podem ser expressos em litros
por segundo (l/s); litros por minuto (l/min); metros cúbicos por hora (m3/h).

Velocidade

É a distância percorrida pela água em um determinado período de tempo. Normalmente expresso em


metros por segundo (m/s).

Obs.: Alta velocidade é prejudicial para a pressão dinâmica, por aumentar a perda de carga e níveis de ruído.

9
Pergunta-se: Onde temos maior vazão (Q’)? Onde temos maior velocidade (V)?

Volume de descarga

É a quantidade de água descarregada por um produto, durante um ciclo de operação. Sua unidade de medida é litro (l)
ou metro cúbico (m3).

Retrossifonagem

É o retorno casual para a rede hidráulica de águas servidas, pelo efeito de diferença de pressão,
provocando a contaminação.

10
Golpe de Aríete

O nome “Golpe de Aríete” provém de uma antiga arma de guerra, formada por um tronco com uma peça de bronze
semelhante a uma cabeça de carneiro numa das extremidades, que era usado para golpear portas e muralhas,
arrombando-as.

Fenômeno semelhante ocorre nas instalações hidráulicas quando a água ao descer em velocidade pela tubulação, é
bruscamente interrompida. Os equipamentos de instalação ficam sujeitos a golpes de grande intensidade (elevação
súbita da pressão).

Explicando: Se um liquido, ao passar por uma calha, tiver sua corrente bruscamente interrompida, seu nível subirá
rapidamente passando a escorrer pelos lados. Se tal fenômeno for observado dentro de um tubo, o líquido, não tendo
por onde sair provocará um aumento rápido e excessivo da pressão contra as paredes do tubo, causando sérias
conseqüências na instalação.

11
VÁLVULA DE DESCARGA

Definição

Aparelho hidráulico destinado a permitir a descarga de água na vazão adequada para promover a limpeza de bacias
sanitárias, mediante acionamento manual e fechamento automático.

Histórico

Porque foi desenvolvida

Por necessidade do mercado brasileiro, nasceu a primeira Solução para o Planeta Água. Na década de 70 os modelos
existentes no mercado apresentavam o golpe de aríete - fechamento brusco do fluxo de água. Não podendo vender
tubos de PVC para a instalação com aquelas válvulas de descarga, a Tigre procurou a Docol para em parceria
desenvolver uma válvula que não apresentasse este problema. Começa aí o excepcional trabalho de desenvolvimento
da válvula de descarga Docol.

Quando foi lançada

A Docol em parceria com uma empresa alemã desenvolve e lança em 1976 a primeira Válvula de Descarga (VD) do
mercado nacional isenta do Golpe de Aríete, possibilitando a expansão do PVC no mercado nacional.

Prêmio Inovações Tecnológicas - Na primeira edição do Prêmio Inovações Tecnológicas concedido pela ANAMACO
(Associação Nacional dos Revendedores de Material de Construção). As revendas de todo o Brasil escolheram a
Válvula de Descarga Docol, lançada no mercado há mais de 20 anos, tamanha a importância, qualidade e inovação da
tecnologia Docol.

12
Características Técnicas

Classe de Pressão Tempo de Volume de


Bitolas
(m.c.a) Fechamento Descarga
VD 1” 1/2 1,5 a 15
4 a 8 seg. Ajustável
1” 1/4 10 a 40

Aplicação

Válvula de Descarga 1½ - Dentro das classes de pressão 1,5 mca até 15 mca, ou seja, casas térreas, sobrados e os
três últimos pavimentos de um edifício.

Válvula de Descarga 1 ¼ - Dentro das classes de pressão 10 mca até 40 mca, ou seja, edifícios exceto os três últimos
pavimentos.

Casas térreas,
Edifícios, sobrados
exceto os 3 últimos e os últimos 3
andares pavimentos de edifícios.

Instalação

As válvulas de descarga Docol podem ser instaladas em qualquer tipo de tubulação normatizada (PVC, F.F.,
Galvanizada, etc.). Observar se a tubulação e reservatórios estão limpos, verificando as prumadas (coluna de água) em
todas as direções para então fazer a instalação do produto.

13
Quando a válvula estiver instalada em ramal derivado de coluna que distribui água em diversos andares, a coluna deve
ser provida de tubo de ventilação, de mesma bitola, ligado após o registro geral.

Tubo de Ventilação

Válvula de Descarga
Registro de Gaveta

Instalação da Válvula de Descarga

Na seqüência apresentaremos os componentes da válvula de descarga Docol e sua instalação passo a passo.

Capa de Proteção

Componente plástico descartável com a finalidade de:

1. Proteção contra a entrada de detritos ou massas na região


da tampa frontal.
2. Orientar a profundidade de instalação. O revestimento final
da parede deverá ficar sobre as faces laterais da capa.
3. Orientar o recorte dos revestimentos final da parede ao redor
da mesma.

14
Registro Integrado

• Fechamento para manutenção:

Na VD Docol não é necessário a instalação do registro de gaveta acima da válvula, pois o registro integrado é quem faz
o fechamento para se realizar a manutenção, reduzindo peças e custo na hora da instalação e facilitando a manutenção.

• Regulagem do volume de água na descarga:

Girando-se a chave de regulagem do registro integrado, obtem-se a vazão ideal de acordo com a pressão hidráulica
existente e o tipo de louça, resultando em uma boa performance e economia de água.

Após a regulagem, mantenha a chave na posição horizontal.

• Para a esquerda – Maior volume de água.


• Para a direita – Menor volume de água.

OBS.: O registro integrado vem fechado de fábrica

Regulagem da Vazão

Transcrição da norma: Bacia sanitária – Verificação de funcionamento.

• Cortar sete tiras de papel higiênico, tendo cada uma delas o comprimento de 87 cm. O papel higiênico deverá ser do
tipo comum com aproximadamente 5mm de largura, com tempo de absorção de água igual a 5 segundos.
• Preparar a carga de ensaio amassando cada uma as tiras de modo a formar sete bolas de papel de aproximadamente
3 cm de diâmetro.
• Verificar se o fecho hídrico está completo.
• Com o fecho hídrico completo, colocar a carga de ensaio no poço da bacia e acionar o aparelho de descarga.
• Deverão ser removidas cinco bolas de papel, ficando na bacia apenas duas (NBR6452).

15
OBS: Este ensaio realizado com tiras de papel higiênico tem como finalidade regular a vazão de um sistema de
descarga, tornando-o eficiente e evitando o uso excessivo da água. É importante ressaltar que para o perfeito
funcionamento de qualquer sistema de descarga, não se deve levar em consideração apenas o produto que é acionado
(válvulas ou caixas de descarga), mas sim todo o sistema hidráulico ao qual ele está ligado.

Deve ser observado:

• Se os produtos estão instalados dentro da classe de pressões previstas pelo fabricante.


• Bitolas, instalações e dimensionamento das tubulações e conexões.
• A correta regulagem da vazão para a Válvula de Descarga.
• Utilização de vasos sanitários de descarga reduzidos ou econômicos já comercializados no mercado nacionais.

Alguns modelos possuem uma descrição do tipo 1.6 gpf/6 lpf (1.6 galões por fluxo ou 6 litros por fluxo), ou seja, para
executarmos a limpeza destes vasos, só necessitamos de no máximo 6 litros de água.

• Verificar se foi previsto ventilação do tubo de alimentação e do esgoto para favorecer a sifonagem do vaso sanitário.
• Verificar se foi prevista a ventilação do esgoto, favorecendo a sifonagem do vaso sanitário. (verificar instalação).

16
Instalação Passo a Passo

7
1º Passo:
2 4 6
Verificar ferramentas necessárias 1 3
para instalação da válvula
de descarga.

1. Válvula de descarga
5
2. Vedante
3. Fita veda-rosca
4. Caneta ou lápis
5. Lixa
6. Chave de cano
7. Serra
8. Trena 9
9. Tubo de descarga
8

2º Passo:

Deixar a extremidade do tubo livre


para a instalação da válvula de
descarga antes de embutir (fixar)
o tubo.

3º Passo:

Deve-se selar a rosca com fita


veda-rosca aplicada na rosca
do adaptador.

17
4º Passo:

Fixar o adaptador já com fita


veda-rosca na válvula de descarga
apertando-a posteriormente com a
chave de cano.

5º Passo:

No intuito de preencher os requisitos


ergonômicos, a válvula de descarga
deve ser instalada a uma altura de
aproximadamente 1,10m do chão
ao centro da mesma (verificar altura
em que o piso irá ficar depois de
pronto). Utilize uma fita métrica
(trena) e uma caneta para marcar
a altura correta no tubo. Depois de
realizado a marcação, com o auxilio
da serra corte o excesso de tubo.

6º Passo:

Use adesivo plástico para tubo de


PVC para unir o adaptador com a
válvula de descarga, tendo certeza
de que eles estejam alinhados com
a parede.

18
7º Passo:

O tubo está pronto para receber


o reboco e ser fixado junto com a
válvula de descarga. A parte inferior
da válvula de descarga deverá
permanecer com o tampão de
proteção que acompanha o produto
e livre para depois ser instalado o
tubo de descarga.

8º Passo:

Agora a válvula de descarga está


fixa e rebocada deixando um espaço
aberto para instalar o tubo de
descarga.

9º Passo:

Com o vaso sanitário devidamente


alinhado, marque onde o tubo
de descida deve ser cortado.
Corte o tubo onde foi marcado
anteriormente.

19
10º Passo:

Una e cole o cotovelo azul no final


do tubo. Não esqueça de colocar
primeiro a porca de acoplamento
que acompanha a válvula de
descarga Docol entre o encaixe do
cotovelo e o final do tubo.

11º Passo:

Introduza o tubo na saída da válvula


de descarga e parafuse a porca,
apertando até o final.

12º Passo:

Introduza o tubo cromado no


cotovelo azul e depois no vaso
sanitário (para facilitar, pode-se usar
um pouco de vaselina).

20
13º Passo:

Antes de colocar o acabamento, recomendamos um


acionamento para limpeza da tubulação:
• Com o registro integrado fechado, acione a válvula.
• Mantendo acionada, gire a chave da VD no sentido anti-
horário até a abertura total.
• Continue acionando por alguns segundos para que toda
a sujeira saia da tubulação.

14º Passo:

A instalação está completa. Antes de fechar a parede com


cimento e azulejo, teste o sistema para checar se não existe
nenhum vazamento.

15º Passo:

Ajuste da vazão conforme item Regulagem de Vazão.

Instalação de Acabamentos

A Docol possui uma grande variedade em acabamentos atendendo as diversas necessidades do mercado. Todos os
acabamentos para VD Docol se adaptam as bases de 1½” e 1¼”.

E para iniciarmos a instalação dos acabamentos precisamos ajustar o parafuso fixado na extremidade do eixo como
podemos ver na figura abaixo.

Parafuso de
ajustagem
e contra porca

Esta regulagem evita dois problemas.


1. Muito folgado – pouca vazão.
2. Muito justo – vazamento para o vaso.
OBS.: Importante o aperto da contra-porca do parafuso de ajustagem para que não haja a desregulagem do parafuso.

21
Acabamentos

Acabamento para Válvula de Descarga Clássica Salvágua

Para economizar ainda mais água a Docol desenvolveu o acabamento Salvágua:


• Proporciona uma redução de até 30 % no consumo de água, quando utilizada para líquidos.
• Pode ser instalado em qualquer VD Docol já instalada, não necessitando a troca de reparo ou a desmontagem da VD,
somente é necessária a troca de acabamentos.
• Não é necessário quebrar a parede.
• Economia de água, material e mão-de-obra.

Fabricada em latão e plásticos de engenharia, proporcionando resistência e beleza ao produto.

Acabamentos disponíveis:

Chrome/Chrome Chrome/Bege Chrome/Black

Instalação do Acabamento:
1º Passo:

Retire a fita adesiva do batente e fixe-o na parede.


Conforme figura ao lado.

Atenção: O batente deve ficar alinhado com o furo


existente na válvula.

O batente deve ser instalado sempre no lado


equerdo, olhando de frente para a válvula. Se
utilizar do lado direito, não terá os dois tipos de
acionamento, será apenas o acionamento parcial.

2º Passo:

Rosqueie os prisioneiros no corpo da válvula.

3º Passo:

Assente e fixe a canopla sobre os azulejos,


rosqueando os nipels.

22
Acabamento para Válvula de Descarga Especial Salvágua

Para que o preço não seja um obstáculo para a economia de água a Docol lançou as opções de Acabamento Especial
que proporcionam também até 30% de economia podendo ser instalado em qualquer VD Docol já instalada, não
necessitando a troca de reparo ou a desmontagem da VD, somente é necessária a troca de acabamentos.

Fabricada em latão e plásticos de engenharia, proporcionando resistência e beleza ao produto.

Acabamentos disponíveis:

Amarelo Terra Gelo Polar Cinza Pérola Marfim

Instalação do Acabamento:

1º Passo:

Retire a fita adesiva do batente e fixe-o na parede.


Conforme figura ao lado. O batente deve ficar
alinhado com o furo existente na válvula.

2º Passo:

Assente a canopla sobre os azulejos.

3º Passo:

Fixe-a rosqueando os parafusos de fixação no corpo


da válvula.

4º Passo:

Coloque os botões.

23
Acabamento para Válvula de Descarga Square Salvágua

Acabamento que também possui dois acionamentos como os acabamentos Clássico e Especial Salvágua
proporcionando economia em dois toques, aliando funcionalidade e desenho diferenciado em um único acabamento.
Este é o acabamento Square, novo design, moderno e elegante. Pode ser utilizado em todas as bases VD Docol já
existentes.

Acabamentos disponíveis:

Chrome/Chrome

Instalação do Acabamento:

1º Passo:

Fixe a base na válvula com os parafusos.

2º Passo:

Encaixe a tecla na base. Veja detalhe.

3º Passo:

Monte a canopla na base até encaixar as travas


laterais e da parte inferior.

24
Instalação do Acabamento Clássico

Acabamento fabricado em latão e plásticos de engenharia (ABS), proporcionando qualidade e resistência ao produto.
Desenvolvida para combinar com os metais do ambiente. Possui 4 opções de acabamento para sua escolha.

Acabamentos disponíveis:

Chrome/Chrome Chrome/Bege Chrome/Black Dourado/Dourado

Instalação do Acabamento:

1º Passo:

Rosquear os prisioneiros(A) no corpo da válvula.

2º Passo:

Assente a canopla(C) sobre os azulejos.

3º Passo:

Encaixe os niples(B) na canopla(C) e aperte os


mesmos nos prisioneiros(A) até que a canopla(C)
esteja fixada.

25
Instalação do Acabamento Especial

Canopla de plástico de engenharia de excelente qualidade, com cores que combinam com louças e revestimentos,
possui 4 opções de acabamentos.

Acabamentos disponíveis:

Amarelo Terra Gelo Polar Cinza Pérola Marfim

Instalação do Acabamento:

1º Passo:

Assente a canopla(C) sobre os azulejos.

2º Passo:

Rosquear os parafusos(A) no corpo da válvula


até que a canopla(C) esteja fixada corretamente.

3º Passo:

Encaixe os tampões(B) na canopla(C) para


esconder os parafusos(A).

26
Instalação do Acabamento Luxus

Com um design arredondado, que integra canopla e tecla de acionamento numa única peça dando maior harmonia
visual. Esta linha possui 2 opções de acabamentos que combinam com toda linha de metais Docol.

Acabamentos disponíveis:

Chrome Dourado

Instalação do Acabamento:

1º Passo:

Assente o suporte(A) sobre os azulejos.

2º Passo:

Rosquear os parafusos(B) no corpo da válvula


até que o suporte esteja fixado corretamente.

3º Passo:

Fixar a tecla(C) no suporte(A).

27
Instalação do Acabamento Antivandalismo

Acabamento Antivandalismo para válvula de descarga Docol, pode ser instalada em qualquer válvula de descarga Docol
existente no mercado. Desenvolvido para a instalação em locais com grande fluxo de pessoas e têm como pontos fortes
a durabilidade, robustez e grande resistência a depredações.

• Primeira opção no mercado de acabamento para válvula de descarga apropriado para ambientes públicos.
• Resistente e durável.
• Componentes totalmente embutidos, dificultando a depredação e o furto de peças.
• Aplicação: banheiros públicos, escolas, estádios de futebol, clubes, indústrias e áreas comuns de condomínios.

Acabamentos disponíveis:

Chrome

28
Instalação do Acabamento:
1º Passo:

Remover a chave do registro integrado da


válvula de descarga e colocar a chave(B) que
acompanha o acabamento.

2º Passo:

Ajustar a altura do parafuso de ajustagem com a


ajuda do gabarito.

3º Passo:

Assentar flange(E) sobre os azulejos e fixá-lo ao


corpo da válvula com os parafusos(C).

4º Passo:

Encaixar parafusos(D) na lateral do flange(E).

5º Passo:

Assentar canopla e botão(A) no flange(E) e com


a chave(F) apertar os parafusos(D) para fixação
da canopla e botão(A).

29
Instalação do Acabamento Benefit

Pensando em facilitar o dia-a-dia de pessoas com dificuldades motoras, idosos e crianças, a Docol desenvolveu
o acabamento para a válvula de descarga. O acabamento apresenta soluções inovadoras que, com certeza, vão
proporcionar muita praticidade aos usuários.

• Design inovador que oferece muita praticidade e mais higiene aos usuários.
• A alavanca facilita o acionamento do produto.
• Ideal para portadores de dificuldades motoras, idosos e crianças.
• Acabamento para VD, serve em qualquer VD Docol.

Acabamentos disponíveis:

Chrome

Instalação do Acabamento:

Este acabamento é instalado conforme orientações de instalação do acabamento Antivandalismo.

30
Características e Benefícios da VD Docol

Características Benefícios

Fechamento suave que evita o golpe de aríete. VD Docol é a


primeira VD do mercado nacional isenta deste problema.

Sistema Hidromecânico Em casos de falta d’água nas residências, a VD mantêm-se fechada,


evitando o desperdício.

Suavidade no acionamento.

Fechamento da VD no sentido do fluxo


Maior durabilidade dos componentes.
da água

Permite o fechamento para realizar eventuais manutenções.

Registro Integrado
Regula o volume de água por acionamento de acordo com o
consumo do vaso sanitário proporcionando economia de água.

Cada bitola está adequada às classes de pressões existentes,


Bitolas de 1½” e 1¼”
proporcionando maior durabilidade.

Facilita a compra do reparo, pois o consumidor apenas tem que


Dois tipos de reparos 1½” e 1¼”
saber se a válvula é de 1½” ou de 1¼”.

Possui capa de proteção Orientar a instalação e proteger a VD.

Variedade de acabamento Maior opção de escolha, utilizando à mesma base de VD Docol.

31
Sistema Hidromecânico

Este sistema atua com duas forças, a “hidro”, da pressão da água e a “mecânica”, da mola inox, localizada na parte
externa do produto. Desta forma o produto permanecerá sempre fechado, mesmo que a válvula seja acionada com falta
de água.

A válvula de descarga Docol funciona em 3 estágios:

Estágio 1- V.D. fechada

A água na câmara de compensação pressiona o pistão contra


a sede mantendo a válvula fechada. A água na câmara é
mantida através do anel de vedação do eixo puxando
pela mola contra o pistão.

Estágio 2 - Início da Abertura

No início do movimento de abertura ocorre o “alívio” na câmara


pelo deslocamento do eixo e conseqüente recuo do anel de
vedação fixado a ele. A água da câmara começa a sair entre o
pistão e o eixo, possibilitando o recuo do pistão. Este sistema
de abertura é denominado por acionamento hidromecânico, que
permite a abertura da válvula através de duas forças simultâneas:

• Força hidráulica (Pressão da água)


• Força mecânica (Pressão manual)

Este sistema garante a abertura total da válvula, independente da


pressão de trabalho, e o fechamento suave, isentando o produto
do Golpe de Aríete.

Estágio 3 - Fechamento

Ao liberar a tecla de acionamento, a mola que se encontra


pressionada puxará o eixo para frente, fechando o alívio. A água
passará pelo interior da válvula de descarga e simultaneamente
realimenta a câmara de compensação, através dos canais injetores
para o retorno do pistão. O fechamento processa-se de forma suave,
eliminando “o golpe de aríete, através do dispositivo em borracha de
silicone, montado no pistão, chamado anel de silicone”.

32
Componentes do Produto
7
# Componente
1 Tampa Frontal 1
2 Chave 8
5
3 Mola
4 Parafuso de Ajuste 4
5 Nipel 2
6 Porca
7 Corpo
8 Cilindro
9 Eixo 3
9
10 Pistão
11 Sede 10 11

6
Corpo
É a parte externa do produto.

Registro Integrado
Cilindro de plástico de engenharia que tem a função de regular a vazão e bloquear o fluxo de água, dispensando o uso
do registro de gaveta na linha de alimentação.

Câmara de Compensação de Pressão


É o espaço formado pela parte posterior do pistão e o interior do cilindro.

Pistão
Elemento que pelo seu movimento alternativo comanda a abertura e o fechamento do fluxo de água através da Válvula
de Descarga.

Tampa Frontal
Elemento fixado no corpo que possibilita a montagem e desmontagem dos componentes internos da Válvula de
Descarga, como: pistão, sede, eixo, vedantes, etc.
• Retentor Bilabial - Tem a função de vedação entre a tampa frontal e o eixo.
• Nipel - Suporte do retentor.

Sede
Componente substituível responsável pela vedação da Válvula, quando o pistão encontra-se na posição de repouso.

33
Manutenção

Antes de iniciar a desmontagem do acabamento deve-se tampar o vaso sanitário (baixar a tampa) para evitar que as
peças caiam em seu interior.

1º Passo:

Retire o acabamento da válvula de descarga


removendo os parafusos.

2º Passo:

Soltar os dois prisioneiros das orelhas da válvula


e o parafuso de ajustagem.

3º Passo:

Fechar manualmente o registro integrado, girando a chave


de regulagem para a direita até o seu fechamento total
(não force). Acione a válvula de descarga para verificar
a existência de possíveis detritos que dificultem
a completa vedação.

4º Passo:

Retirar a chave e a mola. Para desencaixar a chave


de regulagem do eixo, pressione e desloque a mesma
para o lado.

34
5º Passo:

Retirar a tampa frontal da válvula de descarga utilizando


ferramenta adequada. Com a tampa frontal solta, retire o conjunto
interno puxando-o pelo eixo, com movimentos laterais.

6º Passo:

Para trocar o pistão:


Retire a tampa frontal e a sede, do eixo.
Solte o anel de pressão.
Retire o pistão do eixo e realize a troca do mesmo.

Importante:
Nunca tente consertar o pistão e sim o substitua por um novo.

7º Passo:

Para trocar o retentor:


Retire a tampa frontal do eixo.
Utilizando a chave da válvula, solte o nipel da tampa.
Com a ajuda de uma pinça retire o retentor e proceda
a troca do mesmo.
Para realizar a montagem do produto, executar o processo inverso
ao da desmontagem.

Obs.:
Na montagem do retentor, introduza primeiro o eixo na tampa
frontal e depois coloque o retentor direcionando suas aletas para o
interior da válvula. Isto evita danos ao retentor.

Eixo

Nipel
Retentor
Bilabial
Sede Tampa
Pistão

35
Dicas

Ocorrência Causas Possíveis Soluções

Tecla batendo no revestimento Recortar o revestimento ao redor


da parede. da capa.
Pouca água na descarga Registro integrado muito fechado. Regular o registro integrado.
Muita folga na tecla. Regular a tecla.
Tubulação mal dimensionada. Verificar sempre o projeto hidráulico.

Muita água na descarga Registro integrado muito aberto. Fechar mais o registro integrado.

Tecla pressionando o eixo. Regular a tecla.


Vazamento na bacia sanitária
Sujeira entre o pistão e a sede. Limpeza.

Nipel solto. Apertar o nipel.


Vazamento pelo eixo Sujeira no retentor. Limpeza.
Retentor danificado. Trocar retentor.

Defeito no vaso sanitário. Verificar instalação da louça ou trocá-la.


“GLU-GLU”
Instalação inadequada. Refazê-la.

Utilize peças de reposição genuínas encontradas nas Assistências Técnicas Autorizadas.

36