You are on page 1of 4

Curso online de Disseminadores de Educação Fiscal – 2º Semestre de 2010

Nome: do Cursista: Maria Aparecida Coutinho Amaral

Tutora: Djeuci da Silva Turma 15/2010

Local de Trabalho: Col. Est. Cataratas do Iguaçu. Função: Pedagoga Data: 13/11/2010

Objetivo Geral:

Compreender a Legislação Tributária Nacional, diferenciando, impostos, taxas, através


de documentos fiscais como instrumentos legais de distribuição de renda

Objetivos Específicos:

• Despertar no aluno a curiosidade em pesquisar sobre o destino do dinheiro


público.

• Conhecer a origem dos tributos no Brasil e seu processo histórico.

• Compreender a hierarquia e normas jurídicas e como a sociedade pode obter


maiores informações através de conselhos representativos.

Público Envolvido:

O projeto será desenvolvido com alunos e professores de 5º série.

Cronograma de desenvolvimento:

A aplicação do projeto terá um semestre e será avaliado bimestralmente com o


envolvimento dos pais. (não definido)
FEVEREIR MARÇO ABRIL MAIO JUNHO JULHO
O
Justificativa:

A aplicabilidade desse projeto justifica-se pela necessidade de esclarecimentos e


conhecimento por toda sociedade a função social dos tributos.

Sendo assim, ele deverá ser iniciado com alunos dessa série, pelo fato que, nessa faixa
etária, as crianças são estimuladas para as pesquisas, são criativas e se interessam por
todos os tipos de pesquisas, principalmente quando o assunto a ser pesquisado é
apresentado como desafios.

Será um trabalho interdisciplinar, pois os temas destacados estão contemplados aos


Conteúdos Estruturantes do P T D (Plano de Trabalho Docente), e são relevantes ao
cotidiano da vida do aluno.

Conteúdo Escolhido:

O Sistema Tributário Nacional e Documentos Fiscais.

Encaminhamento Metodológico:

Será feita reunião com os pais no início do ano letivo para a apresentação e
esclarecimento dos objetivos do projeto e de como será desenvolvido.

As reuniões serão organizadas pela equipe pedagógica e durante os encontros serão


passadas informações sobre o destino do dinheiro público bem como os locais onde
pesquisar para acessar maiores informações sobre nosso sistema tributário.

No inicio, as aulas serão desenvolvidas em sala de aula com o apoio dos professores, e
em outros momentos serão usadas outras dependências da escola como sala de multiuso
e laboratório de informática. No laboratório, os alunos poderão ter a oportunidade se
acessar vários sites do Ministério da Fazenda, cujas informações estarão relacionadas
com o conteúdo estudado.

Disciplinas Contempladas:

Língua Portuguesa:

• Leitura de textos informativos.

• Produção de cartazes com informações sobre tributos.

• Leitura de cupons fiscais


Matemática:

• Identificação de nomenclaturas e valores.

• Construção de gráficos e maquetes sobre a hierarquia da Legislação Tributária


no Brasil.

História:

• Leitura e interpretação de textos informativos sobre a Origem dos Tributos no


Brasil.

• Leitura da Linha do Tempo relacionada com a necessidade da criação de uma


Legislação Tributária e Orçamentária.

• Confecção de cartazes sobre o conteúdo estudado.

Geografia:

• Identificar as regiões onde existe maior arrecadação de impostos identificando


as causas.

• Construção de gráficos com maiores índices de Conselhos representativos.

• Identificar os problemas sociais das regiões mais pobres do Brasil, através de


vários sites do Ministério da Fazenda, bem como o destino dos recursos
públicos.

• Todas as atividades poderão ser realizadas com a participação da equipe


pedagógica em atividades individuais ou em grupos.

Recursos:

Serão utilizados textos informativos, revistas, jornais, livros, laboratório de informática


TV Pen Drive, e outros dependendo da necessidade durante sua execução.

Avaliação:

A avaliação do projeto terá vários momentos. Através do envolvimento dos pais


durante as apresentações. Participação em palestras pela equipe pedagógica.

Será avaliada a participação e o envolvimento do aluno em todas as atividades. A


avaliação final será dura a Mostra Cultural da escola a ser definida.

Referências bibliográficas:
Revista comemorativa 200 anos do Ministério da Fazenda.

Olho vivo no dinheiro público. Um guia para o cidadão garantir os seus direitos. Edição
Revisada. Controladoria Geral da União - CGU.

Programa Nacional de Educação Fiscal (PNEF). Caderno 3º Função social dos


Tributos, 4º Edição. Brasília- DF-2009. Escola de Administração Fazendária – ESAF.