Вы находитесь на странице: 1из 28

MENSAGEM DOS REALIZADORES DO MPE BRASIL

Prezado(a) Empresário(a)

Este relatório é decorrência de sua participação no MPE Brasil - Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas – ciclo 2012 – realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), Movimento Brasil Competitivo (MBC), Gerdau e Fundação Nacional da Qualidade (FNQ). Os comentários nele apresentados foram elaborados com base na autoavaliação respondida através do site www.premiompe.sebrae.com.br, ou no questionário encaminhado aos contatos estaduais do Prêmio em seu estado, por conta de sua candidatura. Ele está estruturado em partes, conforme sua autoavaliação, podendo conter os seguintes conteúdos:

1. Parte I – Devolutiva sobre a Gestão da Empresa – retratando o grau de maturidade da gestão de sua empresa em relação ao Modelo de Excelência da Gestão® adaptado para a realidade das micro e pequenas empresas, na forma de pontos fortes e oportunidades de melhoria;

2. Parte II – Devolutiva sobre as Características de Comportamento Empreendedor – apresentando quais características estão mais desenvolvidas e quais ainda precisam ser aprimoradas para que o desempenho do empreendedor possa ser maximizado;

3. Parte III – Devolutiva sobre as Práticas de Responsabilidade Social – destacando os pontos fortes e as oportunidades de melhoria na relação com o meio ambiente, partes interessadas e comunidade em que a empresa está inserida;

4. Parte IV – Devolutiva sobre as Práticas de Inovação – informando os pontos fortes e as oportunidades de melhoria que tornam o ambiente organizacional mais favorável à inovação de produtos, serviços, processos e forma de gerir a empresa.

Nossa expectativa é que os comentários e informações apresentadas neste Relatório possam contribuir para a definição de ações de melhoria pessoais e para a condução do negócio e, consequentemente, torná-lo mais competitivo e sustentável.

Gostaríamos de agradecer sua candidatura ao Prêmio, ciclo 2012, e de nos colocarmos à disposição para qualquer esclarecimento, através do Portal do Prêmio: www.premiompe.sebrae.com.br.

Atenciosamente,

Realizadores do MPE Brasil

DADOS DA EMPRESA

Razão Social:

RUBENS VIEIRA DA SILVA SERVICOS - ME

Nome Fantasia:

ELO SERVICOS TECNICOS CONTABEIS

Categoria:

SERVIÇOS

Atividade Econômica (CNAE):

16920601 - Atividades de contabilidade

Principal Atividade:

SERVIÇOS DE CONTABILIDADE

Tipo de Empresa:

Empresário Individual

CPF/CNPJ:

04.964.430/0001-84

Faturamento anual (2010) em R$ (Reais):

R$ 0,00 a R$ 360.000,00

Número de Colaboradores:

8

Data de Abertura:

13/2/2002

Endereço:

CANGAÍBA - de 2104 ao fim - lado par, AV

Número:

2940

Complemento:

Bairro:

CANGAÍBA

Cidade/Estado:

SÃO PAULO - São Paulo

CEP:

03712-001

Dados do Contato da Empresa

Nome:

RENATO MARINS GOMES

Cargo:

ADMINISTRADOR

Telefone Fixo:

(11) 2621-8726

Telefone Celular:

(11) 9896-2822

E-mail:

renato@elospcontabil.com.br

Respostas da empresa

1. Os dirigentes têm clareza do que a empresa deverá ser no futuro?

Sim

2. Existem ações definidas para alcançar o que a empresa quer ser no futuro?

Não

3. As necessidades dos clientes são conhecidas e atendidas?

Não

4. As receitas e despesas são controladas para garantir a permanência da empresa no mercado?

Não

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO MPE BRASIL PRÊMIO DE COMPETITIVIDADE PARA MICRO E PEQUENAS EMPRESAS CICLO 2012

PARTE I - DEVOLUTIVA SOBRE A GESTÃO DA EMPRESA

Esta parte do Relatório de Pontos Fortes e Oportunidades de Melhoria foi gerada a partir das repostas apresentadas na Parte I do Questionário do MPE Brasil, que avalia as práticas de gestão da empresa.

Com base nos comentários apresentados, você terá a oportunidade de rever suas práticas de gestão e tomar ações para melhoria, buscando alinhá-las ao Modelo de Excelência da Gestão® adaptado para Micro e Pequenas Empresas.

O conteúdo desta devolutiva está estruturado da seguinte forma:

Informações sobre os Fundamentos de Excelência e Modelo de Excelência da Gestão® da Fundação Nacional da Qualidade;

Recomendações de seu negócio a partir do ciclo PDCL (Planejar, Fazer, Executar, Controlar e Aprender);

Pontuação obtida a partir do questionário respondido sobre a gestão da empresa, apresentado no gráfico Radar;

Comentários com Pontos Fortes e Oportunidades para Melhoria para cada questão respondida.

INTRODUÇÃO

O questionário de Autoavaliação do MPE Brasil é baseado no Modelo de Excelência da Gestão® - MEG da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) adotado

por inúmeras empresas. O MEG tem como base os 11 Fundamentos de Excelência da Gestão, que são conceitos reconhecidos mundialmente encontrados em empresas que já atingiram patamares de Excelência, ou que estão caminhando nessa direção. Cabe destacar que esses Fundamentos são aplicáveis a qualquer empresa, uma vez que tratam, de forma genérica, dos mais modernos conceitos de gestão. São eles:

1. PENSAMENTO SISTÊMICO

2. APRENDIZADO ORGANIZACIONAL

3. CULTURA DE INOVAÇÃO

4. LIDERANÇA E CONSTÂNCIA DE PROPÓSITOS

5. ORIENTAÇÃO POR PROCESSOS E INFORMAÇÕES

6. VISÃO DE FUTURO

7. GERAÇÃO DE VALOR

8. VALORIZAÇÃO DAS PESSOAS

9. CONHECIMENTO SOBRE O CLIENTE E O MERCADO

10. DESENVOLVIMENTO DE PARCERIAS

11. RESPONSABILIDADE SOCIAL

Para conhecer mais sobre os Fundamentos de Excelência, sugere-se a leitura da publicação “Conceitos Fundamentais da Excelência em Gestão” da FNQ, disponível para download no Portal da FNQ www.fnq.org.br.

Buscando o aumento da competitividade das organizações e do Brasil, a FNQ vem disseminando os Fundamentos da Excelência por meio do Modelo de Excelência da Gestão® (MEG), apresentado em 4 versões de avaliação das empresas:

MPE Brasil – questionário que apresenta o Modelo de Excelência da Gestão® simplificado e adaptado para a realidade das micro e pequenas empresas que estão iniciando a caminhada rumo à excelência da gestão;

Compromisso com a Excelência – para empresas em fase inicial de adoção do Modelo de Excelência da Gestão® (adotado pela Rede de Prêmios da FNQ)

Rumo à Excelência – para empresas em fase intermediária de adoção do Modelo de Excelência da Gestão® (adotado pela Rede de Prêmios da FNQ)

Critérios de Excelência – para empresas que já estão maduras para buscarem o reconhecimento de Classe Mundial (adotado pelas empresas participantes dos ciclos de avaliação do PNQ).

Sendo o Modelo de Excelência da Gestão® (MEG) a aplicação dos Fundamentos de Excelência, em função de sua flexibilidade e simplicidade de linguagem, é útil, então, para avaliação, diagnóstico e orientação de qualquer tipo de empresa no setor público e privado, com ou sem finalidade de lucro, e de porte pequeno, médio ou grande.

O MEG é constituído por 8 Critérios:

Critério 1 - Liderança: este critério trata da forma como o empresário conduz o seu negócio, define rumos, analisa o desempenho da sua empresa e aprimora o conhecimento dos seus líderes.

Critério 2 - Estratégias e Planos: este critério trata da definição das estratégias da empresa (caminhos ou rumos escolhidos para se alcançar a sua visão de futuro), do desdobramento destas em metas e planos de ação, incluindo a definição de indicadores de desempenho.

Critério 3 - Clientes: este critério trata do conhecimento que a empresa tem dos seus clientes e mercados, da identificação de suas necessidades e do seu grau de satisfação, e de como suas reclamações são tratadas.

Critério 4 - Sociedade: este critério trata da identificação dos impactos ambientais decorrentes dos produtos, processos e instalações da empresa e ainda da sua prática de ações relativas à responsabilidade social.

Critério 5 - Informações e Conhecimento: Este critério trata da identificação e uso de informações necessárias para a execução das atividades da empresa, bem como de informações comparativas para auxiliar na análise e melhoria do seu desempenho.

Critério 6 - Pessoas: este critério trata da estrutura organizacional, do reconhecimento, capacitação e desenvolvimento dos colaboradores e das ações voltadas para a qualidade de vida no trabalho, a fim de melhorar o desempenho das pessoas e da empresa.

Critério 7 - Processos: este critério trata da definição e gerenciamento dos processos principais do negócio da empresa (produção, prestação de

serviço, manufatura, comercialização) e daqueles necessários para que a sua execução ocorra sem problemas (processos de apoio); bem como do gerenciamento dos seus principais fornecedores e dos recursos financeiros da empresa.

Critério 8 - Resultados: este critério solicita os resultados de indicadores de desempenho da empresa relativos a clientes, sociedade, pessoas, processos, financeiros e relativos aos fornecedores.

O Modelo de Excelência da Gestão® é representado pelo diagrama abaixo; ele demonstra uma visão global da gestão da empresa.

ele demonstra uma visão global da gestão da empresa. Os resultados são mensurados, gerando informações e

Os resultados são mensurados, gerando informações e conhecimento que serão analisados para buscar o aprendizado da empresa.

A adoção do MEG faz com que a empresa obtenha:

Melhorias em processos e produtos;

Redução de custos;

Aumento da produtividade, e consequentemente, de sua competitividade;

Aumento da credibilidade da empresa e o reconhecimento público;

Maior flexibilidade frente às mudanças;

Melhores condições de atingir e manter o desempenho desejado.

A melhor interpretação do desenho do MEG é o do conceito de aprendizado do ciclo do PDCL (Planejar, Fazer, Checar e Aprender).>

PLANEJAR (P):

A sobrevivência e o sucesso de uma empresa estão diretamente relacionados à sua capacidade de atender às necessidades e expectativas dos CLIENTES

(são as pessoas que compram os produtos ou serviços da empresa), e à atuação de forma responsável junto à SOCIEDADE (é a região, o estado ou o país onde a empresa está localizada) e às comunidades (são as pessoas e outras empresas vizinhas e que são afetadas pelas atividades da sua empresa) com as quais interage.

De posse destas informações, a LIDERANÇA (representa o proprietário ou os dirigentes da empresa) formula as ESTRATÉGIAS (são as ações, ou os caminhos seguidos pela empresa, visando atender às necessidades de seus clientes, da sociedade e do seu proprietário) e estabelece os PLANOS DE AÇÃO (são as ações necessárias para o cumprimento das estratégias, definindo os responsáveis, os prazos e a maneira correta de executar as ações), e METAS para conquistar os resultados desejados. Os planos e as metas são comunicados aos colaboradores e posteriormente acompanhados por um responsável.

Feito o planejamento, é necessário colocá-lo em prática.

FAZER (D):

As PESSOAS (colaboradores que trabalham na empresa) devem estar capacitadas e atuando em um ambiente adequado para que os PROCESSOS (são as atividades que transformam os materiais adquiridos, matérias primas, em produtos ou serviços que vão atender às necessidades e expectativas dos clientes e da sociedade) sejam executados conforme o planejado, com o controle de custos, investimentos e a prevenção de acidentes e riscos. É importante, ainda, aperfeiçoar o relacionamento com os fornecedores, uma vez que as necessidades dos clientes sejam entendidas por aqueles que fornecerão os insumos necessários para a execução dos processos.

Na etapa do Fazer, os principais fatores no Modelo de Excelência da Gestão® são as PESSOAS e os PROCESSOS da empresa.

CONTROLAR (C):

Na empresa, de acordo com o MEG, são realizados procedimentos para conferir e controlar o que está sendo colocado em prática. Para efetivar a etapa do Controle, são medidos os RESULTADOS (são decorrentes dos processos e demais atividades realizadas na empresa) em relação à situação econômico- financeira, clientes e mercado, pessoas, sociedade, processos principais do negócio e processos de apoio, e fornecedores.

Os efeitos gerados pela implementação das práticas de gestão podem ser comparados às metas estabelecidas para eventuais correções de rumo ou reforços das ações implementadas.

Na etapa do Controlar, os principais fatores no Modelo de Excelência da Gestão® são os RESULTADOS da empresa.

APRENDER (L):

Esses resultados, em forma de INFORMAÇÕES (todos os dados gerados na execução dos processos e demais atividades realizadas na empresa, somados às informações comparativas da concorrência e de mercado), e CONHECIMENTO (o saber realizar os produtos e serviços que a empresa entrega para os seus clientes), retornam a toda a empresa, para aprender com os acertos e erros cometidos, e iniciar novamente o planejamento, recomeçando novamente o ciclo. O aprendizado completa o ciclo PDCL de uma empresa.

Essas informações representam a inteligência da empresa, viabilizando a análise do desempenho e a execução das ações necessárias.

Por tudo o que foi aqui colocado, verifica-se que ao utilizar o Modelo de Excelência da Gestão da FNQ, uma organização pode modelar seu sistema de gestão, realizar autoavaliações, e identificar onde melhorar o desempenho de seu negócio.

Ao preencher a Parte I do Questionário de Autoavaliação MPE Brasil, você respondeu 37 questões, com 4 opções de resposta cada (a, b, c, ou d), dos critérios de 1 a 8. Os resultados relacionados às questões 32 a 36, que formam o oitavo critério, estavam ao final do questionário e, dependendo de sua resposta, foi necessário apresentar os números dos últimos anos.

GRÁFICO RADAR

O gráfico abaixo apresenta a distribuição das pontuações por Critério.

Autoavaliação da Gestão - Desempenho Global das Empresas

 

Desempenho da Empresa

 

Comparativo Geral 2011

 
da Empresa   Comparativo Geral 2011   Critério Pontuação Máxima Pontuação Obtida
da Empresa   Comparativo Geral 2011   Critério Pontuação Máxima Pontuação Obtida

Critério

Pontuação Máxima

Pontuação Obtida

Pontuação

 

Classificadas 2011

1 - Liderança

15,00%

3,86%

11,24%

2 - Estratégias e Planos

9,00%

2,36%

6,16%

3 - Clientes

9,00%

4,32%

6,64%

4 - Sociedade

6,00%

3,50%

4,49%

5 - Informações e Conhecimento

6,00%

1,20%

4,44%

6 - Pessoas

9,00%

1,08%

6,31%

7 - Processos

16,00%

1,20%

11,54%

8 - Resultados

30,00%

0,00%

15,02%

Total

100,00%

17,52%

65,83%

Interpretação Padrão do Gráfico Radar

Quando a empresa apresentar pontuações para os critérios 1, 2, 3, 4 e 5, abaixo do intervalo 40–60, é importante rever como estão sendo planejadas suas práticas. Pontuações obtidas no intervalo 40-60 demonstram que a empresa vem planejando suas práticas, porém faz-se necessário um maior controle e comunicação desse planejamento. O intervalo 60-100 sugere que a empresa está no caminho certo no que se refere ao “P” do PDCL, devendo ficar atenta apenas para não descontinuar o que já vem fazendo.

Quando a empresa apresentar suas pontuações para os critérios 5, 6 e 7, abaixo do intervalo 40–60, é importante rever como estão sendo desenvolvidas suas práticas. Pontuações obtidas no intervalo 40-60 demonstram que a empresa vem desenvolvendo suas práticas, porém faz-se necessário um maior controle e comunicação do que vem sendo desenvolvido. O intervalo 60-100 sugere que a empresa está no caminho certo no que se refere ao “D” do PDCL, devendo ficar atenta apenas para não descontinuar o que já vem fazendo.

Quando a empresa apresentar sua pontuação para o critério 8, abaixo do intervalo 40–60, é importante rever como estão sendo controladas suas práticas. Pontuação obtida no intervalo 40-60 demonstra que a empresa vem controlando suas práticas, porém faz-se necessário uma maior abrangência desse controle. O intervalo 60-100 sugere que a empresa está no caminho certo no que se refere ao “C” do PDCL, devendo ficar atenta apenas para não descontinuar o que já vem fazendo.

Pontuações acima do marco 80 apontam que a empresa já está preparada para um novo patamar, devendo rodar seu ciclo PDCL por meio da revisão e melhoria dos padrões de trabalho (como fazem) de suas práticas de gestão (o que fazem).

A seguir está apresentada a Parte I do questionário respondido por sua empresa, incluindo comentários automáticos gerados pelo sistema de avaliação,

correspondentes às respostas dadas.

Sempre que assinaladas como respostas as letras a, b ou c é recomendada uma oportunidade de melhoria, diretamente relacionada à necessidade do atendimento ao próximo marcador/letra. Exemplo: quando assinalado o marcador “a)” a Oportunidade de Melhoria mais imediata para a empresa está associada diretamente à implantação de ações que levarão ao atendimento do marcador “b” e assim sucessivamente.

Para a orientação de como implementar ações/práticas de gestão que atendam aos marcadores/letras das questões desta ferramenta de avaliação, sugerimos a leitura dos Cadernos “Compromisso com a Excelência”, publicados pela FNQ e disponibilizados em www.fnq.org.br.

Para cada questão respondida você receberá comentários com Pontos Fortes e/ou Oportunidades para Melhoria para sua empresa. Os Pontos Fortes devem ser fortalecidos para a melhoria contínua do negócio. Para as Oportunidades de Melhoria devem ser tomadas ações corretivas e preventivas para a melhoria da gestão do negócio.

COMENTÁRIOS GERADOS PELO SISTEMA A PARTIR DAS RESPOSTAS APRESENTADAS SOBRE A GESTÃO DA EMPRESA

CRITÉRIO 1 - LIDERANÇA

1. A Missão da empresa está definida e é conhecida pelos colaboradores?

a) A missão não está definida.

b) A missão está definida informalmente, sendo de conhecimento dos dirigentes.

c) A missão está definida e registrada em forma escrita e é conhecida por alguns colaboradores.

d) A missão está definida e registrada em forma escrita e é conhecida por todos colaboradores.

Comentário para a empresa:

A
A

A Missão de uma empresa mostra porque ela existe e orienta os colaboradores na execução do seu trabalho, contribuindo para que todos

conheçam, compartilhem e persigam os mesmos ideais e para a potencialização da contribuição de cada colaborador. Como oportunidade

para melhoria, é importante que a Missão da empresa seja definida e comunicada a todos os colaboradores. Desta forma a Missão é conhecida e todos podem cumpri-la de forma adequada.

2. O comportamento ético é incentivado pelos dirigentes nas relações internas e externas?

a) Não existem regras para assegurar o comportamento ético.

b) O comportamento ético é promovido por meio de regras informais.

c) O comportamento ético está definido em regras escritas.

d) O comportamento ético está definido em regras escritas que são conhecidas e praticadas por todos os dirigentes e colaboradores.

Comentário para a empresa:

A
A

Comportamento ético significa respeitar os clientes, os colaboradores e fornecedores, cumprir as leis e os compromissos assumidos pela

empresa e por seus dirigentes. Como oportunidade para melhoria, o comportamento ético na empresa pode ser incentivado por meio de regras estabelecidas pelos dirigentes e cumpridas por todos os colaboradores.

3. O desempenho da empresa é analisado pelos dirigentes?

a) Não é feita a análise do desempenho da empresa.

b) A análise do desempenho da empresa é feita ocasionalmente, com foco principalmente no desempenho financeiro.

c) A análise do desempenho da empresa é feita regularmente, mas de forma restrita a alguns aspectos, como, por exemplo, financeiro, vendas,

atendimento e produção.

d) A análise do desempenho da empresa é feita regularmente com uso de informações abrangentes ao negócio: financeiro, vendas, clientes,

colaboradores, fornecedores, produção, sociedade e aspectos ambientais, considerando informações comparativas, relativas aos concorrentes ou de outras empresas.

Justificativa:

SEM INFORMAÇÕES ADICIONAIS.

Comentário para a empresa:

C

O desempenho adequado da empresa significa que sua Missão, seus objetivos e suas metas estão sendo conseguidos. A análise do

desempenho da empresa pode ser feita a partir do estudo dos resultados obtidos. Quando essa análise é feita regularmente e de forma organizada e disciplinada, usando indicadores que mostram os resultados das vendas, financeiros e da produção, os dirigentes têm uma

ideia parcial do desempenho da sua empresa, que não é suficiente para o acompanhamento do desempenho do seu negócio. Como oportunidade para melhoria podem ser considerados, também, os resultados relacionados aos colaboradores, aos fornecedores, aos clientes e à sociedade, inclusive com relação ao meio ambiente ou aos aspectos ambientais. Esse desconhecimento da completa situação

da empresa pode se constituir numa preocupação para seus dirigentes.

4. Os dirigentes compartilham informações com os colaboradores?

a) As informações não são compartilhadas com os colaboradores.

b) O compartilhamento de informações com os colaboradores ocorre esporadicamente.

c) O compartilhamento de informações ocorre regularmente e abrange alguns colaboradores.

d) O compartilhamento de informações ocorre regularmente e abrange todos os colaboradores.

Comentário para a empresa:

Compartilhar informações com os colaboradores significa mantê-los informados dos resultados da empresa e outras
Compartilhar informações com os colaboradores significa mantê-los informados dos resultados da empresa e outras informações
importantes. Quando esse compartilhamento ocorre regularmente, mas não abrange todos os colaboradores, somente uma parte das
pessoas fica informada sobre a empresa e não permite que todos contribuam para o cumprimento dos objetivos e das metas. É importante
C
observar que esse compartilhamento de informações somente para alguns colaboradores pode gerar insatisfações para aqueles
colaboradores que não receberam as informações. Como oportunidade para melhoria a empresa pode compartilhar seus resultados e
outras informações importantes com todos os colaboradores desenvolvendo um sentimento coletivo de pertencer a um grupo de pessoas
que perseguem os mesmos ideais e objetivos, potencializa a contribuição de cada um e aumenta o comprometimento e o envolvimento dos
colaboradores com a empresa.
5. Os dirigentes investem em seu desenvolvimento gerencial e aplicam os conhecimentos adquiridos na empresa?
a) Os dirigentes não investem em seu desenvolvimento gerencial.
b) Os dirigentes investem esporadicamente em seu desenvolvimento gerencial, mas não aplicam os conhecimentos adquiridos na empresa.
c) Os dirigentes investem esporadicamente em seu desenvolvimento gerencial, e aplicam os conhecimentos adquiridos na empresa.
d) Os dirigentes investem regularmente em seu desenvolvimento gerencial, e aplicam os conhecimentos adquiridos na empresa.
Comentário para a empresa:
O
investimento em desenvolvimento gerencial é a busca pelos dirigentes de conhecimentos que os auxiliem na gestão da empresa. Quando
os
dirigentes não investem em seu desenvolvimento gerencial não ocorre a sua atualização nas últimas tecnologias disponíveis no mercado
A
relacionados ao negócio da empresa. Como oportunidade para melhoria os dirigentes podem buscar novos conhecimentos de forma regular
e
aplicá-los na empresa, contribuindo para o seu desenvolvimento pessoal e para a melhoria continua do desempenho da empresa.
6. As práticas de gestão da empresa são controladas com base em padrões de execução definidos?
a) As práticas de gestão são executadas informalmente.
b) Algumas práticas de gestão são executadas com padrões documentados.
c) A maioria das práticas de gestão são executadas com padrões de trabalho.
d) A maioria das práticas de gestão são executadas com padrões documentados e algumas são controladas por meio de indicadores.
Comentário para a empresa:
O
controle das atividades da empresa tem por objetivo assegurar o cumprimento dos seus requisitos e, como consequência, a satisfação
A
das necessidades e expectativas dos clientes e demais partes interessadas. Quando as atividades não são controladas, não é possível
garantir o atendimento das necessidades e expectativas dos clientes e demais partes interessadas e a sua satisfação com a empresa.
7. É promovida a melhoria dos produtos, dos serviços, dos processos e dos métodos de gestão da empresa?
a) Não são promovidas melhorias nos produtos, serviços, processos e métodos de gestão da empresa.
b) As melhorias nos produtos, serviços, processos e métodos de gestão da empresa são promovidas em decorrência da solução de problemas
ocorridos.
c)
As melhorias nos produtos, serviços, processos e métodos de gestão da empresa são promovidas regularmente a partir de contribuições de
dirigentes e colaboradores.
d)
As melhorias nos produtos, serviços, processos e métodos de gestão da empresa são promovidas regularmente a partir de contribuições de
dirigentes e empregados, e de informações obtidas externamente, existindo entre as melhorias pelo menos um exemplo de uma inovação
implementada na empresa.
Comentário para a empresa:
A
promoção da melhoria dos produtos, serviços, processos e métodos de gestão tem por objetivo aumentar a competitividade e garantir a
continuidade da empresa. A promoção de melhorias como consequência, unicamente, de problemas ocorridos na empresa, não contribui
B
para o aumento da sua competitividade e também não assegura a sua continuidade no seu mercado de atuação. Como oportunidade para
melhoria a empresa pode promover regularmente, e não apenas como solução de problemas ocorridos, melhorias nos seus produtos,
serviços, processos e métodos de gestão considerando contribuições dos dirigentes, dos colaboradores e informações obtidas
externamente, contribuindo para o aumento da sua continuidade e competitividade no seu mercado de atuação.
CRITÉRIO 2 - ESTRATÉGIAS E PLANOS
8. A Visão da empresa está definida e é conhecida pelos colaboradores?
a) A Visão não está definida.
b) A Visão está definida informalmente, sendo de conhecimento dos dirigentes.
c) A Visão está registrada de forma escrita e é conhecida por alguns colaboradores.

d) A Visão está registrada de forma escrita e é conhecida por todos os colaboradores.

Comentário para a empresa:

A
A

A Visão da empresa mostra o que os dirigentes esperam no futuro e orienta as ações estratégicas. É necessário que a Visão seja claramente

definida pelos dirigentes para que todos os colaboradores sejam informados e possam contribuir com os objetivos da empresa. Como oportunidade para melhoria a Visão pode ser definida formalmente pelos dirigentes considerando suas necessidades e expectativas futuras em relação à empresa.

9. As estratégias que permitem alcançar os objetivos da empresa estão definidas?

a) As estratégias não estão definidas.

b) As estratégias estão definidas como intenções e ideias, mas são de conhecimento apenas dos dirigentes.

c) As estratégias estão definidas informalmente, considerando informações internas e externas à empresa.

d) As estratégias estão definidas formalmente, por meio de método que considera informações internas e externas à empresa.

Justificativa:

SEM INFORMAÇÕES ADICIONAIS.

Comentário para a empresa:

   

Estratégias são caminhos escolhidos pela empresa para cumprir a sua Missão, alcançar a Visão estabelecida pelos dirigentes e assegurar a sua competitividade e continuidade no longo prazo. Quando as estratégias estão definidas informalmente, os colaboradores não as

C

conhecem e ficam impedidos de contribuir para o cumprimento da Visão, a melhoria da competitividade e a continuidade da empresa no longo prazo. Como oportunidade para melhoria a empresa pode definir seus objetivos e respectivas estratégias de forma planejada e disciplinada, segundo um método estabelecido, considerando informações internas e externas à empresa e divulgando as estratégias e seus objetivos para os colaboradores

10.

Os indicadores e metas relacionados às estratégias estão estabelecidos?

a)

Não existem indicadores relacionados às estratégias.

b)

Os indicadores são estabelecidos para algumas estratégias, mas não existem metas relacionadas a esses indicadores.

c)

Os indicadores e suas respectivas metas são estabelecidos para algumas estratégias.

d)

Os indicadores e suas respectivas metas são estabelecidos para as principais estratégias e são comunicados aos colaboradores.

Comentário para a empresa:

     

Os indicadores e seus resultados permitem avaliar a implementação e o alcance das estratégias, e as metas estabelecidas para esses indicadores permitem avaliar o desempenho do negócio da empresa. Quando não são estabelecidos indicadores e metas relacionados às estratégias definidas, não se consegue acompanhar a sua implementação, os resultados obtidos com as estratégias e o desempenho do

A

negócio, comprometendo o cumprimento da Visão, a melhoria da competitividade e a continuidade da empresa. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer indicadores e suas metas para as principais estratégias e pode comunicá-las para os colaboradores, assegurando, dessa forma, a implementação correta das estratégias, o cumprimento da Visão, a melhoria da competitividade, a continuidade no longo prazo e a avaliação do negócio da empresa.

11.

Os planos de ação, visando alcançar as metas da empresa relacionadas às estratégias, estão definidos?

a) Não existem planos de ação visando alcançar as metas da empresa relacionadas às estratégias

b) As ações são definidas informalmente para o alcance de algumas metas da empresa relacionadas às estratégias.

c) Planos de ação são estabelecidos para o alcance das principais metas da empresa relacionadas às estratégias.

d) Planos de ação são estabelecidos para o alcance das principais metas da empresa relacionadas às estratégias, e são acompanhados por um

responsável.

Comentário para a empresa:

B

Os planos de ação são estabelecidos para apoiar a implementação das estratégias definidas, contribuindo para a obtenção dos resultados e

o cumprimento das metas. Quando as ações são definidas informalmente, de forma não planejada e visando o cumprimento de apenas

algumas metas, a efetiva implementação das estratégias fica comprometida e, da mesma forma, a obtenção dos resultados e o cumprimento das metas esperadas e necessárias. Como oportunidade para melhoria a empresa pode elaborar planos de ação para o alcance das principais metas, com acompanhamento de um responsável, contribuindo para a correta implementação das principais estratégias e para o cumprimento da Visão, a melhoria da competitividade e a continuidade no longo prazo.

CRITÉRIO 3 - CLIENTES

12. Os clientes são conhecidos e agrupados?

a) Os clientes não são conhecidos.

b) Os clientes são conhecidos intuitivamente.

c) Os clientes são conhecidos e agrupados.

d) Os clientes são conhecidos e agrupados de forma planejada e as informações obtidas são utilizadas na melhoria do atendimento dos clientes

atuais e na busca dos clientes potenciais.

Comentário para a empresa:

   

Os clientes apresentam necessidades e expectativas que são próprias a eles e variam segundo fatores como sexo, idade, localização geográfica e outros. O conhecimento e o agrupamento feitos de uma forma intuitiva e sem uma clara definição dos tipos de clientes que são atendidos pela empresa certamente conduzirão a erros no correto conhecimento e agrupamento dos clientes e não permitirá um adequado

B

atendimento das suas necessidades e expectativas e a identificação de novos clientes. Como oportunidade para melhoria, a empresa pode identificar formalmente seus clientes e agrupá-los segundo os fatores que são aplicáveis a eles. Além disso, as informações obtidas no agrupamento dos clientes podem ser utilizadas para melhor atender suas necessidades e expectativas e, também, para captar novos clientes. É importante que o conhecimento e o agrupamento dos clientes sejam uma atividade sistemática na empresa, uma vez que esses clientes, e as suas necessidades e expectativas, mudam continuamente.

13.

As necessidades e expectativas dos clientes são conhecidas?

a)

As necessidades e expectativas dos clientes não são conhecidas.

b)

As necessidades e expectativas dos clientes são conhecidas de forma intuitiva.

c)

As necessidades e expectativas são conhecidas por meio de informações obtidas dos clientes.

d)

As necessidades e expectativas dos clientes são conhecidas por meio de métodos formalizados.

Comentário para a empresa:

   

A

missão principal, ou obrigação principal, de uma empresa consiste na satisfação das necessidades e das expectativas de seus clientes.

Quando essas necessidades e expectativas são identificadas e conhecidas com base em informações obtidas dos clientes, fica assegurada

a

sua identificação e conhecimento. Como oportunidade para melhoria a empresa pode trabalhar as informações obtidas dos clientes por

C

meio de métodos formalizados (maneiras claramente definidas e organizadas para atender às necessidades e expectativas dos clientes). Dessa forma fica assegurado o correto e completo atendimento das necessidades e expectativas dos clientes e a sua plena satisfação com os produtos e serviços da empresa. É importante observar que as necessidades e expectativas dos clientes mudam com frequência e, por essa razão, é necessário identificá-las continuamente.

14.

Os produtos e serviços são divulgados aos clientes?

a)

Os produtos e serviços não são divulgados aos clientes.

b)

Os produtos e serviços são divulgados sem considerar os diferentes grupos de clientes.

c)

Os produtos e serviços são divulgados para alguns grupos de clientes.

d)

Os produtos e serviços são divulgados considerando os diferentes grupos de clientes e utilizando meios adequados para assegurar a efetividade

desta comunicação.

Comentário para a empresa:

   

A

divulgação dos produtos e serviços aos clientes e ao mercado assegura o conhecimento desses produtos e serviços por parte dos clientes

atuais (clientes que compram hoje os produtos ou serviços da empresa) e, também, dos clientes potenciais da empresa (pessoas ou empresas que não compram os produtos ou serviços, mas que podem vir a comprar no futuro). A divulgação para somente alguns tipos de

C

clientes provoca um conhecimento limitado ou restrito para os produtos e serviços da empresa. Este conhecimento limitado prejudica a venda dos produtos e serviços oferecidos e não contribui para a identificação de novos clientes. Como oportunidade para melhoria a empresa pode divulgar seus produtos e serviços considerando todos os diferentes tipos e grupos de clientes e o canal mais adequado (jornais, revistas, rádio, TV, Internet, por exemplo), contribuindo, dessa forma, para o correto e adequado conhecimento pelos clientes dos produtos e serviços disponibilizados pela empresa.

15.

As reclamações dos clientes são registradas e tratadas?

a)

A empresa não disponibiliza canais para que os clientes apresentem suas reclamações.

b)

As reclamações apresentadas não são registradas e são tratadas ocasionalmente, dependendo do grau de insatisfação do cliente ou da

gravidade da reclamação apresentada.

c) As reclamações recebidas são registradas e tratadas.

d) As reclamações recebidas são registradas e tratadas, e o cliente é informado sobre a solução dada à sua reclamação.

Comentário para a empresa:

dada à sua reclamação. Comentário para a empresa: Reclamações em relação aos produtos e serviços da

Reclamações em relação aos produtos e serviços da empresa podem ocorrer e indicam uma insatisfação por parte do cliente. Como

oportunidade para melhoria a empresa pode manter um registro (anotação) das reclamações recebidas, não só
oportunidade para melhoria a empresa pode manter um registro (anotação) das reclamações recebidas, não só como proteção para a
empresa, como também para avaliar o número de reclamações e insatisfações apresentadas pelos clientes. Também é muito importante
B
que todas as reclamações, independentemente da sua gravidade, sejam resolvidas. A solução de uma reclamação inclui a eliminação
imediata do fato que gerou o descontentamento por parte do cliente e, posteriormente, a identificação da causa que provocou a reclamação. A
causa pode ser eliminada por meio de uma ação corretiva que impeça a sua repetição, evitando nova reclamação por parte do cliente ou de
outros clientes. O retorno ao cliente, por meio da comunicação das ações adotadas pela empresa para assegurar a não repetição da
reclamação apresentada, demonstra consideração para com o cliente, e é um fator gerador de confiança e respeito em relação à empresa.
16.
A satisfação dos clientes é avaliada?
a)
A satisfação dos clientes não é avaliada.
b)
A satisfação dos clientes é avaliada eventualmente e de forma intuitiva.
c)
A satisfação dos clientes é avaliada periodicamente por meio de método formal.
d)
A satisfação dos clientes é avaliada periodicamente por meio de método formal, e os resultados obtidos são analisados e utilizados na melhoria
dos produtos, serviços e no atendimento aos clientes.
Comentário para a empresa:
Os produtos e serviços disponibilizados pela empresa objetivam satisfazer as necessidades e expectativas dos seus clientes. Uma avaliação
eventual (realizada de vez em quando) da satisfação dos clientes não assegura que os produtos e serviços disponibilizados pela empresa
B
atendem às necessidades e expectativas dos seus clientes. Como oportunidade para melhoria a empresa pode realizar uma avaliação
periódica da satisfação dos clientes por meio de um método formalizado (uma maneira claramente definida e organizada para verificar o
atendimento das necessidades e expectativas dos clientes) e proceder à análise dos dados obtidos nesta avaliação buscando oportunidades
para melhoria no atendimento aos clientes.
CRITÉRIO 4 - SOCIEDADE
17.
As exigências legais necessárias para o funcionamento da empresa são conhecidas e mantidas atualizadas?
a)
As exigências legais aplicáveis à empresa não são conhecidas.
b)
Algumas exigências legais aplicáveis à empresa são conhecidas, mas não são mantidas atualizadas.
c)
As exigências legais aplicáveis à empresa são conhecidas, mas não são mantidas atualizadas.
d)
As exigências legais aplicáveis à empresa são conhecidas e são mantidas atualizadas.
Comentário para a empresa:
A
empresa é responsável pelo cumprimento das exigências legais aplicáveis aos seus serviços, produtos, processos e às suas instalações.
O
conhecimento de todas as exigências legais aplicáveis e seu adequado cumprimento assegura um funcionamento correto e ético da
C
empresa. A falta de atualização das exigências legais aplicáveis pode expor a empresa a penalidades e multas, prejudicando a sua imagem
em relação à sociedade. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para manter atualizadas
todas as exigências legais aplicáveis ao seu negócio.
18. Os impactos negativos que podem causar danos ao meio ambiente são conhecidos e tratados?
a) Os impactos negativos ao meio ambiente não são conhecidos.
b) Os impactos negativos ao meio ambiente não são conhecidos, mas algumas ações são tomadas para a proteção do meio ambiente.
c) Os impactos negativos ao meio ambiente são conhecidos e alguns deles são tratados por meio de ações adequadas.
d) Os impactos negativos ao meio ambiente são conhecidos e tratados de forma planejada por meio de ações adequadas.
Justificativa:
SEM INFORMAÇÕES ADICIONAIS.
Comentário para a empresa:
A
empresa é responsável pelos danos que suas atividades e instalações causam ao meio ambiente. A identificação e o conhecimento dos
D
impactos negativos gerados pelas atividades e instalações da empresa e o seu tratamento por meio de ações planejadas configuram pontos
fortes na empresa, pois asseguram a adequada e correta eliminação desses impactos, e contribuem para uma atuação ética da empresa
perante a sociedade.
19. A empresa demonstra seu comprometimento com a comunidade por meio de ações ou projetos sociais?
a) Não são realizados ações ou projetos sociais.
b) A empresa participa de ações ou projetos sociais esporadicamente e sem o envolvimento dos colaboradores.
c) A empresa participa de ações ou projetos sociais esporadicamente e com o envolvimento dos
c) A empresa participa de ações ou projetos sociais esporadicamente e com o envolvimento dos colaboradores.
d) A empresa participa ou realiza ações ou projetos sociais que promovem o desenvolvimento local ou regional da comunidade com envolvimento
dos colaboradores.
Comentário para a empresa:
As ações ou projetos sociais, com envolvimento dos colaboradores, conduzidos de forma contínua e promovendo o crescimento econômico,
social, humano e ambiental, apoiam a sociedade e contribuem para o desenvolvimento sustentável (o desenvolvimento sustentável é
promovido quando ocorre o crescimento econômico, social, humano e ambiental da comunidade). A realização de ações e projetos sociais é
A
recomendada para assegurar uma imagem positiva da empresa em relação à sociedade e demonstrar seu comprometimento em relação às
comunidades. Como oportunidade para melhoria a empresa pode promover a realização de ações ou projetos sociais com o envolvimento de
seus colaboradores, contribuindo para o desenvolvimento local e regional e demonstrando o comprometimento da empresa com a sociedade
e
suas comunidades vizinhas.
CRITÉRIO 5 - INFORMAÇÕES E CONHECIMENTOS
20.
As informações necessárias para o planejamento, execução e análise das atividades para a tomada de decisão estão definidas?
a)
As informações não estão definidas.
b)
Algumas informações para o planejamento, análise e execução das atividades para a tomada de decisão estão definidas.
c)
As principais informações para o planejamento, análise e execução das atividades, e para a tomada de decisão estão definidas.
d)
As informações para o planejamento, análise e execução das atividades, e para a tomada de decisão estão definidas e organizadas em um
sistema de informação (quadro de aviso, computador ou outro meio).
Comentário para a empresa:
As informações relacionadas ao negócio, geradas dentro e fora da empresa, são muito importantes para a execução das atividades, para a
análise dos resultados e para a condução do negócio. A falta de definição, ou o desconhecimento, das informações necessárias para
administrar a empresa não permite a execução correta das atividades e a análise dos resultados obtidos. Nestas condições, a condução do
A
negócio fica prejudicada. Como oportunidade para melhoria a empresa pode identificar as informações que são necessárias para a execução
o controle das suas atividades e organizá-las num sistema de informação como, por exemplo, um quadro de avisos, um informativo interno
ou uma rede interna de computadores.
e
21.
As informações necessárias para a condução adequada do negócio são disponibilizadas para os colaboradores?
a)
As informações não são disponibilizadas para os colaboradores.
b)
As informações são disponibilizadas para alguns colaboradores.
c)
As informações são disponibilizadas para a maioria dos colaboradores.
d)
As informações são disponibilizadas para a maioria dos colaboradores de forma organizada e em sistemas de informação.
Comentário para a empresa:
A
disponibilização ou a comunicação das informações para os colaboradores é necessária e importante para garantir a correta execução das
atividades, a análise dos resultados obtidos e a condução adequada do negócio. Quando as informações são disponibilizadas ou
comunicadas para apenas alguns colaboradores, fica comprometida a correta realização das atividades e a análise dos resultados não pode
B
ser conduzida com a precisão necessária. Nessas condições, o sucesso do negócio pode ficar comprometido. Como oportunidade para
melhoria a empresa pode disponibilizar para todos os seus colaboradores as informações necessárias para a execução e o controle das
atividades. A disponibilização das informações pode ser feita por meio de sistemas de informação como, por exemplo, quadros de avisos,
informativos e uma rede interna de computadores.
22.
O compartilhamento do conhecimento é promovido?
a) Não existem ações para promover o compartilhamento do conhecimento.
b) Os colaboradores são incentivados a compartilhar o conhecimento adquirido.
c) Os colaboradores compartilham o conhecimento adquirido, por meio de métodos formalizados.
d) Os colaboradores compartilham o conhecimento adquirido, por meio de métodos formalizados e este conhecimento é registrado.
Comentário para a empresa:
Ao realizar as atividades e os processos principais do negócio da empresa, os dirigentes e os colaboradores adquirem informações sobre as
atividades e os processos, ou seja, aprendem com os processos, e esse conhecimento fica retido com cada dirigente e cada colaborador. O
compartilhamento do conhecimento consiste na distribuição ou disseminação do conhecimento adquirido por cada dirigente ou colaborador
para todas as demais pessoas da empresa, dirigentes, colaboradores e terceiros. Quando os dirigentes e os colaboradores são incentivados
a
compartilhar o conhecimento adquirido com as pessoas da empresa, esse conhecimento não fica na posse exclusiva de um único dirigente
B
ou colaborador e permite a sua utilização por outras pessoas na melhoria das atividades e dos processos principais do negócio da empresa.
Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para promover o registro e o compartilhamento do
conhecimento adquirido para todos os seus dirigentes e colaboradores. O registro do conhecimento pode ser feito em documentos em meio
físico (papel) ou em meio eletrônico num computador. O compartilhamento do conhecimento pode ser realizado em reuniões específicas com
essa finalidade com apresentação das melhorias implementadas para os dirigentes e colaboradores ou por outros meios.
CRITÉRIO 6 - PESSOAS 23. As funções e responsabilidades das pessoas (dirigentes e colaboradores) estão
CRITÉRIO 6 - PESSOAS
23. As funções e responsabilidades das pessoas (dirigentes e colaboradores) estão definidas?
a) Não estão definidas.
b) Estão definidas informalmente.
c) Estão definidas e documentadas.
d) Estão definidas, documentadas e são conhecidas por todos os colaboradores.
Comentário para a empresa:
A
definição das funções e responsabilidades das pessoas formaliza e registra sua participação no sistema de trabalho da empresa,
promovendo sua eficiência e produtividade. A falta dessa definição impede que as pessoas conheçam sua função e suas responsabilidades,
não oferecendo condições para a realização do trabalho de forma correta. Como oportunidade para melhoria a empresa pode definir
A
formalmente, registrar e comunicar as responsabilidades para cada função do seu sistema de trabalho, representadas no organograma da
empresa. A definição formal das funções e responsabilidades de maneira documentada e seu conhecimento por todos os colaboradores
contribuem para a eficiência e a produtividade do sistema de trabalho. A comunicação para apenas uma parte dos colaboradores não
contribui para a eficiência e produtividade do sistema de trabalho.
24.
A seleção dos colaboradores é feita segundo padrões definidos e considera os requisitos da função?
a)
A seleção é feita de forma intuitiva.
b)
A seleção é feita com padrão definido para algumas funções.
c)
A seleção é feita com padrão definido para todas as funções.
d)
A seleção é feita com padrão definido para todas as funções, considerando os requisitos e responsabilidades definidas para a função.
Comentário para a empresa:
A
seleção de colaboradores tem como objetivo o preenchimento de vagas na empresa com pessoas aptas a atender às suas necessidades
atuais e futuras. Quando essa seleção é feita de forma intuitiva e sem considerar as necessidades da empresa, as pessoas contratadas
poderão não atender às suas necessidades atuais e futuras e, dessa maneira, não vão contribuir para a eficiência e a produtividade do
A
sistema de trabalho. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para selecionar novos
colaboradores considerando os requisitos e responsabilidades para todas as funções e obedecendo a um padrão definido. Nessas
condições, as pessoas contratadas poderão atender às necessidades atuais e futuras da empresa e contribuir para a eficiência e a
produtividade do seu sistema de trabalho.
25.
Os colaboradores são capacitados nas suas funções?
a)
Os colaboradores não são capacitados.
b)
Os colaboradores são capacitados eventualmente.
c)
Os colaboradores são capacitados regularmente.
d)
Todos os colaboradores são capacitados com base num plano de capacitação.
Comentário para a empresa:
A
capacitação dos colaboradores tem por objetivo desenvolver as habilidades e os conhecimentos necessários para o desempenho de suas
funções, contribuindo para o cumprimento dos objetivos e das metas da empresa. Quando os colaboradores são capacitados
eventualmente, o cumprimento dos objetivos e metas fica comprometido, bem como a eficiência e a produtividade do sistema de trabalho.
B
Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para capacitar regularmente seus colaboradores,
com base num plano de capacitação contribuindo, dessa maneira, para o cumprimento dos objetivos e das metas da empresa e a eficiência
e
a produtividade do seu sistema de trabalho. O plano de capacitação assegura o planejamento e o controle das ações de capacitação.
26. Os perigos e riscos relacionados à saúde e segurança no trabalho são identificados e tratados?
a) Os perigos e riscos não são identificados e não são tratados.
b) Os perigos e riscos não são identificados, mas alguns deles são tratados.
c) Os perigos e riscos são identificados formalmente por meio de métodos que incluem PPRA e PCMSO, e são tratados apenas com ações
corretivas.
d)
Os perigos e riscos são identificados formalmente por meio de métodos que incluem PPRA e PCMSO, e são tratados com ações corretivas e
preventivas.
Comentário para a empresa:
   

A

identificação e o tratamento dos perigos e riscos relacionados à saúde e segurança no trabalho têm por objetivo corrigir e prevenir os

fatores que possam ameaçar a integridade física e psicológica dos colaboradores no desempenho de suas funções. Quando esses riscos não são conhecidos, em decorrência da sua não identificação e adequado tratamento, a integridade física e psicológica dos colaboradores

A

fica seriamente comprometida. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para a identificação e tratamento dos riscos relacionados à saúde e segurança no trabalho, cumprindo as exigências legais do PCMSO Programa de Controle de Medicina e Saúde Ocupacional e do PPRA Programa de Prevenção de Riscos Ambientais. Dessa maneira fica assegurada a integridade física e psicológica dos colaboradores no desempenho de suas funções.

27.

O bem-estar e a satisfação dos colaboradores são promovidos?

a)

Não existem ações para promover o bem-estar e a satisfação dos colaboradores.

b)

São adotadas ações para promover o bem-estar e a satisfação dos colaboradores apenas quando problemas são detectados.

c)

São adotadas ações para promover o bem-estar e a satisfação dos colaboradores decorrentes de análises eventuais.

d)

São adotadas ações para identificar e promover o bem-estar e a satisfação dos colaboradores decorrentes de análises regulares.

Comentário para a empresa:

   

O

tratamento dos fatores de bem-estar e satisfação dos colaboradores tem por objetivo a promoção de um ambiente de trabalho participativo

e

agradável que proporcione a motivação para a realização das atividades. Quando são adotadas ações para tratamento do bem-estar e da

satisfação dos colaboradores apenas quando os problemas são detectados, essas ações resolvem o problema naquele momento, mas não contribuem para a motivação e o comprometimento dos colaboradores na realização do trabalho a longo prazo, com consequente perda da

B

eficiência e produtividade no sistema de trabalho da empresa. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para uma análise regular da satisfação dos colaboradores com o ambiente de trabalho, e para a implementação de ações adequadas para promover a motivação e o comprometimento dos colaboradores na realização do trabalho. A adoção de ações decorrentes dessa análise regular da satisfação dos colaboradores contribui, não somente para o bem-estar e a satisfação dos colaboradores, mas, também, para a eficiência e a produtividade do sistema de trabalho da empresa.

 

CRITÉRIO 7 - PROCESSOS

28.

Os processos principais do negócio são executados de forma padronizada, com padrões documentados?

a)

Os processos principais do negócio não são executados de forma padronizada.

b)

Os processos principais do negócio são executados de forma padronizada, mas os padrões não são documentados.

c)

Os processos principais do negócio são executados de forma padronizada, com padrões documentados.

d)

Os processos principais do negócio são executados de forma padronizada, com padrões documentados e definidos a partir de requisitos

traduzidos das necessidades dos clientes.

Comentário para a empresa:

     

Os produtos e serviços oferecidos pela empresa, obtidos por meio dos seus processos principais do negócio, visam ao atendimento das necessidades dos clientes, da sua satisfação e das exigências legais aplicáveis. Os processos são constituídos por um conjunto de atividades executadas segundo padrões que estabelecem a maneira correta de se executar essas atividades, os responsáveis e o momento adequado para a execução, entre outras informações. Quando as atividades não são realizadas de acordo com padrões definidos a sua execução ocorre de maneira indiscriminada ou aleatória e, dessa forma, fica comprometido o atendimento das necessidades dos clientes,

A

sua satisfação com a empresa e o cumprimento das exigências legais aplicáveis. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer padrões documentados, por escrito ou em meio eletrônico, definidos a partir dos requisitos relacionados e traduzidos das necessidades dos clientes e das exigências legais aplicáveis, para cada um dos seus processos principais do negócio. Dessa forma fica formalizada a maneira correta de se executar as atividades que compõem os processos, os responsáveis e o momento adequado para a execução, entre outras informações, permitindo a sua repetição de maneira correta sempre que forem executados e, como consequência, a satisfação dos clientes com a empresa e o cumprimento das exigências legais aplicáveis.

29.

Os processos principais do negócio são controlados para garantir a satisfação das necessidades dos clientes?

a) Os processos principais do negócio não são controlados.

b) Os processos principais do negócio não são controlados, mas são corrigidos quando ocorrem problemas ou reclamações dos clientes.

c) Os processos principais do negócio são controlados com base em padrões de execução definidos e documentados.

d) Os processos principais do negócio são controlados com base em padrões definidos e documentados, sendo controlados também por meio de

indicadores e metas.

Comentário para a empresa:

B

O controle dos processos principais do negócio da empresa tem por objetivo assegurar o cumprimento das exigências legais aplicáveis e

dos requisitos dos seus clientes, visando á satisfação das suas necessidades. Quando os processos principais do negócio são controlados somente quando ocorrem problemas ou reclamações dos clientes, não é possível assegurar o atendimento das exigências legais, das necessidades dos clientes e da sua satisfação com a empresa. Os problemas precisam ser antecipados e não corrigidos após a sua

ocorrência. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para o controle dos seus processos principais do negócio com base em padrões de execução definidos e documentados e com indicadores e metas estabelecidos para cada um dos processos. Os indicadores e metas definem os níveis dos resultados esperados e necessários para cada processo, permitindo o seu

controle e, como consequência, o cumprimento dos requisitos que buscam a satisfação dos clientes e
controle e, como consequência, o cumprimento dos requisitos que buscam a satisfação dos clientes e o cumprimento das exigências legais
aplicáveis.
30. Os fornecedores da empresa são selecionados e avaliados segundo critérios definidos?
a) Os fornecedores não são selecionados segundo critérios definidos e não são avaliados quanto ao seu desempenho.
b) Os fornecedores são selecionados com critérios definidos, mas seu desempenho não é avaliado.
c) Os fornecedores são selecionados com critérios definidos e seu desempenho é avaliado apenas quando ocorre algum problema.
d) Os fornecedores são selecionados com critérios definidos e seu desempenho é avaliado periodicamente, gerando ações para melhoria do
fornecimento.
Comentário para a empresa:
A
qualidade dos produtos e dos serviços disponibilizados pela empresa para os seus clientes depende diretamente dos materiais e serviços
adquiridos dos seus fornecedores. Por essa razão, é muito importante uma seleção cuidadosa e uma avaliação periódica dos fornecedores.
Quando não é feita nenhuma seleção dos fornecedores, ou quando são escolhidos de forma aleatória ou indiscriminada, e não são avaliados
A
quanto ao seu desempenho, não existe nenhuma garantia para a qualidade dos materiais e serviços fornecidos por eles, comprometendo a
qualidade dos produtos e dos serviços disponibilizados pela empresa para os seus clientes. Como oportunidade para melhoria a empresa
pode estabelecer procedimentos formais para a seleção dos fornecedores segundo critérios definidos assegurando, inicialmente, a
qualidade dos materiais e serviços adquiridos, e a avaliação periódica desses fornecedores, contribuindo para a manutenção e melhoria
dessa qualidade inicial dos materiais e serviços adquiridos do fornecedor.
31.
As finanças da empresa são controladas a fim de otimizar a utilização dos recursos?
a)
Não existem controles financeiros.
b)
Existem controles financeiros, mas não é utilizado fluxo de caixa.
c)
Existem controles financeiros com utilização de fluxo de caixa.
d)
Existem controles financeiros com utilização de fluxo de caixa e orçamento com horizonte de pelo menos um ano.
Comentário para a empresa:
Os recursos financeiros são fundamentais na empresa, uma vez que permitem a compra dos materiais e dos serviços necessários às
operações, o pagamento aos colaboradores e das despesas, e o investimento em equipamentos e instalações. Se os recursos financeiros
não são controlados, ou seja, se não existem controles financeiros na empresa, o destino das receitas geradas pelas vendas e das
despesas para manter a operação não é conhecido. Nestas condições a sobrevivência da empresa fica seriamente comprometida. Como
A
oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para controle de forma planejada, disciplinada e organizada
dos recursos financeiros, utilizando o fluxo de caixa e um plano orçamentário. O fluxo de caixa é um instrumento que permite organizar e
acompanhar as receitas geradas pelas vendas e as despesas para manter as operações. O plano orçamentário é outro instrumento que
registra receitas geradas pelas vendas e as despesas para manter as operações para um período de pelo menos doze meses à frente. O
controle financeiro realizado de forma planejada, disciplinada e organizada com a utilização do fluxo de caixa e do plano orçamentário,
assegura o permanente conhecimento da situação financeira da empresa e contribui para o sucesso do seu negócio.
CRITÉRIO 8 - RESULTADOS
32.
Existem resultados relativos à Satisfação dos clientes?
a)
Não é controlada e não existem informações suficientes para avaliar.
b)
Existem informações referentes a dois ou três últimos períodos anuais, mas a tendência é desfavorável.
c)
É controlada, existem informações referentes a dois últimos períodos anuais distintos e a tendência é favorável.
d)
É controlada, existem informações referentes a três últimos períodos anuais distintos, com tendência favorável.
Comentário para a empresa:
A
satisfação dos clientes é uma condição fundamental para que se mantenham fieis à empresa e a indiquem para outras pessoas,
contribuindo, dessa forma, para sua manutenção e crescimento no mercado e, como consequência, a sua perenidade. Quando a satisfação
A
dos clientes não é controlada não se sabe, ou não se tem conhecimento, se as necessidades e expectativas dos clientes estão sendo
atendidas, comprometendo de forma significativa os resultados da empresa. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer
procedimentos formais para controlar a satisfação dos seus clientes em relação aos produtos e serviços disponibilizados.
33. Existem resultados relativos a Reclamações de clientes?
a) Não são controladas e não existem informações suficientes para avaliar.
b) Existem informações referentes a dois ou três últimos períodos anuais, mas a tendência é desfavorável.
c) São controladas, existem informações referentes a dois últimos períodos anuais distintos e a tendência é favorável.

d) São controladas, existem informações referentes a três últimos períodos anuais distintos, com tendência favorável.

Comentário para a empresa:

   

As reclamações dos clientes são uma indicação de que os mesmos não estão sendo atendidos nas suas necessidades e expectativas. Quando as reclamações não são controladas a empresa não sabe, ou não tem conhecimento, dos problemas ou dificuldades que estão

A

sendo encontradas pelos clientes com seus produtos e serviços. Essa condição impede que os clientes se tornem fiéis à empresa e isso compromete seus resultados e a sua sobrevivência. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para receber e solucionar as reclamações de seus clientes relativas aos produtos e serviços disponibilizados, identificando suas causas e eliminado-as por meio de ações adequadas.

34.

Existem resultados relativos às Capacitações ministradas para os colaboradores?

a)

Não são controladas e não existem informações suficientes para avaliar.

b)

Existem informações referentes a dois ou três últimos períodos anuais, mas a tendência é desfavorável.

c)

São controladas, existem informações referentes a dois últimos períodos anuais distintos e a tendência é favorável.

d)

São controladas, existem informações referentes a três últimos períodos anuais distintos, com tendência favorável.

Comentário para a empresa:

   

A

capacitação dos colaboradores é necessária para assegurar que possam desempenhar suas funções com a competência necessária.

Quando a capacitação dos colaboradores não é controlada, a empresa não sabe, ou não tem conhecimento, se cada um dos seus

A

colaboradores está adequadamente preparado para a execução das suas funções. Nessas condições a incidência de erros na realização das atividades geralmente é alta, o que compromete os resultados da empresa e a motivação e a satisfação dos seus colaboradores. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para capacitação de seus colaboradores objetivando dar a cada colaborador a competência necessária para o desempenho de sua função.

35.

Existem resultados relativos a Acidentes com colaboradores?

a)

Não são controladas e não existem informações suficientes para avaliar.

b)

Existem informações referentes a dois ou três últimos períodos anuais, mas a tendência é desfavorável (crescente).

c)

São controlados, existem informações referentes a dois últimos períodos anuais distintos e a quantidade de acidentes tem tendência favorável

(decrescente).

d) São controlados, existem informações referentes a três últimos períodos anuais distintos, sendo que a quantidade de acidentes tem tendência

favorável (decrescente).

Comentário para a empresa:

A
A

Acidentes no trabalho com colaboradores da empresa são eventos graves e que não podem, ou não devem, ocorrer. A falta de controle dos acidentes com colaboradores, por parte da empresa, indica uma condição de falta de respeito aos colaboradores e o não cumprimento de

exigências legais. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para manter controle de todos os acidentes relacionados com suas atividades e ocorridos com seus colaboradores. Em adição ao controle dos acidentes, é necessário que a empresa adote as ações necessárias para prevenir a ocorrência de acidentes com os colaboradores no desempenho de suas funções.

36. Existem resultados relativos à Produtividade no trabalho?

a) Não é controlada e não existem informações suficientes para avaliar.

b) Existem informações referentes a dois ou três últimos períodos anuais, mas a tendência é desfavorável.

c) É controlada, existem informações referentes a dois últimos períodos anuais distintos e a tendência é favorável.

d) É controlada, existem informações referentes a três últimos períodos anuais distintos, com tendência favorável.

Comentário para a empresa:

   

O

trabalho de cada colaborador na realização das diversas atividades da empresa, principalmente na execução dos processos principais do

negócio, visa à satisfação das necessidades e expectativas dos clientes e das demais partes interessadas. A produtividade no trabalho consiste na sua execução de forma correta e eficaz, produzindo os resultados esperados e necessários em cada atividade ou processo da empresa. Quando a produtividade no trabalho não é controlada a empresa não sabe, ou não tem conhecimento, se as necessidades e

A

expectativas de seus clientes e das suas demais partes interessadas estão sendo adequadamente atendidas. Nessas condições, os resultados da empresa, de forma global, ficam comprometidos. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer procedimentos formais para controle de seus processos principais do negócio e demais atividades buscando, dessa forma, a otimizar a

produtividade no trabalho e, como consequência, a satisfação das necessidades e expectativas dos clientes e das demais partes interessadas.

37.

O resultado da margem de lucro é calculado considerando a receita anual menos os custos e despesas anuais totais, divididos pela receita

anual, multiplicado por 100. {[receitas – (despesas+custos)]/receitas}x100

a) Não é controlada e não existem informações suficientes para avaliar.

b) Existem informações referentes a dois ou três últimos períodos anuais, mas a tendência é desfavorável.

c) É controlada, existem informações referentes a dois últimos períodos anuais distintos e a tendência é favorável.

d) É controlada, existem informações referentes a três últimos períodos anuais distintos, com tendência favorável.

Comentário para a empresa:

A

A margem de lucro, basicamente considerada como a diferença favorável entre as receitas e as despesas, é um indicador relevante na administração da empresa. Uma margem de lucro favorável possibilita a sobrevivência da empresa no mercado e permite o seu crescimento,

assegurando a satisfação das necessidades e expectativas das suas partes interessadas. Quando a margem de lucro não é controlada, a empresa não sabe, ou não tem conhecimento, dos seus resultados financeiros, fundamentais para garantir a sua perenidade. Como oportunidade para melhoria a empresa pode estabelecer ações para o controle das suas receitas, das suas despesas, da sua margem de lucro e de outros indicadores financeiros.

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO MPE BRASIL PRÊMIO DE COMPETITIVIDADE PARA MICRO E PEQUENAS EMPRESAS CICLO 2012

PARTE II – DEVOLUTIVA SOBRE AS CARACTERÍSTICAS DE COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR

Esta parte do Relatório de Pontos Fortes e Oportunidades de Melhoria foi gerada a partir das repostas apresentadas na Parte II do Questionário do MPE Brasil, que avalia as Características de Comportamento Empreendedor do respondente.

Com base nos comentários apresentados, o respondente terá a oportunidade de avaliar seu comportamento empreendedor, segundo as dez Características de Comportamento Empreendedor reconhecidas e legitimadas pela ONU - Organização das Nações Unidas. Quanto maior for a pontuação em cada uma das dez características, maior tende a ser o desempenho do empreendedor, pois representa a sua forma de agir segundo a sua própria percepção.

Lembre-se de que o instrumento preenchido se trata de uma autoavaliação.

A seguir estão identificadas as dez características:

1. Busca de oportunidades e iniciativa

2. Persistência

3. Comprometimento

4. Exigência de qualidade e eficiência

5. Correr riscos calculados

6. Estabelecimento de metas

7. Busca de informações

8. Planejamento e monitoramento sistemáticos

9. Persuasão e rede de contatos

10. Independência e autoconfiança

Você deve considerar que não existe um perfil ideal. Portanto, esta é uma referência que poderá utilizar para buscar melhorias contínuas no seu ambiente de negócio.

Um fato relevante que você deve considerar é a combinação das dez características. Dessa maneira, você poderá ter uma visão mais realista em relação ao seu resultado. A análise da combinação torna-se fundamental devido ao fato de que o desalinhamento de pontuação entre algumas características pode afetar de forma adversa o desempenho de um empreendedor.

Portanto, antes de se preocupar com a intensidade do seu perfil, procure analisar a combinação das características.

RESPOSTAS DADAS PELA EMPRESA

1. Quando desconheço algo, não me importo em buscar informações.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

2. As pessoas concordam comigo baseadas em meus argumentos ou estratégias que adoto.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

3. Escolho situações em que posso controlar ao máximo os resultados finais, considerando as

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

possibilidades de êxito ou fracasso antes de agir.

Acontece

Acontece

Acontece

4.

Diante das necessidades do mercado, implanto inovações em meus produtos/ serviços ou amplio a

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

área geográfica de atuação de minha empresa.

Acontece

Acontece

Acontece

5.

Reconheço minha responsabilidade nas falhas e eventuais prejuízos financeiros e tomo

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

providências para corrigi-los.

Acontece

Acontece

Acontece

6.

Acredito que posso ser bem-sucedido em qualquer atividade que me proponho executar, mesmo

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

sendo algo difícil ou desafiador.

Acontece

Acontece

Acontece

7.

Meu rendimento no trabalho é bastante eficaz, pois faço as coisas de acordo com o que foi

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

estabelecido, dando ênfase à otimização do tempo.

Acontece

Acontece

Acontece

8.

Para mim, é mais importante a minha opinião do que a opinião de outras pessoas sobre o que faço

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

e a maneira como eu faço.

Acontece

Acontece

Acontece

9.

Executo minhas atividades, bem como as atividades dos funcionários, no dia a dia de minha

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

empresa

Acontece

Acontece

Acontece

10. Adoto, como parâmetro nas negociações, o ditado “quem não arrisca, não petisca”.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

11. Busco toda e qualquer informação disponível no mercado para utilizar em minha empresa.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

12. Sei de forma clara o que quero alcançar no futuro breve, e estabeleço parâmetros que permitam

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

medir e avaliar o meu desempenho.

Acontece

Acontece

Acontece

13.

Faço as coisas preocupando-me com meus clientes, pois eles sempre têm razão e estão acima

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

de qualquer coisa.

Acontece

Acontece

Acontece

14. Defino, a cada dia, o percentual de lucro que quero obter em minha empresa.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

15. Quando tenho um projeto de grande porte, divido-o em tarefas mais simples, com prazos

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

estabelecidos antecipadamente.

Acontece

Acontece

Acontece

16.

Mesmo que eu já esteja obtendo bons resultados em minha empresa, encontro formas de

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

melhorar o que faço (agilidade, custos, qualidade etc).

Acontece

Acontece

Acontece

17.

Confio em minha capacidade de tomar decisões e solucionar problemas desafiantes que encontro

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

na rotina empresarial.

Acontece

Acontece

Acontece

18.

Na execução das atividades, minha intuição e criatividade são suficientes para decidir como fazer.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Organização e controle são aspectos secundários.

Acontece

Acontece

Acontece

19.

Identifico pessoas influentes e solicito apoio delas para alcançar minhas metas, pois somente

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

assim consigo obter resultados positivos.

Acontece

Acontece

Acontece

20. Insisto várias vezes para conseguir o que pretendo.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

21. Aproveito, sem restrições, todas as oportunidades que surgem no mercado, pois elas trazem

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

retorno financeiro.

Acontece

Acontece

Acontece

22. Com objetivos comerciais, envio mensagens/ brindes aos clientes em datas especiais.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

23. Faço controles financeiros por meio de registros e utilizo esses dados para subsidiar as minhas

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

 

decisões.

Acontece

Acontece

Acontece

24.

Quando encontro dificuldades na execução de uma atividade, permito-me aguardar um tempo até

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

que elas se resolvam.

Acontece

Acontece

Acontece

25.

Quando necessário, trabalho muito e com afinco para completar uma tarefa ou alcançar um

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

objetivo.

Acontece

Acontece

Acontece

26. Faço coisas que, na opinião dos outros, são arriscadas.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

27. Minhas ações diárias são fortemente influenciadas por meus objetivos de vida futuros.

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

Acontece

Acontece

Acontece

28. Visito feiras e participo de eventos correlatos ao meu empreendimento para conhecer novos

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

produtos/ serviços e fornecedores.

Acontece

Acontece

Acontece

29.

Encontro oportunidades de novos negócios quando identifico necessidades ou diagnostico

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

problemas reais.

Acontece

Acontece

Acontece

30.

Realizo vendas para clientes, ainda que não tenha lucro imediato, tendo em vista futuras

Dificilmente

Às Vezes

Sempre

possibilidades de outros negócios com eles.

Acontece

Acontece

Acontece

 

Legenda:

1 - Dificilmente acontece

 

2 - Ás vezes acontece

3 - Sempre acontece

Ao interpretar a sua pontuação no perfil empreendedor, você deve considerar que a escala pontua o percentual de cada uma das características de comportamento empreendedor.

Pontuação Obtida:

 
 
Característica Empreendedora Pontuação Obtida Pontuação Máxima Busca de Oportunidade e Iniciativa 36,00% 100%
Característica Empreendedora
Pontuação Obtida
Pontuação Máxima
Busca de Oportunidade e Iniciativa
36,00%
100%
Persistência
68,00%
100%
Comprometimento
36,00%
100%
Exigência de Qualidade e Eficiência
36,00%
100%
Correr Riscos Calculados
36,00%
100%
Estabelecimento de Metas
36,00%
100%
Busca de Informações
52,00%
100%
Planejamento e Monitoramento Sistemático
52,00%
100%
Persuasão e Rede de Contatos
52,00%
100%
Independência e Autoconfiança
52,00%
100%

ANÁLISE DAS COMBINAÇÕES

 

Analise em suas pontuações e em seu gráfico se existe alguma dessas situações abaixo descritas, e identifique oportunidades de melhoria em seu comportamento:

 

Combinação entre as Pontuações das Características

Comentário

 

Quando a pontuação obtida na característica Persistência resultar bem maior do que na de Estabelecimento de Metas.

Provavelmente o empreendedor tenderá a persistir em atividades com uma intensidade superior e com objetivo / meta pouco ou não definida. Assim, a persistência pode indicar uma propensão à teimosia, uma vez que pode não haver parâmetros claros aonde se quer chegar. À medida que não se tem um rumo, muita energia pode estar sendo desperdiçada na persistência.

Quando a pontuação obtida na característica Planejamento e Monitoramento Sistemático resultar bem maior do que na de Busca de Informações.

Poderão faltar dados e informações para que o planejamento seja realizado e executado com eficiência e eficácia.

Quando a pontuação obtida na característica Correr Riscos Calculados resultar bem maior do que na de Busca de Informações.

Analise como os riscos serão avaliados, pois o empreendedor poderá estar envolvido em uma aventura, já que, provavelmente, as informações não estão completas. Tendência em avaliar a partir de suposições.

Quando a pontuação obtida na característica Independência e Autoconfiança resultar bem maior do que na de Estabelecimento de Metas.

A tendência à autossuficiência pode estar acontecendo e, dessa maneira, o empreendedor poderá acreditar que não é importante estabelecer suas metas/ objetivos de curto, médio e longo prazos.

Quando a pontuação obtida na característica Estabelecimento de Metas resultar bem maior do que na de Planejamento e Monitoramento Sistemático.

Neste caso, o empreendedor poderá estar focando de maneira sistemática as metas/ objetivos e não estar se preocupando em traçar o planejamento para alcançá-las.

Quando a pontuação obtida na característica Persuasão e Rede de Contatos resultar bem maior do que na de Comprometimento.

Poderá estar ocorrendo uma capacidade superior de convencer os demais, não valorizando os acordos de cumprir com o que foi combinado.

SAIBA MAIS SOBRE AS DEZ CARACTERÍSTICAS DE COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR (adaptado de fontes diversas)

1.

Busca de oportunidades e iniciativa

Faz as coisas de forma proativa, antes de ser solicitado ou de ser forçado pelas circunstâncias, ou seja, tem a iniciativa de se antecipar e fazer o que é necessário.

Procura expandir o negócio em novas áreas, mercados, produtos ou serviços. Assim, desenvolve ações com o objetivo de ampliar a participação no mercado (aprimorar a área física / local de trabalho ou diversificar a área geográfica de atuação, agregar valor aos produtos/serviços já existentes, lançar novos produtos/ novos serviços e atuar em novos segmentos ou nichos de mercado).

Aproveita oportunidades detectadas de expandir ou começar um novo negócio, obter financiamentos, novos equipamentos, aprimorar o local de trabalho ou agregar valor. Está muito atento, como se possuísse um radar ligado, para identificar e aproveitar oportunidades, além da ideia original, que estejam alinhadas com seus objetivos empresariais.

O

empreendedor é alguém que está sempre buscando e se deparando com novas oportunidades. Ao observar o ambiente interno e externo, costuma ter

ideias que normalmente atendem às necessidades do mercado ou trazem soluções para problemas existentes na vida dos consumidores. Essas ideias podem ser transformadas em negócios que geram resultados eficazes. Também é necessário ter a iniciativa para aproveitar as oportunidades que sejam importantes e alinhadas aos objetivos empresariais.

2.

Persistência

Age diante dos obstáculos significativos (eventos que acontecem e interferem ou interrompem o trajeto para se alcançar um objetivo/ meta). É essencial se superar e, para isso, é imprescindível um esforço maior do que o cotidiano. Para transpor os obstáculos encontrados, é preciso também “sair da zona de conforto” para se alcançar um objetivo ou meta.

Repete uma ação por duas ou mais vezes ou muda de estratégia, se necessário, para enfrentar um desafio ou superar um resultado indesejado.

Age de forma que o leve a abrir mão de algo que seja significativo e que tem valor pessoal, representando, portanto, um esforço extraordinário.

A

persistência é uma característica fundamental em qualquer empreendedor. Todo negócio tem seus momentos difíceis, mas é preciso persistir e buscar

a

superação sempre, levando-se em conta o aprendizado obtido e os objetivos/ metas a serem alcançados.

 

3.

Comprometimento

Assume a responsabilidade pessoal pelas ações praticadas, independentemente da natureza dos resultados (positivos ou negativos), comprometendo-se a corrigir os próprios erros.

Em situações não previstas, colabora com os colaboradores ou parceiros e até mesmo assume o papel deles, caso seja necessário, para concluir um trabalho.

Esforça-se para manter as partes envolvidas satisfeitas (clientes, parceiros) e coloca a boa vontade a longo prazo, acima de ganhos em curto prazo, ou seja, “abre mão” de ganhar no presente momento para ganhar no futuro próximo.

Estar comprometido significa ter envolvimento pessoal para que os compromissos assumidos sejam cumpridos. Isso é fator-chave para o sucesso pessoal e profissional. Cumprir aquilo que se promete é necessário para garantir relacionamentos sustentáveis, de qualidade e de longo prazo.

4.

Exigência de qualidade e eficiência

Atua constantemente para reduzir o tempo, custos ou melhorar a qualidade dos produtos/ serviços.

 

Faz com que os produtos e serviços superem as expectativas e surpreendam os clientes, fazendo além daquilo que é esperado por eles.

Desenvolve ações ou procedimentos (rotinas, processos, check list, entre outros) para padronizar o trabalho, visando à manutenção da qualidade/ eficiência.

A exigência de qualidade e eficiência é um importante diferencial em qualquer tipo de negócio. Quando os prazos e a qualidade esperada pelo cliente são garantidos e superados, conquista-se a confiança desse cliente. Lembre-se que, por maior e melhor que seja a qualidade que você fornece, é preciso estar sempre inovando nos produtos/ serviços, para se adequar às mudanças tecnológicas, comportamentais e,de tendências de mercado, a fim de se destacar em relação à concorrência.

5.

Correr riscos calculados

Analisa e avalia, previamente, pelo menos duas alternativas (por exemplo, os recursos físicos, organizacionais, financeiros e seus pontos fortes e fracos) e corre riscos intencionalmente.

Age para minimizar as chances de algo não acontecer como previsto, reduzindo os riscos ou controlando resultados.

Coloca-se em situações que indicam desafios para si mesmo (ultrapassando a normalidade do dia a dia), envolvendo a possibilidade de riscos moderados.

Montar uma empresa ou investir para melhorá-la implica riscos. Ser ousado é muito importante para se ter um diferencial competitivo. No entanto, é fundamental avaliar e calcular esses riscos para saber quando você deve se arriscar, objetivando o crescimento de sua empresa. Aprender a correr riscos calculados significa avaliar bem as possibilidades (pelo menos duas delas), tentar minimizar os riscos e controlar os resultados. O empreendedor, por natureza, opta por riscos moderados e não se predispõe às aventuras que não o levam a lugar algum. Para correr riscos calculados, é essencial buscar informações previamente para que a situação seja analisada minuciosamente. Se, por exemplo, você deseja investir em sua empresa para aumentar a produção e as vendas, é importante realizar uma pesquisa para saber se existe mercado capaz de absorver a ampliação da produção desejada, bem como avaliar se a infraestrutura atual, os recursos de caixa e as competências instaladas favorecem a decisão.

6. Estabelecimento de metas

Estabelece metas e objetivos que sejam desafiantes, factíveis e que tenham significado pessoal. É essencial saber aonde se quer chegar e os motivos (de acordo com os próprios valores), tendo consciência de que isso pode exigir um esforço adicional.

Tem uma visão de longo prazo (acima de 5 anos) clara, especificando para onde e quando quer chegar, alinhada à natureza da empresa.

Define metas de curto ou médio prazo com parâmetros claros, realistas, mensuráveis, coerentes e integrados à visão da empresa.

Pode-se considerar que o estabelecimento de metas também é uma característica muito significativa para o empreendedor, pois significa um “norte” da bússola empresarial. Trata-se de uma referência especifica de condições, tempo e aonde se quer chegar. Para atingir sua meta, é interessante que você crie estratégias e estabeleça indicadores de resultados para avaliar se está se aproximando ou se afastando dela. Veja um exemplo: imagine que a sua meta é aprimorar a gestão de sua empresa em 12 meses, realizando ações específicas e essenciais à melhoria no desempenho e competitividade no mercado. A participação neste Prêmio é uma ótima oportunidade para avaliar seu comportamento empreendedor, identificando seus pontos fortes e também as oportunidades de melhoria na gestão de sua empresa.

7. Busca de informações

Dedica-se a obter, pessoalmente, informações econômicas, tecnológicas, sociais, político-legais, tendências de mercado, de clientes, atuação dos fornecedores e dos concorrentes. Todas as informações devem ser necessárias e importantes à empresa.

Investiga, pessoalmente, como fabricar um produto ou fornecer um serviço.

Procura pessoas que, reconhecidamente, têm conhecimento técnico e/ou experiência técnica/ comercial (especialistas) ou organizações que atuam em gestão empresarial para obter assessoria técnica, econômica, legal ou comercial.

Conversar com colaboradores, clientes, fornecedores e concorrentes é essencial para posicionar melhor sua empresa no mercado. É inerente a um empreendedor querer saber mais e mais, porém, é importante ter foco na busca de informações para não investir tempo com temas ou assuntos que não sejam relacionados ao negócio. Saber identificar e filtrar as fontes de informações ajuda a melhorar a percepção do seu negócio. Você pode obter informações de diversas fontes. Procure saber as opiniões dos consumidores sobre o seu produto, fique atento às sugestões e observações deles; pesquise maneiras de melhorar seu produto ou serviço; identifique vantagens e desvantagens de sua empresa em relação à concorrência; leia jornais, revistas e publicações setoriais atualizados, escolhendo temas relativos à sua área de atuação. Navegue na Internet com um olhar amplo, mas direcionado às oportunidades que sejam de maior impacto no setor de atuação de sua empresa. Há sempre cursos e palestras e novas informações no mercado. Visite feiras e eventos correlacionados à sua área empresarial. Conheça os concorrentes, experimentando e testando os modelos praticados por eles para verificar o que pode ser melhorado no seu padrão. Sempre existem melhorias que podem e devem ser feitas. Buscando pessoalmente as informações, é possível obter também dados confiáveis e com fidelidade à realidade do mercado. E, caso a sua pesquisa pessoal não seja suficiente, procure a ajuda especializada de um técnico. Lembre-se de consultar o SEBRAE, Associações Empresariais, o IBQP, a FNQ, dentre outros, pois são organizações que possuem publicações, cursos e serviços relacionados à gestão que poderão lhe ser muito úteis.

8. Planejamento e monitoramento sistemáticos

Planeja, antecipadamente, dividindo grandes tarefas em sub-tarefas, com prazos e resultados esperados, com a descrição detalhada da forma como o plano será executado e os responsáveis pela execução para se atingir um objetivo/ meta.

Acompanha sistematicamente a execução do plano, revisando-o e flexibilizando ações, se necessário, considerando os resultados obtidos, eventuais imprevistos ou mudanças circunstanciais.

Faz controles por meio de anotações ou lançamentos (movimento de caixa, contas a pagar/ receber entre outros) e utiliza os dados para dar suporte à tomada de decisões ou solução de problemas.

Para se consolidar cada vez mais no mercado, o empreendedor bem-sucedido precisa aprender a planejar e acompanhar permanentemente seu planejamento, a fim de avaliar os resultados da empresa. Esse acompanhamento é chamado de monitoramento sistemático, imprescindível para a adoção de medidas corretivas ou ajustes, sempre que necessário. Dessa forma, é indispensável que você programe suas ações futuras.

Assim, padroniza-se tudo aquilo que funciona bem e aprimora-se o que for identificado como importante de ser alterado, gerando constante aprendizado. (Ciclo PDCA)

9. Persuasão e rede de contatos

Cria e utiliza, intencionalmente, estratégias para convencer outras pessoas, sempre com pragmatismo e valores éticos comuns;

Identifica, faz contato e mobiliza pessoas estratégicas e facilitadoras para atingir seus próprios objetivos;

Desenvolve e mantém relações e parcerias comerciais sustentáveis e de qualidade, fortalecendo as redes de contato.

Um empreendedor está sempre em contato com várias pessoas: clientes, fornecedores, concorrentes, parceiros, técnicos, especialistas de diversas áreas etc. Muitas vezes, são pessoas que não estão diretamente ligadas ao seu negócio, mas que, a qualquer momento, podem lhe ser muito úteis. Busque, portanto, manter contato com as pessoas que podem se tornar fonte de informações e/ou soluções para você.

Todo empreendedor, além da rede de contatos, precisa saber convencer as pessoas a fazerem o que se espera delas. Por exemplo: convencer um cliente a experimentar o produto, argumentar e convencer um fornecedor a entregar um produto ou serviço mais rápido. Mas, para convencer alguém, é preciso saber se comunicar de forma assertiva, ter bons argumentos, comprometimento com o que foi acordado e garantir que ambas as partes se beneficiem no

processo, preservando valores éticos comuns.

10. Independência e autoconfiança

Toma suas próprias decisões, sem se sentir dependente das normas e controles impostos por outras pessoas, tendo liberdade de ação.

Mantém seu ponto de vista, mesmo diante de opiniões contrárias ou de resultados inicialmente desanimadores, se sua experiência de vida justificar tal decisão.

Expressa, com convicção e segurança, sua capacidade para executar uma tarefa difícil ou de enfrentar um desafio.

A independência e autoconfiança é uma característica consequente da prática de todas as demais, sendo uma fonte de inspiração para colaboradores e membros da rede de contatos (clientes, fornecedores, concorrentes, parceiros, entre outros). Ela é um dos fatores que asseguram o papel de liderança em uma organização.

RECOMENDAÇÕES GERAIS:

Lembre-se que a devolutiva reflete uma autoavaliação. Portanto, ela demonstra a sua percepção referente ao seu próprio comportamento.

Procure fortalecer as suas características mais fracas.

Procure utilizar uma característica forte para desenvolver uma característica fraca. Por exemplo: caso você tenha Persistência como uma característica forte e Planejamento e Monitoramento Sistemático como uma característica fraca, poderá utilizar a Persistência para desenvolver a capacidade de planejar.

Quanto mais equilibrado resultar o seu perfil, melhor tenderá a ser o seu desempenho.

Procure evitar a dependência de uma única característica empreendedora para suas ações de negócio.

Busque identificar se você está praticando uma característica com frequência excessiva e de forma isolada, pois estará se comportando em um lado “sombra” daquela competência. Por exemplo, caso você tenha Persistência como uma característica bem forte e Estabelecimento de Metas como uma característica bem fraca, faz-se necessário avaliar se a teimosia está predominando, pois possivelmente você não terá definido de forma específica, mensurável, relevante e temporal aonde você quer chegar.

SEBRAE oferece capacitações específicas, voltadas ao desenvolvimento de características empreendedoras. Caso seja do seu interesse, procure

O

o

SEBRAE local e inscreva-se no EMPRETEC, um curso que trabalha essencialmente os aspectos comportamentais do empreendedor.

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO MPE BRASIL PRÊMIO DE COMPETITIVIDADE PARA MICRO E PEQUENAS EMPRESAS CICLO 2012

PARTE III - DEVOLUTIVA SOBRE AS PRÁTICAS DE RESPONSABILIDADE SOCIAL

Esta parte do Relatório de Pontos Fortes e Oportunidades de Melhoria foi gerada a partir das repostas apresentadas na Parte III do Questionário do MPE Brasil, que avalia as práticas de Responsabilidade Social.

Com base nos comentários apresentados, você terá a oportunidade de rever suas práticas de Responsabilidade Social e tomar ações para melhoria, buscando aprimorar as ações visando fortalecer a imagem de sua empresa.

INTRODUÇÃO

A Responsabilidade Social Empresarial é definida ‘pela relação ética e transparente da organização com todos os públicos com os quais se relaciona (partes interessadas), estando voltada para o desenvolvimento sustentável da sociedade, preservando recursos ambientais e culturais para gerações futuras, respeitando a diversidade e promovendo a redução das desigualdades sociais como parte integrante da estratégia da organização.’ (Critério de Excelência/FNQ).

Ao incluir a Responsabilidade Social nas estratégias e planos, a empresa agrega valor ao produto e ao serviço, consolida ou reforça a marca/imagem, fortalece a negociação com fornecedores, fideliza clientes, contribui para o aumento da receita e lucratividade, motiva colaboradores e traz muitos benefícios sociais. Portanto, estar atento e inserir processos e práticas de Responsabilidade Social deixaram de ser diferenciais, são pressupostos para o crescimento, a competitividade e a perenidade de uma organização.

1. A Responsabilidade Social faz parte das Estratégias e Planos?

a) A Responsabilidade Social não faz parte das Estratégias e Planos da empresa.

b) A Responsabilidade Social não faz parte das Estratégias e Planos da empresa, entretanto existem algumas ações pontuais sendo executadas.

c) A Responsabilidade Social faz parte das Estratégias e Planos da empresa e existem pessoas e recursos disponibilizados para sua execução.

d) A Responsabilidade Social faz parte das Estratégias e Planos da empresa e existem pessoas e recursos disponibilizados para sua execução e

indicadores de avaliação definidos.

Comentário para a empresa:

 

Integrar a Responsabilidade Social às estratégias e planos a empresa consiste em uma oportunidade para melhoria, pois isso permitirá qualificar

A

suas atividades e potencializar a produtividade, possibilitando, ainda, o fortalecimento da imagem e melhoria de condições para a sustentabilidade e competitividade. A implantação das ações mesmo que gradual, deve prever o acompanhamento e suporte aos seus executores.

2. Nos últimos três anos, a empresa recebeu alguma sanção relativa aos requisitos legais, éticos, regulamentares e contratuais?

a) Nenhuma providência foi tomada em relação à sanção.

b) Foram tomadas providências corretivas em relação à sanção.

c) Foram tomadas providências corretivas e preventivas em relação à sanção.

d) Não recebeu.

Comentário para a empresa:

Existe como oportunidade para melhoria demonstrar sua Responsabilidade Sócioambiental ao adotar a gestão de riscos, pois isso possibilitará a

análise do processo de produção ou da prestação de serviços e, desta forma, quando do recebimento de sanções permitirá a agilidade de resposta (ações corretivas). Quanto mais cedo forem tomadas providências corretivas menor serão os prejuízos, com o ‘dano’ em si, ou com o comprometimento da viabilidade do negócio e da imagem da empresa.

A

3. Considerando a responsabilidade quanto aos seus produtos, como a empresa comunica e informa seus clientes e consumidores sobre estes

produtos?

a) A empresa não possui ações formais de comunicação e informação dos seus produtos.

b) A empresa não possui ações formais de comunicação dos seus produtos, contudo, presta informações quando solicitada.

c) A empresa possui ações formais de comunicação e informação dos seus produtos, disponibilizando-as aos interessados.

d) A empresa possui ações formais de comunicação e informação dos seus produtos, promovendo e realizando campanhas esclarecedoras sobre a

procedência dos insumos, a melhor maneira de utilização e de descarte dos mesmos.

Comentário para a empresa:

 

Existe como oportunidade para melhoria reconhecer sua responsabilidade nas questões econômicas, ambientais e sociais, ao informar e comunicar formalmente a seus públicos, sobre o processo de produção ou prestação de serviços, bem como, orientar quanto à procedência dos

B

insumos, melhor forma de utilização, maneira e os locais para descarte com menor impacto. Prestar informações e esclarecimentos não é o suficiente, pois nem sempre evita prejuízos financeiros ou danos ambientais, de saúde e sanções referentes ao Código do Consumidor. Atuar preventivamente impacta na imagem, na viabilidade do negócio e favorece a competitividade.

4. O fundamento da Responsabilidade Social é o relacionamento da empresa com as partes interessadas (stakeholders) - proprietários, público interno (colaboradores), fornecedores, consumidores, cliente, concorrentes, comunidade, organizações da sociedade civil, órgãos governamentais, entre outros. A existência de ações planejadas indica o nível de adesão e estágio de desenvolvimento em Responsabilidade Social da empresa, como por exemplo, a atenção na seleção de fornecedores que não comprometam produtos e serviços ou a própria imagem da empresa; escuta atenta e ações junto aos clientes fortalecendo os vínculos de confiança; existência de ações preventivas ou corretivas sobre o impacto ambiental

do negócio; contribuição para sanar as necessidades da comunidade; monitoramento e retorno aos colaboradores sobre as atividades desenvolvidas de forma respeitosa e propositiva, entre outros.

(marcar a coluna correspondente a resposta correta para cada parte interessada)

a) Não

 

c) Possui articulação e ações

d) Possui articulação e ações

desenvolve

planejadas, ainda não executadas

planejadas e executadas com a

ações.

b) Desenvolve ações ocasionais.

com a parte interessada.

parte interessada.

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkji

nmlkj

nmlkj

nmlkj

Parte interessada

1. Colaboradores

(Público interno)

2. Clientes

3. Consumidores

4. Fornecedores

5. Instituições

governamentais

6.

7.

8.

5.

Concorrentes

Terceiro Setor

Comunidade

A empresa possui procedimento formalizado pa ra a contratação, acompanhamento e desligamento de colaboradores de forma responsável e

ética ?

a) A empresa não possui procedimento formalizado para a contratação, acompanhamento e desligamento responsável e ético.

b) A empresa não possui procedimento formalizado para a contratação, acompanhamento e desligamento responsável e ético, contudo possui ações

informais.

c) A empresa possui procedimento formalizado para a contratação, acompanhamento e desligamento responsável e ético.

d) A empresa possui procedimento formalizado para a contratação, acompanhamento e desligamento responsável e ético, assim como orienta e zela

para a sua prática sistemática.

Comentário para a empresa:

 

Existe como oportunidade para melhoria a criação de um procedimento formalizado para a contratação, o acompanhamento e o desligamento dos

A

colaboradores, pois sem ele sua empresa está suscetível a ações geradoras de insegurança, instabilidade, afetando o clima organizacional, a produtividade e o recebimento de sanções trabalhistas.

6.

A empresa conhece as necessidades e contribui com o desenvolvimento social da comunidade?

a)

A empresa não conhece as necessidades de sua comunidade.

b)

A empresa não conhece as necessidades da comunidade, contudo tem atividades que contribuem para seu desenvolvimento social.

c)

A empresa conhece as necessidades de sua comunidade e contribui para o seu desenvolvimento social.

d)

A empresa conhece as necessidades de sua comunidade e tem ações planejadas e acompanhadas que contribuem com seu desenvolvimento social.

Comentário para a empresa:

A

Conhecer as necessidades da comunidade onde está instalada consiste em oportunidade para melhoria, pois isso leva a empresa a compreender o contexto e ter a oportunidade de contribuir para melhoria, minimizando a vulnerabilidade social e ambiental da mesma.

7.1. Insira informações referentes ao total de ações executadas (atendimento direto ao público beneficiário) ou promovidas (atendimento ao publico beneficiário por meio de apoio a organizações ou projetos sociais ou atividades de parceiros).

Atividade

Número de ações sociais desenvolvidas diretamente ou das quais participa, na comunidade onde está inserida.

Número de ações sociais desenvolvidas diretamente ou das quais participa, fora da comunidade onde está inserida.

Número de beneficiários (público atendido).

Quantidade

0

0

0

Há quanto tempo vem realizando ações sociais (em anos).

0,00

Qual a periodicidade (em média).

0

7.2. Quanto ao monitoramento e avaliação das ações sociais:

a) A empresa não acompanha a execução e não avalia os resultados da ação na comunidade.

b) A empresa acompanha a execução, mas não avalia o resultado da ação.

c) A empresa acompanha a execução e avalia o resultado da ação.

d) A empresa acompanha a execução, avalia o resultado e traça estratégias de continuidade.

Comentário para a empresa:

A 8.a. 8.c. 8.d. 8.e. 8.f. Não acompanhar a execução e não avaliar os resultados

A

8.a.

8.c.

8.d.

8.e.

8.f.

Não acompanhar a execução e não avaliar os resultados das ações consiste em oportunidade para melhoria, pois a empresa deixa de certificar-se

da eficácia e efetividade do investimento, bem como, da permanência das necessidades e das possíveis adequações nas ações a serem realizadas.

Das ações desenvolvidas pela empresa, selecione uma que considera significativa e descreva abaixo.

Público beneficiário da ação social

Quantidade

Quais as necessidades identificadas e o objetivo definido diante destas necessidades?

Descreva sucintamente a ação.

Diante da execução da ação, a empresa tem estabelecidos monitoramento (durante a ação) e avaliação (conclusão da ação ou de período)?

Qual o resultado alcançado para os participantes da ação? (empresa, público beneficiário e parceiros).

da ação? (empresa, público beneficiário e parceiros). NÃO HÁ AÇÕES DESENVOLVIDAS. 8.b. Quando, para definir o

NÃO HÁ AÇÕES DESENVOLVIDAS.

8.b. Quando, para definir o público atendido, a empresa busca informações sobre as necessidades locais e escolhe a que possui alguma interação com o negócio ou, ainda, pela proximidade física (vizinhança), as chances de obter os resultados e metas planejados e efetivamente contribuir com este público se ampliam.

Seu atendimento pode ser direto, junto ao público selecionado (executora), ou indireto (promotora), por meio de uma organização ou projeto social e, também, de outros parceiros.

Forma de atendimento

Atendimento Direto

Atendimento Indireto

AS NECESSIDADES IDENTIFICADAS SÃO A TOMADA DE AÇÃO JUNTO A COMUNIDADE E SOCIEDADE.

A AÇÃO AINDA ESTÁ SENDO PLANEJADA.

Como estes dados são utilizados?

NÃO TEMOS ESSES DADOS DISPONIVEIS.

NÃO TEMOS RESULTADOS AINDA.

N Ã O 0 N Ã O 0

NÃO

0

N Ã O 0
N Ã O 0

NÃO

N Ã O

0

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO MPE BRASIL PRÊMIO DE COMPETITIVIDADE PARA MICRO E PEQUENAS EMPRESAS CICLO 2012

PARTE IV – DEVOLUTIVA SOBRE AS PRÁTICAS DE INOVAÇÃO

Esta parte do Relatório de Pontos Fortes e Oportunidades de Melhoria foi gerada a partir das repostas apresentadas na Parte IV do Questionário do MPE Brasil, que avalia as práticas de Inovação.

Com base nos comentários apresentados, você terá a oportunidade de rever as práticas de Inovação em sua empresa, e tomar ações para melhoria, buscando promover um ambiente mais propício para aumentar a capacidade de adaptar-se criativamente às mudanças que afetam o contexto empresarial em que ela está inserida.

INTRODUÇÃO

Uma empresa pode introduzir muitos tipos de mudanças que incorporam inovação. Essa pode ser tanto de caráter tecnológico associada a produtos e processos, quanto em seus métodos de trabalho, no uso dos fatores de produção e nos tipos de entregas que reflitam sua estratégia, as oportunidades conquistadas junto aos clientes e no mercado, com reflexo no desempenho nos negócios. A inovação é o instrumento de valor para o empreendedor do pequeno negócio, a qual possibilita às empresas se diferenciarem no mercado, estabelecendo um novo patamar em que a concorrência e a manutenção de contratos ocorra em função do conjunto de atributos importantes, atrativos para o cliente. A inovação pode acontecer, por exemplo, na melhoria da equipe, na ampliação das condições de venda, no aperfeiçoamento dos produtos, aprimoramento de um serviço, nos processos de trabalho com novos materiais, equipamentos e fluxos, bem como na criação de um novo modelo de negócio, pois adiciona algum tipo de novo valor para a empresa.

1. As informações e conhecimentos são obtidos nos relacionamentos externos para identificar oportunidades de inovação?

a) As informações e conhecimentos para identificar oportunidades de inovação não são obtidos nos relacionamentos externos.

b) As informações e conhecimentos para identificar oportunidades de inovação são obtidos ocasionalmente nos relacionamentos externos.

c) As informações e conhecimentos para identificar oportunidades de inovação são obtidos regularmente nos relacionamentos externos.

d) As informações e conhecimentos para identificar oportunidades de inovação são obtidos formalmente nos relacionamentos externos, permitem a

cooperação com outras entidades e são compartilhados com os colaboradores.

Comentário para a empresa:

B
B

Há oportunidades de melhoria na consideração regular das informações e conhecimentos voltados à inovação, que influenciam os negócios

e são obtidos nos relacionamentos externos, bem como na análise e compartilhamento interno das tendências que tragam benefícios para o negócio.

2. É promovido um ambiente favorável de estímulo ao surgimento de ideias criativas e da comunicação entre colaboradores para implementar as

inovações?

a) Não é promovido um ambiente favorável de estímulo ao surgimento de ideias criativas e de comunicação entre colaboradores.

b) É promovido um ambiente favorável de estímulo ao surgimento de ideias criativas, predominando a comunicação informal entre colaboradores.

c) É promovido um ambiente favorável de estímulo ao surgimento de ideias criativas, predominando a comunicação formal entre colaboradores.

d) É promovido um ambiente favorável de estímulo continuado ao surgimento de ideias criativas e de comunicação estruturada entre colaboradores.

Justificativa:

SEM INFORMAÇÕES ADICIONAIS.

Comentário para a empresa:

C
C

Estimular as inovações com promoção de um ambiente favorável para o compartilhamento e troca de ideias criativas é extremamente

importante. Existe a oportunidade de avançar ainda mais, por meio da comunicação estruturada e continuada entre os colaboradores sobre as inovações que podem ser implementadas para alavancar os negócios.

3. Os dirigentes apoiam e estabelecem condições de experimentação de novas ideias pa ra implementação de inovações em qualquer assunto

da empresa?

a) Os dirigentes não apoiam a experimentação de novas ideias e não estabelecem condições práticas para a sua implementação.

b) Os dirigentes apoiam a experimentação de novas ideias e, ocasionalmente, estabelecem condições práticas para sua implementação.

c) Os dirigentes apoiam a experimentação de novas ideias e, frequentemente, estabelecem condições práticas e recursos organizados para sua

implementação.

d) Os dirigentes apoiam a experimentação planejada de novas ideias e estabelecem condições práticas, com definição de responsabilidades e

recursos para implementação, em alinhamento com as estratégias.

Justificativa:

SEM INFORMAÇÕES ADICIONAIS.

Comentário para a empresa:

D
D

O apoio dos dirigentes à experimentação planejada de novas ideias e o estabelecimento de condições práticas com iniciativas estruturadas,

recursos e responsáveis para implementação das atividades e de produtos inovadores em alinhamento com as estratégias, são pontos

fortes da empresa. Essas práticas contribuem para o êxito e a sustentabilidade do negócio.

4. A empresa mantém as condições de implementação das inovações e faz a divulgação junto às partes interessadas?

a) A empresa não mantém as atividades de implementação das inovações e não faz a sua divulgação junto às partes interessadas.

b) A empresa mantém as atividades de implementação das inovações e faz sua divulgação restrita a algumas partes interessadas.

c) A empresa mantém as atividades de implementação das inovações e faz sua divulgação ampla junto às partes interessadas.

d) A empresa mantém e controla as atividades de implementação das inovações e faz sua divulgação de forma estruturada junto às partes

interessadas.

Justificativa:

SEM INFORMAÇÕES ADICIONAIS.

Comentário para a empresa:

C
C

A prática de manter condições de implementação das inovações pode ser aprimorada com o controle nas áreas envolvidas. Estabelecer uma

divulgação estruturada da inovação entre as partes interessadas poderá contribuir ainda mais para sustentar a aceitação e o uso das inovações.

5. A empresa acompanha os esforços realizados e avalia os benefícios da implementação das inovações?

a) Não são acompanhados os esforços realizados e não há avaliação dos benefícios da implementação de inovações.

b) Os esforços realizados são acompanhados e os benefícios da implementação de inovações são avaliados esporadicamente.

c) Os esforços realizados são acompanhados regularmente e os benefícios da implementação de inovações são avaliados formalmente.

d) Os esforços realizados são controlados regularmente e os benefícios da implementação das inovações são avaliados formalmente, com

indicadores de melhoria do desempenho da empresa.

Comentário para a empresa:

B
B

Existe como oportunidade de melhoria o acompanhamento regular dos esforços realizados de implementação das inovações. Essa prática pode ainda ser reforçada ao se fazer uma avaliação formal, para se assegurar dos benefícios que podem ser obtidos para o negócio.

6. A empresa reconhece a contribuição dos colaboradores envolvidos com as inovações?

a) Não há o reconhecimento da contribuição à inovação junto aos colaboradores.

b) O reconhecimento da contribuição à inovação junto aos colaboradores é feito sem distinção das demais atividades.

c) O reconhecimento da contribuição à inovação junto aos colaboradores é feito formalmente.

d) O reconhecimento da contribuição à inovação é feito formalmente e os resultados são em parte compartilhados com os colaboradores.

Comentário para a empresa:

B
B

Reconhecer de forma geral alguma contribuição dos colaboradores envolvidos com as inovações consiste em oportunidade de melhoria. O

reconhecimento específico pela participação na implementação de inovações poderá reforçar ainda mais o ambiente favorável, bem como o conhecimento que atesta o caráter inovador da empresa.