Вы находитесь на странице: 1из 10
Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Edital

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Edital PROPPG 07-2012/PIBIC- ENSINO MÉDIO

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PARA ALUNOS DO ENSINO MÉDIO

A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG), em conjunto com o Comitê

Interno do Programa Institucional de Iniciação Científica da UTFPR informa que no período de

04/12/2012 a 12/12/2012 estarão abertas as inscrições de processos de Iniciação Científica para alunos do ensino médio ou profissional a serem apoiados com recursos do CNPq - PIBIC-EM.

1. DOS OBJETIVOS

Fortalecer o processo de disseminação das informações e conhecimentos científicos e tecnológicos básicos, bem como desenvolver as atitudes, habilidades e valores necessários à educação científica e tecnológica dos estudantes do ensino médio.

2. DOS REQUISITOS, DIREITOS E DEVERES DO PESQUISADOR

I Possuir no mínimo título de mestre e experiência compatível com a função de orientador e formador de recursos humanos qualificados.

II Estar cadastrado no Sistema de Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq, em grupo certificado pela UTFPR.

III Ser docente / pesquisador com dedicação exclusiva (DE) ou em regime de trabalho de tempo integral (40h) na UTFPR.

IV Possuir projeto de pesquisa aprovado pela sua chefia ou coordenação de curso ou coordenação de programa de pós-graduação stricto sensu, ou projeto de pesquisa aprovado em órgão de fomento.

Parágrafo primeiro: Pesquisadores que exercem atividades de pesquisa na UTFPR, por exemplo: Pós-Doc., PV, PNPD, PVNS, etc. devem possuir projeto aprovado pelo programa de pós-graduação a que estão vinculados ou aprovado por órgão de fomento.

Parágrafo segundo: eventualmente as DIRPPG poderão criar uma comissão própria para a aprovação dos projetos.

V Submeter projeto no formulário de inscrição de projetos da PROPPG.

VI Indicar no máximo cinco (5) alunos, com perfil e desempenho acadêmico compatíveis com

as atividades previstas, observando princípios éticos, dentro do prazo a ser divulgado pela

PROPPG em sua página.

Parágrafo primeiro Dos alunos indicados todos podem, dependendo do número de bolsas disponíveis, receber bolsa concomitantemente.

Parágrafo

segundo

Excepcionalmente poderão ser indicados alunos

voluntários.

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Parágrafo

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Parágrafo terceiro o numero máximo de alunos orientados no programa PIBIC-EM, é de 5 (cinco) alunos.

VII Providenciar o registro do(s) aluno(s) indicado(s) à bolsa ou como voluntário(s) no grupo de pesquisa certificado pela UTFPR e cadastrado no diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq ao qual pertença.

VIII Participar da organização do Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR como coordenador de sessão, avaliador de trabalhos, revisor de trabalhos ou outra função compatível, sempre que solicitado.

IX Incluir os nomes dos alunos sob sua orientação como co-autores de publicações sempre que elaborados com a efetiva participação dos mesmos.

X Solicitar, com justificativa e relatório técnico-científico parcial, a substituição de um bolsista, desde que respeitados os prazos operacionais adotados pela UTFPR.

Parágrafo único - A partir da segunda indicação de aluno para a mesma bolsa vigente, a justificativa será analisada pelo Comitê Interno do Programa Institucional de Iniciação Científica da UTFPR.

XI Encaminhar o relatório técnico-científico parcial (sétimo mês de vigência da bolsa) e final na substituição ou encerramento do período de vigência da bolsa.

XII O Professor orientador deverá guardar a documentação original (termo de compromisso, plano de atividade, relatórios) por cinco anos, devendo o disponibilizar sempre que solicitado.

3. DOS REQUISITOS, DIREITOS E DEVERES DO(S) ALUNO(S) A SEREM INDICADO(S)

I Estar regularmente matriculado no ensino médio ou profissional em escola pública de ensino regular, escola militar, escola técnica ou escola privada de aplicação (ligadas às universidades católicas).

II Não ter vínculo empregatício e dedicar-se integralmente às atividades acadêmicas e de pesquisa.

III Estar recebendo apenas esta modalidade de bolsa, sendo vedada acumulação com a de outros programas, exceto bolsa permanência.

IV Executar individualmente o plano de trabalho dedicando vinte (20) horas semanais ao mesmo.

V Inscrever, com anuência do orientador, trabalho no Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do Câmpus da UTFPR onde estiver desenvolvendo suas atividades, apresentando-o na forma oral/painel conforme programação a ser divulgada oportunamente.

VI Fazer referência a sua condição de aluno de Iniciação Científica nas publicações e trabalhos apresentados.

VII Apresentar o relatório técnico-científico parcial (sétimo mês de vigência da bolsa) e final na substituição ou encerramento do período de vigência da bolsa.

VIII Atuar como monitor do Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica da UTFPR ou do Câmpus da UTFPR onde estiver desenvolvendo suas atividades sempre que solicitado.

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ IX O

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

IX O tempo máximo permitido para afastamento é de 15 dias consecutivos, sendo os afastamentos por períodos mais longos analisados pela Coordenação do Programa Institucional de Iniciação Científica da UTFPR mediante solicitação por escrito do aluno com anuência do orientador.

X É expressamente vedada a divisão da mensalidade de uma bolsa entre dois (2) ou mais alunos.

4. DO PROCESSO DE INSCRIÇÃO

I Os documentos, a serem submetidos por meio eletrônico no endereço http://www.utfpr.edu.br/estrutura-universitaria/pro-reitorias/proppg/editais/2012, necessários à inscrição no Programa Institucional de Iniciação Científica da UTFPR, devem ser no formato PDF e são os seguintes:

a) Currículo Lattes (no formato PDF) atualizado do proponente contendo as

orientações e produção intelectual, a partir de janeiro de 2010.

Como obter: selecione na Plataforma Lattes “atualizar currículo”, em seguida acione o 10º ícone no menu secundário no lado direito da página Gerar Página para Impressão)” e, então marque os seguintes itens:

Selecionar todos; Modelo de currículo - Personalizado, Estilo Com cores e elementos gráficos; Idioma Português; Padrão de referências bibliográficas da produção ABNT; Período de atuação profissional - desde o ano de 2010: Produção - utilizar citação bibliográfica informada e; Período de produção - desde o ano de 2010. Finalize acionando “confirmar”. Converta esse arquivo para o formato PDF;

b) ficha de pontuação do proponente (anexo I) preenchida;

Parágrafo primeiro - autoria ou coautoria livros e/ou capítulos de livros devem ser comprovados anexando à ficha de pontuação, cópia no formato PDF de partes do livro comprovando: autoria, editora, ISBN, etc.

Parágrafo segundo propriedade intelectual depositada ou concedida devem ser comprovadas anexando cópia no formato PDF à ficha de pontuação,

c) comprovante de que pertence a grupo de pesquisa da UTFPR cadastrado no

CNPq (link para o grupo de pesquisa);

d) cópia do projeto de pesquisa aprovado pela coordenação de curso, ou pela chefia ou pela coordenação de pós-graduação, ou comissão própria criada pela DIRPPG; ou cópia projeto de pesquisa aprovado em órgão de fomento (formato PDF, limitado a 1 megabyte (MB));

e) Quando for o caso comprovante de que o proponente é coordenador de projeto

de pesquisa aprovado, vigente e financiado ou aprovado por mérito, mas sem

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

financiamento ou projeto submetido (a partir de janeiro de 2011) junto a órgão de fomento externo à UTFPR, (link para o resultado do edital, ou e-mail informado o resultado do edital, etc.).

f) comprovante de que é bolsista de pós-doutoramento, PV, PNPD, PVNS, etc, na UTFPR, quando for o caso (anexar no formato PDF a ficha de pontuação).

II informar o número de orientados que pretende indicar no processo.

5. DOS RESPONSÁVEIS PELA ANÁLISE E DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS

I Os responsáveis pela análise da documentação e divulgação dos resultados é o Comitê Interno do Programa Institucional de Iniciação Científica da UTFPR.

Parágrafo Primeiro - O referido Comitê poderá desde que se faça necessário, solicitar a análise dos currículos dos participantes do Programa Institucional de Iniciação Cientifica a pesquisadores de comprovada competência acadêmica.

Parágrafo Segundo Documentos fora do formato (por exemplo, documentos em doc ao invés de PDF), ausência de informação e/ ou documentos, entre outros desclassificam automaticamente a inscrição.

II O Comitê Interno analisa e valida:

a) a pontuação correspondente ao nível de bolsa Produtividade em Pesquisa (PQ) ou em Desenvolvimento Tecnológico (DT) em vigência do CNPq do proponente (1A 280 pontos, 1B 260 pontos, 1C 240 pontos, 1D 220 pontos e 2 200 pontos) ou um máximo de 180 pontos ao currículo Lattes do proponente conforme critérios expostos no modelo de ficha de pontuação disponível no Anexo I.

Parágrafo único bolsa de Produtividade da FA será equiparada a bolsa Produtividade em Pesquisa (PQ2) ou em Desenvolvimento Tecnológico (DT2).

b) a pontuação correspondente à participação em programa de pós-graduação da UTFPR como professor permanente ou colaborador;

Parágrafo Único Esta pontuação será comprovada mediante consulta ao relatório DATA CAPES (exercício 2011).

c) os trinta (30) pontos do proponente que comprovar ser coordenador de projeto de pesquisa aprovado, vigente e financiado junto a órgão de fomento externo à UTFPR ou os vinte (20) pontos do proponente que comprovar ser coordenador de projeto de pesquisa aprovado por mérito ou os dez (10) pontos do proponente que comprovar ser coordenador de projeto de pesquisa submetido junto a órgão de fomento externo à UTFPR;

III O Comitê Interno tabula as notas atribuídas aos processos conforme Anexo I. Serão considerados aprovados aqueles que tiverem nota igual ou superior a trinta (30) pontos. As bolsas serão atribuídas em ordem decrescente da pontuação dos processos aprovados.

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Caso o

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Caso o número de bolsas seja superior ao número de processos aprovados, novas rodadas de atribuição de bolsas seguirão o mesmo critério.

IV Como critérios de desempate, quando for o caso, serão considerados pela ordem:

a) nível da bolsa Produtividade em Pesquisa e Extensão Inovadora (PQ) ou em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT) em vigência do CNPq do proponente,

b) número de artigos A1 publicados ou de patentes concedidas a partir de 2009;

c) número de artigos A2 publicados a partir de 2009;

d) número de artigos B1 publicados a partir de 2009;

e) tempo que o proponente é servidor da UTFPR.

V A PROPPG divulgará em sua página, por ordem alfabética do nome do proponente, a lista de processos (incluindo número de bolsas) aprovados, na data informada no Item 7.2 deste edital.

Parágrafo primeiro Esta data poderá ser alterada caso os órgãos de fomento (CNPQ) atrasem a divulgação das cotas concedidas a UTFPR.

Parágrafo segundo As bolsas serão distribuídas entre os orientadores após divulgação pelos órgãos de fomento, seguindo a pontuação em ordem decrescente.

VI O Professores orientadores inscritos neste Edital podem entrar com recursos até a data informada no Item 7.3 deste edital.

VII Os resultados serão homologados e divulgados na pagina de Editais da PROPPG até a data informada no Item 7.4 deste edital.

VIII Os Professores orientadores contemplados com bolsas neste Edital devem indicar os bolsistas nas DIRPPG até a data informada no Item 7.5 deste edital.

Parágrafo primeiro a indicação consiste na entrega dos dados pessoais, bancários, termo de compromisso e plano de atividade assinados na DIRPPG até a data estipulada no item 7.5.

Parágrafo segundo O novos orientados indicados para a bolsa do CNPq deverão confirmar o termo de aceite da bolsa por e-mail até a data informada no Item 7.7 deste edital.

Parágrafo terceiro O atraso nas indicações implica no remanejamento das cotas de bolsas.

Parágrafo quarto Cotas remanescentes, se existentes serão redistribuídas.

IX A PROPPG fará a indicação dos bolsistas no sistema do CNPQ, conforme data informada no Item 7.6 deste edital.

ANÁLISE E R

6. RESULTADOS E RECURSOS

I Após a divulgação dos resultados dos processos, o proponente poderá a seu critério interpor recurso contra a decisão do Comitê, até data informada no Item 7.3 deste edital.

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ II O

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

II O recurso deverá estar bem fundamentado, ser protocolado junto à Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação (DIRPPG) ou órgão equivalente do Câmpus onde o proponente está lotado.

III O Comitê Interno do Programa Institucional de Iniciação Científica para alunos do Ensino Médio analisará os recursos disponibilizando as respectivas devolutivas aos interessados em data estipulada no item 7.4 deste edital.

IV Os casos omissos serão resolvidos pelo Comitê Interno do Programa Institucional de Iniciação Científica em consonância com a Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação.

7. DATAS IMPORTANTES

1. Período de inscrição/ submissão de projetos (incluindo toda a documentação pertinente) conforme especificado no item 3.

De 04/12/2012 a 12/12/2012

2. Divulgação dos resultados

Até 18/12/2012

3. Recursos nas DIRPPG

Até 12:00 do dia 20/12/2012

4. Homologação dos resultados

21/12/2012

5. Indicação de bolsista na DIRPPG

Até 05/02/2013

6. Indicação para o CNPQ

Até 08/02/2013

7. Confirmação do termo de aceite do CNPq pelo aluno

Até 15/02/2013

8. Distribuição de cotas remanescentes (se houver) Vigencia 03/2013 a 01/2014

Até 25/02/2013

8. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES

1.

BENEFÍCIO DA BOLSA PIBIC-EM: Mensalidade correspondente ao valor estabelecido pelo CNPq. Atualmente no valor de R$100,00 (cem reais), podendo sofrer correções a critério do CNPq.

Como regra:

a) nos casos de exoneração ou falecimento, a orientação do aluno poderá ser passada a outro orientador desde que este já esteja habilitado e participe do edital vigente. Em casos

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ de

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

de impedimento eventual do novo orientador, a(s) bolsa(s) retorna(m) à Coordenação de IC.

b) um orientador poderá, a seu critério, solicitar a substituição de um aluno de IC, podendo indicar um novo aluno para a vaga. O processo deverá ser via protocolo geral nas DIRPPG anexando dados do novo orientado, termo de compromisso, plano de trabalho, relatório parcial do bolsista com as respectivas justificativas. A solicitação deverá ser encaminhada sempre até dia 05 do respectivo mês. Não serão aceitas substituições nos últimos quatro meses do término do período do Programa. Nestes casos deve-se o cancelamento.

c) a substituição ou cancelamento de bolsistas formandos devem ser realizadas até o ultimo mês de aula do orientado no curso, via protocolo geral nas DIRPPG, e entrega do relatório parcial do bolsista.

d) no caso de cancelamento de um projeto e consequentemente liberação de uma bolsa, a mesma será repassada a outro orientador habilitado neste edital, condicionado à análise pelo Comitê Interno da justificativa apresentada pelo orientador anterior.

e) nos casos de cancelamento do plano de trabalho e orientação, o orientador e orientado poderão ficar inadimplentes com o Programa PIBIC-EM, se a justificativa não for acatada pelo Comitê.

Curitiba, 30 de Novembro de 2012.

Prof. Dr. Paulo Cesar Borges Coordenador de Iniciação Científica e Tecnológica

Prof. Dr. Luiz Nacamura Júnior Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Anexo I

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Anexo I

FORMULÁRIO DE PONTUAÇÃO DO CURRÍCULO DO PROPONENTE

Atenção:

1. Este formulário está disponível no formato DOC no link:

http://www.utfpr.edu.br/estrutura-universitaria/pro-

reitorias/proppg/editais/2012;

2. O formulário e os demais comprovantes devem ser encaminhados no formato PDF; 3. A não comprovação de livros, capítulos de livros, projetos aprovados ou submetidos cancelam a pontuação indicada no formulário; 4. A comprovação de livros, capítulos de livros devem ser anexadas a este formulário; 5. A comprovação de projetos aprovados ou submetidos devem ser formatadas em um único documento PDF e inseridas direto no formulário de inscrição ao Edital 07-

2012/PIBIC-EM.

6. Atenção - a ficha de pontuação para o Edital PROPPG 07-2012/PIBIC-EM é diferente das utilizadas em outros editais.

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ FICHA DE

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

FICHA DE AVALIAÇÃO DO CURRÍCULO DO PROPONENTE

NOME:

DEPARTAMENTO/COORDENAÇÃO:

CÂMPUS:

Tabela 1

Bolsista Produtividade em Pesquisa (PQ) ou em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT) em vigência do CNPq

Subtotal

1A 280 pontos, 1B 260 pontos, 1C 240 pontos, 1D 220 pontos e 2 200 pontos.

Tabela 2

Currículo Lattes

2009

2010

2011/

Subtotal

2012

Artigos publicados em periódicos científicos indexados no Qualis (deverá ser utilizado o maior Qualis disponível no site da CAPES)

A1 (30 pontos cada)

       

A2 (25 pontos cada)

     

B1 (20 pontos cada)

     
 

B2 (15 pontos cada)

     

B3 (10 pontos cada)

     

B4 (5 pontos cada)

     

Artigo completo, resumo, nota, comunicação científica em periódico Qualis. Item limitado a 10 pontos no total.

B5 (2 pontos cada)

       

C, não indexado ou em revista de divulgação científica (1 ponto cada)

     

Trabalhos completos publicados em anais de eventos científicos ou resumos expandidos. Item limitado a 30 pontos no total.

Internacionais e nacionais (3 pontos cada)

       

Locais eventos de IC, IT ou extensão (0,5 pontos cada) Item limitado a 1 ponto ano

     
 

Resumos publicados em anais de eventos nacionais ou internacionais (1 ponto cada)

       

Livro publicado, científico. Tecnológico ou didático, com ISBN Item limitado a 40 pontos no total. OBS.: É obrigatório anexar cópia das partes do livro comprovando autoria, editora, ISBN,etc. O formato para envio deste formulário deve ser PDF

Internacional (30

       

pontos cada).

Nacional (10 pontos cada).

       

Capítulo de livro publicado, com ISBN. Item limitado a 20 pontos no total. OBS.: É obrigatório anexar cópia das partes do livro comprovando autoria, editora, ISBN,etc. O formato para envio deste formulário deve ser PDF. Não será aceito artigo de evento publicado em Proceedings como capítulo de livro

Internacional (07

       

pontos cada).

Nacional (05 pontos cada).

       

Composição musical publicada, peça teatral e filme (com patente ou copyright) (5 pontos cada). Item limitado a 10 pontos no total.

       

Obra de artes visuais [obra (s) plástica(s) em exposições públicas], vídeo, CD, DVD, etc. (2 pontos cada). Item limitado a 10 pontos no total.

       

Propriedade intelectual concedida Patente ou Registro (Processo ou técnica, Produto tecnológico, Software e jogos eletrônicos) (50 pontos cada)

       

Propriedade intelectual depositada Patente ou Registro (Processo ou técnica, Produto tecnológico, Software e jogos eletrônicos) (20 pontos cada)

       

Organização ou edição de livro, periódico ou anais de evento com ISSN ou ISBN (2 ponto cada). Item limitado a 6 pontos no total.

       

Orientação concluída de Tese de Doutorado (10 pontos cada). Item limitado a 30 pontos no total.

         

Orientação concluída de Dissertação de Mestrado ou Co-orientação de Tese de Doutorado (5 pontos cada). Item limitado a 15 pontos no total.

       

Orientação concluída de Monografia de curso de Especialização da UTFPR, Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação, Iniciação Científica / Tecnológica, ou Co-Orientação Dissertação de Mestrado (2 pontos cada). Item limitado a 16 pontos no total.

       

Orientação de outra natureza concluída - estágio curricular obrigatório, Iniciação a extensão, Iniciação a docência, PET, etc. (1 ponto cada). Item limitado a 10 pontos

       

Total Produção Científica (limitado a 180 pontos)

   
Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR

Ministério da Educação

Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação

do Paraná Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação PR UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Tabela 3

PR

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Tabela 3

Participação em Programa de Pós-Graduação da UTFPR

1

Participação em programa de pós- graduação da UTFPR (conforme relatório DATA CAPES (exercício 2011).)

Professor

permanente

Programa nota 5, 6 ou 7 (8 pontos)

Programa nota 4 (6 pontos)

Programa nota 3 (4 pontos)

Professor

colaborador

Programa nota 5, 6 ou 7 (6 pontos)

Programa nota 4 (5 pontos)

Programa nota 3 (3 pontos)

Total (limitado a 10 pontos)

Tabela 4

Coordenar projeto de pesquisa aprovado e vigente, financiado por órgão de fomento externo a UTFPR (30 pontos cada) ou,

Coordenar projeto de pesquisa aprovado por mérito (sem financiamento) por órgão de fomento externo a UTFPR UTFPR (20 pontos cada) ou,

Coordenar projeto de pesquisa submetido a órgão de fomento externo a UTFPR (a partir de janeiro de 2011 ) (10 pontos limitado a um único projeto)

OBS.: É obrigatório anexar cópia das comprovações de projetos aprovados ou submetidos. O formato para envio deste formulário deve ser PDF. (Total limitado a 50 pontos)

Somatório: tabela 1 ou tabela 2 (o que for maior) + tabela 3 + tabela 4

TOTAL GERAL

Somatório: tabela 1 ou tabela 2 (o que for maior) + tabela 3 + tabela 4