Вы находитесь на странице: 1из 3

ESCOLA SECUNDÁRIA JAIME MONIZ

ENSINO SECUNDÁRIO RECORRENTE


POR MÓDULOS CAPITALIZÁVEIS
EXAME DE MATEMÁTICA A – MÓDULO 8
EM REGIME NÃO PRESENCIAL

DATA: 6 Julho 2009 TEMPO: 1 h e 30 minutos

MATRIZ

Estrutura: A prova será composta por duas partes: Primeira e Segunda

Na Primeira Parte serão apresentadas 5 questões de escolha múltipla. O aluno deverá escolher a resposta correcta entre as
alternativas que lhe são apresentadas, indicando, na sua folha de resposta, a letra correspondente à escolha efectuada. Caso o aluno indique
mais do que uma resposta, essa questão será anulada, o mesmo acontecendo em caso de escrita ambígua.

A Segunda Parte será composta por questões de desenvolvimento, podendo ser subdivididas em alíneas. A resolução deve ser feita
de forma clara, indicando todos os cálculos que tiver de efectuar e as justificações necessárias, a menos que seja pedido apenas para
indicar.

Cotação da Prova

A prova será cotada de 0 a 200 pontos, sendo a classificação final expressa na escala de 0 a 20 valores.

1ª Parte
- Vale 50 pontos (cada resposta certa vale 10 pontos, cada resposta errada, anulada ou não respondida será cotada com 0 pontos).

2ª Parte
- Vale 150 pontos.

1
Indicações específicas:
A prova tem um formulário em anexo. A quantidade de fórmulas incluídas pode ultrapassar o número das que podem eventualmente ser
necessárias
Material à realização da prova.
a utilizar:

O examinando apenas pode usar na prova, como material de escrita, caneta ou esferográfica de tinta azul ou preta. O examinando
deve ainda ser portador de uma calculadora gráfica. A lista das calculadoras admissíveis é fornecida pela Direcção-Geral de Inovação e de
Desenvolvimento Curricular. Não é permitido o uso de «esferográfica-lápis», nem de corrector.

Critérios de Classificação:

A cotação de cada alínea será sempre um número inteiro.


O professor corrector deverá valorizar o raciocínio do examinando em todas as questões.
A classificação de uma questão não será prejudicada pela utilização de dados incorrectos obtidos em cálculos anteriores, desde que o
grau de dificuldade não diminua.
Erros ocasionais de contas, que não alterem significativamente a estrutura ou grau de dificuldade da questão, não poderão
corresponder a penalizações superiores a 10% da cotação máxima atribuída a essa questão.
Algumas questões da prova poderão ser correctamente resolvidas por mais do que um processo. Sempre que um examinando utilizar
um processo de resolução não contemplado nestes critérios, caberá ao professor corrector adoptar um critério de distribuição da cotação que
julgue adequado e utilizá-lo em situações idênticas.
Nas questões que obriguem à utilização da capacidade gráfica da calculadora, o aluno deverá transcrever para a sua folha de prova os
gráficos e/ou tabelas em que se baseou para dar a sua resposta, no sentido de clarificar o raciocínio efectuado.

2
Conteúdos Objectivos Valorização

1. Funções Exponenciais e Logarítmicas • Interpretar gráfica e analiticamente as propriedades das


● Função exponencial de base superior a 1; funções exponencial e logarítmica.
- Crescimento exponencial; • Aplicar as regras operatórias sobre exponenciais e logarítmos. 30%
- Estudo das propriedades analíticas e gráficas da família • Resolver problemas envolvendo funções exponenciais e
das funções definida por f ( x) = a x , a > 1 . logarítmicas.
• Função logarítmica de base superior a 1; • Interpretar fenómenos descritos por funções exponenciais e por
- Estudo das propriedades analíticas e gráficas da funções logarítmicas.
família de funções definida por f ( x) = log a x, a > 1 .
• Regras operatórias de exponenciais e logarítmos.
• Utilização de funções exponenciais e logarítmicas na
modelação de situações reais.
• Calcular limites de funções.
2. Teoria de Limites • Usar as regras operatórias sobre limites
• Limite de função segundo Heine. Propriedades • Levantar indeterminações.
operatórias sobre limites. Limites notáveis. • Determinar assímptotas.
Indeterminações. Assímptotas. Continuidade. • Estudar a continuidade de uma função. 40%
• Teorema de Bolzano-Cauchy e aplicações numéricas. • Aplicar o Teorema de Bolzano-Cauchy ao estudo das funções.

3. Cálculo Diferencial • Calcular derivadas.


• Funções derivadas. Regras de derivação. Derivadas de • Aplicar a função derivada ao estudo dos intervalos de
funções elementares (informação baseada em intuição monotonia e extremos relativos de uma função.
numérica e gráfica). Segunda definição do número e. • Determinar o sentido da concavidade de um gráfico e a
• Segundas derivadas e concavidade. existência de pontos de inflexão através do estudo da segunda
• Estudo de funções em casos simples. derivada da função.
• Aplicar o conceito de derivada na resolução de problemas.
• Fazer o estudo de funções, combinando métodos analíticos 30%
com o uso da calculadora gráfica.
• Resolver problemas de optimização.