Вы находитесь на странице: 1из 1

Curso Preparatório Para Missões Introdução à Missão

Para a Missão SAEM foi elaboradas diretrizes com o objetivo de fazer com que o trabalho missionário seja realizado conforme o padrão bíblico. As diretrizes dizem que às igrejas:

1. Compete selecionar, enviar, sustentar e acompanhar as atividades e ações dos missionários;

2. Devem ter ardor missionário, expresso em verdadeiro amor pelas almas perdidas;

3. Devem dar apoio financeiro à Obra Missionária, isentas de motivações periódicas e emoções sistemáticas e sacrificiais;

4. Devem promover a oração sistemática e intercessória em favor da Obra Missionária;

5. Devem zelar, com máxima simpatia, pelo missionário e sua família, supervisionando seu trabalho local de modo que, na medida do possível, nada lhe falte à bem pessoal, familiar e conceitual perante a igreja, obreiros, autoridades e sociedade do país a que serve como missionário.

6. Devem evitar insinuações de princípios de ética prática da vida brasileiro- eclesiástica ao missionário, com fins de serem inculcados aos conversos no campo missionário transcultural.

7. Podem associar-se com outras igrejas para o sustento de um ou mais missionários, desde que determinem responsabilidade de cada um;

8. Devem registrar seus missionários na Missão SAEM antes de eles partirem para o campo;

9. Devem comunicar a Missão SAEM: Retorno de missionários, novo local de atividades, mudança de endereço do missionário no caso de retorno dos campos;

10. Devem solucionar a situação de seu missionário no caso de retorno ao campo;

11. Devem evitar problemas que prejudiquem a continuidade do trabalho na Obra Missionária do campo;

12. Devem organizar secretarias de missões para servirem como órgão de apoio de toda a igreja no desempenho das atividades missionárias.

Então, há a responsabilidade missionária da Igreja como reunião ou assembléia dos salvos, a responsabilidade coletiva. Cabe também a cada crente fazer Missões. Estudamos na parte COMO FAZER MISSÕES que o crente deve praticar três ações:

e

,

Cada crente deve orar, contribuir e ir porque ele não pode ser um espectador do que acontece no reino de Deus. Ninguém é salvo por Cristo para apenas assistir a realização da sua Obra. É interessante saber que a palavra “crente” vem de uma outra língua original do Novo Testamento traduzida como crer, que significa na verdade: “dar-se sem reservas, uma entrega total”. Quem realmente é crente, não o que se diz crente, é um trabalhador da seara de Deus. Alguns podem ser chamados para realizar tarefas específicas. Na Bíblia temos diversos exemplos disso, dos quais mencionaremos alguns. Leia as passagens abaixo e escreva na frente de cada nome a tarefa específica que Deus deu para eles realizarem:

13