Вы находитесь на странице: 1из 4

História da Língua Portuguesa

Receituário à portuguesa

Como nascem as línguas? Há umas que sejam mais difíceis que


outras, línguas mais caras e línguas mais em conta? Quanto
tempo demora a saborear o português ou o castelhano ou o
finlandês ou... Há línguas para todos os sabores ou há línguas
com sabores especiais? A nossa, certamente, que os tem, pelo
menos para nós, esses especiais gostos com que nos
identificamos desde o nascimento
Aqui ficam dois exemplos de trabalhos efectuados na aula de
Língua Portuguesa.

Língua à Portuguesa
Dificuldade: alguma
Tempo: muito
Custo: baixo

Ingredientes:
1 concha de substracto Celta
20 kg de língua de latim vulgar
1 kg de língua de latim literário congelado
1 chávena de superstracto Germânico
1 chávena de superstracto Árabe
1 colher de sopa de palavras provenientes da expansão
1 pitada (q.b.) de estrangeirismos acabados de colher
Modo de preparação:
Revista harmoniosamente o fundo da panela com a porção de substrato
Celta e coloque-a no fogão em lume brando. Algumas centenas de anos
depois, sobreponha repentinamente o latim vulgar e aumente o lume. Ao
longo dos próximos 8 séculos, vá mexendo e trabalhando a língua e após
esse intervalo de tempo recheie-a levemente com superstrato Germânico.
Passados mais 300 anos acrescente o recheio árabe. Verta, então, o
conteúdo da panela para outro recipiente e leve-o a forno médio. O
recipiente deverá ser bastante fundo e largo, pois passados 700 anos a
língua vai expandir-se. Devido a essa expansão você ver-se-á obrigado a
adicionar palavras de outras origens ao seu cozinhado. Retire o recipiente
do forno e deixe-o arrefecer um pouco. Descongele então o latim literário
e unte a preparação com este ingrediente. A partir desta altura,
condimente gradualmente o prato, com uma pitada de estrangeirismos.
Coloque novamente o recipiente no fogão em lume médio. No entanto
prepare-se, pois esta será a parte mais delicada da preparação. Ao longo
desta cozedura você reparará que se formarão na superfície da língua
pequenas manchas escuras e já sem gosto, denominados Arcaísmos.
Retire-os do cozinhado, pois não fazem falta alguma. Para compensar esta
perda, formar-se-ão deliciosos temperos que completarão a sua deliciosa
língua (Neologismos). Não obstante, esta receita encontrar-se-á sempre
incompleta. Nunca irá desfrutar desta eternamente.
Cataplana de Língua à Portuguesa

Ingredientes:
(170 milhões de pessoas).
-800000 postas de substrato Celta, demolhado;
-18 toneladas de latim vulgar;
-70000 ramos de superstrato Germânico;
-17 toneladas de Galaico-Português;
-40000 neologismos a murro;
-Fios de estrangeirismo;
-Superstrato Árabe.

Modo de preparação:
Esfregue o superstrato Germânico com o superstrato Árabe.
Junte o substrato Celta com o Latim vulgar, previamente misturado com o
Latim literário.
Regue com as medidas e acrescente com as toneladas de Galaico-
Português.
Coloca-se em banho Maria-Manuel, para manter o preparado quente.
Leve ao forno durante 3 séculos, numa temperatura de 150º.
Acompanhe com neologismos a murro.
Se quiser, sirva com fios de estrangeirismo.
E puf !!! Fez-se o Português.....

Tempo de preparação: vários séculos


Dificuldade: Média
Nota: Esta receita está em constante confecção.

Похожие интересы