Вы находитесь на странице: 1из 7

Tabela matriz a utilizar para a realização da 1ª parte da tarefa, conforme indicações do Guia da Sessão

Conhecimento na área Biblioteca escolar

Aspectos críticos que a Desafios.


Domínio Literatura identifica Pontos fortes Fraquezas Oportunidades Ameaças Acções a
implementar
- Horário a tempo - Excesso de - Reconhecimento - Horário de - Implementação
Competências do - Liderança transformadora, inteiro “burocratização” institucional e da apenas13h para do modelo de
professor bibliotecário estratégica, colaborativa, diminui o tempo escola escolas com auto-avaliação
criativa, sustentada e flexível - Presença no C. para o menos de 400
capaz de mostrar a relevância Pedagógico desenvolvimento de - Acções de alunos - Trabalhar
do papel do professor certas competências Formação articuladamente
bibliotecário na escola. -Autonomia - Falta de uma com as várias
(Todd, 2001) institucional para - Dificuldade em cultura estruturas
gerir a BE acompanhar as colaborativa nas educativas da
- Conhecedor de novos inovações escolas escola
ambientes digitais. - Professores
bibliotecários
- Ser respeitado como um qualificados
especialista do saber.
(Zmuda e Harada, 2008)

- Gestão do tempo do
professor bibliotecário, não
conseguir fazer o trabalho
que desejaria. (Todd, 2001,
7 estudo da realidade
australiana)

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama


Conhecimento na área Biblioteca escolar

- Realizar acções de
investigação e de
aprendizagem contínua.

-Gestor de produtos e
serviços de informação

-Promotor da qualidade
educativa, aprendizagens
centradas na construção do
conhecimento. (Todd, 2001)

- Facilitador de processos.
- Constituição do - Falta de - Formação e
Organização e Gestão da - Optimizar os processos que - Equipa -Informatização do SABE continuidade da continuidade da
BE produzam resultados e multidisciplinar catálogo equipa e equipa
impacto na qualidade da BE - PTE contingências na
e dos serviços prestados. - Gestão do espaço - Formação dos distribuição do - Informatização
– zonas funcionais recursos humanos - Apoio da RBE serviço (horas). do catálogo
- Gestão global da e mobiliário
informação. adequado - Comunicação
(equipamentos) /marketing
- Comunicação institucional.
- Horário contínuo - Instabilidade da
-Formação e acção equipa e reduzido
pedagógicas. - Integração da BE nº de horas
7 nos documentos atribuído aos seus
- Difusão; marketing orientadores da elementos
escola

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama


Conhecimento na área Biblioteca escolar

- Gestão orçamental e de
recursos humanos.

- Gerir para o sucesso


educativo.

- O staff da BE deve ter uma


formação em diferentes - Orçamento
domínios. próprio
(Todd, 2001, estudo citado)
- Dispersão de
- Ausência de um orçamento actividades
próprio, problema
permanente da BE.

- Gestão de projectos.

- Avaliação

- Orientação - Falta de apoio - Elaboração do


Gestão da Colecção -Colecção adequada às /apoio da RBE - Gestão da -Auto-avaliação financeiro documento para
necessidades e interesses dos colecção da BE para definição da
utilizadores. - PNL (reforço do (adequação aos envolver a escola política
fundo documental) conteúdos e na definição da documental
- Diversificada, em diferentes equilíbrio entre os política
ambientes e suportes, vários suportes). documental e no
7 inovadora e actual. investimento
continuado.

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama


Conhecimento na área Biblioteca escolar

- Servir de suporte à - Falta de uma


- Parcerias com
aprendizagem autónoma e política documental
outras BE’s
construtiva. partilhada

-Contribui para o sucesso


educativo. - Participação nas
decisões da escola
- Vencer
- Tornar os alunos capazes de como membro do
-O facto do PEE resistências,
transformar informação em Conselho
exigir demonstrar que a
conhecimento. Pedagógico e da
congregação de BE participa
equipa do PTE.
esforços para activamente no
- Encorajar o espírito crítico
A BE como espaço de - Incapacidade de concretização das processo de
e a aprendizagem pelo erro, Reconhecimento
conhecimento e articulação e de metas definidas, o ensino
através do feedback.. por parte da
aprendizagem. Trabalho trabalho mesmo em -aprendizagem
(Todd, 2001) maioria dos - Falta de tempo
colaborativo, relação ao PAA,
colaborativo e articulado docentes de que a e motivação dos
devido à sobrecarga PCE e PCT. - Melhorar a
com Departamentos e - Desenvolvimento de BE é um espaço
a que os
docentes
difusão da
docentes. estratégias de integração da alternativo de
professores estão - Participação em informação/marke
BE na escola e de articulação aprendizagem,
sujeitos. reuniões das ting: blogue,
curricular (aumentar o nº de usado em certas
várias estruturas página WEB.
professores interessados em actividades.
da escola.
colaborar com a BE no
(Departamentos, - Favorecer a
domínio do desenvolvimento - Nº significativo
Conselho de autonomia na
das aprendizagens). de alunos procura
docentes…) construção do
a BE para
conhecimento
- Estimular os professores no trabalhos de
7 sentido de reconhecerem a pesquisa
BE como um recurso valioso
para as suas aulas.

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama


Conhecimento na área Biblioteca escolar

- Formação de leitores
competentes capazes de
descodificar, aceder,
compreender e utilizar a
informação em diferentes - Carga horária
- Implementação
suportes e para diferentes sem espaço para
do PNL
fins. actividades
- Projectos livres.
- Actividades do
- A literacia da informação é lançados pela - Implementar o
PAA para
Formação para a leitura uma responsabilidade RBE e PNL - Pouca modelo de
promoção da
essencial do processo de colaboração das pesquisa Big 6
e para as literacias leitura - Falta de hábitos
escolarização. - Preocupação em famílias – meio
de leitura
ajustar a acção condicionador. - Criar
- Concursos
- O sucesso das desenvolvida às comunidades de
aprendizagens resulta das metas/objectivos -Enfoque/ leitores
- Incremento dos
metas estabelecidas para a do PEE. preocupação em
empréstimos
literacia. (Zmuda e Harada, leccionar os
(sala de aula/
2008) programas/
domiciliário).
conteúdos.
- Desenvolvimento da
autonomia necessária à
aprendizagem ao longo da
vida.

BE e os novos - Equipamentos
ambientes digitais. - Faltam competências - Inexistência de - Plano - A procura de - Elaboração de
7 - WEB 2.0 guias de pesquisa Tecnológico suportes digitais guiões de
técnicas e apoio tecnológico,
sendo difícil acompanhar a /informação digital em suporte digital pode levar a um pesquisa da
mudança. - Articulação com afastamento dos informação,

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama


Conhecimento na área Biblioteca escolar

- Criação de ambientes
virtuais de aprendizagem e
ligação ao currículo. - Dificuldade em
o Coordenador documentos trabalho de
acompanhar a
TIC impressos projecto, etc.
- Uso das ferramentas mudança: os novos
digitais por parte dos alunos desafios
não é sinónimo de saber
investigar.
Gestão de evidências/ - Modelo de - Inexistência de - Modelo de - Burocratizar a Elaboração dos
avaliação. - Importância das práticas de Auto-Avaliação uma prática de Auto-Avaliação BE instrumentos de
avaliação demonstradas por recolha de recolha de
estudos, (Canadá, Reino evidências. - Contribuição/ informação
Unido, EUA e Austrália). participação da
- Dificuldades nas BE na avaliação -Implementação
- Estratégias de gestão práticas de da escola do modelo
baseadas na recolha benchmarking
sistemática de evidências
permitem uma ligação ao
real.

- A avaliação através da
gestão de evidências permite
obter o reconhecimento da
BE e do Prof. bibliotecário,
mostrando a sua influência
7 no desenvolvimento da
aprendizagem dos alunos e o
seu contributo para as metas

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama


Conhecimento na área Biblioteca escolar

da escola, resultando num


maior apoio da direcção.
(Todd, 2001)

Gestão da mudança
SÍNTESE Factores de sucesso Obstáculos a vencer Acções prioritárias

O novo paradigma coloca


a BE no centro das
aprendizagens e na - Conseguir um maior apoio financeiro. - Generalizar a formação, preparando
construção do as equipas para a mudança.
- A BE introduz mudança para o novo paradigma.
conhecimento. - Falta de cultura colaborativa nas
escolas. - Trabalho em rede com outras
- Institucionalização da figura do professor
» Fazer leitores bibliotecas (SABE).
bibliotecário.
- Ausência de práticas avaliativas
» Promover o sucesso - Projectos e outras parcerias
- Integração e apoio da RBE.
educativo - Dificuldade em acompanhar a
exploração dos novos ambientes de - Prática da BE baseada nas
- Plano Tecnológico
» Cumprir o Projecto conhecimento e aprendizagem do novo evidências, modelo de auto-avaliação.
Educativo da Escola paradigma digital.
7

Fátima Bartolomeu | Biblioteca Escolar de Torre de Dona Chama