Вы находитесь на странице: 1из 71

Autodesk Inventor Professional

GUIA RÁPIDO

VERSÃO PRELIMINAR

Autodesk Inventor | 1
© 2009 Autodesk, Inc. Todos os direitos reservados. Salvo que seja de outra forma permitida por parte da Autodesk, Inc., esta publicação, ou suas partes, não
podem ser reproduzidas em qualquer forma ou por qualquer método, para qualquer finalidade.

Certos materiais apresentados nesta publicação são reproduzidos com a autorização do detentor dos direitos autorais.

Marcas Registradas

As marcas a seguir são marcas registradas ou marcas comerciais da Autodesk, Inc., nos E.U.A. e em outros países: 3DEC (design/logo), 3December,
3December.com, 3ds Max, ADI, Alias, Alias (swirl design/logo), AliasStudio, Alias|Wavefront (design/logo), ATC, AUGI, AutoCAD, AutoCAD Learning Assistance,
AutoCAD LT, AutoCAD Simulator, AutoCAD SQL Extension, AutoCAD SQL Interface, Autodesk, Autodesk Envision, Autodesk Insight, Autodesk Intent, Autodesk
Inventor, Autodesk Map, Autodesk MapGuide, Autodesk Streamline, AutoLISP, AutoSnap, AutoSketch, AutoTrack, Backdraft, Built with ObjectARX (logo), Burn,
Buzzsaw, CAiCE, Can You Imagine, Character Studio, Cinestream, Civil 3D, Cleaner, Cleaner Central, ClearScale, Colour Warper, Combustion, Communication
Specification, Constructware, Content Explorer, Create>what's>Next> (design/logo), Dancing Baby (image), DesignCenter, Design Doctor, Designer's Toolkit,
DesignKids, DesignProf, DesignServer, DesignStudio, Design|Studio (design/logo), Design Web Format, Discreet, DWF, DWG, DWG (logo), DWG Extreme, DWG
TrueConvert, DWG TrueView, DXF, Ecotect, Exposure, Extending the Design Team, Face Robot, FBX, Filmbox, Fire, Flame, Flint, FMDesktop, Freewheel, Frost,
GDX Driver, Gmax, Green Building Studio, Heads-up Design, Heidi, HumanIK, IDEA Server, i-drop, ImageModeler, iMOUT, Incinerator, Inferno, Inventor, Inventor LT,
Kaydara, Kaydara (design/logo), Kynapse, Kynogon, LandXplorer, LocationLogic, Lustre, Matchmover, Maya, Mechanical Desktop, Moonbox, MotionBuilder,
Movimento, Mudbox, NavisWorks, ObjectARX, ObjectDBX, Open Reality, Opticore, Opticore Opus, PolarSnap, PortfolioWall, Powered with Autodesk Technology,
Productstream, ProjectPoint, ProMaterials, RasterDWG, Reactor, RealDWG, Real-time Roto, REALVIZ, Recognize, Render Queue, Retimer,Reveal, Revit,
Showcase, ShowMotion, SketchBook, Smoke, Softimage, Softimage|XSI (design/logo), SteeringWheels, Stitcher, Stone, StudioTools, Topobase, Toxik, TrustedDWG,
ViewCube, Visual, Visual Construction, Visual Drainage, Visual Landscape, Visual Survey, Visual Toolbox, Visual LISP, Voice Reality, Volo, Vtour, Wire, Wiretap,
WiretapCentral, XSI, and XSI (design/logo).

As marcas a seguir são marcas registradas ou marcas comerciais da Autodesk Canada Co. nos E.U.A. e/ou no Canadá e em outros países: Backburner,Multi-Master
Editing, River, and Sparks.

As marcas a seguir são marcas registradas ou marcas comerciais da MoldflowCorp. nos E.U.A. e/ou em outros países: Moldflow, MPA, MPA (design/logo),Moldflow
Plastics Advisers, MPI, MPI (design/logo), Moldflow Plastics Insight,MPX, MPX (design/logo), Moldflow Plastics Xpert.

Todos os outros nomes de marcas, nomes de produtos ou marcas comerciais pertencem a seus respectivos detentores.

Termo de Responsabilidade

ESTA PUBLICAÇÃO E AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO DISPONIBILIZADAS PELA AUTODESK, INC. " EXATAMENTE COMO ESTÃO
NESTE MOMENTO". A AUTODESK, INC. RENUNCIA TODAS AS GARANTIAS, EXPRESSAS OU IMPLÍCITAS, INCLUSIVE, MAS NÃO SE LIMITANDO A
QUAISQUER GARANTIAS IMPLÍCITAS DE COMERCIALIZAÇÃO OU ADEQUAÇÃO PARA UMA FINALIDADE ESPECÍFICA SOBRE ESTES MATERIAIS.

Publicado por: Autodesk, Inc.


111 Mclnnis Parkway
San Rafael, CA 94903, E.U.A.

Autodesk Inventor | 2
Conteúdo
1. Protótipos Digitais no Autodesk Inventor ......................................................................................................6
Fluxo de Trabalho do Protótipo Digital .........................................................................................................................................6
Componentes dos Protótipos Digitais (tipos de arquivo) .............................................................................................................8
Arquivos de Peça (.ipt) ...........................................................................................................................8
Arquivos de Apresentação (.ipn) ..........................................................................................................10
Arquivos de Desenho (.idw, .dwg) .......................................................................................................10
Comportamento Associativo das Peças .....................................................................................................................................11
Comportamento Associativo das Montagens .............................................................................................................................12
Comportamento Associativo dos Desenhos...............................................................................................................................12
2. Crie Protótipos Digitais...................................................................................................................................13
Peças...........................................................................................................................................................................................13
Peças de um Único Corpo ...................................................................................................................13
iParts ....................................................................................................................................................14
Peça de Chapa Metálica ......................................................................................................................15
Peças Derivadas ..................................................................................................................................16
Peças de Multicorpos ...........................................................................................................................17
Peças Simplificadas - Shrinkwrap........................................................................................................18
Peças Substitutas da Montagem .........................................................................................................19
Peças do Content Center .....................................................................................................................19
Bibliotecas do Content Center ....................................................................................................................................................21
Features ......................................................................................................................................................................................21
Features de Sketch - Sketched Features ...................................................................................................................................22
Extrude .....................................................................................................................................................22
Revolve .....................................................................................................................................................23
Loft ............................................................................................................................................................23
Sweep .......................................................................................................................................................24
Coil............................................................................................................................................................24
Surfaces....................................................................................................................................................25
Rib.............................................................................................................................................................25
Emboss .....................................................................................................................................................26
Decal.........................................................................................................................................................26
Ambiente de Sketch ....................................................................................................................................................................27
Trabalho com Blocos de Sketch .................................................................................................................27
Restrições de Sketch ...........................................................................................................................28
Dados 2D do AutoCAD em Sketches ..................................................................................................28
Features Colocadas ...................................................................................................................................................................29
iFeatures .....................................................................................................................................................................................30
Features de Montagem ..............................................................................................................................................................30
Features de Trabalho .................................................................................................................................................................30
Editar as Features ......................................................................................................................................................................31
Grips 3D ......................................................................................................................................................................................32
Montagens...................................................................................................................................................................................33
Colocar Componentes..........................................................................................................................33
Arrastar os Componentes para dentro das Montagens .......................................................................34
Montar e Restringir Componentes .......................................................................................................34
Graus de Liberdade....................................................................................................................................................................34
Projeto de Cima para Baixo - Abordagem descendente ..........................................................................35
Criar Submontagens no Local ...................................................................................................................36
Componentes do Design Accelerator........................................................................................................................................37
Projeto de Mecanismos............................................................................................................................37
Checagem por Interferência .....................................................................................................................................................39
iAssemblies .................................................................................................................................................................................39

Autodesk Inventor | 3
3. Documentar e Publicar os Projetos...............................................................................................................40
Desenhos....................................................................................................................................................................................40
Começar os Desenhos ..............................................................................................................................................................40
Dicas de Desenho do Inventor: .........................................................................................................................41
Tipos de Arquivos de Desenho ..................................................................................................................................................41
Crie Vistas dos Modelos ............................................................................................................................................................42
Tipos de Vistas de Desenho..............................................................................................................................42
Vista de Base............................................................................................................................................42
Vista Projetada .........................................................................................................................................42
Vista Auxiliar .............................................................................................................................................43
Vista de Corte ...........................................................................................................................................43
Vista de Detalhe .......................................................................................................................................43
Vista de Sobreposição - Overlay ..............................................................................................................44
Vista de Esboço - Draft View....................................................................................................................44
Operações de Vista de Desenho......................................................................................................................44
Vista Interrompida - Break ........................................................................................................................44
Corte Parcial - Break Out .........................................................................................................................45
Recorte - Crop ..........................................................................................................................................45
Vista Fatiada - Slice..................................................................................................................................45
Dicas sobre Vista de Desenho ..........................................................................................................................46
Vistas Explodidas..........................................................................................................................................46
Adicione Notas as Vistas de Desenho ..............................................................................................................47
Tipos de Anotações de Desenho.......................................................................................................................47
Cotas Gerais.............................................................................................................................................47
Coas de Linha de Base e Conjuntos de Cota de Linha de Base .............................................................48
Cotas Ordenadas e Conjunto de Cota Ordenada ....................................................................................48
Recuperação de Cotas .............................................................................................................................48
Marcas de Centro .....................................................................................................................................49
Linhas de Centro ......................................................................................................................................49
Notas de Furo/Rosca................................................................................................................................49
Notas de Chanfro......................................................................................................................................50
Símbolos ...................................................................................................................................................50
Aplicar Anotações para as Curvas ...........................................................................................................50
Inserir Notas de Punção ...........................................................................................................................51
Símbolo de Solda Caterpillars ..................................................................................................................51
Final do Cordão - End Fills .......................................................................................................................51
Balões de Identificação de Itens...............................................................................................................52
Tabelas .....................................................................................................................................................52
Tabelas de furos .......................................................................................................................................53
Tabelas de Revisão e Etiquetas...............................................................................................................53
Comando Texto ou Texto de Chamada ...................................................................................................53
Estilos e Padrões ........................................................................................................................................................................54
Dicas de Estilos e Padrões: ..........................................................................................................................54
Studio no Autodesk Inventor .....................................................................................................................................................55
Publique os Desenhos ................................................................................................................................................................56
4. Gerencie os Dados ..........................................................................................................................................57
Compartilhe Arquivos em Grupos de Trabalho Utilizando o Vault ......................................................57
Add-ins do Autodesk Vault para Aplicações de Projeto.......................................................................58
Add-ins do Microsoft Office ..................................................................................................................58
Cópia de Desenho Usando o Vault......................................................................................................58
Compartilhe Arquivos Externamente ...................................................................................................59
Autodesk Vault Manufacturing .............................................................................................................59
Autodesk Design Review .....................................................................................................................59
Importação e Exportação de Dados.........................................................................................................................................60
Arquivos do AutoCAD ..........................................................................................................................60
Importação de Arquivos de Outros Sistemas CAD ....................................................................................................................61
Exportar Arquivos para Outros Formatos de Sistema CAD.......................................................................................................62

Autodesk Inventor | 4
5. Arrume Seu Ambiente .....................................................................................................................................63
Comandos e Ferramentas ..........................................................................................................................................................63
Preferências de Ambiente...........................................................................................................................................................65
Opções da Aplicação ....................................................................................................................................65
Configurações de Documento ......................................................................................................................65
Estilos e Padrões ........................................................................................................................................................................65
Bibliotecas Estilo .........................................................................................................................................................................66
Visualização dos Modelos...........................................................................................................................................................66
Templates ...................................................................................................................................................................................67
Projetos .......................................................................................................................................................................................67
Projetos do Vault.......................................................................................................................................................................68
Projetos Padrão....................................................................................................................................69
Novos Projetos .....................................................................................................................................69
Recursos de Aprendizagem..........................................................................................................................70
Help Integrado...............................................................................................................................................70
Tutoriais ........................................................................................................................................................70

Autodesk Inventor | 5
Capítulo

1
Protótipos Digitais no Autodesk
Inventor
O Autodesk Inventor® oferece um jogo completo de ferramentas de CAD 3D para mecânica para
produzir, validar e documentar protótipos digitais completos. O modelo do Inventor é um protótipo
digital 3D. O protótipo ajuda a visualizar, simular e analisar, como um produto ou peça funciona
sob condições reais, antes que ele seja construído. Os fabricantes chegam ao mercado mais
rapidamente com menos protótipos físicos e produtos mais inovadores.

O Inventor oferece um ambiente de projeto 3D intuitivo para a criação de peças e montagens. Os


engenheiros podem concentrar-se na função de um projeto para impulsionar a criação automática
de componentes inteligentes, como estruturas de aço, máquinas rotativas, tubos e canos, cabos e
chicotes elétricos.

De forma compacta, a simulação de movimento e a análise de esforço que estão integrados no


Inventor são fáceis de usar. Esses recursos tornam possível para os engenheiros a otimização e a
validação do protótipo digital.

A geração da documentação de fabricação de um protótipo digital 3D reduz erros e as ordens de


mudança de engenharia (ECOs) associados antes da fabricação. O Inventor oferece uma saída
rápida e precisa da produção de desenhos prontos diretamente do modelo 3D.

O Inventor está totalmente integrado com os aplicativos de gerenciamento de dados da Autodesk®.


Esta integração permite a troca eficiente e segura de dados de projeto digital e promove mais cedo
a colaboração entre grupos de trabalho de projeto e de manufatura. Outros grupos de trabalho
podem gerenciar e controlar todos os componentes de um protótipo digital com o software
Autodesk® Design Review. Este software é a forma totalmente digital de revisar, medir, fazer
marcações e controlar alterações dos desenhos. Podemos melhorar a reutilização de dados
essenciais do projeto, gerenciar listas de materiais (BOM), e colaborar com outras equipes e
parceiros.

Fluxo de Trabalho do Protótipo Digital


Antes de você começar um projeto, determine o fluxo de trabalho mais eficiente. Um fluxo de
trabalho de cima para baixo muitas vezes é a maneira mais eficiente de criar um projeto. Em um
fluxo de trabalho de cima para baixo, projetamos os nossos componentes no contexto de outros
componentes. Este método pode reduzir consideravelmente os erros em forma, tamanho, e
função.

Autodesk Inventor | 6
Alguns exemplos de um fluxo de trabalho de cima para baixo são:

 Criar novas peças ou submontagens na montagem de destino.

 Criar vários corpos sólidos em um arquivo de peça e em seguida salvar os corpos


individuais como peças únicas.

 Criar blocos de sketch 2D em um arquivo de peça para simular um mecanismo. Podemos


criar os blocos de sketch para criar componentes 3D em uma montagem que é controlada
pelo layout.

Você deve levar em consideração as seguintes perguntas antes de começar:

 Qual vista da peça descreve melhor a forma básica?

 A peça é uma peça de chapa metálica?

 Esta peça pode ser usada como uma fábrica de peça (iPart) para gerar várias peças?

 A planilha eletrônica pode controlar uma ou mais peças?

 Posso criar a peça automaticamente utilizando um Design Accelerator?

 Se a peça for um componente de uma armação estrutural de aço, posso utilizar o Frame
Generator para criar a armação inteira?

 Se a peça for uma peça da biblioteca comum, ela existe no Content Center ou em outra
biblioteca?

A seguinte imagem mostra um arquivo de peça de multicorpos salvo como peças individuais em
uma montagem. Os corpos individuais de um arquivo de peça de multicorpos podem compartilhar
características com outros corpos tais como filetes e furos.

Autodesk Inventor | 7
Componentes dos Protótipos Digitais (tipos de arquivo)
Crie ou ative um arquivo de projeto antes de abrir um arquivo existente ou começar um novo
arquivo para definir o local do arquivo. Clique New para ver a caixa de diálogo New File com os
templates para uma nova peça, montagem, arquivo de apresentação, peça de chapa metálica,
soldagem, ou arquivo de desenho. Podemos escolher dentre vários templates com as unidades
predefinidas.

Um template pode conter informação de propriedade, como dados da peça e do projeto, e as


vistas de desenho. Podemos ver as informações armazenadas em um arquivo visualizando suas
propriedades.

Para obter mais informações sobre os templates, veja Templates na página 67.

Para obter mais informações sobre os projetos, veja Projects na página 68.

Mais informações Local


Tópico do Help Search: “Multi-body parts”

Tutorial Parts 1 - Create Parts

Skill Builders Parts

Arquivos de Peça (.ipt)

Quando você abre um arquivo de peça, você entra no ambiente de peça. As ferramentas de parte
manipulam os sketches, as features, e os corpos que se unificam para formar as peças. Você
pode inserir uma parte de um único corpo nas montagens e restringi-las nas posições que elas
ocupam quando a montagem for fabricada. Você pode extrair vários arquivos de peça de uma
parte de multicorpos.

A maior parte das peças começa com um esboço - sketch. Um esboço é o perfil de uma feature e
qualquer geometria (tais como um caminho de sweep ou eixo de rotação) são exigidos para criar a
característica.

Um modelo de peça é uma coleção de features. Se for necessário, os corpos sólidos em um


arquivo de peça de multicorpos podem compartilhar as features. As restrições de sketch controlam
os relacionamentos geométricos tais como paralelo e perpendicular. As cotas controlam o
tamanho. De maneira coletiva este método é chamado de modelagem Paramétrica. Podemos
ajustar as restrições ou os parâmetros dimensionais que controlam o tamanho e a forma de um
modelo, e automaticamente vê o efeito de suas modificações.

Autodesk Inventor | 8
A imagem seguinte mostra uma peça de um único corpo na parte superior da imagem, e uma peça
de multicorpos na parte inferior da imagem. Observe os diferentes ícones de peça em cada
imagem.

Arquivos de Montagem (.iam)

No Autodesk Inventor, colocamos os componentes que agem como uma única unidade funcional
em um documento da montagem. As restrições de montagem definem a posição relativa que estes
componentes ocupam em relação um ao outro. Um exemplo é o eixo de um eixo que se alinha
com um furo em um componente diferente.

Quando criamos ou abrimos um arquivo de montagem, estamos no ambiente de montagem. As


ferramentas de montagem manipulam as submontagens e as montagens inteiras. Podemos
agrupar as peças que funcionam em conjunto como uma única unidade e em seguida inserimos a
submontagem em outra montagem.

Podemos inserir peças em uma montagem ou utilizar um sketch e ferramentas de peça para criar
peças no contexto de uma montagem. Durante estas operações, todos os outros componentes na
montagem ficam visíveis. Para completar um modelo, podemos criar as features de montagem
que afetam vários componentes, como por exemplo, furos que atravessam várias peças. As
features de montagem freqüentemente descrevem processos específicos de fabricação como pos-
usinagem.

O browser Assembly - montagem - é uma maneira conveniente de ativar os componentes que


desejamos editar. Utilizamos o browser para editar os sketches, as features, e as restrições, ativar
e desativar a visibilidade de componente, e fazer outras tarefas. Na seguinte imagem de uma
montagem, dois dos componentes exibem um ícone indicando são peças de um conjunto de
contato.

Autodesk Inventor | 9
Os componentes que pertencem a um conjunto de contato comportam-se como se comportariam
no mundo físico.

Arquivos de Apresentação (.ipn)

Os arquivos de apresentação são um tipo de arquivo de várias utilidades. Use um arquivo de


apresentação para:

 Criar uma vista explodida de uma montagem para usar em um arquivo de desenho.

 Criar uma animação que mostra a ordem de montagem passo a passo. A animação pode
conter mudanças de vista e o estado de visibilidade dos componentes em cada passo no
processo de montagem. Podemos salvar a animação em um formato de arquivo .wmv ou
.avi.

Arquivos de Desenho (.idw, .dwg)


Depois de criar um modelo, você pode criar um desenho para documentar seu projeto. Em um
desenho, você coloca as vistas de um modelo em uma ou mais folhas de desenho. Em seguida
você adiciona as cotas e outras anotações de desenho para documentar o modelo.

Autodesk Inventor | 10
Um desenho que documenta uma montagem pode conter uma lista automatizada de peças e
balões indicadores de item além das vistas necessárias.

Os templates para usar como o ponto de partida para os nossos desenhos tem a extensão de
arquivo de desenho padrão (.idw,. dwg).

O Autodesk Inventor mantém links entre os componentes e desenhos. Por isso podemos criar um
desenho a qualquer momento, durante a criação de um componente. Por definição padrão, o
desenho se atualiza automaticamente quando editamos o componente. No entanto, é uma boa
idéia esperar até que um desenho do componente esteja quase completo antes de criar um
desenho. Edite os detalhes do desenho (adicione ou exclua as cotas e as vistas, ou mude os
locais das anotações e dos balões) para refletir as revisões.

Mais informações Local


Search:
Tópico do Help “Autodesk Inventor file types”
“Set file names”

Autodesk Vault
Manual in PDF format.
Implementation Guide

Comportamento Associativo das Peças


Diferentemente dos panos de trabalho da origem, eixos de trabalho, ponto de centro, e pontos de
trabalho fixos - grounded, todas as features de trabalho são associadas às features ou a geometria
utilizada para criá-las. Se você modificar ou excluir a geometria de localização, a feature de
trabalho muda conseqüentemente. Contrariamente, as modificações feitas à feature de trabalho
afetam qualquer feature ou geometria que é dependente de uma feature de trabalho para sua
definição.

Um relacionamento de pai-filho é um termo freqüentemente usado para descrever o


relacionamento entre as features. Uma feature filho não pode existir sem a feature pai. Se você
excluir uma feature pai, pode escolher a opção de reter o sketch que é originário de uma feature
filho. Se criarmos a geometria em um plano de origem ou em um plano de trabalho criado de um
plano de origem podemos em muitos casos evitar a criação de relacionamentos pai-filho.

Autodesk Inventor | 11
Uma peça derivada pode manter links associativos com o componente de origem para que ele
possa ser atualizado. Também temos a opção de escolher o rompimento do link entre a peça
derivada e a peça de origem ou montagem para desabilitar as atualizações.

Para obter mais informações sobre peças derivadas e features de trabalho, veja Peças na página
9 e Features na página 18.

Comportamento Associativo das Montagens


Uma montagem mantém os links ativos com os componentes de origem. Toda vez que você abre
uma montagem, o Inventor detecta a última versão dos componentes contidos na montagem.

Quando você abre um arquivo de montagem em que ou mais componentes foram modificados,
uma mensagem se exibe perguntando se você quer atualizar a montagem. Responda sim para
atualizar a montagem ao último estado salvo dos componentes. Responda não para desconsiderar
quaisquer modificações feitas aos componentes referenciados.

Comportamento Associativo dos Desenhos


Os desenhos mantêm associatividade aos componentes contidos nas vistas do arquivo. Se você
modificar um componente, a vista do componente automaticamente se atualiza na próxima vez o
arquivo de desenho for aberto.

Podemos escolher a opção para desabilitar as atualizações automáticas habilitando Defer


Updates na guia Drawing de Document Settings. Se o desenho contiver uma lista de peças e
balões de item, os números do balão são associativos aos números de item na lista de peças. A
lista de peças é também associativa à Conta de Materiais - Bill of Materials - na montagem de
origem. Se os itens forem excluídos da montagem, eles não mais estão contidos na lista de peças
do desenho. A lista de peças é associativa aos iProperties dos componentes sendo detalhado
para dados de inserção como número da peça e descrição.

Mais informações Local


Search:
“3D modeling concepts”
“2D to 3D bidirectional associativity”
Tópico do Help “Assembly components in patterns”
“Design view representations in drawings”

Autodesk Inventor | 12
Capítulo

2
Crie Protótipos Digitais
De maneira tradicional, desenhistas e engenheiros criam um layout, projeta as peças, e em
seguida junta tudo em uma montagem. Uma vez que o projeto estiver criado, o próximo passo no
processo tradicional é construir e testar um protótipo físico.

OBSERVAÇÃO: Este capítulo descreve como criar protótipos digitais no Inventor LT

Com o Autodesk Inventor®, podemos criar uma montagem em qualquer ponto no processo de
elaboração do projeto. É possível explorar virtualmente, testar, e validar um protótipo digital à
medida que o projeto se desenvolve. Podemos visualizar e simular o desempenho do mundo real
do projeto, por isso há menos confiança em protótipos físicos de alto custo.

O componente básico de um protótipo digital é o arquivo de peça. Um modelo de peça é uma


coleção de features ou de corpos sólidos que definem seu protótipo digital. A modelagem
paramétrica oferece a possibilidade de aplicar cotas controladas e relacionamentos geométricos
ao modelo. Estas cotas e relacionamentos são chamados de parâmetros. Os parâmetros
controlam o tamanho e a forma de um modelo. Quando modificamos um parâmetro, o modelo se
atualiza para refletir as mudanças. Utilizando os parâmetros, podemos controlar várias peças em
uma montagem.

Peças
Um arquivo com uma extensão .ipt representa um arquivo de peça. Uma peça é representada no
disco com só um tipo de arquivo. No entanto, há muitos tipos diferentes de arquivos de peças.
Podem ser simples a complexo.

Alguns tipos comuns de peças são explicados na seção seguinte. O fluxo de trabalho que
utilizamos para criar a peça é o que determina o tipo de peça.

Peças de um Único Corpo


O tipo mais básico de peça pode variar muito em complexidade de somente algumas features a
um projeto complexo. As features distintivas são aquelas que são compostas de um material e um
corpo sólido, da qual a espessura pode variar.

Autodesk Inventor | 13
Uma peça de um único corpo contém um corpo sólido que compartilha uma coleção de uma ou
mais features. Uma peça de um único corpo define um único item em uma lista de peças.

Mais informações Local


Search:
“Create parts in assemblies”
Tópico do Help “Work with parts”

Parts 1 - Create Parts


Tutorial

iParts
A maioria dos desenhistas tem peças que diferem por tamanho, material, ou outras variáveis, mas
o mesmo desenho básico funciona em muitos modelos.

Uma iPart é uma peça mestra controlada por tabela que configura as peças padrão a tamanhos e
estados diferentes. A tabela pode ser editada dentro do Inventor ou externamente em uma planilha
de cálculo. Cada linha pode controlar o estado da feature (habilitado ou suprimido), e muitas
outras variáveis como tamanho da features, cor, material, e número da peça. A tabela de iFeatures
controlada também pode ser incluída em uma tabela de iPart.

Uma iPart tipicamente gera várias peças individuais que pertencem à mesma família.

OBSERVAÇÃO: Podemos criar uma iPart e salvá-la como uma iFeature controlada por tabela.

Autodesk Inventor | 14
Utilizamos o iPart Author para criar os membros da família da peça em cada linha da tabela.
Quando colocar a peça em uma montagem, selecione uma linha (membro) para gerar uma parte
individual.

Mais informações Local


Search: “iPart Fundamentals”
Tópico do Help
Parts:
Skill Builder iParts - The Basics
iParts - Beyond the Basics

Peça de Chapa Metálica

As possibilidades são que um projeto que foi pedido a você para criar contém componentes que
se emprestam a fabricação de chapa metálica – sheet metal.

O Autodesk Inventor oferece funcionalidades que simplificam a criação, edição, e documentação


de protótipos digitais de componentes de sheet metal - chapa metálica.

Uma peça de chapa metálica normalmente imagina-se como uma peça fabricada a partir de uma
folha de material uniformemente grosso. Se você desenha objetos pequenos, este material é
normalmente fino. No entanto, no Autodesk Inventor você pode utilizar os comandos de sheet
metal em qualquer projeto onde o material é de espessura uniforme.

Dentro do ambiente de projeto do Autodesk Inventor, uma peça de folha metálica pode ser exibida
como um modelo dobrado ou um padrão planificado. Com os comandos de sheet metal, podemos
desdobrar as features e trabalhar em um modelo em um estado planificado, e em seguida
redobrar as features.

Criamos as peças de sheet metal a partir de um arquivo de template. O arquivo de template de


sheet metal incorpora um conjunto de regras. As regras determinam alguns atributos comuns
como tipo de material e espessura, regras de desdobramento, tamanhos de abertura, e assim por
diante. Modificando uma única regra, podemos mudar o material de uma peça de sheet metal de
alumínio para aço inoxidável. Uma mudança de material geralmente requer mudanças aos
atributos que definem curvas e cantos. Essas modificações geralmente exigem mudanças ao
maquinário do chão-de-fábrica e arranjos para fabricar as peças.

Como outras peças criadas dentro do Autodesk Inventor, as peças de sheet metal começam com
uma feature de base. A feature de base de uma peça de sheet metal é normalmente uma única
face de alguma forma, a qual, outras features (freqüentemente flanges) são adicionadas. Um
projeto complexo pode empregar um flange de contorno ou rolo de contorno como a feature de
base inicial. Algumas peças podem utilizar um flange criado pelo comando loft como a feature
inicial.

Autodesk Inventor | 15
Diferentes das peças regulares, as peças de sheet metal sempre são criadas de uma folha
uniformemente grossa que é plana. Esta folha é formada na peça final usando várias técnicas de
fabricação. No ambiente de sheet metal, podemos criar um modelo dobrado e desdobrá-lo em um
padrão planificado. O padrão planificado normalmente é usado para detalhar a fabricação. Você
utiliza os comandos de sheet metal para trabalhar com padrões planificados que pode fornecer
informação crítica de fabricação.

Se uma peça regular criada no Autodesk Inventor for de uma espessura consistente, você pode
convertê-lo em uma peça de sheet metal. O mesmo é verdadeiro para as peças importadas de
outros sistemas.

Mais informações Local


Search:
“Sheet Metal Defaults”
Tópico do Help “Templates for sheet metal parts”

Tutorial Build sheet metal parts


Parts:
Skill Builder Sheet Metal Punch iFeatures - part 1
Sheet Metal Punch iFeatures - part 2

Peças Derivadas
Uma peça derivada é uma nova peça ou corpo criado a partir de uma peça existente ou
montagem.

Utilize Componente Derivado para:

 Criar versões modificadas ou simplificadas de outros componentes.

 Em um arquivo de peça vazio, crie uma peça derivada de outra peça ou montagem.

 Em uma peça de multicorpos, insira os componentes como ferramenta- corpos.

 Criar cópias refletidas ou alterar o tamanho de uma peça ou de uma montagem

 Executar operações Booleanas.

Autodesk Inventor | 16
Uma peça derivada pode conter features independentes do componente pai, e pode ser:

 Controlada pelo componente original ou pelo link pode ser desabilitado.

 Usada para operações de Mirror ou de Scale.

 Derivada a partir de um Nível de Detalhe específico da montagem.

 Usada para executar operações de adição e subtração em componentes da montagem.

 Um componente existente inserido como um novo toolbody em um arquivo de peça de


multicorpos.

Mais informações Local


Search:
“Derived parts and assemblies”
Tópico do Help
“Derived parts”

Tutorial Create Parts from Derived Geometry

Skill Builder Parts - Derived Parts

Peças de Multicorpos

As peças de multicorpos são usadas para controlar curvas complexas através de múltiplas peças
em projeto de peça de plástico ou modelos orgânicos.

Uma peça de multicorpos é um projeto central composto de features contidas em corpos que
podem ser exportadas como arquivos individuais de peças.

Podemos inserir componentes em um arquivo de peça de multicorpos com o comando Derived


Component. Use o comando Combine para executar operações Booleanas.

Mais informações Local


Tópico do Help Search: “Combine solid bodies”

Tutorial Explore Multi-Bodies and Plastic Features

Autodesk Inventor | 17
Peças Simplificadas - Shrinkwrap
Uma peça simplificada – shrinkwrap - usa o mecanismo de componente derivado para criar um
arquivo simplificado de peça de uma montagem. O comando Shrinkwrap emprega a regra
baseada em remoção de face e de componente e remover furos para simplificar uma montagem.
A simplificação de uma superfície composta (configuração padrão) utiliza menos memória e
fornece o melhor desempenho quando usado como um substituto de LOD em montagens
desgastantes.

Utilize o comando Shrinkwrap para:

 Criar um envelope de uma montagem para fornecer informação a um grupo externo como
AEC.

 Criar uma peça que use menos memória e fornece melhor desempenho em montagens
desgastantes.

 Criar uma peça que proteja a propriedade intelectual ocultando os furos e componentes.

 Criar uma peça simplificada para usar como um substituto do LOD na própria montagem.

OBSERVAÇÃO: Uma peça de shrinkwrap é criada de uma montagem para retirar peças e
pequenas features da montagem. Use uma peça shrinkwrap para simplificar um projeto ou
proteger a propriedade intelectual.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Shrinkwrap assemblies”

Autodesk Inventor | 18
Peças Substitutas da Montagem
Uma peça substituta da montagem é uma representação simplificada de uma montagem. Ela pode
ser criada a partir de qualquer arquivo de peça em disco, ou derivada no local na própria
montagem. Podemos criar uma peça substituta de shrinkwrap em uma montagem para reduzir
tamanho e a complexidade do arquivo.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Create Substitutes”

Peças do Content Center


As bibliotecas do Content Center do Autodesk Inventor fornecem peças padrão (elementos de
fixação, formas de aço, peças de eixo) e features para inserir nas montagens.

Dois tipos de peças estão incluídos na biblioteca do Content Center: peças padrão e peças
personalizadas. As peças padrão (elementos de fixação, peça de eixo) têm todos os parâmetros
de peça definidos como valores exatos na tabela de parâmetros. As peças personalizadas (formas
de aço, rebites) têm um conjunto de parâmetro arbitrariamente dentro da escala de valores
definidos.

O componente básico de uma biblioteca do Content Center é uma família (família de peça ou
família de feature). Uma família contém membros de família que têm o mesmo template e
propriedades de família, e representa variações de tamanho de uma peça ou feature.

Autodesk Inventor | 19
As famílias são organizadas em categorias e subcategorias. Uma categoria é um agrupamento
lógico de tipos de peça. Por exemplo, parafusos de cabeça hexagonal e prisioneiros
funcionalmente são relacionados e estão agrupados sob a categoria de Parafusos. Uma categoria
pode conter subcategorias e as famílias.

Use o ambiente do Content Center para trabalhar com peças da biblioteca do Content Center no
processo de elaboração de projeto.

 Abrir e visualizar uma família de peça, e escolher o membro da família.

 Inserir uma peça da biblioteca do Content Center em um arquivo de montagem.

 Inserir uma feature da biblioteca do Content Center em uma parte.

 Utilizar o AutoDrop para colocar uma peça com interação de uma biblioteca do Content
Center em um arquivo de montagem.

 Mudar o tamanho de uma peça colocada da biblioteca do Content Center.

 Substituir uma peça existente (também peças que não sejam do Content Center) por uma
peça da biblioteca do Content Center.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Content Center Environment”

Tutorial Use Content Center


Skill Builder
Content Center

Autodesk Inventor | 20
Bibliotecas do Content Center
As bibliotecas Content Center contêm os dados necessários para criar arquivos de peça para as
peças da biblioteca do Content Center. Os dados são:

 Arquivos .ipt paramétrico que fornecem modelos para peças de biblioteca do Content
Center.

 Tabelas de família que incluem valores de parâmetros de peça.

 Descrições para as peças inclusive propriedades de família como nome de família,


descrição, padrão, e organização de padrão.

 Imagens de pré-visualização exibidas no Content Center.

Os arquivos paramétricos de ipt, textos de descrição, e imagens de pré-visualização são comuns


para todos membros de uma família. Os conjuntos de valores de parâmetro especificam membros
específicos da família.

Um conjunto de bibliotecas padrão do Content Center pode ser instalado com o Autodesk Inventor.
As bibliotecas padrão são somente de leitura e não podem ser editados diretamente. Devemos
copiar primeiro as peças para a biblioteca de leitura/gravação.

Use o Content Center Editor para construir bibliotecas do usuário e modificar ou expandir
conteúdo padrão que é fornecido com a instalação do Autodesk Inventor.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Content Center Editor”

Tutorial Content Center User Libraries

Features
Os elementos fundamentais de um modelo de peça são chamados features. Há quatro tipos
básicos de Features:

 Sketched Features são features que exigem um sketch.

 Placed Features ou features colocadas são features que modificam a geometria existente.
Por exemplo, um furo é uma feature colocada.

 Work Features - as features de trabalho são empregadas para fins de construção.

 iFeatures. As iFeatures representam as formas comuns e são salvas em uma biblioteca


reutilizável. Uma iFeature controlada por uma tabela pode representar configurações
diferentes de forma.

Podemos criar superfícies com muitas destas operações para definir formas ou aspectos do corpo
da peça. Por exemplo, podemos usar uma superfície curvada como uma terminação plana para
cortes em um alojamento.

Autodesk Inventor | 21
Podemos editar as características de uma feature retornando a seu sketch subjacente ou
modificando os valores utilizados na criação da feature. Por exemplo, podemos mudar o
comprimento de uma features extrudada inserindo um novo valor para a distância da extrusão.
Podemos também usar equações para derivar uma cota da outra.

Mais informações Local


Search: “Adaptive features, parts, and subassemblies”
Tópico do Help

Tutorial Create and Reuse iFeatures

Features de Sketch - Sketched Features


A maioria das peças começa com um sketch. Um sketch ou esboço é o perfil de uma feature e
qualquer geometria (como um caminho de sweep ou eixo de rotação) exigida para criar a feature.
Seu primeiro sketch para uma peça pode ser uma forma simples.

As features de sketch da peça dependem da geometria de esboço. A primeira feature de uma


peça, a feature de base, é normalmente uma feature de sketch. Toda geometria de sketch é criada
e editada no ambiente de sketch, utilizando os comandos de Sketch no ribbon. Podemos controlar
o grid do sketch, e usar os comandos de criação de sketch para criar linhas, splines, círculos,
elipses, arcos, retângulos, polígonos, ou pontos.

Podemos selecionar uma face em uma peça existente, e o sketch sobre ela. O sketch se exibe
com o grid Cartesiano definido. Se você quiser construir uma feature sobre uma superfície curva,
ou a um ângulo em relação a uma superfície, primeiro devemos construir um plano de trabalho.
Em seguida crie um sketch sobre o plano de trabalho.

O browser exibe o ícone de peça, com suas features agrupadas abaixo dele. As features de
superfície e as features de trabalho estão agrupadas ou estão consumidas por definição padrão.
Para controlar o agrupamento, ou o consumo de superfície e features de trabalho para todas as
features, configure a opção a opção na guia Part da caixa de diálogo de Applications Options.
Para substituir o consumo numa base por feature, clique com o botão direito sobre a feature no
browser, e em seguida selecione a opção Consume Inputs.

As seguintes features são dependentes de um sketch criado por você:

Extrude

 Adiciona profundidade a um perfil de sketch ao longo de um caminho reto.


 Pode criar um corpo.

Autodesk Inventor | 22
Revolve

 Projeta um perfil de sketch ao redor de um eixo.


 O eixo e o perfil devem ser coplanares.
 Pode criar um corpo.

Loft

 Constrói features com dois ou mais perfis.


 Cria um modelo pela transição de uma forma para a outra.
 Alinha os perfis a um ou mais caminhos.
 Pode criar um corpo.

Autodesk Inventor | 23
Sweep

 Projeta um único perfil de sketch ao longo de um único caminho de sketch.


 O caminho pode estar aberto ou fechado.
 Um perfil de sketch pode conter vários loops que residem no mesmo sketch.
 Pode criar um corpo.

Coil

 Projeta um perfil de sketch ao longo de um caminho de helicoidal.


 Use o comando Coil para criar molas ou modelar roscas físicas em uma peça.
 Pode criar um corpo.

Os modelos criados por estas operações são features normalmente sólidas ou novos corpos que
formam um volume fechado.

Autodesk Inventor | 24
Surfaces

Podemos criar superfícies com muitas destas operações. As superfícies podem formar um volume
aberto ou fechado, mas não contém nenhuma massa. Utilizamos as superfícies para definir
formas, usar como uma ferramenta de corte, ou esculpir certos aspectos do corpo de peça.

As seguintes features exigem sketches, mas não criam uma features de base porque são
dependentes da geometria existente.

Rib

 Cria uma nervura ou uma extrusão em forma de teia a partir de um sketch 2D.

Utilize o comando Rib para criar formas de apoio fechadas de parede fina (nervuras) e teias de
formas de apoio abertas de paredes finas.

Autodesk Inventor | 25
Emboss

 Cria uma feature em alto relevo (emboss) ou em baixo relevo (engrave) a partir de um perfil
de sketch.

Decal

 Aplica um arquivo de imagem na face de uma peça. Utilize o comando Decal para
acrescentar realismo ou aplicar um rótulo.

Mais informações Local


Search:
“Plan and create sketches”
Tópico do Help “Sketch properties”

Tutorial Parts 1 - Create Parts

Autodesk Inventor | 26
Ambiente de Sketch
Quando criamos ou editamos um sketch, trabalhamos no ambiente de sketch. O ambiente de
sketch consiste de um sketch e comandos de criação de sketch. Os comandos controlam o grid de
sketch e desenho de linhas, splines, círculos, elipses, arcos, retângulos, polígonos, ou pontos.

Quando abrimos um novo arquivo de peça, o ambiente de sketch fica ativo. O botão 2D Sketch é
selecionado, e os comandos de Sketch ficam disponíveis, juntamente com um plano de sketch em
que vamos criar os sketches. Pode controlar a configuração inicial do sketch usando arquivos de
template, ou configurações na caixa de diálogo de Application Options, guia Sketch.

Quando criamos um sketch, um ícone de sketch se exibe no browser. Quando criamos uma
feature a partir de um sketch, um ícone da feature se exibe no browser com o ícone do sketch
agrupado abaixo dele. Quando clicamos em um ícone de sketch no browser, o sketch é destacado
na janela gráfica.

Depois que criamos um modelo de um sketch, entramos de novo no ambiente de sketch para
modificar ou começar um novo sketch para uma nova feature. Em um arquivo de peça existente,
primeiro ativamos o sketch no browser. Esta ação ativa os comandos no ambiente de sketch.
Podemos criar a geometria para as features da peça. As mudanças que você fazemos a um
sketch são refletidas no modelo.

Mais informações Local


Search:
“Sketch Environment”
Tópico do Help “Application Options settings > Part tab”
“Application Options settings > Sketch tab”

Tutorial Sketch Blocks

Trabalho com Blocos de Sketch

Em muitos projetos de montagem, as formas rígidas são repetidas. Podemos utilizar blocos de
sketch para capturar essas formas como um conjunto fixo, e colocar ocorrências do conjunto onde
for necessário.

Podemos definir blocos de sketch agrupados e colocar ocorrências flexíveis destes blocos. Estas
ocorrências flexíveis retêm graus de liberdade especificados que permite que simulem
submontagens cinemáticas.

Os blocos de sketch são criados em sketch de peça 2D e pode ser composto só de objetos de
sketch. As definições de bloco de sketch estão contidas na pasta de Blocks enquanto que as
ocorrências de bloco de sketch residem sob o sketch principal. Podemos controlar a aparência e o
formato das definições de bloco e das ocorrências.
Autodesk Inventor | 27
Utilizamos os blocos de sketch para representar componentes em seu layout de projeto de cima
para baixo. Depois que criamos um bloco de sketch, podemos adicionar ocorrências do bloco ao
nosso layout. Este método de adicionar componentes em vários locais no projeto é rápido e
associativo. Quaisquer modificações à definição de bloco são propagadas a todas as ocorrências
de bloco.

Mais informações Local


Search:
Tópico do Help “Sketch blocks”
“Top-down design”

Tutorial Sketch Blocks

Restrições de Sketch
As restrições limitam as modificações e definem a forma de um sketch. Por exemplo, se uma linha
estiver horizontalmente restringida, arrastando um ponto da extremidade - endpoint -altera o
comprimento da linha ou a move verticalmente. No entanto, o fato de arrastar a linha não afeta sua
inclinação. Podemos colocar restrições geométricas entre:

 Dois objetos no mesmo sketch.

 Um sketch e a geometria projetada de uma feature existente ou um sketch diferente.

À medida que criamos o sketch, a restrições são aplicadas automaticamente aos vários elementos
de sketch. Por exemplo, se o símbolo horizontal ou vertical for exibido quando criamos uma linha,
então a restrição associada é aplicada. Dependendo de com que precisão o sketch seja criado,
uma ou mais restrições podem ser exigidas para estabilizar a forma ou a posição do sketch. É
possível também adicionar restrições manualmente a qualquer elemento de sketch.

Embora haja a possibilidade de usar os sketches sem restrições, os sketches completamente


restringidos resultam em atualizações mais previsíveis.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Constrain Sketches”

Tutorial Explore Sketch Constraints

Dados 2D do AutoCAD em Sketches


Quando você abre um arquivo do AutoCAD® no Autodesk Inventor, você pode colocar os dados
2D convertidos:

 Em um sketch em um desenho novo ou existente.

 Como um bloco de título em um novo desenho.

 Como um símbolo de sketch em um novo desenho.

 Em um sketch em uma peça nova ou existente.

Autodesk Inventor | 28
Podemos importar desenhos do AutoCAD (DWG) para um sketch de peça, desenho, ou
sobreposição de sketch de desenho. As entidades do plano XY do model space são colocadas
sobre o sketch. Num desenho, certas entidades, como por exemplo, splines, não podem ser
convertidas. Podemos escolher a opção de importar blocos do AutoCAD como blocos de sketch
do Autodesk Inventor.

Quando exportamos os desenhos do Autodesk Inventor para o AutoCAD, o conversor cria um


desenho do AutoCAD que pode ser editado. Todos dados são colocados no paper space ou no
model space no arquivo DWG. Se o desenho do Autodesk Inventor tiver várias folhas, cada uma é
salva como um arquivo DWG separado. As entidades exportadas tornam-se entidades do
AutoCAD, inclusive as cotas de dimensionamento.

Pode abrir um arquivo de extensão dwg e em seguida copiar os dados selecionados do AutoCAD
para a área de transferência e colar em uma peça, montagem, ou sketch de desenho. Os dados
são importados na posição do cursor.

Mais informações Local


Search:
Tópico do Help “3D sketch environment”

Tutorial “AutoCAD, using geometry in Inventor”

Features Colocadas
As features colocadas são características comuns da engenharia que não precisam de um sketch
quando as criamos com o Autodesk Inventor. Normalmente determinamos somente o local e
algumas cotas de medições.

 As features colocadas padrão são shell, fillet, chamfer, face draft, hole, e thread

 Os comandos para as features colocadas estão localizados nas guias Sketch e Model:

Fillet: Coloca um filete ou arredonda os loops das arestas selecionadas, e as features. O comando
Chamfer quebra as arestas agudas. Retira o material de uma aresta externa e adiciona o material
em uma aresta interna.

Hole: Coloque um furo especificado em uma peça, opcionalmente com rosca.

Thread: Cria roscas externas e internas regulares e cônicas sobre faces cilíndricas ou cônicas.

Shell: Produz uma peça oca com uma espessura de parede definida pelo usuário. O comando
Rectangular Pattern cria um padrão retangular de features. O comando Circular Pattern cria um
padrão circular de features.

Mirror: O comando Mirror cria tipos de features diferentes através de um plano.

As caixas de diálogo definem os valores para as features colocadas, como por exemplo, a caixa
de diálogo Hole.

Autodesk Inventor | 29
iFeatures
Uma iFeature é uma ou mais features que podem ser salvas e reutilizadas em outros projetos.
Podemos criar uma iFeature a partir de qualquer feature criada de sketch. As features
dependentes das features de sketch estão incluídas no iFeature. Depois que criamos uma
iFeature e a armazenamos em um catálogo, podemos arrastá-la do Windows Explorer e solta-la
no arquivo de peça. Também podemos usar o comando Insert iFeature.

Mais informações Local


Search:
Tópico do Help “Placed features”

Tutorial “iFeature fundamentals”

Features de Montagem
As features de montagem são como as features de peça, exceto que elas são criadas no ambiente
de montagem. Elas podem afetar vários componentes em um arquivo de montagem, mas as
modificações não alteram os arquivos de componente incluídos. Se as features de montagem são
usadas, use as representações LOD para excluir os componentes desnecessários. Quanto mais
participantes, maior o tamanho do arquivo e leva mais tempo para calcular a feature. Normalmente
suprimimos as feature de montagem antes de salvar. As features de montagem são chanfros,
filetes, varreduras, features rotacionadas, extrusões, furos, deslocamento de face, matriz
retangular de feature, matriz circular de feature, e cópia refletida. Eles também contem as features
de trabalho e os sketches utilizados para criá-las.

O fluxo de trabalho e as caixas de diálogo são as mesmas que usamos para as features de peça.
No entanto, algumas operações não estão disponíveis, como a criação de uma superfície para as
features extrudadas e rotacionadas.

É possível editar, adicionar, suprimir, ou excluir as features de montagem. Também podemos


restabelecer o estado das features de montagem e adicionar ou retirar os componentes que
participam da feature.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Assembly Features”

Tutorial Assemble and Constrain Components

Showme; Show me how to create an assembly feature

Features de Trabalho
As features de trabalho - work features - são geometria abstrata de construção que podemos
utilizar para criar e para posicionar novas features quando outra geometria for insuficiente. Para
fixar a posição e a forma, restrinja as features às features de trabalho.

Autodesk Inventor | 30
As features de trabalho englobam os planos de trabalho, eixos de trabalho, e os pontos de
trabalho. A orientação adequada e as condições de restrição são inferidas a partir da geometria
que selecionamos e a ordem em que ela é selecionamos.

Os comandos de features de trabalho fornecem prompts na tela para ajudá-lo com a seleção e a
colocação. Podemos:

 Criar e utilizar features de trabalho na peça, montagem, chapa metálica, e nos ambientes
de criação de sketch 3D.

 Utilizar e se referenciar as features de trabalho no ambiente de desenho.

 Projetar as features de trabalho em um sketch 2D.

 Criar features de trabalho alinhados para ajudar a definir um sketch 3D ou posicionar uma
peça ou feature de montagem.

 Tornar as features de trabalho adaptável.

 Habilitar ou desabilitar as features de trabalho.

 Arrastar para redimensionar os planos e os eixos de trabalho.

Mais informações Local


Search:
“Adaptive work features”
Tópico do Help “Work axes”
“Work planes”
“Work points”

Tutorial Explore Sketch Constraints

Editar as Features
No browser, clique com o botão direito sobre uma feature, e em seguida selecione uma das
opções no menu para modificar a feature:

Show Dimensions – Exibir as Cotas

Exibe as cotas do sketch para que você possa editá-las.

 Modifica as cotas de um sketch de feature.


 Modifica, acrescenta, ou exclui as restrições.

Autodesk Inventor | 31
Editar o Sketch

Ativa o esboço para que fique disponível para edição.

 Modificar ou criar um novo perfil para a feature. Depois de modificar o sketch de uma peça,
ao sair do sketch e a peça se atualizará automaticamente.

Abre a caixa de diálogo para essa feature.

Editar a Feature

 Escolha um método diferente para terminar a feature.

 Escolha se a feature faz junção (Join), subtração (Cu) ou intersecção (intersect) com outra
feature.

Grips 3D
Utilize os controladores da grip para arrastar uma feature ou face, ou restringir a outra geometria
para redimensionar uma feature. As setas indicam a direção do arrasto. A pré-visualização da
feature mostra os resultados esperados antes de cometer à mudança.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Features and feature termination”

Tutorial Parts 2 - Create Base Parts

Autodesk Inventor | 32
Montagens
A modelagem de montagem combina as estratégias de colocação de componentes existentes em
uma montagem, e a criação de outros componentes no local dentro do contexto da montagem. Em
um processo comum de modelagem, alguns projetos de componentes são conhecidos e alguns
componentes é padrão são usados. Crie os projetos para atender os objetivos específicos.

Colocar Componentes
No ambiente de montagem, podemos acrescentar peças existentes e submontagens para criar as
montagens, ou podemos criar peças e submontagens no local.

Um componente (uma peça ou submontagem) pode ser um sketch não consumido, uma peça,
uma superfície, ou qualquer combinação dos dois.

Quando criamos um componente no local, podemos fazer um dos seguintes:

 Sketch em um dos planos de origem da montagem.

 Clicar no espaço vazio para definir o plano do sketch ao plano da câmera atual.

 Restringir um sketch em relação à face de um componente existente.

Quando um componente estiver ativo, o resto da montagem fica é sombreado no browser e na


janela gráfica. Somente um componente pode ficar ativo de cada vez.

Escolha uma peça fundamental ou submontagem, como por exemplo, uma estrutura ou placa de
base, para ser o primeiro componente em uma montagem. Com exceção do primeiro componente
colocado, todos componentes colocados estão livres de restrições espontâneos e não estão fixos.
Adicionamos as restrições que julgarmos ser necessárias.

O primeiro componente que colocamos em uma montagem fica fixo automaticamente (todos os
graus de liberdade são retirados). Sua origem e os eixos das coordenadas ficam alinhados com a
origem e com os eixos das coordenadas da montagem.

É uma prática vantajosa colocar os componentes da montagem na ordem em que eles seriam
montados na linha de produção.

Autodesk Inventor | 33
Quando criamos um componente no contexto da montagem, o componente criado fica agrupado
abaixo da montagem principal ativa ou da submontagem no browser. Um perfil de sketch para o
componente no local que usa loops projetados de outros componentes dentro da montagem,
associativamente fica restringido aos componentes que se projetam.

Arrastar os Componentes para dentro das Montagens


Podemos colocar vários componentes em um arquivo de montagem em uma única operação
arrastando-os para dentro da uma janela da montagem aberta.

Solte os arquivos sobre a janela gráfica onde o modelo da montagem está exposto. Uma
ocorrência única de cada componente é colocada no arquivo de montagem. Os componentes
colocados aparecem na parte inferior do browser da montagem receptora.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Assembly components”

Assembly Constraints
Tutorial

Montar e Restringir Componentes


As restrições de montagem estabelecem a orientação dos componentes na montagem e simulam
relações mecânicas entre os componentes. Por exemplo, você pode:

 Aplicar Mate em dois planos.

 Especificar se as features cilíndricas em duas peças permanecem concêntricas.

 Restringir uma face esférica em um componente para permanecer tangente a uma face
planar em outro componente.

Cada vez quando que você atualizar a montagem, as restrições de montagem são compelidas a
se comportar conforme sua função.

Graus de Liberdade
Todo componente livre de restrições em uma montagem tem seis graus de liberdade (DOF). Ele
pode se mover ao longo ou girar em torno de cada um dos eixos X, Y, e Z. A capacidade de se
mover ao longo dos eixos X, Y, e Z é chamada liberdade de translacional. A capacidade de girar
em torno dos eixos é chamada de liberdade rotacional.

Autodesk Inventor | 34
Sempre que aplicamos uma restrição a um componente em uma montagem, retiramos um ou mais
graus de liberdade. Um componente fica completamente restringido quando todos os graus de
liberdade (DOF) são retirados. Você não é obrigado a restringir completamente nenhum
componente em uma montagem no Autodesk Inventor.

Para verificar o DOF dos componentes em uma assembléia:

 Selecione Degrees of Freedom a partir do painel Visibility da guia View.

 Arraste um componente na janela gráfica. Os outros componentes na montagem se


moverão baseados nas restrições existentes.

Mais informações Local


Search:
“Assembly Constraints Overview”
Tópico do Help “Degrees of Freedom in Assemblies”
“Plan Constraints”

Tutorial Assemble and Constrain Components

Projeto de Cima para Baixo - Abordagem descendente


A técnica de projeto de cima para baixo (também conhecida como modelagem de esqueleto)
centraliza o controle de seu projeto. A técnica permite atualizar seu projeto eficientemente e com
mínima interrupção aos seus documentos de projeto.

O projeto de cima para baixo começa com o layout. O layout é um sketch de peça 2D que é o
documento raiz de seu projeto. Criamos um layout que representa a nossa montagem,
submontagem, planta baixa, ou equivalente. No layout, utilizamos geometria de sketch 2D e
blocos de sketch para representar os componentes do projeto. Posicionamos estes componentes,
no layout, para avaliar a praticabilidade do projeto.

Uma vez estivermos satisfeitos com o estado do nosso layout, criamos os componentes dos
blocos de sketch. Este processo, também conhecido como push-derive - empurra-deriva - resulta
em arquivos de peça e de montagem que ficam associados aos blocos de sketch do layout.
Quando modificamos as definições de bloco de sketch, os arquivos de componentes
automaticamente refletem as modificações.

Autodesk Inventor | 35
Faça experiência com projeto de cima-para-baixo para experimentar o poder de projetos
verdadeiramente associativos.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Top-down design”

Tutorial Top-down Workflow

Criar Submontagens no Local


No ambiente de montagem, podemos adicionar peças existentes e submontagens para criar as
montagens ou podemos criar novas peças e submontagens no local. Um componente (uma peça
ou submontagem) pode ser um sketch que não foi utilizado, uma peça, uma superfície, ou
qualquer combinação de ambos.

Quando criamos um no local, podemos fazer um dos seguintes:

 Criar sketch sobre um dos planos de origem da montagem.

 Clique em um espaço vazio para definir o plano do sketch em relação ao plano atual da
câmera.

 Restringir um sketch em relação a face de um componente existente.

Quando criamos uma submontagem no local, definimos um grupo vazio de componentes. A nova
submontagem automaticamente torna-se a montagem ativa, e podemos começar a enchê-la com
componentes colocados e de componentes criados no local. Quando reativamos a montagem
principal, a submontagem é tratada como uma única unidade na montagem principal.

Opcionalmente, podemos selecionar os componentes no mesmo nível de montagem no browser,


clique com o botão direito, e em seguida selecione Component > Demote para colocá-los em
uma nova submontagem. O sistema solicitará a especificar o nome de um novo arquivo, template,
local, e a conta da estrutura dos materiais predefinida. Em seguida podemos mover os
componentes entre os níveis de montagem arrastando os componentes no browser.

As submontagens podem ser agrupadas em muitas layers no fundo de uma grande montagem.
Planejando e construindo as submontagens, podemos gerenciar eficientemente a construção de
grandes montagens. Podemos criar submontagens que se adaptem ao esquema de fabricação
planejado para facilitar a criação da documentação da nossa montagem.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Top-down, bottom-up, middle-out design”

Tutorial Design Assemblies and Constraints

Tópicos do Help Assemblies

Autodesk Inventor | 36
Componentes do Design Accelerator
O Design Accelerator oferece um conjunto de geradores e calculadores para criar componentes
automaticamente e mecanicamente corretos a partir de atributos mecânicos simples ou detalhados
inseridos pelo usuário.

Inserimos os componentes utilizando os geradores e calculadores do Design Accelerator no


ambiente de montagem. Os geradores e calculadores são agrupados de acordo com áreas
funcionais. Por exemplo, todas as soldaduras estão juntas.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Design Accelerator”


Design Bolted Connections, Shafts, Spur Gears Connections,
Tutorial Bearings, V-belts Connections, Disc Cams, Compression
Springs
Tópicos do Help Design Accelerator

Projeto de Mecanismos
Um mecanismo é definido como um projeto com uma ou mais peças moveis. O inventor fornece
numerosas ferramentas para nos auxiliar na criação e avaliação de um projeto mecânico.

Utilizamos os blocos de sketch em um sketch de peça 2D para criar um layout esquemático do


nosso mecanismo. Criamos blocos agrupados, flexíveis e aplicamos as restrições de sketch para
definir as submontagens cinemáticas. Derivamos blocos de sketch em arquivos de componentes e
criamos outras features para desenvolver os nossos modelos 3D. Os componentes permanecem
associados aos seus blocos correspondentes e se atualizam para refletir quaisquer mudanças na
forma do bloco.

Utilizamos as seguintes ferramentas para avaliar um mecanismo no ambiente 3D:

■ Animate: Anime uma restrição de montagem e habilite a detecção de colisão para determinar o
ponto exato de contato. Por exemplo, animar uma restrição angular para avaliar o limite de
movimento antes de o contato ocorrer.

Autodesk Inventor | 37
■ Create a Contact Set: Crie um Conjunto de Contato e adicione os membros como for
necessário para simular o contato físico entre os componentes e determinar o limite do
movimento.

■ Use Positional: Utilize as representações posicionais para salvar um mecanismo em vários


estados como extensão máxima e mínima.

■ Use Inventor Studio: Utilize o Inventor Studio para animar movimento simultâneo ou sucessivo.

■ Use the Dynamic Simulation Environment: Use o ambiente de simulação dinâmica para
calcular os deslocamentos, velocidades, acelerações, e forças de reação sem o custo de um
protótipo físico.

■ Use the Stress Analysis Environment: Use o ambiente de análise de tensão para conduzir
estudos de análise de tensão estruturais estáticos e modais no protótipo digital.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Physical environment”


Animate Assemblies
Explore Part Stress Analysis
Tutorial
Explore Assembly Simulation

Autodesk Inventor | 38
Checagem por Interferência
No produto físico construído a partir do seu projeto, dois ou mais componentes não podem ocupar
o mesmo espaço ao mesmo tempo a menos que eles sejam projetados especificamente para esse
fim. Para checar esses erros, o Autodesk Inventor pode analisar as montagens em busca de
interferência.

O comando Analyze Interference faz checagem em busca de interferência entre conjuntos de


componentes ou entre os componentes em um único conjunto. Se existir interferência, o Autodesk
Inventor a exibe como um sólido e uma caixa de diálogo que contém o volume e o centróide de
cada interferência. Em seguida podemos modificar ou mover os componentes para eliminar a
interferência.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Check for interference between components”

Tutorial Optimize Assemblies

iAssemblies

Uma iAssembly é uma configuração de um modelo com algumas ou muitas variações chamadas
de membros. Cada membro tem um conjunto de identificadores exclusivos, como por exemplo,
diâmetro ou comprimento. Um membro pode ter componentes diferentes, como um sistema de
transmissão para um veículo com vários tamanhos diferentes de motor.

Crie uma iAssembly se você quiser mostrar quantidades diferentes para os componentes da
montagem em uma lista de peças. Podemos definir a quantidade de peças necessárias para a
lista para cada membro da iAssembly.

Podemos administrar as iAssemblies a partir de uma tabela. Em uma iAssembly, podemos


substituir um membro por outro membro da mesma fábrica selecionando uma linha diferente na
tabela. A conta de materiais e a lista de peças se atualizam automaticamente quando editamos os
membros.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “iAssemblies”

Autodesk Inventor | 39
Capítulo

3
Documentar e Publicar os Projetos

Durante o processo de criação de protótipos digitais no Inventor, muitas vezes há a necessidade


de comunicar o projeto a indivíduos fora da equipe de projeto. No Autodesk Inventor®, podemos
criar o tipo de documentação apropriado para qualquer consumidor, como clientes ou fabricantes.
Os tipos de documento disponíveis são:

 Desenhos 2D
 Arquivos de CAD 3D
 Arquivos somente para leitura, como DWF ou PDF
 Renderizações foto-realistas

Podemos criar a documentação em qualquer etapa durante o processo de criação de protótipos


digitais.

Desenhos
Um desenho consiste de uma ou mais folhas e que cada uma contém uma ou mais vistas de
desenho 2D e anotações. Os desenhos são associativos aos protótipos digitais. Qualquer
mudança ao modelo automaticamente é refletida no desenho na próxima vez que o abrimos.
Podemos criar um desenho em qualquer ponto no processo de elaboração de projeto, e sempre
reflete o estado atual do protótipo digital. As anotações podem incluir as cotas, símbolos, tabelas,
e texto.

Começar os Desenhos
Os desenhos são criados de um arquivo de template de desenho. O Autodesk Inventor inclui
templates padrão (.idw, .dwg) armazenados na pasta Autodesk\Inventor (número de versão) \pasta
Templates. Os templates disponíveis são apresentados nas guias da caixa de diálogo New File.

Os templates de desenho podem conter formatos de folha, bordas, blocos de título, e símbolos de
sketch. Os templates também controlam os estilos predeterminados e os estilos padrão
empregados para a aparência das vistas e anotações.

Quando começamos um desenho, o bloco de título, a borda, tamanho de folha, e outros elementos
vêm do template.

Autodesk Inventor | 40
Dicas de Desenho do Inventor:
 O template que selecionamos para criar um arquivo de desenho determina o tamanho
predefinido da folha, bloco de título, borda, e assim por diante. Podemos alterar o tamanho
da folha, bloco de título, e a borda depois que criar o desenho. O template controla os
estilos predeterminados e os padrões usados para a aparência das vistas e das anotações.

 Podemos criar templates personalizados e salva-los na pasta de Templates. Para


configurar um template de desenho, abrimos um arquivo de template de Autodesk\Inventor
(número de versão) \Templates. Fazemos as modificações, e salvamos o arquivo com um
novo nome na pasta de Templates. O novo template fica disponível na próxima vez a caixa
de diálogo New File for exibida.

 Podemos criar templates diferentes para as folhas de tamanhos diferentes que utilizamos,
ou podemos criar vários formatos de folha em um único template.

 Para personalizar uma folha de desenho em um template, modificamos o tamanho


predeterminado da folha e especificamos a orientação da folha. Em seguida modificamos a
borda e blocos de título para adaptar a folha. As bordas disponíveis e os blocos de título
são apresentados na lista na pasta Drawing Resources no browser.

Mais informações Local


Search:
“Drawing Environment”
Tópico do Help “Templates for drawings”
“Create drawings”

Tutorial Prepare Final Drawings

Tipos de Arquivos de Desenho

O Autodesk Inventor suporta os tipos de arquivo IDW e DWG para desenhos. Os dois tipos de
arquivo produzem desenhos idênticos. Os arquivos de IDW são o formato nativo do Inventor.

Podemos abri-los somente no Inventor ou no Inventor View. Este tipo de arquivo resulta em
arquivo de tamanhos menores.

O tipo de arquivo DWG é nativo do AutoCAD®. Podemos abrir arquivos DWG no AutoCAD,
Inventor, ou DWG TrueView. Se criarmos dados em um arquivo DWG usando o Inventor,
podemos modificar os dados somente com o Inventor. Se criarmos os dados usando o AutoCAD
em um arquivo DWG, podemos modificar os dados somente com o AutoCAD. Se um consumidor
a jusante dos nossos dados do Inventor tiver a necessidade de um arquivo DWG, devemos levar
em conta o uso dos arquivos DWG como o padrão do Inventor.

Mais informações Local


Search:
“Create drawing templates”
Tópico do Help “DWG Translation”

Autodesk Inventor | 41
Crie Vistas dos Modelos
Uma vista de desenho é um representação 2D de um protótipo digital 3D que é colocado em uma
folha de desenho. Os comandos para as vistas no Inventor são como tipos de vista em desenho
técnico. Os dois comandos de tipos de vistas no Inventor são Author e Modify. Os comandos
Author criam novas vistas. Estão localizados no painel Author do Ribbon. Os comandos Modify
modificam as vistas existentes. Estão localizados no painel Modify do Ribbon.

A primeira vista colocada em um desenho é uma vista de base. As vistas subseqüentes são
descendentes da vista de base ou vistas de base adicionais. À medida que criamos as vistas, elas
são mostradas em listas no browser com a folha, bloco de título, e borda.

Tipos de Vistas de Desenho


Vista de Base

A primeira vista criada em um desenho. A vista de base é a origem para as vistas subseqüentes e
controla a escala e alinhamento para elas. Podemos criar uma ou mais vistas de base em uma
folha de desenho. Selecionamos a orientação da vista quando a criamos. As orientações
predeterminadas são baseadas na origem do protótipo digital.

Vista Projetada

Uma vista ortográfica ou isométrica que é gerada a partir de uma vista de base ou de outra vista
existente. Podemos criar várias vistas projetadas em uma única operação. A posição do cursor
relativo à vista principal determina a orientação da vista projetada.

As vistas projetadas herdam a escala e exibem as configurações da vista principal. As vistas


projetadas ortográficas mantêm o alinhamento com a vista principal. O padrão de desenho técnico
ativo define a projeção no primeiro diedro ou terceiro diedro.

Autodesk Inventor | 42
Vista Auxiliar

Uma vista projetada perpendicular a uma linha selecionada pelo usuário ou a uma aresta.
Utilizamos a Vista Auxiliar para documentar características em faces inclinadas.

A posição do cursor relativo à vista principal determina a orientação da vista auxiliar.

As vistas auxiliares herdam a escala e exibe as configurações da vista principal.

Vista de Corte

Uma vista criada traçando uma linha que define um plano usado para cortar através de uma peça
ou uma montagem. Criamos uma linha de corte quando criamos a vista, ou a selecionamos a
partir de um sketch associado à vista principal. A linha de corte pode ser um único segmento reto
ou vários segmentos.

As pontas de flecha da linha de corte sobre a vista de base se orientam automaticamente para
refletir a posição da vista de seção relativa à vista de base.

São colocadas automaticamente as hachuras, linha de corte, e os rótulos.

Vista de Detalhe

Uma vista ampliada de uma parte especificada de outra vista do desenho. Por definição padrão, a
escala da vista de detalhe é o dobro da escala da vista principal, mas podemos especificar
qualquer escala. Uma vista de detalhe é criada sem alinhamento a sua vista principal.

Autodesk Inventor | 43
O Autodesk Inventor aplica o rótulo a vista de detalhe e a área que ela é derivada da sua vista
principal. Podemos especificar uma cerca circular ou retangular para o detalhe.

Vista de Sobreposição - Overlay

Uma única vista que mostra uma montagem em várias posições. As sobreposições estão
disponíveis para as vistas de base, projetada, e auxiliares. A vista de sobreposição – overlay - é
criada sobre a vista principal.

Vista de Esboço - Draft View

Uma vista criada de um sketch 2D no arquivo de desenho. Podemos colocar uma vista de esboço
e construir um desenho sem um modelo associado. Uma vista de esboço pode fornecer detalhe
que está faltando em um modelo.

Operações de Vista de Desenho

Vista Interrompida - Break

Uma operação que reduz o tamanho de um modelo retirando ou "interrompendo" partes


irrelevantes. Criamos uma interrupção em uma vista se a vista do componente exceder o
comprimento do desenho, ou contiver áreas grandes de geometria que não seja interessante -
indefinível. Um exemplo é a parte do centro de um eixo.

As cotas que medem a distância da interrupção refletem o comprimento verdadeiro.

Autodesk Inventor | 44
Corte Parcial - Break Out

Uma operação que remove uma área de material definida para expor peças ocultas ou as
características em uma vista de desenho existente. A vista principal deve ter um sketch associado
que contém o perfil definindo o limite da ruptura.

Recorte - Crop

Uma operação que fornece controle sobre o limite da vista em uma vista de desenho existente. O
limite de recorte pode ser um retângulo ou um circulo que criamos durante o comando, ou um
perfil fechado que selecionamos a partir de um sketch.

Vista Fatiada - Slice

Uma operação que produz uma seção de zero profundidade a partir de uma vista de desenho
existente. Executamos a operação Slice em uma vista de destino – target view -selecionada. As
linhas fatiadas são definidas em um sketch associado a uma vista diferente.

Autodesk Inventor | 45
Dicas sobre Vista de Desenho
 Podemos editar as vistas colocadas nos desenhos para modificar as configurações como a
escala, exibição de linha oculta, exibição de rosca, e assim por diante. Se a vista editada
for uma vista principal, as modificações feitas aos parâmetros da vista são refletidas nas
vistas dependentes.

 Podemos remover a associação entre uma vista principal e uma vista dependente editando
a vista dependente. Em seguida podemos definir escala independente, estilo, e
alinhamento para a vista dependente.

 Podemos mover uma vista clicando e arrastando a borda vermelha delimitadora da vista.
Podemos mover várias vistas com uma janela de seleção de cruzamento - crossing.

 A maioria das vistas dependentes é criada com um alinhamento (vertical, horizontal, em


posição) em relação à vista principal. Uma vista alinhada pode ser movida somente dentro
de suas limitações. Se a vista principal for movida, a vista alinhada se move para manter
seu alinhamento. Podemos romper manualmente o alinhamento entre a vista dependente e
a principal.

 Podemos excluir as vistas que não são mais necessárias. Se excluirmos uma vista de
base, as vistas dependentes, projetadas e auxiliares podem ser excluídas ou retidas. As
vistas de corte e as de detalhe exigem uma vista principal e não pode ser retida.

 Podemos suprimir as vistas de modo que elas não sejam exibidas na folha de desenho. As
vistas suprimidas são úteis quando uma vista é criada somente para criar uma vista
dependente. A vista suprimida ainda pode ser acessada no browser.

Mais informações Local


Tópico do Help Search: “Drawing views”
Tutorial Prepare Final Drawings
Skill Builders: Drawings

Vistas Explodidas
As vistas explodidas são geralmente usadas para descrever as montagens pelo deslocamento dos
componentes para fora de sua posição montada.

As vistas explodidas freqüentemente são usadas para aplicar os balões indicadores em uma
montagem usando números de item encontrados em uma lista de peças ou conta de material.

As vistas explodidas são criadas usando uma combinação de arquivos de montagem (. iam),
apresentação (. ipn), e desenho (.idw, .dwg). Uma vista da montagem é criada no arquivo de
apresentação e os componentes são reposicionados na vista.

Autodesk Inventor | 46
As vistas de desenho são em seguida geradas do arquivo de apresentação.

Mais informações Local


Tópico do Help Search: “Exploded views and presentations”
Tutorial Create Exploded Views

Adicione Notas as Vistas de Desenho


As anotações de desenho fornecem informação adicional às vistas de desenho para completar a
documentação de um protótipo digital. Os estilos que correspondem ao padrão ativo de desenho
determinam a aparência das anotações de desenho. As anotações de desenho são ligadas a
geometria do modelo e elas se atualizam em conseqüência das modificações feitas ao modelo.
Uma vez que as anotações são colocadas na folha, elas podem ser deslocadas utilizando as grips.

Tipos de Anotações de Desenho

Cotas Gerais

Podemos criar as cotas gerais nas vistas ortográficas ou isométricas. A geometria que
selecionamos determina o tipo de cota e as opções disponível no menu do clique no botão direito
do mouse.

Podemos substituir o texto da cota, que não afeta a geometria do modelo.

Autodesk Inventor | 47
Podemos alterar a precisão da cota e a tolerância, editar a linha de chamada e as pontas de
flechas, ou modificar o conteúdo de texto da cota.

Coas de Linha de Base e Conjuntos de Cota de Linha de Base

Podemos criar várias cotas que exibem a distância de ortogonal entre a origem (linha de base) e
arestas ou pontos selecionados. A primeira aresta ou ponto selecionado é a geometria de origem.
Podemos criar cotas individuais ou um conjunto de cota.

Cotas Ordenadas e Conjunto de Cota Ordenada

Podemos criar várias cotas ordenadas em um único processo. As cotas ordenadas


automaticamente se alinham à medida que são colocadas. Se texto da cota se sobrepõe,
podemos modificar a posição da dimensão ou o estilo de cota. Podemos criar cotas individuais ou
um conjunto de cota.

Recuperação de Cotas

Autodesk Inventor | 48
Exibe todas as cotas de modelo, ou somente as cotas relacionadas às peças ou as features
selecionadas. Selecionamos as cotas para manter na vista de desenho.

Somente as cotas do modelo paralelas ao plano da vista estão disponíveis. As cotas do modelo
podem ser modificadas para manipular o arquivo de peça.

Marcas de Centro

As marcas de centro são adicionadas aos arcos ou círculos selecionados. As linhas de extensão
da marca de centro são automaticamente redimensionadas para se adaptar a geometria.

As marcas de centro podem ser adicionadas individualmente ou usando o comando linhas de


centro automatizadas - automated centerlines.

Linhas de Centro

Criamos as linhas de centro ou centerlines para as arestas selecionadas, no midpoint das linhas,
ou no ponto de centro de arcos ou círculos. Criamos uma linha de centro circular quando as
features formam uma matriz circular.

O Inventor de Autodesk suporta três tipos de linhas de centro: bissector, matriz centralizada, e
axial.

Notas de Furo/Rosca

Autodesk Inventor | 49
As notas de furos ou rosca exibem informação a partir do furo, rosca, e features cilíndricas de
extrusão de corte em um modelo. O estilo da nota do furo varia dependendo do tipo de as feature
selecionada.

Notas de Chanfro

As notas de chanfro contêm a distância e as medições de ângulo para as arestas do modelo


selecionadas ou linhas de sketch.

Podemos adicionar as notas de chanfro às arestas angulares em vistas e sketches. Uma aresta de
chanfro e aresta de referência a partir de corpos diferentes, modelos, ou sketches, devem fazer
parte da mesma vista.

Símbolos

Vários tipos de símbolos estão disponíveis: Textura de superfície, solda, moldura de controle de
feature, identificador de features, metas de datum, e símbolos identificador de datum. Os símbolos
são criados com ou sem linha de chamada.

Os símbolos definidos pelo usuário ou os símbolos criados com sketch são definidos no Drawing
Resources e são colocadas como símbolos padrão. São usados para definir os símbolos
personalizados que não estão disponíveis no Autodesk Inventor.

Aplicar Anotações para as Curvas

Autodesk Inventor | 50
Uma curva não adiciona informação de fabricação a curva de chapa metálica, rolo de contorno, e
linhas de centro estética. As notas de curva podem ser adicionadas as vistas planificadas da
matriz das peças de chapa metálica.

Uma nota de curva fica associada com a linha de centro selecionada da curva. A colocação pré-
definida da nota de curva está acima da linha de centro selecionada da curva. Ela restringe o texto
de curva ao midpoint da linha de centro e cria afastamentos pelo valor Origin Offset a partir do
Estilo de Cota - Dimension Style.

Inserir Notas de Punção

Uma nota de punção inclui dados relacionados à feature de punção - punch: por exemplo, a
identificação da punção, ângulo, direção, profundidade, nota de quantidade, e assim por diante. As
notas de punção podem ser adicionadas as vistas planificadas de matriz de peças de chapa
metálica.

Símbolo de Solda Caterpillars

As caterpillars de soldadura são usadas para denotar as features de soldadura em vistas 2D.
Podemos adicionar caterpillars de soldadura manualmente usando o comando Caterpillar.
Adicionamos os símbolos de caterpillar automaticamente a partir das features de soldadura
usando Get Model Annotations > Get Weld Annotations no menu do clique do botão direito do
mouse.

Final do Cordão - End Fills

Autodesk Inventor | 51
O comando End Fills - Final do Cordão é usado para representar a região preenchida indicando o
fim de um cordão de solda. Pode adicioná-los manualmente usando o comando End Fill ou
automaticamente a partir de modelos de soldadura usando Get Model Annotations > Get Weld
Annotations.

Modificamos a aparência end fill através das propriedades do objeto.

Balões de Identificação de Itens

Os balões são etiquetas de anotação que identificam itens apresentados em um uma lista de
peças. Os balões podem ser colocados individualmente ou automaticamente para todos
componentes em uma vista de desenho. Podemos adicionar balões a uma peça personalizada
depois de ser acrescentada à lista de peças. A forma do balão e o valor podem ser substituídos
utilizando o Edit Balloon no menu do clique do botão direito do mouse. Podemos unificar os balões
para usar uma única linhas de chamada utilizando a opção attach balloon no menu do clique do
botão direito do mouse.

Listas de Peças

As Listas de Peças exibem os dados guardados na conta de materiais do projeto da montagem. A


lista de peças pode ser modificada para incluir outras colunas diferentes ou valores substituídos.
Os dados da conta de material podem ser modificados a partir do arquivo de desenho ou do
arquivo de montagem.

As peças personalizadas podem ser adicionadas à lista de peças para incluir itens que não foram
modeladas como tinta ou graxa.

Tabelas

Autodesk Inventor | 52
Podemos criar uma tabela geral, de configuração, ou uma tabela de dobradura de chapa metálica.

Uma tabela geral pode ter um número padrão de linhas e colunas, ou podemos personalizar o seu
tamanho. A tabela geral pode referenciar dados externos de arquivos .xls, .xlsx, ou .csv, ou
podemos inserir qualquer outro tipo de dados caso seja necessário.

Nos desenhos de iParts e de iAssemblies, as linhas da tabela de configuração representam os


membros da fábrica. Podemos especificar as colunas para incluir na tabela de configuração, como
por exemplo, status de exclusão e valores que são diferentes entre os membros.

A tabela de curvatura é criada, se uma peça de chapa metálica for a origem da tabela. As tabelas
de curvatura contêm informações de curvatura como ângulo e raio.

Tabelas de furos

As tabelas de furo mostram o tamanho e a localização das features hole – furo - em um modelo.
Quando uma tabela de furo é adicionada, cada furo distinto recebe uma etiqueta de furo e uma
linha correspondente é adicionada à tabela. Também podemos adicionar as marcas de centro, as
features de punção, extrusão de corte cilíndrico a uma tabela de furo pela editando a tabela.

Tabelas de Revisão e Etiquetas

As tabelas de revisão contem informação sobre modificações do projeto. As tabelas de revisão


podem ser criadas para o arquivo de desenho inteiro ou para uma única folha.

Uma etiqueta de revisão marca um objeto modificado por revisões de projeto. O nível de revisão
padrão para a etiqueta é a revisão mais recente na tabela. O nível de revisão da etiqueta pode ser
alterado usando o menu de atalho.

Comando Texto ou Texto de Chamada

Autodesk Inventor | 53
Utilizamos o comando Text para adicionar anotações gerais em um desenho. As anotações gerais
não ficam ligadas a nenhuma vista, símbolo nem a outro objeto no desenho.

Utilizamos comando Leader Text para adicionar anotações aos objetos em um desenho. Se
ligarmos a linha de chamada a geometria em um vista, a anotação é deslocada ou excluída
quando a vista for movida ou excluída.

Mais informações Local


Tópico do Help Search “Drawing Annotations”
Tutorial Prepare Final Drawings
Drawings:
Skill Builder Sketched Symbols: Stacking
Parts List - Add a Custom Part

Estilos e Padrões
O Inventor utiliza estilos e padrões para controlar os formatos das vista e dos objetos de anotação.
Os formatos incluem aparência da cota, layers, tipos de linha, estilos de texto, formatação de
tabela, e qualquer outra formatação relacionada aos objetos de anotação. Estilo e informações de
padrão estão contidos em uma biblioteca de estilos que é referenciada por todos os documentos.

Quando instalamos o Autodesk Inventor, especificamos um padrão de desenho técnico pré-


determinado que contem um conjunto de estilos. Podemos instalar e configurar vários padrões e
estilos.

 Dicas de Estilos e Padrões:


Podemos personalizar os estilos existentes ou criar novos estilos. Copie um estilo
existente, e faça as modificações desejadas para criar um estilo. As mudanças de estilo
são salvas no documento atual e não ficam disponíveis para outros documentos até que
sejam salvos na biblioteca de estilo.

 Podemos armazenar todas ou algumas das informações de estilo em um arquivo de


desenho ou template em vez de usar a biblioteca de estilos. Este método é útil quando
fazemos substituições uma vez e não queremos afetar todos os desenhos.

 Se o estilo for armazenado em um template, ele está disponível somente para futuros
documentos que forem criados com o template. Atualize manualmente os documentos que
foram criados anteriormente. Com as bibliotecas de estilo, uma definição de estilo fica
disponível em qualquer documento basta atualizar a biblioteca.

 Utilize a lista Object Defaults para mapear os objetos de anotação de desenho como os
estilos e as layers de desenho.

 Crie um link de uma biblioteca de estilos personalizada com um arquivo de projeto (.ipj)
para compartilhar os estilos entre os desenhistas. Todos os arquivos incluídos no projeto,
em conseqüência, empregam os mesmos estilos de formatação. Os documentos são
formatados de modo uniforme, e as atualizações são fáceis. Quando atualizamos a
definição de estilo principal da biblioteca, todos os documentos que utilizam a biblioteca de
estilos podem atualizar sua formatação.

Autodesk Inventor | 54
Mais informações Local
Search:
Tópico do Help “Styles in drawings”
“Configure the company standard styles using the Styles Editor”
Drawings:
Skill Builder
Drawing Styles - Objects

Studio no Autodesk Inventor

O Inventor Studio é um ambiente de renderização e animação dentro dos documentos Part e


Assembly. Podemos produzir imagens ilustrativas e realistas de nossas peças ou montagem.

As imagens de Inventor Studio podem ser usadas para documentar os produtos, apresentar
conceitos aos investidores, clientes, ou a equipe de gestão. As imagens que criamos podem ser
empregadas em uma ampla variedade de locais dentro do ambiente corporativo. Além disso,
podemos oferecer animações de como funciona o nosso projeto. E, melhor ainda, com o Video
Producer (parte do Studio) temos a possibilidade de compor fotografias de várias câmeras e
produzir um vídeo de animação mais cinematográfico.

Como um ambiente dentro da peça e dos documentos de montagem, basta decidir quando você
deseja entrar no ambiente e mandar ver. Podemos renderizar uma imagem usando um padrão de
iluminação e estilos de cenário ou fazer novos cenários para atender às nossas necessidades
específicas. Podemos salvar e compartilhar as luzes personalizadas, as cores e estilos de cena
com os outros em nossa comunidade de design. As animações utilizam as restrições de
montagem existentes. Tudo que precisamos fazer é especificar um período de tempo e qual é a
condição final previsto da restrição. A linha do tempo – timeline - fornece acesso fácil para ajustar
o tempo de cada objeto animado.

As representações posicionais de animação existente bem no fundo da montagem exigem tempo


e esforço extra. Recomendamos que você se familiarize com o Inventor Studio e as várias opções
de representação antes de mergulhar nesta área.

Autodesk Inventor | 55
Saiba mais no conteúdo Help, livros sobre Inventor, recursos on-line de outros usuários do
Inventor, no Autodesk Newsgroup no endereço http://discussion.autodesk.com.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Render and animate with Inventor Studio”

Render Models with Studio


Tutorial
Animate Assemblies
Create Positional Representations
Studio:
Skill Builder Animate Camera
Advanced Camera Animation

Publique os Desenhos
Os dados do protótipo digital podem ser publicados em diversos formatos no Inventor. Esses
dados podem incluir peças, montagens, desenhos, ou uma combinação destes, dependendo do
tipo de arquivo selecionado. Para publicar, utilize o comando Save Copy As e selecione um tipo de
arquivo, ou use os diferentes comandos de exportação. Os tipos de arquivo suportados são:

 Arquivos DWF 2D e 3D
 Formatos de arquivo de CAD, incluindo Parasolid®, Pro/ENGINEER®, e STEP
 Arquivos PDF 2D
 Arquivos de imagem, incluindo BMP, JPEG, PNG ou TIFF

Os arquivos DWF são um tipo de arquivo Autodesk que pode conter dados 3D, 2D e informação
da lista de materiais. Podemos visualizar os arquivos DWF no Autodesk ® Design Review, um
download gratuito que contém ferramentas para visualizar, imprimir e aplicar marcas de revisão
nos arquivos DWF.

Mais informações Local


Search:
“Publishing 3D data”
“Publishing 2D data”
“Publish to DWF”
Tópico do Help “DWF markup”
“Export parts, assemblies, and more”
autodesk.com/dwfwriter-download

Web links
autodesk.com/designreview dwfcommunity.autodesk.com

Autodesk Inventor | 56
Capítulo

4
Gerencie os Dados

O Autodesk Inventor ® oferece vários meios para compartilhar arquivos dentro de seus grupos de
trabalho interno, e com os membros da equipe fora de sua organização. Podemos importar e
exportar arquivos de e para outros softwares de CAD, e também compartilhar arquivos do Inventor
com membros da equipe que não utilizam o software de CAD.

Compartilhe Arquivos em Grupos de Trabalho Utilizando o Vault


O Autodesk® Vault é um sistema de gerenciamento de dados para grupo de trabalho para
compartilhamento de dados do projeto através de uma equipe de projeto. The Vault oferece uma
gestão de arquivos e um sistema de controle de versão para toda a engenharia e dados
relacionados. Ele fornece aos membros da equipe de projeto um ambiente central e seguro de
colaboração.

O Autodesk Vault em um ambiente compartilhado consiste em dois componentes: o servidor Vault


e os clientes Vault. O servidor armazena os arquivos mestres de dados de todas as informações
de projeto. Os clientes oferecem acesso aos arquivos armazenados no servidor.

As equipes de projeto utilizam o Autodesk Vault para controle de versão e para armazenar e
compartilhar todos os tipos de arquivos de engenharia e dados relacionados. Os arquivos podem
ser Autodesk Inventor, AutoCAD ®, Autodesk ® DWF ™ (Design Web Format), FEA, CAM, ou do
Microsoft ® Office. Eles podem ser qualquer outro arquivo utilizado no processo de projeto.

Autodesk Inventor | 57
Todas as versões de arquivos que são verificadas no Vault são retidas, juntamente com quaisquer
dependências de arquivo, fornecendo um histórico vivo do projeto. Os membros da equipe têm
acesso aos arquivos e aos dados armazenados no servidor, e ao histórico dos arquivos. Eles
podem retirar os arquivos - check-out - de para evitar que mais de um membro edite o mesmo
arquivo ao mesmo tempo. Depois que um arquivo é devolvido ao Vault, os membros da equipe
podem atualizar suas cópias locais.

Add-ins do Autodesk Vault para Aplicações de Projeto


O Add-in de clientes fornece funções básicas do Vault dentro do ambiente de uma aplicação
principal, como AutoCAD e Autodesk Inventor. Os Add-ins manter as relações de dados do
aplicativo específico quando for adicionar arquivos a um cofre - Vault.

Existem add-ins disponíveis para aplicações de desenho da Autodesk ® e para os não são da
Autodesk.

OBSERVAÇÃO: Se um cliente integrado estiver disponível para uma determinada aplicação,


gerenciar os arquivos utilizando esse cliente minimiza a perda de dados, como as relações de
montagem. Recomendamos que você use os clientes integrados sempre que possível.

Add-ins do Microsoft Office


O Add-in do Microsoft Office executa funções básicas do Vault em documentos, planilhas e outros
dados que não são de CAD dentro de qualquer um desses aplicativos do Microsoft Office: Word,
Excel ® e PowerPoint ®.

Cópia de Desenho Usando o Vault

A função Copy Design do Autodesk Vault copia um desenho do Inventor com todos os arquivos
relacionados, para criar outro projeto. Use Design Copy para copiar uma estrutura de montagem
inteira, incluindo os desenhos 2D relacionados e modelos 3D, para obter um novo desenho. A
função Copy Design preserva os relacionamentos e pode eliminar horas de retrabalho. Por
exemplo, uma peça existente e o arquivo de desenho relacionado são copiados e recebem novos
nomes. A nova peça e o desenho ficam completamente associativos um ao outro. As cotas e
layout da vista da copia mestra do documento original é preservada no novo desenho.

Na caixa de diálogo Copy Design, podemos escolher quais as peças de um projeto existente
vamos copiar, reutilizar, excluir ou substituir. Podemos definir um esquema de nomeação para os
arquivos que vamos copiar para o novo desenho. Alternativamente, podemos optar por adicionar
um prefixo e um sufixo para os nomes dos arquivos automaticamente.

Se os nomes do arquivo original terminam em um número inteiro, você pode optar por incrementar
automaticamente os nomes. Podemos trocar os nomes dos arquivos de apresentação e dos
arquivos de desenho para compatibilizar os nomes de origem direta da sua peça ou da montagem.

Mais informações Local


Search:
“Learn about Autodesk Vault”
“The Autodesk Vault Environment”
Tópico do Help
“Tutorial: Performing Vault tasks in Autodesk Inventor”
“Getting Started with the Autodesk Vault Add-in”
“Autodesk Inventor and the Vault”

Autodesk Inventor | 58
Compartilhe Arquivos Externamente
Os membros da equipe fora da sua organização podem acessar os desenhos utilizando o software
Autodesk Productstream e Autodesk Design Review. Eles podem revisar e gerenciar os dados
durantes os processos de elaboração de projeto e de manufatura.

Autodesk Vault Manufacturing


O Vault Manufacturing é um produto de gerenciamento de dados (PDM), uma aplicação que
fornece uma abordagem modular e prática para controlar os dados da sua concepção. Ele
preenche a lacuna entre os dados de CAD e do processo de fabricação. Você pode:

 Controlar o ciclo de vida dos projetos e dos materiais utilizados para fabricar um produto.
 Gerir o que fazer, comprar, montar e entregar aos clientes.

O Vault Manufacturing automatiza o processo de controle e gerenciamento de processo de


liberação de engenharia. Os itens são geridos através de vários estados de trabalho, como
trabalho em andamento, liberado, e obsoleto. As contas de materiais (BOM) coordenam os itens
em uma lista de peças total. As alterações feitas aos pedidos são submetidas, revistos, aprovados
e controlados através do processo de roteamento usando Vault Manufacturing. O Vault
Manufacturing Web Client é o aplicativo baseado no navegador da Web que dá acesso ao Vault e
seus dados para grupos de fora do departamento de engenharia. Eles podem:

 Acesso a todos os itens e arquivos no Web Client, incluindo as revisões liberadas.


 Visualizar, e imprimir detalhes de itens e arquivos no Web Client.

Mais informações Local


Vault Manufacturing Help The separate Help in the Vault Manufacturing product.
Tópico do Help Search: “Installation and Deployment”

Autodesk Design Review


Utilizando o software gratuito Autodesk Design Review, os membros da equipe que não utilizam o
CAD pode acessar os projetos. Eles podem revisar, aplicar marcas de revisão, medir e rastrear as
alterações em projetos e desenhos. As marcações e o estado atual são salvos no arquivo DWF.

Mais informações Local


Design Review Help.
Autodesk Design Review software
Search: “DWF markup”
Tópico do Help

Web links: autodesk.com/designreview/dwfcommunity.autodesk.com

Autodesk Inventor | 59
Importação e Exportação de Dados
Para traduzir arquivos, podemos abrir ou importar os arquivos do Autodesk Inventor. Também
podemos colocar os arquivos de peças e de montagem como componentes nas montagens do
Autodesk Inventor e arrastar e soltar e arquivos de peça e de montagem para o Autodesk Inventor.
Nos fluxos de trabalho de abrir, importar e colocar componentes podemos escolher as opções de
importação específica para atingir os resultados pretendidos. As opções de importação estão
disponíveis quando selecionamos um arquivo e clicamos em Options na caixa de diálogo. Os
detalhes da operação de importação estão contidos no relatório de tradução, abaixo do nó
correspondente do navegador de terceiros.

Arquivos do AutoCAD
Quando abrimos um arquivo do AutoCAD na Autodesk Inventor, podemos selecionar os
dados do AutoCAD para traduzir:

 O espaço do modelo, um único layout no espaço do papel, ou sólidos 3D.

 Uma ou mais layers.

Podemos também colocar dados 2D traduzido:

 Em um sketch em um desenho novo ou existente.

 Como um bloco de título em um novo desenho.

 Como um símbolo de sketch em um novo desenho.

 Em um sketch de uma peça nova ou existente.

Se você traduzir sólidos 3D, cada sólido se torna um arquivo de peça contendo um corpo sólido
ASM. Os blocos são traduzidos como símbolos de sketch.

Podemos importar desenhos do AutoCAD (DWG) para um sketch de peça, um desenho ou uma
sobreposição de sketch de desenho. O conversor leva as entidades a partir do plano XY do
espaço do modelo e os coloca no desenho. Nos desenhos, não podemos converter determinadas
entidades, como splines. Podemos optar por importar blocos de AutoCAD como blocos de sketch
do Autodesk Inventor.

Podemos exportar os desenhos do Autodesk Inventor para o AutoCAD. O conversor cria um


desenho do AutoCAD editável e coloca todos os dados no espaço do papel ou no espaço do
modelo de no arquivo DWG. Se o desenho do Autodesk Inventor possui várias folhas, cada uma é
guardada como um arquivo DWG separado. As entidades exportadas se tornam entidades do
AutoCAD, inclusive as cotas.

Podemos abrir um arquivo DWG e, em seguida, copiar os dados selecionados do AutoCAD para a
área de transferência e colar em uma peça, montagem, desenho ou croqui. Os dados são
importados na posição do cursor.

Autodesk Inventor | 60
As opções para importar e salvar arquivos do AutoCAD ® no Autodesk Inventor são:

 Seleção de layers.

 Janela de seleção de entidades.

 Salvar arquivos em formato DWG.

 Suporte para arquivos DXF para a versão 12.

 Criação de arquivos do AutoCAD ® Mechanical, se o AutoCAD Mechanical estiver


instalado.

NOTA: Os arquivos do Mechanical Desktop podem ser ligados as montagens do Autodesk


Inventor sem importar.

Mais informações Local


Search:
“DWG Translation”
Tópico do Help “Use your AutoCAD geometry”
“Export drawing data to AutoCAD”

Importação de Arquivos de Outros Sistemas CAD

É possível importar arquivos de peças e de montagem de outros sistemas CAD. A operação de


importação não mantém a associatividade com o arquivo original, exceto quando importamos
arquivos do Alias associativamente. Depois de importar os arquivos, podemos tratá-los como se
eles fossem originalmente criados no Autodesk Inventor. Podemos importar esses arquivos:

 Alias
 CATIA V5
 JT
 Pro/ENGINEER®
 Parasolid®
 SolidWorks™
 UGS NX

Também é possível importar arquivos SAT, STEP, IGES, e do Mechanical Desktop (DWG).

Autodesk Inventor | 61
Mais informações Local
Search:
“Parts and assemblies from other CAD systems”
Tópico do Help ”Import and use IGES data”
“Import and use STEP data”

Exportar Arquivos para Outros Formatos


de Sistema CAD

É possível exportar as peças do Autodesk Inventor, montagens, e mais para outros formatos de
sistemas CAD.

A operação de exportação não mantém a associatividade com o arquivo original do Autodesk


Inventor. Podemos exportar esses arquivos:

 CATIA V5
 JT
 Pro / ENGINEER ®
 Parasolid ®

Também podemos exportar para SAT, STEP, IGES, DWF, e vários formatos de arquivos gráficos.

Mais informações Local


Search:
“Export parts, assemblies, and more”
Tópico do Help “Save, Save As, Export”
“DWF markup”

Autodesk Inventor | 62
Capítulo

5
Arrume Seu Ambiente

O básico deste manual é induzir você a dar a partida para utilizar o software Autodesk Inventor ®.
As referências nas tabelas Mais Informações por todo o manual lhe guia aos tópicos de ajuda
Help, tutoriais e outros recursos que contêm informações detalhadas e instruções específicas.

Encontre mais em livros sobre o Autodesk Inventor, recursos on-line de outros usuários do
Autodesk Inventor, e do Autodesk ® Newsgroup no endereço http://discussion.autodesk.com.

Juntamente com os procedimentos do Help, os tutoriais fornecem procedimentos passo-a-passo


que complementam as informações contidas neste manual.

Quando você inicia o Autodesk Inventor, e antes de abrir um arquivo, a guia Get Started é exibida
no Ribbon. A guia Get Started fornece acesso a muitos recursos de aprendizagem e as
oportunidades de envolvimento do cliente.

Comandos e Ferramentas
A barra de ferramentas Quick Access (QAT) localizada na parte superior da tela é um conjunto de
comandos comuns que podemos acessar em todos os ambientes. Podemos adicionar comandos
a QAT. Em seguida, se for necessário, para acomodar diversos comandos, podemos encaixar a
barra de ferramentas Quick Access (QAT) na parte inferior do Ribbon.

Os comandos e as ferramentas para modelagem estão localizados na Ribbon abaixo da QAT,


organizado por guias e com painéis em cada guia. O painel localizado em cada guia é dependente
de contexto. Em certas situações, um painel pode estar escondido. Para verificar os painéis
escondidos, clique com o botão direito do mouse no Ribbon ao lado dos painéis. A lista de painéis
é exibida. Os painéis que não estiver selecionado ficam escondidos. Selecione a opção para exibir
o painel oculto.

Autodesk Inventor | 63
Esta ilustração mostra alguns dos painéis do separador Sketch.

As setas em alguns dos comandos e o nome das barras de painel revelar mais opções.

A exibição de comandos sobre o Ribbon se modifica a medida que abrimos e trabalhamos em


diferentes tipos de arquivos. Os comandos que não estão acessíveis são mostrados como
sombreados, e nós não poderemos selecioná-los.

A finalidade ou a tarefa impulsiona os ambientes no Autodesk Inventor. Os componentes de cada


ambiente são coerentes em suas localizações e organização, incluindo pontos de acesso para
entrada e saída. As cores únicas identificam as guias específicas para um ambiente especializado
para que possamos reconhecer o ambiente em que trabalhamos.

Para recolher a Ribbon ao nível do nome do Painel, ou para recolhê-la totalmente, clique na seta à
direita dos nomes da guia.

Quando iniciamos um arquivo, a Ribbon fica encaixada na parte superior da tela, imediatamente
abaixo do QAT. Veja o vídeo disponível no Help para saber como manipular e personalizar a
exibição da Ribbon.

Mais informações Local


Search:
“Customize work environments in Autodesk Inventor”
“View commands”
Tópico do Help “Custom command aliases”
“Application Options settings”

Ribbon Introduction
Ribbon Tutorial
Ribbon  Get Started tab
Command Locator Getting Started Guide Tutorials
Show Me Animations

Autodesk Inventor | 64
Preferências de Ambiente
As opções que selecionamos nas caixas de diálogo Application Options and Document
Settings controlam a exibição do ambiente. O acesso às caixas de diálogo está na guia Tools,
painel Options.

Opções da Aplicação
As configurações na caixa de diálogo Application Options controlam a aparência e o
comportamento do Autodesk Inventor. Várias guias controlam a cor de exibição, o comportamento
e as configurações dos arquivos, a localização dos arquivos padrão, e várias funções do usuário.

As opções das aplicações permanecem em vigor até que sejam alteradas.

O acesso a Opções das Aplicações está disponível na parte inferior do menu Applications abaixo
de Options.

Configurações de Documento
A caixa de diálogo Document Settings controla as configurações em arquivos individuais. Várias
guias controlam as configurações para o documento ativo. Podemos especificar os estilos ativos,
unidades de medida, preferências de sketch e modelagem, lista de materiais, tolerância padrão.

Mais informações Local


Search:
“Customize work environments in Autodesk Inventor”
Tópico do Help “Application Options settings”

Estilos e Padrões
O Editor Style and Standard oferecem opções onde configuramos as nossas preferências para os
estilos e padrões. O acesso ao Editor Style and Standard está localizado na guia Manage, painel
Styles and Standards.

Selecionamos um padrão de desenho quando instalamos o Autodesk Inventor. O conjunto de


estilos padrão em Standards controlam a maioria dos objetos utilizados nos documentos, como
balões, cotas, texto, tabelas, e assim por diante. Os estilos padrão são normalmente o suficiente
para começar. Utilizamos o Editor Style and Standard para personalizar os estilos.

Por definição padrão, ações como a criação ou modificação de estilos afetam somente o
documento atual.

Podemos optar por salvar o estilo na biblioteca de estilo, uma biblioteca mestra que contém
definições para todos os estilos disponíveis associado com um padrão de desenho. Normalmente,
um administrador de CAD gerencia a biblioteca de estilo. Esta prática garante que ninguém
substitua por acidente as definições de estilo, utilizado por todos os documentos que usam o
padrão de desenho, com um estilo personalizado.

Autodesk Inventor | 65
Bibliotecas Estilo
As bibliotecas de estilo facilita o compartilhamento das convenções de formatação em todos os
projetos, pois elas contêm as definições de formatação de objetos.

Podemos usar uma biblioteca de estilos para atualizar um estilo para todos os documentos. Por
exemplo, podemos mudar as pontas de seta das cotas editando o estilo e salvando a revisão na
biblioteca mestra de estilo.

Todos os documentos que usam esse padrão de desenho têm acesso à biblioteca e a todos os
estilos novos ou alterados que foram adicionados a ela.

Mais informações Local


Search
Tópico do Help “Work with styles”
“Styles in drawings”
Tutorial - Use Sheet Metal Styles
Tutorials link from Help home page.

Visualização dos Modelos


O guia View contém comandos para a visualização dos modelos.

Quando ViewCube e NavBar forem selecionados, eles serão exibidos no canto superior direito da
janela de gráficos.

A NavBar contém os comandos básicos de visualização.

Mais informações Local


Search:
“Overview of the ViewCube”
Tópico do Help
“Navigation Tools”
“Views of models”

Autodesk Inventor | 66
Templates

Depois que ativamos o Autodesk Inventor, podemos abrir um arquivo existente ou iniciar um novo
arquivo. Os templates estão disponíveis no menu Application abaixo de New. Podemos escolher
entre vários templates com unidades predefinidas. Use as guias para escolher o padrão.

Os templates são armazenados nos seguintes diretórios nos subdiretórios English ou Metric.

 Windows® XP: Autodesk\Inventor (número da versão)\Templates

 Windows Vista®: C:\Users\Public\ Documents\Autodesk\Inventor (número da versão)\


Templates

Os subdiretórios no diretório Templates são apresentados como guias na caixa de diálogo Open
New File. Podemos criar e salvar templates personalizados no diretório Template.

Mais informações Local


Search:
“Getting started”
Tópico do Help “Create files from templates”

Projetos
Um projeto representa um agrupamento lógico de um projeto de desenho completo. Um projeto
organiza os dados através da manutenção de informações sobre onde estão armazenados os
dados do projeto, onde podemos editar arquivos, e manter as ligações válidas entre eles. Os
projetos são essenciais quando trabalhamos em uma equipe, em vários projetos de desenho e
compartilhamos as bibliotecas de peças entre diversos projetos de desenho.

O Autodesk Inventor suporta dois tipos de projetos:

 Projeto de Usuário Individual

 Projetos do Vault (se o Vault estiver instalado)

Um editor do projeto - Project Editor – é fornecido para criar e editar os projetos. No editor de
projeto, especificamos o tipo de projeto, o workspace padrão, e os nomes e os locais da biblioteca.
Definimos as opções de projeto restantes para se adequar ao ambiente de desenho, e depois
especificamos os caminhos de pesquisa do projeto.

Autodesk Inventor | 67
O acesso ao Project Editor é concedido:

 No menu Applications, abaixo de Manage.

 Na caixa de diálogo Open.

 No botão Iniciar do Windows, clique Programas > Autodesk > Autodesk Inventor >
Tools.

Projetos do Vault
Recomendamos que utilizem o Vault projects para colaborar em projetos com vários desenhistas.
Os arquivos comuns são armazenados em um cofre e nunca são acessados diretamente. Cada
desenhista tem um projeto pessoal que define onde os arquivos são copiados para a visualização
e edição. O Vault também mantém o histórico da versão dos arquivos, bem como os atributos
adicionais.

Para usar o Vault Project, o software Autodesk Vault deve ser instalado. Uma caixa de diálogo
diferente se abre para que você possa criar um projeto do Vault. As características de um projeto
do Vault são:

 Os desenhistas nunca visualizam nem trabalham diretamente com a versão de um arquivo


do Vault.

 Cada desenhista usa um arquivo de projeto que define um workspace pessoal onde o
Autodesk Vault copia os arquivos do Vault para visualização e edição.

Autodesk Inventor | 68
 As alterações feitas nos arquivos por outros desenhistas, e novamente colocados no cofre,
não ficam visíveis até que os arquivos sejam atualizados para obter a versão mais recente
no seu workspace.

 O Autodesk Vault mantém cópias de todas as versões dos check-in anteriores dos arquivos
de dados. Ele armazena as adições sobre histórico de edição, as propriedades do arquivo
e dependências em seu banco de dados.

 Podemos configurar consultas em propriedades de arquivo, seguir o caminho das


referências do arquivo, e recuperar configurações anteriores.

Para um projeto do Vault, criamos um workspace em um caminho relativo à pasta do arquivo de


projeto (como por exemplo, .\ ou .\ Workspace), e não outros locais editáveis.

Projetos Padrão
Quando você instalar o Autodesk Inventor, ele cria automaticamente um projeto "Default", um
projeto "amostras" e um projeto “tutorial_files". Se não criarmos um projeto nem especificarmos
um projeto diferente, quando começarmos a trabalhar no Inventor um projeto padrão é ativado
automaticamente. Os arquivos são salvos no projeto padrão.

O projeto padrão não define um local editável. No entanto, podemos usá-lo para criar desenhos de
imediato e salvar arquivos em qualquer lugar sem levar em conta os projetos e o gerenciamento
de arquivo. Geralmente, utilizamos o projeto padrão somente para teste, não para o trabalho do
projeto real. É mais fácil configurar um projeto antes de começar a desenhar. É mais difícil para
migrar os arquivos para um projeto quando o projeto fica complexo.

Novos Projetos
Configure a estrutura dos arquivos e compreenda quem pode acessar o arquivo de dados antes
de criar um projeto.

Defina o tipo de projeto quando criar ou editar um projeto. O tipo determina onde os arquivos
podem ser editados e salvos, quem tem acesso aos arquivos, e o comportamento de check-in e
check-out.

O assistente de projeto - Project Wizard - cria um workspace na mesma pasta do arquivo de


projeto. Se essa configuração for alterada, o workspace deve ser mantido como subpastas da
pasta que contém o arquivo de projeto.

Esta tabela resume as recomendações para cada tipo de projeto.

Tipo de projeto Single User Vault


Arquivo incluso Nenhum Nenhum
Locais do Workspace Um defindo em .\ Um defindo em .\
Locais do workgroup Nenhum Nenhum
Bibliotecas Uma ou mais Um ou mais não agrupado no workspace

Autodesk Inventor | 69
O local da pasta do projeto padrão é Meus Documentos/Inventor, mas podemos mudá-lo para um
local diferente.

Mais informações Local

Tópico do Help Search: “Learn about projects”

Tutorial Work with Projects

Recursos de Aprendizagem
Muitas oportunidades de aprendizagem estão disponíveis na guia Get Started da Ribbon, e no
home page do Help no software Autodesk Inventor.

Workshop das Novas Features


O New Features Workshop é um recurso para todos os usuários. Este recurso está apresentado
em lista na home page do Help, e na guia Get Started da Ribbon no Autodesk Inventor. Ele
contém uma descrição e ilustração de cada nova funcionalidade nessa versão especial do
software Autodesk Inventor.

Help Integrado
O Help é um recurso abrangente e conveniente para o aprendizado sobre o software Autodesk
Inventor.

No navegador do Help, use as guias para localizar os tópicos usando seu método favorito. Na
home page, especifique o tipo de usuário que você é, e faça um link com os tópicos do Help,
informações adicionais, recursos e serviços.

Muitos tópicos do Help incluem exemplos gráficos e animações da funcionalidade.

Tutoriais
Os tutoriais que você fizer um link a partir da home page do Help e a guia Get Started são um
conjunto completo de lições práticas.

O conjunto de tutorial está organizado em três categorias: fundamental, interesse geral, e


interesse específico.

Você pode aprender a ser produtivo rapidamente, se você for um novo usuário do Autodesk
Inventor ou estiver em transição do AutoCAD.

Autodesk Inventor | 70
Skill Builders

Os Skill Builders ajudam você a aperfeiçoar suas habilidades em várias áreas específicas de
funcionalidade. Utilize o link na home page do Help para navegar até a página da Web dos Skill
Builders.

Mais informações Local

Workshop das Novas Features Link da home page do Help

Search:
“Find the Information you need”
Tópico do Help
“Autodesk Inventor Learning Resources”

Online Help: Trajetória Interna Home Page do Help

Link da home page do Help


Web page dos Skill Builders
Guia Get Started do Ribbon
(necessário conexão de internet)

Link from Help home page


Tutorial
Guia Get Started do Ribbon

Tradução/Adaptação: Maurijones J. de Albuquerque – StudioCAD


Envie seus comentários e sugestões: mauri.jones@studiocad.com.br

Autodesk Inventor | 71

Оценить