Вы находитесь на странице: 1из 4

GARGALHADAS Edição especial António Mota 2

Quarta-feira 10 de Março de 2010

ANTÓNIO MOTA: VIDA E OBRAS


UM ESCRITOR ÚNICO
OPINIÕES SOBRE OS
LIVROS DE ANTÓNIO MOTA
António Mota é um “Pedro Alecrim é um bom livro.”
dos autores “Estou a ler A Casa das Bengalas e
estou a gostar.”
portugueses mais “Simplesmente adorei o O Rapaz
conceituados no de Louredo, mas também já li Pedro
Alecrim e Fora de Serviço.”
campo da literatura “Quando li A Princesa e a
Serpente achei muito interessante o
infanto-juvenil. texto e adorei as suas belas
ilustrações!”
“Com Pedro Alecrim tive uma nova
visão sobre o mundo rural.”
“O livro (Heróis do 6ºF) é, na
António Mota nasceu em minha opinião, um pouco triste e
dramático mas, apesar disso, é
Vilarelho, Ovil, concelho de cativante.”
Baião, em 16 de Julho de “Já estou a meio do livro (Pedro
1957. Foi professor do Alecrim) e estou a ADORAR. Acho
Ensino Básico. A sua que retrata muitíssimo bem a vida
primeira obra foi: A Aldeia Fig. 1- O escritor António Mota. das pessoas na aldeia”
“Adorei A Princesa e a Serpente,
das Flores, em 1979.
pois identifico-me bastante com a
Ganhou um prémio da história, gosto muito da parte
Associação Portuguesa de perigosa porque ajuda-nos a
Escritores com a obra: O perceber que o mundo não é um
Desde 1980 tem sido
Rapaz de Louredo (1983). conto de fadas. Aprecio isso em
solicitado a visitar escolas do António Mota.”
Em 1990, recebeu o Prémio
Ensino Básico e Secundário, “Livros de fácil leitura e não tão
assim como Bibliotecas óbvia interpretação…”
É considerado um Públicas, em Portugal e outros “Não são o género de livros que
eu normalmente leio, mas não
dos escritores países, fomentando deste
desgostei de ler.”
mais importantes modo o gosto pela leitura “Se não percebermos os livros de
entre crianças e jovens. António Mota, não conseguimos
a nível nacional. Colaborou com vários jornais e apreciar a sua qualidade.”
participou em diversas acções “São claramente destinados aos
organizadas por Bibliotecas e mais novos, tanto no vocabulário
Gulbenkian de Literatura Escolas Superiores de adaptado ao «calão» dos jovens,
para Crianças e Jovens pelo como na moral dada em todos os
Educação. Os seus livros estão livros.”
seu romance: Pedro antologiados em volumes de
Alecrim. Em 1996, ganhou o ensino do Português e tem Opiniões concedidas pelos alunos
Prémio António Botto com: obras traduzidas em Espanha do Colégio Novo da Maia
A Casa das Bengalas. Em (Verónica e Inês Maria)
e Alemanha. Tem mais de
2003, a obra: O Sonho de quatro dezenas de obras
Mariana, ganhou o Prémio recomendadas pelo Plano
Nacional de Ilustração, com Nacional de Leitura. Tem livros
ilustrações de Danuta incluídos em listas de obras
Wojciechowska. Esta obra literárias de qualidade
foi escolhida pela recomendadas pela célebre
Associação de Professores Internatinal Youth Library de
de Português e Associação Munique. Em 2008 foi
de Profissionais de agraciado com a Ordem da
Educação de Infância para Instrução Pública.
o projecto “O meu
brinquedo é um livro”. Bruna Pias Fig. 2- O escritor António Mota.
Em 2004, recebeu o Grande http://www.gailivro.pt/amota/index.php?
module=autor
Prémio Gulbenkian de http://www.gailivro.pt/index.php?
Literatura para Crianças e go=autdetails&lno=5
Jovens, na modalidade de
livro ilustrado, pela obra:
Se eu fosse muito
magrinho, com ilustrações
de André Letria.

GARGALHADAS Edição especial António Mota 3


Quarta-feira 10 de Março de 2010

OPINIÕES CRIATIVAS
LER LEVA-NOS PARA UM MUNDO DE SONHO E DE DESCOBERTA
contada a vida de Pedro Alecrim que
teve de deixar a escola após o 6º ano,
F pois o seu pai falecera e a sua mãe
precisava de ajuda financeira.
FRACOS, FRANGANOTES,
Creio que se Pedro Alecrim, tal como
FRUSTRANTES PARA QUEM muitas outras crianças das aldeias,
ENSINA não tivesse de repartir o seu tempo
com o trabalho no campo e com o
gado, se poderia dedicar muito mais à
Bem-vindos ao meu
escola e, consequentemente, obter
espaço de opinião: Etéreo. resultados melhores.
Estes momentos de A minha mãe leccionou numa
liberdade serão o ponto escola em Trás-os-Montes, em 1994,
onde por altura do Natal era pedido
alto deste mês! aos professores, pelo Conselho
É aqui que expressarei a Executivo da escola, para que
minha opinião sobre uma letra “fechassem os olhos” às faltas dos
mundialmente conhecida e alunos, porque estes eram
imprescindíveis para a família na
utilizada, não fosse ela parte colheita da azeitona. Este é um dos
Fig. 3- O escritor António Mota
do nosso alfabeto. vários casos de trabalho infantil em
A letra F tem múltiplos referindo as mudanças na sua vida Portugal.
significados benéficos e Também os meus avós, que tinham
e na dos colegas da escola, uma casa em Lousada, contaram-me
fantasiosos (feliz, fada, etc.), principalmente os amigos da que até há pouco tempo muitos jovens
mas não é desses que se trata turma F, muito mal comportada. da localidade se dedicavam a coserem
esta minha crónica. Centrar- Concluo então que este é o livro sapatos e sapatilhas, em vez de irem à
me-ei naqueles significados escola ou de estudarem.
perfeito para os jovens, visto que Será que ainda existe esta realidade
muitas vezes insultuosos, do aborda temas do quotidiano da em Portugal?
gosto da minha querida escola, mas também da vida em Por outro lado esta questão faz-me
conhecida professora Albina, casa, com a família. Penso que os pensar: não será mais útil uma tarde a
integrante de um dos maços ajudar a nossa família no campo, do
jovens de hoje em dia estão que a gastá-la a fazer asneiras na rua
de papéis mais conhecidos de realmente a precisar de uma ou a jogar consola?
António Mota, uma pessoa que história deste género: que lhes
sabe utilizar um lápis. Albina desperte a curiosidade, mas
faz parte do elenco de Heróis também os eduque para a escrita.
do 6ºF, um destes tão bem Mariana Abreu
conhecidos conjuntos de papel Os “Pedros Alecrins” de
branco ligeiramente Portugal – Trabalho Infantil em
amarelado. Portugal
A capa é azul, uma fotografia
de uma rapariga numa Pode já não ser algo tão banal como era
camisola de alças florida antigamente, e mesmo até muito
recentemente, nas aldeias do Interior de
chama a atenção do Portugal, haver crianças divididas entre o
comprador. Os quadrados de trabalho no campo e a escola. Devido à
diferentes cores por baixo da partilha do tempo entre a escola e o Pedro Alecrim gastava o seu tempo
campo, estas crianças não se conseguem livre a alimentar o gado e a tratar do
mesma cumprem a sua
dedicar a 100% ao trabalho escolar. São campo, «Não há casos de
função. Ouve-se o bip na caixa rotinas como estas que são vividas por mas, exploração elevada
registadora e os olhos do Pedro Alecrim, personagem principal do mesmo como acontece nos
vendedor olham o comprador livro da autoria de António Mota, de 1990. assim, países menos
Este livro, vencedor do prémio
com ar sedento. A carteira é desenvolvidos, mas 47
Gulbenkian de Literatura para Crianças em mil crianças com
aberta e dela sai algum papel 1990, retrata de uma forma simples uma menos de 16 anos
amachucado, imediatamente história que nos faz pensar sobre o tempo trabalham em Portugal
guardado pelo homem ansioso. e sobre a necessidade de não desperdiçar nas mais diferentes
o que nos dão, quando nos dão. Nesta
Afinal o que esconde esta história é
áreas», explica ao
história cativante? Portugal Diário a
presidente da
Os Heróis do 6ºF referem-se Confederação Nacional
à vida escolar e caseira de de Acção Sobre
uma rapariga do 6º ano: Trabalho Infantil
Manuela, (CNASTI), Teresa
Costa.
conseguia estar muito atento às aulas,
ser aplicado e tirar notas razoáveis. Na
minha opinião, se tivermos menos
tempo para fazer algo, mais valioso
esse tempo se torna, por isso,
devemos aprender a geri-lo de forma
sensata e inteligente.
Rúben Monteiro

GARGALHADAS Edição especial António Mota 4


Quarta-feira 23 de Novembro de 2008

Trabalho elaborado por:


Ana Francisca Correia, Bruna Pias, Inês Consonni, Inês Maria
Cardoso, Mariana Abreu, Rúben Monteiro e Verónica Cunha.
GARGALHADAS Edição especial António Mota 1
POEMA AGRADECIMENTOS
Quarta-feira 10 de Março de 2010

Pedro Alecrim

Deixai-o partir!
À turma do 8ºA do
Queimai seu corpo, Colégio Novo da Maia
Atirai seus restos ao mar!
Mas por favor, mais não…
pelo apoio dado na
execução deste jornal.
Meu querido pai,
A quem o leito já zelei
À nossa Directora de
A quem as mágoas já atirei, Turma, pelo incentivo e
ANTÓNIO
Para quê?
colaboração neste
Estou aqui sozinho, projecto.
Feito homem que não sou
A colocar a mão no fogo,
Só para ti pai
MOTA: VIDA À Direcção do Colégio por
ter proporcionado esta
Ainda seguro os ombros da mãe
Quando estes tendem a ceder,
E OBRAS actividade.
Afinal agora, limpo as lágrimas
Que o pai deixou para trás
UM ESCRITOR
Com as mãos enferrujadas,
Com a alma cansada
ÚNICO
Fig. 4- O escritor António Mota

Com o coração de criança, António Mota é um dos


Que continua a bater por ti, pai!
autores portugueses
Tanta mágoa deixou para trás mais conceituados no
Quanto vazio que nunca será
preenchido!
campo da literatura
Nunca mais serei o mesmo, infanto-juvenil. -página 2
Sem ti, pai…

Abandonei os meus amores,


Para continuar os teus

AS OBRAS DE ANTÓNIO
Dei o meu sangue,
Pela família, pai.

E apesar de agora,
Não me sentir iluminado pelo teu céu

MOTA
Eu amo-te pai!

Inês Consonni

LER LEVA-NOS PARA UM MUNDO DE SONHO E DE DESCOBERTA - página 3

Похожие интересы