Вы находитесь на странице: 1из 46

c

c
c
c
A origem da numerologia pela Kabalah
Como quase todas as antigas artes divinatórias, pouco se sabe,
comprovadamente da origem da numerologia.
Conhecendo seu histórico, o que se deduz é que a finalidade do número
estivesse diretamente ligada à função de auxiliar o homem primitivo a
expressar suas idéias, em forma de símbolos.
Atravessando os séculos e atingindo o Egito e a Índia, os antigos
começaram a desenvolver as ³leis dos opostos´, filosofia esta estudada mais
tarde por Pitágoras nos templos egípcios.
Dentro desta filosofia, outros estudiosos afirmaram que as pirâmides
sobre a terra do oriente, também foram projetadas segundo cálculos
numéricos, conhecidos por ³razões matemáticas´ efetuadas por inteligências
de níveis superiores. Um dos métodos, muito conhecidos por esses antigos, a
Kabalah, afirma que o Universo e seu Todo foram criados através dos
números e das letras, que os projetaram e decifraram os mistérios cósmicos.
A Kabalah judaica teve seu nascimento por volta do século XII, entre
Espanha e França, originária dos Judeus antigos do Egito e da Palestina.
Os estudos da Kabalah fizeram os ensinamentos místicos, esotéricos e
filosóficos das escrituras sobre a criação do mundo e sobre o Pentateuco,
composto pelos cinco primeiros livros da bíblia, considerado o maior
ensinamento desses conceitos, somente para aqueles que se tornavam dignos
de tal aprendizado.
Os indicados então tinham acesso às dez esferas denominadas Sephirot,
que definiam o mundo espiritual em dez características da criação do universo
e de Deus. As Sephirot pertenciam ao livro da criação intitulado Sepher
Yetzirah (Surgido no final do século III - início do século IV), que abrangia as
relações e interpretações do alfabeto Hebraico, além de possibilitar que as
Sephirot formassem a ³árvore da vida´, combinando todas as dez esferas. A
sua conclusão, a sua assimilação e a compreensão dos seus significados eram
tão complexas que os estudiosos as estudavam por uma vida inteira, dedicando
todos o seu tempo para tal.
A Kabalah, por suas inúmeras qualidades e diversificações, tomou
vulto tal, que se difundiu por toda a Europa quase por dois séculos inteiros,
sendo destinada a seu lugar de origem no final do século XV. Esse fato deu-se
quando os espanhóis ³expulsaram´ os judeus, transformando a Kabalah em
preconceitos cristãos, com os conceitos Herméticos (União dos conceitos da
filosofia grega com egípcia), regida por filosofias dualistas (união dos
conceitos da filosofia e da ideologia de Platão e a de Gnose), segundo as quais
espírito e matéria só seriam ³salvos´ pelo conhecimento que o homem
adquirisse pela vida.
Esta Kabalah, então denominada Cristã, firmou-se na Europa em um
momento ideal e mais do que propício, pois a insatisfação do povo em geral, o
catolicismo estava tomando ares de protestantismo e a arte renascentista
nascia com toda força. Era uma época de transformações, inclusive dos
conceitos religiosos.
Desta Kabalah nascia à magia (que trazia consigo a força e poder da
palavra), a numerologia (que traziam a força do conhecimento). Essas forças
foram dominadas ³magia branca´.
O sistema usado pela Kabalah, era a GEMATRIA, no qual as palavras
que resultassem em somatórios iguais tinham significados relacionados. Esta
seria a chave para desvendar os mistérios sagrados das inscrições.
Os antigos gregos (como Pitágoras, Platão e Aristóteles) foram os que
mais se destacaram como grandes estudiosos e aperfeiçoadores dos números,
da geometria e da astronomia, propagando a essência da sua força e
desenvolvendo um alcance abstrato, com características místicas realizadoras.
Pitágoras, filósofo da Ásia menor, de 530 anos antes de Cristo, através
da sua escola de iniciados em matemática, propiciou aos números uma
extensão mais abrangente de toda a sua dimensão, pois a função única para a
época era de contar objetos, abstrata e quantitativamente. Foi através da
música, do instrumento da lira, que chegou as grandes razões matemáticas
dando valor ás notas e às suas subdivisões, tais como sonância e dissonância,
composição de acordes, escalas primárias e compostas, entre outras.
Pitágoras traçou um paralelo lógico medindo o tamanho das cordas com
a distância de uma nota e outra na escala, estabelecendo aí, razões de
multiplicidade, divisões e combinações. Através disto, o filósofo estabeleceu
que cada número tinha e representava uma função determinada.
A base fundamental da teoria dos números e o sistema de vibrações
numéricas de Pitágoras, era a série de números de 1 a 9, muito embora o
mesmo se estendesse para dezenas e centenas.
Boécio, outro filósofo do século VI, restituiu a doutrina de Pitágoras,
adaptando-a segundo preceitos cristãos que imperavam na época. Com isso,
perdeu-se a noção inicial da verdadeira criação dos fundamentos numéricos.
Antes de Boécio, o numero 1 representava toda a centralização, a unidade, a
criação, a totalidade, a bondade e a masculinidade. Depois de Boécio, o
numero 1 representava Deus, a onipotência, o ser criador.
Com a propagação dos números, suas utilidades e variadas evoluções do
uso de seus métodos, estes alcançaram um caráter divinatório como ³arte
divinatória´, que tinha como função inicial caracterizar dois indivíduos com
nomes idênticos, porém, com datas de nascimentos diferentes.
Na evolução que chega até os tempos atuais, os números atingem sua
força vibratória sobre cada indivíduo, sendo desde conselheiro até indicador
dos caminhos mais prováveis, atingindo as ³interferências / horas´, em cada
situação cotidiana e até determinando fatos passados e futuros.

Vumerologia ± a definição da arte


Para definirmos os números é preciso definirmos a vibração que nada mais é
do que a manifestação de vida e inteligência, um princípio básico que é encontrado
em tudo em que expressa uma energia.
A numerologia utiliza e aplica esta vibração, indo ao encontro do grande
mistério interior do homem, de seu comportamento e dos acontecimentos que o
envolvem.
Uma vibração pode ser de menor grau ou de duplo efeito, principalmente
quando os números se repetem nos resultantes dos cálculos finais.
Finado um ciclo de experiências vividas e experimentadas, atinge-se outro
mais elevado e com um grau maior de consciência, de forma mais abrangente e
sensitiva.
O karma, que são experiências (positivas ou não ³darma = positivo´, ³karma
= negativo´ mais normalmente se generaliza o termo falando karma) adquiridas ou
não em outras vidas, estabelece um fator central no NUMERÓSCOPO (o mapa
numerológico, em relação à Numerologia, e não a Kabalah) de cada um. Assim
como as vibrações evoluem gradualmente, o karma, por si só, define a evolução do
aprimoramento do caráter humano.
As fases evolutivas (graus) tem correlação direta com a ascendência das cores
e das pedras, que também evoluem e interagem no astral de cada vibração numérica.
Partindo desse raciocínio, cada vibração sente-se atraída por uma ou é
indiferente à outra, gerando compatibilidade ou não, expressando os motivos dos
sucessos, fracassos e possibilidades. Os números estariam, então, exercendo uma
função magnética, de força e de karma (baseada na ³lei de causa e efeito´).
Um número é um Mantra, um encanto ligado a uma nota musical, que
quando emitida vibraria uma cor, desenvolveria a fala e, conseqüentemente, as
letras, que é o objeto desta análise.
São leis matemáticas e filosóficas que permitem a numerologia a analisar o
ser humano, tudo e todos que estão a sua volta, colocando em seu auxilio, as
vibrações pessoais e cósmicas favoráveis.
v sistema alfabético e sua simbologia numérica
A numerologia, então, derivou-se de duas formas:
3c Do sistema hebraico, baseado neste alfabeto, que dava as letras
valores unitários, dezenas e centenas;
3c Do sistema Pitagórico, que resultava de valores unitários, e,
quando compostos, reduzidos novamente.
Exemplo:
ãistema hebraico:
Alfabeto romano Valor da letra
3c De A a I De 1 a 9
3c De _ a De 10 a 90
3c De ã a  De 100 a 800
ãistema Pitagórico:
Alfabeto romano Valor da letra
3c De A a I De 1 a 9
3c De _ a De 1 a 9
3c De _ a De 1 a 8

Com isso definimos a tabela 1, o alfabeto numérico, que é utilizada para


todos os cálculos matemáticos das analises a seguir.
A partir dessa etapa, já é possível traçar mapas numerológicos baseados
na data de nascimento e no nome completo das pessoas, denominados
Numeróscopos.
Porém o objetivo deste trabalho é relacionar a numerologia e a Kabalah.
Por tanto, passo agora a falar sobre os 32 caminhos da Kabalah, falando
sempre sobre a numerologia tradicional quanto aos significados dos números,
pois sabendo que uma surgiu da outra, de pode-se perceber que as duas tem os
mesmos princípios e se sustentam em sua filosofia também quando unidas.
Arcanos da Kabalah e seus 32 caminhos:
As dez ãephirot
V 
          
   
 

 
   
     
       

   
 
 
V   
    !           
"      
   #         
$              
      
 
  
 
0 ± v Ayin ãoph Aur (v todo, o absoluto).
O universo, a soma total de todas as coisas. A causa sem causa.
Segundo o Zohar: ³Antes de haver criado nenhuma forma no mundo, antes de
haver produzido nenhuma forma, ele estava só, sem forma, sem assemelhar-se
a nada. Quem entenderia como ele era então, antes da criação já que ele não
tinha forma?
O Ayin não pode ser compreendido pelo intelecto nem descrito por
palavras, pois não há nenhuma letra nem palavra para reprensenta-lo.
Segundo a tradição Kabalística, no princípio só havia Deus, o Nada
Absoluto, o Ayin, então ele desejou ver a si mesmo e para isso se contraiu
para que o espaço que deixou se tornasse à existência, o Tudo Absoluto, o
Ayin Soph. Esse Tudo Absoluto precisou de uma estrutura para se manifestar
harmoniosamente, para isso formou-se dentro do Tudo Absoluto um esquema
chamado Árvore da Vida, numa seqüência de quatro mundos ou realidades
interconectadas chamadas: ATZILUT ³o mundo das emanações´, BERIH
³também chamado de KHORSIA visto em Gênesis 1´, YETZIRA ³O mundo
formativo visto em Gênesis 2,7´, ASSIAH ³o mundo material em Gênesis
3,22´. Cada mundo possui dez ³vasilhas´ ou ³receptáculos´ que recebem a luz
divina e fazem circular pelo universo, essas vasilhas são chamadas de
Sephirot.cada mundo é uma cópia semelhante a outro e diferenciado apenas
pela vibração espiritual que se aproxima de Deus.
Essa conexão entre os quatro mundos é conhecida como a escada de
Jacó, e está interiorizada dentro de cada ser humano, e também em cada reino
ou planeta, em cada manifestação de Deus ou ser humano em conexão com a
vontade divina. Assim, esses quatro mundos representam também as quatro
interpretações da bíblia: a literal (letra-ação); alegórica (espírito-formação);
metafísica (alma humana-criação) e a mística (alma divina-emanação).
Essa estrutura cabalística do universo é representada alegoricamente
pela passagem de Adão e Eva e Caim e Abel. Em todos os planetas do
universo se repetem, de acordo com seu nível espiritual, a saga de Adão e Eva
que representam um arquétipo universal da alma jovem, ingênua ou recém
caída na matéria, Caim e Abel representam o caráter ou nível espiritual da
humanidade que vem ao plano físico, sendo Caim as almas de menor
freqüência espiritual por que seus desejos são dominados pela matéria, quanto
que Abel representa os de maior freqüência espiritual.
Va numerologia o zero representa o embrião, a eternidade, a idéia, o
círculo infinito. O zero contém o espaço propício para se plantar e semear uma
semente. O homem e tudo que o envolve. O microcosmo e o macrocosmo. O
todo.

1 ± Keter (A coroa)
v primeiro caminho é chamado de inteligência admirável ou oculta,
por que é a luz que dá o poder de compreensão do primeiro princípio, que não
tem começo. E é a glória primária, por que nenhum ser criado pode alcançar
sua essência. A raiz de todas as coisas. Centro de energia espiritual,
indivisível; o Macroposopus (grande rosto). A coroa, o poder equilibrador.
Va numerologia 1é a semente do embrião círculo, o homem ³princípio
ativo´, a origem, a força para gerar algo, a unidade.
O um representa a fonte geradora da ação, do pensamento. Sua ligação é
com o ³meu´, com o indivíduo, a mulher e o filho. O pioneirismo de idéias, de
estímulo, de objetivos é a grande mola propulsora deste número. É
independente e por conseqüência necessita de liberdade para desenvolver sua
vida. O desconhecido, que para muitos é um desafio intransponível, para o
numero 1 torna-se uma aventura de prazer.
O ego do numero 1 é expressivo, causando problemas ao gerar
constantemente vibrações negativas de seu temperamento como orgulho,
arrogância e vaidade excessiva. O temperamento pode ser colérico e com
humores instáveis sem motivos aparentes. O autoritarismo gera insegurança e
distúrbios emocionais. Carece da necessidade da descentralização de si mesmo
tentando perceber e valorizar os demais.Sem vocação pra bobo, o um está
sempre pronto a quebrar as correntes e começar de novo.
Anos de numero 1 são inícios de novos ciclos, começos e muita ação. É
ano de estabelecer objetivos. Pessoas 1 adoram iniciar coisas também.
Detestando as repetições, dotadas de inesgotável energia e originais em tudo,
as pessoas 1 não se acomodam facilmente. Usada de modo adequado um é
uma energia por trás de novas invenções. Pessoas 1 são os líderes, aqueles que
inspiram os outros. Se a energia do 1 se voltar para dentro, ela tornará egoísta
e alto indulgente, irracional e facilmente irritável.
Profissões favoráveis: Professores e inventores
2 ± Chokmah (A sabedoria)
v segundo caminho é chamado de inteligência iluminadora. É a
coroa da criação, o esplendor da unidade, igualando-a. está exaltada acima de
todas as cabeças, e é chamada pelos cabalistas de (a segunda glória). O reflexo
de si mesmo. O pai. O zodíaco. A magia. O elemento ativo vital da existência.
A sabedoria, equilibrada em sua ordem imutável pela iniciativa da
inteligência.
Va numerologia, o 2 representa o dualismo, a mulher, o sentido de
³minha´, a união. São forças opostas que trabalham equilibradamente
representando uma sensibilidade e timidez, que resultam em um
temperamento emotivo, sugerindo a necessidade de trabalhar em grupo para
sentir segurança e desenvolver a capacidade favorável.
Suas qualidades sempre são destacadas pela tolerância, cooperação e
bondade. Gentil, preferindo uma existência organizada, o 2 está sempre em
busca do equilíbrio e faz um esforço pessoal para contribuir para esse estado
no mundo. Anos de numero 2 são tempos de recuperar o equilíbrio, ano de
espera e meditação, ano de fazer parcerias e evitar mudanças. A energia do 2 é
sempre calmante. Sem precisar fazer alarde, os 2 são contribuições silenciosas
a qualquer ambiente. Sensíveis e com pendor artístico, os 2 devem cuidar para
não serem tolerantes demais com os outros, que podem mesmo tentar
aproveitar-se de sua natureza bondosa.
Profissões favoráveis: Diplomatas, políticos músicos e artistas plásticos.

3 ± Binah (A compreensão)
v terceiro caminho é chamado de inteligência santificada ou
fundamento da sabedoria primordial. É chamado também de criador da fé,
e suas raízes estão em amém. É autor da fé, de onde emana a fé. A
compreensão, a mãe. O poder construtivo que executa. A ilusão (Maya). O
grande mar. O veículo de cada fenômeno possível. A ultima sephira antes do
abismo (Daat). A inteligência ativa, equilibrada pela sabedoria.
Va numerologia o 3 representa ainda o ³meu´, a continuidade, o
futuro, a perfeição, a resolução e a conclusão de seu poder sobre a matéria. O
filho.
O 3 define o grande poder da criatividade, da palavra, da forma de
expressão qualificada e da ação positiva. Este número projeta os sonhos,
planeja e os concretiza com beleza e intelectualidade. O talento pessoal é um
fator de aliança para se alcançar o sucesso, destaque pessoal e superar os
obstáculos. É um número sensível e instável, pois passa de um raciocínio a
outro com uma naturalidade brilhante. Mudanças de humor surgem no mesmo
ritmo. Animado alegre e criativo, o 3 é interessante e adorável. Um ano 3 é um
tempo de agradáveis encontros e acontecimentos sociais, e não se deve esperar
que nem o ano nem a pessoa se preocupem com detalhes, é um ano de
expansão, alegria, de contatos sociais e comerciais. Tendo um número enorme
de conhecidos, o 3 é também voltado para família, adorando juntar as pessoas
e ver todos felizes. Toda essa diversão pode significar também que pouco ou
nada é feito na vida, e o 3 deve estar atento para não desperdiçar tempo.
Profissões favoráveis: Artistas e vendedores

Abismo, Daat ± (v conhecimento).


Daat é a esfera onde toma forma à força pura. É, portanto a forma mais
elevada do mundo das formas. Daat, considerado como sephira é uma
concepção relativamente moderna. É mencionada nos primeiros escritos
cabalísticos, mais é considerado como a conjunção dos princípios
masculino/feminino de Deus, Chokmah e Binah. Realmente, os textos antigos
estabelecem de maneira mais explicita que há dez santos Sephirot, não nove,
não onze, senão dez. sem duvida a investigação moderna conduziu a
evidencias suficientes como que para justificar que se considere uma sephira
por direito próprio, ainda que de modo especial.
É denominada, portanto, de Sephira invisível, e Crowley sugeriu que
poderia ser considerado anterior, como em outra dimensão, com relação aos
demais Sephirot.

4 ± Chesed (A misericórdia)
v quarto caminho pe chamado de inteligência receptiva por que
contém todos os santos poderes. E dela emanam todas as virtudes espirituais
com as mais exaltadas essências. Elas emanam uma da outra por virtude da
emanação primordial, a coroa mais elevada, ³Keter´. A misericórdia. A
matéria, as quatro direções do espaço. Majestade e grandeza. A inteligência
receptiva. A misericórdia, segundo a concepção da sabedoria, sempre
benfeitora por que é forte.
Va numerologia o 4 representa a casa, a estabilização, a organização, a
terra que permite ser semeada criando um espaço de harmonia e tranqüilidade.
O sentido de ³meu´ passou a ser ³você´. O concreto, a base e a solidariedade
são terrenos em que atua a solidez do 4. Confiança e bom senso são
características deste número. Podem estabelecer uma teimosia considerável
por puro capricho. São amigos e disciplinados e colocam o valor moral acima
de todo e qualquer julgamento de comportamento.
Terreno e quadrado como o número indica, 4 é a energia por trás das
realizações concretas o ano quatro é a energia por trás das realizações
concretas. O ano 4 é um tempo de meticulosidade, ano de trabalho duro, de
problemas de ruptura, organização e produtividade. A vida de um 4 é de
considerável aplicação de esforço. Mais satisfeito com um sentimento de
realização de objetivos do que com diversões, o 4 precisa aprender a relaxar;
estar ao ar livre em contato com a natureza é a atividade que mais descansa
um 4. Portanto, conseguir que ele pare a cheire as flores ou caminhe na
natureza é uma ótima idéia.
Profissões favoráveis: Políticos e arquitetos.

5 ± Gebura (A severidade)
v quinto caminho é a inteligência radical por que se assemelha a
unidade, unindo-se com Binah, o entendimento, que emana das profundidades
primordiais de Chokmah, a sabedoria. Reflexo de Binah; fortaleza ou poder.
³O homem é a paz, a mulher o poder´. Nephtis. A queda. Perseverança, à
vontade ³Télema´. O rigor necessitado pela própria sabedoria e pela bondade.
Sofrer o mal é impedir o bem.
Va numerologia o 5 representa a saída, outras direções e dimensões, a
expansão, a necessidade de ir além dos limites seguros e propostos, a
aventura, que gera novos ideais, que deriva em obras materiais importantes e
significativas para humanidade.
O ³meu´ desligou-se da sua natureza e atingiu o outro. A necessidade
interior de mudanças para o novo, trazendo a versatilidade à tona, é o objetivo
deste número que persegue suas metas impulsivamente. Tem poder de carisma
e bem as atenções do público, atraindo todos principalmente por sua coragem,
vitalidade e determinação.
Exploração, experiências, expansão; O 5 não consegue esperar para sair
de onde quer que esteja. Uma energia de mudanças e movimento, o ano de
número 5 anunciará a chegada de novas tendências, ano de mudanças,
aventuras, ano de abandonar o que é velho, tudo que não lhe tem mais
serventia. As pessoas cinco precisam do novo constantemente em suas vidas,
tendo apenas que levantar e sair, ver uma parte diferente do mundo. O 5 nem
cogita dividir o aluguel de uma casa de veraneio! Se não tiver a possibilidade
de conseguir a mudança que precisa, o 5 irá se lamuriar e ser uma triste e
chata companhia aos outros.
Profissões favoráveis: Vendedores, pesquisadores e desportistas.
£ ± Tiphereth (A beleza)
v sexto caminho é a inteligência mediadora, por que nela estão
multiplicados os influxos das emanações; pois faz que essa influência flua a
todos as reservas das bênçãos com as quais estão unidas. A mais alta
manifestação da vida ética, a soma de tudo o que é bom, em resumo, o ideal.
O equilíbrio entre o espírito e a matéria. A fênix e o pelicano. A beleza,
concepção luminosa do equilíbrio nas formas, o intermediário entre a coroa e
o reino, o princípio mediador entre o criador e a criação.
Va numerologia o número 6 representa a necessidade de comunhão, de
acordos, de expansão emocional. Trabalha com muitos ao mesmo tempo
sabendo importar-se com todos, cada qual em seu devido tempo.
O número 6 é o mais emotivo e sensível dos números, faz com que
todos ao seu redor se estabilizarem em um ambiente de companheirismo e
amizade. Gera a segurança e beleza, muito embora os seus regidos necessitem
de elogios constantemente. É prudente e altruísta.
Basicamente feliz e equilibrado, o único divisível tanto por números
pares (dois) quanto ímpares (três), o 6 tem um senso intuitivo de adequação.
Durante um ano 6, parece que todo mundo percebe que todo mundo percebe
que vive junto com os outros no mesmo planeta e se esforça para fazer desta
convivência uma experiência mais agradável, é um ano bom para o amor e a
harmonia de todos os relacionamentos. Da mesma forma, o 6 contribui para o
mundo a seu modo, freqüentemente realizando muita coisa sem grande
esforço aparente, por que seu objetivo principal está voltado para o bem estar
dos outros. O 6 tem uma índole tão boa que até em seu lado negativo é
generoso... Com a tendência a se interessar demais pelo bem estar alheio.
Profissões favoráveis: Artistas, médicos e paisagistas.

7 ± Vetzech (A vitória)
v sétimo caminho é a inteligência oculta por que é o esplendor
refulgente das virtudes intelectuais que são percebidas pelos olhos do intelecto
e as contemplações da fé. A vitória. Eternidade e triunfo. A beleza e sua
extensão. Amor sexual. A inteligência oculta. A vitória, ou seja, o triunfo
eterno da inteligência e da justiça.
Va numerologia sabemos que após realizar as suas obras, o homem
estabilizado sente a presença da força espiritual que o envolve exercendo
influencia do espírito sobre a matéria. O número 7 auxilia a humanidade, o
todo cósmico devido ao seu processo interior de ser sempre analítico e
estudioso. Não se prende a um só conceito, rompendo as barreiras do
tradicional e do pré-estabelecido, reconhecendo o valor do conhecimento
como fator preponderante para a evolução individual e comunitária. É um
número de força autoritária e de autocrítica preferindo a solidão como melhor
conselheira.
A compreensão dos problemas do mundo e dos outros é a sua meta. Por
isso, tornam-se idealistas com um alto grau de sensitividade e intuição.
Analisar, resumir tudo em uma lista mental, o 7 não consegue parar de pensar.
Elevado ao seu potencial mais alto, o sete pode inspirar os outros com idéias;
no mais baixo pode ser a energia por trás de dogmas de mentalidade estreita.
O perfeito intelectual na torre de marfim, o 7 é mais feliz quando o trabalho
exige reflexão; direito, ensino, contabilidade. Um ano 7 é tão quieto como a
vida que um 7 gosta, ³nada de aborrecimentos´, de preferência uma refinada
progressão de acontecimentos interessantes, é um ano de voltar-se para o
espiritual, de análise de tudo relacionado a sua vida. Preso a rotina, o sete
pode negligenciar os sentimentos dos outros e precisa mudar sua vida e modo
de trabalho de vez em quando para evitar isso.
Profissões favoráveis: Professores, religiosos, escritores e inventores.

8 ± Hod (v esplendor)
v oitavo caminho é chamado à inteligência absoluta ou perfeita, por
que é o instrumento da inteligência primordial, que não tem raízes pela qual
penetrar e descansar salvo nos lugares escondidos de Gedulah, de onde emana
sua essência idônea. O esplendor. Hermes. Comércio de boa sorte. Plano
inferior das qualidades de Chokmah. A inteligência absoluta ou perfeita. A
eternidade das vitórias do espírito sobre a matéria, do ativo sobre o passivo, da
vida sobre a morte.
Va numerologia o 8 determina a evolução física, a expansão pessoal ao
todo. O sentido de ³muitos´ passou a ser de ³todos´ sem exceção. O número 8
desenvolve os trabalhos, delineando o progresso e mantendo a sua
continuidade. A justiça é o que move este número, conservador, equilibrado
(por que dobra o 4) e procura sempre fornecer maiores perspectivas de
desenvolvimento material do homem. Seus alcances podem ser ilimitados,
chegando a atingir níveis de expansão invejáveis.
Ação e conquistas são as obsessões do 8. Nada é feito pela metade e o
fracasso é intolerável para um 8. Com energia de um homem de negócios
autodidata, o 8 vive a vida inteira a toda velocidade. Como o 8 é agitado como um
furacão, da mesma forma o ano do 8 trará para o mundo ação e resultados, ano do
progresso material, melhorias financeiras e abundância. Infeliz se não está partindo
para conquista de novos mundos, o 8 pode ser implacável com aqueles que o
cercam. Ele precisa aprender que o equilíbrio na vida significa também ter a
capacidade de diminuir o ritmo o bastante para aproveitar suas conquistas.
Profissões favoráveis: Industriais advogados e editores.
9 ± Yesod (v fundamento)
v nono caminho é chamado à inteligência pura ou clara, por que
purifica as emanações, prova e corrige o desenho de suas representações, e
dispões da unidade com a qual estão desenhados sem diminuição ou divisão.
A lua. A base fundamental do mundo físico. Toda medula, semente e energia
reúnem-se neste lugar. Daqui surgem todas as potencialidades que existem. A
alma do mundo. O inconsciente coletivo.
A inteligência pura ou clara. ³A lua é um corpo morto, todavia vivo,
cujas partículas estão cheias de vida ativa e destrutiva, de forte poder mágico´.
O fundamento, ou seja, a base de toda crença e toda verdade, que é o que
chamamos em filosofia de ABSOLUTO.
Va numerologia o 9 representa a complementação final, o concreto que retira
de si e oferta aos demais. O amor e a fraternidade são as metas principais deste
número, a revelação de todos, o equilíbrio que leva ao sucesso garantido.
Idealistas e altruístas, os regidos por este número podem sofrer decepções
constantes.
Tudo para todos, o 9 completa o ciclo dos números básicos contribuindo
com alguma coisa para todos os outros. Embora ambicioso no sentido de
buscar novas metas e apreciar o processo de alcançá-las, os 9 constantemente
olham o aspecto mais abrangente a serão mais felizes num trabalho que
permita satisfação de seu interesse pelos outros e de sua necessidade de buscar
novos horizontes. Um ano de número 9 envolve a conclusão de todos os
projetos do ciclo anterior, ano de finalizações, ano de se fazer um balanço de
tudo, ano de finalizar tudo, é um período que exige doação e tolerância, ano de
agir com sabedoria. O 9 deve ser cuidadoso para não se envolver em projetos
demais, o que dilui e dispersa as energias.
Profissões favoráveis: Artistas, pedagogos, e viajantes.

10 ± Malkut (v reino)
v décimo caminho é a esfera que representa a Terra. O reino. O mundo
dos elementos. Matéria totalmente matéria. Nossos cinco sentidos enquanto
cristalização das Sephirot anteriores. A virgem ou noiva. A esfera do mundo
físico da matéria. Neschamoth ± O Palácio Divino; onde habita a presença
espiritual de Ayin Soph, como herança da humanidade e lembrança das
verdades espirituais. É chamada de inteligência resplandecente. O reino é o
Universo, é toda a criação, a obra e o espelho de Deus; a prova da razão
suprema, a conseqüência formal que nos força a ascender às premissas
virtuais, o enigma cuja palavra é Deus, ou seja, razão suprema e absoluta.
Além dos números básicos anteriormente vistos de 1 a 9 que são
relevantes na numerologia, existem também os três números mestres, (11, 22
e 33) que também são levados em conta, mesmo sendo eles também reduzidos
a um número básico. Como por exemplo, alguém nascido no dia 10 de
fevereiro de 1952, (10/02/1952 Ñ1 + 1 =2) seria assim tanto um 11 quanto um
2, já que o 11 além de valer por si mesmo, também é reduzido ao 2.
Considera-se que os números mestres sejam sinais de grande poder,
visão e possivelmente realizações espirituais, sendo o 33, considerado até por
alguns um numero se SUPERVIBRAÇÃO acima de todos os outros, isso por
que os números mestres são todos os três de supervibração mais o 33 é o mais
ato deles. E na Kabala, no alfabeto hebreu, como já foi dito anteriormente, os
valores numéricos chegam também à casa das centenas.
Existe também na numerologia os chamados números carmicos, (13, 14,
16 e 19). Diz-se que esses são números sob a influencia direta do karma.
São vibrações que transitam entre as leis de causa e efeito, fazendo com
que os seus regidos sofram mais testes e obstáculos do que os demais.
Os nascidos sob o efeito dos números carmicos ou resultados carmicos
devem revisar o seu comportamento diariamente e pensar nas faltas que
cometeram ao transgredirem as leis cósmicas naturais. São os números que
necessitam de reconstrução espiritual e equilíbrio interior, avaliando os avisos
constantes que o destino lhes dá.
O karma não é permanente. Por isso, as experiências que passamos irão
nos auxiliar no cumprimento do karma e conseqüentemente na libertação do
mesmo.
vs números mestres:
vnze (11):
Determina uma supervibração positiva e mística. Dotado de um
ressaltado poder de intuição e de inspiração aos demais, geralmente os regidos
por esse número são sonhadores e hipersensíveis. Têm uma capacidade super
desenvolvida para quase tudo o que se propões a realizar, por que o 11 deriva
o 2 e contém duplo efeito de 1, que é a criação.
Visionário, o 11 anda com sua varinha mágica, tocando a vida dos
outros. Ele pode aparentar estar trabalhando num emprego, ou fazendo
produtos caseiros, mais ele detém a energia da transformação. O elemento
espiritual está sempre presente na vida de um onze, seja ele de natureza
tranqüila e inspirada ou um professor declarado. Um ano 11 é repleto de
transições, algumas delas tão sutis que somente mais tarde serão percebidas.
Não sendo pratico, o 11 não percebe quando estão se aproveitando dele. Ele
pode ser a vanguarda de novas tendências. Mal orientado, o onze pode ser
elevado á desilusão, amargura e decadência.

Vinte e dois (22):


É um número de super vibração com equilíbrio necessário para as
realizações, por que deriva o quatro, estabelecido da ação organizada do duplo
efeito de dois. É um número realizador e construtivo para humanidade.
Poder. A combinação da praticidade com a magia, o 22 carrega um
fardo tremendo porque qualquer coisa que faça causa um impacto muito maior
do que todos os outros números. Capaz de grandes realizações no mundo, o 22
também pode melhorá-lo. Trabalhando sempre num nível onde é grande a
responsabilidade de mau uso do poder, as tentações estão por todo o lado. A
escolha entre a beneficência e a ostentação deve ser feita a cada dia. O
negativo pode ser tão forte quanto o positivo, uma enorme responsabilidade.
Um ano de número 22 é igualmente criativo e crucial.

Trinta e três (33): ³Principal número de supervibração´


Representa força poderosa mística de elevação espiritual. Os seus
regidos contém uma bagagem emocional e psicológica e também intelectual
avançada que os eleva a um grau de consciência das mentes de níveis
superiores.
Confiante, bondoso, idealista o 33 é simplesmente uma boa pessoa.
Partilhando com o 6 a qualidade da benevolência, o 33 combina com
sensibilidade e compaixão, o que pode atraí-lo para causas objetivas e dar a
ele a habilidade de se sair bem em situações muito difíceis. Um ano 33 é um
daqueles anos em que todos se engajam com o intuito de consertar o mundo e
conseguir a paz. O 33 parece um santo? Ele é mesmo. Tão bondoso e com
pouco senso pratico, pode ser mal compreendido e compreender mal outras
almas menos ternas e corre o risco de ser extremamente sensível em
conseqüência disso.

vs números carmicos
Treze (13):
Expressa e determina uma transformação imediata, sendo que os seus
regidos sempre serão afetados materialmente.
Ôuatorze (14):
Determina um número de perdas materiais. Diferente do 13 que pode
propiciar sucesso, o 14 liberta as tristezas e opressões para desenvolver o lado
humilde e espiritual do ser humano.

Dezesseis (1£):
Expressa acidentes, perdas, traições e inimigos. O 16 na vida ou no
resultado qualquer adverte para a necessidade de desenvolver o lado cultural,
adquirido conhecimentos pela vida imprescindíveis a evolução.

Dezenove (19):
Determina um bloqueio específico respectivo para testar a capacidade
dos homens em resistir ou desistir.

As vinte e duas letras do alfabeto hebreu


Em hebraico existem três letras mãe ou matrizes, sete letras duplas que
são sete consoantes que possuem cada uma dois sons e doze letras simples que
tem apenas um som.
As letras mãe são: Aleph ʠ, Mem ʮ, Schin ʹ.
As letras duplas são: Beth ʡ, Ghimel ʢ, Dateh ʣ, Kaph ʫ, Phe ʴ, Resh ʸe
Tho ʺ.
As letras simples são: He ʤ, Vo ʥ, Dzain ʦ, Cheth ʧ, Teth ʨ, Iod ʩ, lamed ʬ,
Num ʰ, Samech ʱ, Hain ʲ, Tsade ʶ e Koph ʷ.

No Hebraico não existem números, mas cada letra do alfabeto é utilizada


para um número. Cada letra hebraica possui um valor múltiplo.
1.c Sua posição no alfabeto;
2.c Seu valor numérico;
3.c Sua atribuição na árvore da vida;
4.c Sua atribuição no tarô;
5.c Seu simbolismo alegórico defendido pela escrita.

³V
    
     %  &        

 %     
      '
   (  
  
#  %#)

 *
Sepher Yetzirah
v caminho da serpente da sabedoria e o caminho da flecha ou espada Flamejante

Em Kabalah leva-se em conta dois caminhos. O caminho da iniciação, que segue as


espirais da serpente da sabedoria na árvore; mas o caminho da iluminação segue o caminho
da flecha lançada pelo arco da promessa, Quesheth, o arco-íris de cores astrais que se
estende como halo por trás de Yesod. Esse é o caminho do místico, que se distingue do
ocultista; é rápido e direto e livre do perigo da tentação da força desequilibradora por que se
encontra nos outros pilares, mais não confere nenhum poder mágico, salvo os do sacrifício
em Tipheret e os do psiquismo em Yesod.

- Dion Fortune, A Kabalah Mística.

Ou seja, o caminho da flecha segue sempre o caminho da retidão, a coluna do meio, sem
nem olhar para os pilares da esquerda e da direita ao seu lado que são as polaridades
distintas; masculino e feminino positivo negativo, trevas e luz e etc enquanto o caminho da
serpente passa por todos eles.

As quatro categorias de Kabalah


1.c Kabalah prática: que trata da magia talismânica, cerimonial e do Tarô.
2.c Kabalah dogmática: Que consiste na literatura cabalística.
3.c Kabalah não escrita ou teórica: Que consiste no conhecimento correto da
maneira pela qual os sistemas simbólicos estão dispostos na árvore da vida.
Os objetivos da Kabalah teórica são: 1º analisar as idéias através da árvore
da vida; 2º traçar a relação entre as idéias de todos os tipos; e 3º traduzir
qualquer sistema desconhecido por seus próprios meios.
4.c Kabalah literal: Que trata do uso das letras e dos números e divide-se em
três partes que são:

3c Gematria ± baseia-se nos valores das palavras.


3c Votarigon ± baseia-se nas letras de uma palavra que formam as iniciais
de outras palavras formando uma sentença.
3c Temura ± Ou permutação, sendo que esta faz a substituição de uma
letra por outra que a preceda no alfabeto.
Cálculos básicos de Kabalah literal:
Ano de nascimento: O cálculo do ano de nascimento é diferente na kabala e na numerologia.
Na Kabalah o calculo utiliza apenas o ano do nascimento exemplo: 09/10/1980 que somado a
ela mesmo (1980 +1+9+8+0= 1998)

Agora se começa a quebrar o número: 1998 = 1+9+9+8+0= 27 (2+7 = 9)

Vove é o resultado, agora é só estudar o significado desse número e também o arcano 9 (v


eremita) o que significa.

Na numerologia o ano de nascimento seria calculado simplesmente reduzindo o ano a


um numero único ou se fosse o caso de saber sobre alguém nascido na data específica o calculo
abrangeria o dia e o mês de nascimento também da seguinte forma:

09/10/1980 (9+1+0+1+9+8+0= 28. 2+8=10 e como o zero não conta na numerologia o


resultado seria 1) esse resultado é chamado de número da vida.

Na kabala temos o que chamamos de A U GÊVCIA IVTE Iv , que é o mesmo


número da vida e o calculo é o mesmo, levando em conta apenas que na cabala, o 10 será
também reduzido a 1, porém deverá ser visto os resultados referentes ao número um mais o dez
que representa a décima esfera Malkut, o arcano 10 que é a Roda da fortuna e o arcano 1 que é
o mago).

Tônica fundamental: Na Kabalah a tônica fundamental é a soma da urgência interior com a


soma cabalística do número de letras do nome completo.

Luis Henrique Lacerda Pereira = 2£ letras, + 1 de urgência interior 2£+1=27 (2+7=9)


9 é o resultado da tônica fundamental na Kabalah.

É claro que essas coisas são apenas as mais primárias na série de cálculos que possuem
tanto a Kabalah quanto a numerologia, entretanto existe mais um calculo muito utilizado e que
me foi até mesmo 
por um amigo do astral, também estudante da kabalah e seus
caminhos para que eu soubesse me preparar para o que esta por vir sempre no próximo mês,
para assim agir com maior sabedoria num momento de adversidade uma vez que eu já estaria
preparado para tal. Esse é o cálculo do mês seguinte. Exemplo.

09/10/1980+1:15 que é minha hora de nascimento, esse sou eu no momento em que


nasci, e o resultado final será 8. Agora eu somo esse 8 ao próximo mês e ano para ver o
que a Kabalah me diz para aquela data. E é claro que isso abre um enorme leque de
possibilidades, pois se quiser saber de uma data mais específica é só adicionar o dia e a
hora também.

Esses são apenas os cálculos primários da kabala e da numerologia e não pretendo ir


muito além deles nesse trabalho. Partiremos agora para o estudo dos 22 arcanos e das 32
caminhos, tendo em vista que já foi visto aqui as 10 esferas, que também são os 10
primeiros caminhos e também os números e as letras hebraicas.
Abreviaturas
AA= associação astrológica EG= em geral
AM= atributo modelador PE= plano espiritual
AT= axioma transcendente PF= plano físico
AV= associações variadas PM= plano mental
D= direito = revés

Arcano 1 - v Mago
O Arcano 1 significa o que se inicia, o que começa, o que se semeia.

Todo começo é difícil. Há que se trabalhar duro, há que se semear para se poder colher. Dá aptidão
para resolver os problemas. Confere poder tanto para despertar como para dominar as paixões no
mundo físico. Propensão para a organização dos elementos naturais e ao
domínio das forças em movimento. Dá aptidão para adquirir, dispor,
modelar, aplicar. O Arcano 1 é a Unidade, o Princípio da Luz, o Pai, o
mundo como manifestação, o Homem como Unidade Vivente, completa
em si mesmo, o fundamento da razão de todos os atos, a Síntese de tudo;
a Iniciação nos Mistérios e o poder para decifrá-los e servir-se deles, o
poder volitivo. O Arcano 1 dá o Triunfo, porém com lutas devido ao
Karma. ãephirot Kabalístico: "Kether" Letra Hebraica: "Aleph"
Axioma Transcendente: "Seja em tuas obras como és em teus
pensamentos" Elemento de Predição: "Promete domínio dos obstáculos
materiais, novas relações sociais, iniciativas felizes, concurso de amigos
fiéis que ajudam o desenvolvimento dos projetos e amigos ciumentos
que os obstaculizam.

v 12º caminho da Kabalah (Beth ʡ)

v mago do poder

O décimo segundo caminho é a inteligência da transparência, por que é essa espécie de


magnificência chamada de Chazchzit, o lugar onde surge à visão dos que vem em aparições
(Casa. Reina em sabedoria. Mercúrio. O mago. O B vira V o ponto se omite. A primeira
letra da bíblia. A boca).

PE: Iniciação nos mistérios.


PM: Poder volitivo.
PF: Domínio das forças em movimento.
AT: Sê em tuas obras como és em teus pensamentos.
AA: Mercúrio
EG: Obstáculos vencidos; iniciativas positivas; influências variáveis.
D: Vontade, virtude, perseverança, triunfo diante do adverso; impõem-se os sãos ideais.
: Sabedoria, talento, genialidade; dúvidas e demoras.
Arcano 2 - A ãacerdotisa / A papisa / A porta do templo

Por meio deste Arcano, se faz a matriz, onde tomam forma as imagens. O
Arcano 2 é a Tese delineando a Antítese. É a Fonte que acumula as águas do
Manancial. É a manifestação Dual da Unidade. A Unidade ao desdobrar-se dá
origem à Feminilidade Receptora e produtora em toda a natureza.

ãephirot Kabalístico: "Chokmah". Letra Hebraica: "Beth"


Axioma Transcendente: "O Vento e as ondas vão
sempre a favor de quem sabe navegar."
Elemento de Predição: "Atrações e repulsões, perdas e
ganhos, subidas e descidas: inspirações favoráveis a
iniciativa e a secreta oposição de segundos para levar o
iniciado à meta".

v 13º caminho da Kabalah (Ghimel ʢ)

A sacerdotisa da estrela de prata

O décimo terceiro caminho é chamado de inteligência


unificadora, e é chamado assim por que ela mesma é a
essência da glória; é a consumação da verdade das coisas
espirituais individuais. (Camelo. O barco do deserto. A
lua. A sacerdotisa. Sem o dôgish soa como o J inglês).

PE: Fonte de vida.


PM: Jogo de opostos.
PF: Intercâmbio; duplicidade.
AA: Virgem
EG: A verdade se impõe; a intuição não engana;
prudência na generosidade indiscriminada.
D: Clareza conceitual; lucidez; critério analítico;
capacidade de observação; engenho para
consertar negócios complicados.
: Paixão envolvente; exaltação espiritual; brigas;
ira; amarguras; dissensões.

Arcano 3 - A Imperatriz / Isis Urânia


O Arcano 3 é o modelador. Está claro que por meio do Verbo, se modela tudo
na Criação, na Natureza. O Arcano 3 significa Êxito, é
produção tanto material como espiritual. ãephirot
Kabalístico: "Binah´ ·Letra Hebraica: "Ghimel´
·Axioma Transcendente: "Tecendo está o seu tear, tela
para teu uso e telas que não hás de usar´.
Elemento de Predição: "Multiplicação dos bens
materiais, prosperidade nos negócios, abundância,
riqueza, êxito. Obstáculos a vencer e satisfações a
medida que vão sendo vencidos."

v 14º caminho da Kabalah (Dalethʣ)

Filha dos poderosos

O décimo quarto caminho da cabala é a inteligência


iluminadora, e é chamada assim por que é esse Chasmal
que é o fundador das idéias de santidade ocultas e fundamentais, e de suas
etapas de preparação. (A por ta. Vênus. A imperatriz. O desejo e o amor
universal. A inteligência luminosa).

PE: Conhecimento do oculto.


PM: Ideação.
PF: Expansão de idéias e desejos.
AA: Libra
EG: Possível matrimônio; a dúvida consome a tua
alma; aproveita a oportunidade.
D: Conúbio certo; união sentimental duradoura;
atração recíproca; beijos castos.

Arcano 4 - v Imperador / A pedra cúbica


No Arcano 4 existem as quatro concordâncias. Estas são: Afirmação,
Negação, Discussão e Sedução.ãephirot Kabalístico: "Chesed"
Letra Hebraica: "Daleth"
Axioma Transcendente: "Bendiga o trabalho de suas
mãos, e no do pensamento ponha o coração."
Elemento de Predição: "Promete resultados materiais
bases, os mais altos negócios, resultados favoráveis no
esforço invertido e condições penosas para conseguí-los.
As amizades são simultaneamente ajuda e obstáculo. A
sorte é propícia e adversa ao mesmo tempo."

v 28º caminho da Kabalah (Tsade ʶ)

v filho da manhã. Chefe entre os poderosos

O vigésimo oitavo caminho é chamado de inteligência


natural; por que ela se completa e aperfeiçoa a natureza
de tudo o que existe abaixo do sol. (Um anzol. O aquário. A estrela filha do
firmamento. A que habita entre as águas. A águia. A inteligência natural. Na
sua forma final 900).

PE: Manifestação da virtude divina.


PM: Solução final.
PF: Realização de coisas materiais.
AA: Escorpião
EG: Contatos afetivos intensos; controle do material;
domínio de si mesmo.
D: Erotismo; filhos; elevação espiritual; Deus.
: Distanciamentos; frieza afetiva; desconcerto;
carta de despedida.

Arcano 5 - v _erarca / Hierofante / Papa / v mestre dos arcanos


O Arcano 5 é Indicação, Demonstração, Ensinamento,
Lei Kármica, Filosofia, Ciência, Arte. É a Lei, o Rigor.
ãephirot Kabalístico: "Geburah´ ·Letra Hebraica:
"He´ ·Axioma Transcendente: "De ouvidos te havia
escutado, mas agora meus olhos te vêem e meu coração
te sente´.
Elemento de Predição: "Liberdade e restrições, novas
experiências, aquisição de ensinamentos proveitosos,
amores e namoros, viagens e prosperidade malograda.
Amigos propícios e amigos de sinistro augúrio. Seres e
coisas que vem e se vão, os primeiros para irem, os
segundos para regressarem."

v 1£º caminho da Kabalah (Vo ʥ)

v mago eterno

O décimo sexto caminho é a inteligência triunfal ou eterna, assim chamada


por que é o prazer da glória, mais além do qual não há outra glória semelhante
a ela, e é também chamado de paraíso preparado para os retos ³. (Clava ou
falo. Touro. A vontade mágica. A força reprodutiva universal. (Jung), o
Hierofante. O filho de Percival como sacerdote real).

PE: Manifestações do Criador.


PM: Domínio da paixões.
PF: Controle das forças naturais.
AA: Júpiter.
EG: Cooperação inesperada; ajuda de iguais ou de
superiores; critério sadiamente orientado.
D: Mão amiga e pródiga; diversão excelente; troca
satisfatória; emoção perante um encontro.
: Retração; nostalgias persistentes; isolamento.

Arcano £ - A Indecisão / vs namorados / vs dois caminhos


O Arcano 6 é o Enamorado, encadeamento, equilíbrio, luta terrível entre o
Amor e o Desejo. União amorosa entre Homem e Mulher, enlace. É a suprema
Afirmação do Cristo Interno e a Suprema Negação do Demônio.

No Arcano 6 a pessoa tem que eleger este ou aquele


Caminho. No Arcano 6 está a luta entre os dois
ternários: Os Mistérios do Lingam-Yoni. ãephirot
Kabalístico: "Tiphereth´ ·Letra Hebraica: "Vau´
·Axioma Transcendente: "Trabalho me dás Senhor, mas
com eles fortaleza´.
Elemento de Predição: "Privilégios e deveres nas relações
dos sexos. Antagonismos de forças. Separações e
Divórcios. Possessão do que se persegue e ardentes
desejos que se cumprem, uns que satisfazem e outros que
defraudam."

v 17º caminho da Kabalah (Dzain ʦ)

Filhos da voz. vráculo dos deuses poderosos

O décimo sétimo caminho é a inteligência disponível que proporciona fé aos


justos, que são vestidos por ela com o espírito santo, e é chamada o
fundamento da existência no estado das coisas superiores. (Espada. A verdade
suprema. A profunda consciência da natureza. A inteligência disposta. Os
enamorados).

PE: Conhecimento instintivo.


PM: Abstinência e gula; liberdade e necessidade; dever e direito.
PF: Determinação de estado.
AA: Vênus
EG: Não se deixe tentar; fixa tuas posições e guia-te pelo espiritual.
D: Cavilações constantes; beco sem saída; abatimento; desgostos.
: Invejas na espreita; armadilhas; confianças traiçoeiras; amigos
enganadores, intrigantes.

Arcano 7 - v Triunfo / v carro / v carro de vsíris


O Arcano 7 é Luta, Batalha, Dificuldades. O guerreiro deve aprender a
usar o Báculo e a Espada, assim conseguirá a grande vitória. Nossa divisa
é Thelema (Vontade).ãephirot Kabalístico: "Netzech´ ·Letra Hebraica:
"Zain´ ·Axioma Transcendente: "Quando a ciência entrar em teu coração
e a sabedoria for doce à tua alma, pede e te será dado´.
Elemento de Predição: "Promete poder magnético, intelecção acertada
(união do intelecto e intuição), justiça e reparações, honra e desonra,
conquista do que se persegue com empenho, satisfações e contrariedades."

v 18º caminho da Kabalah (cheth ʧ)

Filho dos poderes das águas. ãenhor do triunfo da luz.

O décimo oitavo caminho é chamado à inteligência da casa da influência


(pela grandeza de cuja abundância se incremente no influxo de boas coisas
sobre os seres criados), e de seu centro saem arcanos e os significado
ocultos, os quais moram em sua sobra e aderem a ela, a partir da causa de
todas as causas. (Vaca ou buraco. A casa celestial da alma. A carruagem.
A libido. A grande obra. A casa da influencia. O diálogo com o anjo
guardião).

È+    ,-../-0&1 ,234,-   #


        
  5  

    
 #
      !   
 
6 
     % 
  
  
 
6     #    
%   /.417È-141    %  
  
 
 0& /8-È0&3/.-È$   
  %'   % #  

 9 

  
   
 #) /  %     
: ;       $
 
   (<  
 
    
    &   
 
 
  %    #    #       

 
          !    %'          !  &

+ #+  ;


  % 
 
 
 #
 !  , !  7 =
   
   
   & 8
PE: O espírito governa a matéria.
PM: Eliminação de dúvidas e erros.
PF: Impulsos e desejos de superação.
AA: Sagitário.
EG: Triunfo no que se propõe; o esforço acha recompensa;
férias agradáveis.
D: Operações vantajosas; contrato seguro; escritos aceitos;
projeto concreto.
: Perda de objeto valioso; lamentações inúteis; palavras
de consolo de desconhecidos; armadilhas de azar.

Arcano 8 - A _ustiça / Thêmis


O Arcano 8 significa Duras Provas, a retidão, a justiça, o
equilíbrio. Há que buscar o bem, custe o que custar, pois
os Mestres da Medicina quando tratam de algum enfermo
que esteja morrendo, eles tentam salvá-lo porque essa é a
Lei, eles cumprem com Fazer o Bem.ãephirot
Kabalístico: "Hod´ ·Letra Hebraica: "Cheth"
Axioma Transcendente: "Edifica um altar em teu
coração, mas não faças de teu coração um altar´.
Elemento de Predição: "Promete retribuições, castigos e
recompensas, gratidões e ingratidões. Compensação por
serviços prestados."

v 22º caminho da Kabalah (Lamed ʬ)

Filha dos senhores da verdade. etentora do


equilíbrio

O vigésimo segundo caminho é a inteligência fiel e é chamada assim por que


por ela são incrementadas as virtudes espirituais, e todos os que moram sobre
a terra estão próximos sobre a sua sombra. (Um látego ou chifre de um boi. A
justiça. A filha sos senhores dos pilares. A goverança das balanças. A
inteligência fiel. A deusa Maat).

PE: O Absoluto.
PM: A força do direito.
PF: Evolução e involução; atração e repulsão.
AA: Capricórnio.
EG: Modere seus ímpetos e desejos; não tome
decisões por hoje; relaxe.
D: Encontro produtivo; seu número = 6; economize
fadigas perguntando; teimosia vencida a seu
favor.
: Resolução atordoante; amanhã é tarde; não
divague; lembranças desenterradas que
atormentam; ruptura; dissensões; discórdia;
separação.

Arcano 9 - v Eremita / A lâmpada velada


O Arcano 9 é o Eremita, prudente e sábio, é a Solidão.
Na Nona Esfera, há grandes dores. Na Nona Esfera
existe a Suprema Dor, como disse Dante na Divina
Comédia. Há que se aprender a entender, há que se
aprender a sofrer, a ser resignado. Os que não o são
fracassam. ãephirot Kabalístico: "Jesod´ ·Letra
Hebraica: "Teth´ ·Axioma Transcendente: "Sobe a
montanha e contempla a terra prometida, mas não te digo
que entrarás nela´.
Elemento de Predição: "Promete a ciência para fazer
descobrimentos, ordem ao realizá-los e cautela para
servir-se deles. Associações propícias e associações
infelizes. Amigos que ajudam e amigos que trazem
obstáculos. Luz da razão e Luz da intuição, a primeira
para o imediato e a segunda para o que há de ser."

v 20º caminho da Kabalah (Yod ʩ)

Profeta do eterno. Mago da voz de poder

O vigésimo caminho é a inteligência da vontade e é chamada assim por que é


o meio de preparação de todo e cada ser criado, e por esta inteligência resulta
conhecida à existência da sabedoria primordial. (A mão com seus dedos
fechados. O espermatozóide. O eremita. A virgem. A pureza e a inocência. A
busca do oculto. A mão de Deus a história).

PE: A luz divina nas obras humanas.


PM: Sensatez, caridade e conhecimento.
PF: Concreção, culminação e elevação de desejos.
AA: Aquário.
EG: Afirme sua discrição; não comente seus planos de
compra; medite sobre a oportunidade de seus sonhos.
D: Uma palavra demais que o desprestigia; versões
encontradas; ausência de equilíbrio interior;
murmurações.
: Sacerdote, pastor ou rabino. Confiança em um
segredo que não se revela; mutismo benéfico.

Arcano 10 - A etribuição / A roda da Fortuna


O Arcano 10 sob o ponto de vista esotérico é realmente
transcendental. O círculo com um ponto no centro é um
símbolo totalmente fálico; alargando-se o ponto, ele se
converte numa linha, o Lingam. Se colocarmos a linha à
esquerda temos o número 10. Neste número se encontram
todos os segredos do Lingam-Yoni, as leis de irradiação e
absorção. Não é possível chegar a Auto-Realização
íntima do Ser sem haver trabalhado com o Sahaja
Maithuna. O Arcano 10 é a Roda do Samsara, a roda
cosmogênica de Ezequiel. Nesta roda encontramos o
batalhar das antíteses: Nesta roda se encerra todo o
segredo da árvore do Conhecimento. O Arcano 10 é a
Roda dos Séculos, a trágica roda que é a Lei do antigo
Retorno. É lógico que esta Lei está intimamente ligada
com a Lei de Recorrência, quer dizer, tudo volta a
ocorrer tal qual como sucedeu, mais suas consequências
boas ou más; os mesmos dramas se repetem; isto se chama Karma. ãephirot
Kabalístico: "Malkuth". Letra Hebraica: "Iod" Quando nós fazemos uma
petição, muitas vezes, os anjos nos respondem mostrando-nos o relógio. O
Discípulo deve prestar atenção na hora afixada no relógio. Este é o relógio do
destino. No horário está a resposta. Em alegoria esotérica sempre se recebe a
resposta com o relógio. Devemos aprender a entender o Relógio.
Horário: "Primeira Hora de Apolônio". Estudo transcendental do Ocultismo.
Axioma Transcendente: "Gostoso é saber o que compras com a experiência e
mais custoso o que te falta por comprar´.Elemento de Predição: "Promete
boa e má sorte, subidas e descidas, possessões legítimas e duvidosas.
Recomendações de contingências passadas e circunstâncias que se repetem em
forma diferente´.

v 21º caminho da Kabalah (Kaph ʫ)

ãenhor das forças da vida

O vigésimo primeiro caminho é a inteligência de conciliação e recompensa,


e é chamada assim por que recebe a influência divina que flui adentro dela
procedente de sua benção sobre toda e cada existência. (A palma da mão. A
inteligência conciliadora. A roda da fortuna. Na sua forma final 500. O poder
amoroso e expansivo).
PE: Tempo e circunstâncias artífices da perfeição.
PM: Os diversos processos do pensamento.
PF: Ação e reação.
AA: Urano.
EG: O insólito enfrenta a fortuna; adeus a uma velha amizade;
mal humor e aflição. Não desespere.
D: Um amigo da alma se afasta; velhos camaradas batem à
porta; carta anunciando um presente; conhecimento de um
segredo ansiado.
: Perdeu a oportunidade por agora; não compareça a esse
encontro marcado; reconheça a verdade ainda que doa;
angústias.

Arcano 11 - A Persuasão / A força

O Arcano 11 é o trabalho com o Fogo, com a Força do Amor.

A Persuasão em si mesma é uma força de ordem sutil


espiritual; a sabedoria oculta diz: "Avivai a chama do
espírito com a força do amor". A Persuasão tem mais
poder que a Violência. Letra Hebraica: "Kaph´
·Horário: "Segunda Hora de Apolônio".
Axioma Transcendente: "Gostoso na esperança, sofrido
na atribulação, seja constante na oração´.
Elemento de Predição: "Promete controle da direção que
se segue, o domínio dos elementos, vitalidade,
rejuvenescimento, aquisição e perda de amigos por coisas
de família. Penas, obstáculos, ciúmes, traições e
resignação para superar as contrariedades."

v 19º caminho da Kabalah (Thet ʨ)

Filha da espada flamejante. Condutora do leão

O décimo nono caminho é a inteligência do segredo de todas as atividades


dos seres espirituais, e é chamada assim pela influência difundida por ela
desde a glória sublime mais alta exaltada. (Serpente. Leão. A força. A
sabedoria. O poder unido à misericórdia).
PE: O espiritual é princípio precursor.
PM: O domínio através do intelecto.
PF: Governo das baixas paixões.
AA: Netuno.
EG: Sua intuição não falha; agigante sua fé; o período de
confusão será breve; há um compasso de espera.
D: Apresse o trâmite; confirme suas suspeitas; não acolha
ilusões caprichosas.
: Desilusão por esquecimento; sepulte a ambição; suas
ambigüidades não o beneficiam.

Arcano 12 - v Apostolado / v enforcado / v sacrifício

O Arcano 12 implica em sacrifícios e sofrimentos, é a carta


do Apostolado. O Arcano 12 traz muitos sofrimentos, muitas
Lutas. Possui uma síntese muito bonita porque 1+2=3 que
significa produção tanto material quanto espiritual é
poderoso no espiritual e social. Este Arcano promete luta no
econômico e no social. Letra Hebraica: "Lamed´ ·Horário:
"Terceira Hora de Apolônio". As serpentes e o fogo (Magia
sexual, Trabalho com o Kundalini) ³. Axioma
Transcendente:´ Ainda que o sol te fatigue de dia e a lua te
entristeça a noite, não leves teus pés ao escorregadouro, nem
durmas enquanto estejas em guarda.´Elemento de
Predição:´ Promete contrariedades, angústias, quedas.
Perdas materiais em certas condições de vida e ganhos em
outras. Pressentimentos que animam e pressentimentos que
desencorajam".

v 23º caminho da Kabalah (Mem ʮ)

Espírito das águas poderosas

O vigésimo terceiro caminho é a inteligência estável, e é chamada assim por


que tem a virtude da consciência entre todas as numerações. (Água. Vinho
sacramental). (Soma, o elixir da imortalidade). As plantas aquáticas. O
enforcado. Na forma final 600.

PE: Complacência no bem realizado.


PM: Circunspeção em decisões dolorosas.
PF: A abnegação como força expansiva.
AA: Peixes.
EG: Antigas amarguras se dissipam; os rodeios não se
enquadram quando o coração deve falar; deleite-se no
belo e aperfeiçoarás a tua alma.
D: Junte amizades e recolherás sorrisos; não acenes com
fugas; enfrente os fatos; a amabilidade deve fazer parte de
tua própria complacência.
: Diminua tua irritação; admoestação próxima; amigo
perturbador prejudica a vigília.

Arcano 13 - A Imortalidade / A morte / A foice

O Arcano 13 é Morte, porém também pode significar


Algo novo, pode haver riqueza, pode haver miséria, é um
número de grandes sínteses.

O Arcano 13 contém o evangelho de Judas. Judas


representa a morte do Eu. O Evangelho de Judas é o
Evangelho da morte, é a dissolução do Ego. Judas
simboliza o Ego, o qual deve-se decapitar.

Letra Hebraica: "Mem´ ·Horário: "Quarta Hora de


Apolônio" O neófito vagará de noite entre os sepulcros,
experimentará o horror das visões, se entregará á Magia
e a Goécia (isto significa que o discípulo se verá atacado
por milhões de magos negros no plano Astral; esses
magos tenebrosos intentam afastar o discípulo da
luminosa senda ³).
Axioma Transcendente: "A noite passou e chegou o novo dia, vista-te, pois
com armas da Luz´.
Elemento de Predição: "Promete desenganos, desilusões, morte de afetos,
solicitações recusadas, colapso, gozos puros e gratos a alma, melhoras de
doloroso desfrute, ajuda de amigos. Renovação de condições, as boas para
pior e as más para melhor."

v 24º caminho da Kabalah (Vum ʰ)


Filho dos grandes transformadores. ãenhor dos portais da morte

O vigésimo quarto caminho é a inteligência imaginativa e é chamada assim


por que dá um parentesco entre todas as semelhanças, que são criadas do
mesmo modo similar a suas elegâncias harmoniosas. (A regeneração mediante
a putrefação. A morte. A inteligência imaginativa. A luz na obscuridade. Na
sua forma final 700).

PE: Renovação da vida.


PM: A inércia como função do movimento.
PF: Letargia; sonolência; sonambulismo.
AA: Áries.
EG: Ânsias favorecidas pela distância; não se
entregue ao abandono; cuida de tua prestância;
renove os pontos de vista e rejuvenescerás.
D: A ampulosidade não condiz contigo; não
condene por analogia; o amor não conhece frases
rimbombantes, apenas de simples entrega.
: Contenda por assunto de interesses; choque;
extrema preguiça que a tudo complica.

Arcano 14 - A Temperança / v talento humano

O Arcano 14 é a castidade, a Transmutação, as águas.Há que


se trabalhar duro cinzelando a Pedra, sem a qual não se pode
conseguir a transmutação sexual. Letra Hebraica: "Num´
·Horário: "Quinta Hora de Apolônio". "As águas superiores
do céu (durante este tempo o discípulo aprende a ser puro e
casto porque compreende o valor de seu líquido seminal)".
Axioma Transcendente: "Não sejas como palha diante do
vento, nem como o vento diante da palha´.
Elemento de Predição: "Promete amizades, afetos recíprocos,
obrigações, combinações químicas e de interesses, amores
aflitos, amores devotos, amores traiçoeiros. Coisas que ficam e
coisas que se vão as primeiras para ir-se e as segundas para
voltar."

v 25º caminho da Kabalah (ãamech ʱ)

Filha dos reconciliadores. A porta da vida


O vigésimo quinto caminho é a inteligência de prova ou tentação, e é
chamada assim por que é a tentação primária, pela qual o criador põe a prova
todas a pessoas justas. (Apoio, a inteligência experimental. O cavalo. A
temperança ou a arte. O santo anjo guardião. A aspiração. Osíris Unfer).

PE: União do interior com o exterior.


PM: Afetos recíprocos; associação de idéias.
PF: Regularização das relações dos sexos; equilíbrio da força
vital.
AA: Touro.
EG: Convém dar ás coisas sua justa proporção; o exagero
destrói a virtude; o equilíbrio é base da paz espiritual.
D: Ajude-se suavizando desinteligências; concretize seu afã
decididamente, mas sem prejudicar o próximo; a
hostilidade cederá.
: Excessos de comidas e bebidas; o médico chama; não viva
nos extremos; extraia do aparentemente incoerente o seu
fundo de verdade.

Arcano 15 - A Paixão / v diabo / Tifão

O Arcano 15 é o eu Pluralizado, que esotericamente se


domina Satã. O Arcano 15 representa a Paixão,
fundamentada no fogo Luciférico. É necessário saber que
o defeito principal é a Paixão Sexual, a Luxúria. Na
síntese Kabalística do Arcano 15 temos 1+5=6, e o 6 em si
mesmo é o sexo, isto significa que no sexo está a maior
força que pode liberar o Homem, porém também a maior
força que pode escravizá-lo. O Arcano 15 significa
trabalho com o Demônio. O processo de dissolução do
"Eu". O Éden é o próprio sexo, e a Besta Interna, o Eu
Psicológico que nos fecha o passo ao Éden, está na porta
do sexo para convidar-nos a Ejaculação do Licor Seminal,
ou para desviar-nos desta porta, fazendo-nos seguir
escolas, teorias, seitas, etc.

Letra Hebraica: "Samech´ ·Horário: "Sexta Hora de Apolônio". "Aqui é


necessário manter-se quieto, imóvel, devido ao temor (isto significa a terrível
prova do Guardião do Umbral, ante o qual se necessita muito valor para
vencê-lo)".
Axioma Transcendente: "Fizeram-me guarda de vinhas e a que era minha
não guardei´.
Elemento de Predição: "Promete controvérsias, paixões, fatalidades.
Prosperidade pela via da legalidade e a fatalidade. Afetos nocivos aos que o
sentem e ao que é objeto deles. Ânsias veementes e situações violentas."

v 2£º caminho da Kabalah (Ayin ʲ)

ãenhor dos portais da matéria. Filho das forças do tempo

O vigésimo sexto caminho é chamado de inteligência renovadora, por que o


Santo Deus renova por meio de todas as coisas cambiantes que são renovadas
pela criação do mundo. (Um olho. O Yoni e o Lingam. Baco ou Dionísio. A
força espiritual criativa da divindade que, se manifestasse ao homem, faria
dele o Aegipan, o Todo. O Deus-homem. O conhecedor de sua própria
vontade. O diabo. A inteligência renovadora).

PE: Manifestação da vontade individual.


PM: A força do desejo; o impulso para o oposto.
PF: Processos geradores; desejos intensos.
AA: Saturno.
EG: A vontade individual é fator determina; o atrativo
do mistério seduz, porém sem guia destrói; a
criação é fogo ardente que não se há de deixar
extinguir.
D: Prosperidade por vias legais e por fatalidade;
ânsias veementes; paixões violentas.
: Afetos nocivos; situações de violência;
discórdias; malícias.

Arcano 1£ - A Fragilidade / A torre / A torre


fulminada

A Saída do Éden coincide com o Arcano 16. Devemos


entender o Éden ou Paraíso como sendo o próprio Sexo.
Saímos pelas portas do Sexo e somente pelo Sexo poderemos retornar. O Arcano 16
é muito perigoso. É necessário Despertar a Consciência para não andar às cegas. Os
cegos podem cair no Abismo. O iniciado que derrama o vaso de Hermes cai
inevitavelmente. A luta entre o cérebro, coração e sexo é terrível. Se o sexo domina
o cérebro, a estrela de cinco pontas, o pentagrama fica invertido e o homem se
precipita ao Fundo do abismo com a cabeça para baixo, e suas duas pernas para
cima. Cai fulminado com o Arcano 16. O que se deixa cair cai com o Arcano 16 que
é a Torre Fulminada.

São aqueles que fracassaram na Grande Obra do Pai.

Letra Hebraica: "Haim" Horário: "Sétima Hora de Apolônio". O fogo reconforta


os seres inanimados, e se algum sacerdote, homem suficientemente purificado, o
rouba e logo o projeta, se o mistura com o óleo santo e o consagra, conseguirá curar
todas as enfermidades somente aplicando-o à parte afetada (aqui o iniciado vê a sua
fortuna material ameaçada e seus negócios fracassam)".
Axioma Transcendente: "Luz da manhã, Luz do meio-dia, Luz do anoitecer, o que
importa é que seja Luz".
Elemento de Predição: "Promete acidentes imprevistos, tempestades, comoções e
mortes. Benefícios por conceitos de circunstâncias boas e más. Reciprocidade: no
amor e no ódio, na indiferença e no ciúme, na traição e na lealdade ³.

v 27º caminho da Kabalah (Phe ʴ)

ãenhor das hostes do poderoso

O vigésimo sétimo caminho é a inteligência ativa ou excitante e é chamada


assim por que através dela todo ser em existência recebe seu espírito e sua
moção. (A palma da mão. A boca. A inteligência ativa ou excitante. A torre. O
senhor das hostes do poderoso. Na sua forma final 800).

PE: A aflição desperta a virtude.


PM: A nulidade dos valores materiais.
PF: Aflição; rigores; severidade.
AA: Marte.
EG: O valor do temporal se exalta em função do eterno; o
perecedor tem vital importância no acontecer das coisas.
D: Reciprocidade no amor e no ódio, na indiferença e nos
ciúmes e na traição e na lealdade.
: Acidente imprevisto; morte; necessidade; tempestades.

Arcano 17 - A Esperança / A estrela / A estrela dos magos

A Estrela de Oito Pontas sempre representa a Vênus, a da


Manhã. No Arcano 17 encontramos a Iniciação Venusta.
O Símbolo de Vênus nos mostra que o círculo do
Espírito deve estar sobre a Cruz, o Sexo. Quer dizer,
Sexo sob controle do Espírito. O símbolo invertido
representa que o espírito está dominado pelo Sexo.Letra
Hebraica: "Phe" Horário: "Oitava Hora da Apolônio".
"As virtudes Astrais dos elementos, das sementes de todo
gênero´. Axioma Transcendente: "Uns homens pedem
Senhas para cair e outros pedem sabedoria para obrar,
mas o coração esperançado tem tudo em suas
esperanças". Elemento de Predição: "Promete intuição,
sustentação, iluminação, nascimentos, breves aflições e
breves satisfações, enfados e reconciliações, privações,
abandonos e ganhos".

v 15º caminho da Kabalah (He ʤ)

Filha do firmamento. Habitante entre as águas

O décimo quinto caminho é a inteligência constituinte, assim chamada por


que constitui a substância da criação em puras trevas, e os homens falaram
destas contemplações; é a obscuridade da qual se fala nas escrituras, (Jó 38, 9)
³E as trevas como cueiros...´ (Janela. A inteligência constituinte. Áries.
Paixão e marcialidade. O Imperador. A vontade ³thélema´. A harmonia).

PE: A abnegação como fonte de vida.


PM: A experiência é luz.
PF: Otimismo, expectativas e caridade.
AA: Gêmeos.
EG: Aguardar o futuro confiadamente é provar antecipadamente a
imortalidade da existência. A magia da fé a tudo cria.
D: Intuição; iluminação; nascimentos; lucros.
: Breves aflições e breves satisfações; enfados e reconciliações;
privações; abandonos.

Arcano 18 - v Crepúsculo / A lua

A síntese Kabalística do Arcano 18 é 1+8=9, Nona Esfera, o


Sexo. Se somamos 9+9=18, nele há um equilíbrio; um 9 é o
aspecto positivo e o outro é o aspecto negativo, porém em si
mesmo o 18 resulta Negativo, nefasto, os inimigos secretos
do Arcano do Crepúsculo. Assim, pois, no trabalho da Nona
Esfera tem-se que lutar muito, porque se tem que aprender a
sublimar a energia sexual. Aí está a chave de todos os
Impérios. No Arcano 18 achamos os perigos da Iniciação, os
Inimigos ocultos e secretos que se propõe a danar a Iniciação,
a luta subterrânea nos domínios da Nona Esfera. No Arcano
18 temos que travar sangrentas batalhas contra os tenebrosos.
A Loja Negra, O Abismo, A Tentação, Os Demônios...Que
não querem que o iniciado escape de suas garras. Esta é a
senda do Fio da Navalha.Esta é a senda que está cheia da
Perigos por Dentro e por Fora como disse o Venerável
Mestre Sivananda. Nos mundos internos os Tenebrosos do
Arcano 18 assaltam o estudante violentamente. No terrível
Arcano 18 encontramos a Bruxaria de Tesália, aí está a cozinha de Canidio,
cerimônias mágicas eróticas, ritos para fazer-se amar, perigosos filtros, etc.
Devemos advertir aos Estudantes Gnósticos que o filtro mais perigoso usado pelos
tenebrosos, para tirar o Estudante da Senda do Fio da Navalha é o intelecto.
Letra Hebraica: "Tzad". Horário: "Nona Hora de Apolônio". Todavia aqui nada
está terminado. O iniciado aumenta sua percepção até sobrepassar os limites do
Sistema Solar, mais além do Zodíaco. Chega ao Umbral do infinito. Alcança os
limites do mundo inteligível. Se revela a luz divina e com eles aparecem novos
temores e perigos (Estudo sobre os Mistérios Menores, os nove degraus pelos quais
o estudante tem que subir). Axioma Transcendente: "Seja a tua caridade um celeiro
inesgotável e tua paciência não menos inesgotável que tua caridade".
Elemento de Predição: "Promete a instabilidade, a inconstância, ciúmes, confusão,
mudanças, situações incertas, longas deliberações, impedimentos inesperados,
resultados tardios, triunfos e fracassos aparentes".

v 29º caminho da Kabalah (Koph ʷ)

egente do fluxo e refluxo. Menino dos filhos do poderoso

O vigésimo nono caminho é a inteligência corpórea, assim chamada por que


forma todo corpo que se forma em todos o mundos, e a reprodução deles. (A
parte de trás da cabeça. A inteligência corpórea. Vishnu. Jesus de Nazaré. O
peixe. A lua).

PE: O mistério da vida.


PM: O negativo é expoente do positivo.
PF: Manifestação de poderes ocultos.
AA: Câncer.
EG: A contrariedade e o engano espreitam; tua aspereza
fomenta inimizades; cuidado com teus elogios traiçoeiros.
D: Triunfos e fracassos aparentes.
: Inconstância; ciúmes; confusão; trocas; longas
deliberações; impedimentos inesperados; resultados
tardios.

Arcano 19 - A Inspiração / v sol / A luz

O Arcano 19 na Kabala de Predição promete Vitória


total, seja com esforços próprios ou com ajuda de outras
pessoas. O Arcano 19 é o Arcano da Vitória, ou seja, dos
Êxitos. Essa Vitória se relaciona com todos os aspectos
da vida, no econômico, social, político, moral, etc. A
Síntese Kabalística do Arcano 19 é 1+9=10, e dez é um
número profundamente sexual, aqui está o círculo e a
linha, os mistérios do Lingam-Yoni. Não é possível a
auto-realização senão mediante a Transmutação da
energia sexual. No Arcano 19 se estabelece uma Grande
Aliança entre duas almas. Homem e Mulher devem
matar o desejo para conseguir a Grande Aliança, para
realizar a Grande Obra. Letra Hebraica: "Coph".
Horário: "Décima Hora de Apolônio". "As portas do
céu se abrem e o homem sai de sua letargia (este é o
número dez da segunda grande Iniciação de Mistérios Maiores que permite ao
iniciado viajar em Corpo Etérico. Esta é a sabedoria de João Batista)".
Axioma Transcendente: "Toma o escudo da tua fé e avança com passo
decidido seja a favor do vento ou contra todos os ventos". Elemento de
Predição: "Promete o aumento de poder, êxitos nos empenhos. Dita nos atos
que se realizam. Benefícios pelos próprios esforços e dos demais. Heranças.
Claridade do que se deseja, fogo que consome o desejado".

v 30º caminho da Kabalah ( esh ʸ)


ãenhor do fogo do mundo

O trigésimo caminho é a inteligência coletiva e os astrólogos deduzem dele o


juízo das estrelas e signos celestiais, e aperfeiçoam sua ciência de acordo com
as regras dos movimentos das estrelas. (Uma cabeça. O sol. O ouro. A
inteligência coletiva).

PE: A luz divina é o princípio do conhecimento.


PM: A inteligência motora.
PF: Materialização das idéias em atos.
AA: Leão
EG: A alegria se abriga com tua temperança; consagre-se aos
teus e não lhe pesarão; o amor puro é tua couraça.
D: Aumento de poder; benefícios por esforços próprios;
heranças; clareza no que se deseja.
: Perigo no exemplo; disputas por escritos; desinteligência
por resultados.

 cc
c  ccccc  cc cc cc
c
  c
  ccc cccc cccc
 c ccc

  cccc
 c ccc cc

Paracelso´

Arcano 20 - A essurreição / v julgamento / v


despertar dos mortos

O Arcano 20 é o da Ressurreição dos Mortos. Realmente


a Ressurreição da Alma só é possível por meio da
Iniciação Cósmica. Os seres humanos estão mortos e só
podem ressuscitar por meio da Iniciação. Letra
Hebraica: "Resch". Horário: "Décima Primeira Hora de
Apolônio". "Os anjos, os querubins e os serafins voam
com rumores de asas; há regozijo no céu, desperta a terra
e o sol surge de Adão (este processo pertence as grandes
Iniciações de Mistérios Maiores, onde só reina o terror da Lei)".
Axioma Transcendente: "Flor na macieira, fruta na videira semeado na
madureza".
Elemento de Predição: "Promete eleições harmoniosas, iniciativas
afortunadas, trabalhos, ganhos. Compensações pelo bom e pelo mau. Amigos
fiéis que anulam a ação dos amigos traidores. Ciúmes pelo bem que se
desfruta. Aflições por perdas".

v 31º caminho da Kabalah (ãchin ʹ)

Espírito do fogo primário

O trigésimo primeiro caminho é a inteligência perpétua, mas, por que se


chama assim? Por que regula os movimentos do sol e da lua em sua devida
ordem, cada um na órbita que lhe é conveniente. (Dente, o fogo ³em hebraico
ESH é fogo´. O espírito Santo descendo em língua de fogo. A inteligência
perpétua. O julgamento).

PE: Iluminação interior


PM: Revelação da genialidade.
PF: Harmônica correspondência entre o moral e o material.
AA: Lua.
EG: Velhas aspirações postergadas se concretizam.
D: Escolhas harmônicas; iniciativas afortunadas;
compensações; amigos fiéis.
: Lucros que se prorrogam; amigos traidores desestabilizam
o êxito.

Arcano 21 - A Transmutação / v crocodilo / v mundo

O Arcano 21 pode ser representado pela estrela


pentagonal invertida que representa a Magia Negra. O
Arcano 21 é o fracasso, a Insensatez, O Louco do Tarô, o
que trabalha na Auto-realização está exposto a cometer
loucuras. Há que se trabalhar com os três fatores da
revolução da consciência. 1-Nascer. 2-Morrer. 3-
Sacrifício pelos demais. Transmutação: Indica que tem
que se transmutar. O cérebro controlar o Sexo; quando o
cérebro perde o controle (sobre sexo), quando o sexo
chega a dominar o cérebro, o Homem vai de cabeça ao
abismo. Este é o pentagrama invertido, o símbolo da Magia Negra. Neste
Arcano o Crocodilo indica o perigo com precisão. Letra Hebraica: "Shin´
·Horário: "Décima Segunda Hora de Apolônio". "As Torres do fogo
inquietam (esta é a entrada triunfal do Mestre na dita sem limites do Nirvana
ou então renuncia a dita do Nirvana por amor a humanidade e se converte em
Bodhisattwa de compaixão)". Axioma Transcendente: "Em teu segredo não
entra minha alma nem em seu porto meu navio´.Elemento de Predição:
"Promete privação de algo que se desfruta, ofuscação ao tratar de se conseguir
o que se quer, ruína daquilo que mais envaidece, perigo de isolamento,
presentes pérfidos, promessas enganosas, desilusões, final de umas coisas e
começo de outras".

v 32º caminho da Kabalah (Tho ʺ)

A grande noite do tempo

O trigésimo segundo caminho é a inteligência administrativa, e é chamada


assim por que dirige e associa os movimentos do sete planetas, dirigindo-os a
todo em seus cursos apropriados. (Cruz. Brahma e Pan. A inteligência
administrativa. O mundo. vs quatro animais querúbicos: v homem
³Mateus´, A águia ³_oão´, o touro ³Lucas´ e o leão ³Marcos´).*

PE: Inescrutabilidade das leis divinas.


PM: Credulidade, ousadia e temeridade são causa de
ignorância, erro e perigo.
PF: Imprudência; extravagância; delírio; vaidade.
AA: Plutão.
Não dê passos em falso por indiscrição nem
EG: duvide muito; se autolimitará; ajude ao próximo.
D: Camponês; final de algumas coisas e começo de
outras.
: Perigo de isolamento; ofuscação; presente
pérfido; promessa enganosa; desilusão.
* v selo dos quatro animais querúbicos citados acima.


V #
   #5%   

%   
&>      
  # 
  ! 
  
% %    

Arcano 22 - v egresso / v bobo / v louco

O Arcano 22 é a Coroa da Vida, o regresso à Luz, a


Encarnação da Verdade em nós. A Síntese Kabalística do
Arcano 22 é 2+2=4, Homem, Mulher, Fogo e Água; o Iod-He-Vau-He;
Homem, Mulher, Falo, Útero. Eis aqui o Santo e Misterioso Tetragramatom, o
Santo Quatro. Letra Hebraica: "Thau" Horário: "Existe uma hora Treze, que
é da liberação". Axioma Transcendente: "Sai o sol e se põe e outra vez volta
ao seu lugar onde torna a nascer´.Elemento de Predição: "Promete longa
vida, heranças, distinções, desfrute de deleites honestos, rivais que disputam
os afetos, amigos que velam por nós, obstáculos e aptidão para vencê-los,
situações e contingências que as aclaram".

v 11º caminho da Kabalah (Aleph ʠ)

Espírito do éter

O décimo primeiro caminho é a inteligência cintilante por que é a essência


dessa cortina que situa próxima a ordem da disposição, e é uma dignidade
especial dada a ele que seja capaz de encontrar-se ante o rosto da Causa das
Causas. (O boi. O reprodutor. A swástica. A inteligência cintilante. O
elemento ar. O louco. Ar ou espírito).

PE: O poder de manifestar a vida em infinitas formas.


PM: O conhecimento supremo é bem-aventurança.
PF: Inspiração, trabalho e recompensa convenientes.
AA: Sol.
EG: O êxito está ao alcance de tua mão; na amizade está o teu
maior apoio; use a imaginação e não se submeta a ela.
D: Longa vida; heranças, vitórias; aptidão para
vencer obstáculos.
: Rivais que disputam os afetos; situação incerta.
Déspota; tirano; familiar dominante.
c

Cv EãPvVDEVCIAã
VME v &
EMP EGv LET A VvME A CAVv Inglês Português Latim
EM CIF Aã

1 ʠ ALEPH
Pai
v mago
12º caminho
A A A

A sacerdotisa
2
ʡ BETH
Mãe 13º caminho B B, V B

A imperatriz
3 ʢ GHIMEL
Natureza
14º caminho G G, Gh C,G

DALETH v imperador
4 ʣ Autoridade 28º caminho D D, Dh D
HE v jerarca
5 ʤ Religião 1£º caminho H H E
Vv ou VAU A indecisão
£ ʥ Propriedade
17º caminho F v, U, V, W
F,V
v triunfo
7 ʦ AIV
Liberdade 18º caminho *
* *
 *
* *
CHEAT ou
A justiça
8 ʧ HETH
Repartição 22º caminho
CH Ch ou H H

TETH ou
v ermitão
9 ʨ CHET
Prudência 20º caminho T T *
* *
A retribuição
ʩ
IvD I ou _, Y
10 Ordem
21º caminho I I

11 / 20 / 500 A persuasão
final: k ʫ,ʪ CAPH
Força 19º caminho K K, Kh *
* *
v apostolado
12 / 30
ʬ LAMED
Sacrifício
23º caminho L L L

13 / 40 / £00 A imortalidade
final: m ʮ,ʭ MEM
Morte
24º caminho M M M
14 / 50 / 700 A temperança
final: n ʰ,ʯ VUM
Reversibilidade
25º caminho V V V

A paixão
15 / £0 ʱ ãAMECH
Ser universal 2£º caminho ã ã X
1£ / 70 ʲ ãVAIV ou
AYIV
A fragilidade
27º caminho v Aa, Vgh v
˜ uilíbrio

17 / 80 / 800 A esperança
final: p ʴ,ʳ PHE
Imortalidade 15º caminho P P, F P

18 / 90 / 900 ʶ,ʵ CãADE ou


TãADE Sombra
v crepúsculo
29º caminho U Tz *
* *
final: Tz e reflexo

19 / 100 ʷ KvPH , CUPH


ou ÔvPH
A inspiração
30º caminho
C Ô Ô
Luz
EãCH v despertar
20 / 200 ʸ Controle /
comando
dos mortos
31º caminho

21 / 300 ʹ ãCHIV
Providência
A transmutação
32º caminho
ãH ã, Ch, ãh ã

v regresso
22 / 400 ʺ CHAU ou THv
Síntese 11º caminho *
* *
T, Th T

Havia ainda várias letras finais, como o K final, de valor 500 ʪ; o final M,
600 ʭ; o final V, 700 ʯ; o final P, 800 ʳ e o final Tz, 900 ʵ.
E aqui eu termino esse primeiro trabalho que teve a idéia de ajudar um
iniciante ou mesmo leigo em Kabalah ou numerologia a entender os seus conceitos
básicos. Com os conhecimentos aqui contidos, o estudante tem agora uma pequena
base sobre a Kabalah, tendo em vista que hoje muito se tem por aí sobre Kabala,
mais uma pessoa que nunca a estudou nem sabe nada sobre o assunto pode ficar
perdida e com o tempo, até mesmo frustrada de não conseguir acompanhar tudo.
Com essa base, agora o estudante pode engendrar sem problemas por qualquer um
dos maravilhosos caminhos da Kabalah ramo ao seu crescimento espiritual.c

Похожие интересы