Вы находитесь на странице: 1из 10

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

    Antes de chegar às torneiras, a água passa por Resposta da questão 1:
   

Antes de chegar às torneiras, a água passa por

Resposta

da

questão

1:

 

diferentes processos físico-químicos, afim de eliminar as

[A]

 

Análise das ideias:

   

impurezas e os agentes patogênicos. Essas etapas consistem em:

- Coagulação: adiciona-se produtos químicos como sulfato de alumínio, para aglutinar ou aglomerar as sujidades;

I. Correta. Uma reação nuclear é, em certa medida, uma realização dos sonhos dos alquimistas, pois nela átomos de um elemento químico se transformam em átomos de outros elementos químicos, como acreditavam os alquimistas, por exemplo, numa fissão nuclear ou numa transmutação.

II. Incorreta. Numa reação química ocorre rearranjo de átomos e formação de novos compostos, sem alteração no núcleo dos átomos.

-

Floculação: etapa onde a água é movimentada para que ocorra a aglutinação dos flocos e ganhem peso para decantarem.

Decantação: é o processo onde as partículas agora aglomeradas, são depositadas no fundo do tanque. - Filtração: processo que separa os sólidos presentes.

-

-

Desinfecção: nessa etapa usa-se cloro para eliminar micro-organismos patogênicos.

 

Fluoretação: como última etapa do processo o flúor é adicionado a fim de evitar cáries dentárias.

-

III. Incorreta. A composição de uma substância é fixa.

IV. Correta. A separação de substâncias de uma mistura

depende das propriedades físicas e químicas das substâncias que formam a mistura.

 

Resposta

da

questão

4:

 

[D]

Resposta

da

questão

2:

 

Alumínio: substância simples (formada apenas pelo elemento alumínio). Água: substância composta por dois elementos químicos (hidrogênio e oxigênio). Aço: mistura homogênea (basicamente, liga de ferro e carbono). Granito: mistura heterogênea formada por feldspato, mica e quartzo.

01 + 02 + 04 + 16 = 23.

 

A

levigação (por exemplo, o uso da bateia pelos

 

garimpeiros) e a peneiração são técnicas de separação de misturas sólidas, utilizando, respectivamente, diferenças entre a densidade e o tamanho dos grãos dos sólidos a serem separados.

filtração pode ser utilizada para a separação de uma

mistura heterogênea de um sólido em um líquido, ou de

um sólido em um gás (por exemplo, na utilização do aspirador de pó). Por meio da flotação, podem-se separar dois sólidos

A

 
 

Resposta

da

questão

5:

01 + 08 = 09.

 

[01] Correta. Os seguintes processos são exemplos de

com densidades diferentes, utilizando-se um líquido com densidade intermediária aos dois sólidos, sem que haja solubilização dos sólidos no líquido.

centrifugação não pode ser utilizada para a separação

A

transformações

rearranjo atômico):

químicas (fenômenos químicos;

a) queima do carvão;

 

b) caramelização do açúcar e

de dois líquidos solúveis entre si.

c) efervescência de um comprimido antiácido.

A retenção de substâncias gasosas na superfície de

materiais com alta área superficial, como o carvão, é um processo de separação chamado adsorção, ele é muito utilizado na fabricação de eletrodos “gasosos”.

[02] Incorreta. É possível classificar os sistemas em:

a)

ouro + areia: sistema heterogêneo.

 

b)

bronze:

liga

metálica

eutética;

sistema

 

homogêneo.

 
   

c)

água líquida + gelo: sistema heterogêneo formado

Resposta

da

questão

3:

pela mesma substância.

 

[D]

d)

ar atmosférico + poeira: sistema heterogêneo.

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

e) granito: sistema heterogêneo composto por feldspato, quartzo e mica. (O3 ) [A] Correta. Dentro
e) granito: sistema heterogêneo composto por
feldspato, quartzo e mica.
(O3 )
[A]
Correta. Dentro as substâncias citadas, apenas o
ozônio
CO2, CO,NO2,NO, SO2,
é uma substância simples, as demais:
[04] Incorreta. A alotropia refere-se à formação de duas
ou mais substâncias diferentes pelo arranjo de
átomos de um mesmo elemento químico. São
exemplos de alótropos: oxigênio e ozônio; grafite e
diamante; fósforo branco e fósforo vermelho.
são compostas por dois
CO2,
elementos químicos.
[B]
Incorreta.
O
dióxido
de
carbono,
é
uma
O,2
substância composta.
14
[C]
Incorreta. O gás oxigênio,
também formado
[08]
Correta.
Considerando
que
uma
latinha
de
somente, por átomos de oxigênio, é o gás
refrigerante vazia tenha em média
gramas, é
atmosférico usado na respiração humana.
possível inferir que existem aproximadamente
3
10
23
[D]
Incorreta. Ambos são substâncias compostas.
átomos de alumínio em cada lata.
[E]
Incorreta. O ar atmosférico é formado principalmente
1%
23
pelos gases: nitrogênio, oxigênio e vapor de água e, em
27
g (A )
6
10
átomos
média,
de outros gases.
14
g (A )
n
23
23
n
3,11
10
3
10
átomos de alumínio
Resposta
da
questão
9:
27.
02.
[16] Incorreta. Um átomo de alumínio (Z  13) possui
número de massa igual a
14 nêutrons (27 núcleons 13 prótons)
Consequentemente
existem
em seu
núcleo.
Resposta
da
questão
6:
a) A partir da análise do diagrama do ponto triplo, vem:
01) Falsa. Todas as misturas homogêneas podem ser
consideradas soluções.
02) Verdadeira. São chamadas de propriedades
específicas.
04) Falsa. O ponto de fusão depende diretamente da
pressão ambiente. De maneira geral, quanto maior a
pressão atmosférica no ambiente, maior será a
temperatura de ebulição da substância.
08) Falsa. Se uma substância pura estiver em mais de
um estado (exemplo: gelo e água), teremos um
sistema bifásico.
16) Falsa. Misturas azeotrópicas são misturas com ponto
de ebulição constante. As misturas cujo ponto de fusão é
constante são chamadas de eutéticas.
Resposta
da
questão
10:
01 + 08 + 32 = 41.
[01]
Correta. Tanto a grafita quanto o diamante são
formados pelo elemento carbono, ou seja, são
formas alotrópicas deste elemento.
[02] Incorreta. A cristalização é um processo de
b) A figura II representa a substância em processo de
fusão (mudança do estado sólido para o líquido), pois
com a elevação da temperatura as ligações entre as
partículas (moléculas, íons) no estado sólido
começam a se desfazerem e estas partículas passam
a se movimentar mais livremente.
separação e purificação de misturas onde se
formam cristais sólidos a partir de uma solução
uniforme (líquido), portanto, com mudança de
estado físico, ou seja, de líquido para sólido.
[04]
Incorreta. Se a mistura é homogênea não existe
fases distintas.
[08]
Correta. Ocorre a separação apenas da fase sólida
da fase líquida, sem que seja necessária nenhuma
mudança de fase.
[16] Incorreta. Substâncias puras apresentam
temperaturas constantes (patamares) durante as
mudanças de estado físico.
[32]
Correta. Grafita e diamante são formas alotrópicas
do elemento carbono, ou seja, formado pelo mesmo
elemento químico.
Resposta
da
questão
7:
[E]
Resposta
da
questão
11:
Resposta
da
questão
8:
[A]
[A]

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

A ordem cronológica correta é a seguinte:

maior do que o tamanho do seu núcleo. Ele também acreditava que os elétrons giravam ao redor do núcleo e neutralizavam a carga positiva do núcleo. Este modelo foi difundido no meio científico em 1911. Em 1913, o físico dinamarquês Niels Henrik David Böhr, começou a desvendar o dilema que a física clássica parecia não conseguir explicar, ou seja, por que o átomo era estável? Para Böhr cada átomo de um elemento químico tem disponível um conjunto de energias quantizadas (constantes) ou níveis de energia ocupados pelos seus elétrons. Na maior parte do tempo o átomo está no seu estado fundamental, ou seja, os elétrons estão ocupando os níveis de energia mais baixos. Quando o átomo absorve energia de uma descarga elétrica ou de uma chama seus elétrons “pulam” para níveis de energia mais altos. Neste caso dizemos que o átomo está no estado “excitado”.

Por volta de 1803, John Dalton, professor de ciências inglês e descobridor da alteração genética conhecida como Daltonismo, sugeriu que a maioria das observações químicas feitas no século XVIII poderiam ser explicadas a partir da ideia de que a matéria seria formada por átomos indivisíveis. Foi então que Dalton fez cinco importantes proposições:

1 a .) Toda a matéria é formada por unidades fundamentais chamadas átomos. 2 a .) Os átomos são perpétuos e indivisíveis, não podem ser criados, nem destruídos. 3 a .) Os átomos de um determinado elemento químico são idênticos em todas as suas propriedades. Átomos de elementos químicos diferentes têm propriedades diferentes. 4 a .) Uma alteração química (ou reação química) é uma

combinação, separação ou rearranjo de átomos. 5 a .) Os compostos químicos são constituídos de átomos de elementos químicos diferentes numa proporção fixa.

Resposta

 

da

 

questão

12:

[A]

 

Análise das informações:

 

Em 1897, Joseph John Thomson, que recebeu o prêmio Nobel em 1906 pelos seus trabalhos sobre o estudo dos elétrons, fez um experimento utilizando o tubo de descargas. Thomson acrescentou um par de placas metálicas ao arranjo original e verificou que os raios catódicos podem ser desviados na presença de um campo elétrico. Em 1898, J. J. Thomson começou a se intrigar com a seguinte questão: além dos elétrons o que mais existiria dentro de átomo? Se os elétrons podem ser retirados de um átomo deixando para trás um íon positivo e como este íon positivo foi formado a partir da retirada desse elétron, consequentemente o íon positivo teria uma massa maior do que a massa do elétron. Foi então que ele propôs um modelo para a estrutura atômica: Cada átomo seria formado por uma grande parte positiva que concentraria a massa do átomo e por elétrons que neutralizariam essa carga positiva. Ou seja, teríamos uma esfera de carga elétrica positiva dentro da qual estariam dispersos os elétrons. Em 1909, Ernest Rutherford, Hans Geiger e Ernest Marsden realizaram, no próprio laboratório do professor Ernest Rutherford, uma série de experiências que envolveram a interação de partículas alfa com diversos materiais como papel, mica e ouro. Eles perceberam que algumas partículas sofriam diversos tipos de desvio em suas trajetórias quando atravessavam as amostras, ou seja, as partículas sofriam espalhamento. Rutherford imaginou que o átomo seria composto por um núcleo positivo e muito pequeno, hoje se sabe que o tamanho do átomo varia de 10.000 a 100.000 vezes

I. Correta: a configuração eletrônica, segundo o diagrama de Linus Pauling, do ânion trivalente de

 

nitrogênio

7

N

3

,

que

 

se origina do átomo

nitrogênio, é

1s

2

2s

2

2p

6

;

II. Correta: em um mesmo átomo, não existem dois elétrons com os quatro números quânticos iguais;

III.

Incorreta: o íon

39

19K

1

possui (39 19) 20 nêutrons;

 

IV. Incorreta: os íons

 

Fe

2

e

Fe

3

do elemento

químico ferro diferem somente quanto ao número de elétrons;

Resposta

 

da

 

questão

13:

[C]

 

Teremos:

 

45

23

M

 

43

23

Z

 

43

p

X

 

45

23

23

20

p

p

21

21

X :1s

2

2s

2

2p

6

3s

2

3p

6

4s

2

3d

1

Para 3d

1

:







2

1

0

1

2

 

1

n

3;

 2; m
 2;
m



2;

s 

   

2

Resposta

 

da

 

questão

14:

[D]

 

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

3p [02] Incorreta. A distribuição eletrônica é ordenada em 3s.  n  4 (camada
3p
[02] Incorreta. A distribuição eletrônica é ordenada em
3s.
 n
4 (camada principal
forma crescente de energia, portanto, o subnível
Z
5A
é mais energético que o subnível
X :
 0 (subcamada)
m
7A,
[04] Correta. O elemento W pertence a família
e
o
0
W
elemento
a família
como pertencem ao
1
m

s
Z,
2
4
mesmo período o elemento
é maior
que o
s
s  0, p  1, d  2, f  3)
elemento
pois possui menor número de prótons
X
7A
camada principal:
em seu núcleo, atraindo menos os elétrons.
Y
2A,
subcamada:
(pois,
[08] Correta. O elemento
7A,
pertence a família
e
o
0
1
elemento
pertence a família
os elementos da

1
0
elétron
2
X
família
por apresentarem tendência a ganhar
7A,
elétrons, possuem alta energia de ionização.
[16] Correta. Os elementos X e Z, por serem da família
Assim, teremos que o átomo
4s
2
.
possui o elétron de
apresentam alta afinidade eletrônica, porém, o flúor
X)
diferenciação:
Portanto, sua distribuição eletrônica,
será:
1s
2
2s 2p
2
6
3s
20
2
3p 4s
6
2
(elemento
possui afinidade eletrônica menor que o
Z),
2A
cloro (elemento
porém, o raio atômico do flúor é
nº atômico:
menor que do cloro, pois ele possui dificuldade em
acomodar o elétron atraído.
pertence ao 4º período da família
terrosos).
(metais alcalinos
Resposta
da
questão
16:
02 + 04 + 08 + 16 = 30
 n
5
Y:
 1
m  0
1
m

s
2
5
p
s  0, p  1, d  2, f  3)
camada principal:
subcamada:
(pois,
1
0
1
Como é muito difícil medirmos o raio de um átomo, pois
a região ocupada pelos elétrons não tem uma posição
bem definida, devemos medir, a partir da utilização dos
raios X, a distância (d) entre dois núcleos vizinhos em
um retículo cristalino e dividir esta distância por dois, ou
seja, o raio atômico equivale a metade da distância
internuclear:


elétron
1
2
Y
Assim, teremos que o átomo
5p
5
possui o elétron de
diferenciação
1s
2
2s
2
2p
6
3s 3p
53
2
6
4s 3d
2
10
4p 5s
6
2
4d
10
5p
5
7A
nº atômico:
pertence
ao
período
da
família
(família
do
halogênios).
[A]
Incorreta. O elemento X é metal alcalino terroso e Y
um halogênio.
[B]
Incorreta. Os números atômicos serão 20 e 53,
respectivamente.
Para podermos comparar o tamanho dos átomos, deve-
se levar em consideração o número de níveis
(camadas): quanto maior o número de níveis, maior é o
raio atômico.
2e
[C]
Incorreta. O elemento X possui
7e
na C.V
e
Y
possui
na C.V.
[D]
Correta. O elemento X pertence a família 2A pode
1e
Se tivermos um caso no qual os átomos têm mesmo
número de níveis devemos comparar o número de
prótons. Quanto maior o número de prótons, maior a
atração sobre os seus elétrons consequentemente o raio
XZ2.
atômico diminui.
doar 2e  e Y, da família 7A, recebe
cada, formando
o composto:
Análise das afirmações:
Resposta
da
questão
15:
04 + 08 + 16 = 28.
Y,
[01] Inorreta. O elemento
está localizado na família
2A e para adquirir configuração de gás nobre
2e
.
precisa perder
(01) Incorreta. O raio diminui com o aumenta da carga
nuclear.
(02) Correta. Os metais alcalinos apresentam menor
densidade.
(04) Correta. Em um mesmo período, a energia de
ionização aumenta dos metais alcalinos para os gases
nobres, porque o raio atômico diminui neste sentido.

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

(08) Correta. Os não metais formam ânions com mais facilidade que os metais porque, em um mesmo período, estes apresentam uma afinidade eletrônica maior. (16) Correta. Em um mesmo grupo (ou família) da Tabela Periódica, o raio atômico cresce com o aumento do número atômico. Isto ocorre porque o número de níveis de energia nos quais se distribuem os elétrons aumenta de cima para baixo no grupo.

KI: ligação iônica entre cátion potássio e os ânion iodeto.

Resposta

 

da

questão

 

20:

[D]

Análise das alternativas:

 

a)

CC

4,
4,

é uma molécula tetraédrica e apolar (vetor

 

momento dipolo elétrico nulo).

 
 

b)

PBr3,

é

uma

molécula

piramidal e polar (vetor

Resposta

da

 

questão

 

17:

[D]

momento dipolo elétrico não nulo).

c)

BeF2,

é uma molécula linear e apolar (vetor momento

Os raios atômicos dos elementos do Grupo 17 são menores que seus respectivos raios iônicos. Por exemplo: I < I - .

dipolo elétrico nulo).

 

d)

CO2,

é uma molécula linear e apolar (vetor momento

dipolo elétrico nulo).

 
 

Resposta

 

da

questão

 

21:

A

um processo endotérmico.

primeira energia de ionização de um átomo é sempre

[B]

Teremos:

 

A primeira afinidade eletrônica de um átomo geralmente

 

é um processo exotérmico.

 
é um processo exotérmico.    
 

Resposta

da

 

questão

 

18:

[B]

Teoricamente

ou

experimentalmente,

os

elementos

transurânicos

 

citados

 

no

texto

(

113

Uut,

115

Uup,

117

Uus e

118

Uuo)

são

artificiais

e

apresentam elevados números atômicos (possuem grandes núcleos) sendo altamente radioativos.

Resposta

da

 

questão

 

19:

Resposta

 

da

questão

 

22:

[A]

[A]

[A]

Correta. Os metais perdem elétron, com isso sua 1 a energia de ionização é baixa, os ametais que irão ganhar elétrons para se estabilizar possuem a 1 a energia de ionização alta quando comparada aos metais.

[I] Falsa. Os compostos iônicos típicos, no estado sólido, são péssimos condutores de corrente elétrica, pois os íons ficam “presos” na rede cristalina.

[II]

Verdadeira. A estrutura eletrônica do carbonato é descrita através de três fórmulas de ressonância; isso não significa que a estrutura eletrônica do carbonato oscile de uma forma para outra e vice-versa, continuamente.

[B]

Incorreta. A substância formada é composta por 2

átomos distintos.

 

Incorreta. A ligação formada é iônica, formada entre um metal e um ametal.

[D] Incorreta. Como a ligação é formada por metal + ametal ela ocorre com transferência de elétrons, o que caracteriza a ligação iônica.

[E]

[C]

Incorreta. A fórmula correta é X2Y.

 

[III]

Verdadeira. A impossibilidade de o nitrogênio (Z 7)

formar o composto NC 5 o de ser explicada pelo

fato da não existência de orbitais “d” na camada de valência do átomo de nitrogênio.

de ser explicada pelo fato da não existência de orbitais “d” na camada de valência do

2

2

3

Resposta

da

 

questão

 

19:

[A]

7

N : 1s

2s 2p

2s

2p

 
 

camada de valência

Teremos:

NH3 :

ligação

covalente

polar

entre

nitrogênio

e

[IV] Verdadeira. Comparando-se os ângulos de ligação

hidrogênio.

 

nas moléculas do

H2O,NH3

e

CH4

constata-se que

CO2 :

ligação covalente polar entre carbono e oxigênio.

 

o menor ângulo encontra-se no

H2O

(104,5)

o que

Fe2O3 :

ligação iônica entre cátion ferro III e ânion

se explica pela existência de dois pares de elétrons

óxido.

isolados na molécula, enquanto na molécula de

NH3

C

2 :
2
:

ligação covalente apolar entre os átomos de cloro.

 

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

CH4 existe apenas um par isolado e na molécula de não existem pares isolados. 08)
CH4
existe apenas um par isolado e na molécula de
não existem pares isolados.
08)
Incorreta: para a produção de 600 toneladas de
ácido sulfúrico são necessárias cerca de 196
toneladas de S:
3
[V] Falsa. O que difere um metal típico de um isolante é
que, no isolante, a banda de valência está totalmente
ocupada.
S
O
H O
 H SO
2
2
2
4
2
32
g
 98 g
m
 600 t
Resposta
da
questão
23:
m
195,9
196
t
[E]
16)
Correta: o
SO2 deve ser oxidado a
SO3 durante o
Resolução:
processo
de
produção
do
ácido
sulfúrico:
Teremos a seguinte sequência reacional:
SO
1 O
 SO
2
2 2
3
.
CaO(s) + H2O(l)  Ca(OH)2(aq) (X)
32)
Correta: o enxofre encontra-se em duas formas
Ca(OH)2(aq) + H2S(aq)  2H2O(l) + CaS(aq) (Y)
alotrópicas: o ortorrômbico e o monoclínico.
CaS(aq) + 2HCl(aq)  H2S(g) + CaCℓ2(aq) (Z)
Resposta
da
questão
27:
[C]
Resposta
da
questão
24:
[A]
Análise das alternativas:
H2SO4
H2CO3
Resposta
da
questão
25:
a) Incorreta. As substâncias:
e
podem
[A]
NaHSO4
NaHCO3
ser classificadas como ácidos, conforme a definição
de Arrhenius. As substâncias
Os óxidos anfóteros têm comportamento duplo, daí o
A
e
prefixo ‘anf’ (que significa duplo). Podem ser formados
por metais ou por semimetais.
são classificadas como hidrogeno-sais.
OH
Mg OH
3
2
b) Incorreta.
e
podem
ser
A
maioria dos óxidos anfóteros são moleculares, sólidos
classificados como bases.
e
insolúveis em água.
ZnO, SnO, SnO , A
2
O
3
, As O
c) Correta. Como produto da neutralização do ácido
clorídrico, presente no suco gástrico, por hidróxido de
A
C
Exemplos:
2
2
3
, A
2
O
5
, Sb O
2
3
, Sb O
2
5
, PbO, PbO .
3HC  A (OH)3  3H2O  A C
2
3
alumínio ter-se-á uma solução aquosa de
:
3
.
d)
Eles são capazes de reagir com um ácido forte se
comportando como uma base.
(ZnO)
Incorreta. As bases como o hidróxido de alumínio e o
hidróxido de magnésio são substâncias iônicas.
O óxido de zinco
(HC
)
pode reagir com
o ácido
e) Incorreta. Os ácidos formam soluções aquosas
condutoras de eletricidade.
clorídrico
ZnO  2HC  H2O  ZnC
formando água e cloreto de zinco.
2
(NaOH)
Resposta
da
questão
28:
[A]
Ele também pode reagir com hidróxido de sódio
formando água e zincato de sódio.
ZnO  2NaOH  H2O Na2ZnO2
varia): PbO2.2PbO .
O Pb3O4 é um óxido misto ou duplo (o Nox do chumbo
Resposta
da
questão
29:
Resposta
da
questão
26:
[D]
01 + 16 + 32 = 49.
[I]
Análise das proposições:
Incorreta. Não existe nessa reação nenhum elemento
oxidando ou reduzindo.
[II]
Incorreta. O gás liberado CO2 é um óxido ácido.
01) Correta: a queima do enxofre elementar pode ser
representada pela equação química: S  O2  SO2
[III]
Correto. O sal produzido, Na2CO3, é um composto
iônico, formado por metal + ametal.
.
[IV]
02) Incorreta: o
SO2 reage com a água formando o
(SO2 H2O  H2SO3)
Correto. A água pode ser considerada um óxido e
possui geometria angular.
ácido sulfuroso
SO2
.
04) Incorreta: a molécula de
geometria angular.
é polar devido à sua

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

Resposta

da

questão

30:

[E]

Resposta

 

da

questão

34:

Abaixo segue a nomenclatura de todos os íons presentes nas alternativas:

[D]

I. Afirmação incorreta. A queima dos combustíveis carvão mineral, petróleo e álcool de cana-de-açúcar é responsável por parte das emissões de SO2 no planeta.

CO3

2

carbonato

HSO4 HCO3  

1 hidrogenocarbonato (bicarbonato)

 

1 hidrogenossulfato

 

II. Afirmação correta. Acredita-se que a presença na estratosfera de partículas muito finas formadas a partir do SO2 contribua para o resfriamento da Terra, por bloquear parte da radiação solar.

SO4

2

sulfato

 1
1

C O

hipoclorito

 

C

 1
1

cloreto

SO3

2

sulfito

III. Afirmação correta. A diminuição do pH da chuva pode

 

resultar na formação de um gás sufocante em piscinas

Resposta

da

questão

31:

localizadas em regiões altamente poluídas pelas emissões de SO2, pois o equilíbrio C2(g) + 2OH (aq)

CO (aq) + C (aq) + H2O (l) pode deslocar para a

o equilíbrio C ℓ 2 (g) + 2OH – (aq) C ℓ O – (aq) +

[D]

é um dos diversos gases

tóxicos poluentes, liberados no ambiente por fornos de usinas e de indústrias. Uma das maneiras de reduzir a emissão deste gás tóxico é a injeção de carbonato de cálcio (CaCO3 ) no interior dos fornos industriais. O

carbonato de cálcio injetado nos fornos das usinas se

decompõe formando óxido de cálcio

O dióxido de enxofre

(SO2)

(CaO)

e dióxido de

esquerda.

 

Resposta

 

da

questão

35:

[A]

[A]

formam ácidos, observe:

Correta.

Óxidos

ácidos

SO

3

H O

2

H SO

2

3

ao

reagirem

com

água

carbono

(CO2).

O óxido de cálcio, então, reage com o

 

SO

2

1 2
1
2

O

2

H O H SO

2

2

4

 

dióxido

de

enxofre

para

formar

o

sulfito

de cálcio

   

(CaSO3)

no estado sólido, menos poluente.

2NO

2

H O

2

HNO

2

HNO

3

 

[B]

Incorreta. O monóxido de carbono

(CO),

por ser um

Resposta

da

questão

32:

[B]

 

óxido neutro, ao reagir com água, não formará um

óxido ácido, somente o dióxido de carbono por ser óxido ácido.

(CO2)

Resposta

da

questão

33:

[C]

Sabemos que substâncias que apresentam polaridade semelhante e interações intermoleculares intensas e semelhantes formam misturas homogêneas. Como o benzeno é apolar, ele se mistura convenientemente com outras substâncias apolares:

[C]

Incorreta. Óxidos ácidos são compostos formados por ametais, formando, portanto, ligações covalentes.

[D]

Incorreta. A proporção será 1:2:

 

SO3 2NaOH Na2SO4 H2O

 

[E]

Incorreta. Os principais agentes causadores do efeito

  estufa são os óxidos ácidos como, por exemplo, CO 2 ,
 

estufa são os óxidos ácidos como, por exemplo, CO2,

NO2

e

NO3.

 

Resposta

 

da

questão

36:

01 + 02 + 04 + 08 = 15.

 

[01]

Correta. Todas as moléculas apresentam ligações covalentes polares, pois a diferença de eletronegatividade entre os átomos ligados (de dois em dois) envolvidos em todas as moléculas é diferente de zero.

[02] Correta. Nas substâncias

 

H2O

e

NH3

ocorrem

Como o NH3, H2O e HF são polares apresentam baixíssima solubilidade em benzeno.

 

interações do tipo ligação de hidrogênio devido à presença de hidrogênio ligado a oxigênio e a hidrogênio ligado a nitrogênio, o que gera grande diferença de eletronegatividade.

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

Exemplo para a água: Mn : 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p
Exemplo para a água:
Mn : 1s
2
2s
2
2p
6
3s
2
3p
6
4s
2
3d
5
25
elétron
diferenciação de
O
elemento manganês localiza-se no quarto período da
tabela periódica.
A
distribuição dos elétrons do manganês em orbitais
CO2
permite classificá-lo como paramagnético (possui
elétrons desemparelhados, os quais na presença de um
campo eletromagnético se alinham).
[04] Correta. As moléculas
e CC 4 são apolares,
3d
5
pois o vetor momento dipolo elétrico resultante
nestas estruturas é nulo.

Observação: Originalmente, a questão havia sido
anulada. Para melhor aproveitamento, adaptamos, no
Z  35,
Z  25.
enunciado, o valor de Z de
para
Resposta
da
questão
37:
[C]
Resposta
da
questão
38:
CF
[C]
CO2
H2O
1,8
3,5,
Considerando os valores de eletronegatividade para o
[08] Correta. As moléculas de
e
apresentam
silício e oxigênio,
e
respectivamente, e seus
uma geometria molecular linear, enquanto a
apresenta geometria molecular angular.
grupos da tabela periódica (o silício pertence ao grupo
14 e o oxigênio ao grupo 16), prevê-se que a ligação
entre esses átomos seja covalente polar.
maior
menor
Δ Δ E E
E 3,5
1,8  E  1,7
CF
ΔE
[16] Incorreta. As moléculas
apresentam interações
do tipo dipolo-permanente – dipolo permanente, pois são
polares e não fazem ligações de hidrogênio.
Ligações apolares apresentam ΔE igual a zero.
Ligações polares apresentam ΔE diferente de zero.
Ligações iônicas ou com caráter iônico apresentam
superior a 1,7.
Resposta
da
questão
39:
Resposta
da
questão
36:
[B]
01 + 04 + 16 = 21.
Teremos:
Gabarito Oficial: ANULADA
Gabarito SuperPro®: 01 + 04 + 16 = 21.
[I] e [II] estão corretas.
O
manganês é classificado como elemento de transição
O
composto que ganha elétrons sofre redução.
ou transição externa, pois está localizado na coluna 7
(ou VIIB) da tabela periódica.
O
Nox do enxofre varia de +4 para +6.
2 
2IO
5HSO
1I
 5SO
3H
1H O
O
átomo de manganês possui 2 elétrons no último nível
3
3
2
4
2
Mn : 1s
2
2s
2
2p
6
3s
2
3p
6
4s
2
3d .
5
eletrônico:
agente
agente
25
oxidante
redutor
Camada
5 
2I
 10e
I
(redução)
valência de
2
4 
6 
5S
5S
10e
(oxidação)
O
elétron de diferenciação (último a ser distribuído) do
átomo de manganês localiza-se no penúltimo nível
eletrônico, ou seja, no terceiro nível:
Soma dos coeficientes: 2 + 5 + 1 + 5 + 3 + 1 = 17

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

23 1mol de H SO 98g 6,02 10  átomos 2 4 Resposta da questão
23
1mol de H SO
98g
6,02 10
átomos
2
4
Resposta
da
questão
40:
24,5g
x
[A]
23
x  1,5 10
átomos
Íons expectadores aqueles que estão presentes na
reação, mas não participam dela. Assim teremos:
c)
Teremos:
Equação química:
2AgNO3(aq) K2CrO4(aq)  Ag2CrO4(s) 
2KNO3(aq)
23
1 mol de H SO
 98g
6,02 10
2
4
24,5g
x
23
Equação iônica:
2Ag(aq)+ 2
NO3(aq)
2
K(aq)+ CrO4
 2
(aq)
Ag2CrO4(s)
2
K
+
2
x  1,5 10
átomos
NO3(aq) 
K
NO3
.
Cu  63,5;
N  14,0;
O  16,0;
Resposta
da
questão
44:
Os íons expectadores, nesse caso, serão
equação iônica reduzida será:
e
A
2Ag(aq)+ CrO4
 2
R  0,082 atm L
Dados:
 Ag2CrO4(s)
 mol
1
 K
1
(aq)
a) Teremos:
Resposta
da
questão
41:
[C]
3Cu + 8HNO
3Cu(NO
)
+ 2NO + 4H O
3
3
2
2
3
63,5
g
3 187,5 g
Balanceamento por redox:
635 g
m
Cu(NO )
3
2
2
2
3 
MnO
Fe
H
Mn
H O
 Fe
4(aq)
(aq)
2
m
 1875
g
7
Cu(NO
)
2
2
(aq)
(aq)
3
(aq)
3
2
7
2
Mn
5e
Mn
(redução) ( 1)
2
3
Fe
Fe
1e
(oxidação) ( 5)
b) Teremos:
7
2
1Mn
5e
1Mn
3Cu + 8HNO
3Cu(NO
)
+ 2NO + 4H O
3
3
2
2
2
3
5Fe
5Fe
5e
3
63,5 g
2 mol
2
2
3 
635 g
n
1MnO
5Fe
8H
1Mn
4H O
5Fe
NO
4 (aq)
(aq)
(aq)
(aq)
2
(aq)
Soma dos me nores coeficientes estequiométricos dos reagentes  1  5  8  14
n
 6,67
mol
NO
Resposta
da
questão
42:
P
V
n 
R
T
[B]
8,2
V
 6,67
0,082
300
Cu
H N O
H O
 N O
Cu(NO )
V
20,01
L
(s)
3(aq)
2
(
)
(g)
3 2(aq)
5
2
2
zero
0
2 
Cu
Cu
2e
(oxidação)
Resposta
da
questão
45:
5
2
N
3e
N
(redução)
[E]
900 g
35%
Igualando a quantidade de elétrons, vem:
São
utilizados
de
hematita,
com
de
3
Cu
0
3Cu
2 
6e
(oxidação)
impurezas, então:
2N
5 
6e
2
N
2
(redução)
100 %
35 % (impurezas)  65 % de pur ez a
2Fe
O
3C
4Fe
3CO
2
3
2
2  160 g
4
56 g
Então:
Nitrato cobre II de
redutor Agente
0,65
900 g
m
Fe
3
Cu
8HNO
4H O
2
NO
3Cu(NO )
(s)
3(aq)
2
(
)
(g)
3
2(aq)
m
 409,5 g
Soma
3
 
8
4
 
2
3
20
Fe
Resposta
da
questão
46:
a) 2KCNH2SO4  2HCNK2SO4
[E]
Resposta
da
questão
43:
b) O grau de volatilidade está diretamente relacionado
com o grau de interação intermolecular das moléculas
do composto, que é o caso do ácido sulfúrico. O
mesmo não acontece para o ácido cianídrico,
tratando-se, portanto, de um ácido volátil.

Professor Welff Junior

QUÍMICA COM AMOR!!!

CO  CaO  CaCO PbCO  2 HNO  1 Pb(NO )  H
CO
CaO
CaCO
PbCO
 2
HNO
 1
Pb(NO )
H O
CO
2
3
3(s)
3(aq)
3 2(aq)
2
(
)
2(g)
44
g
56
g
1Pb(NO 
)
H SO
PbSO
 2 HNO
3 2(aq)
2
4(aq)
4(s)
3(aq)
22 g
40 g
limitante
excesso
PbCO
H SO
PbSO
H
O
CO
3(s)
2
4(aq)
4(s)
2
(
)
2(g)
44
 40
 1.760 
1.760  1.232
267g
303g
22
 56
 1.232
x g
0,84g
CO
 CaO
CaCO
2
3
x
0,740g
44
g
56
g
22
g
m
reage
0,79g
100%
m
 28 g
reage
0,74g
y
m
40
28
 12 g
excesso
y  93,7%
Resposta
da
questão
60%
47:
[A]
Composição centesimal do ácido acetilsalicílico:
35,55%
4,45%
de
carbono,
de oxigênio e
de hidrogênio.
C
H
O
60%
4,45%
35,55 %
C
H
O
 C H
O
5
4,45
2,22
60g
4,45g
35,55 g
1
1
1
12g mol
1g mol
16g mol
C
H
O
5
4,45
2,22
2,22
2,22
2,22
C
H
O  (C
H
O)
 4 
C H
O
2,25
2,00
2,25
2,00
9
8
4
Resposta
da
questão
48:
[B]
Resposta
da
questão
49:
P
( 79 M) = 55%
P ( 81 M) = 45%
Resposta
da
questão
50:
A
partir da fórmula estrutural teremos:
Fórmula molecular: C10H15O3N5 ou C10H15N5O3
Massa molar = 10  12 + 15  1 + 3  16 + 5  14 = 253
g.mol -1
O paciente toma a cada 12 horas um comprimido, logo
em um dia toma 2 comprimidos, que equivalem a 2  125
mg (250  10 -3 g).
253
g  6,02  10 23 moléculas
250
 10 -3 g  y
y = 5,95  10 20 moléculas.
O paciente ingere por dia 5,95  10 20 moléculas do
penciclovir.
Resposta
da
questão
51:
a) 3NO2 + H2O
b) 12,6 g
2HNO3 + NO
Resposta
da
questão
52:
[C]
Teremos: