Вы находитесь на странице: 1из 11
Série: Bateria de Questões Fevereiro 2017 Novo CPC Módulo 1 Ação e Direito – Grupos
Série: Bateria de Questões
Fevereiro 2017
Novo CPC
Módulo 1
Ação e Direito – Grupos Meta 50 –
Tratamento de Choque

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

Sumário

PRINCIPIOS GERAIS DO PROCESSO

1

APLICAÇÃO DAS NORMAS PROCESSUAIS

4

JURISDIÇÃO

7

AÇÃO

8

PRINCIPIOS GERAIS DO PROCESSO

01 Ano: 2016 Banca: VUNESP Órgão: Prefeitura de Mogi das Cruzes SP Prova: Procurador Jurídico

O

princípio da demanda e impulso oficial tem relação com a

a)

imparcialidade do juiz.

b)

prevalência à conciliação.

c)

duração razoável do processo.

d)

paridade e o contraditório.

e)

proporcionalidade e a razoabilidade.

02

Ano: 2016 Banca: OBJETIVA Órgão: SAMAE de

Jaguariaíva PR Prova: Advogado Considerando-se o Código de Processo Civil Brasileiro, acerca das normas fundamentais norteadoras do processo civil, marcar C para as afirmativas Certas, E para as Erradas e, após, assinalar a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:

( ) O Estado promoverá, sempre que possível, a solução

consensual dos conflitos.

( ) As partes têm o direito de obter em prazo razoável a

solução integral do mérito, incluída a atividade satisfativa.

( ) O juiz não pode decidir em grau algum de jurisdição, com

base em fundamento a respeito do qual não se tenha dado às partes oportunidade de se manifestar, ainda que se trate de matéria sobre a qual deva decidir de ofício. ( ) Não se proferirá decisão contra uma das partes sem que ela seja previamente ouvida, salvo, exclusivamente, nas

hipóteses de tutela da evidência.

a)

C - E - E - E.

b)

E - C - C - C.

c)

E - C - E - E.

d)

C - C - C - E.

03

Ano: 2016 Banca: MPE-PR Órgão: MPE-PR Prova:

Promotor de Justiça Sobre as normas fundamentais do Processo Civil e os temas

de jurisdição e ação, assinale a alternativa correta :

a) A Constituição da República Federativa do Brasil serve,

para o Direito Processual Civil, como critério de validade, sem influenciar a interpretação dos dispositivos legais;

b) A atuação da jurisdição depende da constatação de lesão a

direito, sem se cogitar sobre uma atuação preventiva em casos de ameaças a direitos;

c) Para o Código de Processo Civil de 2015, o contraditório é

garantia de ouvir e ser ouvido, não tendo relação com os ônus

processuais, os deveres nem à aplicação de sanções processuais;

d) De acordo com o Código de Processo Civil de 2015,

postular em juízo requer interesse de agir, legitimidade de parte e possibilidade jurídica do pedido;

e) O interesse do autor pode ser limitar à declaração do modo

de ser relação jurídica, ainda que não exista pedido de condenação ou de reparação de dano.

04 Ano: 2016 Banca: FCC Órgão: DPE-ES Prova: Defensor Público O novo Código de Processo Civil

a) não prevê expressamente o princípio da identidade física

do juiz.

b) impõe ao advogado e ao defensor público o ônus de intimar

a testemunha por ele arrolada do dia, da hora e do local da

audiência designada, dispensando-se a intimação do juízo.

c) abandonou completamente o sistema de distribuição do

ônus da prova diante do polo ocupado pela parte na demanda.

d) exige para a produção antecipada de provas prova de

fundado receio de que venha a tornar-se impossível ou muito

difícil a verificação de certos fatos na pendência da ação.

e) mantém o sistema de reperguntas para a produção da prova

testemunhal.

05 Ano: 2016 Banca: FUNDATEC Órgão: Prefeitura de

Porto Alegre RS Prova: Procurador Municipal Considerando as normas fundamentais do processo civil

dispostas no Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/15), assinale a alternativa INCORRETA.

a) Em razão da colaboração, todos os sujeitos que atuam no

processo, inclusive o juiz, devem cooperar entre si para que se obtenha, em tempo razoável, decisão de mérito justa e

efetiva.

b) A conciliação, a mediação e outros métodos de solução

consensual de conflitos deverão ser estimulados por juízes,

advogados, defensores públicos e membros do Ministério Público.

c) Ao aplicar o ordenamento jurídico, o juiz atenderá aos fins

sociais e econômicos e às exigências do bem comum, zelando pela promoção da dignidade da pessoa humana.

d) Pelo princípio da publicidade, todos os julgamentos dos

órgãos do Poder Judiciário serão públicos. Todavia, tramitam

em segredo de justiça os processos em que o exija o interesse público ou social.

e) O julgamento segundo a ordem cronológica de conclusão

pelos juízes e tribunais é de atendimento preferencial.

06 Ano: 2016 Banca: FUNDATEC Órgão: Prefeitura de

Porto Alegre RS Prova: Procurador Municipal

Considerando o princípio constitucional do contraditório, na estruturação conferida pelo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/15), assinale a alternativa correta.

a) O juiz não pode decidir, em grau algum de jurisdição, com

base em fundamento a respeito do qual não se tenha dado às partes oportunidade de se manifestar, ressalvadas as questões

sobre as quais deva decidir de ofício.

b) É vedado ao juiz apreciar questão, proferir decisão ou

conceder tutela de urgência contra uma das partes sem que ela

seja previamente ouvida.

c) O juiz não pode conceder tutela da evidência, quando

houver tese firmada em julgamento de casos repetitivos, contra uma das partes sem que ela seja previamente ouvida.

[1]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

d) É assegurada às partes paridade de tratamento em relação

ao exercício de direitos e faculdades processuais, aos meios de defesa, aos ônus, aos deveres e à aplicação de sanções processuais, competindo ao juiz zelar pelo efetivo contraditório.

e) Nos tribunais, quando já julgada a causa pelo juiz de

primeiro grau, se o relator constatar a ocorrência de fato

superveniente à decisão recorrida que deva ser considerado no julgamento do recurso, poderá intimar as partes para que

se manifestem no prazo de dez dias.

07 Ano: 2016 Banca: FCC Órgão: SEGEP-MA Prova:

Procurador do Estado

A disposição de lei que veda concessão de medidas liminares

que esgotem, no todo ou em parte, o objeto da ação proposta contra o Estado, acha mitigação jurisprudencial a) em qualquer circunstância, porque declarada inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal.

b) somente nos casos em que a impugnação, do mesmo ato de

autoridade, nas vias do mandado de segurança, seja de competência originária de tribunal.

c) apenas em ação civil pública.

d) apenas em ações de interesses de pessoas idosas, por lhes

ser garantida prioridade no trâmite processual.

e) em se tratando de aquisição de medicamento indispensável

à sobrevivência da parte.

08 Ano: 2016 Banca: IADHED Órgão: Prefeitura de Araguari

MG Prova: Procurador Municipal De acordo com o disposto no Código de Processo Civil

vigente, assinale a alternativa incorreta:

a) Todos os julgamentos dos órgãos do Poder Judiciários

serão públicos e fundamentadas todas as decisões, sob pena

de nulidade; b) Nos casos de segredo de justiça, pode ser autorizada somente a presença das partes, de seus advogados, de defensores públicos ou do Ministério Público;

c) A lista de processos aptos a julgamento deverá estar

permanentemente à disposição para consulta pública em

cartório e na rede mundial de computadores;

d) Os juízes e os tribunais deverão seguir à ordem cronológica

de conclusão para proferir sentença ou acórdão.

09 Ano: 2016 Banca: CESPE Órgão: TCE-PA Prova: Auditor

de Controle Externo Direito No que diz respeito às normas processuais, aos atos e negócios processuais e aos honorários de sucumbência, julgue o item que se segue, com base no disposto no novo Código de Processo Civil.

Em observância ao princípio da primazia da decisão de mérito, o magistrado deve conceder à parte oportunidade para, se possível, corrigir vício processual antes de proferir sentença terminativa.

(C) (E)

10 Ano: 2016 Banca: Serctam Órgão: Prefeitura de Quixadá

- CE

Prova: Advogado

Marque a alternativa correta:

a) O processo começa por iniciativa da parte e sempre se

desenvolve por impulso oficial.

b) A Lei nº 13.105/2015, novo CPC, consagra o princípio da

promoção pelo Estado da solução por autocomposição, ou

seja, uma política pública de solução de litígios, entendimento que já era adotado pelo Conselho Nacional de Justiça CNJ, especialmente na Resolução nº 125/2010.

c) A conciliação, a mediação e outros métodos de solução

consensual de conflitos deverão ser estimulados por juízes, advogados, defensores públicos e membros do Ministério

Público, porém, tais métodos só poderão ser utilizados até a audiência de saneamento do processo.

d) Não compete ao Estado promover a solução consensual

dos conflitos.

e) Com fundamento no princípio da duração razoável do

processo, o juiz pode proferir decisão contra uma das partes

sem que ela seja previamente ouvida.

11Ano: 2016 Banca: Serctam Órgão: Prefeitura de Quixadá CE Prova: Advogado

Julgue as questões abaixo. Depois marque alternativa correta.

I- No regime do novo CPC a solução de mérito é prioritária, gerando, como uma de suas implicâncias práticas, o dever do juiz determinar a correção dos vícios processuais.

II- O princípio da cooperação, consagrado no art. 6º do CPC/2015, é um corolário do princípio da boa-fé, gerando o dever de assim agir às partes e ao juiz, mas não aos auxiliares da justiça, pois estes não participam do processo de forma direta, não sendo razoável a exigência de tal comportamento.

III- O princípio da boa-fé processual não está expressamente disposto no CPC/2015, porém pode ser extraído do devido processo legal, que é uma cláusula geral processual.

IV- É assegurada às partes paridade de tratamento em relação ao exercício de direitos e faculdades processuais, aos meios de defesa, aos ônus, aos deveres e à aplicação de sanções processuais, competindo ao juiz zelar pelo efetivo contraditório

a) Os itens I e II são falsos.

b) Todas alternativas são falsas.

c) Os itens I e IV estão corretos.

d) Apenas o item III é falso.

e) Os itens I e III estão corretos.

12 Ano: 2016 Banca: VUNESP Órgão: TJM-SP Prova: Juiz de Direito Assinale a alternativa correta.

a) A garantia do contraditório participativo impede que se

profira decisão ou se conceda tutela antecipada contra uma das partes sem que ela seja previamente ouvida (decisão

surpresa). b) A boa-fé no processo tem a função de estabelecer comportamentos probos e éticos aos diversos personagens do

[2]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

processo e restringir ou proibir a prática de atos atentatórios

à dignidade da justiça.

c) O princípio da cooperação atinge somente as partes do

processo que devem cooperar entre si para que se obtenha, em tempo razoável, decisão de mérito justa e efetiva.

d) Ao aplicar o ordenamento jurídico, o juiz atenderá aos fins

sociais e econômicos e às exigências do bem público,

resguardando e promovendo a dignidade da pessoa humana.

e) Será possível, em qualquer grau de jurisdição, a prolação

de decisão sem que se dê às partes oportunidade de se manifestar, se for matéria da qual o juiz deva decidir de ofício.

13 Ano: 2016 Banca: FAFIPA Órgão: Câmara de Cambará

PR Prova: Procurador Jurídico

Assinale a alternativa INCORRETA acerca das normas fundamentais previstas no Código de Processo Civil vigente (Lei 13.105/2015).

a) É assegurada às partes paridade de tratamento em relação

ao exercício de direitos e faculdades processuais, aos meios de defesa, aos ônus, aos deveres e à aplicação de sanções processuais, competindo ao juiz zelar pelo efetivo contraditório.

b) Não se proferirá decisão contra uma das partes sem que ela

seja previamente ouvida, salvo nos casos em que envolver matéria de ordem pública, hipótese em que o juiz decidirá de

ofício, sem que para isso tenha que oportunizar às partes manifestar-se.

c) O juiz não pode decidir, em grau algum de jurisdição, com

base em fundamento a respeito do qual não se tenha dado às partes oportunidade de se manifestar, ainda que se trate de

matéria sobre a qual deva decidir de ofício.

d) Os juízes e os tribunais atenderão, preferencialmente, à

ordem cronológica de conclusão para proferir sentença ou acórdão.

14 Ano: 2016 Banca: MPE-SC Órgão: MPE-SC Prova:

Promotor de Justiça Em respeito ao princípio da economia e eficiência processual,

o novo Código de Processo Civil, não admite a convalidação

de atos processuais eivados de vício.

(C)

(E)

15

Ano: 2016 Banca: MPE-SC Órgão: MPE-SC Prova:

Promotor de Justiça Nos termos do novo Código de Processo Civil, o juiz não pode decidir, em grau algum de jurisdição, com base em fundamento a respeito do qual não se tenha dado às partes

oportunidade de se manifestar, salvo se tratar de matéria sobre

a qual deva decidir de ofício.

(C)

(E)

16

Ano: 2016 Banca: FGV Órgão: MPE-RJ Prova: Técnico

do

Ministério Público - Área Notificação e Atos Intimatórios

A

possibilidade de concessão, pelo juiz da causa, de tutela

antecipatória do mérito, inaudita altera parte, em razão de

requerimento formulado nesse sentido pela parte autora em

sua petição inicial, está diretamente relacionada ao princípio:

a) do juiz natural;

b)

da inércia da jurisdição;

c)

da inafastabilidade do controle jurisdicional;

d)

do contraditório;

e)

da motivação das decisões judiciais.

17

Ano: 2016 Banca: TRF - 4ª REGIÃO

Órgão: TRF - 4ª

REGIÃO Prova: Juiz federal

Dadas as assertivas abaixo, assinale a alternativa correta.

Considerando o Código de Processo Civil de 2015:

I. O Código é marcado pelos princípios do contraditório permanente e obrigatório, da cooperação, do máximo aproveitamento dos atos processuais, da primazia do julgamento de mérito e da excepcionalidade dos recursos intermediários, entre outros.

II. O Código busca a segurança jurídica e a isonomia,

reforçando o sistema de precedentes (stare decisis) e estabelecendo como regra, no plano vertical, a observância dos precedentes e da jurisprudência e, no plano horizontal, a estabilidade, a integridade e a coerência da jurisprudência.

III. A distinção (distinguishing), a superação (overruling) e a

superação para a frente, mediante modulação dos efeitos (prospective overruling), são técnicas de adequação do sistema de precedentes às alterações interpretativas da norma

e às circunstâncias factuais postas sob exame dos juízes e dos

tribunais.

IV. Paralelamente à proteção da segurança jurídica, a necessidade de evolução da hermenêutica exige que apenas súmulas, vinculantes ou não, sejam consideradas parâmetros para aplicação do sistema de precedentes, sob pena de se imobilizar a exegese das normas.

a)

Estão corretas apenas as assertivas I e II.

b)

Estão corretas apenas as assertivas I, II e III.

c)

Estão corretas apenas as assertivas II, III e IV.

d)

Estão corretas todas as assertivas.

e)

Nenhuma assertiva está correta.

18

Ano: 2016 Banca: FAURGS Órgão: TJ-RS Prova: Juiz de

Direito Considerando o sistema e as normas específicas do Novo

Código de Processo Civil, instituído pela Lei nº 13.105/2015, assinale a alternativa correta.

a) O juiz não poderá prestar auxílio a qualquer das partes, nem

prevenir a extinção do processo por motivos meramente formais, pois, se assim o fizer, estará violando seu dever de

imparcialidade.

b) O juiz não está obrigado a oportunizar a manifestação

prévia das partes em relação a questões de direito, apenas em relação às questões de fato que efetivamente integrem o

mérito da causa.

c) É lícito ao juiz, independentemente da fase em que se

encontra o processo, pronunciar a prescrição ou a decadência

[3]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

sem a oitiva prévia das partes, por se cuidar de matéria que

lhe é dado decidir de ofício.

d) Basta ao juiz explicitar as justificativas que conduziram à

conclusão exposta no dispositivo da sentença, não lhe sendo necessário rebater de forma específica os fundamentos contrários a essa conclusão deduzidos pelas partes.

e) O Novo Código possibilita o saneamento de vício formal

que possa impedir a admissibilidade de qualquer recurso, incluindo a desconsideração de vício formal de recurso especial ou extraordinário tempestivo, desde que não seja considerado grave.

19 Ano: 2015 Banca: CESPE Órgão: TCE-RN Prova: Auditor

Um sistema processual civil que não proporcione à sociedade o reconhecimento e a realização dos direitos, ameaçados ou violados, que tem cada um dos jurisdicionados, não se harmoniza com as garantias constitucionais de um Estado Democrático de Direito. Comissão de Juristas Senado Federal, PL n.º 166/2010, Exposição de motivos, Brasília, 8/6/2010.

Tendo como referência inicial o fragmento de texto anterior, adaptado da exposição de motivos do Novo Código

de Processo Civil, julgue os itens a seguir de acordo com a

teoria geral do processo e as normas do processo civil

contemporâneo.

O princípio da cooperação processual se relaciona à

prestação efetiva da tutela jurisdicional e representa a obrigatoriedade de participação ampla de todos os sujeitos do processo, de modo a se ter uma decisão de mérito justa e

efetiva em tempo razoável. (C) (E)

20 Ano: 2014 Banca: FMP-RS Órgão: TJ-MT Prova: Titular

de Serviços de Notas e de Registros Sobre a publicidade no processo civil brasileiro é correto

afirmar que

a) está prevista, como regra, de forma geral e imediata.

b) está apenas prevista para os casos em que há segredo de

justiça.

c)

está prevista apenas no Código de Processo Civil.

d)

sua

consagração

denota

um

regime

processual

antidemocrático.

e) Nenhuma das alternativas é correta.

Respostas 01: 02: 03: 04: 08: 09: 10: 11: 12: 16: 17: 18: 19: 20:
Respostas
01:
02:
03:
04:
08:
09:
10:
11:
12:
16:
17:
18:
19:
20:

05:

05: 06: 07:

06:

05: 06: 07:

07:

13:

14:

15:

APLICAÇÃO DAS NORMAS PROCESSUAIS

01 Ano: 2017 Banca: VUNESP Órgão: TJM-SP Prova:

Escrevente Técnico Judiciário

Assinale a alternativa correta no que diz respeito à mudança

de lei que rege prazos e formas recursais no curso de uma

ação.

a) A lei a regular o recurso é aquela do momento da

publicação da decisão recorrível.

b) Os prazos processuais serão contados de acordo com a lei

que regulava o recurso ao tempo da propositura da ação.

c) Se o recurso foi suprimido por lei nova, valerá o direito

adquirido no momento da propositura da ação.

d) Os prazos serão contados pela lei vigente ao tempo da

propositura da ação e a forma nos termos da lei nova.

e) Se a lei nova diminuir o prazo recursal, ainda não em curso,

valerá a contagem nos termos da lei anteriormente vigente.

02 Ano: 2017 Banca: IBFC Órgão: EBSERH Prova:

Advogado

Assinale a alternativa correta sobre a aplicabilidade das normas processuais em face da entrada em vigor da Lei Federal nº 13.105, de 16/03/2015 (Novo Código de Processo Civil).

a) As disposições da Lei nº 5.869, de 11 de janeiro de 1973

(Código de Processo Civil de 1973), relativas ao

procedimento ordinário e aos procedimentos especiais que forem revogadas aplicar-se-ão às ações propostas e não sentenciadas até o início da vigência do Novo Código de Processo Civil

b) As disposições da Lei nº 5.869, de 11 de janeiro de 1973

(Código de Processo Civil de 1973), relativas aos procedimentos ordinário e sumário e aos procedimentos

especiais que forem revogadas aplicar-se-ão às ações

propostas e não sentenciadas até o início da vigência do Novo Código de Processo Civil

c) As disposições da Lei nº 5.869, de 11 de janeiro de 1973

(Código de Processo Civil de 1973), relativas ao procedimento sumário e aos procedimentos especiais que

forem revogadas aplicar-se-ão às ações propostas e que não tenham decisão final transitada em julgado até o início da vigência do Novo Código de Processo Civil

d) As disposições da Lei nº 5.869, de 11 de janeiro de 1973

(Código de Processo Civil de 1973), relativas aos procedimentos ordinário e sumário e aos procedimentos

especiais que forem revogadas aplicar-se-ão às ações propostas e que não tenham decisão fnal transitada em julgado até o início da vigência do Novo Código de Processo Civil

e) As disposições da Lei nº 5.869, de 11 de janeiro de 1973

(Código de Processo Civil de 1973), relativas ao procedimento sumário e aos procedimentos especiais que forem revogadas aplicar-se-ão às ações propostas e não sentenciadas até o início da vigência do Novo Código de Processo Civil

03 Ano: 2016 Banca: IBFC Órgão: EBSERH Prova:

Advogado

De acordo com as novas regras do Código de Processo Civil Lei nº. 13.105, de 16 de março de 2015 - os juízes e os tribunais atenderão, preferencialmente, à ordem cronológica de conclusão para proferir sentença ou acórdão, porém especifica algumas exceções a essa regra. Dentre as alternativas abaixo, aponte a que NÃO corresponde a uma dessas exceções.

a) O julgamento de recursos repetitivos ou de incidente de

resolução de demandas repetitivas

[4]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

b) Os processos criminais, nos órgãos jurisdicionais que

tenham competência penal

c) As preferências legais e as metas estabelecidas pelo

Conselho Nacional de Justiça

d) As sentenças proferidas em audiência, homologatórias de

acordo ou de procedência liminar do pedido

e) A causa que exija urgência no julgamento, assim

reconhecida por decisão fundamentada

04 Ano: 2016 Banca: CESPE Órgão: PGE-AM Prova:

Procurador do Estado

A respeito

jurisdição e ação, julgue o item seguinte.

das

normas

processuais

civis

pertinentes

a

O novo CPC aplica-se aos processos que se encontravam em curso na data de início de sua vigência, assim como aos processos iniciados após sua vigência que se referem a fatos pretéritos.

(C) (E)

05 Ano: 2016 Banca: FCC Órgão: DPE-BA

Prova: Defensor Público Sobre o direito processual intertemporal, o novo Código de

Processo Civil

a) retroage porque a norma processual é de natureza cogente.

b) torna aplicáveis a todas as provas as disposições de direito

probatório adotadas, ainda que requeridas antes do início de

sua vigência.

c) vige desde o dia de sua publicação, porque a lei processual

é de natureza cogente e possui efeito imediato.

d) extinguiu o procedimento sumário, impondo a extinção de

todas as ações ajuizadas sob este procedimento, incluindo as anteriores à sua entrada em vigor.

e) não possui efeito retroativo e se aplica, em regra, aos

processos em curso, respeitados os atos processuais

praticados e as situações jurídicas consolidadas sob a vigência

da

norma revogada.

06

Ano: 2016 Banca: Serctam Órgão: Prefeitura de Quixadá

CE Prova: Assistente Jurídico - Advocacia

Julgue as questões abaixo.

Os juízes e os tribunais deverão obedecer à ordem

cronológica de conclusão para proferir sentença ou acórdão.

A lista de processos aptos a julgamento deverá estar

permanentemente à disposição para consulta pública em cartório e na rede mundial de computadores. Porém, estão excluídos desta regra:

I- as sentenças proferidas em audiência, homologatórias de acordo ou de improcedência liminar do pedido;

II- o julgamento de processos em bloco para aplicação de tese

jurídica firmada em julgamento de casos repetitivos;

III- o julgamento de recursos repetitivos ou de incidente de resolução de demandas repetitivas;

IV- as decisões proferidas com base nos artigos 485 e 932 do novo CPC;

V- o julgamento de embargos de declaração;

VI- o julgamento de agravo interno;

VII- as preferências legais e as metas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça;

VIII- os processos criminais, nos órgãos jurisdicionais que tenham competência penal;

Marque a alternativa correta

a) Os itens I, II e IV são falsos.

b) Todas alternativas são falsas.

c) Os itens III, V e VIII são falsos e os demais verdadeiros.

d) Todas as alternativas são corretas.

e) Os itens III, V e IV estão corretos e os demais incorretos.

07 Ano: 2016 Banca: FCC Órgão: PGE-MT Prova:

Procurador

De acordo com as regras transitórias de direito intertemporal estabelecidas no novo Código de Processo Civil,

a) uma ação de nunciação de obra nova que ainda não tenha

sido sentenciada pelo juízo de primeiro grau quando do início da vigência do Novo Código de Processo Civil, seguirá em conformidade com as disposições do Código de Processo Civil de 1973.

b) as ações que foram propostas segundo o rito sumário antes

do início da vigência do novo Código de Processo Civil, devem ser adaptadas às exigências da nova lei instrumental, à luz do princípio da imediata aplicação da lei processual nova.

c) as disposições de direito probatório do novo Código de

Processo Civil aplicam-se a todas as provas que forem produzidas a partir da data da vigência do novo diploma

processual, independentemente da data em que a prova foi requerida ou determinada a sua produção de ofício.

d) caso uma ação tenha sido proposta durante a vigência do

Código de Processo Civil de 1973 e sentenciada já sob a égide do novo Código de Processo Civil, resolvendo na sentença questão prejudicial cuja resolução dependa o julgamento do mérito expressa e incidentalmente, tal decisão terá força de lei e formará coisa julgada.

e) o novo Código de Processo Civil autoriza, sem ressalvas, a

concessão de tutela provisória contra a Fazenda Pública,

derrogando tacitamente as normas que dispõem em sentido contrário.

08 Ano: 2016 Banca: MPE-GO Órgão: MPE-GO Prova:

Promotor de Justiça Segundo o Código de Processo Civil, assinale a alternativa incorreta:

[5]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

a) a primeira lista de processos para julgamento em ordem

cronológica observará a antiguidade da distribuição entre os já conclusos na data da entrada em vigor do Código de Processo Civil.

b) as disposições de direito probatório adotadas pelo Código

de Processo Civil aplicam-se apenas às provas requeridas ou determinadas de ofício a partir da data de início de sua

vigência.

c) o incidente de desconsideração da personalidade jurídica

não se aplica ao processo de competência dos juizados especiais, tendo em vista o princípio da celeridade

processual.

d) havendo mais de um intimado, o prazo para cada um é

contado individualmente, ou seja, para cada parte a fluência

do prazo ocorre com a juntada de seu aviso de recebimento ou de seu mandado aos autos, ainda que haja mais de um réu.

09 Ano: 2016 Banca: TRF - 4ª REGIÃO Órgão: TRF - 4ª

REGIÃO Prova: Juiz federal

Dadas as assertivas abaixo, assinale a alternativa correta.

Considerando o Código de Processo Civil de 2015:

I. O Código é marcado pelos princípios do contraditório permanente e obrigatório, da cooperação, do máximo aproveitamento dos atos processuais, da primazia do julgamento de mérito e da excepcionalidade dos recursos intermediários, entre outros.

II. O Código busca a segurança jurídica e a isonomia,

reforçando o sistema de precedentes (stare decisis) e estabelecendo como regra, no plano vertical, a observância dos precedentes e da jurisprudência e, no plano horizontal, a estabilidade, a integridade e a coerência da jurisprudência.

III. A distinção (distinguishing), a superação (overruling) e a

superação para a frente, mediante modulação dos efeitos (prospective overruling), são técnicas de adequação do sistema de precedentes às alterações interpretativas da norma

e às circunstâncias factuais postas sob exame dos juízes e dos

tribunais.

IV. Paralelamente à proteção da segurança jurídica, a necessidade de evolução da hermenêutica exige que apenas súmulas, vinculantes ou não, sejam consideradas parâmetros para aplicação do sistema de precedentes, sob pena de se imobilizar a exegese das normas.

a) Estão corretas apenas as assertivas I e II.

b) Estão corretas apenas as assertivas I, II e III.

c) Estão corretas apenas as assertivas II, III e IV.

d) Estão corretas todas as assertivas.

e) Nenhuma assertiva está correta.

10 Ano: 2016 Banca: IESES Órgão: BAHIAGÁS

Prova: Analista de Processos Organizacionais - Direito

O novo CPC trouxe mudanças importantes que alteram

substancialmente o processo civil. Assinale dentre as proposições seguintes s que estiver INCORRETA.

a) Os Atos Processuais: o juiz e as partes poderão acordar a

respeito dos atos e procedimentos processuais, podendo alterar o tramite do processo. b) Os juízes e tribunais serão obrigados a respeitar

julgamentos do STF e STJ. O juiz também poderá arquivar o pedido que contraria a jurisprudência, a pedido das partes.

c) Conciliação e Mediação: os Tribunais serão obrigados a

criar centros para realização de audiências de conciliação. A audiência de conciliação poderá ser feita em mais de uma sessão e durante a instrução do processo o juiz poderá fazer nova tentativa de conciliação.

d) Ações Repetitivas: foi criada uma ferramenta para dar a

mesma decisão a milhares de ações iguais, por exemplo, planos de saúde, operadoras de telefonia, bancos, etc., dando mais celeridade aos processos na primeira instância.

e) Prazos: a contagem dos prazos será feita apenas em dias

úteis e serão suspensos os prazos no fim de ano. Os prazos

para Recursos serão de 15 dias e somente Embargos de Declaração terá prazo de 5 dias.

11 Ano: 2015 Banca: FCC Órgão: TJ-SE Prova: Juiz de

Direito

O novo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/2015) dispõe

que “na contagem de prazo em dias, estabelecido por lei ou pelo juiz, computar-se-ão somente os dias úteis" (artigo 219, caput). Considerando-se que esta norma já foi publicada, porém ainda não entrou em vigor, a parte deve valer-se da forma de cômputo estabelecida pelo,

a) novo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/2015) para

todos os atos processuais, incluindo os anteriores à sua entrada em vigor, tendo em vista que a norma processual possui efeito retroativo.

b) novo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/2015) para

todos os atos processuais, incluindo os anteriores à sua publicação, tendo em vista que a norma processual possui efeito retroativo.

c) novo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/2015) para

os atos posteriores à sua publicação, ainda que antes

da vigência, porque a lei gera efeitos durante a vacatio legis.

d) Código de Processo Civil atual (Lei nº 5.869/1973) para

todos os atos processuais, incluindo os que se iniciarem depois da entrada em vigor do novo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/2015), tendo em vista que a lei deve respeitar

o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada. e) Código de Processo Civil atual (Lei nº 5.869/1973) enquanto este estiver em vigor, e da estabelecida pelo novo Código de Processo Civil (Lei nº 13.105/2015) apenas para

os atos praticados depois do início de sua vigência, tendo em

vista o efeito imediato da lei e a proteção ao direito adquirido,

ao ato jurídico perfeito e à coisa julgada.

12 Ano: 2015 Banca: MPDFT Órgão: MPDFT Prova:

Promotor de Justiça

O novo Código de Processo Civil, aprovado pela Lei

13.105/2015 (CPC/2015), entrará em vigor a contar de um ano de sua publicação oficial, em substituição ao CPC/1973.

Sobre a aplicação do novo diploma processual, julgue os itens

a seguir:

[6]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

I. A prova requerida no processo antes da vigência do novo código, isto é sob as regras legislativas do CPC/1973, ao ser produzida na vigência do CPC/2015, regular-se-á pelo novo diploma legal.

01

Ano: 2016

Banca: CESPE

Órgão: PGE-AM Prova:

Procurador do Estado

 

A

respeito

das

normas

processuais

civis

pertinentes

a

II.

A contagem de prazos processuais em dias úteis, não mais

jurisdição e ação, julgue o item seguinte.

 

em dias contínuos, estabelecida pelo CPC/2015, incidirá nos prazos que iniciarão contagem a partir da vigência do

CPC/2015.

O

novo CPC reconhece a competência concorrente da

jurisdição internacional para processar ação de inventário de bens situados no Brasil, desde que a decisão seja submetida à homologação do STJ.

(C) (E)

III. Ao entrar em vigor, o CPC/2015 será aplicado aos processos que se iniciarem sob a sua égide, mantendo-se o CPC/1973 para reger todos os processos iniciados em data anterior à vigência do novo código

IV. Os atos processuais praticados sob a vigência do

02 Ano: 2016 Banca: Serctam Órgão: Prefeitura de Quixadá CE Prova: Assistente Jurídico - Advocacia

CPC/1973, em processos não sentenciados, por exemplo, a citação de empresas públicas e privadas, não serão renovados devido à vigência da nova disciplina processual do

Analise os itens abaixo e depois marque a alternativa correta.

CPC/2015.

 

I-

Compete à autoridade judiciária brasileira processar e

V.

A norma processual do CPC/2015 não retroagirá e será

julgar as ações nas quais o réu, qualquer que seja a sua nacionalidade, estiver domiciliado no Brasil, considerando-se domiciliada no Brasil a pessoa jurídica estrangeira que nele tiver agência, filial ou sucursal.

aplicada imediatamente aos processos em curso, respeitados

os atos processuais praticados e as situações jurídicas consolidadas sob a vigência do CPC/1973.

   

II-

Compete à autoridade judiciária brasileira processar e

Assinale a alternativa que contém os itens CORRETOS:

a)

b) III, IV e V.

c) I, III e IV.

d) II, IV e V.

I, II e IV.

julgar as ações de alimentos, quando o credor tiver domicílio

ou

Brasil, tais como posse ou propriedade de bens, recebimento

residência no Brasil e quando o réu mantiver vínculos no

de renda ou obtenção de benefícios econômicos.

e) I, IV e V.

 

III- Não compete à autoridade judiciária brasileira o processamento e o julgamento da ação quando houver

 

13 Ano: 2015 Banca: FCC Órgão: TRT - 23ª REGIÃO (MT)

 

Prova: Juiz do trabalho Quando o novo Código de Processo Civil entrar em vigor

a)

serão atingidos todos os processos e atos processuais em

cláusula de eleição de foro exclusivo estrangeiro em contrato internacional, arguida pelo réu na contestação.

IV- Compete à autoridade judiciária brasileira, com exclusão

curso, tendo em vista o efeito imediato da lei nova, salvo quanto aos atos que constituírem direito adquirido, ato

jurídico perfeito e coisa julgada.

de

situados no Brasil.

qualquer outra, conhecer de ações relativas a imóveis

b)

serão atingidos todos os processos, incluindo os que

V-

A pendência de causa perante a jurisdição brasileira não

possuam decisão transitada em julgado, tendo em vista o efeito retroativo da lei processual.

impede a homologação de sentença judicial estrangeira,

quando exigida para produzir efeitos no Brasil.

 

c)

serão atingidos todos os processos em curso, sem exceção

 

de qualquer ato, tendo em vista o efeito retroativo da lei

a)

As cinco assertivas são falsas.

 

processual.

 

b)

Todas as assertivas são verdadeiras.

d)

todos os processos em curso, assim como os atos

c)

Há duas assertivas falsas e três verdadeiras.

 

processuais posteriores ao início da vigência da nova lei, continuarão regidos pelo Código de Processo Civil atual.

d)

Há duas assertivas verdadeiras e três falsas.

e)

Há apenas uma assertiva falsa.

 

e)

serão atingidos todos e quaisquer processos e atos

 

processuais, tendo em vista o efeito imediato da lei

03

Ano: 2016 Banca: FUMARC Órgão: Câmara de

processual, com exceção apenas das decisões transitadas em

julgado.

Respostas

02: 03: 04: 05: 10: 11: 12: 13:
02:
03:
04:
05:
10:
11:
12:
13:

01:

06:

com exceção apenas das decisões transitadas em julgado. Respostas 02: 03: 04: 05: 10: 11: 12:

07:

Conceição do Mato Dentro

Prova: Advogado Em relação aos limites da jurisdição nacional prevista no Novo CPC, é CORRETO afirmar:

08: 09: a) A ação proposta perante tribunal estrangeiro induz

08:

08: 09: a) A ação proposta perante tribunal estrangeiro induz

09:

a)

A ação proposta perante tribunal estrangeiro induz

 

litispendência e obsta a que a autoridade judiciária brasileira

 

JURISDIÇÃO

conheça da mesma causa e das que lhe são conexas,

[7]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

ressalvadas as disposições em contrário de tratados

internacionais e acordos bilaterais em vigor no Brasil.

b) Compete à autoridade judiciária brasileira o processamento

e o julgamento da ação quando houver cláusula de eleição de

foro exclusivo estrangeiro em contrato internacional, arguida pelo réu na contestação.

c) Compete à autoridade judiciária brasileira processar e

julgar as ações em que, no Brasil, tiver de ser cumprida a obrigação.

d) Compete à autoridade judiciária brasileira, com exclusão

de qualquer outra, julgar as ações em que o credor tiver domicílio ou residência no Brasil.

04 Ano: 2016 Banca: FGV Órgão: MPE-RJ Prova: Técnico do Ministério Público - Área Notificação e

Atos Intimatórios No tocante à inércia, uma exceção a tal característica da jurisdição, de acordo com a legislação processual vigente, é

a:

a)

interdição;

b)

reintegração de posse de imóvel público;

c)

restauração de autos;

d)

anulação de contrato administrativo;

e)

nulidade de casamento.

05

Ano: 2016 Banca: VUNESP Órgão: Prefeitura de

Sertãozinho SP Prova: Procurador Municipal

No que tange à jurisdição contenciosa e voluntária, assinale a alternativa correta. a) Tanto na jurisdição voluntária como na jurisdição contenciosa a sentença faz coisa julgada material.

b) Em geral, nos feitos de jurisdição voluntária aplica-se o

princípio da adstrição, da congruência, da correlação, ente

outros; e, nos feitos de jurisdição contenciosa, aplica-se o princípio inquisitivo ao proferir a sentença.

c) Em procedimento de jurisdição voluntária não é possível

existir controvérsia entre os interessados.

d) Enquanto na jurisdição contenciosa a regra é a aplicação

do juízo da legalidade estrita, na jurisdição voluntária é

possível o julgamento por meio de equidade.

e) Tanto a jurisdição contenciosa como a voluntária são

marcadas pela presença de litígio a ser dirimido pelo juiz, por meio da sentença.

06 Ano: 2016 Banca: MPE-RS Órgão: MPE-RS Prova:

Promotor de Justiça Assinale com V (verdadeiro) ou com F (falso) as seguintes

afirmações sobre o tema dos limites da jurisdição nacional, segundo o disposto no Código do Processo Civil.

( ) Compete à autoridade judiciária brasileira processar e julgar as ações em que o réu, qualquer que seja a sua

nacionalidade, estiver domiciliado no Brasil ou no exterior.

( ) Compete à autoridade judiciária brasileira processar e

julgar as ações decorrentes de relações de consumo, quando

o consumidor tiver domicílio ou residência no Brasil.

( ) Compete à autoridade judiciária brasileira, com exclusão de qualquer outra, em matéria de sucessão hereditária,

proceder à confirmação de testamento particular e ao inventário e à partilha de bens situados no Brasil, desde que

o autor da herança não seja de nacionalidade estrangeira ou não tenha domicílio fora do território nacional.

( ) A ação proposta perante tribunal estrangeiro não induz

litispendência e não obsta a que a autoridade judiciária brasileira conheça da mesma causa e das que lhe são conexas, ressalvadas as disposições em contrário de tratados internacionais e acordos bilaterais em vigor no Brasil.

A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de

cima para baixo, é

a) F V V F.

b) F V F V.

c) V V F F.

d) F F V V.

e) V F V F.

Respostas

01:

– V – V. e) V – F – V – F. Respostas 01: 02: 03:

02:

V – V. e) V – F – V – F. Respostas 01: 02: 03: 04:

03:

– V. e) V – F – V – F. Respostas 01: 02: 03: 04: AÇÃO

04:

AÇÃO

V – F – V – F. Respostas 01: 02: 03: 04: AÇÃO 05: 06: 01

05:

– F – V – F. Respostas 01: 02: 03: 04: AÇÃO 05: 06: 01 Ano:

06:

F – V – F. Respostas 01: 02: 03: 04: AÇÃO 05: 06: 01 Ano: 2016

01 Ano: 2016 Banca: CESPE Órgão: PGE-AM Prova: Procurador do Estado

A respeito

jurisdição e ação, julgue o item seguinte.

das

normas

processuais

civis

pertinentes

a

Segundo as regras contidas no novo CPC, a legitimidade de parte deixou de ser uma condição da ação e passou a ser analisada como questão prejudicial. Sendo assim, tal legitimidade provoca decisão de mérito.

(C) (E)

02 Ano: 2016 Banca: TRT 4º Região Órgão: TRT - 4ª REGIÃO (RS) Prova: Juiz do trabalho Assinale a assertiva incorreta sobre processo de conhecimento.

a)

Até o trânsito em julgado da ação, poderá o Juiz conhecer

de

ofício, em qualquer tempo e grau de jurisdição, a ausência

dos pressupostos de constituição e de desenvolvimento válido

e regular do processo, a existência de perempção,

litispendência ou coisa julgada, a ausência de legitimidade ou interesse processual, bem como a intransmissibilidade da ação, por disposição legal, em caso de morte.

b) A não regularização da representação processual pelo

autor, no prazo fixado pelo Juízo de primeiro grau, acarreta a extinção do processo sem resolução do mérito.

c) São condições da ação, conforme previsão expressa, e,

portanto, matéria de ordem pública, sobre as quais o Juiz deve

se pronunciar de ofício, a legitimidade de parte, o interesse processual e a possibilidade jurídica do pedido.

d) É permitido ao Juiz decidir parcialmente o mérito em

julgamento antecipado quando um ou mais pedidos ou parcela deles se mostrarem incontroversos ou em condições

de imediato julgamento, podendo a parte liquidar ou executar,

desde logo, a obrigação parcialmente reconhecida, ainda que existente recurso interposto.

e) A audiência poderá ser integralmente gravada em imagem

e áudio, podendo ser realizada a grava- ção diretamente por qualquer das partes, ainda que sem autorização judicial.

[8]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

03 Ano: 2016 Banca: CONSULPLAN Órgão: TJ-MG Prova:

Titular de Serviços de Notas e de Registros Quanto ao exercício da função jurisdicional pelo Estado-Juiz e no que se refere à jurisdição e ação, é INCORRETO afirmar:

a) Para postular em juízo é necessário ter interesse e

legitimidade.

b) Ninguém poderá pleitear direito alheio em nome próprio,

salvo quando autorizado pelo ordenamento jurídico; em

havendo substituição processual, o substituído será excluído do feito, não lhe cabendo intervir como assistente litisconsorcial.

c) O interesse do autor pode limitar-se à declaração da

existência, da inexistência ou do modo de ser de uma relação

jurídica, da autenticidade ou da falsidade de documento.

d) É admissível a ação meramente declaratória, ainda que

tenha ocorrido a violação do direito.

04 Ano: 2016 Banca: CONSULTEC Órgão: Prefeitura de Ilhéus BA Prova: Procurador Com base no Art. 19, do novo Código de Processo Civil

(CPC), o interesse do autor pode limitar-se à declaração

a) apenas do interesse.

b) apenas de uma relação jurídica.

c) da existência, da inexistência de uma relação jurídica.

d) da autenticidade e falsidade de documento.

e) da existência, da inexistência ou do modo de ser de uma

relação jurídica.

05 Ano: 2016 Banca: FGV Órgão: MPE-RJ

Prova: Técnico do Ministério Público - Área Notificação e Atos Intimatórios São condições para o regular exercício da ação:

a)

formulada;

b) interesse de agir e competência do juízo;

regularmente

legitimidade

ad

causam

e

demanda

c) legitimidade ad processum e possibilidade jurídica do

pedido;

d)

possibilidade jurídica do pedido e competência do juízo;

e)

legitimidade ad causam e interesse de agir.

06

Ano: 2016 Banca: FGV Órgão: MPE-RJ Prova: Técnico

do Ministério Público - Área Notificação e Atos Intimatórios No que se refere à aferição da presença, ou não, das condições para o regular exercício da ação, a teoria aplicável é:

a) a asserção;

b) a substanciação;

c) a individuação;

d) a causa madura;

e) a concreta do direito de ação.

07Ano: 2016 Banca: FGV Órgão: MPE-RJ Prova: Técnico do Ministério Público - Área Notificação e Atos Intimatórios São elementos identificadores da ação:

a) juízo, partes e pedido;

b) juízo competente, causa de pedir e demanda;

c) partes, causa de pedir e pedido;

d) partes, interesse processual e pedido;

e) causa de pedir, legitimidade e demanda.

08 Ano: 2016 anca: TRF - 4ª REGIÃO Órgão: TRF - 4ª REGIÃO Prova: Juiz federal

Dadas as assertivas abaixo, assinale a alternativa correta.

Considerando as regras do Código de Processo Civil de 2015:

I. As condições da ação não estão previstas no Código, o que impede o indeferimento da petição inicial por ilegitimidade para a causa ou falta de interesse processual.

II. Quando, além do autor, todos os réus manifestarem desinteresse na realização da audiência de conciliação, o

prazo de contestação tem início, para todos os litisconsortes passivos, com o despacho judicial que acolhe as manifestações de desinteresse na realização da audiência de

conciliação.

III. O juiz pode, independentemente de citação, julgar

improcedente o pedido que contrariar súmula, desde que seja vinculante. Se o pedido contrariar enunciado de súmula não vinculante ou julgado em recurso repetitivo, deve ordenar a citação, estando em condições a petição inicial, para só depois decidir a questão, em atenção ao princípio do contraditório.

IV. Caso a decisão transitada em julgado seja omissa em

relação aos honorários de sucumbência, eles não poderão ser cobrados nem em execução, nem em ação própria.

a) Estão corretas apenas as assertivas I e III.

b) Estão corretas apenas as assertivas II e III.

c) Estão corretas apenas as assertivas I, II e IV.

d) Estão corretas todas as assertivas.

e) Nenhuma assertiva está correta.

09 Ano: 2016 Banca: BIO-RIO Órgão: Prefeitura de Paracambi RJ Prova: Advogado De acordo com o Código de Processo Civil, Lei 13.105/2015, assinale a opção INCORRETA:

a) Para as ações fundadas em direito real sobre imóveis é

competente o foro de situação da coisa. O autor pode optar pelo foro de domicílio do réu ou pelo foro de eleição se o litígio não recair sobre direito de propriedade, vizinhança, servidão, divisão e demarcação de terras e de nunciação de obra nova. b) Não se admite ação meramente declaratória caso tenha ocorrido a violação do direito.

c) Serão reunidos para julgamento conjunto os processos que

possam gerar risco de prolação de decisões conflitantes ou contraditórias caso decididos separadamente, mesmo sem conexão entre eles.

d) Quando houver continência e a ação continente tiver sido

proposta anteriormente, no processo relativo à ação contida será proferida sentença sem resolução de mérito, caso contrário, as ações serão necessariamente reunidas.

10 Ano: 2015 Banca: CESPE Órgão: TCE-RN Prova: Auditor Um sistema processual civil que não proporcione à sociedade o reconhecimento e a realização dos direitos, ameaçados ou

[9]

Questões do Novo CPC Módulo I Faça sua assinatura no Tratamento de Choque TDC

violados, que tem cada um dos jurisdicionados, não se harmoniza com as garantias constitucionais de um Estado Democrático de Direito. Comissão de Juristas Senado Federal, PL n.º 166/2010, Exposição de motivos, Brasília, 8/6/2010.

Tendo como referência inicial o fragmento de texto anterior, adaptado da exposição de motivos do Novo Código de Processo Civil, julgue os itens a seguir de acordo com a teoria geral do processo e as normas do processo civil contemporâneo. Na hipótese de uma ação judicial possuir como objeto a rescisão de contrato inadimplido, o interesse de agir estará configurado na satisfação do bem da vida vindicado, qual seja, a rescisão referida.

(C) (E)

Respostas

08:

qual seja, a rescisão referida. (C) (E) Respostas 08: 02: 10: 01: 09: 03: 04: 05:
qual seja, a rescisão referida. (C) (E) Respostas 08: 02: 10: 01: 09: 03: 04: 05:
02: 10:
02:
10:

01:

09:

03:

referida. (C) (E) Respostas 08: 02: 10: 01: 09: 03: 04: 05: 06: 07: www.acaoedireito.com.br –

04:

referida. (C) (E) Respostas 08: 02: 10: 01: 09: 03: 04: 05: 06: 07: www.acaoedireito.com.br –

05:

referida. (C) (E) Respostas 08: 02: 10: 01: 09: 03: 04: 05: 06: 07: www.acaoedireito.com.br –

06:

(C) (E) Respostas 08: 02: 10: 01: 09: 03: 04: 05: 06: 07: www.acaoedireito.com.br –

07:

[10]