Вы находитесь на странице: 1из 92

ANO10EDIÇÃO72JULHO2010

MORUMBI
ESPECIAL SAÚDE E
BEM-ESTAR: Clínicas,
farmácias, spas,
médicos especializados
e os melhores
tratamentos oferecidos
no Morumbi
EM VITRINE: Cirurgia
Plástica no Brasil
PAINEL DA EDUCAÇÃO:
A alfabetização e o jeito
lúdico de aprender

Modelo
de sucesso
Depois de brilhar nas passarelas,
Denise Céspedes, referência no
mundo da moda e vice-presidente
JULHO2010
da Ford Models Brasil, mostra seu
EDIÇÃO 72 JULHO 2010

dom para os negócios e fala sobre


os novos projetos da maior agência
de modelos do país.
DIRETORIA Em sua palestra proferida no 2o. Workshop de Em-
Denise Gonçalves e Vania Ferreira
preendedorismo da revista Dolce, o publicitário josé luiz
ano10edição72julho2010 Tavares abordou de forma contundente o momento atual
PUBLISHER Denise Gonçalves
denise@dolcemorumbi.com
deste nosso mundo dito “desenvolvido”, com seu ritmo
neurótico de mudanças que, se por um lado traz inúmeras
DEPARTAMENTO DE PRODUÇÃO E ARTE
Vania Ferreira > vania@dolcemorumbi.com opções pra tudo, por outro lança dúvidas em igual propor-
REDAÇÃO Fádua Capellari
editorial@dolcemorumbi.com
ção. Poucas são as certezas em um cenário em que as

Em busca do
Roseli Gonçalves > roseli@dolcemorumbi.com
DIREÇÃO DE ARTE
Vania Ferreira > vania@dolcemorumbi.com

sentido perdido
ESTAGIÁRIA Bruna Domingues
cadastro@dolcemorumbi.com
DESENVOLVIMENTO WEB Raquel Bennington
socialmedia@dolcemorumbi.com
CAPA Flávia Saraiva velhas fórmulas não servem mais e ainda não existem propostas seguras para
JORNALISTA RESPONSÁVEL
jorge Fernando jordão / Mtb 25.370 substituí-las, em praticamente nenhuma área da vida. No campo do marketing,
DEPARTAMENTO COMERCIAL por exemplo, as empresas percebem uma crescente e feroz competitividade pela
DIREToRA Ana Paula Freitas
anapaula@dolcemorumbi.com
atenção dos consumidores, e na roda viva por seduzi-los faz-se de tudo, muitas
REPRESENTANTES CoMERCIAIS
Andrea Mendes, lilian Videira
vezes apelando-se até para o que se pode chamar de “jogo baixo”.
e luciana Karaptsias
ATENDIMENTo Ao ClIENTE Alice Gonçalves
Contra isso só existe uma fórmula: trabalhar sério e buscar o “nexo” em
comercial@dolcemorumbi.com tudo, como bem lembrou josé luiz. Pra quem quiser entender um pouco mais
DEPARTAMENTO ADMINISTRATIvO
Renata Nakazawa
sobre esse conceito, que particularmente considero muito evoluído, recomendo a
renata@dolcemorumbi.com leitura de seu livro, o Marketing na Era do Nexo, escrito em parceria com Walter
LOGíSTIcA E cIRcULAÇÃO
Sergio Falsetta longo. Dentre algumas simples e óbvias abordagens (tão óbvias que quase nin-
sergio@dolcemorumbi.com
guém mais enxerga em um mundo cada vez mais complexo!) está aquela que
COLABORARAM NESTA EDIÇÃO:
Claudia Castellan, Floriano Serra, jAF, lívio Giosa, orienta os empreendedores a, antes de tomarem decisões, perguntarem-se se
Paulo Roberto Amaral, Renata Agostine, Renato
Corrêa, Rosa Richter e Roseli Gonçalves (revisão) elas fazem sentido de verdade ou se foram tomadas no embalo de argumenta-
IMPRESSÃO IBEP. DISTRIBUIÇÃO Gratuita,
via courier para mailing VIP
ções frágeis, que não se sustentariam perante um questionamento mais sério.
TIRAGEM 15 mil exemplares Quem está empreendendo, buscando crescer e se destacar no mercado, deve
FIlIADA E
TIRAGEM
perguntar-se (e aos outros) sempre o “porquê” de cada argumento de quem tenta
convencê-lo de que descobriu a fórmula da pílula dourada, quer seja dentro da
AuDITADA

Revista DOLCE MORUMBI é uma própria empresa ou dos milhares de vendedores de sonhos que existem por ai.
publicação da Página 8 Editora ltda.-ME.
A editora não se responsabiliza pelas opiniões Sinceramente, nunca vi uma pílula dourada à venda, e o único milagre que
emitidas nos artigos assinados. Ninguém pode
retirar produtos nem quaisquer outros materiais conheço é aquele que nasce depois de um pouco de inspiração, bastante transpi-
em nome desta publicação sem autorização
expressa, por escrito, em papel timbrado, ração e muito, mas muito nexo.
da diretoria da Editora Página 8.
CONTATOS:
Boa leitura!
DIRETORIA
Av. Morumbi, 5594 – 05650-001 Denise Gonçalves > denise@dolcemorumbi.com > twitter.com/DeniseDolce
SP – Tel.: (11) 3464-6644
trafego@dolcemorumbi.com
REDAÇÃO E COMERCIAL
Av. Dr. Guilherme D. Villares, 2309 B
05640-004 - SP
Tel.: (11) 3464-6600 Fax: (11) 3464-6612
comercial@dolcemorumbi.com
DolCE MoRuMBI APoIA:

reciclamorumbi.com.br escoladopovo.org

4 julho 2010
26 18 44 78

EDIÇÃO 72 • JULHO 2010

10 CAPA Denise Céspedes,


descobridora de talentos
Colunas
Especiais 22 MODA • por Claudia Castellan
Novas cores para este inverno

28 SAÚDE E BEM-ESTAR
Mais saúde pra você 44 TEST DRIVE • por Renato Corrêa
Jovem Urbano – C3

78 VITRINE
Em nome da vaidade
74 CIDADANIA • por Rosa Richter
A nova ponte Burle Marx

Seções
18 GASTRONOMIA
Amamos Pizza!
76 PENSATA • por Paulo Amaral
A empregada

26  10 PERGUNTAS
para Cláudia Albanese,
77 CORPORATIVO • por Lívio Giosa
As novas fronteiras do
marketing no Brasil

90
da Cia. das A’artes FINAL FELIZ • por Floriano Serra

48  EM FOCO Quando ela adormece

22
6 JULHO 2010
Ex-modelo, esposa, empresária, mãe, filha, amiga... Denise Céspedes, vice-pre-
sidente da Ford Models Brasil – a maior agência de modelos do país, se divide
entre os mais diversos e exigentes papéis. Desde 1995, ela viaja o país de norte
a sul em busca de meninos e meninas com o perfil para a profissão. Hoje, com
anos de experiência e um casting recheado de grandes sucessos no mundo da
moda, ela aposta na inovação e investe em novos padrões. Seu desejo? Que-
brar de vez a ditadura da magreza excessiva e da perfeição.

Descobridora
de talentos
• Por Fádua
Capellari
• Foto Flávia
Saraiva

10 JULHO 2010
julho 2010 11
As mães sempre me procuram, e eu entendo os dois lados porque
sou mãe e também já fui modelo, sei o que as meninas sentem quando
estão longe de casa e também sei da preocupação dos pais.

Descoberta nos anos 1980 em um agora eu administro tudo muito melhor”.


fotos: divulgação

concurso promovido pela revista Capri- Hoje, com quase 20 anos no Brasil, a
cho, Denise trabalhou como modelo du- Ford Models possui filiais em Minas Gerais,
rante dez anos, posando para as lentes Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul
de grandes fotógrafos e revistas conhe- e Santa Catarina. O tempo passou, e dos
cidas, além de desfilar em cidades como vários ‘puxões’, como ela mesma classifi-
Nova York, Paris e Milão e também na ca, ficaram as lições e a certeza de que
Alemanha e no Japão. a agência é realmente forte no mercado.
No ano de 1994, no auge da carreira, Tudo o que era concentrado apenas no
casou-se com o também modelo Décio Ri- térreo está se expandindo para o 4° e o
beiro e, decidida a cuidar e a se dedicar à 7° andares do mesmo prédio, pois novos
família, abandonou as passarelas. Um ano projetos estão surgindo.
depois, um convite da administradora mun- “A Ford cresceu muito e eu procuro fa-
dial da Ford Models, Katie Ford, muda os zer o meu trabalho da melhor maneira. Es-
rumos da sua vida. “Eu e o Décio éramos sas coisas acontecem em qualquer área,
novinhos, e ela falou que daria a licença mas quando você começa um negócio e
para representarmos a agência no Brasil. luta tanto pra que as coisas deem certo
Nós tivemos uma conversa e eu disse pra e tanta gente torce contra... Você sempre
ele ‘vamos fazer e seja o que Deus quiser’. tem que matar um leão por dia”.
Hoje, olhando pra trás, acho que foi a deci-
são mais importante da minha vida porque MAPEAMENTO DE BELEZA
foi ali que começou toda a história da Ford Das muitas atividades da agência, o
brasileira”, relembra Denise. concurso que revela os rostos mais boni-
tos do Brasil é uma das principais portas
Maior e mais tradicional agência de mo- de entrada para o mundo da moda, tanto
delos no mundo, a Ford Models foi funda- nacional quanto internacional, e é o que
da em 1946 por Jerry Ford e Eilleen Ford. Denise mais gosta de fazer. “Amo fazer o
No Brasil consolidou-se como a maior em- Supermodel Brazil. Tenho aquela coisa de
presa de agenciamento e gerenciamento olhar para uma menina e dizer ‘essa vai dar
de carreira de modelos de todo o país. certo’. Quando começamos, eu viajava o
país inteiro e adorava conhecer a família,
A história inicial não foi das mais fáceis, saber de onde a menina vinha”.
houve alguns tombos e decepções, dos Hoje, achar uma adolescente que não
quais Denise fala com muita delicadeza e sonha em ser uma modelo famosa é coisa
sem perder o sorriso do rosto. “Todo mun- rara. No Supermodel Brazil, etapa nacional
do tem o direito de crescer, e eu sempre do Supermodel of the World – considerado
dou o maior apoio. Mas é um pouco chato o maior evento de moda do mundo – o nú-
Nos tempos de quando você descobre uma menina, finan- mero de inscritos passa de 500 mil.
modelo: Denise cia a família dela durante três anos e, de “Meu marido e eu sabemos da impor-
Céspedes em repente, ela acha que, por ser linda, todo tância desse papel que temos na vida de
alguns dos inúmeros o sucesso que ela obteve naquele tempo tantas pessoas. São meninas que mo-
editoriais de moda foi por ela, e não pela agência que fez di- ravam no interior do interior do país e a
dos quais participou recionamento da carreira, que patrocinou quem, de repente, demos a oportunida-
a família. E aí ela te manda um fax dizen- de pra que elas crescessem, ganhassem
do ‘olha, estou indo para outra agência’. dinheiro e mudassem a vida dos pais e
Antigamente, quando acontecia esse tipo da família toda. Isso é muito satisfatório
de coisa eu chorava, ficava magoada, mas pra gente”.

12 julho 2010
O papel da mídia é muito importante na divulgação, mas eu acho que
algumas coisas precisam ser feitas para mudar a imagem que as pessoas
têm. O Ford + é uma quebra radical desse padrão de magreza.

ESTILO PLUS SIZE acho isso importantíssimo, e se eu não fi-


O desejo de ser famosa e estampar as zesse nada esse padrão talvez nunca mu-
capas das revistas faz com que as meni- daria. A Ford é mais que uma agência, é
nas que não são naturalmente magras co- uma referência. Precisávamos fazer algu-
metam excessos e loucuras, muitas vezes ma coisa pra mudar essa ditadura”.
colocando em risco a própria saúde.
Preocupada com os padrões impos- MAIS INOVAÇÃO
tos pela mídia, de que a mulher ‘precisa’ Outra inovação da agência é o Ford
ser magra, Denise resolveu inovar e criou Models Lifestyle, que será desenvolvido a
o Ford +, um departamento voltado para partir do mês de julho. “Queremos mostrar
meninas com manequim 40 e 42, e as plus para as pessoas que amam moda, mas
size de manequim 44 e 46, que também que não possuem o biotipo de modelo,
são lindas, mas estão fora do padrão para que elas podem estar inseridas nesse meio
passarela, que é vestir 36/38. de outras formas trabalhando como stylist,
Supermodel Brazil, “As modelos que desfilam ficam ele- fotógrafo; a menina pode fazer teatro, o
etapa nacional do gantes e longilíneas com as roupas, mas menino televisão, ambos podem ser pro-
Supermodel of the as que fazem comerciais também são lin- dutores de moda ou dirigirem um desfile”.
Word: em mais uma das e podem ter uma carreira internacio- Muito determinada, Denise conta que
etapa do concurso nal, mesmo com o quadril 98, diferente quer estar presente o máximo que puder
Denise descobre os das que desfilam e têm quadril 89”. na vida de todos os seus modelos. “Eu
rostos mais bonitos O projeto inicialmente foi criticado por vejo tantos cursos acontecendo no país,
do país. Abaixo, ela algumas pessoas, mas Denise seguiu com e às vezes eles não são legais, as famílias
posa entre suas a ideia adiante. “Algumas pessoas não gastam dinheiro, então temos que ensinar
new faces. acreditaram que fosse dar certo, mas eu o correto, temos a obrigação de alertar”.

FOTO: DIVULGAÇÃO

14 JULHO 2010
Eu adoro o IMAGEM E PRODUTO a dar sopa para os pequenos; e aprendeu
Morumbi, Cuidando da carreira de modelos a com os pais a ter sempre os pés no chão.
acho o partir dos 14 anos (todos só viajam para “Eles me passaram bons valores e me en-
desfiles a partir dos 16), a empresária é sinaram a ter humildade, isso me fez ser
bairro uma muito respeitada e vista como ‘mãezona’ uma mulher diferente. Eu vejo as crianças
delícia, tem entre os funcionários. Sempre ouve todo da mesma idade dos meus filhos com apa-
mundo, dá colo, conselhos e se precisar relhos de última geração nas mãos, e eles
muita casa chamar a atenção, chama sem medo. não estão nem aí, nem usam”.
e muita área E quem pensa que vida de modelo é Apaixonada pelo Morumbi (Denise
verde. O único sempre cor-de-rosa, se engana. A concor- mora no bairro há 20 anos, desde que veio
rência é acirrada, é preciso muita persistên- para SP), ela conta que não se vê morando
inconveniente cia, a pressão pode mexer com o psicológi- em outro lugar.
é você não co, nem sempre o cachê é bom... “As pes- Os três filhos são prioridade, e apesar
soas só veem o lado glamouroso da carreira, de eles estarem inseridos na vida profissio-
poder sair a mas a vida de todos eles é bem difícil”. nal dos pais, nenhum quer seguir carreira
pé porque tem Os muitos altos e baixos da profissão de modelo. Relembrando uma brincadeira
muita subida e fazem com Denise esteja sempre atenta que fez em casa, ela volta a dar gargalha-
e os ajude a direcionarem as suas carrei- das. “Um tempo atrás estávamos brincan-
descida, então ras. O maior desafio, segundo ela, é lidar do de profissão e o Gabriel disse que ia
você precisa do com personalidades tão diferentes. “Eu ser jogador de futebol, a Giovanna ia ser
lido com os meus funcionários, falo com estilista e o Rafa (de cinco anos), primeiro
carro pra fazer as mães, com os pais, com os modelos, disse que ia ser lixeiro porque achava le-
tudo e eu sinto com o pessoal das filiais, então são mui- gal ficar pendurado no caminhão, depois
falta de poder tas surpresas. Eu tive que aprender a lidar desistiu e disse que quer ficar em casa co-
com o público, tive que aprender a falar e mendo biscoito de polvilho ou então, con-
fazer as coisas eu acho que esse foi o meu maior desafio, forme for, ele vai sentar na minha mesa ou
a pé, como ir à conseguir ter esse perfil de liderança”. na mesa do Décio e ser o dono”.
O amor entre a família é tão grande que
padaria, EX-MODELO, EMPRESÁRIA, ainda é dividido entre dois cães labradores,
por ESPOSA, MÃE, fILhA... Sol e Spike, uma maltês branquinha cha-
exemplo. Exemplo de mulher moderna, Denise mada Lyly; o Chico, um gato vira-lata acha-
sempre dorme depois da meia-noite, mas do na praia; o Elvis, um gato persa compra-
às 6h já está de pé para levar a filha, Gio- do para fazer companhia ao Chico e uma
vanna, de nove anos, para o colégio. Os tartaruga chamada Polly. “Cinco pessoas
meninos – Gabriel, de 13 anos e Rafael, de na família, cinco bichinhos”, brinca. “Eu en-
cinco – estudam no período da tarde. contrei o Chico enquanto corria na praia de
Formada em Educação Física, nunca Maresias, pensei que ele não fosse sobrevi-
exerceu a profissão devido às viagens nos ver porque estava muito doente, com pneu-
tempos de modelo, mas afirma que não monia. Eu acordava de madrugada pra fa-
abre mão dos exercícios. zer inalação nele, colocava bolsa térmica
Sem conseguir ficar em casa em tem- porque era bebezinho e não conseguia se
po integral apenas cuidando dos filhos, ela aquecer, o corpo estava sempre com a
conta que adora a vida agitada que leva. temperatura muito baixa e todo molinho”.
Questionada sobre sua vaidade, ela solta O gostar daquilo que faz e muita orga-
uma gargalhada e conta que mesmo sen- nização são pontos fundamentais para que
do ex-modelo, não liga muito para maquia- todo o seu trabalho dê certo. Mesmo com
gem e roupas de marca. muito talento e jogo de cintura para con-
Nascida e criada na cidade de Santos/ ciliar todas as atividades, ela diz que ‘não
SP, Denise teve uma infância diferente, cres- seria nada’ sem a ajuda e o apoio do ma-
ceu na praia, andando de bicicleta. Ainda rido. “Somos como uma balança. O Décio
criança acompanhava a mãe nas visitas ao é mais ativo em umas coisas e eu sou em
asilo da cidade ou em uma instituição que outras, completamos um ao outro e esse é
abrigava crianças carentes, onde ajudava o segredo do sucesso da Ford”.

16 julho 2010
PB

PRODUTOS & SERVIÇOS

W W W. D O L C E M O R U M B I . C O M ANUÁRIO DOLCE 2010 79


Ela pode ser média, pequena, feita
em casa, ‘tamanho família’ ou ter formato
de cone. Não se sabe exatamente onde
foi inventada, mas todo mundo a adora! Com grande
diversidade de recheios doces e salgados, as PIZZAS
estão sempre presentes e desde 1985 ganharam um
dia de comemoração – 10 de julho. Aqui no Morumbi
as famosas ‘redondas’ podem ser encontradas nos
quatro cantos do bairro, nas suas melhores e mais
gostosas variações. Tem salmão defumado, napolitana,
pepperoni, margherita, quatro queijos...
FOTOS: JAF

18 JULHO 2010
1 Brustolata Babbo Giovanni
Molho de tomate, mussarela de búfala,
manjericão, rúcula e tomate seco.
R$ 39 (grande)

2 Camelo Pizzaria Camello


Escarola temperada com aliche, ovo,
palmito, bacon e azeitona preta.
R$ 50 (grande)

3 Especial Burrata
Copa Gastronomia & Futebol
A redonda mais pedida no Copa, feita
com mussarela especial e tomate italiano
marinado. Ao sair do forno, recebe queijo
burrata e azeitonas pretas.
R$ 41 (grande) ou R$ 38 (média)

4 Afrodisíaca de Shiitake Mercatto


Shiitake puxado no shoyu, embebido em
vinho italiano Frascatti, manjericão, massa
crocante. R$ 45 (grande)

JULHO 2010 19
Gastronomia
5 De abobrinha Empório da Villa Molho de tomate, mussarela,
abobrinha temperada e queijo brie. R$ 33 (grande)

6 Parma Estação Quick Pizza Molho preparado com tomates


frescos, fatias de presunto cru tipo Parma, sobre mussarela
especial. R$ 50,90 (grande)

FOTO: JAF
DIVULGAÇÃO

7 Brasileira
A Esperança
Molho de tomate,
brócolis refogado no
azeite e alho com
uma leve camada
de Catupiry e bacon
crocante. R$ 47,80
DIVULGAÇÃO

(grande)

FOTO: JAF
8 Quatro Funghi
DIVULGAÇÃO

Cia. Brasileira de 9 Dolce Vita Juan de Marco


Pizza Molho de Peito de peru, maçã fatiada bem fininha e
tomate, mussarela, requeijão cremoso. R$ 33 (grande)
champignon,
shiitake, shimeji
e funghi secchi
refogados com
molho shoyu.
R$ 36,50 (grande)

10 De Sorvete Lemj Pizzaria Chocolate trufado, bolas de


sorvete italiano de creme, cobertura de chocolate, canudos
DIVULGAÇÃO

de biscoito e farofa de castanhas. R$ 45 (grande)

SERVIÇO
• A Esperança Av. Morumbi, 8185 – Tel.: 5533-5743 – www.pizzariaesperanca.com.br • Babbo Giovanni Rua Jamanari,
335 – Tel.: 3771-3666 – www.babbogiovannipizzaria.com.br • Camello Rua Marechal Hastimphilo de Moura, 73 – Tel.:
3747-4450 – www.pizzariacamelo.com.br • Cia. Brasileira de Pizza Rua dos Três Irmãos, 176 – Tel.: 3721-2985 – www.
ciabrasileiradepizza.com.br • Copa Gastronomia & Futebol Pça. Roberto Gomes Pedrosa, 01 – Portão 5 – Tel.: 2613-0890
www.restaurantecopa.com.br • Empório da Villa Rua Dr. Fonseca Brasil, 108 – Tel.: 3467-4070 www.emporiodavilla.com.br
• Estação Quick Pizza Av. Marechal Juarez Távora, 22 Tel.: 3744-7000 – www.quickpizza.com.br • Juan de Marco
Rua Luís Gonzaga de Azevedo Neto, 127 – Tel.: 3758-6988 – www.juandemarco.com.br • Lemj Pizza Av. Dr. Guilherme
Dumont Vilares, 874 – Tel.: 3772-4444 – www.lemj.com.br • Pizzaria Mercatto Rua Marechal Hastimphilo de
Moura, 93 – Tel.: 3746-6634 – www.pizzariamercatto.com.br

20 JULHO 2010
Claudia Castellan Por Claudia Castellan • Produção Renata Agostine
é consultora de imagem,
consultora de private O mês só está começando e você já está com o orçamento apertado? Ok, pode ser
label, especialista em
marketing de moda, que não compre uma roupa nova, uma bolsa, nem mesmo uma simples bijoux, mas
professora universitária
e do Senac, palestrante com certeza não vai deixar de comprar um lipgloss ou um esmalte novo! A maquia-
e autora de cursos na
área de moda. Site
gem é o que traduz o vocabulário conceitual da moda, tornando-a acessível a todas
claudiacastellan.com.br
que se inspiram nos desfiles. A indústria da beleza cada vez mais anda em sintonia
claudiall@ig.com.br
com as tendências e faz periódicos lançamentos. Há alguns anos esta indústria incre-
menta seus produtos e cores. Para esta estação, os roxos, os azulados, os cerejas e
cinzas em todas as gamas podem ser vistos desde catálogos de marcas populares
até nas mais sofisticadas embalagens dos importados de luxo.

Maquiagem
Como tendênCia temos três opções que se destaCam:
1 Uso moderado de maquiagem, deixando o rosto mais natural,
mesmo à noite. Os olhos são marcados com sombra cinza claro, e na
boca, batom ou hidratante nude e nada mais.

Duo de sombras 2 Os olhos são bem marcados com sombras em cores mais for-
tes, como cinza escuro e vinho, que cobrem das sobrancelhas até as
R$ 39,90
O BOTICÁRIO laterais do nariz. Os lábios podem ser em tons de nude, mas também
bem delineados em tons de vermelho, como o escarlate que, desde
os tempos de Marilyn Monroe, faz sucesso.
Encontrar o tom certo de vermelho também pode ser um desafio.
As mulheres de pele branca e cabelo castanho devem optar por tons
mais puros, as de cabelo claro ficam bem em cerejas suaves
que não gritam tanto.
Depois de escolhido o tom certo, você está quase pronta
para sair por aí. Lembre-se apenas que os batons verme-
lhos pedem uma maquiagem mais natural, especialmente
se usados durante o dia. Não esqueça também de carregar
um kit com o batom e um espelho para eventuais reto-
ques.

3 Para o dia-a-dia, nos olhos, rímel apenas nos cí-


Quick Blush – Minute High Impact Lip Colour lios superiores e apenas uma camada. Batom suave mas
Mocha Icon R$ 112, SPF 15 R$ 69, colorido e pouco brilho. Os tons rosados são modernos e
CLINIQUE CLINIQUE combinam com tudo.

22 julho 2010
Batom de longa duração Esmalte Pallet Secrets
R$ 79, (cada) M.A.C R$ 44, M.A.C R$ 130,
O BOTICÁRIO

E é claro, a pele sempre precisa parecer per-


feita e acetinada para ser o grande destaque
da maquiagem.
Sombra
TENDÊNCIA DE CORES R$ 31, (cada)
Se gosta de ousar e estar antenada, lápis de DUDA MOLINOS
olhos em tons de marinho e ameixa
são novas opções no lugar
do tradicional preto. Experi-
mente Crayon número 3 YSL,
Starry Plum Clinique, ou nú-
mero 6 Givenchy e o Brum Ma-
genta Dior, cremosos de ótima
fixação.

ESTÁ COM PRESSA?


Esfumace em cima que substitui a
sombra para o dia e, à noite, reforce o
traço, passe rímel e batom de cor mé-
dia e voilà! Batom: Color fever 308
Lancome; m11 Adcos, 07 para
noite e 722 para o dia Clarins,
Naive Dermage. Blush: só
para um ‘ar de saúde’
cor Framboise 943 Dior, Lápis de olho R$ 69, M.A.C
Mineralize Two Virtuos Batom R$ 69, (cada) M.A.C
M.A.C.

JULHO 2010 23
brantes e cintilantes devem ficar longe do
ambiente corporativo, principalmente se
seu ambiente de trabalho não é casual e
você tem mais de 25 anos. Opte por ro-
xos fechados ou tons claros cremosos,
pode ser colorido, mas mais discretos.

DicA: se você gostou da cor, mas


não do efeito matte, passe um extrabri-
lho por cima. Vale lembrar que unhas
Esmaltes longas estão há muito fora de moda.
Coleção Joias
Você sabe que as tendências se Místicas R$ 2,50
renovam com a chegada de novas es- SugeStão De coreS: (preço sugerido)
tações. Os esmaltes, por exemplo, Noite Quente da Colorama é um RISQUÉ
ganham novas tonalidades e efeitos. A roxo-claro aberto, Black Metal (preto-
moda agora é o esmalte efeito mat- metálico) Arezzo, Arábia (cinza cremoso)
te. A tendência já existe fora do Brasil Risqué, Vernis Please 09 (cinza-metá-
há algum tempo, mas por aqui, somente lico) Givenchy, Starlet (cinza-metálico)
agora as grandes fabricantes começa- Impala, New York (cinza-cintilante)
ram a investir na novidade. Como a linha Risqué, Arranha céu (cinza-escuro
MatteFluors da Impala. É nos desfiles de cremoso) Colorama, uva (uva-escuro) e
moda que podemos registrar essas mu- Pink Star (rosa-frio) da Avon.
danças e os lançamentos de novas co-
leções. Não restam dúvidas de que o hit Para quem gosta de claros vibrantes,
para a estação serão os tons de cinza um tom coral quase pink é uma ver-
e arroxeados. Os efeitos podem ser são mais colorida e divertida que ainda
cremoso, metalizado ou fosco (matte)! continuará no verão.

Vários estilistas optaram pelos tons Se o seu estilo é chique escolha Ri-
de cinza com efeito metálico, para ilumi- viera 537 ou Mistral 517, tons rosados
nar mais as unhas. A cartela de nuances lindíssimos, e o celeste esverdeado (o Coleção Penelope
tradicional tom celadom) Nouvelle Vague Charmosa R$ 2,75
é infinita, isso para que todas possam
527, todos chanel. (preço sugerido)
escolher o tom certo de cinza indepen- RISQUÉ
dente dos gostos!
Azuis e verdes fortes são bem Então, que tal deixar o misturinha tirar
vindos nas adolescentes, cores vi- férias?

Serviço
Ana Hickmann – SAC Aeger: 0800-7099440
Clinique MorumbiShopping – Av. Roque Petroni jr., 1089 – Tel.: 5189-6670
Contém 1G – Av. Giovanni Gronchi, 5819 – Tel.: 3739-3601;
MorumbiShopping – Av. Roque Petroni jr., 1089 – Tel.: 5189-4590
Duda Molinos (Drogaria Iguatemi) – Shopping Market Place
Av. Dr. Chucri Zaidan, 902 – Tel.:5542-1787
M.A.C Morumbi Shop.: Av. Roque Petroni jr., 1.089, Tel: 5181-7105
o Boticário Carrefour Tel.: 3742-1127;
Centro Empresarial Tel.: 3741-4526;
Extra joão Dias Tel.: 5851-7908; jardim Sul Tel.: 3742-0975
risqué SAC 0800 111145
ANA HICKMANN R$ 2, (preço sugerido)

24 julho 2010
10 perguntas

A Cia das A’artes nasceu há dez anos no bairro


do Morumbi, com raízes no ballet clássico, jazz
e forte influência na dança contemporânea. Des-
sa data em diante, transmite muita magia através
do movimento e alia o ambiente familiar ao profis-
sionalismo. Com o objetivo de aproximar a dança
entre todos que compartilham da mesma paixão,
a escola já formou muitos jovens que atualmente
estão no meio artístico. Hoje, com 40 bolsistas, a
Cia das A’artes continua a realizar sonhos, e a di-
retora geral Cláudia Albanese compartilha alguns
deles com a gente.

Por Fádua Capellari • Foto Jaf

A dança ao alcanceDe onde nasceu a sua paixão pela dança?


O Ballet é a minha vida, é o ar que eu respiro, é o meu
combustível para viver. Isso não é demagogia, quem
me conhece sabe o que eu falo, e por isso vou trabalhar,
investir e defender esta arte até o último dia da minha
vida. A Cia das A’artes é um ponto de encontro de artis-
tas da arte e do movimento, estímulo fundamental para
os apaixonados pela dança. E, quem sabe, um dia verei
esta profissão ter o reconhecimento que ela merece,
pois o nosso país está crescendo e vai precisar muito
de nós para ser um país, literalmente, desenvolvido.

Como foi sua trajetória nesse mundo?


Iniciei os meus estudos de Ballet aos cinco anos de
idade pelas mãos de minha mãe. Fui para a Escola
de Ballet Russo de Halina Biernarcka (in memorian),

26 JULHO 2010
grande referência no mundo da dança. Me formei e te e alimentação. Precisamos de pessoas dispostas a
comecei a lecionar aos 17 anos, e desde então a mi- contribuir com recursos para a formação desses jo-
nha paixão pela dança nunca mais parou de crescer. vens, que fazem desta oportunidade a chance de uma
Comecei como coreógrafa aos 20 anos, tive muitos vida melhor.
trabalhos premiados em festivais de âmbito nacional. O que você acha que falta para mais em-
Fui para Nova York aprimorar meus estudos e técni- presas aderirem a projetos como o seu?
cas, e então cresceu minha paixão pelo Jazz Dance
Falta um veículo de comunicação entre os órgãos
Contemporâneo, que leciono até hoje.
públicos e as empresas para a divulgação de leis e
projetos que, ao isentar e dirigir parte dos impostos,
Nesses dez anos, quais foram os maiores
poderiam atender e incentivar as necessidades do
ensinamentos que a Cia das A’artes
mercado na área cultural.
passou para seus alunos?
A Cia das A’artes jamais parou de crescer. Dançar faz Lembra de alguma história onde o esforço
bem para o corpo e a alma. É nossa missão aprimorar tenha realmente valido a pena?
a dança, e de todos que compartilham desta paixão, e
Tenho várias histórias de adolescentes que, através
é incrível como dá resultado. A qualidade de vida me-
da dança que eu pude ensinar, tirei da marginalidade
lhora muito, com o aumento da autoestima e da con-
das ruas e ofereci este caminho! A Arte de Dançar!
fiança. Muitos alunos que já passaram pelas minhas
mãos hoje são muito bem-sucedidos, seja atuando no
Qual foi o momento mais emocionante de
Miami City Ballet, Boston Ballet ou em musicais que
toda a sua carreira?
estão em cartaz, como Cat’s e Meu Amigo Charlie
Brown, e até em passarelas internacionais. Todas as premiações que eu e a escola conquistamos,
como o prêmio Dolce Vita Amigo do Morumbi, as via-
Com quais ritmos você mais se identifica gens internacionais, o aperfeiçoamento das técnicas
e, na sua opinião, quais são os maiores de dança, o momento de apreciação dos dez anos da
bailarinos na história da dança? Cia das A’artes... Destaco três que foram bem inten-
sos: o primeiro foi no maior festival de dança da Amé-
Na verdade a minha paixão sempre foi o Ballet clás-
rica Latina – O Festival de Joinville, e ganhar o primeiro
sico, mas os ritmos com que mais me identifico
lugar do Jazz, grávida do meu primeiro filho, Raphael.
são o Contemporâneo e o Jazz. Os bailarinos que
O segundo foi dançar grávida de nove meses e ir direto
fazem parte da minha história na dança são: Ady
para a maternidade ter o segundo filho, Rodrigo. E o

de todos!
terceiro, foi quando a minha filha, Ana Carolina, com
nove meses, entrou no palco engatinhando toda vesti-
da de bailarina. Haja coração!!!

Alguma vez já pensou em desistir?


Addor, Ana Botafogo, Cecília Kersche, Fernando Bu- Não. Sou artista e sonhadora, muitas vezes meu co-
jones, Halina Biernarcka (in memorian), Ilara Lopes, ração fala mais alto do que meu lado financeiro. En-
Ismael Guiser (in memorian), Márcia Haydée, Mikhail tão preciso de pessoas com o pé firme no chão ao
Baryshnikow, Rose Calheiros, Roseli Rodrigues (in meu lado, pois desta arte ninguém sobrevive, então
memorian) e Verônica Coutinho, que tenho muito or- deixe que a arte nos faça viver!
gulho, pois compõe o nosso corpo de professores.
Quais são os maiores planos para os pró-
Como está o projeto ‘Adote um bailarino’* ximos dez anos?
coordenado por você?
Que a escola e o projeto cresçam formando profis-
Hoje temos 40 bolsistas, a grande maioria com talento sionais de alto nível para o mercado. Através deste
nato e muito promissor no meio da dança. Por isso, dar reconhecimento público, como consequência de
a eles a oportunidade de uma realização profissional. todo o esforço.
E para continuar realizando esse sonho precisamos de
O projeto ‘Adote um bailarino’ oferece bolsas de estudo e tem como objetivo
ajuda. Temos despesas com aulas, uniformes, sapati- incluir jovens de comunidades carentes no meio artístico e profissional. Se
lha, figurinos, taxas para participar de festivais, transpor- quiser colaborar, ligue para a Cláudia, o telefone é 3773-6660.

julho 2010 27
Especial
Saúde&Bem-Estar

Mais saúde pra


Segundo pesquisa feita pelo Ibope, De acordo com a OMC – Organização
com duas mil pessoas de diferentes re­ Mundial da Saúde, para estar com as fun­
giões do país, o tema ‘saúde’ é o que ções do nosso corpo sempre em dia basta
mais preocupa os brasileiros – o núme­ seguir três passos:
ro que já era alto em 2006 (43%) saltou
para 63% em 2010. 1 Conseguir fazer uma dieta à base
Os dados mostram que marcar uma de alimentos saudáveis.
consulta médica já não é obrigação so­ Responsáveis por ajudar a manter o
mente de pessoas doentes. É preciso fa­ nosso organismo muito mais equilibrado
zer um check­up geral pelo menos uma – além de ser uma delícia – frutas, verdu­
vez por ano, mesmo que esteja se sen­ ras, legumes, cereais e peixes contribuem
tindo bem, pois em qualquer situação é também com o nosso sistema imunoló­
sempre o médico que vai avaliar as condi­ gico, deixando bem longe a obesidade,
ções físicas, o histórico familiar e os hábi­ doenças como a hipertensão, e até al­
tos de vida de cada paciente. Essa rotina, guns tipos de câncer.
quando adquirida, previne doenças gra­
ves e, consequentemente, salva muitas 2 Praticar pelo menos uma ativida-
vidas. de física regularmente.
Os exames também evoluíram e estão Além de dar um ‘chega pra lá’ no se­
muito mais precisos e sofisticados, o que dentarismo, os exercícios físicos pratica­
faz com que até casos mais graves sejam dos de maneira correta, e com o acom­
previstos e tratados com antecedência. panhamento de um profissional qualifi­

8 julho 2010
você
cado, trazem inúmeros benefícios, como
o fortalecimento dos músculos, melhora
na circulação e muito mais disposição
para o dia-a-dia.

3 Manter o peso normal


Problemas no trabalho, estresse e an-
siedade são itens que podem contribuir
para o aumento ou a perda de peso. Por
isso é necessário disciplina, determinação
e mudança de alguns hábitos, como os já
citados, para que se consiga conquistar e
manter o peso ideal.
Uma vida sem saúde e bem-estar é
uma vida sem qualidade.
Neste especial, Dolce mostra um ro-
teiro formado por clínicas, farmácias, spas
e diversos médicos especializados. Com
aparelhos e técnicas modernas, todos os
profissionais estão sempre prontos para
atender e oferecer os melhores tratamen-
tos seja qual for a sua necessidade.
ESPECIAL Saúde&Bem-Estar

DENTISTA

Sorriso, saúde e autoestima

FOTO: JAF
A frase acima é do poema de William Shakespeare “Eu
aprendi”. Também pertence ao mesmo poema a máxima “Um
sorriso é a maneira mais barata de melhorar sua aparência”.
“Todo mundo sabe que a saúde começa pela boca”, diz Dra.
Helena Miranda, da Clínica Única, que hoje é referência
não só para solucionar as dores de dente, mas também
em cuidados com a estética do sorriso. Restaurações
estéticas, instalação de aparelhos ortodônticos, inclusive para
adultos, implantes e clareamentos são alguns dos serviços
oferecidos pela clínica, pois boa saúde e estética bucal são
fundamentais na recuperação da autoestima e na melhora do
desempenho profissional.
Clínica Única CROSP 58161 Excelência em Odontologia e Otorrinolaringologia
Rua Edward Joseph, 122 Mezanino – Portal do Morumbi – Tel.: 3743-6010

CIRURGIA TORÁCICA

Cirurgiões torácicos a um passo de nós


O sucesso da parceria entre os cirurgiões
torácicos Davi Kang, Fabiano Engel, José
Ribas Milanez e Laert Andrade resultou
na criação da INTOR Cirurgia Torácica,
a mais nova empresa da região do
Morumbi, especializada em tratar doenças
relacionadas ao tabagismo, hiperidrose,
tuberculose, pneumonia etc.
Médicos presentes há mais de vinte
anos no Hospital Israelita Albert Einstein,
atualmente também integram a equipe
de profissionais do Hospital Leforte. E
visando ampliar o atendimento, informar
e esclarecer dúvidas, este mês a INTOR
lança seu site, o www.cirurgiatoracica.
med.br. Nele, além de muito conteúdo,
as pessoas poderão conhecer melhor o
trabalho de cada doutor e quem são seus
parceiros ao longo dos anos.

INTOR Cirurgia Torácica CRM 52843 – Tel.: (11) 2151-3221 – www.cirurgiatoracica.med.br

30 JULHO 2010
JULHO 2010 31
ESPECIAL Saúde&Bem-Estar

ORTODONTIA

Novos conceitos em
ortodontia e prevenção
Ao perceber que no Morumbi não havia clínicas voltadas
especificamente para ortodontia adulto e infantil, a cirurgiã-dentista e
mestre em Ortodontia Try Subtil abriu, há quase seis meses, em uma
das ruas mais movimentadas do bairro, a Clínica OCA e trouxe opções
inovadoras de aparelhos ortodônticos estéticos, como o Invisalign, e
também produtos importados para quem busca correção dentária.
As instalações remetem a conforto e descontração, com itens como
internet sem fio, TV a cabo, DVDs e cadeiras massageadoras, que
pouco lembram um consultório. Para prestar completa assistência a
crianças e adolescentes, a ortodontista criou o Programa Crescendo
sem Cáries, um estímulo a mais aos cuidados da saúde bucal.

Clínica OCA – Rua Marechal Hastimphilo de Moura, 277 – Tel.: 3742-1615


Das 8h às 19h de seg a sex e sáb alternados – Estacionamento – www.clinicaoca.com.br

FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO

Saúde sob medida


Na farmácia Silícea todos os funcionários são treinados para uma
manipulação com qualidade e utilizando as melhores matérias-primas
do mercado, vindas da França, Japão, Itália e outros países. Com seis
laboratórios para manipulações, você encontra as melhores opções
em medicamentos, dermocosméticos, homeopatia, além de outras
especialidades, e também produtos das marcas Weleda, Boiron e
Heel. Faça uma visita, conheça a variedade de produtos e comprove
a qualidade também no atendimento!
FOTOS: JAF

Farmácia Silícea
Rua Marechal Hastimphilo de Moura, 277 – Tel.: 3746-9666

32 JULHO 2010
JULHO 2010 33
ESPECIAL Saúde&Bem-Estar

GASTROENTEROLOGIA

Centro de Cirurgia da Obesidade e Gastroenterologia


Excelência em diagnóstico, acompanhamento e tratamento do aparelho digestório
Os pilares do CCO Gastroenterologia Dr. Thomas Szegö, especializado em
cirurgia de obesidade e diabetes tipo 2, baseiam-se no profundo conhecimento e
na incansável busca pelo aperfeiçoamento, individualizando cada caso. A equipe,
coordenada pelo Prof. Dr. Thomas Szegö, promove a integração multidisciplinar
e permite ao paciente a abordagem plena de seu problema, e atua também em
ambiente hospitalar realizando acompanhamento no pós-operatório imediato. O
centro é referência nacional e internacional no tratamento da Obesidade Mórbida e
cirurgia de diabetes tipo 2.

Centro de Cirurgia
da Obesidade
Gastroenterologia Dr.
Thomas Szegö
Rua José Jannarelli, 199 – cj. 165
16º A - Tel.: 3722-0054
FOTOS: JAF

www.ccogastro.com.br

ALIMENTAÇÃO

Qualidade de vida
além do natural
Ao sofrer com a dificuldade em encontrar produtos para o filho
celíaco (intolerante ao glúten), a empresária Vivianne Ayub
decidiu abrir no Morumbi
a Além do Natural, loja
especializada em produtos
naturais, orgânicos e alimentos
especiais para quem tem
restrição alimentar (sem
lactose, glúten, açúcar, ovo).
O atendimento é feito
por equipe treinada
pela nutricionista Natália
FOTOS: JAF

Colombo, pós-graduada em
Nutrição Clínica e Funcional e
com especialização pelo “Institute for Functional Medicine” nos
EUA. Além de plantão de dúvidas na loja, Dra. Natália também
atende em consultório no local. O espaço ainda oferece centro
de bem estar com esteticista e massoterapeuta, além de
estacionamento e delivery.
Além do Natural Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 800
(próx. Portal do Morumbi) – Tel.: 3739-4945 – De seg a sáb das 9h às 18h
Aceita cartões www.alemdonatural.com.br

34 JULHO 2010
DERMATOLOGIA

Alta qualidade em
dermatologia

A Dra. Thaís é
dermatologista com
residência médica
pelo Hospital das
Clínicas, mestre
em dermatologia
pela Faculdade de
Medicina da USP
e especialista pela
Sociedade Brasileira
de Dermatologia.

Desde 2002 prestando serviços odontológicos


no Morumbi, a Clínica Pincelli, em 2009, iniciou
atendimento na área de dermatologia com a chegada da
Dra. Thaís Prota Hussein Pincelli, que presta atendimento
humanizado e individualizado. Na clínica o paciente
é submetido a um exame dermatológico completo
e minucioso em cada consulta. Além das melhores
soluções estéticas, conta com diagnóstico e tratamento
de diversas doenças dermatológicas, como acne, vitiligo,
micoses, psoríase, alergias e queda de cabelo.

Clínica Pincelli CRO-CL-5687


Rua Nelson Gama de Oliveira, 287 – Tel.: 3772-4313
Estacionamento próprio – www.clinicapincelli.com.br
Resp. Técnico Dr. Narciso Pincelli CRO 15.084 Dra. Thaís Prota Hussein Pincelli CRM 120.791

JULHO 2010 35
ESPECIAL Saúde&Bem-Estar

PILATES E RPG

Pilates e RPG com foco em resultado


O Studio Vida Pilates oferece atendimento personalizado, para
turmas de apenas três alunos, com foco no bem-estar e nos
resultados. Também oferece cursos para formação de profissionais
em RPG e é a única no Panamby que forma profissionais em Pilates.
Studio Vida Pilates Rua Almaden, 19 – Tel.: 2307-3150

OFTALMOLOGIA ACUPUNTURA
Cuide bem do seu olhar Acupuntura
Com mais de 30 anos de experiência, 12 só no Mo-
rumbi, o oftalmologista Dr. Carlos Américo Sampaio
e cristais
de Campos atua com seriedade e competência nas O terapeuta Marcelo Haddad
áreas clínica e cirúrgica. A clínica atende particulares, utiliza da acupuntura e das
reembolso e convênios. pedras e cristais para promover
a limpeza dos sete chacras,
Dr. Carlos Américo dos sete campos energéticos
Sampaio de Campos CRM 29317 promovendo Bem-estar e equilibrando a saúde
Morumbi – Rua José Jannarelli, 199 do seu corpo! Experimente o poder dessas duas
cj. 135 – Tel.: 3721-9763 / 3721-4822
Centro – Rua Marquês de Itu, 58 terapias combinadas!
7º and – Tel.: 3255-0235 / 3255-5134 Marcelo Haddad – Tel.: 7997-7722

SPA

Energia vital:
permita-se essa sensação!
Voltado ao relaxamento e às terapias complementares, o
Espaço Prana é um cantinho aconchegante aparte do estresse de
São Paulo. O barulhinho de água, a música ambiente, a iluminação
difusa e a aromaterapia no ar são convites à busca de equilíbrio e
bem-estar. Para este inverno, três opções de terapia vão te aquecer:
Candle Massage – massagem relaxante, feita com uma parafina
cosmética especial aromatizada com óleos essenciais e aquecida –,
Massagem das Pedras Quentes – realizadas com pedras vulcânicas
aquecidas e aplicadas sobre pontos específicos do corpo – e
Banhos de Ofurô, feitos com maracujá, chocolate, vinho e ervas.

Espaço Prana
Jardim Sul – Av. Giovanni Gronchi, 5819 – Tel.: 2667-2016 – De seg a sáb das 10h às 22h e dom e fer das 14h às 20h
Itaim – Rua Prof. Atílio Innocenti, 631 – Tel.: 3044-7444 – De seg a sex das 9h às 21h e sáb das 9h às 18h
www.espacoprana.com.br

36 JULHO 2010
PRODUTOS ODONTOLÓGICOS IMPORTADOS

Apoio total aos profissionais da odontologia


A ShiZen DENTAL iniciou suas atividades em 2002 com uma proposta inovadora e audaciosa.
Atenta às necessidades dos profissionais da área, trabalha com uma equipe totalmente sintonizada
com o mercado e capacitada a oferecer o que há de mais avançado em produtos aplicados a
odontologia, garantindo sempre qualidade, procedência e preços bastante competitivos.
A ShiZen DENTAL trabalha com produtos Importados de alta qualidade tais como:
Bisco, Hu-Friedy, Kettembach, Bosworth, Bausch, Shofu, Kuraray,
Baumer, Ribbond, GC America, Miltex, Zhermack, FGM entre outras.

ShiZen DENTAL Produtos Odontológicos Importados


Rua Dr. Luiz Migliano, 870 – sl. 16 – Tel.: 3743-1595 – www.dentalshizen.com.br

JULHO 2010 37
ESPECIAL Saúde&Bem-Estar

OFTALMOLOGIA E NEUROLOGIA ENDOCRINOLOGIA

O paciente em primeiro lugar Você gostaria de não ter fome?


Sempre pronta a prestar um atendimento
Acha que isso o ajudaria a perder peso?
de qualidade, a Neuroft realiza consultas
Todos os dias pessoas buscam um remédio
oftalmológicas de rotina, como exames de acuidade
que facilite a perda de peso, subtraindo
visual, refração, mapeamento da retina e outros,
a fome. A obesidade cresce como uma
urgências e cirurgias
pandemia no mundo, provando que
e atendimentos
a ideia de reduzir a fome é ilusão. As
neurológicos e casos
pessoas comem sem ter fome, e por
neurocirúrgicos
uma falha da saciedade continuam com
(doenças da coluna,
fome após uma refeição e comem mais
mal formações,
do que deveriam. Condicionam o
hidrocefalia, tumores)
metabolismo à lentidão através de
em crianças e adultos.
um estilo de vida repleto de hábitos
Os pacientes são
errôneos, aumentando o peso e
atendidos sem limite
desenvolvendo comorbidades
de tempo para as
como diabetes, hipertensão e
consultas e sem
alterações do colesterol.
restrições para exames complementares.
Dr. Alexandre Ferreira
Neuroft Health Care Av. Dr. Guilherme Dumont
Av. Giovanni Gronchi, 5443 – Cj. 54 – Tel.: 3501-0019
Villares, 839, cj. 32
De seg a sex das 9h às 18h, sáb das 9h às 12h
Tel.: 3739-1589
Aceita Mastercard e Visa – Estacionamento com valet
www.dralexandreferreira.com.br
www.neuroft.com.br

QUIROPRAXIA FONOAUDIOLOGIA

Saúde pelas mãos Restabeleça sua


Quiropraxia significa “prática com as mãos” e existe comunicação
há mais de 100 anos nos Estados Unidos. Pode ser
usada em pessoas de todas as idades que apresentem Instalada nas proximidades do
dores na coluna, cabeça, articulações, hérnia de Portal do Morumbi, a
disco, ATM etc., através de ajustes nas articulações. Audífono Clínica
É com essa técnica que Priscila Nilson, Diretora da Fonoaudiológica,
Associação Brasileira representante da marca
de Quiropraxia, em seu Phonak de aparelhos
consultório no Morumbi, auditivos, oferece
trata problemas de saúde atendimento com
sem medicamentos fonoaudiólogas mestres
ou cirurgias, de forma e especialistas,
diferenciada e eficaz, com avaliação do
o objetivo de otimizar, processamento
corrigir e manter o correto auditivo central (PAC)
funcionamento do sistema e terapia.
nervoso e corpo. Visite nosso site
ou entre em
Quiropraxia Morumbi contato!
Rua Nelson Gama
de Oliveira, 311 cj. 116
Tel.: 9236-0066 Audífono Clínica Fonoaudiológica
Estacionamento Rua Edward Joseph, 122 – cj. 91 – Tel.: 3744-8970
quiropraxiamorumbi.com www.audifonoaudiologia.com.br

38 JULHO 2010
DENTISTA

Reabilitação oral:
saúde e beleza em um único sorriso. O passo-a-
passo da
Reabilitação
É inevitável: o primeiro ponto observado ao se conhecer ou encontrar Oral
alguém é o sorriso. Ele é um dos grandes responsáveis pela qualidade
1 Com base em exames, o
de nossos relacionamentos e também pela nossa autoestima, humor,
cirurgião-dentista faz um
saúde e bem-estar.
pré-diagnóstico.
Talvez seja por isso que a Reabilitação Oral venha sendo cada vez mais
2 Para fins de avaliação, a
procurada por diversas classes sociais, não só com fins funcionais
arcada dentária do paciente é
mas, de maneira crescente, por motivos de aparência. “É um dado
reproduzida em molde
que vem obrigando a nós, cirurgiões-dentistas, a nos aprofundarmos
de gesso.
em técnicas avançadas de aperfeiçoamento estético”, comenta a Dra.
Lorena Loreiro, proprietária da clínica Odonto Morumbi. 3 Um aparelho analisa os
movimentos da engrenagem
Além de oferecer recursos variados para a realização da Reabilitação
bucal durante a mastigação.
Oral, como a Implantodontia, a Ortodontia e a Odontologia Estética
(coroas e facetas de porcelana, próteses livres de metal, clareamento 4 Um novo diagnóstico
a laser etc.), a clínica Odonto Morumbi tem grande preocupação com identifica quais opções de
os procedimentos que antecedem o tratamento. reabilitação poderão ser
escolhidas pelo dentista e o
paciente.
Proporcionamos aos nossos pacientes uma 5 É planejada a reconstrução
prévia dos resultados estéticos que serão obtidos, das engrenagens anatômicas
através de moldes de gesso. Esta prática implica dos dentes, dando início ao
em tratamentos mais transparentes, seguros e tratamento que, ao longo das
satisfatórios. Dra. Lorena Loureiro sessões, criará uma harmonia
estética dos dentes.

A Reabilitação Oral tem eficácia comprovada na melhora da saúde, 6 O processo pode durar de 6
corrigindo falhas de ausência, posicionamento, formas e tonalidades a 12 meses, dependendo do
dos dentes – fatores que comprometem funções básicas como mas- perfil de cada paciente e das
tigar, sorrir e falar. técnicas adotadas.

Em muitos casos, a falta ou a demora no tratamento favorecem qua-


dros crônicos de dores de cabeça, traumas dos músculos faciais,
problemas nutricionais e psicológicos, fazendo-se necessários acom-
panhamentos complementares como fonoaudiologia, fisioterapia e
cirurgia plástica.
“Muitos me perguntam qual a idade certa para realizar o tratamento ou
se existem restrições em idosos. Mas o fato é que, uma vez atentadas
e respeitadas as condições de saúde do paciente, não há impeditivos
ao procedimento. É sempre bom lembrar que nunca é tarde para ter
um sorriso bonito e saudável”, finaliza Dra. Lorena.

Odonto Morumbi
Rua Edward Joseph, 122. cj 92. Portal do Morumbi – Tel.: 3461.0226 e 3742.5081

JULHO 2010 39
EspEcial Saúde&Bem-Estar

fonoaudiologia aliMentação

linguagem oral nutrição e


e escrita controle de peso
Especialista em linguagem e Se você quer mais energia, dis-
mestranda em distúrbios da posição, vitalidade, bem-estar
comunicação, a fonoaudióloga Mayra Camargo e controlar o seu peso de forma
trabalha com crianças de 0 a 12 anos de idade. Com saudável, o programa Herbalife é
fonoterapia infantil que foca o desenvolvimento de uma excelente opção para atingir
linguagem oral e escrita, aperfeiçoamento do siste- esses objetivos com sucesso.
ma sensório motor oral, respiração, mastigação e “Reduzi 20 kg com o programa
deglutição. Além de controle de peso da Herbalife,
de acompanhar me sinto ótima, saudável e feliz!
o desenvolvi- Atuo na região do Morumbi, auxi-
mento auditivo e liando as pessoas
de linguagem de a terem o mesmo
bebês. Pres- êxito que eu na
ta assessoria luta contra a balan-
escolar, atendi- ça”, conta, feliz, a
mento individual consultora Patrícia
no consultório e Potenza.
domiciliar.
Patrícia Potenza
Mayra Moslavacz de Carmargo Distribuidora independente Herbalife - Ligue e marque uma visita!
Rua José Jannarelli, 199 – cj. 144 – Tel.: 3722-4938
Tels.: 3501-6871 e 8187-4811 / Nextel: 7833-6909
De seg a sáb das 8h às 20h – Estacionamento
E-mail: patypotenza@terra.com.br

odontologia do sono pilates

Qualidade de sono e de vida treinamento


A apneia e o ronco são distúrbios respiratórios híbrido
que podem causar problemas que vão
O studio along oferece mais um
desde os de caráter social até aci-
trabalho personalizado, que é o
dentes vasculares cerebrais (AVC).
Treinamento Híbrido, que consiste
dr. douglas Bellomo, proprietário da
em Treinamento Funcional, Pilates,
Clínica Ortomax, trata desses males do
Plataforma Vibratória, Musculação
sono, sem necessidade de cirurgia ou
e Aeróbico. Essas modalidades
dor, através de um aparelho intra-oral,
juntas proporcionam melhoras nas partes cardiovas-
que é encaixado nos dentes. Usado
cular e respiratória, oferecem consciência corporal,
durante o período do sono, o apa-
concentração, equilíbrio, forta-
relho consegue diminuir ou até
lecimento muscular, aumento
mesmo eliminar a apneia e
da massa óssea, melhora
o ronco, com aceitação
no alongamento. Com tudo
de até 90% dos pacien-
isso, você trabalha mo-
tes tratados, e em 40%
vimentos que ajudam
desses pacientes a efi-
nas suas atividades do
cácia foi de 100%.
dia-a-dia e também na
execução do seu esporte
predileto.
Clínica Ortomax
Rua Itapeva, 500 Along Pilates – Rua Amélia Correa Fontes de
sala 7C – Tel.: 3171-2010 Guimarães, 271 – Tel.: 3721-3853 – De seg a sex das
www.ortomax.odo.br 7h às 20h e sáb das 8h às 11h – www.along.com.br

40 julho 2010
Centro inFantil de atividades FísiCas

Consciência corporal
desde pequeno!
Em maio, chegou ao Morumbi a americana My Gym Children’s
Center Fitness, um centro infantil de atividades físicas que utiliza
a ginástica artística como base para o desenvolvimento global
da criança. A partir de 6 semanas até 13 anos, os pequenos se
exercitam de forma a aumentarem a resistência física, o equi-
líbrio, a coordenação e habilidades motoras, que resultam em
consciência corporal, trabalho em equipe e habilidades esporti-
vas. O ambiente não-competitivo torna a convivência com outras
crianças favorável para se desenvolverem socialmente e o mé-
todo contribui para que o aluno tenha alto nível de confiança e
autoestima. Em julho, programação especial de férias.

My Gym – Rua Abdo Ambuba, 130 (altura do 5300 da Av. Giovanni Gronchi)
Tel.: 5524-2631 – De seg a sex das 8h30 às 17h30 e sáb das 8h30 às 12h30 – Estacionamento – www.mygymbrasil.com.br

julho 2010 41
Test Drive
Renato Corrêa Após vender 160 mil unidades
é jornalista,
diretor do Jornal
do C3 no Brasil, onde é
Off Road, piloto das
categorias Turismo,
Kart, Rally Cross
fabricado desde 2003, a
Country, Enduro e
Rally com Motos. Citroën lança mais uma
É morador do
Morumbi. versão do bem sucedido
E-mail: rcorrea@
aclnet.com.br compacto. Buscando atender de
maneira mais refinada, oferecendo
mais conforto e tecnologia,
surge o C3 Plus.

42 JULHO 2010
CONFORTO Na versão que usamos, a Exclusive,
o pequeno Citroën oferece itens de conforto en-
contrados em modelos acima dessa categoria de
veículos: câmbio automático com opção de troca
manual (sequencial), regulagem de volante em al-
tura e profundidade, acendimento automático dos
faróis, acionamento automático dos limpadores de
para-brisa, sensores de aproximação que auxiliam
nas manobras, qualidade no acabamento interno
com descanso de braço para os bancos dianteiros,
entre outros. A Citroën oferece, ainda, o Solaris,
com teto solar.

DIREÇÃO ELÉTRICA E FREIOS ABS O sistema


de direção elétrica do C3 apresenta algumas van-
tagens em comparação com os sistemas hidráu-
licos convencionais dando maior prazer e mais
segurança na condução, seja na cidade ou na
estrada, porque o volante mantém o peso corre-
to em qualquer circunstância. O sistema de freios
do C3 conta com ABS e distribuição eletrônica da
potência do freio, EBD.
A estratégia da marca francesa é tornar o C3 2011
um dos modelos mais competitivos do segmento.

HISTÓRIA E ÍCONES Foi em 1919 que André


Citroën fundou a Citroën e desde os anos 1970
ela faz parte da PSA Peugeot Citroën. Sempre à
frente em ideias e soluções, a marca esteve cons-
tantemente inovando.
Já em 1928, a Citroën lançou o primeiro veícu-
lo construído totalmente em metal, descartando a
tão usada madeira.
Ainda no início do século XX, André Citroën pa-
trocinou expedições para a Ásia e para a África
com o objetivo de demonstrar a qualidade de seus
veículos.

JULHO 2010 43
pensão eletrônica. Ainda em
1955, o modelo DS (conheci-
do por “boca de sapo”) surgia
como o 1º veículo a ter o freio
dianteiro assistido por discos.
Simples e ao mesmo tem-
po inovador, o 2CV foi um
dos responsáveis pelo transporte
motorizado na França após a Segunda
Em 1934 a Citroën lançou o 1º veí- Guerra – um carro barato, resistente e
culo com tração dianteira, o Traction prático.
Avant, acompanhado por outros fabri- Em 42 anos de fabricação do 2CV
cantes 30 anos depois. Hoje, a grande o veículo passou por várias alterações
maioria dos automóveis tem a força pro- sem, contudo, perder sua identidade,
pulsora no eixo dianteiro. qualidade, eficiência e charme. Pode-
De grande importância na história mos admitir que foi o primeiro veículo
do automóvel estão o Citroën Légère supostamente ecológico, pois rodava
(Traction Avant) fabricado nos anos 1940 de 20 a 25 km com um litro de gasolina
e 50, o lendário 2CV fabricado de 1948 a O pequeno Citroën foi montado na
1990 e o DS produzido de 1955 a 1975. fábrica de Forest, perto de Bruxelas, na
Em 1955 a fábrica francesa com fábrica de Vigo, na Espanha, na Inglater-
sede em Paris lançou no mercado o ra, em Portugal e, ainda, na Argentina,
primeiro veículo com suspensão hidrop- Chile, Grécia, Irã e Madagascar. Foram
neumática ou hidráulica. Talvez esse fabricados mais de cinco milhões de
tenha sido o primeiro passo para a sus- unidades do modelo francês.

O RALLYE E A CITROËN
A Citroën tem uma longa tradição de participação em ra-
lis, desde os anos 1930. Participou do Rallye de Monte
Carlo de 1959 a 1965, e esteve presente em edições
do Rallye do Marrocos e Rallye da África.
A partir de 1973, com a criação do WRC (World Rally
Championship), organizado pela FIA (Federação Inter-
nacional de Automobilismo), a Citroën teve várias par-
ticipações no circuito, tendo inclusive chegado em 7º
lugar em sua primeira participação no ano inaugural
do campeonato. A partir de 2003 a Citroën começou
uma história de sucesso com vitórias expressivas.
Em 2010 a Citroën está forte no WRC com partici-
pação de grande destaque em duas etapas, Méxi-
co e Portugal, onde ocupou os três degraus mais
altos do pódio, estando ainda no pódio em todas
as provas. Com seis provas realizadas neste ano,
a marca francesa lidera o ranking de construto-
res com 189 pontos.

44 JULHO 2010
Em foco

Copa e Confraria no Casuale


A Confraria Feminina do mês de junho foi em clima de torcida. No dia
15 de junho, o Bar e Restaurante Casuale, se vestiu de verde e ama-
relo para receber as ‘comadres’, seus maridos e filhos para a estréia
da seleção brasileira na Copa do Mundo 2010. Com muita vibração,
apitos e vuvuzelas, todos ficaram de olho em cada lance da partida,
transmitida no telão. Enquanto a bola rolava, comidinhas e bebidi-
nhas eram servidas. No final da partida, quem acertou o bolão, ga-
nhou um par de ingressos para uma sessão de cinema do Cinemark.
SERVIÇO Bar e restaurante Casuale – Rua Dr. Fonseca Brasil, 282
Tel.: 3744-9444 – www.casuale.com.br

Mini Estádios
Em clima de Copa do Mundo, o Shopping Market Place apresentou uma exposi-
ção inédita, de 15 a 27 de junho, com 21 maquetes de importantes estádios de
Santiago futebol do Brasil e do mundo, feitas por Edilson Santana. Estádio do Morumbi,
Bernabéu Pacaembu, Palestra Itália (São Paulo), Maracanã (Rio de Janeiro), Vila Belmiro
(Santos), Mineirão (Belo Horizonte), La Bombonera (Argentina), Santiago Berna-
béu (Madrid), Internacional Yokohama Stadium (Japão), e o cenário final da Copa
do Mundo, o Soccer City Stadium, localizado na cidade de Joanesburgo, foram
FOTOS: DIVULGAÇÃO

alguns dos belíssimos trabalhos mostrados.


SERVIÇO
Maracanã Shopping Market Place
Av. Dr. Chucri Zaidan, 902
Tel.: 3048-7000
www.marketplace.com.br

Estádio do Morumbi
La Bombonera

46 JUNHO 2010
Em foco

Reinvenção é tema do segundo Workshop Empresarial


Cerca de 40 pessoas, a maioria delas empresários do Morumbi, esti-
veram presentes no segundo Workshop Empresarial promovido pela
revista Dolce, realizado no dia 24 de junho no restaurante Casuale. A
palestra deste encontro, “O Marketing na era do Nexo”, foi proferida pelo
publicitário Zé Luiz Tavares, da Nexial. Zé Luiz falou sobre a necessidade
de reinvenção, a neurociência e as decisões, das decisões por repetição,
além de dar dicas valiosas de empreendedorismo.
SERVIÇO www.morumbi360.com.br/workshop

48 JUNHO 2010
Nova loja Pão de Açúcar no Panamby
Dia 24 de junho, a região ganhou mais uma loja Pão de
Açúcar. Com 980 m², 62 vagas de estacionamento e mais
de 21 mil itens, a unidade Panamby teve todo o seu pro-
jeto, do começo ao fim, minuciosamente desenhado para
atender ao perfil dos frequentadores do bairro. Com foco
no atendimento diferenciado, a loja traz facilidades como
serviços de atendente de vinhos, consultora de clientes,
serviço de encomenda para jantares, entrega em domicílio,
pedidos antecipados de carnes por telefone, entre outros.
Segundo o diretor de operações da rede Pão de Açúcar,
João Edson Gravata, o Panamby é uma região de grande
importância para a rede. “Esta é nossa 59ª loja na cidade
foto: divulgação

de São Paulo, e a quinta na região do Morumbi. Estamos


muito felizes em estar mais próximos e oferecer mais facili-
dades aos moradores da região’ diz João Edson.
SERVIÇO
Pão de Açúcar Panamby
Rua José Ramon Urtiza, 1000 - Tel.: 3773-7620
www.paodeacucar.com.br

Na foto Gaada Spiridon, João Edson Gravata e


Camila Conti do Pão de Açucar

junho 2010 49
Em foco

foto: divulgação
Inglês ao seu alcance
Inaugurada em janeiro de 2010, a Lexi-
cal oferece cursos de inglês para adul-
tos com formação em apenas dois anos.

fotos: divulgação
As aulas são divididas em duas horas
semanais, superdinâmicas, e buscam o
aprendizado por meio da interação, com
um material bem didático e temas volta-
Noite baiana no Morumbi dos aos profissionais que estão no mer-
Nos dias 22 e 23 de junho, Maurício Ganzarolli recebeu, em seu cado de trabalho. Perfeito para vencer
Bananeira Morumbi, o premiado chef Beto Pimentel, dono do ba- toda e qualquer dificuldade.
dalado restaurante Paraíso Tropical, de Salvador, único restaurante SERVIÇO
brasileiro premiado pela Cordon Bleu. O jornalista Chico Pinheiro Lexical – Av. Dr. Guilherme Dumont. Villares, 420
esteve por lá prestigiando o evento. Tel.: 3501-3843 – www.lexical.com.br
SERVIÇO Restautante Bananeira Rua Marechal Hastimphilo de
Moura, 417 – Tel.: 3502-4635 – www.bananeiramorumbi.com.br

Colégio GDV representado


foto: divulgação

na África do Sul
Uma promoção colocou o aluno do Co-
Encontro Hispano-Americano légio Guilherme Dumont Villares, Juliano
Severo de Lunardi, de 16 anos, no grama-
Com o objetivo de promover a cultura e os costumes dos países do do estádio Ellis Park, em Joanesburgo,
de línguas espanhola e inglesa, o CNA Morumbi realizou no dia junto à seleção brasileira no dia 15 de ju-
17 de junho o 1º Encontro Hispano-Americano, com diversas nho. O vídeo feito por ele venceu a promo-
apresentações culturais, feira do livro e comidas típicas. Durante ção “A Sony acredita no time do seu colé-
todo o evento, o Espaço de Bem-Estar foi superconcorrido com gio”, e Juliano foi um dos carregadores da
as massagens do Kalmma SPA e as demonstrações dos produ- bandeira FIFA Fair Play no jogo de estreia
tos da linha Neutrogena e La Roc, da Johnson & Johnson. Uma do Brasil na Copa da África.
belíssima apresentação de dança flamenca foi realizada pela Cia
SERVIÇO
das A’artes, e no final foram sorteados diversos brindes.
COLÉGIO GUILHERME DUMONT VILLARES
SERVIÇO CNA Morumbi Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 723
Av. Jorge João Saad, 560 – Tel.: 3501-9444 – www.cna.com.br/morumbi Tel.: 3501-1473 www.col-dumont.com.br

50 junho 2010
junho 2010 51
fotos: divulgação Em foco

Festa em todas as unidades do Porto Seguro


Durante três finais de semana seguidos no mês de junho, o Colégio Visconde de
Porto Seguro promoveu festas juninas em todas as unidades (dia 12, na unidade I,
dia 19 na unidade II e dia 26, das unidades Portinho, realizada também na unidade II).
Nas festas, brinquedos gigantes, barraquinhas, danças folclóricas, queimas de fogos,
palco com música ao vivo. O tema para este ano foi “Em ano de Copa, São João é
capitão!”, em homenagem ao Mundial de futebol.
SERVIÇO Colégio Visconde de Porto Seguro www.portoseguro.org.br

Tradição no Portal
Tradicional no bairro, a festa junina do Condomínio
Portal do Morumbi, realizada no dia 19 de junho,
mais uma vez foi um sucesso! Diversas delícias ju-
ninas, um animado bingo promovido na barraca do
Shopping Portal e apoiado pela Dolce e shows ani-
maram os presentes. Para fechar a noite com chave
de ouro, as quase oito mil pessoas que passaram
por lá assistiram a uma linda queima de fogos.

Na Ursinho Branco, diversão para a garotada


A homenagem a São João esteve presente também na escola Ursinho Branco. No dia
19 de junho, os alunos e suas famílias participaram da festança promovida pela escola.
As crianças e seus pais cantaram e dançaram juntos e participaram de brincadeiras.
SERVIÇO Escola Ursinho Branco www.ursinhobranco.com.br
fotos: divulgação

Dica PET Meu gato arranha os móveis dentro de casa. O que faço?
Normalmente os gatos possuem este comportamento nas árvores, pois desta forma
desgastam as unhas e alongam a musculatura. Na falta delas eles começam a utilizar
sofás e móveis domésticos. Existem no mercado vários tipos de arranhadores que
funcionam muito bem, podendo-se ainda adicionar a estes arranhadores “cat nip”, uma
erva que atrai o gato. Se o espaço permitir, é recomendado que se coloque vários arra-
nhadores em diferentes ambientes.
SERVIÇO Mundo Zoo Pet Shop Rua José Janarelli, 672 – Tel.: 3721-4694 www.mundozoo.com.br

52 junho 2010
fotos: divulgação
1

Prêmio de responsabilidade social


A ABF – Associação Brasileira de Franchising e a AFRAS
– Associação Franquia Sustentável, realizaram na noite
de 27 maio a 4ª edição do prêmio ‘Destaque Responsa-
bilidade Social’. Quem levou o troféu para casa foram os
projetos das redes O Boticário, MegaMatte, LavaSecco e
Yázigi Internexus, como as ações que mais se destacaram
em responsabilidade social mantidas por franqueadoras e
franqueadas. Parabéns!

2 3

1 Adriana Collin (jornalista), conduzindo o cerimonial 2 Vencedores da Categoria


Franqueador Master com o Projeto Semana O Boticário de Educação Ambiental
– Beno Krivkin, Artur Grynbaum, Malu Nunes e José Carlos Semenzato 3 Claudio
Tieghi, Eleine Bélaváry, Emerson Chimenes e Vanessa Medeiros 4 Vencedores
da Categoria Parceiro AFRAS – Henrique Costa, Iara Cabral, Eleine Bélaváry, Ma-
rio Mendonça, Regina Polli

junho 2010 53
Em foco
Espaço Gallery é novidade
Chegou ao Morumbi uma unidade do Kalmma Zen
Spa, franquia de Campinas. O Kalmma faz parte do
Espaço Gallery, complexo que reúne zen spa, espaço
enogastronômico e para eventos. A inauguração foi no
dia 1º de junho e teve apresentações do músico Jaya!
e de dança indiana. O evento teve a parcerias de orga-
nização da Atrevittá Eventos, do buffet Nosso Sabor e
da Vero Fiore na decoração de flores dos ambientes.
SERVIÇO Espaço Galery
Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 1481 -Tel.: 2476-9837

FOTOS: ANDRÉ SANTANA

54 JUNHO 2010
Em foco

Melhorias no Real Parque


No dia 14 de junho o vice-presidente da
Linha 17 Ouro do Metrô no Morumbi SARP – Sociedade Amigos do Real Par-
Foi assinado na tarde de 30 de junho, no CEU Paraisópo- que, Ricardo Salles, realizou uma reunião
lis, o convênio entre o Governo do Estado de São Paulo e a no Novotel para tratar de assuntos como
Prefeitura da cidade para a construção da Linha 17 Ouro do trânsito, segurança e reurbanização no
Metrô, que ligará a região do Jabaquara até a estação São bairro. Estiveram presentes autoridades
Paulo – Morumbi, na Av. Professor Francisco Morato, pas- como o deputado Rodrigo Garcia, o sub-
sando pelo Aeroporto de Congonhas e por Paraisópolis. prefeito do Butantã, Regis Gehlen de Al-
O evento contou com a participação de vários secretários, tanto meida, a Capitã Raquel Candido da PM, o
da prefeitura quanto do governo, além de executivos do Metrô. Chefe de Gabinete da Presidência da CET,
A previsão é de que a obra esteja concluída até 2013. Uma gran- a Presidente do Conseg Morumbi, 200 sín-
de vitória para o nosso bairro! dicos do bairro, além de cerca de 30 líde-
Na foto, o governador Alberto Goldman assina o convênio. res comunitários e comerciantes do bairro.

Conscientização ambiental
A Semana do Meio Ambiente foi promovida, na primeira semana de junho, de forma bastante lúdica e criativa
pelo Colégio Pentágono. Destaque para a encenação de uma peça de teatro – produzida pelas funcionárias
da biblioteca das unidades do Colégio – e para a exposição das maquetes que abordaram tanto o degelo dos
polos pelo aquecimento global quanto as consequências de desastres ambientais, como o derramamento de
petróleo nos oceanos.
SERVIÇO Colégio Pentágono – Rua Nelson Gama de Oliveira, 1244 – www.colegiopentagono.com

56 junho 2010
Meg Palermo no novo espaço:
projetos personalizados e
peças exclusivas

Espaço infantil na nova Decor Friend’s


Reinaugurada em maio, a Decor Friend’s está com um charmoso
espaço infantil e linha baby completa para deixar o quarto do seu
filho do jeito que você sempre sonhou. Os dormitórios são per-
sonalizados para bebê, criança e juvenil, e todas as peças são
lindas, assinadas por Meg Palermo. Protetores, lembrancinhas e
kits de berço são algumas das opções. Visite!
SERVIÇO Espaço Decor Friend’s – Av. Dr. Guilherme D. Villares, 2323
Tel.: 3771-2936 – www.decorfriends.com.br

De objetos de decoração Caixa para guardar o primeiro


ao enxoval sapatinho, um mimo!
Em foco
Alto inverno na Jorge Alex
Sinônimo de qualidade, variedade e estilo, a Jorge Alex, reco-
nhecida marca de calçados e acessórios, inaugurou uma uni-
dade aqui no Morumbi, no dia 17 de junho. Durante o delicioso
coquetel, clientes e amigos puderam conferir a loja de 750 m²,
com mais de 1.200 itens entre calçados, bolsas, bijuterias e
acessórios, além da novíssima coleção alto inverno, inspirada
em peças de vanguarda internacional. Um luxo!
SERVIÇO Jorge Alex Rua Dep. João Sussumu Hirata, 70
Tel.: 2338-8620 – www.jorgealex.com.br

Mais estilo para sua casa


Com mais de 2.200 modelos de copos e taças para todos os
gostos e bolsos, acaba de chegar ao Morumbi a terceira loja
da rede Cia. dos Copos. Grande variedade de utensílios, como
lindas jarras, e o melhor do acrílico, cristal, cristal temperado,
inox e vidro. Na foto, Francisco Santa Paula Neto convida seus
clientes e amigos para fazerem uma visita ao novo espaço.
SERVIÇO Cia. dos Copos – Rua Algemesi, 57 – Tel.: 3501-2772
www.ciadoscopos.com.br

Mundo Verde no Morumbi


Conhecida pela excelência em seus produtos, a rede Mundo Ver-
de inaugurou mais uma unidade no Morumbi para oferecer muito
mais qualidade de vida a todos os moradores do bairro. A loja
possui dois andares, e o salão com 70 m² permite que os clientes
façam suas compras com muito mais conforto. Além dos cinco
atendentes, uma nutricionista está à disposição para esclarecer
possíveis dúvidas em relação à alimentação na hora da compra.
SERVIÇO Mundo Verde Morumbi – Rua Nilza Medeiros Martins, 187
Tel.: 2532-6923 – www.mundoverde.com.br

Reaprendendo a falar e a respirar


Com atendimento embasado em clínica psiquiátrica, a fonoaudióloga Roseli
Raspolt atende em seu consultório no Morumbi há 15 anos e, além dos di-
versos distúrbios de fala e escrita, trata também de distúrbios de respiração,
que são responsáveis por diversos problemas de saúde, como desequilíbrio
da coluna vertebral e enxaquecas. “Restabelecer a respiração e suas con-
sequências é a tarefa do profissional que, em parceria com um otorrinolarin-
gologista e um ortodontista, garante o sucesso nos resultados”, diz Roseli.
foto: divulgação

SERVIÇO Roseli Rapolt


Rua Valdemar Blatkauskas, 95 – Tel.: 3726-7480 / 9119-9056

58 junho 2010
Versatilidade em planejados
Com 60 anos de mercado, a Celmar é hoje uma re-
ferência entre as mais importantes indústrias do se-
tor moveleiro e, junto com a Sousa Prado Interiores,
trouxe para o Morumbi sua mais nova loja, que ofe-
rece as últimas tendências e novidades em móveis e
ambientes planejados. Cozinhas, home theaters, ba-
nheiros e diversas outras opções que deixarão a sua
casa ainda mais charmosa e acolhedora. Conheça!
SERVIÇO Celmar – Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 2300 A
Tel.: 3507-3464 – www.celmarmorumbi.com.br
foto: divulgação

Fitness para crianças


O Morumbi ganhou, no dia 29 de maio, uma unidade
da My Gym Children’s Center Fitness, academia
feita especialmente para os pequenos. Seu método,
criado por especialistas norte-americanos, estimula
as habilidades físicas, cognitivas e emocionais de
crianças a partir de seis semanas até os 13 anos de
idade.
SERVIÇO My Gym – Rua Abdo Ambuba, 130
Tel.: 5524-2631 – www.mygymbrasil.com.br
PUBLIEDITORIAL

Pulseira R$ 80,

Anel R$ 59,90

Com que
acessório eu vou?
Bolsa Esta pergunta é prontamente
R$ 169, respondida pelas simpáticas Mari e
Rosana – sócias da Maison Romariê Que tal um ritual
– lá você encontra roupas, bolsas e
acessórios pra lá de descolados digno de SPA para o
e de fornecedores exclusivos. Brinco Ônix seu cabelo?
Seja para você ou para R$ 129, Um ritual de tratamento
presentear uma amiga,
Kérastase é tudo o que seu
lá você encontra!
cabelo precisa para revelar
sua beleza, e você
experimentar momentos
intensos de bem-estar.
SERVIÇO Maison Romariê
O Spazio Uno oferece aos
Rua Ascencional, 284 Tel.: 3739-0020 seus clientes diversos de
(trav. da Giovanni, alt. do nº 5200) tratamento para Nutrição,
Brinco R$ 49,90
Força, Brilho, Luminosidade
da cor, Kérabiotic,
Rituais para Couro
Cabeludo e Escovas
de Tratamento. Um
profissional faz um
diagnóstico preciso
da fibra capilar,
que determina
qual o tratamento
adequado às
necessidades de
cada cliente e
indica os produtos
para manter a
continuidade
em casa.
Aproveite as suas
férias e dê férias ao
seu cabelo também!
SERVIÇO
Spazio Uno
Rua Algemesi, 51
FOTOS: DIVULGAÇÃO

Tel.: 3507-5007
www.spaziouno.com.br
FOTOS: dIVuLGAçãO

Image Hair apoia quadrilha dos famosos


O Image Hair Morumbi não para de inovar e neste ano patrocinou a
já tradicional festa junina beneficente em prol da ONG Florescer, fun-
dada pela empresária Nádia Bacchi. A festa aconteceu em junho no
Jockey Club. Um camarim exclusivo foi montado pela equipe para reto-
car cabelos, maquiagem e caracterização dos ilustres convidados que
participaram da quadrilha dos famosos. Muitas celebridades passaram
pelas mãos dos profissionais do Image e garantiram o visual impecável
durante todo o evento. Confira nas imagens. Conheça o trabalho dos
profissionais do Image Hair, Rua Ascencional, 284 Tel.: 3744-7526.
1 Marcelinho Carioca e Ellen Roche
2 Rafinha BBB8 e a namorada,
Luiza 3 Mara Bastos, Joe Welch,
Claudia Garambone 4 Gilbert Stein,
Viviane Farah, Marcio Mendes,
Adriana Brunelli e equipe Image
5 Angleni Stein, Nádia Bacchi e
Adriana Brunelli 6 Sabrina Boing
Boing 7 Tania Oliveira 8 Keila Lima
9 Bruno Brunelli e Tania Oliveira
10 Ricardo Siciliano11 Ellen Roche
12 O apresentador Yude 13 Equi-
pes Joico, Hair Brasil e Image Hair
14 Luiz e Adriana Brunelli
Boas novas! PUBLIEDITORIAL

Não importa a data, vamos comemorar!


Originalidade. Esta é a palavra de ordem para Simone Monteiro, da
Smiles and Joy. A empresária produz lembrancinhas e convites
personalizados para qualquer tipo de evento – Dia dos Pais, dos
Avós, dos Professores, aniversário, casamento, maternidade, bati-
zado, chá-bar, chá-de-cozinha, chá-de-lingerie.
A última tendência são bolos, minibolos e cupcakes
decorados e personalizados com pasta americana. Não
existe limite para a imaginação, e
o destaque fica pela exclusividade, é só
você escolher o tema.
Simone dá toda assessoria no que você preci-
sar e tem ideias muito originais. E, o melhor
de tudo, é que não custa caro!
SERVIÇO Smiles and Joy
Tels.: 3739-0069 / 8208-1091
smilesandjoy.com.br
Aproveite as férias
PUBLIEDITORIAL

e dê um up
na sua casa!
O outlet da Ideall Design continua.
Aproveite o mês de julho e repagine
sua casa. A loja conta com consultoria Cadeira
de decoradores para que você
aproveite ainda mais as ofertas.
40%OFF
Conjunto de mesa com 8 cadeiras 50%OFF Mais de 200 peças em exposição!

Banco Life 50%OFF


Cama de casal Londres 50%OFF

Rack com gavetas 30%OFF


Jogo de sofá 60
%OFF
Mesa de centro espelhada 30%OFF

Poltrona Salvatore
30%OFF

Aparador com faixa de


espelho 40 %OFF

Criado em laca preta com strass 50%OFF


IDEALL DESIGN OUTLET DESCONTOS DE ATÉ

Serviço Ideall Design


Rua Nelson Gama de Oliveira, 277
Tel.: 3507-4852. De seg a sex das 9h30 às 20h.
Peças fotografadas em junho/10. Aos sábados das 9h30 às 19h.
Antes de ir à loja consulte a disponibilidade. Estacionamento próprio – www.idealldesign.com.br
Boas novas! publieditorial

Tamanhos especiais para grandes homens


Jeans até tamanho 56, polos até tamanho 9, paletós até tamanho 62, na Vetillo você encontra!

Q
uem vive em guerra com a Quando
balança sabe como é difícil recebemos
encontrar roupas em tama- peças de
nho GG que tenham bom gosto e tamanhos
estejam afinadas com as tendências especiais, elas
modernas. Reginaldo Vettilo conta logo acabam,
com seus 25 anos de experiência pois é difícil
em lojas de grife, como Brookfield encontrar roupas
e Via Veneto, para prestar o melhor de qualidade e
atendimento aos seus clientes. Na bom gosto para
Vettilo você encontra camisas, po- esse público
los, ternos, calças, cintos, de todos Reginaldo
os tamanhos: jeans até tamanho 56, Vetillo
polos até tamanho 9, paletós até
tamanho 62. A Vettilo conta com alfaiataria própria para
foto: jaf
ajustes, que são feitos gratuitamente quando necessários.

serviço Vetttilo Moda Masculina – Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, 1210 – Shopping Open Center
Tel.: 3742-0914 – De seg a sex das 9h às 20h e aos sábados das 10h Às 20h
Estacionamento gratuito na primeira hora – Aceita Mastercard e Visa.

64 junho 2010
Educação
té pouco tempo atrás as crianças iam para a escola ou ficavam em creches
somente para ‘brincar’. Muitas não tinham contato algum com letras e números
e só eram alfabetizadas quando entravam no ensino fundamental, aos sete
anos de idade. Mas o processo de alfabetização mudou e hoje, ainda
pequenas, elas aprendem matérias como matemática, português, inglês,
e até levam deveres pra casa. As atividades são diversas e desenvolvidas de forma
lúdica para estimular e tornar o processo do aprender muito mais gostoso e divertido.

Aprenderbrincando “Acho que a coisa mais interessante, além da descoberta da leitura, foi que, em casa, ela
resolveu fazer um livro. Em uma página escreveu a história, na outra fez a ilustração e no final
colocou seu nome como autora e ilustradora”, conta orgulhosa a médica Danielle Bianco, mãe
da pequena Helena Bianco, de cinco anos, que estuda no Colégio Visconde de Porto Seguro.
Juntas, mãe e filha descobriram o prazer de passar pelo processo da alfabetização de uma
maneira diferente e criativa, as atividades fazem parte de uma nova proposta de ensino na
chamada ‘fase pré-escolar’: a maneira lúdica de aprender, onde a criança adquire o conteúdo
brincando e, através disso, melhora seu pensamento, raciocínio, autoestima e socialização.
“A educação infantil tem como princípio a preservação da infância e a valorização da criança
como um ser que aprende brincando, brinca para aprender e também aprende a brincar. Para
isso, nosso currículo organiza-se em áreas do conhecimento que, integradas, são caminhos
para uma aprendizagem sistemática e prazerosa, conta Rosana Marin, diretora do Portinho

66 JULHO 2010
Educação

julho 2010 67
Educação
Panamby. Segundo ela, em cada professores, temos o compromisso
faixa etária as crianças possuem ca- de contribuir para que as crianças
racterísticas diferentes que precisam percebam que esse mundo é mui-
ser valorizadas e vivenciadas em sua to interessante. Aqui elas participam
plenitude, constituindo assim um das rodas de histórias, memorizam
processo de aprendizagem contínuo alguns trechos e ilustrações, e ‘leem’
e permanente. “O trabalho educativo essas histórias para os seus colegas.
prepara a criança para lidar com os Dessa forma relacionam o código da
desafios e amplia as diversas formas escrita e começam a perceber que
de conhecimento de mundo, estimu- os símbolos, que são as letras, têm
lando a criança a realizar escolhas, algum significado”, acredita Mônica
criar brincadeiras, explorar e trocar Boni, coordenadora pedagógica da
experiências, perceber a si e o outro, Ursinho Branco. Com o compromis-
respeitar diferenças e favorecer sua so de formar bons leitores e escrito-
A educação infantil independência”. res, a escola cria estímulos diferen-
tem como princípio tes e criativos para que a criança se
UM MUNDO DE aproxime cada vez mais de livros, gi-
a preservação da infância LETRAS E NÚMEROS bis e até jornais. A educadora relem-
e a valorização da criança Uma das principais atividades bra da própria infância, quando o pai
como um ser que aprende nas escolas de educação infantil é a não a deixava ler o jornal. “Sempre
brincando, brinca para leitura e, contribuindo com isso, es- conto para os pais que, quando pe-
critores, ilustradores e editoras inves- quena, achava o máximo ver o meu
aprender e também aprende tem em suas obras para atrair cada pai lendo o jornal, mas ele me dizia
a brincar. vez mais leitores e fazer com que os que jornal não era coisa de criança.
ROSANA MARIN, pequenos se interessem e se apai- Lembro que não desisti e fui em bus-
DIRETORA DO PORTINHO PANAMBY xonem desde cedo por ela. “Nós, ca de outras leituras. Então pode-
mos aprender com esse exemplo e

68 JUNHO 2010
Educação
Nós, professores, dagógica que estimula o processo
temos o compromisso do conhecimento. “De forma lúdi-
ca estimulamos a imaginação e as
de contribuir para que as
ideias; e nas propostas como mo-
crianças percebam que este vimento (coordenação do mouse),
mundo fantástico linguagem (apresentação de his-
das histórias é muito tórias) e matemática (conhecer as
formas geométricas), oferecemos
interessante.
MôNica BoNi, coordeNadora pedagógica
diversidade de estratégias e recur-
da UrsiNho BraNco sos para informar, criar, brincar e
aprender todas as atividades pro-
incentivar os nossos filhos e alunos postas”, conta Rosana.
a lerem, inclusive jornais, por que
não?”. PAIS EDUCADORES
Todos sabem que os pais têm
TECLAS MÁGICAS um papel fundamental na educa-
Música, meio-ambiente, so- ção dos filhos e, muito mais do que
ciedade, artes visuais, culinária investir na educação e estar atentos
e... informática! Através de pes- à qualidade do colégio em que eles
quisas realizadas com a ajuda do estudam, os pais também podem
professor na escola, e dos pais participar desse gostoso processo
em casa, a criança está cada vez de descobrimento para a criança,
mais inserida no mundo virtual. ajudando-as nas atividades em casa.
As aulas, além de integrar as di- Para que isso aconteça, é preciso que
ferentes áreas de conhecimento, eles conheçam bem a metodologia
também utilizam e valorizam a in- de ensino da escola, como explica a
ternet como uma ferramenta pe- diretora pedagógica do Ápice –

70 julho 2010
Educação

JULHO 2010 71
Educação
Para os deveres de casa
procuramos atender
a diferentes objetivos,
como criar hábitos de estudo
fora da escola e desenvolver a
responsabilidade.
MARIA ROCHA, DIRETORA PEDAgógICA
DO ÁPICE – EDUCAÇÃO INFANTIL

Educação Infantil, Maria Rocha. “Para


que, na intenção de ajudar a criança,
eles não acabem por confundi-la.
Os pais também precisam aceitar o
erro como parte do processo cons-
trutivo, permitindo que o professor
faça as orientações adequadas para
que a criança avance, e sempre elo-
giar seus esforços e aprendizagens”.
A arquiteta Elke Chiari conta que ama
ajudar nos deveres, mas, se não for
questionada, deixa o filho Victor Chia-
ri, de cinco anos, estudante da Escola
da Vila, fazer as atividades do seu jei-
to. Ela destaca a que mais chamou
a sua atenção. “Ele preencheu um
formulário com os dados pessoais.
O material se transformou em uma
agenda de telefone dos amigos da
classe – foi encadernada, com a le-
trinha de cada amigo e uma capa
individualizada, confeccionada por
eles próprios. Foi uma surpresa por-
que conseguiram reunir vários fatores
interessantes em um único trabalho,
como assunto novo, escrita, parte
numérica, consciência do espaço e
formatação, desenho e criatividade”.

BRINCADEIRA RECHEADA
DE CONTEÚDO
O principal foco do professor
e da escola onde a criança está
inserida é a educação de qualida-
de, o que inclui aulas dinâmicas,
propostas interessantes, valores
e linguagens; tanto para o que é
feito em sala de aula... “Nós to-
mamos cuidado para não fazer
do dia-a-dia uma rotina. Deve ser
muito chato para uma criança che-
gar à escola e saber exatamente
o que vai acontecer”, diz Mônica.

72 julho 2010
Educação
... quanto para as lições levadas
para casa. “Para os deveres de
casa procuramos atender a dife-
rentes objetivos, como comparti-
lhar com as famílias os conteúdos
trabalhados em sala de aula, avaliar
a aprendizagem e a capacidade de
generalização da criança, compar-
tilhar com os amigos diferentes for-
mas de resolver problemas, desen-
volver a autonomia na organização
dos materiais e, finalmente, criar
hábitos de estudo fora do ambiente
escolar, desenvolvendo atitudes de
responsabilidade”, finaliza Maria.

Em casa as vivências precisam


ser diferentes. Como?
Segundo Mônica, os pais podem
lembrar dos momentos da sua infân-
cia “e propiciar brincadeiras como ca-
bana, comidinha com terra, rampas
para carros e outras que marcaram
um tempo tão especial, e este tem
que ser passado de pai para filho”.
Afinal, aprender é coisa séria, mas
brincar também é.

julho 2010 73
Rosa Richter
é pedagoga; presidente
da Associação Cultural e
de Cidadania do Panam- Caro leitor, - Ponte sobre o rio Pinheiros, na al-
by; presidente da AMo tura do Parque Burle Marx.
jardim Sul; conselheira e Participamos, como representan- Tais propostas foram acatadas e
diretora de várias entida- tes da Associação Panamby, de todas fazem parte integrante da Lei Munici-
des na área de Desenvol- as plenárias relativas à elaboração do pal nº 13.885 de 25/08/2004 (Lei dos
vimento social. Plano Regional Estratégico da subpre- Planos Diretores Regionais), em seus
rr@rosarichter.com.br feitura de Campo Limpo. Na ocasião, artigos: art. 1º – item I e art. 8º – itens
tivemos a oportunidade de apresentar 1a; 2a e 3a.
duas propostas: A via de ligação está em obras, com
prazo previsto para entrega do primeiro
- Abertura de via de ligação entre a trecho no fim deste ano.
Av. João Dias e a Av. Professor Fran- A ponte sobre o rio Pinheiros
cisco Morato, contornando o bairro está em fase de projeto por parte da
Paraisópolis. EMURB (Empresa Municipal de Urba-

A NOVA PONTE BURLE MARX


nização), dentro da Operação Água Es-
praiada. No final de 2009 a Associação
Panamby participou da audiência pú-
blica de apresentação e discussão do
EIA-RIMA (estudo de impacto ambien-
tal) relativo ao anteprojeto apresentado
pela EMURB.
Na ocasião tivemos oportunidade
de apontar diversas falhas contidas na-
quele trabalho, ressaltando a inviabili-
dade da utilização da Av. Dona Helena
Pereira de Moraes como via de acesso
à ponte, dado o impacto ambiental que
provocaria sobre o Parque Burle Marx
e a incapacidade de absorção do tráfe-
go resultante por parte desta avenida,
protocolando em seguida uma propos-
ta alternativa, adrede aprovada em As-
sembleia Extraordinária da Associação
Panamby, convocada para este fim.
Em decorrência, no dia 18/05/2010,
realizou-se uma reunião no Parque
Burle Marx, com a presença dos repre-
sentantes Sr. Roberto Molin – Assessor
de SIURB (Secretaria de Infraestrutura
Urbana), Sra. Raquel Domingues – Di-
retora da Fundação Aron Birmann/

74 julho 2010
Conselheira do Parque Burle Marx,
Ludvig Genehor – Secretaria da Saú-
de; Sr. Alberto F. Lauterra – SMDU; Sr.
Sérgio E. F. Salvadori – SIURB/ SPO-
Você quer a subprefeitura
BRAS; Sra. Helena Magozo – SVMA
(representando o Secretário Eduardo
do Morumbi?
Jorge); Mary Sabas – Secretária Exe-
cutiva do CADES / SVMA; Sra. Rosa Se ainda não votou,
Richter – Presidente Associação Pa-
namby / Conselheira do Parque Burle acesse
Marx; Celso Cavallini – Conseg Portal
do Morumbi / Conselheiro do Parque www.rosarichter.com.br
Burle Marx; Wanderley Leal Resano –
Administrador do Parque Burle Marx; e vote SIM!
Sr. Carlos Garbuio – SIURB / EMURB;
Sra. Fernanda Rodrigues Alves Torres
– Conselheira Gestora do Parque Burle
Exerça sua CIDADANIA.
Marx; Sra. Nora Gonzalez – ouvinte e
jornalista, na qual ficou descartada em
Sua participação
definitivo a utilização da Av. Dona Hele-
na Pereira de Moraes, comprometen-
é muito importante!
do-se os órgãos competentes a estu-
dar alternativas baseadas na proposta
da Associação Panamby.

Lamentamos a ausência, colabora-


ção e força de vereadores que, mesmo
morando no Morumbi, participando e
convivendo com toda a problemática
viária, nunca se dispuseram a nos aju-
dar e tão pouco apresentaram propos-
tas semelhantes para o Morumbi.

Estes são os fatos. Qualquer outra


versão carece de fundamento.

Associação Cultural e
de Cidadania do Panamby
Rosa Richter Vice-presidente
Roberto Pereira da Fonseca Diretor
Cristina Comparini Presidente

Na próxima edição, darei informa-


ções sobre a subprefeitura do Morumbi,
traçado, futuras vias, áreas limítrofes.

O MORUMBI AGRADECE!

JULHO 2010 75
pensata
Paulo Amaral – “Seu” Paulo, eu soube que o senhor – Eu preciso de alguém que chegue
é morador do Morumbi está procurando uma babá? – A pergunta cedo e ajude no dia-a-dia das crianças.
e jornalista da Rede feita pelo Oliveira, um prestativo taxista de – Qual é o horário de trabalho?
Globo de Televisão, um ponto perto de casa, me foi feita insis- – Das 8h às 18h.
onde edita o jornal tentemente no último mês por diferentes – Pra mim não dá. Eu tenho que sair
SPTV 2ª edição. pessoas. O mais difícil nessa procura tem até as 15h porque faço um curso de com-
sido encontrar alguém realmente dispos- putador. Sabe como é, preciso aprender
to a trabalhar, aceitar as atribuições do a mexer nesse negócio.
cargo e cumprir as condições estabele- – É justo.
cidas. Eu aceitei a indicação do Oliveira, – Mas eu não ligo de trabalhar no fim
mas a negociação com a candidata foi de semana. O Sr. assina a carteira, paga
surreal e digna de reprodução: a condução?
– Sim, aqui em casa é tudo de acordo
– A sra. tem experiência como babá? com a lei.
– Eu cuidei dos filhos da minha madri- – Ainda bem, eu detesto patrão que
nha lá no Norte. fica enrolando a gente.
– O que a sra. fazia? – Mas, realmente, eu acho que a sra.

a empreagada – Eu ia com eles pra lavoura e passava não atende à minha necessidade.
o dia lá cuidando pra que as crianças não – Eu posso falar com a sua esposa?
distraíssem e abandonassem o trabalho. – Ela chega daqui a meia hora. A sra.
– Quantos anos tinham os pequenos? fica lá embaixo e eu mando lhe chamar,
– Um de 7 e outro de 9 anos. está bem?
– A sra. é casada?
– Sou sim. O meu marido é o Lula. Meia hora depois...
– Como o presidente? – “Seu” Paulo, por que não para nin-
– É o presidente. Pelo menos ele paga guém aqui na sua casa?
as minhas contas, não é igual àquele – Como assim? Eu tenho uma pessoa
traste que eu tenho lá em casa que só que já está com a gente há mais de um
sabe beber e dar despesa. ano, uma outra ficou cinco anos, outra
– A sra. recebe algum benefício do três anos.
governo? – Mas em um mês já vieram cinco
– Eu cadastrei os filhos da minha ma- babás.
drinha no bolsa-família e recebia uma aju- – Sim estou testando as pessoas. Mas
da. Mas agora a madrinha ‘tá’ recebendo quem contou isso pra senhora?
o dinheiro. Por isso eu juntei as econo- – O senhor não sabe que em todo
mias e vim aqui pra São Paulo. prédio tem um “sindicato de babás”?
– E o marido veio junto? Aqui não é diferente, elas sabem de
– Não, ele requereu a aposentadoria tudo. Me contaram que na sua casa não
e ‘tá’ esperando a resposta da previdên- dá pra tirar um cochilo de tarde, mal dá
cia. O problema é que ele nunca teve car- tempo de falar no celular, e quando eu
teira assinada. quiser bater papo com uma amiga? Não
– Olha, realmente estou precisando dá pra trabalhar assim. Desse jeito o se-
de alguém com experiência. nhor não vai conseguir mesmo. Eu vou
– Mas o Sr. não pode me dar uma embora, não quero saber de trabalhar
chance? mais aqui. Passar bem.

76 julho 2010
AS NOVAS FRONTEIRAS
Lívio Giosa – Presidente
do CENAM – Centro
Nacional de Moderniza-

DO MARKETING NO BRASIL
ção; Vice-presidente da
ADVB – Associação dos
Dirigentes de Vendas e
Marketing do Brasil
O pensamento empresarial, neste momen­ keting ouvidor permanente dos anseios
to, está voltado para o desenvolvimento do seu público­alvo, dentre outros, serão,
dos negócios nos próximos dois anos. sem dúvida, ações de valor que destaca­
A curto, médio e longo prazo, as organi­ rão as organizações neste novo olhar da
zações vão acumulando diagnósticos do sociedade para as empresas de ponta.
presente para projetar e planejar suas de­ Para isto, é preciso que os profissionais de
cisões no tempo futuro. marketing estejam atentos, sintonizados
A percepção dos macroparâmetros estru­ nas novas referências do mercado, nas
turais e conjunturais vem, naturalmente, da práticas do cliente que, sem dúvida, quer
visão econômica do País, que gera, sem se relacionar com companhias que fazem
dúvida, os ventos (bons e maus) que dita­ parte da sua história e das suas causas.
rão o caminho corporativo a seguir. O futuro, portanto, das ações de marketing
O fato mais auspicioso é que a econo­ nas empresas, em qualquer segmento, é
mia se mantém estabilizada, sem ne­ alvissareiro, mas requer astúcia, compe­
nhum sinal – externo ou interno – de tência e uma boa dose de criatividade. Seu
perturbação latente. resultado positivo para o desenvolvimento
Isto embala a direção das empresas a jo­ do País é certo, principalmente para o bom
gar para frente, investindo com entusias­ profissional e para a empresa ética.
mo no lançamento de novos produtos
ou serviços, na modernização de marcas
e embalagens, na construção de novas
plantas industriais ou na expansão de no­
vas unidades comerciais.
O marketing será, assim, o forte aliado no
jogo do sucesso empresarial.
Dentro das empresas, os profissionais de­
verão estar atentos para encarar a trans­
formação da sociedade e do consumidor/
cliente. Cada vez mais consciente, este,
por sua vez, valoriza a ética, a boa atitude
e se fideliza também pela cidadania.
Saber construir estes novos valores será,
talvez, o grande desafio das corporações
para conquistar o seu cliente de vez. Para
tanto, entram em cena parâmetros inova­
dores, sensitivos ou não, mas que aque­
cerão as relações produto/serviço em rela­
ção às novas percepções do cliente.
O marketing junto aos stakeholders (a em­
presa se relacionando com os públicos
com os quais se relaciona), o marketing de
causa, o marketing socialmente respon­
sável, o marketing cidadão e ético, o mar­

julho 2010 77
Vitrine
O polêmico seriado Nip/Tuck, criado por Ryan Murphy
para o canal FX Networks, aborda as mais variadas for-
mas de cirurgia plástica e mostra o culto excessivo ao
corpo. Em Dr. 90210, estrelado pelo médico paulista
Robert Ray, lançado em 2004 e exibido no canal E!, di-
versos cirurgiões revelam sua rotina e os procedimentos,
a maioria estéticos, feitos em seus pacientes. Em seus
episódios, ambos mostram que a eterna busca pela be-
leza ideal acontece no mundo todo. No Brasil, como não
poderia deixar de ser, os números também são altos, e
as cirurgias são cada vez mais procuradas por homens e
mulheres, adultos ou adolescentes, que querem acabar
de vez com as ‘imperfeições’ que tanto incomodam.

Em nome da
“Foi tudo muito rápido. Num sábado de manhã, minha mãe chegou em
casa e disse que me pagaria uma Rinoplastia. Na segunda fiz a consulta e
Você sabia? disse à médica que queria o nariz da Julia Roberts. Rindo, ela me explicou o
No brasil as procedimento e me garantiu que faria um nariz proporcional ao meu rosto. Fiz
campeãs em exames de sangue no dia seguinte e na quinta-feira fui para o hospital. Duran-
cirurgia plástica te a cirurgia acordei e a médica disse “se estiver tudo bem, pisque uma vez”.
estética: 64% sudeste Pisquei. Ela disse “durma”, e eu voltei a dormir sem sentir absolutamente
16% sul, nada. A noite, já em casa, sofri muito; senti dor, estava com um tampão que
10% Nordeste, só permitia que eu respirasse pela boca. Fiquei muito inchada porque foi ser-
8% centro-oeste e rado 0,5 cm de osso. Eu olhava no espelho e não me via. Segurava o tempo
10% Norte todo uma foto minha para poder me acalmar. Meu irmão mais novo não me
olhava. Após uns dois dias, as coisas ficaram mais tranquilas, eu conseguia
respirar pelo nariz e, apesar de inchada, era eu no espelho outra vez. Quinze
dias depois tirei o gesso, fiquei mais um tempo somente com o esparadrapo
microporoso e, ao tirá-lo, foi inacreditável. Meu nariz estava lindo e a cirurgiã
me garantiu que ainda estava inchado e que o resultado final eu veria em
seis meses. Não pude tomar sol durante esse período, mas fiz tudo direiti-

78 julho 2010
Vitrine

julho 2010 79
Vitrine
nho e valeu muito a pena, eu amei o
resultado e meus irmãos nunca mais
falaram nada”.

Hoje, aos 34 anos, Marcela* acha


graça do seu “trauma” de infância e
adolescência. Depois de anos ou-
vindo piadinhas e ganhando ape-
lidos dos irmãos que a deixavam
sempre chateada, as ‘brincadeiras’
acabaram – aos 19 anos, no dia 29
de fevereiro de 1996, ela fazia sua
primeira cirurgia plástica.

A história da nossa personagem


é apenas mais uma no meio de tan-
tas outras que existem por aí. To-
dos os dias milhares de pessoas no
mundo todo passam por algum tipo
de cirurgia plástica, seja reparadora
ou simplesmente estética.
Segundo pesquisa feita pelo Ibo-
pe para o XI Simpósio Internacional
de Cirurgia Plástica, o Brasil ocupa
o segundo lugar no ranking mundial
do assunto e só perde para os EUA.

Em 2009, nos Estados Unidos


mais de 6,5 mil pessoas
passaram pela mesa de
algum cirurgião.
69% por cirurgias estéticas e
31% por reparadoras
Os números são impressionantes
e mostram que no nosso corpo, hoje,
não há o que não possa ser ‘corrigi-
do’. Em algumas horas, dos pés à
cabeça, podemos conquistar uma
cintura mais fininha, um nariz arrebi-
tado, seios maiores e um corpo novo.

Beleza e naturalidade
Está satisfeito com o
que vê no espelho? Daria
uma esticadinha aqui, uma
puxadinha ali? Aumentaria os
seios? Diminuiria o nariz?

Dizem que a perfeição não exis-


te, mas todos correm ao encontro
dela, pois é difícil, quase impossível,

80 JULHO 2010
Vitrine

julho 2010 81
Vitrine
encontrar uma pessoa plenamente elevadíssimos, o pagamento nada crescimento se deve, entre outros
satisfeita com a sua imagem. Muitas facilitado, e para realizar qualquer motivos, ao aumento do crédito
vezes a autoestima vai lá embaixo procedimento, se exigia um plane- para a realização de cirurgias e à
por causa de um detalhe sem im- jamento longo. diminuição dos juros. “A busca por
portância e que só a própria pessoa Mas de alguns anos pra cá a saúde e bem-estar também cresceu
repara, mas levante a mão quem história mudou, tudo se tornou mais consideravelmente e hoje existem
nunca sonhou em fazer uma plás- acessível e os números mostram muitos hospitais especializados nes-
tica para acabar de vez com aquela que houve um aumento significativo ses processos”.
imperfeiçãozinha que insiste em fi- nas intervenções. Mas o que parece simples não
car em evidência. De acordo com o dr. Wagner é. Só para o pré-operatório a lista
Até pouco tempo atrás fazer Montenegro, cirurgião plástico há de exames é longa e, no geral, in-
uma cirurgia desse porte era ‘coi- 25 anos e membro da Sociedade clui: hemograma, glicemia de jejum,
sa de gente rica’. Os preços eram Brasileira de Cirurgia Plástica, esse ureia e creatinina, sódio e potássio,
e coagulograma. Também é impor-
tante radiografia de tórax e eletro-
cardiograma para avaliar pulmões
e coração, e podem ser pedidos
ecocardiograma, prova de função
pulmonar e teste ergométrico, para
avaliação cardiorrespiratória. “Em al-
guns casos pedimos até estudo das
veias profundas das pernas para
avaliação do risco de trombose, de-
pendendo da cirurgia proposta e da
avaliação clínica prévia. Os pedidos
de exame variam de pacien-

82 julho 2010
Vitrine

julho 2010 83
Vitrine
te para paciente, e assim como o díaco, débito urinário, balanço de
restante do tratamento cirúrgico e hidratação e temperatura corporal,
pós-operatório, devem ser perso- oferecendo segurança também ao
nalizados”, explica a Dra. Claudia trabalho da equipe cirúrgica”, afirma
Zuliani, especialista pela Sociedade Claudia.
Brasileira de Cirurgia Plástica. Mas esse tipo de anestesia pre-
cisa ser indicada por um cirurgião
Sem medo da agulha que já tenha experiência em traba-
Menos invasivas e muito mais lhar com ela, sempre em comum
seguras, as cirurgias tiveram seus acordo com o anestesista e o pa-
custos reduzidos e caíram de vez ciente - salvo em caráter de emer-
nas graças dos brasileiros. Apesar gência, situação em que prevalece
disso, um medo sempre ronda a a indicação médica.
cabeça dos pacientes: a anestesia
– personagem principal em qual- Os tipos de anestesia
quer cirurgia, mas que também so- Outros tipos de anestesia tam-
freu alterações devido aos avanços bém são usadas para o alívio da dor.
técnicos e científicos, e hoje oferece São elas:
muito mais conforto ao paciente. Anestesia local – Injeções de
Reações alérgicas, dor, riscos e anestésicos são aplicadas direta-
o famoso ‘medo de não voltar’, eram mente sobre o local de interesse
algumas das dúvidas frequentes em cirúrgico. Seu início é imediato e
relação a ela. “A anestesia geral podem ser usadas nas cirurgias da
sempre foi um tabu. Antigamente face, pálpebras, nariz, orelhas e ma-
as complicações decorrentes desta mas. O efeito, apesar de ter menor
técnica eram maiores e o índice de duração, pode ser prolongado por
óbitos também. Hoje o anestesista meio de novas aplicações, sempre
trabalha com mais segurança, e se respeitando uma dose padrão para
a cirurgia demora um pouco mais, evitar intoxicações e reações à dro-
há complicação ou sangramento ga. É largamente difundida, e na
maior que o esperado, ele tem mais plástica serve tanto para cirurgias
controle sobre parâmetros clínicos pequenas quanto para algumas de
como pressão arterial, ritmo car- maior porte e duração, comple-

A maior parte dos


procedimentos não causa
dor significativa e pode ser tratada
com analgésicos comuns à base
de Dipinora ou Paracetamol. Em
alguns casos são recomendados
antiinflamatórios com a ressalva
de que, por poderem alterar a
coagulação sanguínea, devem ser
prescritos apenas pelo
médico que operou.
Dra. Claudia Zuliani,
especialista pela Sociedade
Brasileira de Cirurgia Plástica

84 julho 2010
Vitrine

julho 2010 85
Vitrine

As pessoas precisam
obter informações
sobre o profissional, sobre o
procedimento e, se possível,
conhecer pacientes operados
por ele. O especialista não só
na cirurgia plástica como em
outras áreas da medicina, é o que
conhece melhor a área e seus
problemas mais complexos, por
isso as chances de obter sucesso
são muito maiores”.
Dr. Wagner Montenegro,
cirurgião plástico há 25 anos
e membro da Sociedade Brasileira de
Cirurgia Plástica

mentadas pela sedação (medicação


feita para diminuir a consciência do
paciente durante o procedimento).

Anestesia Peridural e
Raquidiana
O anestésico é injetado nos espa-
ços entre duas vértebras da coluna
vertebral, chamadas ‘raquidiana’ ou
‘peridural’. Dependendo da altura
da coluna por onde entra o anesté-
sico, é possível anestesiar a parte
sensitiva e motora dos membros
inferiores, do abdômen, parte do
dorso e parte do tórax, para proce-
dimentos nestas regiões. Também
pode ser associada à sedação.

86 JULHO 2010
Vitrine
CAMPEÕES
DE AUDIÊNCIA
As mulheres respondem
por 82% das intervenções: 19%
são cirurgia de mama,
17% lipoaspiração associada
a outras cirurgias, 16% abdômen,
12% lipoaspiração isolada e
10% pálpebras
Já os homens, 18% do total, são:
16% pálpebras, 13% nariz, lipoas-
piração isolada e face em geral
(empatados) e 11% orelha

Cuidados básicos
Tão importante quanto os exa-
mes realizados no pré-operatório,
o pós também exige atenção e
cuidados especiais, que variam de
acordo com cada cirurgia feita e vão
garantir o sucesso dela. “Um dos
principais conselhos é o paciente fi-
car longe do cigarro por pelo menos
15 dias”, recomenda Wagner.
Ficar de repouso, interromper as
atividades físicas e evitar o esforço
também são alguns dos itens ne-
cessários para que o paciente fique
satisfeito com os resultados definiti-
vos, que começam a aparecer cerca
de três meses após a intervenção.

Segurança
em primeiro lugar
O número de procedimentos fei-
tos de forma errada caiu, mas ainda
não foram extintos completamente,
o que coloca muitas vezes a vida do
paciente em risco. Segundo dados
do Conselho Regional de Medicina
do Estado de São Paulo, no ano de
2008, cerca de 97% dos médicos
citados em processos ético-profis-
sionais não tinham o título de espe-
cialista em Cirurgia Plástica.
Para Wagner, uma das formas de
combater esse tipo de problema é
o paciente nunca acreditar em ‘mi-
lagres’ que utilizam procedimentos
simples para correção de gran-

JULHO 2010 87
Vitrine
des problemas. Até chegar ao título
de cirurgião plástico, um médico pre-
cisa passar por seis anos de faculda-
de e mais dois anos de formação de
Cirurgia Geral. Em seguida ele realiza
uma prova e ainda faz mais três anos
de especialização em cirurgia plásti-
ca em serviço credenciado. Depois
disso, outra rigorosa prova teórica-
prática é feita para obter o Título de
Especialista em Cirurgia Plástica, so-
mando ao todo 11 anos de prepara-
ção. “A cirurgia feita por médico não-
especialista pode começar de forma
errada já na indicação do melhor
procedimento para o tratamento do
paciente, causando sequelas físicas
e psicológicas, deformidades, além
de complicações no ato cirúrgico,
anestésico, e até a morte.
Fazer uma cirurgia plástica não
é como trocar de roupa. O paciente
precisa ter plena certeza de querer
mudar algo no seu corpo e esse
questionamento, apesar de simples,
é importantíssimo para que não haja
arrependimentos. Se o paciente for
considerado saudável, a idade não
importa. O fundamental é escolher
o médico com calma e esclarecer
todas as dúvidas.
Mais importante que simples-
mente passar por um procedimento
desse porte, é a pessoa respeitar
os seus limites, estar feliz e de bem
com ela mesma.

SERVIÇO
Clínica Zuliani Cirurgia Plástica
Alameda dos Maracatins, 508 Cj. 62
Tel: 3507-1443 – clinicazuliani.com.br

Dr. Wagner Montenegro


Cirurgia Plástica
Al. dos Maracatins, 508 - Cj. 62
Tel: 3507-1443 – clinicazuliani.com.br

Em cirurgiaplastica.org.br ou pela Regional


São Paulo sbcp-sp.org.br, é possível obter
informações sobre o profissional escolhido e
verificar se ele possui o título de especialista.

88 julho 2010
Vitrine

JULHO 2010 89
Quantos parceiros afetivos deveriam ao reclamar da comida ou da demora em
Floriano Serra
e conseguiriam fazer às suas parceiras ser servido; ao me queixar do volume da
é psicólogo, consultor,
palestrante, autor de
esta confissão? televisão. E tenho certeza de que minha
vários livros e inúmeros Algumas vezes vou deitar-me quando mulher notou – sem se queixar – a minha
artigos sobre o com- minha parceira já está adormecida; outras expressão de desinteresse enquanto ela
portamento humano. vezes me acontece acordar no meio da me contava as notícias do seu dia. Naque-
E-mail: noite. Em ambas as ocasiões, dedico um le instante compreendo que as coisas que
florianoserra tempo a ficar contemplando-a adormeci- ela me conta constituem o mundo dela ao
@somma4.com.br da, ressonando suavemente. qual eu devo respeito. Percebo o quanto
E, nesses momentos, um enorme re- tenho sido rude e indiferente.
morso, um profundo sentimento de culpa É durante a noite, quando minha par-
me invade o peito, de maneira quase in- ceira adormece, que me dou conta de que
suportável. Porque, na calma da noite, já ela batalhou intensamente durante todo
descansado, percebo o quanto tenho sido o dia, tanto quanto eu. E nenhuma vez
injusto e duro com ela durante o dia. ela jamais se queixou, jamais me cobrou
Quase sempre chego cansado e irri- nada, apesar das minhas atitudes egoístas

QUANDO ELA ADORMECE ...

tado do trabalho. O ambiente competitivo e rabugentas, apesar da minha indiferença


da empresa me deixa esgotado; o trânsi- diante dos evidentes, mas silenciosos, pe-
to caótico me impacienta e aborrece. E, didos de companhia e atenção – inclusive
ao chegar em casa, vejo que a casa está nos fins de semana.
desarrumada, a mesa não está posta e Nem tenho tido tempo de perceber
minha parceira me recebe com um rápi- que minha mulher prepara sempre mi-
do beijo para logo desfiar um rosário de nha refeição predileta; que senta comigo
conversa desinteressante e supérflua à mesa mesmo que já tenha jantado só
sobre amigas, artistas de TV para me fazer companhia; que me liga
e vizinhos. Isso quando não se uma ou duas vezes durante o dia para
queixa da saúde e do cansaço. lembrar-me dos remédios que devo tomar
E eu, parceiro dedicado, tra- ou apenas para dizer que está sentindo
balhador, zeloso e responsável, a minha falta – e eu, apressado e bravo,
não tenho o direito de ler meu jor- peço para desligar porque sempre estou
nal, de assistir o futebol, de ver o muito ocupado com o trabalho.
noticiário, nem de simplesmente Durante esses arrependimentos no-
ficar calado e quieto a um canto. turnos, desfilam na minha mente todas
E então minha raiva aumenta e as ações generosas, românticas e amigas
me torno ainda mais irritado. com que minha mulher me presenteia to-
No entanto, durante a dos os dias. E das quais eu não tenho tido
madrugada, olhando minha consciência.
mulher adormecida, sinto um Deus! Como pude tantas vezes ser tão
aperto no coração. Porque só insensível e egoísta? Prometo que a partir
então percebo que ela nada de amanhã serei outro companheiro. Serei
tem a ver com meus proble- mais amigo, mais ouvinte, mais risonho,
mas e dificuldades no trabalho mais amoroso, mais presente.
e no trânsito. Só então perce- Por ora, tudo o que posso fazer, é, em
bo também que não foi tão rá- pensamento, pedir a ela que me perdoe
pido assim o beijo que minha mu- e me dê a oportunidade de provar que a
lher me deu quando cheguei – eu é que amo com todas as energias do meu cora-
não estava receptivo e ligado na amoro- ção. Posso, também, com muita cautela
sidade dela. para não acordá-la, dar-lhe um suave bei-
Olhando o semblante sereno da minha jo na face e recostar-me bem juntinho ao
amada adormecida, conscientizo-me da seu corpo, com todo o cuidado do mundo
minha expressão mau humorada ao me para não despertá-la.
dirigir a ela para saber se providenciou E torcer para que dessa vez eu con-
algumas coisas que eu lhe havia pedido; siga mudar.

90 julho 2010

Похожие интересы