Вы находитесь на странице: 1из 2

TAREFA 3.

Assista aos vdeos e redija resenha, entre 20 e 25 linhas, se posicionando


sobre o banimento do amianto no Brasil.

Fique a vontade para aduzir outras fontes e pesquisas.

https://www.youtube.com/watch?v=vKe8d6Zrfjg&noredirect=1

https://www.youtube.com/watch?v=qn66OZm6hxI

https://www.youtube.com/watch?v=Ynr-WDtuktE

https://www.youtube.com/watch?v=61qiVhkV4BY

AMIANTO

O QUE ?

constitudo por feixes de fibras extradas de minerais. Trata-se de material


com grande flexibilidade e resistncia qumica, trmica, eltrica e trao
muito elevada. Produz um p de partculas muito pequenas que flutuam no ar e
aderem s roupas. Sua produo se iniciou no Canad no sculo XIV.
Comercializado como Asbesto, uma deusa grega armada com um escudo para
proteger a civilizao.

APLICAO.

Produo em larga escala na fabricao de roupas com isolamento trmico


capaz de resistir ao fogo e em diversas aplicaes principalmente na
construo civil. Utilizado em revestimentos em casas contempornea.

AGRAVO A SADE DO TRABALHADOR.

um p conhecido antigamente como o p maligno matando milhares e


milhares de pessoas nos anos de 1918. Na Europa muitos estudos acerca do
amianto foram feitos, tanto que a Europa limitou seu uso. Durante o longo
tempo de exposio pode causar cncer de pulmo. Nos anos 20 a indstria
investia grandes fortunas na defesa do amianto, atravs de propagandas e
marketing. Ms em 1965, a sociedade se preocupou e alguns segmentos
comearam a substitu-los por outros produtos. Nos EUA em 1970, criou-se
regulamentos para o tempo de exposio dos trabalhadores ao amianto e
equipamentos para a proteo ao trabalhador comearam a ser
recomendados.

CUSTO PARA A PREVIDNCIA, EMPRESAS E TRABALAHDOR.

Hoje um trabalhador com exposio ao amianto se aposenta com 20 anos de


contribuio, produzindo uma aposentadoria precoce. A previdncia ir custear
a vida desse trabalhador at a sua morte e depois os seus beneficirios.
Arrecada-se menos e produz mais incapacidade. Por isso ficou muito bem
comprovado no discurso do Dr. Paulo no STF a necessidade urgente do
banimento do amianto nas indstrias brasileiras.