Вы находитесь на странице: 1из 2
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro Centro de Ciências Humanas de Sociais –

Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro

Centro de Ciências Humanas de Sociais CCH

UNIRIO/CEDERJ

EDUCAÇÃO INFANTIL 1 Coordenação: Tania Marta Costa Nhary

PRAZO FINAL PARA ENTREGA NO POLO: 19/08/2017 Nome: Paula Fernanda Lima Moura Matrícula: 17116080012 E-mail paulaflmoura@gmail.com

Polo: Niterói

Avaliação a Distância (AD1) - 2017.2

Valor total: 10,0 pontos

Escolha uma das aulas do cronograma (entre as aulas 1 a 4), e elabore um texto que aponte os principais conceitos abordados expondo sua opinião sobre eles.

Pensar a criança como um aluno que está inserido no campo escolar apenas para a assimi-

lação de conteúdos pré definidos e que em sala de aula se encontra somente uma criança disposta, sem qualquer interferência do ambiente em que vive e que se localiza, é ignorar a

a sua história, vivências e subjetividades; ignorar seu contexto social e suas marcas culturais. Como é destacado na aula 2 "Roda mundo, roda gigante, roda moinho, roda pião, o tempo

rodou num instante, nas voltas do meu coração", é no momento em que nos relacionamos

uns com os outros que as mudaças se dão, as crianças são sujeitas dessas mudanças,

agentes de transformação, não são apenas passivas dos acontecimentos ao seu redor, e muitas vezes ignoramos esse ser complexo e transformador no contexto de sala de aula.

Dessa forma, ao entender a criança como participante ativa do mundo, temos que buscar

ao máximo a compreensão de seu contexto social e adequermo-nos às transformações his-, tóricas/culturais, marcadas pelas novas gerações e as demandas sociais atuais para esta-

belecer uma conexão com o universo infantil.

Aproximar-se da criança, levar elementos interdisciplinares que estimulem o diálogo e a

interação nas salas de aulas é fundamental nessa processo de busca, de construção de saberes, conceitos e concepções sobre o mundo, a vida e a sociedade complexa, além de despertar o auto-conhecimento das crianças e de todos os que estão inseridos nesse encon-

tro. Ensinar e aprender, falar e ouvir, construir relações, propor transformações e ser trans- formado, são atitudes e meios que estabelece uma educação humanizadora, aberta para compreender os diferentes contextos que nos cercam junto às crianças e constrbuir para o desenvolvimento de outras gerações.