You are on page 1of 29

doi:10.5007/1984-784X.

2016v16n25p3 3

COMO EXPLORAR UM ARQUIVO?

Raúl Antelo
UFSC

RESUMO: A escritura é um dispositivo e a história da cultura é um incessante corpo-a-corpo com ou-


tros dispositivos, particularmente, a linguagem. O sentido se produz onde o ser vivo, ao encontrar a
linguagem e pondo-se nela em jogo, exibe, em um gesto, a própria irredutibilidade a ela. A proposta
é percorrer um arquivo para resgatar as potencialidades da linguagem e assim reinventar a leitura
até mesmo dos textos mais canônicos.
PALAVRAS-CHAVE: Arquivo. Modernidade. Sentidos.

HOW TO EXPLORE AN ARCHIVE?

ABSTRACT: Writing is an apparatus and the history of culture is an incessant friction with other dis-
positives, particularly, the language. Meaning is produced where the living being, when the being
finds the language and is implicated in it, shows, in a gesture, its own irreducibility to the language.
The objective is to proceed through an archive in order to rescue the potentialities of language and
thus reinvent the reading even of the most canonical texts.
KEYWORDS: Archive. Modernity. Meanings.

Raúl Antelo é professor titular de Literatura Brasileira no Departamento de Língua e Literatura


Vernáculas e professor do Programa de Pós-Graduação em Literatura da Universidade Federal de
Santa Catarina. Pesquisador CNPq.

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


doi:10.5007/1984-784X.2016v16n25p3 4

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 5

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 6

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 7

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 8

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 9

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 10

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 11

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 12

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 13

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 14

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 15

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 16

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 17

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 18

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 19

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 20

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 21

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 22

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 23

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 24

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 25

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 26

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 27

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 28

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 29

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 30

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|


como explorar um arquivo?
raul antelo 31

|boletim de pesquisa nelic, florianópolis, v. 16, n. 25, p. 3-31, 2016|