Вы находитесь на странице: 1из 2

Delegação Regional do Norte

Centro de Formação Profissional de Bragança

PLANIFICAÇÃO DE SESSÕES / MÓDULO


Ação: Q+_VIDA ATIVA Ação n.º 03

UFCD: MV3D – Raciocinar matematicamente de forma dedutiva e de forma indutiva


Nome do/a Formador/a: Carlos Duarte Louçano Moura Pires Data:

Objetivos Gerais: Compreender e usar conexões matemáticas em contexto de vida.

Conteúdos Métodos e Atividades Recursos Forma de Duração


Objectivos Específicos
Teórico/Práticos Pedagógicas Didáticos Avaliação (Horas)
 Inferir leis de formação de  Equações
sequências, numéricas ou  Resolução de Equações;
geométricas, utilizando simbologia  Propostas de trabalho A avaliação é
 Classificação de
matemática, nomeadamente  Em cada sessão serão distribuídas fornecidas pelo formador. processual e
equações;
expressões designatórias. propostas de trabalho. essencialmente
 Computador.
 Resolução de problemas formativa, com
 Revelar competências de cálculo,  Ao longo das sessões o formador
usando equações;  Videoprojetor. recurso a grelhas
apresentando nomeadamente orienta o trabalho dos formandos e de observação ao
exemplos de situações em que um esclarece eventuais dúvidas.  Calculadora. 50 horas
 Teorema de Pitágoras longo do período
produto é menor que os factores e de
 Dedução/demonstração  Os formandos serão chamados a  Quadro; de formação sendo
situações em que o quociente é maior
participar, apresentando à turma os  Marcadores; contemplados os
que o dividendo. geométrica do teorema
raciocínios por eles efectuados e/ou seguintes
 Estabelecer conjecturas a partir da de Pitágoras;  Lápis; parâmetros:
conclusões obtidas.
observação (raciocínio indutivo) e  Resolução de problemas
 Régua;  Desempenho
testar conjecturas utilizando usando o teorema de
processos lógicos de pensamento.  Transferidor  Empenho;
Pitágoras.

Página 1 de 2
Delegação Regional do Norte
Centro de Formação Profissional de Bragança

 Esquadro;  Participação;

 Usar argumentos válidos para  Jornais;


justificar afirmações matemáticas,  Relações e regularidades:  Trabalho de
 Sequências numéricas;  Revistas; equipa;
verdadeiras ou falsas, como por
exemplo, a particularização e a  Sequências geométricas;  Sítios na Internet:
generalização.  Termo Geral de uma  Espírito de
entreajuda
 Usar modos particulares de raciocínio sequência;
 Ao longo de cada uma das sessões http://www.google.pt
matemático, nomeadamente a serão utilizados os métodos: http://www.apm.pt
redução ao absurdo.  Resolução de  Assiduidade;
exercícios/problemas http://www.atractor.pt
 Reconhecer as definições como envolvendo raciocínio http://alea-estp.ine.pt
 Demonstrativo  Pontualidade;
critérios embora convencionais e de matemático; 50 horas
 Ativo; http://www.contramat.com
natureza precária: necessários a uma
 Demonstração de  Interrogativo; http://www.fi.uu.nl/rekenwe  Postura em
clara comunicação matemática; de
organização das ideias e de propriedades matemáticas.  Expositivo. b/pt contexto de
classificação de objectos http://www.onuportugal.pt formação;
matemáticos. http://www.unesco.org/efa
http://www.espaçoprofesso  Atitude face ao
módulo de cada
r.pt
um dos
formandos;

 Evolução no
processo
formativo

O formador:_____________________________________

Página 2 de 2