Вы находитесь на странице: 1из 2

Curso de Educação e Formação de Adultos

EFA – Nível Secundário, Percurso A/C


2017/2018

Turma : EFA – NS-A


Curso: S – Tipo A e C (Escolar)
Diretor de Turma: Carlos Fernandes

Sociedade Tecnologia e Ciência (STC)


STC 3 – Saúde – Comportamentos e instituições
Proposta de trabalho n.º 1
Tema 1: Adota cuidados básicos de saúde em função de diferentes necessidades, situações e contextos de vida.

Ficha de Exploração
Super Size Me - 30 dias de Fast Food
Porque são os ocidentais tão gordos? Descubra-o em “Super Size Me – 30 dias de Fast Food”,
um olhar guloso sobre os custos legais, financeiros e físicos da fome dos americanos pela fast food.
Preocupantemente, 37% das crianças e adolescentes americanos têm peso a mais, e dois em
cada três adultos têm excesso de peso ou são obesos. Será culpa deles por falta de força de vontade,
ou será que a culpa é das empresas de fast food?
O realizador Morgan Spurlock fez-se à estrada e entrevistou especialistas em 20 cidades dos
Estados Unidos, incluindo Houston a “cidade mais gorda” da América. Desde médicos cirurgiões a
professores de ginástica, de cozinheiros a alunos, de legisladores às autoridades competentes, todas
estas entidades partilharam as suas pesquisas, opiniões e impressões sobre o cada vez maior
perímetro dos americanos.
De corpo e alma, Spurlock avançou para este trabalho, vivendo apenas de comida do
McDonald’s, durante um mês seguindo três simples regras:
1- Não havia alternativas. Ele só podia comer aquilo que estava disponível ao balcão (inclusive
água!).
2- Não comeria as doses maiores, a não ser que lhas propusessem.
3- Sem exceções: teria de comer de todos os itens do menu, pelo menos uma vez.
Tudo isto resultou em bastante dinheiro gasto em comida, atormentadas visitas aos médicos, e
um relato impressionante para todos aqueles que se interrogaram se seria possível viver apenas de
fast food.
O filme explora os horrores dos almoços escolares, o declínio da educação em Saúde e
Educação Física e das medidas extremas que as pessoas tomam para perder peso e recuperar a sua
saúde. Super Size Me - 30 dias de Fast Food, desfere uma satírica estocada à indústria bilionária da fast
food, unanimemente criticada por médicos, advogados e nutricionistas. “Vai querer batatas fritas?”
nunca vai soar igual!
1. Os seguintes temas foram tratados no filme. De acordo com o que assistiu no documentário
elabore um comentário tendo como base as alíneas que se seguem:
a) O equilíbrio entre as responsabilidades pessoais e das empresas acerca da comida que
come.
b) Os efeitos da publicidade e da notoriedade das marcas nas crianças pequenas.
c) Os refeitórios escolares e as comidas que lá são servidas.
d) A forma como os hábitos de exercício das crianças mudou desde a última geração.
2. A forma como hoje comemos - No início do filme, o realizador mostra imagens da esposa
dele a cozinhar na cozinha e contrasta-as com imagens de pessoas a comerem em restaurantes de fast
food.
Responda, sucintamente, às questões que se seguem:
1. O que estas imagens sugerem dos hábitos alimentares americanos.
2. Pensa que o mesmo se passa em Portugal?
3. Com que frequência janta com a sua família, à mesa, com comida feita em casa?
4. Com que frequência compra com a sua família, comida feita, e comem em casa?
5. Pensa que algumas refeições “prontas para levar” são mais saudáveis do que outras?
6. Com que frequência come com a sua família num restaurante de fast food?
7. Pensa que o papel da cozinha dentro dos lares mudou ao longo das gerações?
8. Compare o preço da comida fast food com a comida preparada em casa.
9. Comente a seguinte frase: “Os maiores culpados para a obesidade são as próprias
indústrias alimentares, nomeadamente o McDonald's, que criam mecanismos para ludibriar
e viciar, diretamente ou indiretamente, as crianças de todo o mundo a serem consumidores
fiéis, para o resto das suas vidas, dos seus produtos.”
10. O que é para si uma alimentação saudável?
11. O que é uma caloria/Joule ou kcal/kJ?
12. Serão as gorduras dispensáveis da nossa alimentação? Justifique.
13. Considera a alimentação “fast-food” saudável? Justifique a sua opinião.
14. Que doenças podem resultar de uma má alimentação?
15. A publicidade que os restaurantes “fast food” fazem será responsável pela deslocação das
pessoas às suas superfícies? Ou serão as próprias pessoas responsáveis por essa decisão
independentemente da publicidade?
16. Ao comer sanduíches e batatas fritas em excesso o que provoca aumento de peso?

Bom trabalho Carlos Fernandes

Похожие интересы