Вы находитесь на странице: 1из 3

CURSO: Psicologia

DISCIPLINA: Fundamentos das Medidas Psicológicas


PROFESSORA: Fátima Oliveira de Oliveira

RECOMENDAÇÕES PARA APLICAÇÃO DE TESTES

I) Antes da aplicação:

1) Estar seguro do objetivo visado pela aplicação.

2) Planejar a aplicação em época oportuna (por exemplo: não imediatamente antes ou após
férias escolares) e horário conveniente.

3) Ter-se submetido previamente ao teste.

4) Conhecer bem o manual de instruções.

5) Conseguir a cooperação do professor da turma (em se tratando de alunos) ou do gerente da


empresa (em se tratando de firmas comerciais ou industriais).

6) Verificar se os examinandos estão em boas condições de saúde, interesse, compreensão do


que irão fazer, etc.).

7) Verificar se os examinandos estão suficientemente motivados e informados do objetivo das


provas.

8) Praticar a leitura das instruções.

9) Verificar se há em estoque número suficiente de testes, lápis e de todo material necessário à


aplicação, inclusive cronômetro.

10)Verificar se o local de aplicação tem cadeiras suficientes para acomodar todos examinandos.

11) Verificar se há folhas de respostas em número suficiente e se os cadernos de prova estão em


boas condições.

12)Antecipar as perguntas que lhe serão feitas, tendo prontas as respostas.

13)Verificar se o local da aplicação tem boas condições de arejamento, iluminação, etc.

14)Providenciar para que a aplicação não seja interrompida por avisos, visitas, chamada, etc.
(Sugere-se preparar um cartaz com os dizeres: “Aplicação de prova – é proibida a entrada”).

Rua Universitária, 1.900 - CEP 95560-000 – Torres, RS


http://www.ulbra.br/torres - ulbratorres@ulbra.br
Telefone/Fax: +55 51 626-2000
II) Durante a aplicação:

1) Se nem todos examinandos estiverem presentes na hora de iniciar a prova, retardar o começo
para evitar interrupções.

2) Aplicar os testes de maneira calma e objetiva, para que os examinandos não considerem a
aplicação uma crise em suas vidas, mas também não a levem em brincadeira.

3) Seguir rigorosamente as instruções de aplicação, sem, no entanto, assumir uma atitude rígida
e antipática.

4) Não tentar dar as instruções completamente de memória. Ter sempre à mão as instruções
escritas para caso de dúvidas.

5) Ler as instruções clara e pausadamente, tomando o devido cuidado para que todos, mesmo os
que sentam no fundo da sala, possam compreender exatamente o que se pede.

6) Dentro dos limites permitidos pelo manual de instruções, esclarecer os pontos principais por
meio de esboços ou diagramas no quadro negro.

7) Evitar conversas a meia voz com qualquer pessoa que porventura esteja assistindo à
aplicação.

8) Não iniciar a prova sem estar seguro de que todos compreenderam o que devem fazer.

9) Dar para cada teste o limite exato de tempo preconizado pelo autor da prova.

10)No caso de um teste de duração longa (acima de 15 minutos), escrever no quadro negro o
tempo em que deve terminar o teste. (opcional)

11) Evitar olhar para o teste de determinado examinando por um período de tempo prolongado,
para não perturbá-lo.

12)Andar silenciosamente pela sala para poder substituir lápis sem ponta, responder às perguntas
permitidas e manter a ordem.

13)Evitar sair da sala de aplicação por qualquer motivo, mesmo durante os testes mais
prolongados.

14)Ao terminar a prova, recolher prontamente os cadernos de testes, não permitindo a nenhum
examinando que folheie as provas dos outros.

15)Inspecionar todos os cabeçalhos para ver se foram corretamente preenchidos.

16)Verificar se os testes foram completados por todos os examinandos, em caso de não haver
limite de tempo fixo.

Rua Universitária, 1.900 - CEP 95560-000 – Torres, RS


http://www.ulbra.br/torres - ulbratorres@ulbra.br
Telefone/Fax: +55 51 626-2000
III) Depois da aplicação:

1) Se o comportamento de algum examinando, durante a prova, sugerir que o seu teste deve ser
invalidado, anotar imediatamente o fato.

2) Verificar quais os examinandos que não compareceram à prova e providenciar para que
possam fazer o teste outro dia. (opcional)

3) Dar às pessoas que vão corrigir as provas todos os esclarecimentos porventura necessários.

4) Arrumar os cadernos de testes em envelopes com informações necessárias escritas na capa:


nome do teste, nome do aplicador, data da aplicação, grupo a que foi aplicado, observações,
etc.

5) Se outra pessoa corrigir os testes, fazer uma revisão antes de usar os resultados: se o próprio
aplicador faz a correção, pedir a outro que faça a revisão.

6) Se for necessário somar resultados parciais, conferir as somas com todo cuidado.

7) Se os resultados devem ser transcritos em relatórios ou fichas apropriadas, conferir se no


caderno da prova constam os dados essenciais: nome do examinado, idade, sexo, data de
aplicação, nome do aplicador, resultados alcançados, valor equivalente em percentis ou em
outras normas que foram usadas, grau de instrução do examinando, etc.

8) Anotar, imediatamente após a aplicação, qualquer observação que lhe ocorrer ou qualquer
fato que julgue de importância.

BIBLIOGRAFIA:

VAN KOLCK, O. L. Técnicas de exame psicológico e suas aplicações no Brasil. Petrópolis: Vozes,
1974.

PASQUALI, Luiz. Psicometria: teoria dos testes na psicologia e na educação. Petrópolis: Vozes,
2003.

Rua Universitária, 1.900 - CEP 95560-000 – Torres, RS


http://www.ulbra.br/torres - ulbratorres@ulbra.br
Telefone/Fax: +55 51 626-2000

Оценить