Вы находитесь на странице: 1из 2

Calendário de Vacinação Infantil – 2018

UBS Sebastião Magalhães de Negreiros Neto – Varjota / Ce


Enfermeiro: Walfrido Farias Gomes – COREN / CE 312.517
INT ER V AL O ****TEMPO
Nº DOSES INÍCIO DA VACINAÇÃO ENTRE AS DOSES
AGULHA
PROTEÇÃO HIPODÉRMICA
DE VALIDADE ALGUNS EVENTOS
VACINA CONTRA
COMPOSIÇÃO
VACINAÇÃO REVACINAÇÃO RECOMEN
VIA DE LOCAL DE
*DOSAGEM ADMINISTRAÇÃO APLICAÇÃO RECOMEN-
APÓS
ABERTO ADVERSOS
BÁSICA OU REFORÇO
MÍNIM A M ÁXIM A MÍNIMO
DADA
FRASCO
DADO

4 anos, Inserção Reações locais e/ou


Bactéria viva Depende da Intradérmica Inferior do 6 horas regionais.
BCG Tuberculose atenuada Dose única Indicação
Ao nascer 11 meses e __ __ 0,1 ml
(ID) músculo 13 x 3,8
(multidose) Úlcera>1 cm, abscessos,
29 dias deltoide direito
linfadenopatias.
Vasto
Partícula da cápsula 0,5 ml até Intramuscular lateral da 20 x 5,5 15 dias Reações locais.
Hepatite B (HB) Hepatite B do vírus antígeno 1 dose __ Ao nascer __ __ __ 19 anos - (IM) coxa esq. ou 25 x 6 (multidose) Febre, cefaléia, anafilaxia
de superfície acima 1 ml deltóide (raramente).
Poliomielite Vírus inativado 4 anos, Vasto lateral da 20 x 5,5 7 dias
3 doses __ 2 meses 11 meses e 60 dias 30 dias 0,5 ml Intramuscular
Poliomielite tipos I, II, e III coxa esq. 25 x 6 (multidose) Reações locais. Febre.
Inativada (VIP) 29 dias (IM)
1º ref. 9 meses 1º ref. 6 meses 5 dias e /ou Eventos sistêmicos leves.
Poliomielite Vírus vivo atenuado
1º Reforço: 15 meses
1 ano e 3 4 anos, após 3ª dose. após 3ª dose. 2º Oral
Poliomielite __ 11 meses e ref. 6 meses 2 gotas Cavidade Oral __ 4 semanas Reações de
Oral (VOP) tipos I, II, e III 2º Reforço: 4 anos
meses 29 dias
2º ref. 3 anos (VO)
após 1º ref. após 1º ref. (multidose) hipersensibilidade(raras)
1ªdose:1 mês
1ª dose: 3 meses e Dor abdominal, náuseas,
Rotavírus Humano Diarréia Vírus vivo
e 15 dias
15 dias Oral Uso imediato
Atenuado 2 doses __ 2ª dose:
2ª dose: 7 meses e 60 dias 30 dias 1,5 ml Cavidade Oral __ vômitos, invaginação
Oral (VORH) por rotavírus 3 meses e (VO) (monodose)
29 dias intestinal.
15 dias
Difteria, tétano, Bactéria morta e
produto de Reações locais.
coqueluche / 1º Reforço: 15 meses Uso imediato Febre, vômitos, irritabilidade,
DTP+Hib+HB toxinas/polissaca- 4 anos, Intramuscular Vasto lateral da 20 x 5,5 após preparo
meningite por rídeo do Hib, 3 doses 2 meses 11 meses e 60 dias 30 dias 0,5 ml coxa direita
choro prolongado, EHH,
(Penta) 2º Reforço: 4 anos, (IM) 25 x 6 convulsão e anafilaxia.
Haemophilus b/ conjugado a uma com a vacina DTP
29 dias (monodose)
hepatite B (raramente)
proteína /antígeno
de superfície de HB
Pneumocócica Pneumonias, Polissacarídeo Uso imediato Reações locais.
meningites, otites, capsular de 11 meses e Intramuscular 20 x 5,5 após preparo Febre, cefaléia, mialgias,
10 valente sinusites pelos sorotipos 10 sorotipos
3 doses 12 meses 2 meses 29 dias 60 dias 30 dias 0,5 ml
(IM)
Vasto lateral da
coxa esquerdo 25 x 6 (monodose) artralgia, astenia, EHH,
(Pneumo 10) que compõem a vacina pneumococos
choro prolongado.
Oligossacarídeo Reações locais.
Uso imediato
Meningocócica C Meningite tipo C conjugado com a 3 doses 12 meses 3 meses
11 meses e
60 dias 30 dias 0,5 ml
Intramuscular Vasto lateral da 20 x 5,5 após reconstituição
Febre, sonolência,
conjugada (Meningo C) proteína (197) 29 dias (IM) coxa direito 25 x 6 hipoatividades, cefaléia,
CRM (monodose) exantema, EHH.
Reforço: Com 4 anos Reações locais.
FA Vírus vivo (abaixo de 4 anos) Subcutânea Região 4 horas Febre, mialgia, cefaléia,
Febre amarela atenuado
1 dose 9 meses __ __ 30 dias 0,5 ml
(SC) deltoideana 13 x 4,5 artralgia, reações de
(Febre amarela) Reforço:A cada 10 anos (multidose)
(a partir de 5 anos) hipersensibilidades.
Reações locais.
SCR Sarampo Caxumba Vírus vivo 15 meses com Subcutânea Região 8 horas Febre, exantema, cefaléia,
atenuado
1 dose
Tetra viral
12 meses __ __ __ 0,5 ml
(SC) deltoideana 13 x 4,5 parotidite, artrite, púrpura,
(Tríplice viral) Rubéola (multidose)
trombocitopenica

Sarampo 1ano, Uso imediato Reações locais.


SCRV Vírus vivo
11 meses e 29
Subcutânea Região Febre, exantema, cefaléia,
Caxumba Rubéola + atenuado
1 dose __ 15 meses __ __ 0,5 ml
(SC) deltoideana 13 x 4,5 após reconstituição
(Tetra viral) Varicela Dias (monodose) parotidite, artrite, púrpura,
trombocitopenia
Culturas
celulares em 1 anos, Uso imediato Reações locais.
Hepatite A fibroblastos e Dose única __ 15 meses 11 meses e __ __ 0,5 ml
Intramuscular Vasto lateral da
25 x 6 após preparo Febre, diarreia, vômito,
Hepatite A (IM) coxa direita
(HA) inativadas pela 29 dias (monodose) fadiga e anafilaxia.
formalina
Reações locais.
Bactéria Morta e Considerar 1º Reforço: 15 meses 6 anos, 1º ref. 9 meses 1º ref. 6 meses Febre, vômitos, choro
DTP Difteria Tétano Produto de Bactéria doses anteriores 15 meses 11 meses e após 3ª dose. após 3ª dose. 2º
0,5 ml
Intramuscular Vasto lateral da
25 x 6
15 dias irritabilidade, prolongado,
2º ref. 3 anos ref. 6 meses (IM) coxa direita (multidose)
(Tríp lice bacteriana) Coqueluche (toxina) (3 doses) 2º Reforço: 4 anos 29 dias após 1º ref. após 1º ref.
EHH, convulsão e anafilaxia
(raramente)
A cada 10 anos.
Dt Produto de
Considerar
Gestantes/ferimentos Intramuscular Deltoide, vasto 15 dias Reações locais. Febre e
(Dupla bacteriana) Difteria e Tétano Bactéria (toxina)
doses anteriores
graves a cada
7 anos __ 60 dias 30 dias 0,5 ml
(IM) lat. da coxa 25 x 6
(3 doses) direita
(multidose) anafilaxia. (raramente)
Uso adulto 5 anos
Obs.: BCG – Crianças com baixo peso: adiar a vacinação até que atinjam 2Kg. Crianças vacinadas na faixa etária preconizada que CALENDÁRIO NACIONAL DE VACINAÇÃO
não apresentam cicatriz vacinal após 6 (seis) meses da administração da vacina, revacinar apenas uma vez.
Contatos prolongados de portadores de HANSENÍASE: vacinação seletiva, nas seguintes situações: IDADE VACINAS DOSES

BCG – ID Dose única


Ao nascer
 A partir de 1 (um) ano de idade:  Menores de 1 (um) ano de idade: Hepatite B Dose
- Sem cicatriz: administrar uma dose - Não vacinados: administrar 1 (uma) dose de BCG.
- Vacinados com uma dose: administrar outra dose de BCG, com - Comprovadamente vacinados: não administrar outra dose de Pentavalente
Rotavírus (VORH)
intervalo mínimo de seis meses após a dose anterior. BCG. 2 meses VIP 1ª dose
- Vacinados com duas doses: não administrar outra dose de - Comprovadamente vacinados que não apresentem cicatriz Pneumocócica 10
BCG. vacinal: administrar uma dose de BCG seis meses após a
3 meses Meningocócica C 1ª dose
dose de rotina.

Indivíduos expostos ao HIV: Pentavalente


Rotavírus (VORH)
- Crianças filhas de mãe HIV positiva podem receber a vacina o mais precocemente possível até os 18 meses de idade, se assintomáticas 4 meses VIP 2ª dose
e sem sinais de imunodeficiência; Pneumocócica 10
- Crianças com idade entre 18 meses e 4 (quatro) anos 11 meses e 29 dias, não vacinadas, somente podem receber a vacina BCG após
5 meses Meningocócica C 2ª dose
sorologia negativa para HIV;
- A partir dos 5 (cinco) anos de idade, indivíduos portadores de HIV não devem ser vacinados, mesmo que assintomáticos e sem Pentavalente
6 meses VIP 3ª dose
sinais de imunodeficiência. Entretanto, os portadores de HIV que são contatos intradomiciliares de paciente com hanseníase devem ser
avaliados do ponto de vista imunológico para a tomada de decisão. Pacientes sintomáticos ou assintomáticos com contagem de LT CD4+ 9 meses Febre Amarela Doce inicial

abaixo de 200/mm³ não devem ser vacinados. SRC (tríplice viral) 1ª dose
12 meses Pneumocócica 10 Reforço
Hepatite B – Em crianças, INICIAR esquema com VHB monovalente isolada nas primeiras 12 horas de vida e PROSSEGUIR Meningocócica C Reforço
esquema com PENTA. SE mãe HBsAg+, administrar vacina nas primeiras 12 horas de vida e HBIG o mais precocemente DTP 1ªReforço
possível (até SETE dias após o parto). A Hepatite B pode ser administrada para a população em qualquer faixa etária e/ou condição VOP 1ªReforço
15 meses Hepatite A Dose única
de vulnerabilidade, sendo a dose de 0,5 ml até 19 anos e acima desta faixa etária 1 ml; SCRV (tetra viral) Dose única

DTP 2ªReforço
VOP – NÃO utilizar em crianças hospitalizadas ou imunodeficientes, preferir VIP; 4 anos VOP 2ªReforço
Febre Amarela Reforço
VORH – Se regurgitar, cuspir ou vomitar após a vacinação, não repetir a dose, considerar dose válida;
Elaborado por:
Febre Amarela – Esta vacina não pode ser utilizada em gestantes e em mulheres que estejam amamentando; Walfrido Farias Gomes
COREN / CE 312.517
SCR e SCRV – Indicada vacinação em bloqueios de casos SUSPEITOS de sarampo e rubéola a partir dos 6 meses. Após a aplicação walfrido-wfg@hotmail.com
da vacina, recomenda-se NÃO engravidar por um período de 30 dias. Na primovacinação NÃO PODE SER APLICADA
simultaneamente com a vacina da Febre Amarela (FA). Respeitar o intervalo mínimo de 30 dias. O PNI NÃO disponibilizará a vacina OBS.: A aplicação de uma ou mais vacinas, no
mesmo dia, não oferece nenhum risco à pessoa
tetraviral para as crianças que não receberam a primeira dose da tríplice viral e aquelas acima de 2 anos de idade; vacinada, (exceto na primovacinação das vacinas
DTP – Utilizada para 1ª e 2ª dose de reforço das vacinas tetravalente/penta. SCR/SCRV e Febre Amarela).