Вы находитесь на странице: 1из 5

Revisão para prova

1 – O que vem a ser Topografia?


R: Palavra de origem grega, que significa Descrição do lugar, com a
representação gráfica, em escala, dos acidentes naturais e artificiais de uma
determinada região.
2 – O que é uma planta topográfica?
R. É a representação gráfica em projeção horizontal, dos acidentes geográficos
(naturais e artificiais) de uma parte da superfície terrestre.
3 – Qual o objetivo da Topografia?
R. Determinar o contorno, dimensão e posição relativa de uma porção limitada
da superfície terrestre, do fundo dos mares ou de interior de uma mina,
desconsiderando a curvatura terrestre (até entre 30 km).
4 – Qual a importância da Topografia?
R. Ela é a base de qualquer projeto e de qualquer obra realizada por
engenheiros ou arquitetos (estradas, barragens, núcleos habitacionais,
aeroportos,...).
5 – Qual é a diferença entre a Topografia e a Geodésia ?
R. A Topografia tem por finalidade mapear pequenas e médias áreas,
enquanto a Geodésia tem por objetivo as grandes áreas (leva em consideração
a esfericidade da Terra);
6 – Qual a diferença entre Planta Topográfica e Carta Geodésica?
R. A Planta é o resultado de um levantamento topográfico, enquanto a Carta é
fruto do levantamento Geodésico. A principal diferença é o tamanho das
distâncias medidas.
7 - O que é Datum e qual o mais utilizado no Brasil?
R. É um sistema de referência utilizado para o computo ou correlação dos
resultados de um levantamento. SAD69
Existem dois tipos de Datum: Vertical e Horizontal.
8 – O que é coordenada geográfica?
R. É o nome dado aos valores de latitude e longitude de um ponto sobre a
superfície terrestre.
9 – Quais são as grandezas medidas em um levantamento topográfico:
R. Angulares (ângulo horizontal e ângulo vertical) e Lineares (medidas diretas
e medidas indiretas de distancias).

10 – O que é distância horizontal?


R. E a distância medida entre dois pontos no plano horizontal.
11 – E a vertical?
R. É a distância medida entre dois pontos no plano vertical, que é
perpendicular ao plano horizontal entre estes dois pontos.
12 – Além das espécies de medidas lineares e angulares na Topografia,
podemos trabalhar ainda com que medidas?
R. Área (superfície) e volume.

16 - O que é Escala?
R. É a razão constante entre as distâncias reduzidas na planta (l =
comprimento linear gráfico) e as distâncias no terreno (L = comprimento
linear real).
E= l/L
Quando l > L => Escala de ampliação;
l = L => Escala natural;
l < L => Escala de redução.

17 – Cite alguns critérios para escolha da escala de uma planta:


R. 1 – Tamanho da folha utilizada; 2 – Tamanho da porção do terreno
levantada; 3 – Erro de graficismo ou precisão do levantamento.

Observação: O erro admissível na determinação de um ponto do terreno


diminui à medida em que a escala aumenta.
18 – O que é escala gráfica?
R. É a representação gráfica de uma escala nominal ou numérica.
19 – Cite alguns critérios que a escala gráfica deve obedecer:
R. 1 - Conhecer a escala nominal da planta; 2 – Conhecer a unidade e o
intervalo de representação desta escala; 3 – Traçar uma linha reta AB de
comprimento igual ao intervalo na escala da planta; 4 – Dividir esta linha em 5
ou 10 partes iguais; 5 – Traçar a esquerda de A um segmento igual ao
intervalo na escala da planta; 6 – Dividir este segmento em 5 ou 10 partes
iguais; 7 – Determinar a precisão gráfica da escala.
20 – As escalas a seguir são utilizadas em que tipo de aplicação?
1:50 – Detalhes de terrenos urbanos
1:100 ou 1: 200 – plantas de pequenos lotes e edifícios
1: 500 ou 1: 1000 – planta de arruamento e loteamentos urbanos
1: 1.000 ou 1:2.000 ou 1:5.000 – plantas de propriedades rurais.
1:5.000 ou 1:10.000 ou 1:25.000 - Planta cadastral de cidades e grandes
propriedades rurais ou industriais
21 - Para representar, no papel, uma linha reta que no terreno mede 450m,
utilizando-se a escala 1:4500, pergunta-se:
Qual será o valor desta linha em cm?
R: 10 cm
22 - A distância entre dois pontos, medida em uma planta topográfica é de
45cm. Para uma escala igual a 1:350, qual será o valor real para esta distância?
R. 1cm = 3,5 m no terreno
45 cm = x (m) => x = 45 x 3,5 => x = 157,50 m
23 – O que vem a ser medida direta e medida indireta de distâncias?
R. direta => É a distância determinada em comparação a uma grandeza
padrão previamente estabelecida, percorrendo no terreno o alinhamento que se
queira medir e comparando-se à medida padrão utilizada (m,cm,...);
Indireta => quando estas distâncias são calculadas em função de outras
grandezas, não havendo, portanto, necessidade de percorrê-las para compará-
las com a grandeza padrão.Os equipamentos utilizados na medida indireta
destas distâncias, são, principalmente: Teodolito e/ou Nível:
O teodolito é utilizado na leitura de ângulos horizontais e verticais e da régua
graduada (mira); o nível é utilizado somente para a leitura da régua.
24 – Quantos e quais são os fios estadimétricos:
R. 3 - FS, FM e FI
Fórmulas de apoio e lembretes importantes:
Distância Horizontal (visada horizontal): DH = 100*H
Distância Horizontal (visada inclinada): DH = 100*H*Cos²α
Diferença de Nível (distancia vertical): DN = 50*H*sen2α + FM – I
H = Fs – Fi
FM = (Fs+Fi)/2
25 - 1 – De um piquete no ponto A foi visada uma mira colocada no piquete
do ponto B. Na caderneta de campo, foram feitas as seguintes anotações:
Fio Inferior (Fi): 0,523 m
Fio Médio (Fm): 1,516 m
Ângulo vertical α (em visada descendente) = 10o e 30`; A=> B
Altura do Instrumento (I) = 1,670 m
Pede-se o seguinte:
a1) DH (Distancia horizontal) entre os pontos A e B;
a2) DN (Diferenca de Nível) entre os pontos A e B e determine o sentido da
inclinação;
a3) HA, sabendo que HB = 131,88m

R.
a1)Formula da distância horizontal (visada inclinada):
DH = 100*H*Cos²α
Cos² 10o e 30`= 0,967
FM = (Fs+Fi)/2 => Fs= 2FM - Fi
Fs = 2*1,516 – 0,523 => Fs = 2,509m
H = Fs – Fi => H = 2,509 - 0,523 => H = 1,986 m
DH = 100*H*Cos²α + C
DH = 100 * 1.986 * 0,967 => DH = 192,046m
a2) sen 2 *(10o e 30`) = 0,358
DN = 50*H*sen2α + FM – I
DN = 50*1,986*0,358 => DN=35,549m (+ => Declive)
a3) HB = HA + DN
HB = 131,88m - 35,549m => HB=96,331m

26 - Um teodolito encontra-se estacionado na estaca K1 de uma poligonal e a


cota (altitude) deste ponto e de 131,230 m. O eixo da luneta deste teodolito
encontra-se a 1,768 m do solo. Para a estaca K2, de cota X m, foram feitas as
seguintes leituras:
Fi = 0,388m
Fs = 2,676m
α = 8 o 45` (ascendente)
Calcule a distância horizontal, a diferença de nivel entre as estacas K1 e K2,
sentido de inclinação e a altitude de K2.
27 - Considere uma estrada com aclive constante de 13%. Admitindo que a
cota do ponto A do eixo da estrada é 73,405 m, calcule a cota do ponto B
também do eixo da estrada, sabendo que a distância que os separa numa carta
à escala 1:350 é 1,22 cm?

28 - Considere uma estrada com declive constante de 12%. Admitindo que a


cota do ponto A do eixo da estrada é 63,504 m, calcule a cota do ponto B
também do eixo da estrada, sabendo que a distância que os separa numa carta
à escala 1:450 é 1,30 cm?

29 - Considere uma estrada com declive constante de 11%. Admitindo que a


cota do ponto A do eixo da estrada é 63,504 m, calcule a cota do ponto B
também do eixo da estrada, sabendo que a distância que os separa numa carta
à escala 1:450 é 10,5 cm?

30 – Calcule os rumos dos alinhamentos AB e BC em função dos azimutes:


AB= 20o30`40” e BC= 191o40`30”.

31 – De posse dos azimutes anteriores (vantes), calcule os azimutes Ré


(contraazimutes) (BA e CB).

Похожие интересы