Вы находитесь на странице: 1из 5

APOSTILA DE EXERCÍCIOS DIREITO CONSTITUCIONAL II

Nome:

Turma:

Instituição:

Obs: Essa apostila não acarreta em pontuação. Sua finalidade é apenas para o aprendizado e
revisão do conteúdo ministrado.

1.Nos termos da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, os Territórios


Federais integram a União e sua criação, transformação em Estado ou reintegração ao
Estado de origem serão reguladas por:

a) Medidas provisórias
b) Leis delegadas
c) Lei ordinária
d) Lei complementar

2. Acerca da organização político-administrativa do Estado, julgue os itens a seguir.

I O desmembramento de um município será determinado por lei municipal, dentro do


período determinado por lei complementar federal, e dependerá de consulta prévia,
mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos, inexistindo a
necessidade de divulgação prévia de estudos de viabilidade municipal na imprensa
oficial.

II Os estados podem incorporar-se entre si, mediante a aprovação da população


diretamente interessada, por meio de plebiscito, e do Congresso Nacional, por lei
complementar.

III É permitida somente à União a criação de distinções entre brasileiros.

Assinale a opção correta.

a) Apenas o item I está certo.


b) Apenas o item II está certo.
c) Apenas os itens I e III estão certos.
d) Apenas os itens II e III estão certos.
e) Todos os itens estão certos.

3. Pedro e Antônio travaram intenso debate a respeito dos princípios fundamentais


encampados pela Constituição de 1988, dentre os quais, a forma de Estado adotada.
Após intensas reflexões a esse respeito, chegaram à única conclusão
constitucionalmente correta: a de que a forma de Estado prevista na Constituição é a:
a) federativa, caracterizada pela união indissolúvel dos Estados, do Distrito Federal e
dos Municípios.

b) republicana, caracterizada pela outorga do poder ao povo e pelo exercício direto ou


por meio de representantes eleitos.

c) federativa, caracterizada pela união indissolúvel dos Estados, do Distrito Federal,


dos Municípios e dos Territórios.

d) presidencial, em que o Chefe do Poder Executivo é eleito pelo povo, não sendo
escolhido entre os parlamentares.

e) federativa, caracterizada pela união dissolúvel dos Estados, do Distrito Federal, dos
Municípios e dos Territórios.

4. Julgue o item seguinte, relativo à classificação das Constituições e à organização


político-administrativa.

É competência comum da União, dos estados e dos municípios fiscalizar a produção e


o comércio de material bélico.

( ) certo

( ) errado

5. De acordo com a Constituição Federal, a edição de leis em matéria de


responsabilidade por dano ao consumidor é de competência

a) concorrente entre União e Estados, cabendo à União estabelecer normas gerais e


aos Estados o exercício da competência suplementar.

b) concorrente entre União e Estados, cabendo à União legislar integralmente sobre o


tema, estabelecendo normas gerais e específicas, e aos Estados apenas o exercício da
competência para editar decretos regulamentares.

c) concorrente entre Estados e Municípios, cabendo aos Estados estabelecer normas


específicas e aos Municípios o exercício da competência suplementar, sendo vedado à
União dispor sobre o tema.

d) privativa da União, que pode, no entanto, autorizar os Estados, mediante edição de


lei complementar, a legislar sobre questões específicas nesse tema.

e) privativa da União, cabendo aos Estados e aos Municípios apenas o exercício da


competência para editar decretos regulamentares para a fiel execução da lei federal.
6. Tendo em vista a organização do Estado e o fato de que o texto constitucional prevê
a possibilidade de determinados órgãos do Poder Judiciário requisitarem ao presidente
da República intervenção federal no caso de desobediência à ordem ou à decisão
judiciária, julgue o item seguinte.

Nos casos de requisição de intervenção federal, o presidente da República estará


obrigado a editar o decreto de intervenção, não lhe cabendo, a despeito da sua
condição de chefe do Poder Executivo, exercer juízo de conveniência ou de
oportunidade da providência requerida.

( ) certo

( ) errado

7. Caso o Estado X decida intervir no Município Y, segundo os ditames da Constituição


Federal, é correto afirmar que a intervenção poderá ocorrer se

a) o município Y deixar de pagar, sem motivo de força maior, por 1 ano consecutivo, a
dívida fundada.

b) for necessário que o Estado X ponha fim a grave comprometimento da ordem


pública.

c) o município Y não tiver aplicado o mínimo exigido da receita municipal na


manutenção e desenvolvimento do desporto e cultura.

d) o município Y não tiver aplicado receita mínima na consecução e desenvolvimento


de políticas urbanas e agrárias.

e) o Tribunal de Justiça der provimento a representação para assegurar a observância


de princípios indicados na Constituição Estadual, ou para prover a execução de lei, de
ordem ou de decisão judicial.

8. Ao disciplinar a organização político-administrativa da República brasileira, a


Constituição Federal estabelece que a União

a) não intervirá, jamais, nos Estados, já que adota o princípio da não intervenção.

b) não intervirá nos Estados nem no Distrito Federal, exceto, dentre outras hipóteses
expressamente previstas, para reorganizar as finanças da unidade da Federação que
suspender o pagamento da dívida fundada por mais de dois anos consecutivos, salvo
motivo de força maior.

c) intervirá nos Estados sempre que entender necessária sua intervenção, o que se fará
por meio de decreto do Presidente da República, que somente poderá ser editado
mediante prévia autorização do Senado Federal e referendo do Supremo Tribunal
Federal.
d) intervirá nos Estados e no Distrito Federal para garantir o livre exercício dos Poderes
Executivo e Legislativo, sendo proibida, contudo, sua intervenção no Poder Judiciário,
já que a este é atribuída a função de administração da Justiça na sociedade.

e) está autorizada a intervir nos Municípios dos Estados e do Distrito Federal quando
deixar de ser paga, sem motivo de força maior, por um ano, a dívida fundada.

9. A respeito do Princípio da Separação de Poderes (princípio do Direito


Constitucional), assinale a alternativa correta

a) O legislador constituinte originário elegeu a separação de Poderes como cláusula


pétrea da Constituição Federal de 1988.

b) São Poderes da República, independentes e harmônicos entre si, o Legislativo, o


Executivo, o Judiciário e o Ministério Público.

c) Como exemplo do sistema de freios e contrapesos do Princípio da Separação de


Poderes, os membros do Supremo Tribunal Federal são escolhidos pelo Senado
Federal e se submetem à aprovação da Presidência da República.

d) O Judiciário exerce tipicamente a jurisdição e a fiscalização contábil, financeira e


orçamentária dos dinheiros públicos.

e) O Poder Legislativo tem como função típica a atividade de legislação, sendo


responsável pela edição de medidas provisórias.

10. Considerando o modelo constitucional de repartição das competências e dos bens


dos entes federados, julgue o próximo item, a respeito da organização do Estado.

Os rios que banhem mais de um estado e que sejam provenientes de outros países são
considerados bens da União.

( ) certo

( ) errado

GABARITO:

1. D
2. B
3. A
4. ERRADO
5. A
6. ERRADO
7. E
8. B
9. A
10. CERTO