Вы находитесь на странице: 1из 7

ACTIVIDA D E S

EDUC A TIV A S

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL

ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO

LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO BÁSICA 3º ANO TURMA A

UC: INTRODUÇÃO ÀS DIDÁCTICAS DO PORTUGUÊS

DOCENTE: PROFª HELENA CAMACHO

DISCENTES: ILDA MARIA FERNANDES BATISTA PEREIRA


E
NATALINA MARIA DA SILVA RIBEIRO

ANO LECTIVO 2009/ 2010

PLANIFICAÇÃO DE ACTIVIDADES

1
PARA DESENVOLVER EM CONTEXTO EDUCATIVO COM
CRIANÇAS DO PRÉ-ESCOLAR E DO 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO,
NO ÂMBITO DA LÍNGUA PORTUGUESA

TREINO DA CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA

“VAMOS FORMAR RIMAS”


ACTIVIDADE 1

Pré-Escolar – Com o grupo de crianças, a educadora irá expor os


cartões com as várias imagens, pedindo às crianças que digam os
respectivos nomes. E regista-os num espaço bem visível, colocando ao
lado, o cartão correspondente. Seguidamente, repete as palavras escritas
e pede às crianças que tentem descobrir as que formam rima (partindo de
um princípio que já exemplificou e esclareceu o que se entende por
rima).
Seguidamente, agrupa os cartões (dois a dois) que formaram uma rima e
DESCRIÇÃO começa a construção frásica das mesmas com as crianças, fazendo
DA igualmente um registo escrito bem visível.
ACTIVIDADE Por fim, ao lado de cada frase construída, as crianças fazem o desenho
das palavras rimadas.

1º Ciclo – Divide-se a turma em três ou quatro grupos. A cada grupo é


entregue um conjunto dos 18 cartões. Depois de ser bem explicado a
forma como o jogo se processa, as crianças, autonomamente, irão
identificar as imagens, encontrar as rimas e construir as respectivas
frases. Seguidamente, cada grupo vai dizer e mostrar a toda a turma os
nomes com que identificou as imagens e as frases construídas a partir
das mesmas.
Por fim, ao lado de cada frase, as crianças fazem um desenho alusivo à
mesma.
Estimular a oralidade para o desenvolvimento da consciência fonológica
na criança;
OBJECTIVOS desenvolver a capacidade de identificar rimas;
estimular a criança na escrita e na leitura.
A educadora/ professora conversa com os seus alunos em grande grupo,
definindo as tarefas da actividade.
Pré-Escolar – Trabalho realizado em grande grupo, com a
participação/orientação permanente do adulto, tanto na oralidade como
na escrita.

2
ESTRATÉGIAS 1º Ciclo – A turma divide-se em 3 ou 4 pequenos sub-grupos. A
professora faz uma introdução ao trabalho, definindo tarefas e objectivos
da actividade.
Após essa primeira etapa, cada sub-grupo, sob a orientação da
professora, irá proceder à apresentação do seu trabalho ao grande grupo.
18 Cartões com imagens. Cada cartão tem uma imagem diferente e um
RECURSOS espaço tracejado por baixo da mesma, destinado à identificação escrita
da imagem. Tem um círculo no canto superior esquerdo, onde se deve
colocar o nº da rima. Ex: cartão das uvas – nº 1; cartão das luvas – nº 1.

Pré-Escolar – através da exposição de imagens e registo escrito pela


educadora.
PÚBLICO-ALVO 1º Ciclos do Ensino Básico (2º e 3º ano) – as crianças farão,
autonomamente, o registo escrito por baixo das respectivas imagens, tal
como a construção frásica referentes à rima das mesmas.

“SEGMENTAÇÃO DE SÍLABAS”
ACTIVIDADE 2

Jogo do pé-coxinho (Costa, 2003)

No pátio, o professor ou um aluno, coloca no chão um percurso com


arcos, que são numerados com um cartão no seu interior.
O professor tem na sua posse um saco com imagens alusivas a animais,
algumas coladas em cartão preto, outras (a maioria) em cartão branco.
O primeiro jogador tira um cartão do saco, ao acaso, e diz em voz alta o
nome da imagem representada. Todos deverão participar na divisão
DESCRIÇÃO
dessa palavra em sílabas, com a orientação do professor.
DA Uma vez identificado o número correcto de sílabas que compõem a
ACTIVIDADE palavra representada no cartão, o jogador (i) avança o mesmo número de
casas no percurso, se o cartão for branco, ou (ii) recua esse número de
casas, se o cartão for preto. Quando sai um cartão preto logo na primeira
jogada, em que o jogador ainda se encontra na partida e não pode recuar,
esse jogador perde a vez para o colega seguinte. A realização do
percurso, quer para a frente quer para trás, é feita ao “pé-coxinho”.
O segundo jogador tira um cartão do saco e o procedimento repete-se.
Ganha o jogador que conseguir chegar ao fim do percurso em primeiro
lugar.

Desenvolver a capacidade de dividir as palavras em sílabas.


OBJECTIVOS

Todo o grupo reunido no pátio.


ESTRATÉGIAS Os alunos, oralmente, identificam e contam as sílabas do nome do

3
animal representado na imagem.
Jogo de competição.

RECURSOS Conjunto variável de arcos.

PÚBLICO-ALVO 1º Ciclos do Ensino Básico (1º e 2º ano)

DISCRIMINAÇÃO AUDITIVA

ACTIVIDADE 3

Adivinhar sons
DESCRIÇÃO
DA Com os alunos de olhos fechados, o professor produz uma sequência de
ACTIVIDADE sons, utilizando objectos e mobiliário da sala (por exemplo: rasgar papel,
bater com o lápis na mesa, deixar cair uma moeda na mesa, etc.).
Seguidamente, um aluno tenta reproduzir a sequência de sons, tentando
usar os mesmos meios utilizados pelo professor. Este repete novamente
a mesma sequência, desta vez com a classe a observar e propõe que se
dêem nomes aos sons (arranhar, riscar, tilintar, etc.).
A actividade pode continuar, sendo seleccionado um aluno a inventar a
sua sequência de sons.

Desenvolver a capacidade de ouvir e discriminar os sons circundantes.


OBJECTIVOS
Desenvolver a capacidade de memorizar e identificar a sequência de
sons.

O professor repete a produção dos sons, por uma ordem diferente da


ESTRATÉGIAS inicial. Individualmente os alunos têm que identificar em que posição
(primeira, segunda…) se encontrava cada som.

RECURSOS Objectos diversos (mobiliário e materiais da sala de aula)

PÚBLICO-ALVO 1º Ciclos do Ensino Básico (1º e 2º ano), Pré-escolar

4
JOGO: “VAMOS FORMAR RIMAS”

5
JOGO JOGO
“VAMOS
FORMAR
“VAMOS RIMAS”
FORMAR
RIMAS” 1º - Formar os 6 pares de
rimas e colocar os nºs no
Licenciatura em Educação Básica
círculo das respectivas.
2º - Fazer uma cruz nas
Escola Superior
imagens que não
de 6
Educação de Setúbal formarem rima com
nenhuma das outras.
7