Вы находитесь на странице: 1из 36

Curso de Sistemas de Informação

2
0
1
7

Gerência de Projetos -
1

Prof.ª Caroline Queiroz Santos


Como os projetos são organizados?
A estrutura da organização executora pode influenciar em muito no
gerenciamento do projeto.

Frequentemente, irá restringir a disponibilidade ou as condições sob as quais os


recursos se tornam disponíveis para o projeto.

A maturidade da organização com respeito a sistemas de gerência de projeto,


cultura, estilo, estrutura organizacional e escritório de gerência de projetos
podem, também, influenciar o projeto.

2
Estrutura Organizacional
Organização Funcional
Diretor
Industrial

Segurança do
Engenharia Produção Suprimentos Meio Ambiente
Trabalho

Líder do Operador de Engenheiro de Assessor de


Comprador
Projeto Máquina Segurança Meio Ambiente

Coordenação do
Projeto
3
Estrutura Organizacional
Organização Matricial Diretor
Industrial

Segurança do
Engenharia Produção Suprimentos Meio Ambiente
Trabalho

Líder do Operador de Engenheiro de Assessor de


Comprador
Projeto Máquina Segurança Meio Ambiente

Coordenação do
Projeto
4
Estrutura Organizacional
Organização Projetizada
Diretor
Industrial

Segurança do
Engenharia Produção Suprimentos Meio Ambiente
Trabalho

Líder do Operador de Engenheiro de Assessor de


Comprador
Projeto Máquina Segurança Meio Ambiente

Coordenação do
Projeto
5
Influência das estruturas
organizacionais nos projetos
Estrutura da Matricial
Organização
Funcional Projetizada
Características Fraca Balanceada Forte
do Projeto
Autoridade do GP Pouca ou Nenhuma Baixa Baixa a moderada Moderada a alta Alta a quase total

Disponibilidade de Pouca ou Nenhuma Baixa Baixa a moderada Moderada a alta Alta a quase total
recursos

Quem gerencia o Gerente Funcional Gerente Funcional Misto GP GP


orçamento do projeto

Papel do GP Tempo parcial Tempo parcial Tempo integral Tempo integral Tempo integral

Equipe administrativa do Tempo parcial Tempo parcial Tempo parcial Tempo integral Tempo integral
gerenciamento de
projetos

6
Níveis de Autoridade do Gerente de Projeto e
Estrutura Organizacional

7
Grupos de processos de um projeto
Projetos são compostos de processos
◦ Processo é uma série de ações que gera um resultado
◦ Processos de projetos são realizados por pessoas
Processo orientado a produto
◦ São as tarefas relacionadas com a especificação e a criação do produto ou do resultado do projeto
◦ Os processos orientados a produtos são definidos pelo ciclo de vida do projeto e variam de acordo
com a área de aplicação
Processo da gerência de projetos
◦ São tarefas relacionadas com a descrição, a organização e a conclusão do trabalho
◦ Essas tarefas se aplicam a todo tipo de projeto
Existe uma interação e sobreposição dos processos orientados a produto e dos
processos de gerência de projetos

8
Grupos de processos de um projeto
Os processos de gerenciamento de projetos definem:
◦ O trabalho a ser realizado
◦ Em que prazo e custo deverá ser realizado
◦ Com qual qualidade
◦ Quem realizará as atividades do projeto
◦ Como se dará a comunicação
◦ Quais os riscos inerentes ao projeto
◦ O que será contratado externamente e como
◦ O gerenciamento integrado de todos os elementos do projeto.

9
Grupos de processos
Processos de gerência de projetos podem ser organizados em cinco grupos, onde cada grupo contém um
ou mais processos.

10
Grupos de processos
Processos de Iniciação
◦ Processo de tratam de identificar a necessidade a ser atendida pelo projeto e a estruturação do projeto
◦ São definidos a missão e os objetivos

Processos de Planejamento
◦ São definidas as atividades do projeto, suas interações e distribuição no tempo, os recursos necessários à execução das atividades, os custos e
produtos gerados de cada atividade

Processos de Execução
◦ Processos relacionados à implementação do que foi planejado
◦ Demandam grande parte do esforço e orçamento

Processos de Monitoramento e Controle


◦ Processos de acompanhamento e verificação das atividades realizadas em relação ao que foi planejado
◦ Tomada de ações corretivas e preventivas

Processos de Encerramento
◦ Tratam do encerramento do projeto, o aceite final do produto e a finalização da documentação
◦ Avaliação dos trabalhos realizados e lições aprendidas

11
Grupos de processos
Os grupos de processos se ligam pelos resultados que produzem
◦ A saída de um grupo é a entrada de outro grupo
◦ Ou seja, podemos descrever cada processo em termos de:
◦ Entradas  documentos ou itens documentáveis, que influenciarão o processo
◦ Ferramentas e técnicas  mecanismos aplicados às entradas para criar saídas
◦ Saídas  documentos ou itens documentáveis, resultantes do processo

Além disso, os grupos de processos não são separados ou descontínuos e nem


acontecem uma única vez no projeto
As atividades se sobrepõem e ocorrem com intensidades variáveis em cada fase
do projeto

12
Os grupos de processos interagem
em uma fase ou em um projeto

13
Áreas de
Conhecimento em
Gerenciamento de
Projetos

14
Áreas de Conhecimento
1. Integração
2. Escopo
3. Tempo
4. Custo
5. Qualidade
6. Recursos Humanos
7. Comunicações
8. Riscos
9. Aquisições
10. Partes Interessadas (Stakeholders)

47 processos distribuídos em 10 áreas de conhecimento


15
Áreas de Conhecimento
1. Gerenciamento da Integração
Inclui os processos e atividades para identificar, definir, combinar, unificar e
coordenar os vários processos e atividades dentro dos grupos de processos de
gerenciamento do projeto.
◦ Desenvolver o termo de abertura do projeto
◦ Desenvolver o plano de gerenciamento do projeto
◦ Orientar e gerenciar o trabalho do projeto
◦ Monitorar e controlar o trabalho do projeto
◦ Realizar o controle integrado de mudanças
◦ Encerrar o projeto ou fase

16
Áreas de Conhecimento
2. Gerenciamento do Escopo
Inclui os processos necessários para assegurar que o projeto inclui todo o
trabalho necessário, e apenas o necessário, para terminar o projeto com
sucesso. O gerenciamento do escopo do projeto está relacionado
principalmente com a definição e controle do que está e do que não está
incluso no projeto.
◦ Planejar o gerenciamento do escopo
◦ Coletar os requisitos
◦ Definir o escopo
◦ Criar a EAP
◦ Validar o escopo
◦ Controlar o escopo

17
Áreas de Conhecimento
3. Gerenciamento de Tempo
Inclui os processos necessários para gerenciar o término pontual do
projeto.
◦ Planejar o gerenciamento do cronograma
◦ Definir as atividades
◦ Sequenciar as atividades
◦ Estimar os recursos das atividades
◦ Estimar as durações das atividades
◦ Desenvolver o cronograma
◦ Controlar o cronograma

18
Áreas de Conhecimento
4. Gerenciamento de Custos
Inclui os processos envolvidos em planejamento, estimativas,
orçamentos, financiamentos, gerenciamento e controle dos
custos, de modo que o projeto possa ser terminado dentro do
orçamento aprovado.
◦ Planejar o gerenciamento dos custos
◦ Estimar os custos
◦ Determinar o orçamento
◦ Controlar os custos

19
Áreas de Conhecimento
5. Gerenciamento da Qualidade
Inclui os processos e as atividades da organização executora que
determinam as políticas de qualidade, os objetivos e as
responsabilidades, de modo que o projeto satisfaça às
necessidades para as quais foi empreendido.
◦ Planejar o gerenciamento da qualidade
◦ Realizar a garantia da qualidade
◦ Realizar o controle da qualidade

20
Áreas de Conhecimento
6. Gerenciamento de Recursos Humanos
Inclui os processos que organizam, gerenciam e guiam a equipe do
projeto. A equipe do projeto consiste das pessoas com papéis e
responsabilidades designadas para completar o projeto.
◦ Desenvolver o plano dos recursos humanos
◦ Mobilizar a equipe do projeto
◦ Desenvolver a equipe do projeto
◦ Gerenciar a equipe do projeto

21
Áreas de Conhecimento
7. Gerenciamento das Comunicações
Inclui os processos necessários para assegurar que as informações
do projeto sejam planejadas, coletadas, criadas, distribuídas,
armazenadas, recuperadas, gerenciadas, controladas, monitoradas
e finalmente dispostas de maneira oportuna e apropriada.
◦ Planejar o gerenciamento das comunicações
◦ Gerenciar as comunicações
◦ Controlar as comunicações

22
Áreas de Conhecimento
8. Gerenciamento de Riscos
Inclui os processos de planejamento, identificação, análise,
planejamento de respostas e controle de riscos de um projeto.
◦ Planejar o gerenciamento dos riscos
◦ Identificar os riscos
◦ Realizar a análise qualitativa dos riscos
◦ Realizar a análise quantitativa dos riscos
◦ Planejar as respostas aos riscos
◦ Controlar os riscos

23
Áreas de Conhecimento
9. Gerenciamento de Aquisições
Inclui os processos necessários para comprar ou adquirir produtos,
serviços ou resultados externos à equipe do projeto.
◦ Planejar o gerenciamento das aquisições
◦ Conduzir as aquisições
◦ Controlar as aquisições
◦ Encerrar as aquisições

24
Áreas de Conhecimento
10. Gerenciamento das Partes Interessadas
Inclui os processos exigidos para identificar todas as pessoas, grupos ou
organizações que podem impactar ou serem impactados pelo projeto,
analisar as expectativas das partes interessadas e seu impacto no
projeto, e desenvolver estratégias de gerenciamento apropriadas para o
engajamento eficaz das partes interessadas nas decisões e execução do
projeto.
◦ Identificar as partes interessadas
◦ Planejar o gerenciamento das partes interessadas
◦ Gerenciar o engajamento das partes interessadas
◦ Controlar o engajamento das partes interessadas

25
26
Início de um Projeto
O início de um projeto surge de um problema, uma oportunidade ou
uma necessidade, que podem ser:

◦ Uma demanda de mercado


◦ Uma necessidade de negócios
◦ Uma solicitação de um cliente
◦ Um avanço tecnológico
◦ Um requisito legal
◦ Uma necessidade social

27
28
Grupo de Processos de Iniciação
É constituído pelos processos que
facilitam a autorização formal para
iniciar um novo projeto ou uma fase do
projeto.

O principal resultado da fase é o:


Termo de Abertura do Projeto
ou Project Charter.

29
Termo de Abertura do Projeto
É o documento que autoriza formalmente o projeto.
Concede ao Gerente de Projetos a autoridade para aplicar os recursos
organizacionais nas atividades do projeto.
Liga o projeto ao trabalho em andamento na organização.
Desenvolver o termo de
abertura do projeto:
entradas, ferramentas e
técnicas, e saídas:

30
Termo de Abertura do Projeto
 Nome do Projeto
O termo de abertura do projeto
documenta as necessidades do  Resumo das condições do Projeto

negócio, as premissas, restrições,  Justificativa


o entendimento das  Objetivos
necessidades e requisitos de alto  Gerente do Projeto
nível do cliente, e o novo  Produto do Projeto
produto, serviço ou resultado  Escopo do Projeto
que pretende satisfazer, tais  Restrições
como:  Premissas
 Sponsor ou Patrocinador
 Stakeholders ou Partes Interessadas

31
Termo de Abertura do Projeto
Restrições Premissas
São aspectos limitadores quanto às soluções a serem São condições pre-assumidas como verdadeiras, ou
desenvolvidas pelo projeto suposições a partir das quais o Projeto é concebido e
empreendido
Devem ser respeitados durante o planejamento, a
execução e o controle do projeto Geralmente são impostas pela equipe do projeto e,
caso não sejam respeitadas, aumentarão os riscos do
Geralmente são impostas pelo cliente, e podem limitar projeto
os custos do projeto, os prazos, pessoal, tecnologia e
outras questões Podemos considerar que as Premissas são verdades em
que se baseiam as expectativas, previsões e
Se não forem respeitadas, o projeto não poderá ser estimativas relacionadas ao Projeto
executado
As Premissas funcionam como um alicerce sobre o qual
o Projeto será elaborado e conduzido
Caso sejam violadas, podem alterar o curso das ações e
decisões a serem tomadas, influenciando também o
planejamento de atividades e os custos associados a
cada uma delas.

32
Termo de Abertura do Projeto
Exemplo:
Restrição

Premissa

Gerente do
Projeto

33
Estabelecendo objetivos...
Os objetivos descrevem o que se espera alcançar com o projeto
Devem estar alinhados com os objetivos do negócio
Devem seguir a regra SMART:
Specific (específico)
Measurable (mensurável)
Attainable (alcançável) Sem subjetividade!!!
Realistic (realista)
Timely (limitado no tempo)

34
Exercício em sala
Elabore o esboço do Termo de Abertura do Projeto do seu grupo de trabalho na
disciplina, com a maior quantidade de informações possíveis.

35
Referências
Project Management Institute. Um Guia do Conjunto de
Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos (PMBOK) 5ª ed.
Newtown Square: PMI, 2013.
Notas de Aula – PUC Minas. Profªs: Ana Catarina Lima Silva &
Rosilane Ribeiro da Mota.
Apostila de Gestão de Projetos como um Processo Empresarial –
IETEC. Prof. Clênio Senra. 2008.

36