Вы находитесь на странице: 1из 2

Unidade 1

1. Em determinado trecho da tubulação de água tratada há a possibilidade de introduzir o equipamento que adicionará substância
neutralizadora de pH. Você, engenheiro responsável, é consultado sobre a eficiência da dispersão da substância naquele ponto. Sabendo
da importância do escoamento se encontrar em regime turbulento para que isso ocorra, você lhes aconselha a manter uma vazão mínima.
Assim, qual será essa vazão mínima para que o escoamento atenda o critério, haja vista ser uma tubulação de 350 mm, escoando água (ρ -
1000 kg/m3 e μ - 10-3N.s/m²)?
Escolha uma:
a. 11,5l/s.
b. 0,46 l/s.
c. 4,62.10-3 m³/s.
d. 1,09.10-3 m³/s.
e. 1,15.10-6 m³/s.

2. Considerando a massa específica da água (ρ) de 1000 kg/m3 e viscosidade dinâmica (μ)10-3 N.s/m2, qual será o valor do número de
Reynolds e o regime que se enquadra um escoamento de água com velocidade de 1,5 m/s em uma tubulação de 10 cm de diâmetro.
Escolha uma:
a. 14700000 – regime turbulento
b. 150000 – regime turbulento
c. 147 – regime laminar
d. 14700 – regime turbulento
e. 14700000 – regime laminar

3. Para um escoamento de água (ρ - 1000 kg/m3 e μ - 10-3 N.s/m²) em tubulação de 350 mm, qual é a vazão máxima para que esse
escoamento se enquadre no regime laminar e assim, mantenha as características adequadas ao uso que seu proprietário planeja para ele.
Escolha uma:
a. 8 l/s.
b. 0,55 L/s.
c. 5,6.10-6 m³/s.
d. 0,008 m³/s.
e. 5,8.10-3 m³/s.

4. Aplicando os conceitos e fórmulas de perda de carga, determine as perdas de carga totais e a representação, em porcentagem,
das perdas de carga localizadas de uma tubulação com as seguintes características:
Q=12 l/s Diâmetro=
10 cm
Comprimento= 32 m
Material= ferro fundido (ɛ= 0,0002591m) Massa
específica= 980 kg/m³
Viscosidade dinâmica da água 20°C – μ= 10-3 N.s/m²
Gravidade= 9,8 m/s²
Com uma válvula de gaveta (0,2) e um cotovelo de 90° raio longo (0,6). Escolha
uma:
a. 1,53 m/s e 7,5%
b. 0,031 e 1,53 m/s
c. 1,28 m e 7,5%
d. 1,53 m/s e 149.940
e. 1,53 m/s e 2,6x10-3

5. Determine as perdas de carga totais de uma tubulação de ferro fundido (ɛ= 0,0002591m), 15 cm de diâmetro e 47 m de comprimento. Na
qual há o escoamento de água (ρ= 1000 kg/m³ e μ= 10-3N.s/m²) com vazão de 18 l/s. A citada tubulação ainda possui uma válvula de gaveta (k=
0,2) e dois cotovelos de 90° raio longo (k= 0,6).
Dados: gravidade= 9,8 m/s². Escolha
uma:
a. 0,574 m.
b. 1,02 m/s.
c. 1,02 m.
d. 1,5x105 m.
e. 5,75 m.
6 A perda de carga corresponde à parcela de energia mecânica do escoamento que é irreversivelmente convertida em energia térmica por efeito
do atrito viscoso. Considera-se a perda de carga total como a soma de dois tipos diferentes de perda de carga, que são: distribuída e localizada
(LIVI, 2004, p.93).
Sabendo disso, determine a perda de carga total de uma tubulação de ferro fundido (ɛ= 0,0002591m), 20 cm de diâmetro e 63 m de
comprimento. Na qual há o escoamento de água (ρ= 1000 kg/m³ e μ= 10-3 N.s/m²) com vazão de 27 l/s. A citada tubulação ainda possui uma
válvula de gaveta (k= 0,2).
Dados: gravidade= 9,8 m/s² Escolha
uma:
a. 0,47 cm.
b. 86 cm/s.
c. 0,029 m.
d. 0,353 m.
e. 0,86 m/s.