Вы находитесь на странице: 1из 4

Ano Lectivo | 201x

SEBENTA VIRTUAL

DATA: DISCIPLINA: Língua Portuguesa CLASSE: 8.ª

PROFESSOR:

TEMA: Discurso directo e discurso indirecto

Na escrita, o discurso direto caracteriza-se pela utilização de alguns sinais


gráficos que permitem identificar as falas das personagens: dois pontos,
parágrafo, travessão, aspas e itálico.

O discurso indireto, por sua vez, não apresenta estes sinais gráficos, apresenta
um relato feito apenas por um narrador e são feitas várias alterações: nos pronomes pessoais utilizados,
nos determinantes possessivos e demonstrativos, nos tempos verbais, nos advérbios, por exemplo. O
quadro seguinte apresenta vários exemplos destas transformações.

Discurso direto Discurso indireto


Pronomes pessoais de 1ª e 2ª pessoas: Pronomes pessoais de 3ª pessoa:
eu, tu ele, ela
me, te o, a, lhe, se
mim, comigo, te, contigo ele, ela
nós, vós eles, elas
nos, vos os, as, lhes, se
connosco, convosco eles, elas

Exemplo:
– Eu quero ver-te mais bem-disposto. – disse o pai O pai (ele) disse ao João que queria vê-lo mais
ao João. bem-disposto.

Determinantes e pronomes possessivos de 1ª e 2ª Determinantes e pronomes possessivos de 3ª


pessoas: pessoa:
Meu, meus, minha, minhas, nosso, nossa... Seu, seus, sua, suas, dele, dela, delas…

Exemplo: Exemplo:
– Guardei os meus brinquedos de pequenina no A Maria confidenciou que tinha guardado os seus
velho sótão da minha casa. – confidenciou a brinquedos de pequenina no velho sótão da sua
Maria. casa.

AVA007 | 2016 Página 1 de 4


Discurso direto Discurso indireto
Determinantes e pronomes demonstrativos que Determinantes e pronomes demonstrativos que
indicam proximidade em relação ao locutor ou indicam afastamento em relação ao locutor ou
interlocutor: interlocutor:
este, esta, isto aquele, aquela, aquilo
esse, essa, isso

Exemplo: Exemplo: O José gritou que aquele rapaz era


- Este rapaz é mesmo teimoso! – gritou o José. mesmo teimoso.

TEMPOS E MODOS VERBAIS


 Presente do Indicativo  Pretérito Imperfeito do Indicativo

Exemplo: Exemplo: O Rui decidiu que nesse dia não pintava


– Não pinto mais hoje. – decidiu o Rui. mais.

 Presente do indicativo com valor de futuro  Modo condicional

Exemplo: Exemplo:
– Pinto o resto do quadro amanhã. – prometeu o O Rui prometeu que pintaria o quadro no dia
Rui. seguinte.

 Pretérito perfeito do indicativo  Pretérito mais-que-perfeito do indicativo

Exemplo: Exemplo:
– Já leste o livro? – perguntou a professora à A professora perguntou à Joana se já lera (ou
Joana. tinha lido) o livro.

 Futuro do indicativo  Modo condicional

Exemplo: Exemplo:
– Dançarei toda a noite! – garantiu a Rita. A Rita garantiu que dançaria toda a noite.

 Modo imperativo  Pretérito imperfeito do conjuntivo

Exemplo: Exemplo:
– Não percas o autocarro! – recomendou a mãe. A mãe recomendou ao filho que não perdesse o
autocarro.

 Presente do conjuntivo  Pretérito imperfeito do conjuntivo

Exemplo: Exemplo:
– É provável que encontremos o meu tio na feira. – O José afirmou que era provável que
afirmou o José. encontrassem o seu tio na feira.
 Futuro do conjuntivo  Pretérito imperfeito do conjuntivo

AVA007 | 2016 Página 2 de 4


Discurso direto Discurso indireto
Exemplo: Exemplo:
– Paulo, quando partires, leva contigo as rosas. – A Helena disse ao Paulo que quando partisse
disse a Helena. levasse consigo as rosas.

 Verbo vir  Verbo ir

Exemplo: Exemplo:
– Vens (verbo vir) comigo à festa? – perguntou a A Marília perguntou à amiga se esta ia (verbo ir)
Marília à amiga. com ela à festa.

 Verbo trazer  Verbo levar

Exemplo: Exemplo:
– Trouxe o meu pijama para dormir aqui. – disse a A Isabel disse que levara o seu pijama para
Isabel. dormir lá.

Advérbios e locuções adverbiais com valor temporal e espacial

Advérbios e locuções adverbiais com valor Advérbios e locuções adverbiais com valor
temporal temporal
agora, já, neste momento naquele momento, imediatamente, logo
ontem na véspera, no dia anterior
hoje naquele mesmo dia, nesse dia
amanhã no dia seguinte
logo depois
há pouco um pouco antes
daqui a pouco dali a pouco
no ano passado no ano anterior
há um mês um mês antes
na próxima semana… na semana seguinte

Exemplos: Exemplos:
– Hoje muda a hora. – avisou a Cláudia. A Cláudia avisou que nesse dia a hora mudaria.
– Agora passemos à sala de jantar. – propôs a Ana. A Ana propôs que passassem à sala de jantar
naquele momento.

Advérbios e locuções adverbiais com valor


locativo (espaço) Advérbios e locuções adverbiais com valor
aqui, cá, locativo (espaço)
aí, ali, lá, acolá ali, lá
lá, naquele lugar
Exemplo:
– É aqui que o Simão trabalha. – disse o Manuel. Exemplo:
O Manuel disse que era ali que o Simão

AVA007 | 2016 Página 3 de 4


Discurso direto Discurso indireto
trabalhava.
Vocativo
O vocativo desaparece ou passa a desempenhar
Exemplo: a função de complemento indireto.
– Susana, já mudaste de casa? – perguntou o Exemplo:
Henrique. O Henrique perguntou à Susana/perguntou-lhe se
já mudara de casa.
Frase interrogativa direta
Frase interrogativa indireta
Exemplo:
– Já chegou a encomenda? – perguntou a Exemplo:
Matilde. A Matilde perguntou se já chegara/tinha chegado
a encomenda.

AVA007 | 2016 Página 4 de 4