Вы находитесь на странице: 1из 15

Washington Pereira de Oliveira

TRABALHO FINAL DE ESTÁGIO DE ESPANHOL II

Belo Horizonte

2015

Washington Pereira de Oliveira Trabalho Final Trabalho Final apresentado à disciplina Análise da Prática e Estágio

Washington Pereira de Oliveira

Trabalho Final

Trabalho

Final

apresentado

à

disciplina

Análise

da

Prática

e

Estágio

de

Espanhol

 

II,

na

Faculdade

de

Educação

da

Universidade

Federal

de

Minas

Gerais.

Professora

 

orientadora:

Elizabeth Guzzo de Almeida.

 

Belo Horizonte

2015

 

2

Contato: washingtonl09@hotmail.com

INTRODUÇÃO Este escrito final apresenta a experiência de estágio que foi realizada no segundo semestre de

INTRODUÇÃO

Este escrito final apresenta a experiência de estágio que foi realizada no segundo semestre de 2015. A prática de estágio obrigatório é um requisito no curso de Letras, na disciplina de Análise da Prática e Estágio de Espanhol II para a formação de professores. O estágio começou com observações feitas em uma escola estadual localizada na periferia de Ibirité, região metropolitana de Belo Horizonte. As

atividades de observação se deram de maneira intercalada devido à falta de tempo para realizá-las de forma continua, ou seja, a prática foi realizada uma vez por semana, nas segundas-feiras, nos meses de setembro a novembro de 2015. Neste período, foram acompanhadas as aulas de três turmas da escola do Campo do Estágio, e neste relato se constarão as quatro fases do Plano Geral de Estágio, que são o Contato Inicial, a Observação Participante, a Produção Escrita e a Regência, que serão descritos a seguir.

Contato Inicial

Desde fevereiro deste ano (2015) sou professor designado de espanhol na Escola Estadual no Parque Elizabeth, onde faço a prática de estágio. Desde a minha designação sou professor no turno noturno. A princípio, dava aula para duas turmas da Educação de Jovens e Adultos (EJA), segmento de Ensino Médio (EM), e uma turma do 1º ano do EM. Neste segundo semestre as turmas foram remanejadas e, atualmente, estou com três turmas do EM (1º 2º e 3º ano). Faço o estágio no turno matutino, com a professora H. M. B. (a professora será nominada pelas iniciais do seu nome, o objetivo é não expô-la a constrangimentos), onde acompanhei três turmas do Ensino Médio, uma do 1º, do 2º e do 3º ano no mês de setembro e outubro. Mas no final da prática de estágio obrigatório acompanhei 2 turmas do 2º ano. No final do mês de outubro a direção da escola mudou os horários das matérias e a professora de espanhol passou a dar duas aulas, nas segundas- feiras, em duas turmas do 2º ano. Sendo assim, eu passei a acompanhar essas duas turmas e foi nelas que realizei o projeto de ensino, descrito a seguir.

Contato: washingtonl09@hotmail.com

3

Observação Participante As aulas, nessa escola, começam às 07h00min e terminam às 11h15min da manhã. A

Observação Participante

As aulas, nessa escola, começam às 07h00min e terminam às 11h15min da manhã. A dinâmica das aulas se dá da seguinte maneira: a professora passa atividades gramaticais no quadro e os alunos as copiam. Às vezes ela pede uma aluna para copiá-las no quadro enquanto organiza alguns materiais, como passar a limpo notas de alunos ou dar visto no caderno de alguns alunos que não o recebeu na aula anterior. Há aulas que foram somente para correção de atividades, na qual a professora explica à gramática, pergunta aos alunos quais são suas dúvidas e escreve a resposta no quadro. Toda a aula é dada em língua portuguesa, tanto as explicações quanto o momento de interação dos alunos com a professora é em português.

Produção Escrita

Esta terceira etapa do estágio se refere ao Projeto de Ensino que foi elaborado para a Regência em sala de aula. Durante o período de observação nas turmas do 1º, 2º e 3º ano do ensino médio foi verificado que, tanto a professora de espanhol quanto os alunos se comunicam em língua portuguesa durante as aulas. Desde então, percebi a necessidade de colocar os alunos em contato com a oralidade da língua espanhola. A expressão e compreensão oral, em qualquer língua estrangeira, é uma habilidade que requer estudo, dedicação, persistência e, principalmente, o contato com ela. Tendo como elemento motivador a defasagem de expressão e compreensão oral na sala de aula, a temática deste projeto propõe o trabalho com músicas para que os alunos tenham esse contato com a língua estrangeira, neste caso o espanhol. A tentativa desse projeto foi de desenvolver propostas efetivas de compreensão e expressão oral em espanhol,

ainda que

no

ensino médio se privilegie

a leitura,

a

interpretação e a

língua

escrita

 

mais do

que

a língua

falada, é

papel do professor abrir espaços para

que

 

múltiplas competências em outras esferas possam ser

trabalhadas, inclusive

quanto

à

língua

oral.

(PCN+,

p.126).

Contato: washingtonl09@hotmail.com

4

Saber falar e compreender o que se ouve é um evento primordial na comunicação. A aula

Saber falar e compreender o que se ouve é um evento primordial na comunicação. A aula de espanhol na escola é um espaço onde, talvez, seja o único em que o aluno tenha contato efetivo com a língua, seja ela falada, escrita, lida ou ouvida. Por isso, de acordo com observação do estágio, as aulas dedicadas à realização deste projeto serão dadas em língua espanhola. Visto que os alunos demonstraram interesse em ter aulas 100% em língua espanhola. Dessa forma, será exigido deles que se esforcem o máximo para comunicar-se também em espanhol, visando o aprendizado, pois serão incentivados e motivados para ouvir as músicas, lê-las, cantá-las e, o desafio maior será tocá-las com instrumentos musicais, tais como violão e teclado.

FUNDAMENTOS TEÓRICOS

A fundamentação teórica desse trabalho está embasada na leitura de textos de Língua Estrangeira em documentos nacionais para fins didáticos como o Programa Nacional do Livro Didático PNLD 2015 e as Orientações Curriculares para o Ensino Médio OCEM. A leitura de duas obras didáticas da espanhola Matilde Martínez Sallés sobre o ensino com músicas em sala de aula foram fundamentais para a seleção de músicas contextualizadas com o conteúdo que os alunos estavam estudando no momento.

ANÁLISE DE DADOS A Regência (última fase do estágio) A princípio, as aulas de regência haviam sido planejadas para serem desenvolvidas nas turmas do 1º e 3º ano, pois foi nelas que havia feito à observação participativa. No entanto, como houve a mudança de horário no final do mês de outubro tive que adaptar o Projeto de Ensino para as duas turmas do 2º ano, nas quais não havia feito à observação das aulas. De acordo a primeira fase do estágio e com base nas anotações obtidas surgiu à ideia de trabalhar com as canções em espanhol nas aulas para dar suporte a compreensão e expressão oral. O material usado foi fotocopiado dos livros Clase de Música e Tareas que suenan bien, ambos da espanhola Matilde Martínez Sallés. A seleção das músicas se deu de maneira pedagógica, levando em conta o nível das turmas. Segundo Sallés, “Las canciones son documentos culturales, lingüísticos y artísticos. Por todo ello constituyen un

Contato: washingtonl09@hotmail.com

5

poderoso recurso para la enseñanza y el aprendizaje de una lengua extranjera.” (SALLES, 2012:4). Foram escolhidas

poderoso recurso para la enseñanza y el aprendizaje de una lengua extranjera.” (SALLES, 2012:4). Foram escolhidas 3 músicas para o 1º ano e 2 músicas para o 3º ano do ensino médio. A escolha das músicas para cada turma teve como critério o nível de língua dos alunos e aspectos culturais estudados por eles durante o ano. Neste planejamento, os alunos seriam divididos em 3 grupos, no 1º ano e 2 grupos no 3º ano. Cada grupo deveria escolher uma canção e assim trabalhar com atividades de escuta, leitura, canto e, caso dê certo, ensaiar e tocar a música com instrumentos. As estratégias contemplam dinâmicas para trabalhar com atividades de motivação para antes da escuta, durante e pós-escuta. O material foi adaptado e fotocopiado dos livros Clase de Música e Tareas que suenan bien, de Matilde Martínez Sallés. Neste planejamento, na primeira aula seria realizada uma pesquisa na sala para saber o gosto musical de cada aluno (Ficha 1, página 32 do livro Clase de Música) e a comparar seu gosto musical com os colegas. A Ficha 2 (página 33) apresenta o vocabulário de instrumentos, que possibilita aos alunos uma familiaridade com ritmos, sons que caracterizam alguns instrumentos. Na segunda aula, seriam apresentadas aos alunos do 1º ano as 3 as músicas: La cumbia del mole, de Lila Downs, De amor y de casualidad, de Jorge Drexler e Borriquito, de Peret. No 3º ano, seriam apresentadas as músicas Para el dolor, de Ana Laan e Déjame entrar, de Carlos Vives. Primeiramente ouviriam as músicas, receberiam fotocópias para trabalhar atividades de antes da escuta, durante e pós-escuta. Na terceira aula, se realizariam atividades de expressão oral, na qual os alunos fariam as apresentações, leituras, conversas, apresentações das músicas selecionadas pelo grupo. No entanto, não foi possível realizar estas atividades nestas turmas devido à troca de horários das disciplinas para outros dias da semana. O que foi realmente efetivado como regência se realizou nas duas turmas do 2º ano que descrevo a seguir:

No dia da regência do Projeto de Ensino havia 25 alunos na turma 208. Neste dia a professora não foi à escola e dei a aula sem sua presença. Apresentei-me à turma e dei a aula toda falando em espanhol. Os alunos me

Contato: washingtonl09@hotmail.com

6

avaliaram fazendo bons comentários dizendo que queriam ter mais aulas de espanhol comigo, ficaram curiosos, me

avaliaram fazendo bons comentários dizendo que queriam ter mais aulas de espanhol comigo, ficaram curiosos, me perguntaram se já vivi fora do Brasil, lhes contei que fiz intercâmbio na Colômbia e que já fiz curso de espanhol em outros países. Eles se mostraram motivados pelo tema que lhes propus, participaram da aula e me pediram para voltar. Na primeira aula trabalhei as atividades no anexo 1 e 2 (final deste documento). O tema da aula foi sobre “Gustos musicales”. Distribuir as fotocópias das atividades e resolvemos oralmente as 7 primeiras perguntas. Eu os incentivava para falar em espanhol, repetindo as respostas que eles me davam em português, traduzindo-as para o espanhol. Muitos me pediam para repetir as frases que havia dito, outros repetiam algumas palavras que eu falava. Em um determinado momento a diretora da escola entrou na sala para dar um recado e viu que estávamos falando em espanhol. Com um gesto de brincadeira ela nos disse que não iria dar o recado à turma porque não sabe falar em espanhol, e como estávamos “agitados” ela não iria „passar vergonha falando portunhol‟. Depois que respondemos oralmente as atividades eu anotei no quadro algumas respostas que os alunos me davam e assim fizeram a parte escrita da atividade. No anexo 2 as atividades são de expressão oral em dupla. Como estavam todos envolvidos com a dinâmica, fizemos juntos as atividades. Eu dava alguns modelos de respostas e os alunos faziam as atividades, dando suas próprias respostas sobre gostos musicais. Na turma 207 dei a mesma aula. Havia na sala 12 alunos e foi mais fácil

ter a participação efetiva de todos. Os alunos dessa turma se “empolgaram”

falando portunhol porque, segundo eles, eu falava espanhol igual ao Buzz, um boneco do filme Toy Story que em determinadas cenas fala em espanhol. Na segunda aula, preparei uma atividade de escuta de música de um grupo que se chama Gotan Project, formada por um músico suíço, um francês e um argentino (anexo 3). Trabalhei com a música “La gloria”. Muitos deles reconheceram a músicas e fizemos a atividade para identificar os instrumentos que se toca na música. Essa atividade funcionou como uma revisão da aula passado que eu havia dado. Em seguida falei sobre o tango, fiz algumas perguntas oralmente para os alunos, como se sabiam de qual país é o tango, se conheciam algum cantor, se já ouviram o ritmo em algum lugar. Depois

Contato: washingtonl09@hotmail.com

7

trabalhei com a música “Por una cabeza”, de Carlos Garde l. Ouvimos 3 vezes a música

trabalhei com a música “Por una cabeza”, de Carlos Gardel. Ouvimos 3 vezes a música e ao final propus que a cantássemos. Foi o momento de risos na sala porque havia um aluno que se “empolgou” com o refrão e o cantava muito alto. Ministrei mais duas aulas, além dessa prática obrigatória de estágio nestas duas turmas. A professora me passou fotocópias de uma atividade sobre o futuro simples, me disse para copiar a matéria no quadro e pedir aos alunos para copiar e resolver os exercícios fotocopiados. Eu adaptei a atividade: como era de cunho estruturalista o material didático que a professora havia me dado, eu escrevi no quadro 3 verbos (cantar, vender e vivir) e os conjuguei no futuro simples. Pedi aos alunos para identificarem a terminação dos verbos terminado em ar e em er/-ir. Pedi a eles que me dessem exemplos de outros verbos que tinham essas terminações e os conjuguei no quadro (amar, comer, sentir). Assim eles mesmos identificaram a regra de formação do futuro simples dos verbos regulares.

RESULTADOS E CONCLUSÕES

Infelizmente o Projeto de Ensino não foi realizado de acordo com o planejado para as turmas do 1º e 3º ano. Devido a escola ter apresentado mudanças de horários das disciplinas houve esta mudança no plano de aula. Percebi que há pouca motivação do professor profissional para trabalhar com a língua espanhola em sala com os alunos. Acredito que se deve ao fato da baixa qualificação do profissional em sua área, pois segundo a própria professora, ela desistiu de falar em espanhol durante as aulas há alguns anos

porque os alunos não a compreendiam bem e para facilitar seu trabalho, pensa que é melhor dar a aula em língua portuguesa. Ela também está fazendo um curso técnico, na área de mineração porque não quer mais continuar dando aulas.

As

aulas

realizadas

nas

turmas

207

e

208

(2º

ano)

foram

bem

dinâmicas, apesar do improviso. Os alunos aprenderam nomes de instrumentos musicais, se sentiram a vontade para falar o portunhol porque, segundo eles, só falavam em português nas aulas de espanhol e até mesmo cantaram a música que lhes havia proposto (Por una cabeza, Carlos Gardel). Com essa prática de estágio me senti mais uma vez realizado como professor de espanhol. Fui capaz de contornar a situação e dar as aulas

Contato: washingtonl09@hotmail.com

8

falando em espanhol, como acredito que deve ser a metodologia de ensino de espanhol nas escolas.

falando em espanhol, como acredito que deve ser a metodologia de ensino de espanhol nas escolas. Levar músicas de espanhol para a sala de aula requer

um planejamento que deve estar de acordo com o conteúdo estudado pelos alunos. No caso da aula que dei de improviso, serviu para acrescentar o vocabulário de instrumentos musicais e os alunos reconheceram manifestação

artística do mundo hispânico que, a princípio, não associariam a música “La

gloria” com um ritmo musical totalmente hispânico que é o tango clássico da cultura argentina. Acredito que, se o professor de língua estrangeira está

disposto a transmitir conhecimento e estimular os alunos à aprendizagem da língua, não há dúvida de que a aula será prazerosa.

Contato: washingtonl09@hotmail.com

9

REFERÊNCIAS BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio.

REFERÊNCIAS

BRASIL.

Ministério

da

Educação.

Secretaria

de

Educação

Média

e

Tecnológica.

Parâmetros

Curriculares

Nacionais:

Ensino

Médio.

Brasília:

Ministério

da

Educação.

Disponível

em:<

http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/linguagens02.pdf>.

Acesso

em:

09/10/2015.

BRASIL. ORIENTAÇÕES CURRICULARES PARA O ENSINO MÉDIO Volume 1 linguagens, códigos e suas tecnologias / Secretaria de Educação Básica. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica,

2006.

SALLÉS, Matilde Martínez. Clase de Música. Centro de Investigación y Publicaciones, S.L., Difusión, Barcelona, 2012.

Tareas que suenan bien. El uso de canciones en clase de ELE. Secretaría General Técnica Subdirección General de Información y Publicaciones Embajada de España en Bélgica, Países Bajos y Luxemburgo Consejería de Educación. Difusión, 2002.

________________.

Contato: washingtonl09@hotmail.com

10

ANEXO 1 Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº:

ANEXO 1

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral

Turno:

NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº: DATA:

PROF(A).: Washington Oliveira

NOTA:

TURMA

 

ALUNO(A):

Nº:

DATA:

 

Contato: washingtonl09@hotmail.com

11

ANEXO 2 Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº:
ANEXO 2 Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº:

ANEXO 2

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral

Turno:

NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº: DATA:

PROF(A).: Washington Oliveira

NOTA:

TURMA

 

ALUNO(A):

Nº:

DATA:

 

Contato: washingtonl09@hotmail.com

12

ANEXO 3 Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº:
ANEXO 3 Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº:

ANEXO 3

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral

Turno:

NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO PROF(A).: Washington Oliveira NOTA: TURMA ALUNO(A): Nº: DATA:

PROF(A).: Washington Oliveira

NOTA:

TURMA

 

ALUNO(A):

Nº:

DATA:

 

Contato: washingtonl09@hotmail.com

13

Gotan Project es una banda de tango electrónico y electrónica jazzística asentada en París (Francia) que
Gotan
Project es
una
banda
de tango
electrónico y
electrónica
jazzística
asentada
en París (Francia) que está integrada por el músico
suizo Christoph
H.
Müller,
el DJ francés Philippe
Cohen
Solal y
el
músico argentinoEduardo

Makaroff. El nombre del trío viene de un juego de palabras muy común en el español rioplatense llamado vesre, que consiste en invertir

el orden

de

las

sílabas

en una palabra.

Así,

la

palabra "tango" se convierte en "gotan".

Fuente:< https://es.wikipedia.org/wiki/Gotan_Project>. Accedido en: 16 nov. 2015.

Música: La gloria Disponible en:<

https://www.youtube.com/watch?v=FFzk_MX1D

Co>.

Por una cabeza, Carlos Gardel

Por una cabeza de un noble potrillo que justo en la raya afloja al llegar y que al regresar parece decir:

No olvides, hermano, vos sabés, no hay que jugar ... Por una cabeza, metejón de un día, de aquella coqueta y risueña mujer que al jurar sonriendo, el amor que esta mintiendo quema en una hoguera todo mi querer.

Estribillo

Por una cabeza todas las locuras

su boca que besa borra la tristeza, calma la amargura.

Por una cabeza si ella me olvida qué importa perderme, mil veces la vida para que vivir ...

Cuantos desengaños, por una cabeza, yo juré mil veces no vuelvo a insistir pero si un mirar me hiere al pasar, su boca de fuego, otra vez, quiero besar. Basta de carreras, se acabó la timba, un final reñido yo no vuelvo a ver, pero si algún pingo llega a ser fija el domingo, yo me juego entero, qué le voy a hacer.

Estribillo

Por una cabeza todas las locuras su boca que besa borra la tristeza, calma la amargura. Por una cabeza si ella me olvida qué importa perderme, mil veces la vida para que vivir ..

Fuente:< http://www.vagalume.com.br/carlos-gardel/por-una-cabeza-1935.html>. Accedido en: 16 nov. 2015.

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral

Turno:

NOTURNO

Evaluación de la Comprensión Oral Turno: NOTURNO NOTA: TURMA PROF(A).: Washington Oliveira ALUNO(A): Nº: DATA:
 

NOTA:

TURMA

 

PROF(A).: Washington Oliveira ALUNO(A):

Nº:

DATA:

 

Actividad 1

  • a) ¿Qué instrumentos se escucha en la música?

__________________________________________________________ b) ¿En qué época se puede clasificar este estilo musical? __________________________________________________________ c) ¿Has escuchado este

__________________________________________________________

  • b) ¿En qué época se puede clasificar este estilo musical? __________________________________________________________

  • c) ¿Has escuchado este ritmo alguna vez? ¿Si sí, dónde? __________________________________________________________

  • d) ¿De qué país piensas que es el tango? __________________________________________________________

Actividad 2

De acuerdo con la lectura del texto sobre Gotan Proyect y la música de Carlos Gardel, responde:

  • a) Vamos hacer el “vesre” de nuestro nombre. El mío está hecho como ejemplo: Nombre: Washington = Wash ing ton Vesre: Toningwash Nombre: ____________________________________ Vesre: _____________________________________

  • b) ¿Qué nacionalidad tienen los integrantes del grupo? _______________________________________________________________

  • c) ¿Una música se escribe en verso o en prosa? _______________________________________________________________

  • d) ¿Cómo se dice “estrofe” en español? _______________________________________________________________

  • e) ¿Cómo se llaman los grupos de versos que componen una música o un poema? _______________________________________________________________ Contato: washingtonl09@hotmail.com

15