Вы находитесь на странице: 1из 31

ENGEMAN

em poucas
PALAVRAS

e-book

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
Texto:
Rodrigo Rabelo, Analista de Negócios
Organização e edição:
Mariana Menezes, Assessora de Marketing
Diagramação e arte:
Adriana Rezende, Assessora de Marketing

Realização:
Departamento de Marketing Engecompany - 2016

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
O Engeman® é o software para organização e gestão da manu-

tenção mais completo, flexível e intuitivo do Brasil. Sua plataforma

proporciona, com facilidade, a criação e supressão de campos, com o

objetivo de deixar a ferramenta totalmente adaptável à realidade da

empresa onde estiver inserida.

A solução possui a confiança de mais de 30.000 usuários, que se

tornaram mais competitivos com o uso da ferramenta, ao longo desses

20 anos de mercado e diversos países atendidos.

Conheça o Engeman® mais de perto. Automatizar a manutenção

de uma empresa é dar um passo fundamental para a redução

inteligente de custos e aumento confiável e sustentável da produção.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
1. Tela Inicial

Na lateral da tela inicial há uma barra de ferramentas personalizável,

com foco em agilizar a rotina (ícones mais acessados). Na barra

superior temos os menus telas/ funções e relatórios.

2. Cadastros

Insira, com facilidade, as informações que serão uteis na sua rotina.

Vejamos:

2.1. Cadastro de Empresas:

• Cadastre a (s) sua (s) empresas e filiais (ou unidades, prédios ou

galpões) permitindo que se extraia resultados específicos de cada

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
unidade. Você poderá incluir a logomarca que será impressa nos

relatórios do sistema.

2.2. Cadastro de Usuários:

• Será gerado login e senha para cada pessoa que irá acessar o

sistema. Cada uma dessas pessoas poderá ter um perfil de acesso

personalizado. Ou seja, poderá ser determinada quais telas, funções e

relatórios estarão liberados. O cadastro permite também a associação

de uma conta de e-mail que, por sua vez, possibilita o envio de

relatórios através do sistema.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
2.3. Cadastro de Aplicações:

Toda aplicação (máquinas, estruturas prediais, ativos, componentes)

que terá um histórico de manutenção e gerenciamento será cadastrada

nessa tela e terá um código único, cuja estrutura/máscara (só letras ou

só números ou os dois) será definida pela empresa-usuária.

2.4. Cadastro de Aplicações:

2.4.1. Guia Cadastro:

• Tipo de aplicação;

• Localização;

• Fornecedor;

• Fabricante;

• Data de compra e de garantia, dentre outros.

2.4.2. Guia Anexos:

• Permite o armazenamento de arquivos em qualquer extensão, (doc,

pdf, xls...). Esses arquivos ficarão compactados no banco de dados. É

possível limitar o tamanho dos arquivos a serem inseridos.

2.4.3. Desenhos:

• “Explosão de imagens”: permite visualizar imagens relacionadas à

cada aplicação. Uma imagem pode possuir diversos níveis de

detalhamento (equipamentos e estruturas, incluindo subníveis

linkados: componentes, subcomponentes, subequipamentos).

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
2.4.4. Agrupamento:

Numa estrutura em árvore (ou seja, que permite níveis hierárquicos),

cada aplicação terá uma vida independente dentro do sistema e poderá

ser encontrada/ movimentada a qualquer tempo, mantendo todo o seu

histórico.

2.4.5. KPI (Key Performance Indicator) - Indicador de

desempenho:

• acompanhamento de informações, por aplicação, em tempo real.

Pode ser usado em qualquer cadastro do sistema. O usuário contará

com listagens variadas, como, por exemplo:

• Tempo Médio entre Falhas (MTBF);

• Tempo Médio para Reparos (MTTR);

• Quantidade de O.S.'s Fechadas;

• Quantidade de O.S.'s Abertas;

• Listagem de O.S.'s Canceladas;

• Tempo de Equip. Parado (Agrupamento);

• Custo Manutenção Acumulado.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
3. Recurso de Movimentação Visual

Por meio de uma estrutura de imagens, as aplicações podem ser

facilmente movimentadas, com um simples toque do mouse (clica e

arrasta). Esse recurso viabiliza a coleta de informações como horas de

trabalho, pressão, vibração, temperatura ou mesmo a documentação

da troca de localização. Esse processo pode ou não gerar O.S..

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
4. Estoque

Refere-se ao cadastro e controle de peças de reposição, sobressalentes e

insumos (cilindros, lubrificantes, peças...). Associados a esse processo,

teremos o controle do almoxarifado (entradas e saídas).

No tocante ao estoque mínimo, o usuário poderá definir um alarme em

tela para que haja organização do processo de reposição. Você poderá:

• Planejar a utilização de materiais durante as manutenções;

• Permitir que os materiais estejam disponíveis quando as

manutenções forem realizadas;

• Informar consumo de materiais por aplicação da manutenção e por

ordem de serviço;

• Disponibilizar características dos materiais;

• Relacionar materiais a seus fornecedores;

• Relacionar materiais às aplicações que os utilizam;

• Controlar fisicamente o estoque de materiais.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
5. Cadastro de Fornecedores

Refere-se ao cadastro de fornecedores de aplicações e fabricantes de

peças de reposição e prestadores de serviço. Inclusive, vale comentar,

o sistema mantém as informações da última compra, feita com cada

fornecedor (data, valor, quantidades...).

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
6. Cadastro de Funcionários

Cadastro da mão-de-obra vinculada a cada setor executante e cargos.

O sistema permite a inserção e controle da escala de trabalho,

calculando a disponibilidade e eficiência da equipe. Permite também

que se aponte o conhecimento (certificados, declarações...) de cada

pessoa. Assim é possível definir quem fará o trabalho, com base na

qualificação e disponibilidade de cada um.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
7. Planos de Manutenção

Consiste na criação de procedimentos (check-list) e apontamento de

recursos necessários para posterior planejamento de preventivas e

preditivas nas aplicações.

Esse check-list fornecerá os dados que serão inseridos

automaticamente nas Ordens de Serviço programadas.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
8. Programação dos Planos de Manutenção

8.1. Planejamento Periódico:

É caracterizado pela determinação de um ciclo, expresso em dias, no

qual o plano de manutenção deverá ser executado. Ao completar esse

período (ciclo), uma OS, com todos os procedimentos planejados para

a execução do serviço será emitida automaticamente ou não, nos

moldes do que foi programado no sistema.

8.2. Planejamento por Data Específica:

Essa forma de programação opera de forma similar ao periódico,

porém, definido por datas/ dias específicos. Ex.:

• Manutenção realizada todo dia 01 de cada mês;

• Manutenção realizada todo dia 25 de dezembro de cada ano;

• Manutenção realizada apenas de segunda à sexta-feira de cada

semana.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
8.3. Planejamento Acumulativo:

Dependente de um ponto de controle crescente (horas de trabalho;

itens produzidos; metros cúbicos; quilometragem). São definidos

limites para esses pontos e o sistema executará ações automáticas,

previamente decididas (emitir alarme (em tela); Gerar OS; Gerar e

Imprimir OS; Gerar e Visualizar OS). Ex.:

• Manutenções realizadas a cada 250 horas de funcionamento;

• Manutenções realizadas após uma produção de 20.000 toneladas;

• Manutenções realizadas a cada 10.000 quilômetros rodados.

8.4. Planejamento Preditivo:

É programado com base em pontos de controle tendenciais (pressão,

temperatura, vibração, elementos químicos). Ao atingir o valor máximo

ou mínimo estabelecido, a solução indicará a necessidade de

intervenções.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
8.5. Planejamento por Eventos:

É controlado através de medições de qualquer evento relacionado à

aplicação (barulho, acionamento lento, refugo). Ao atingir a meta

estabelecida, a solução indicará a necessidade de intervenções. O

evento não impede o funcionamento da aplicação, ele é uma espécie

de sintoma. Ex.:

• Se em um período de 30 dias houver 3 eventos de barulho na

aplicação, será executada automaticamente, a ação programada.

8.6. Programação Com Base Em Ocorrências/serviços:

É controlada a partir de qualquer tipo de ocorrência vinculada a uma

OS. A ocorrência estará no histórico, mostrando que o problema já

gerou OS anterior. Ex.:

• Se em um período de 30 dias ocorrer o mesmo problema em 3

ocasiões, em uma aplicação que já tenha passado pela troca de um

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
certo sobressalente, o sistema pode alertar mostrando que o problema

foi repetidamente tratado, mas não houve solução da causa.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
9. Ordem de Serviço

A ordem de serviço é um documento no qual são lançados os dados

referentes às necessidades de manutenção, sejam programadas

(preventivas e preditivas) ou corretivas. Nesse documento, os cálculos

de custo de manutenção serão apontados:

9.1. Mão de Obra Interna:

Podem ser registrados diversos funcionários em uma mesma OS,

considerando o tempo em que eles atuaram. Dessa forma, o cálculo do

custo de mão de obra é totalmente viável.

9.2. Apontamento de Serviços:

Serão detalhados todos os serviços executados em uma OS. Sejam

eles manuais (corretivas) ou com origem em planos de manutenção

(planejadas). Em cada serviço serão informados uma série de dados:

• Ocorrência;

• Causa;

• Serviço;

• Material/ sobressalente (o Engeman® faz a baixa automática do

estoque);

• Fornecedor/ terceiro.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
9.3. Pesquisa:

É possível encontrar a OS a qualquer momento, pelo número ou atalho

F2 (tela de pesquisa bastante detalhada, com várias opções de filtro).

9.4. Relatórios de O.S.:

O sistema disponibiliza vários modelos de impressão de OS,

exportáveis nos formatos jpg, pdf, xls, doc, e enviáveis por e-mail (no

corpo ou anexo), sem que haja a necessidade de sair do sistema.

9.5. Resumo Gerencial:

O sistema apresenta um resumo de custos das O.S.’s, na forma de

gráfico. Esses custos (previstos e reais) são formados por: serviços

terceirizados, peças sobressalentes, mão-de-obra interna e

interferência na disponibilidade da aplicação.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
10. Relatórios

Existem mais de 200 relatórios (gráficos, cronogramas, listagens)

disponíveis no Engeman®. Destacamos alguns:

• Cronograma de Previsão Diária de Manutenção Periódica;

• Gráfico Comparativo Mensal do Custo da Manutenção;

• Gráfico de Ordens de Serviços Geradas;

• Relatório Custo da Manutenção – Sintético;

• Gráfico de Tipo de Manutenção X Ordens de Serviço;

• Relatório de Disponibilidade;

• Relatório de Apropriação de Mão-de-obra;

• Relatório Consumo de Materiais.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
Relatório Consumo de Materiais - Sintético

Página: 1
Relatório Consumo de Materiais - Sintético
Período............: 05/01/2009 00:00:00 a 05/01/2011 00:00:00
Ordem de Serviço...:
Setor Executante...:
Plano de Manutenção:
Tipo de Manutenção.:
Equipamento..........:
Tipo Equipamento.....:
Material...........:
Classe Material....:
Grupo Material.....:
Filial.............:
Centro de Custo....:
Conta Contábil.....:
Cliente............:
Localização........:
Filial:010100-CILINDRO IMAK
Equipame AFO-0001-FORNO FAST JET - VUOTO
Material Quantidade Unidade Custo Total
010100-CILINDRO IMAK 1 PC-PEÇA(S) 112,00
010105-ÓLEO HIDROMEC 1 L-LITRO(S) 1,75
010109-ALGODÃO 200 KG- 240,00
010110-ROLAMENTO 6308zz 1 PC-PEÇA(S) 4,37

Total por Equipamento: 358,12

Equipame WEG-0001-MOTOR WEG 500cv


Material Quantidade Unidade Custo Total
010110-ROLAMENTO 6308zz 3 PC-PEÇA(S) 43,11
010114-ESTOPA 2 KG- 4,00
010124-ALICATE DE PRESSÃO 1 UN- 12,00
010131-TERMOMETRO DIGITAL 1 PC-PEÇA(S) 0,00
010132-ANEL V RING 2 UN- 9,00

Total por Equipamento: 68,11

Total por Filial: 426,23

Total Geral: 426,23

Emitido em: 14/10/2015 09:28:57

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
Relatório Custo da Manutenção - Sintético

0222 - Relatório Custo da Manutenção - Sintético Data: 14/10/2015 09:26:22


Período............: 03/01/2009 à 03/01/2011
Página: 1
Equipamento..........:
Tipo de Equipamento..:
Agrupamento Aplic..:
Filial.............:
Centro de Custo....:
Conta Contábil.....:
Cliente............:
Localização........:
Filial: 1-UNIDADE 01
Custo Custo Custo Custo Custo Cons.
Equipamento Soma
Mão_de_Obra Serviços Materiais Interferência Insumos
AFO-0001 - FORNO FAST JET - VUOTO 190,78 590,80 358,12 2554,50 0,00 3694,20
BAL-0001 - MOTOR 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00
SET-0001 - SETOR DE PRODUÇÃO 0,00 1685,00 0,00 0,00 0,00 1685,00
SLA-0001 - SALA DE ABERTURA 140,00 1256,00 0,00 0,00 0,00 1396,00
SOP-0001 - CAR. SOPRADOR - VEN 01 0,00 1960,00 0,00 0,00 0,00 1960,00
TEA-0001 - TEAR SULZER 18,40 1200,00 0,00 0,00 0,00 1218,40
WEG-0001 - MOTOR WEG 500cv 811,58 411,00 68,11 0,00 0,00 1290,69
Total por Filial...: 1160,76 7102,80 426,23 2554,50 0,00 11244,29

Total por Coluna: 1160,76 7102,80 426,23 2554,50 0,00 11244,29


Total Geral........: 11244,29 Emitido em: 14/10/2015 09:26:22

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
Relatório de Apropriação de Mão-de-obra

0218 - Relatório Apropriação de Mão de Obra Página: 1


Período...........: 01/01/2009 à 20/02/2009
Setor Executante..:
Código Funcionário:
Nome Funcionário..:
Cargo.............:
Filial............:

Filial: UNIDADE 01
Setor Executante: ELE - MANUT. ELÉTRICA
Código Nome Horas Previstas Horas Reais Custo Previsto Custo Real Eficiência %
53029 FELIPE BRITO 288:00 23:00 2736 69 7,99
53053 GRAZIELA VEIGA 288:00 11:00 2088 46,75 3,82
Total Setor: 576:00 34:00 4824 115,75 5,90

Setor Executante: MEC - MANUT. MECÂNICA


Código Nome Horas Previstas Horas Reais Custo Previsto Custo Real Eficiência %
53050 FERNANDO LEITE 288:00 31:10 2448 93,5 10,82
53052 FLÁVIA NOGUEIRA 288:00 03:00 1296 13,5 1,04
Total Setor: 576:00 34:10 3744 107 5,93

Setor Executante: TRC - MANUT. TERCEIROS


Código Nome Horas Previstas Horas Reais Custo Previsto Custo Real Eficiência %
53051 RODRIGO RABELO 288:00 20:23 2649,6 122,3 7,08
53054 GUSTHAVO MEDÉIA 344:00 04:00 12040 140 1,16
Total Setor: 632:00 24:23 14689,6 262,3 3,86
Total Filial: 1784:00 92:33 23257,6 485,05 5,19
Total Geral: 1784:00 92:33 23257,6 485,05 5,19
Emitido em: 14/10/2015 09:28:43

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
Relatório de Disponibilidade

0224-Relatório de Disponibilidade Página:1


Período............: 03/01/2009à 03/01/2011
Agrupamento...........:
Código da Equipamento...:
Descrição da Equipamento:
Localização...........:
Filial................:
Tipo de Equipamento.....:
Centro de Custo.......:
Fornecedor............:
Cliente...............:
Conta Contábil........:

Filial: 1-UNIDADE 01
Equipamento Tempo Operacional Utilizado Parado Disponibilidade %
AFO-0001-FORNO FAST JET - VUOTO 7310:00 7251:47 58:13 99,20%
BOT-0001-BLENDOMAT 17544:00 17544:00 00:00 100,00%
BTS-0001-TUBOS DE SUCÇÃO 13158:00 13158:00 00:00 100,00%
CAP-0001-CAPACITOR. 01 - C584 17544:00 17544:00 00:00 100,00%
CAP-0002-CAPACITOR. 01 - C584 17544:00 17544:00 00:00 100,00%
SLA-0001-SALA DE ABERTURA 17544:00 17544:00 00:00 100,00%
SOP-0001-CAR. SOPRADOR - VEN 01 14620:00 14620:00 00:00 100,00%
TEA-0001-TEAR SULZER 17544:00 17544:00 00:00 100,00%
TER-0001-TERMOFORMADORA 6579:00 6579:00 00:00 100,00%
WEG-0001-MOTOR WEG 500cv 7310:00 7270:52 39:08 99,46%

Total por Filial.........: 13669:42 13659:57 09:44 99,87%

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
Relatório de O.S. - Modelo de Ordem de Servico Única
(com Procedimentos)

ORDEM DE SERVIÇO DATA PROGRAMADA Equipamento


AFO-0001
000001 02/01/2011 08:30:00
FORNO FAST JET - VUOTO
INFORMAÇÕES GERAIS PADRÕES DE EXECUÇÃO
SOLICITANTE.......: FELIPE BRITO PRAZO DE ENTREGA......: 02/01/2011
SETOR EXECUTANTE..: MEC - MANUT. MECÂNICA TEMPO DE EXECUÇÃO.....: 10:00
TIPO DE MANUTENÇÃO: 02 - MANUTENÇÃO CORRETIVA NÃO PLANEJADA TEMPO DE INTERFERÊNCIA: 01:00 50,00 %
CENTRO DE CUSTO...: 1101 - TRATAMENTO TÉRMICO
LOCALIZAÇÃO.......: 01 - GALPÃO DE TRATAMENTO TÉRMICO
SERVIÇO SOLICITADO:

OBSERVAÇÕES:

DESCRIÇÃO SERVIÇO MATERIAL Qtde Prev.


LIMPEZA DOS PAINÉIS ELÉTRICOS 010109-ALGODÃO

TROCA DO ROLAMENTO TROCA / REPOSIÇÃO 010110-ROLAMENTO 6308zz

LUBRIFICAÇÃO DO EIXO DO MOTOR 1 LUBRIFICAÇÃO 010105-ÓLEO HIDROMEC

TROCA DO CILINDRO TROCA / REPOSIÇÃO 010100-CILINDRO IMAK

PINTURA DO EQUIPAMENTO EFETUADA POR TERCEIROS CONSERTO / REPARO -

APLICAÇÃO DOS MATERIAIS ADICIONAIS -

ANÁLISE DE TERMOGRAFIA (TERCEIROS) INSPEÇÃO -

001-Desligar a máquina. LIGAR -

002-Verificar painél de controle. INSPEÇÃO -

003-Ativar alarmes de emergência. LIGAR -

004-Reprogramar funcionamento conforme eventos. REPROGRAMAÇÃO -

EXECUTANTE INÍCIO DO SERVIÇO FIM DO SERVIÇO

____/____/_____ ______:__________/____/_____ ______:______


____/____/_____ ______:__________/____/_____ ______:______
____/____/_____ ______:__________/____/_____ ______:______
____/____/_____ ______:__________/____/_____ ______:______
____/____/_____ ______:__________/____/_____ ______:______
RESPONSÁVEL SUP. MANUTENÇÃO RECIBO PELA PRODUÇÃO LIBERADO PELO LABORATÓRIO

_________________________ _____________________ _______________ ___/___/____ ________________ ___/___/____

°¥ °¥´¥Ôô Ü;ðƒPœBC ¤BC huÿ IMPRESSÃO :14/10/2015

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
11. Flexibilidade Avançada

O sistema conta com ferramentas que permitem que o próprio usuário

realize adaptações/ customizações:

• Campos Auxiliares: essa funcionalidade permite a criação de

campos auxiliares e novas telas no sistema.

• Gerenciador de Regras: permite que o usuário, com o comando de

programação, crie regras próprias. O responsável por essa ação deve

ter conhecimento em linguagem de programação.

• Editor de Relatórios: permite ao usuário alterar relatórios

existentes ou criar novos, utilizando instruções SQL.

Obs.: normalmente essas funções ficam atribuídas à equipe de TI.

NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO
NGEMAN
SOFTWARE DE MANUTENÇÃO

Acompanhe o nosso trabalho nas redes sociais!

Saiba que o Engeman® produz conteúdos relevantes para

o seu dia a dia, em várias redes:

/engecompany/ /_Engecompany_

/+EngecompanyBr /engecompany

/company/

Acesse o site e teste o Engeman®:

http://engeman.com.br/pt-br/demonstrativos/

Похожие интересы