You are on page 1of 7

Universidade Federal Fluminense

Instituto de Humanidade e Saúde


Departamento de Ciências da Natureza

Lista de Exercı́cio de Cálculo IV

1 Integrais Duplas
1.1. Determine a área da região limitada pelas curvas 2y = 16 − x2 e x + 2y + 4 = 0.
Resp.
Z 1Z 1
2
1.2. Calcule ex dxdy.
0 y
Resp.
Z 2 Z ln x p
1.3. Calcule (x − 1) 1 + e2y dydx.
1 0
Resp.
Z 2Z 4

1.4. Calcule x sen x dxdy.
0 y2
Resp.
2
4yex
Z 1Z 1
1.5. Calcule √ dxdy
0 y x3
Resp.
ZZ
1.6. Calcule x dA, onde D é a região do primeiro quadrante compreendida entre os cı́rculos x2 + y2 = 4
D
e x2 + y2 = 2x.
Resp.

x−y
ZZ
1.7. Calcule cos dxdy, onde D é a região do plano xy limitada por x + y = 1, x = 0 e y = 0.
D x+y
Resp.
ZZ
1.8. Calcule x2 +y2 dxdy, onde D é a região no primeiro quadrante do plano xy limitada por x2 +y2 = 1,
D √
3
x2 + y2 = 4, y = x e y = 3 x.
Resp.
ZZ
1.9. Calcule x2 ydxdy, onde D = {(x, y) ∈ R2 ; (x − 1)2 + y2 ≤ 1}.
D
Resp.

1
Universidade Federal Fluminense
Instituto de Humanidade e Saúde
Departamento de Ciências da Natureza

ZZ
1.10. Calcule x dxdy, onde D é a região do plano xy limitada pelas parábolas x = y2 − 1, x = 1 − y2 e
D
2
x = 4 − y4 .
Resp.
Sugestão.
e(x+y)/(x−y)
ZZ
1.11. Calcule 2
, onde D = {(x, y) ∈ R2 ; 1 ≤ (x − y)2 + (x + y)2 ≤ 4, y ≤ 0, x + y ≥ 0}.
D (x − y)
Resp.
1.12. Determine o volume dos sólidos W abaixo:
a) W é limitado pelas superfı́cies z = x2 + y2 , x2 + y2 = 4, x2 + y2 = 9 e z = 10.
p
b) W é limitado pelas superfı́cies z = 0, x2 + y2 = 2y e z = x2 + y2 .
Resp.
1.13. Uma piscina circular tem diâmetro de 10m. A profundidade é constante ao longo das retas de leste
para oeste e cresce linearmente de 1 metro na extremidade sul para dois metros na extremidade norte.
Encontre o volume de água da piscina.
Resp.
1.14. Uma lâmina ocupa a parte de um disco x2 + y2 ≤ 1 no primeiro quadrante. Determine o centro de
massa se a densidade em qualquer ponto for proporcional à distância do ponto ao eixo x.
Resp.
Z a
2
1.15. Se a > 0, seja I(a) = e−u du.
−a
a) Mostre que ZZ
2 +y2 )
2
I (a) = e−(x dxdy, onde D = [−a, a] × [−a, a].
D

b) Se B1 e B2 são bolas fechadas inscritas e circunscrita a D, respectivamente, mostre que


ZZ ZZ
2 +y2 ) 2 +y2 )
e−(x dxdy ≤ I 2 (a) ≤ e−(x dxdy.
B1 B2

c) Calcule as integrais sobre B1 e B2 , e use b) para mostrar que I(a) tende a π.
1.16. a) Seja f uma função integrável sobre uma região limitada D. Suponha que existam números m, M ∈
R tais que m ≤ f (x, y) ≤ M para todo (x, y) ∈ D. Mostre que
ZZ
m · A(D) ≤ f (x, y)dA ≤ M · A(D), (∗)
D
onde A(D) é a área da região D.

2
Universidade Federal Fluminense
Instituto de Humanidade e Saúde
Departamento de Ciências da Natureza

b) Usando o resultado anterior mostre que

4π 2
Z π Z π
≤ esen(x+y) dA ≤ 4π 2 e
e −π −π

c) Seja D uma região fechada e limitada de R2 e f = f (x, y) uma função contı́nua em D. Usando (∗)
mostre que existe (x0 , y0 ) ∈ D tal que

1
ZZ
f (x, y)dxdy = f (x0 , y0 ). (∗∗)
A(D) D

d) Seja f = f (x, y) uma função contı́nua sobre uma bola fechada B = Br (a, b). Use o resultado anterior
para mostrar que
1
ZZ
lim f (x, y)dxdy = f (a, b).
r→0 πr 2 B

2 Integrais Triplas
1
ZZZ
2.1. Calcule p dzdydx, onde W = {(x, y, z) ∈ R3 ; 1 ≤ x2 + y2 + z2 ≤ 4}.
W x + y2
2
Resp.
p
p Determine o volume do sólido W que é limitado pelo cone z =
2.2. x2 + y2 , pelo cilindro x2 + y2 −
x2 + y2 = x e pelo plano z = 0.
Sugestão.
Resp.

2.3. Determine o volume do sólido


√ 2
 q 
3 2 2 2 2 2 2 2
W = (x, y, z) ∈ R ; x + y + z ≥ 4, x + y + (z − 2) ≤ 2, z ≤ 3(x + y )

Resp.

2.4. Determine o volume do sólido W = (x, y, z) ∈ R3 ; x2 + y2 + z2 ≤ 4, x2 + y2 ≤ 2y




Resp.
ZZZ
z dxdydz, onde W = (x, y, z) ∈ R3 ; x2 + y2 + z2 ≤ 1, x2 + y2 ≥ 14

2.5. Calcule
W
Resp.

3
Universidade Federal Fluminense
Instituto de Humanidade e Saúde
Departamento de Ciências da Natureza

1
ZZZ p p
2.6. Calcule dxdydz, onde W é o sólido limitado pelas superfı́cies z = x 2 + y2 , z = 1 − x2 − y2
2
p W z
e z = 4 − x2 − y3 .
Resp.
ZZZ p p
2.7. Calcule z dxdydz, onde W é o sólido limitado pelas superfı́cies z = x2 + y2 , z = 3(x2 + y2 ) e
W
x2 + y2 + z2 = 4.
Resp.
ZZZ
(x2 + y2 + z2 )1/2 dxdydz, onde W = (x, y, z) ∈ R3 ; x2 + y2 + z2 ≤ x

2.8. Calcule
W
Resp.
Z 2 Z √4−y2 Z √4−x2 −y2 p
2.9. Calcule √ y2 x2 + y2 + z2 dzdxdy.
−2 0 − 4−x2 −y2
Resp.
1
ZZZ
2.10. Calcule 2 2 2
dxdydz, onde
W x +y +z
n p o
W = (x, y, z) ∈ R3 ; x2 + y2 + z2 ≤ 2y, z ≤ x2 + y2 , y ≥ x, x ≥ 0

Resp.

2.11. Achar o volume removido quando se abre um furo de raio a numa esfera de raio 2a, sendo o eixo do
furo passando pela origemd a esfera.
Resp.

2.12. Determine a massa da bola dada por x2 + y2 + z2 ≤ a2 se a densidade em qualquer ponto for propor-
cional à sua distância do eixo z.
Resp.

2.13. Seja H um hemisfério sólido de raio a cuja densidade de massa em qualquer ponto é proporcional à
distância ao centro da base. Determine a massa de H.
Resp.
1
2.14. Sabendo que a densidade em cada ponto de um sólido W é dada por f (x, y, z) = x2 +y2 +z2
, determine
a massa de W quando

W = {(x, y, z) ∈ R3 ; x2 + y2 + z2 ≤ 9 e x2 + y2 + z2 ≥ 2y}

Resp.

4
Universidade Federal Fluminense
Instituto de Humanidade e Saúde
Departamento de Ciências da Natureza

2.15. O tetraedro definido por x ≥ 0, y ≥ 0, z ≥ 0, x + y + z ≤ 1 é fatiado em n partes de igual volume por


planos paralelos ao plano x + y + z = 1. Onde as fatias devem ser feitas?
Resp.

2.16. Encontre o volume da região definida por y2 + z2 ≤ 14 , (x − 1)2 + y2 + z2 ≤ 1, x ≥ 1.


Resp.

5
Universidade Federal Fluminense
Instituto de Humanidade e Saúde
Departamento de Ciências da Natureza

Respostas
√ √
243 (21 2−16 3)π
1.1. 4 . 2.3. 6
e−1
1.2. 2 . 2.4. 16π
− 64
3 9
 √ √ √ 
1 5+2
1.3. 2 2 5 − 2 + ln 2+1 − 16 (53/2 − 23/2 ).
√ 2.5. 9π
64

1.4. sen 4 − 4 cos 4. 2.6. 2π( 2 − 1)

1.5. e − 1. 2.7. π.
8
1.6. − π2 2.8. π
3 10 .
sen 1
1.7. 2 . 2.9. 32π
5
5π √
1.8. 16 . (3π+2) 2
2.10. 8
1.9. 0. √
4(8−3 3)a3 π
2.11. 3 .
1.10. 24
ka4 π 2
(e−1) ln 2 2.12. 4 .
1.11. 2 .
ka4 π
35π 32 2.13. 2 , onde k é a constante de proporcionali-
1.12. a) 2 b) 9 dade.
1.13. 37, 5π m2
2.14. 10π.
3 3π

1.14. C= 8 , 16
2.15. Optetraedro deve ser fatiado pelos planos
3
2.1. 3π 2 . x + y + z = k/n, 1 ≤ k ≤ n − 1.

5π 3
2.2. 3 2.16. 4 π

6
Universidade Federal Fluminense
Instituto de Humanidade e Saúde
Departamento de Ciências da Natureza

Sugestões
1.10. Use a mudança de variáveis x = u2 − v2 , y = uv.

2.2. Use coordenadas polares para desenhar a curva que define o cilindro.