Вы находитесь на странице: 1из 167

LO550 4.

6B Customizing avançado em MM

LO550

Customizing avançado em MM
 SAP AG 1999
 SAP AG
Pré-requisitos do curso

 LO020 Processos no Suprimento Externo


 LO510 Administração de Estoques
 LO520 Detalhes e otimização em Compras

 SAP AG 1999
Grupo-alvo

 Participantes:
 Líderes de projeto
 Membros de equipe de projeto responsáveis pela
implementação do componente Administração de
materiais
 Consultores de logística da SAP
 Duração: 5 dias

 SAP AG 1999
Visão geral do curso

Índice:

 Metas do curso
 Objetivos do curso
 Conteúdo do curso
 Diagrama da visão geral do curso
 Principal cenário empresarial

 SAP AG 1999
Metas do curso

Este curso prepara o aluno para:

 Configurar as funções básicas do


componente Administração de materiais do
sistema R/3

 SAP AG 1999
Objetivos do curso

No final deste curso, o aluno estará apto a:


 Trabalhar com um Guia de implementação
 Mapear a estrutura da sociedade no sistema R/3 com base
na perspectiva do componente Administração de materiais
 Configurar os aspectos principais dos registros mestre na
Administração de materiais, incluindo a definição de um
novo tipo de material
 Configurar a determinação automática de contas
 Configurar os tipos individuais de categorias de
documentos de compras, incluindo as definições para os
textos na determinação de compras e mensagens
 Descrever os parâmetros de controle do tipo de movimento
e definir um novo tipo de movimento
 Definir a verificação de disponibilidade e determinação de
mensagens para transações na Administração de estoques

 SAP AG 1999
Conteúdo do curso

Prefácio

Cap. 1 Visão geral do curso Cap. 5 Dados mestre em


Admin. de materiais
Cap. 2 Introdução ao Guia
Cap. 6 Avaliação e classificação
de implementação contábil
Cap. 3 Opções globais Cap. 7 Compras
Cap. 4 Níveis organizacionais Cap. 8 Administração
de MM de estoques
Cap. 9 Resumo do capítulo

Anexo

 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia de
implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Principal cenário empresarial

 Você é membro de uma equipe de implementação


da Administração de materiais.
 Você foi solicitado a configurar as funções
comerciais básicas da Administração de
materiais para sua sociedade.
 Sua sociedade fabrica e vende produtos e deseja
personalizar o sistema R/3 a fim de apoiar suas
necessidades comerciais.

 SAP AG 1999
Introdução ao Guia de implementação

Índice:
 Trabalho com um Guia de implementação
 Projetos de customizing

 SAP AG 1999
Introdução ao Guia de implementação

No final deste capítulo, o aluno estará apto a:


 Utilizar as funções do Customizing
 Explicar o procedimento para definir projetos de
customizing e que informações você pode definir para
um projeto de customizing
 Explicar a relação entre ASAP e Customizing

 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia
de implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Introdução ao Guia de implementação

 Você é membro da equipe de implementação


do sistema R/3 e precisa saber como
configurar o sistema rápida e eficientemente.

 SAP AG 1999
Implementação do sistema R/3: FAQ

Como identificar
Como posso a adequação Como configurar
aprender sobre os das aplicações R/3
A SAP fornece uma o sistema R/3 para
processos R/3? às nossas
estratégia geral para necessidades? atender às nossas
a implementação do necessidades?
sistema R/3?
Existe um guia
para as opções do
Como se sistema R/3?
administra um
projeto R/3 ?

Gerentes Administradores
Usuários
de projeto de sistemas

 SAP AG 1999
Objetivos do Customizing

Implementação rápida, rentável e segura

Ajustar as funções fornecidas às


necessidades específicas de uma sociedade

Minimizar as atividades de implementação necessárias

Apoiar a monitorização do projeto, a documentação


do projeto e o transporte de configurações

Procedimento para a configuração do sistema

Não é uma ferramenta para modificações

 SAP AG 1999
IMG de referência SAP e projetos de customizing

Gerar
Gerar Gravar
Gravar
manual
manual link
link IMG
IMG

IMG
de
referência
SAP Visões
Projeto
Projetos
Projetos de
de Criar
Criar IMG do
customizing IMG visões
customizing visões projeto

Transações do Administração Documentação


Customizing do projeto do projeto

 SAP AG 1999
Administração de projetos

Dados básicos Escopo do projeto


Responsável: __________ Componentes de aplicação:
Idioma do projeto: __________
—9 Contabilidade financeira
Datas previstas Datas reais —9 Controlling
Início: 01/10/99 Data: ______ —9 Logística – Geral
Fim: 30/04/00 Fim: ______
—9 Vendas e distribuição
—9 Administração de materiais
Membros do projeto —W Controle de qualidade
—W Manutenção
ABC Sra. Andrea Albert
—W ...
XYZ Sr. Mike Miller

Status do projeto Visões do projeto

01 Normal sem modificações  Todas as atividades obrigatórias


02 Em andamento  Todas as atividades críticas
03 Fase de testes
 Atividades para o Release 4.6
04 Concluído
05 Produtivo  Entrada manual 1

 SAP AG 1999
Trabalho de projetos

Documentação do
Documentação SAP
projeto
IMG
 Conceito projeto  Estruturada por
 Recomendações assunto, utilizando
 Pré-requisitos tipos de nota
 Observações gerais  SAPscript ou outros
ou observações no programas de
transporte processamento de
 Atividades texto
 Texto em SAPscript
ou HTML
Atividades Administração de projetos

 Chamar transações  Administração de


de Customizing Status
 Programação
 Recursos
 Ligação ao sistema de
administração externa
de projetos
 SAP AG 1999
Introdução ao Guia de implementação: resumo

O aluno deve estar apto a:


 Utilizar as funções do Customizing
 Explicar o procedimento para definir projetos de
customizing e que informações você pode definir
para um projeto de customizing
 Explicar a relação entre ASAP e Customizing

 SAP AG 1999
Opções globais

Índice:

 Países
 Moedas
 Unidades de medida
 Calendário de fábrica

 SAP AG 1999
Opções globais: objetivos do capítulo

No final deste capítulo, o aluno estará apto a:

 Listar as configurações para países e moedas


que sejam relevantes para as transações da
Administração de materiais
 Configurar uma nova unidade de medida usando
através o Guia de implementação
 Listar as etapas necessárias para a criação de um
calendário de fábrica

 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia
de implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre
em Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Opções globais: cenário empresarial

 Foi solicitado que algumas das tabelas


integradas fossem revistas, como parte de uma
implementação global, para assegurar que elas
estejam completamente atualizadas com base na
perspectiva da Administração de materiais.

 SAP AG 1999
Opções de países

Data: MM/DD/AAAA DD.MM.AAAA DD.MM.AAAA


Decimal: 100.00 100,00 100.00
Esquema
de impostos: TAXUSJ TAXD TAXGB
Layout
do endereço: 004 015 006
Código postal: 10 dígitos 5 dígitos 9 dígitos
Verificação: Entr. opcional Entr. obrigatória Entr. opcional

 SAP AG 1999
Moedas

Códigos ISO USD GBP EUR ITL CHF

Casas
Decimais 2 2 2 0 2

Arredondamento - - - 10 0,05

 SAP AG 1999
Conversão de moeda

Tipos de taxa de câmbio


Tipo ER Descrição Moeda base Inv. EMU Fixado
M taxa média - - - -
EURO EMU EUR - X -

Fatores de conversão
Tipo ER De Para Válido desde Fator Fator Tipo ER dif.
M ITL DEM 01.01.1999 1.000 : 1 EURO
M USD GBP 01.01.1800 1 : 1

Taxas de câmbio

Tipo ER Vál.desde Quantidade Fator De Fator Preço Para


EURO 01.01.1999 1.95583 x 1 DEM= 1 x EUR
EURO 01.01.1999 x 1 EUR= 1 x 1.95583 DEM

 SAP AG 1999
Unidades de medida e conversão através de
unidades SI

Unidade de medida 1 Unidade de medida 2


ton onça

Dimensão A
ex.: massa

Conversão para Conversão para


unidade SI unidade SI
1.000 : 1 567 : 20.000

Unidade SI
Kg = quilograma

 SAP AG 1999
Atualização e atribuição de calendários de fábrica

1. Atualizar Definição Definição


...
Definição
feriados Feriado 1 Feriado 2 Feriado n

Definição
2. Atualizar calendário ID do calendário de feriados: 08
de feriados Feriado 1
...
Feriado n

Definição
ID Calendário de fábrica: 01
3. Atualizar calendário ID Calendário de feriados: 08
de fábrica Definição de dias úteis
Regras especiais

Centro 1000:

4. Atribuir
Calendário
calendário de fábrica de fábrica 01

 SAP AG 1999
Opções globais: sumário

O aluno deve estar apto a:

 Listar as configurações para países e moedas


que sejam relevantes para as transações da
Administração de materiais
 Configurar uma nova unidade de medida usando
através o Guia de implementação
 Listar as etapas necessárias para a criação de
um calendário de fábrica

 SAP AG 1999
Níveis organizacionais de MM

Índice:
 Organização de compras
 Centros e depósitos
 Relações entre unidades organizacionais

 SAP AG 1999
Níveis organizacionais de MM: objetivos do
capítulo

No final deste capítulo, o aluno estará apto a:

 Catalogar as funções mais importantes das


estruturas organizacionais de MM
 Identificar as relações entre os níveis
organizacionais de MM e os ambientes
correspondentes
 Configurar os níveis organizacionais de Logística
(MM) no Guia de implementação
 Utilizar as funções de cópia e de verificação de
centro

 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia
de implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre
em Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Níveis organizacionais de MM: cenário empresarial

 A equipe de impmementação determinou que os


centros adicionais precisam ser criados para a
implementação.
 Deciciu também que seria benéfico se os novos
centros pudessem usar os acordos e condições
existentes negociados pela organização central de
compras. A intenção é usar as atribuições
organizacionais para os novos centros para
alcançar esse objetivo.

 SAP AG 1999
Empresa

Plano de contas

Divisão
0001

Divisão
0002

Área de contabilidade de custos

Moeda

 SAP AG 1999
Organização de compras

Registro info
Organização
Contrato
de compras

Empresas

Centro 1000 Centro 1100 Centro 1200

Grupo de compras 1 Grupo de compras 2 Grupo de compras 3


 SAP AG 1999
Organização de compras de referência

Central
compras
(referência OrgC)

Empresa Empresa
1000 1200

Organização Organização Organização


de compras de compras de compras
1000 1100 1200

Centro Centro Centro


1000 1100 1200

 SAP AG 1999
Área de avaliação

Níveis de avaliação de materiais

0001

Empresa Centro

Área de avaliação

 SAP AG 1999
Centro

Funções e dados arquivados no nível do


centro:
Planejamento de necessidades

PP-Administração dados mestre

PP- Adminsitração de ordens

Planejamento de capacidade

Custo do produto

Previsão

Planej. da atualização do centro

Admin. do inventário de material

Visões de compras

Visões de contabilidade
(se área de avaliação = centro)

 SAP AG 1999
Depósito

 O depósito é o nível em que os


estoques reais de material de um
centro são mantidos.
 O inventário físico ocorre no nível
do depósito.
(Exceção: inventário físico dentro
do Sistema de administração de
depósitos)
 Os estoques são administrados
em nível de depósito com base em
quantidade apenas e não em valor.
 Um depósito é sempre definido
como pertencente a um
determinado centro.

 SAP AG 1999
Níveis organizacionais de MM

Empresa
1000

Organização Organização
de compras de compras
1000 1200

Centro Centro Centro


1000 1100 1200

Depósito Depósito Depósito Depósito


0001 0001 0005 0010

 SAP AG 1999
Estrutura organizacional de Logística

001
Organização de compras 0001
0001
001
0002
0002
Organização de vendas

Canal de
Setor de
Empresa atividade
distribuição
Setor de
atividade
Setor de
atividade

Nível de avaliação

Centro 1000 Centro 1100

Local expedição Depósito Depósito 0003


0001 0001 (depósito WMS)
Local expedição Depósito
0002 0002

 SAP AG 1999
Níveis organizacionais do R/3: MM e FI

Mandante

Área contab. custos Área contab. custos


1000 2000

Empresa Empresa Plano Empresa


1000 2000 contas 3000
INT

ÁreaAval. ÁreaAval. ÁreaAval. ÁreaAval. ÁreaAval.


1000 1100 1200 2100 3100

Centro 1000 Centro 1100 Centro 1200 Centro 2100 Centro 3100

 SAP AG 1999
Criação de um novo centro

Criação de um “centro único” Cópia de um “centro complexo”


Centro 2000

Centro 1000

Atualizar dados gerais do centro Copie os dados gerais do centro e verifique


Local (cidade)/rua  Local (cidade)/rua
País/código postal País/código postal
Endereço Endereço e assim por diante

Fazer atribuições Copiar todas as atribuições


Ex.: Centro  Organização de compras Ex.: Centro  Organização de compras
Centro  Empresa Centro  Empresa
Verificar atribuições  Verificar atribuições

Verificar parâmetros funcionais p/ centro Copiar os parâmetros funcionais


Verificar/atualizar todas as tabelas O sistema copia todas as tabelas dependentes
dependentes de centro nas áreas de aplicação de centros nas áreas de aplicação.
Verifique se necessário.

 SAP AG 1999
Verificação de centro

Tabelas Tabelas Tabelas Tabelas Tabelas


dependentes dependentes dependentes dependentes dependentes
do centro do centro do centro do centro do centro

 SAP AG 1999
Níveis organizacionais de MM: resumo

O aluno deve estar apto a:


 Catalogar as funções mais importantes das
estruturas organizacionais de MM
 Identificar as relações entre os níveis
organizacionais de MM e os ambientes
correspondentes
 Configurar os níveis organizacionais de Logística
(MM) no Guia de implementação
 Utilizar as funções de cópia e de verificação de
centro

 SAP AG 1999
Dados mestre em
Administração de materiais

Índice:
 Opções para tipos de material
 Controle de seleção de campos para registros mestre
de material
 Registros mestre de material personalizados
 Registros mestre de fornecedor

 SAP AG 1999
Dados mestre em Administração de materiais:
objetivos

No final deste capítulo, o aluno estará apto a:

 Configurar os tipos de material e definir


os atributos de controle para eles
 Definir a atribuição de número de material
 Determinar e configurar o controle de seleção de
campos através dos elementos determinantes
 Configurar um registro mestre de material
personalizado simples
 Definir as opções necessárias para o mestre de
fornecedores

 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia de
implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Dados mestre em MM: cenário empresarial

 Muitos dos produtos produzidos e consumidos


nas estruturas organizacionais da sociedade
pertencem a uma cadeia logística interna.
 Por esse motivo, a equipe de implementação
decidiu criar um novo tipo de material que reflita
o cenário dessa cadeia logística interna.

 SAP AG 1999
Opções para registros mestre de material

Configuração do mestre de materiais

Seleção de campos

Configuração global

Opções para campos centrais

Ferramentas

 SAP AG 1999
Opções globais

Definir opções globais

Atualizar empresas para MM

Determinar características
dos tipos de material

Determinar intervalos de numeração

Determinar representação de saída


do no de material

 SAP AG 1999
Controle do tipo de material: mestre de materiais

A
Tipo de suprimento (interno/externo)
Material

Visões para atualização de material


Material

Atribuição de número alfanumérico externo s/ verificação

Tipo de administração de estoques (quantidade/valor)

A Atribuição a uma referência de classe de conta


Tipo mat.

Seleção de campos e seqüência de telas


Tipo material
Códigos gerais para controle de preços, processos
especiais e varejo

Controle de cálculo de custos

Grupo de categorias de itens SD

Grupo de autorização

 SAP AG 1999
Atualização do registro mestre de material: visões

Registro Vendas e
Compras
mestre distribuição
de material
Cálculo
Dados básicos
Definição de custos

Planejamento
t
MRP
O mestre de materiais é
do trabalho
B o objeto de dados central
B BC Estoques no
A do sistema R/3. É usado para Previsão
centro/depósito
representar matérias-primas,
A
XX
B
XX
materiais auxiliares e
Contabilidade de consumo, produtos Classificação
semi-acabados, produtos
acabados, MAPs ... Administração
Depósito
de depósito

 SAP AG 1999
Atribuição de números para materiais

Material

Tipo mat.
Verificar número atribuído externamente
?

Grupo 01 Grupo nn

Intervalo interno NA ... Intervalo interno NA

Intervalo externo NA Intervalo externo NA

 SAP AG 1999
Como o número do material é exibido

Material

Banco dados

Número
Número do
do material:
material:
18
18 caracteres
caracteres

Conversão

Comprim.entrada/saída
Zeros à esquerda

Modelo
Tipo de armazenamento

 SAP AG 1999
Status do material

Campo de status do material


A
Material

Aplicação Controle

Aplicação Sem diálogo Advertência Erro


Compras x
Cabeçalho de lista técnica x
Item de lista técnica x
Roteiro x
Necessidades independentes x
Previsão x
MRP x
Cabeç.ordem de produção x
Item de ordem de produção x
Controle de qualidade x
MAPs x
Manutenção x
Administração de estoques x
 SAP AG 1999
Seleção de campos do mestre de materiais

Visão geral dos elementos determinantes

Grupos de seleção de campos

Referência de campo - cadeia de controle

Atribuição de referência de campo

Ligação de cadeias de controle

 SAP AG 1999
Seleção de campos para material: elementos
determinantes

Transação

Código de
suprimento
........ ?

Tipo de material
........
Seleção de campos ........

Centro

Setor industrial

Remessa SAP

 SAP AG 1999
Seleção de campos de material: referência
de campo

Referência
Tipo material Cadeia de controle
de campo

Referência
Centro Cadeia de controle
de campo

Referência
Setor industrial Cadeia de controle
de campo

Referência
Transação Cadeia de controle
de campo

Código de suprimento Interno/externo Cadeia de controle

Referência
Remessa SAP Cadeia de controle
de campo

 SAP AG 1999
Seleção de campos de material: procedimento

11 Determinar o grupo de seleção de Regras de ligação


campos a que pertence o campo
a ser modificado Exemplo: tipo de material ROH

Transação MM01
12 Determinar o elemento determinante - * + .
para modificação da seleção
de campos - - - - -
13 Determinar a cadeia de controle -
a ser modificada
* * * *
+ - * + +
14 Modificar a seleção de campos
. - * + .
para esse grupo na cadeia relevante

15
Verificar a ligação

 SAP AG 1999
Configuração do mestre de materiais

Estrutura de tela de dados


para cada seqüência de telas

Atribuição de subtelas

Definição da seqüência de telas principais


e de subtelas

Atribuição da seqüência de telas

Determinação do status de atualização


para transferência de dados

Programa para subtelas específicas do usuário

Opções do usuário

 SAP AG 1999
Exemplo: diálogo do mestre de materiais
específico do usuário

Telas lógicas
• Seqüência
• Faixas registro

Módulos de tela
• Programa
• Número da tela
 SAP AG 1999
Mestre de materiais específico do usuário:
seqüência de telas

Seq. de telas 01 Seq. de telas 21 Controle

Tela lógica 07 Tela lógica 07 Tipo de tela: Tela principal


“Dados básicos” “Dados básicos 1” Subtela
... Tela lógica 08
Programa (Screen Painter)
“Dados básicos 2”

Tela lógica 08 ... Tela (Screen Painter)


“Compras”
Tela lógica 14
Tela lógica 24 “Compras”
“Texto do pedido”
Tela lógica 16 Módulos de tela
“Texto do pedido”
... Atribuição de função adicional
..
Tela lógica 12 Tela lógica 26 Status atualização (K,E,D,.....)
“MRP 1” “MRP 1”

... Tela lógica 27


Controle de seqüência
“MRP 2”

... Opções do usuário

 SAP AG 1999
Mestre de materiais específico do usuário:
elementos determinantes

Referência de tela
da transação

Referência de tela
do usuário

Seqüência de telas
Referência de tela
do tipo de material

Referência de tela
do setor industrial

 SAP AG 1999
Seqüência de telas: elementos determinantes

Transação Usuário Tipo material Setor industrial

Agrupamento Agrupamento Agrupamento Agrupamento


de transações de usuários tipos material setores industr.

Ref.tela Ref.tela Ref.tela Ref.tela Seqüência


transação usuário tipo material setor industr. de telas

01 * * * 21

01 MODEL ROH M Z1

01 MODEL * * Z2

01 MODEL ROH M Z1

01 MODEL ROH M Z1

 SAP AG 1999
Opções para registros mestre de fornecedor

Grupos de contas de fornecedores

Seleção de campos

Atribuição de números

Níveis para dados de fornecedores

Funções de parceiro

 SAP AG 1999
Controle de grupos de contas: mestre
de fornecedores

... como o registro mestre


é usado
(fornecedor ou fornecedor CD)

... o tipo de ... se os subsortimentos do


atribuição de números fornec. ou dados específicos
(interno/externo) centro são permitidos
O grupo de contas
controla ...
... quais funções
... o intervalo do parceiro são permitidas,
de numeração com base
nos esquemas de parceiro

... a seleção de campos

 SAP AG 1999
Seleção de campos de fornecedor: elementos
determinantes

Grupo de contas Transação

Seleção de
campos para:
Dados básicos
Dados contábeis
Dados de compras

Dados de compras: Dados contábeis:


Organização de compras Empresa

 SAP AG 1999
Funções do parceiro

Recebedor mercad. Emissor da fatura


Fornecedor

Fornecedor mercad. Recebedor


pagamento

 SAP AG 1999
Funções do parceiro - esquemas de parceiro

Função parceiro Esquema parceiro

VD Fornecedor 0001 Fornec. Obrigatório


OA Endereço do pedido VD x
PI Emissor da fatura OA
GS Fornecedor mercad. AZ (2) Esquema parceiro
AZ Receb.pgto.diferente 0002 Pedidos c/ funções do parceiro
VD x permitidas para
OA fornecedores
PI

(1) Funções (2) Esquema parceiro


parceiro permitidas p/ c/ funções do parceiro
fornecedor em permitidas para Atribuir
grupo de contas? pedidos esquema parceiro
a grupo de contas

Atribuir
esquema parceiro
a tipo de ordem

 SAP AG 1999
Dados mestre em Administração de materiais:
resumo

O aluno deve estar apto a:


 Configurar os tipos de material e definir
os atributos de controle para eles
 Definir a atribuição de número de material
 Determinar e configurar o controle de seleção de
campos usando os elementos determinantes
 Configurar um registro mestre de material
personalizado simples
 Definir as opções necessárias para o mestre de
fornecedores

 SAP AG 1999
Avaliação e classificação contábil

Índice:

 Configuração da determinação automática de contas


 Opções para avaliação separada
 Opções para documentos contábeis

 SAP AG 1999
Avaliação e classificação contábil: objetivos

No final deste capítulo, o aluno estará apto a:


 Listar os elementos determinantes que são
relevantes para a determinação de contas
 Determinar os níveis organizacionais dos quais
dependem a determinação de contas
 Descrever a relação entre o mestre de materiais e o
processo de determinação de contas
 Descrever como a string de valores é determinada
na administração de estoques
 Configurar a determinação de contas para um (novo)
centro
 Utilizar a função de simulação
 Fazer as opções para avaliação separada
 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Introdução
Introdução ao Guia de
implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Avaliação e classificação contábil

 Após conversar com o departamento de


contabilidade, ficou decidido que, para os
centros recém-criados, a Contabilidade exige
alguns lançamentos de contas de estoque
diferentes daqueles usados em outras áreas de
avaliação.
 A equipe do projeto solicitou a revisão da
configuração para determinação de contas e a
definição de como essa exigência deve ser
efetuada.
 Como parte do processo de decisão sobre o uso
da avaliação separada em novos centros, você
foi solicitado a apresentar esse tema à equipe
do projeto e a apresentar uma síntese das
configurações atuais.
 SAP AG 1999
Lançamentos automáticos em EM e EF

Processo
Processo empresarial:
empresarial: Documento
Documento cont ábil:
contábil:

11 Entrada mercadorias Item Pacote Nº conta Montante


p/ pedido em estoque
1 89 300 000 100,00
2 96 191 100 120,00-
3 83 231 000 20,00

22 Entrada de faturas Item Pacote Nº conta Montante


p/ pedido em estoque
1 31 Fornecedor 121,00-
2 86 191 100 120,00
3 93 281 000 10,00-
4 40 154 000 11,00 (*)

 SAP AG 1999
Lançamento de transações para EM e EF em
estoque

Transação/
Tipo de classif.contábil EM EF Conta Razão Comentários

Registro de estoque X (X) 300 000 Determinação automática de contas

Compensação EM/EF X X 191 100 Determinação automática de contas

Diferença de preço (X) (X) 231 000 Determinação automática de contas

Conta fornec./conciliação X 160 000 Conta no mestre de fornecedores

IVA suportado (X) 154 000 Determinação automática de contas

O sistema deve determinar automaticamente as contas


do Razão relevantes para cada transação em MM.
Diversas transações contábeis pertencem a uma transação em
MM (como entrada de mercadorias para pedido), por exemplo:
- Registro de estoque (chave de operação BSX)
- Lançamento de compens. EM/EF (chave de operação WRX)
etc.

 SAP AG 1999
Determinação automática de contas em MM

Entrada mercads.
Saída mercads.

Atualização
de contas
Transações MM
Registro transfer.

Material de
débito/crédito Fatura
recebida Fatura

Modific. de preço
$29,00
$25,00

 SAP AG 1999
Exemplo (1): nível organizacional do elemento
determinante

Registro
Registro de
de
Transação lan çamento
lançamento

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400100 a 300010:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400110 a 300011:
MAT 1 no centro 1100 100,00

 SAP AG 1999
Exemplo (2): material/tipo de material do elemento
determinante

Registro de
Transação lançamento

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400010 a 300000:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400020 a 300000:
MAT 2 no centro 1000 100,00

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de material auxiliar 400100 a 300100:
MAT 3 no centro 1000 100,00

 SAP AG 1999
Exemplo (3): transação MM do elemento
determinante

Registro de
Transação lançamento

Lançam. de entrada mercads.


para pedido de matéria-prima 300000 a 191100:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançam. de modificação preço


de matéria-prima MAT 1 300000 a 282000:
no centro 1000 100,00

 SAP AG 1999
Exemplo (4): transação MM do elemento
determinante

Registro de
Transação lançamento

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400010 a 300000:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançam. de saída de mercads.


para refugo matéria-prima 400001 a 300000:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançam. difer. de invent.físico


(saída mercads.) de matéria- 233000 a 300000:
prima MAT 1 no centro 1000 100,00

 SAP AG 1999
Níveis de avaliação e determinação de contas
em MM

Plano de contas INT

001
001
0001
0001 0002
0002
Empresa 1000 2000

Centro
Centro Centro
Centro
Área de avaliação Centro
Centro Centro
1000 1200 2000
Centro

Centro 1000 1200 2000

Tipo de avaliação

 SAP AG 1999
Visão geral da determinação automática de contas

Dependendo dos diversos elementos


determinantes (plano de contas atribuído,
transação comercial, centro em que estiver É preciso atribuir uma conta do Razão
lançando a transação e, possivelmente, a lançamentos de DÉBITO e CRÉDITO
material), o programa determina para quais para cada combinação possível de
contas do Razão deve fazer lançamentos. elementos determinantes (plano de
contas, transação comercial, centro e,
possivelmente, material).

Plano DÉBITO CRÉDITO


Mand. Transação VM AG Classe V
ctas Conta Razão Conta Razão
400 INT BSX 0001 --- 3000 300 000 300 000

400 INT WRX 0001 --- 3000 191 100 191 100

400 INT PRD 0001 --- 3000 231 000 281 000

400 INT GBB 0001 VBR 3000 400 000 400 000

 SAP AG 1999
Elemento determinante: plano de contas

Plano de contas
 Classificação para registro de valores ou fluxos de valor para garantir uma
prestação correta de dados contábeis.
 É preciso atribuir um plano de contas a cada empresa.
 Isso é usado como uma chave para determinação de contas, para permitir uma
diferenciação para fins de atribuição de contas do Razão.
 É preciso configurar a determinação automática de contas separadamente para
cada plano de contas.

Plano DÉBITO CRÉDITO


Mand. Transação VM AG Classe V
ctas Conta Razão Conta Razão
400 INT BSX 0001 --- 3000 300 000 300 000

400 INT WRX 0001 --- 3000 191 100 191 100

400 INT PRD 0001 --- 3000 231 000 281 000

400 INT GBB 0001 VBR 3000 400 000 400 000

 SAP AG 1999
Elemento determinante: área de avaliação

Código de agrupamento de avaliação


 Chave para determinação de contas que permite uma diferenciação da atribuição
de contas do Razão por área de avaliação em um plano de contas.
 Ao ativar ou desativar os códigos de agrupamento de avaliação, é possível
ligar/desligar a dependência da função de determinação de contas na área de
avaliação.
 Se você tiver ativado o código de agrupamento de avaliação, será preciso atribuir
um código (qualquer código) a cada área de avaliação.
 É preciso configurar a determinação automática de contas separadamente para
cada código de agrupamento de avaliação em um plano de contas.

Plano DÉBITO CRÉDITO


Mand.
ctas
Transação VM AG Classe V
Conta Razão Conta Razão
400 INT BSX 0001 --- 3000 300 000 300 000

400 INT WRX 0001 --- 3000 191 100 191 100

400 INT PRD 0001 --- 3000 231 000 281 000

400 INT GBB 0001 VBR 3000 400 000 400 000

 SAP AG 1999
Agrupamento de níveis organizacionais (1)

Caso 1: área de avaliação = empresa

Código
Plano de contas Empresa de agrupamento
de avaliação

1000 0001

INT 2000
0002
2100

CAUS 3000 US01

 SAP AG 1999
Agrupamento de níveis organizacionais (2)

Caso 2: área de avaliação = centro

Código
Plano de contas Empresa Centro de agrupamento
de avaliação

1000 1000

INT 2000 2000 0001

2100
2100
2110 0002

CAUS 3000 3000 US01

 SAP AG 1999
Implementação: exemplo 1

Registro de
Transação lançamento

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400100 300010:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400110 300011:
MAT 1 no centro 1100 100,00

O código de agrupamento de avaliação deve ser ativado.


Diferentes códigos de agrupamento de avaliação são
atribuídos aos centros 1000 e 1100.

 SAP AG 1999
Elemento determinante: material/tipo de material

Classe de avaliação
 Chave para determinação de contas que permite uma diferenciação da atribuição
de contas do Razão, dependendo do material.
 Você deve atribuir materiais a uma classe de avaliação para cada área de
avaliação na visão de Contabilidade.
 É possível utilizar a atribuição das classes de avaliação permitidas para o tipo de
material (indiretamente) para entrar restrições.

Plano DÉBITO CRÉDITO


Mand.
ctas
Transação VM AG Classe V
Conta Razão Conta Razão
400 INT BSX 0001 --- 3000 300 000 300 000

400 INT WRX 0001 --- 3000 191 100 191 100

400 INT PRD 0001 --- 3000 231 000 281 000

400 INT GBB 0001 VBR 3000 400 000 400 000

 SAP AG 1999
Agrupamento de materiais

Opção 1 Opção 2 Opção 3

ROH ROH ROH


Conta 1 Conta 1
Mat. 1 Mat. 1 Mat. 1

Mat. 2 Mat. 2 Mat. 2 Conta 2


Conta 1

HIBE HIBE
Mat. 3 Conta 2 Mat. 3

Mat. 4 Mat. 4

FERT FERT
Mat. 5 Conta 3 Mat. 5 Conta 2

Mat. 6 Mat. 6

 SAP AG 1999
Tipo de material e classe de avaliação

Referência de Classe de
Tipo de material
classe de conta avaliação

ROH 3000
HIBE 3001
0001
PIPE 3002
COMP ...

ERSA 0003 3040

7900
HALB 0008
7910

FERT
0009 7920
PROC

 SAP AG 1999
Implementação: exemplo 2

Registro de
Transação
lançamento

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400010 a 300000:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de matéria-prima 400020 a 300000:
MAT 2 no centro 1000 100,00

Lançamento de saída mercads.


p/ pedido de material auxiliar 400100 300100:
MAT 3 no centro 1000 100,00

Você permitiu (pelo menos) duas classes de avaliação para o


tipo de material ROH. Os materiais MAT 1 e MAT 2 são
atribuídos a classes de avaliação diferentes.
O material auxiliar MAT 3 é atribuído a uma classe de
avaliação diferente (possivelmente com sua própria
referência de classe de conta).
 SAP AG 1999
Elemento determinante: transação comercial (1)

Transação
 Chave para determinação de contas que simboliza a transação comercial
 As transações de lançamento para MM são fixas. Você utiliza a chave de operação
para controlar se o sistema R/3 deve fazer um lançamento para uma conta de
estoque, uma conta de diferenças de preço, uma conta de compensação EM/EF
etc.

Plano DÉBITO CRÉDITO


Mand.
ctas
Transação VM AG Classe V
Conta Razão Conta Razão
400 INT BSX 0001 --- 3000 300 000 300 000

400 INT WRX 0001 --- 3000 191 100 191 100

400 INT PRD 0001 --- 3000 231 000 281 000

400 INT GBB 0001 VBR 3000 400 000 400 000

 SAP AG 1999
Processo de determinação de contas em MM

Administração Revisão
de estoques de faturas
Transação
Material Lançar string
para valores

BSX PRD
Transação

300000 Conta do Razão 281000

 SAP AG 1999
Definição da string de valores para movimentos
de mercadorias

Processo
específico
Entrada/ Tipo movimento
interna
Chave da Chave da
Material Atualização
de valor operação operação
Tipo material Atualização usada
de quantidades 1
Entrada/ Código de 1
interna estoque especial 2
String
valores
2
Transação Código 3
de movimento 3
4
Tipo Tipo movimento
de pedido/ de entrada
interno
N
Categoria de Código
class.contábil de consumo

 SAP AG 1999
Implementação: exemplo 3

Registro de
Transação lançamento

Lançam. de entrada mercads.


para pedido de matéria-prima 300000 a 191100:
MAT 1 no centro 1000 100,00

Lançam. de modificação preço


de matéria-prima MAT 1 300000 a 282000:
no centro 1000 100,00

As duas transações são atribuídas a strings de valores


diferentes (WE01 e RE05).
A string WE01, para a entrada de mercadorias correspondente
a um pedido em estoque, contém transações BSX e WRX.
A string RE05 contém transações BSX e UMB.

 SAP AG 1999
Exemplo 1 de strings de valores: WE01

WE01

BSX WRX PRD KDM EIN EKG BSV FRL FRN BSX UMB

 SAP AG 1999
Exemplo 2 de strings de valores: WA14

WA14

BSX PRD BSX UMB

 SAP AG 1999
Exemplo 3 de strings de valores: WA01

WA01

BSX GBB PRD BSX UMB

 SAP AG 1999
Elemento determinante: transação comercial (2)

Agrupamento de contas
 Chave para determinação de contas que permite uma diferenciação da atribuição
de contas do Razão para o lançamento de contrapartida de um registro de estoque
(transação BSX) e, possivelmente, outras transações
 Dependendo do tipo de movimento e do código de estoque especial, você pode
atribuir um agrupamento de contas (qualquer agrupamento) a transações
individuais (como GBB, PRD, ...).

Plano DÉBITO CRÉDITO


Mand.
ctas
Transação VM AG Classe V
Conta Razão Conta Razão
400 INT BSX 0001 --- 3000 300 000 300 000

400 INT WRX 0001 --- 3000 191 100 191 100

400 INT PRD 0001 --- 3000 231 000 281 000

400 INT GBB 0001 VBR 3000 400 000 400 000

 SAP AG 1999
Chaves de operação e agrupamento de contas

Princípio Exemplo

Transação em String valores Saída de WA01


Administração mercadorias para
de estoques ou
centro de custo
Revisão de
faturas Transação 1 BSX GBB PRD BSX UMB
Transação n

Agrupam. contas VBR PRA

 SAP AG 1999
Implementação: exemplo 4

Transação Registro de
lançamento

Lançamento de saída mercads. Tipo mov. 261


p/ pedido de matéria-prima 400010 a 300000:
MAT 1 no centro 1000 Agrp.cta VBR 100,00

Lançam. de saída de mercads. Tipo mov. 551


para refugo matéria-prima 400001a 300000:
MAT 1 no centro 1000 Agrp.cta VNG 100,00

Lançam. da difer. de invent.físico Tipo mov. 702


(saída mercads.) de matéria- 233000 a 300000:
prima MAT 1 no centro 1000 Agrp.cta INV 100,00

 SAP AG 1999
Elementos determinantes: resumo

Empresa Plano de contas


Estrutura
organizacional Centro/ Código
área de avaliação de agrupamento
de avaliação

Dados contábeis Classe avaliação


p/ área de avaliação

Material Tipo material

Atualização de
valor/quantidade

String vals.
Chave de operação
Transação Movim.mercads/
comercial revisão de faturas Agrupam.contas

 SAP AG 1999
Atribuição de contas do Razão

Transação

Plano de contas Regras: elemento


determinante relevante?

Código de
agrupamento Agrupamento Classe
de avaliação de contas de avaliação

Conta Razão
(débito/crédito)

 SAP AG 1999
Simulação

Seleção de:
Centro Exibição de possíveis
Material/ linhas de lançamento
classe de avaliação e números de conta
Tipo movimento/
transação

 SAP AG 1999
Exemplo: contas para custos complementares
de aquisição

Processo
Processo empresarial:
empresarial: Documento
Documento cont ábil:
contábil:

11 Entrada mercadorias Item Pacote Nº conta Montante


para pedido para
estoque com custos 1 89 300 000 120,00
planejados para frete 2 96 191 100 100,00-
3 50 192 100 20,00-

22 Fatura para Item Pacote Nº conta Montante


custos de frete
planejados 1 31 Fornec. 22,00-
no pedido 2 40 192 100 20,00
3 40 154 000 2,00 (*)

 SAP AG 1999
Determinação das contas para custos
complementares de aquisição

Pedido

Esquema de cálculo
Pedido
TCon Descrição ... ChCta Acrésc
Tipo de PB00 ... ...
cond.: FRA1 ...
FRA1 Frete % ... FRE FR1
...
FRA2 Frete % ... FRE FR2

Chave de operação
Chave de operação p/ determinação de
p/ conta de contas p/ custos
compras frete complementares
de aquisição
 SAP AG 1999
Conta padrão em Compras

Classificação contábil: item

Conta Razão 400.000


Lista de itens
...
Item I A Material Quantidade
Centro custo ?
.... .... ......... .........
.... .... K ......... .........
.... .... X ......... .........
.... .... ......... .........

Classificação contábil: item

Conta Razão 415.000


O sistema pode propor uma conta,
dependendo da categoria de ...
classificação contábil. Centro custo ?
O sistema utiliza o agrupamento de
contas para a categoria de
classificação contábil a fim de
determinar essa conta.
 SAP AG 1999
Contas padrão por grupos de mercadorias

Classificação contábil: item

Conta Razão 400.000


Lista de itens
...
Item I A Texto breve Grp mercads.
Centro custo ?
.... .... ......... .........
.... .... K ......... 006
.... .... X ......... 007
.... .... ......... .........

Classificação contábil: item

Conta Razão 415.000


O sistema pode propor uma conta
para compras sem um registro ...
mestre de material, dependendo Centro custo ?
do grupo de mercadorias.
O sistema utiliza a classe de avaliação
para o grupo de mercadorias
para determinar essa conta.
 SAP AG 1999
Assistente de determinação de contas

Atualizar
Saudação Selecionar classes
lançamentos contas de avaliação

Pré-requisitos
Investigar diferentes Atualizar
tipos de material contas de estoque
Selecionar
tipos de material Atualizar
a serem usados regras de
Contas de estoque débito/crédito
diferentes
Ativar
administração de Atualizar
conta de compras transações MM
Atribuir
centros
Administração de a grupos
conta de compras
Encerrar atividade
para cada empresa
ou cancelar?
Atribuir
plano de contas
 SAP AG 1999
Avaliação separada

Área de avaliação Categ.avaliação Tipo de avaliação

Local Global
EUA
0001 Origem
Itália

Interno
0002 Suprim.
Externo

Novo
0003 Qualidade
C/ defeito

 SAP AG 1999
Avaliação separada: estrutura

Avaliaç
Avaliação
Área de avaliação 1000
Centro 0001 Material 1
Categoria avaliação H
Material 1 Quantidade 100
MAP 5,20

Centro
Tipo avaliação Tipo avaliação
Itália França

Depósito 0001 Depósito 0002 Quantidade 40 Quantidade 60


Quant. 30 Quant. 70 Preço S 4,00 MAP 6,00
Depósito

Lote
Itália França Itália França
Quant. 10 Quant. 20 Quant. 30 Quant. 40

 SAP AG 1999
Opções para avaliação separada

Pedidos externos permitidos?


Definir tipos globais Pedidos internos permitidos?
Referência de classe de conta

(Obrigatório) tipo sugerido no caso


de suprimento interno/externo
Definir categorias globais
Código "Criar tipo de avaliação
automaticamente"

Atribuição de categorias a
Determinar definições locais unidades organizacionais
Modificar tipos/categorias localmente

 SAP AG 1999
Tipos de documentos para documentos contábeis

Tipo de documento Descrição

WE Entrada mercads.

Propriedades Controle

Interv.numeração 50  Tipo de documento líquido


Tipo documento estorno __  Verificação de cliente/fornec.
Grupos de autorização ____  Lançams.negativos permitidos
 Lançams.interempresariais
 Conta do Razão
Tipos contas permit.
 Socied.parceira negócios permit.
 Bens patrimoniais  Documento faturamento SAP
 Cliente  Tipo doc. para ajuste posterior
 Fornecedor
 Material Obrigat. durante entrada doc.
 Conta do Razão
Utilização especial
Valores propostos
Joint venture
 SAP AG 1999
Atribuição de números para documentos contábeis
de MM

Transação de
Administração Tipo doc.
de materiais

1000
1000
01
01 1000
1000 1200
1200
nn
nn
02
02

04
04 03
03
Interv.numeração Empresa

Válido até
Intervalo
Nível de número
Externo

 SAP AG 1999
Avaliação e classificação contábil: resumo

O aluno deve estar apto a:


 Listar os níveis organizacionais importantes para a
avaliação de material
 Listar os elementos determinantes e suas
características de agrupamento, das quais
dependem as opções para os lançamentos
automáticos
 Descrever o processo de determinação de contas
 Configurar a determinação de contas para
determinadas transações de Administração de
materiais
 Utilizar a função de simulação
 Fazer as opções para avaliação separada

 SAP AG 1999
Compras

Índice:

 Tipos de documento em Compras


 Estrutura de tela para documentos de compra
 Categorias de classificação contábil
 Textos descritivos em Compras
 Mensagens

 SAP AG 1999
Compras: objetivos do capítulo

No final deste capítulo, o aluno estará apto a:


 Criar novos tipos de documento para transações de
compra
 Descrever os elementos determinantes para
estruturas de telas de documentos de compra e
modificar a seleção de campos para transações de
compra
 Definir novos textos descritivos para Compras,
definir as ligações apropriadas e gerar os textos
em forma de mensagem
 Descrever o processo de determinação de
mensagens para transações de compra

 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia de
implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Compras: cenário empresarial

 Na sociedade, alguns de seus compradores


administram apenas documentos de compra de
subcontratação. Uma vez que o campo de
categoria de item não é um objeto de autorização,
mas sim o documento de compra, o sistema
solicitou a criação de um novo tipo de
documento que só permite o uso da categoria de
item de subcontratação.
 O sistema deve emitir textos descritivos
específicos e outros textos standard ao utilizar
esse novo tipo de documento.
 É necessário fornecer uma visão geral da
configuração de saída do documento de compra
atual e criar os registros de condição necessários
para o novo tipo de documento.
 SAP AG 1999
Atribuição de números em transações de compra

Requisição de compra

Sol.cot.

Solicitação de cotação
?
Transação Pedido

Contrato

Contrato
Tipo doc.

Programa de remessas Prog.rem.


Atrib. interna núm. interv. numer.
04.01.2000
Atrib. externa núm. interv. numer. 06.01.2000

 SAP AG 1999
Tipos de documento para transações de compra

Documento
de compra Descrição
Intervalo de itens
Chave refer.seleção campos Atualização
Intervalos de numeração de intervalos

Controle
Tipo doc.
Contrato:
Qtd.standard de solic.contrato

Categorias
Referência
de item
à requisição
permitidas

 SAP AG 1999
Estrutura de tela para transações de compra

Transação

Tipo doc.
........ ?

Categoria de item ........


........
Seleção
de campos
Categoria classif.
contábil

Autorização para
exibição preços

Status
da liberação

 SAP AG 1999
Categorias de classificação contábil

Descrição

Classificação contábil
Item de transação pode ser modificada após EM/EF
de compra Classificação contábil
pode ser modificada em EF

EM para item

Categoria de
EM não avaliada
classif.contábil

EF para item

Seqüência de telas

Agrupamento de contas

Registro do consumo

 SAP AG 1999
Textos em Compras

Tipos de texto em documentos de compra e registros mestre

Textos de cópia

Emissão de textos em mensagens

 SAP AG 1999
Tipos de texto em Compras

Sol.cot./cotação Pedido Programa remessas


Contrato Requisição de compra

Definir significados de tipo de texto Cabeç.doc.

Copiar de documento de referência Item doc.


Ligação entre tipos de texto
..
.

Registro info
Registro info
Definir significados de tipo de texto
unidade %
Ligação entre tipos de texto Condições
UNI

Registro mestre de fornecedor

Definir significados de tipo de texto

Tipo de texto relevante?

 SAP AG 1999
Exemplo de textos de cópia

Mestre de materiais Registro info

BEST Texto pedido AT Nota


GRUN BT Texto ordem
PRUE registro info
IVER  Sem TextM

Requisição de compra Item do pedido


B01 Texto de item F01 Texto de item
B02 Nota de item F02 Texto pedido reg.info
B03 Texto fornec. F03 Texto ped.material
B04 Texto ped.material F04 Texto fornecimento
... ...

 SAP AG 1999
Tipos de texto em mensagens de compra

Cabeçalho
Cabeçalho (Cabeçalho)
Texto cabeç.1
Texto cabeç.2
Texto cabeç.3
Texto cabeç.4 (Item)

Item 10 10
Texto item 1
Texto item 2 20

Item 20
(Suplemento)
Texto item 1
Texto item 2 Texto standard
ME_PO_TEXT_01

 SAP AG 1999
Textos de organização de compras em mensagens

Chave de texto: endereço Chave de texto: cabeçalho

Texto
standard

Chave de texto:
Chave de texto: saudação
linhas de rodapé

 SAP AG 1999
Determinação de mensagens em Compras

Exemplos de mensagens em Compras

Processo de determinação de mensagens

Tipos de mensagem

Seqüências de acesso e
registros de condição

Determinação de impressora

 SAP AG 1999
Geração de mensagens

Impressora EDI Fax


E-mail Telex
Teletex

Saída

Documento de compra

Nova Programa Carta de Rejeição Carta de


impressão remessas advert./ confirm.
lembrete do pedido

 SAP AG 1999
Saída de mensagens sem determinação de
mensagem

Nenhum esquema de mensagem é atribuído.

O sistema só pode gerar os tipos de mensagem definidos


no sistema standard (como, por exemplo, NEU).

O sistema só gera mensagens com os parâmetros standard


(meio de saída PRINT, hora 1 e IMPRIMIR IMEDIATAMENTE).
É possível modificar os valores propostos.

O sistema determina a impressora na seguinte seqüência:


• Impressora definida para o grupo de compradores
• Impressora definida no parâmetro de usuário PRI
• Impressora definida em valores fixos do usuário

 SAP AG 1999
Saída de mensagens com determinação de
mensagem

A determinação de mensagens é controlada por um esquema.

É possível gerar qualquer tipo de mensagem.

O sistema pode sugerir o meio de saída e a hora, dependendo


dos valores específicos dos elementos determinantes (como
tipo de documento, fornecedor).

O sistema só determina a impressora na seguinte seqüência:


• Impressora definida para o registro de mensagens
• Impressora definida para o grupo de compradores

 SAP AG 1999
Processo de determinação de mensagens

11 Pedido
Esq.determ.mensagens
Pedido RMBEF0 Fornecedor 1001
Org.compras 1000

1. Nova impressão NEU Cabeçalho da mensagem


2. Lembrete MAHN
Mensagem Tipo Parceiro
22 3. Lembrete de AUFB
NEU 1 DRUCKLF 123
confirm.pedido

Tipo de mensagem: NEU


Seq.acesso: 0001
33
Seq.acesso: 0001 55
1. Tipo de doc./organiz. de
compras/fornecedor
2. Tipo de documento
44 Parâmetros de impressão:
Registros p/tipos mensagens
Não existem registros válidos Impressora: LT60
Existem registros válidos Saída imediata: X
Número: 2
 SAP AG 1999
Tipos de mensagem

Atualizar tipos de mensagem


• Código para acesso a condições e, possivelmente, a
seqüências de acesso para geração automática de
mensagens
• Funções do parceiro para diferentes destinatários
(como fornecedor, endereço do pedido, centro fornecedor)
• Processamento de programas e formulários (dependendo
do meio de saída)
• Título e texto de MAIL para uso interno, se necessário
NXYZ
Controle detalhado
• Defina a operação de impressão para qual esse tipo de
mensagem é definido (ex: nova impressão, impressão de
modificações)

Atualizar esquema de mensagem


• Entre o tipo de mensagem no esquema:
isso determina para qual documento de compra e em que
condições o sistema gera a mensagem.

 SAP AG 1999
Elementos determinantes para determinação de
mensagens

Documento 1 Documento 2 Documento 3 Documento 4

Tipo doc. NB Tipo doc. NB Tipo doc. NB Tipo doc. NB


OrgC. 1000 OrgC. 1000 OrgC. 1000 OrgC. 1000
Fornecedor A Fornecedor B Fornecedor C Fornecedor D

Registro de Registro de Registro de


mensagem mensagem mensagem
Org.C. 1000 Tipo doc. NB Tipo doc. NB
Fornecedor A Org.C. 1000
Fornecedor B Saída Impressão
Saída EDI Saída FAX Número 2

 SAP AG 1999
Tabelas de condição e seqüências de acesso

No seq. Tabela condição

10 OrgC./Forneced.
20 Tipo doc.
... ... OrgC. Forneced. Registro de mensagem

1000 1000 Hora: 16 horas


Meio: Fax
Número: 1
2000 ... ...

Tipo doc. Registro de mensagem

NB Hora: Imediatam.
Meio: Impressora
Número: 1
UB ...
 SAP AG 1999
Exemplo: processo de determinação de
mensagens

Documento 1 Documento 2 Documento 3 Documento 4

Tipo doc. NB Tipo doc. NB Tipo doc. NB Tipo doc. NB


OrgC. 1000 OrgC. 1000 OrgC. 1000 OrgC. 1000
Forneced. A Forneced. B Forneced. C Forneced. D

Tabela condições 1 p/ forneceds.EDI:


OrgC. Forneced. Reg.mensagem
1000 A
Tabela condições 2 para forneceds. telex/fax:
Tipo doc. OrgC. Forneced. Reg.mensagem
NB 1000 B
Tabela conds. 3 p/
forneceds.restantes:
Tipo doc. Registro mensagem
NB Detalhes da mensagem
 SAP AG 1999
Determinação de impressora em Compras

Entrar transação
de compras
(como Criar pedido)

Parâmetro impressão
Tipo de mensagem
corresponde
predefinido (ex.: NEU)
ao critério do
grupo compradores

Existe registro para Reg. não contém dispos.saída Mensagem com


esse tipo mensagem dispositivo de saída
Reg. contém dispos.saída grupo compradores

Determinação de formulário,
dependendo meio transmissão/
tipo mensagem/aplicação

 SAP AG 1999
Nova impressão e impressão de modificações

1 Criar Modificar
(1)
documento documento

Tipo msg. NEU Tipo msg. NEU


Meio: Impressão Esquema mensagens: Meio: Impressão
Hora: 14h Sem nova determin. Hora: 14h
Número: 1 Número: 1
de mensagens

2 Criar Modificar (1)


documento documento
Esquema mensagens:
Tipo msg. NEU nova determinação Tipo msg. AEN
Meio: Impressão mensagens se forem Meio: Fax
Hora: 14h feitas modificações Hora: 22h
Número: 1

 SAP AG 1999
Opções para impressão de modificações

Documento Cpos relac. B A K L Núm.texto Rotina


de compra
Dados cabeçalho EKKO-ANGDT o  K4
EKKO-INCO1 þ   K5
Dados do item EKKO-KTWRT o   K6
EKKO-ZTERM þ  K1
Dados endereço ...
(ender. fornec.) EKPO-KTMNG o   P3 2
EKPO-LOEKZ þ   _ 3
EKPO-MENGE þ  P4
EKPO-NETPR þ   P7
...
SADR-NAME1 þ  P10
SADR-NAME2 þ  P10
SADR-ORT01 þ  P10
SADR-PSTLZ þ  P10
...
 SAP AG 1999
Compras: resumo

O aluno deve estar apto a:


 Criar novos tipos de documento para transações
de compra
 Descrever os elementos determinantes para
estruturas de telas de documentos de compra e
modificar a seleção de campos para transações
de compra
 Definir novos textos descritivos para Compras,
definir as ligações apropriadas e gerar os textos
em forma de mensagem
 Descrever o processo de determinação de
mensagens para transações de compra

 SAP AG 1999
Administração de estoques

Índice:

 Opções para movimentos de mercadorias


 Definição de novos tipos de movimento
 Verificação dinâmica de disponibilidade
 Mensagens na Administração de estoques

 SAP AG 1999
Administração de estoques: objetivos do capítulo

No final deste curso, o aluno estará apto a:

 Criar intervalos de numeração para documentos


de material e atribuir transações
 Modificar a seleção de campos e a estrutura de
telas para movimentos de mercadorias
 Listar as características mais importantes de
tipos de movimentos
 Definir um novo tipo de movimento e configurar a
determinação de contas para tipos de movimento
que utilizam o agrupamento de contas
 Configurar a verificação dinâmica de
disponibilidade para reservas
 Definir os detalhes da determinação de
mensagens
 SAP AG 1999
Diagrama da visão geral do curso

Visão geral do curso


Introdução ao Guia
de implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Administração de estoques: cenário empresarial

 É necessário criar um novo tipo de movimento


para saídas de mercadorias para centros de custo.
 O objetivo da sociedade é utilizar esse tipo de
movimento para separar despesas entre
diferentes contas do Razão, de acordo com
determinados critérios.
 Você deseja configurar a verificação dinâmica de
disponibilidade para esses novos tipos de
movimento para informar aos usuários sobre uma
possível indisponibilidade.
 É necessário apresentar uma visão geral da
configuração de determinação de contas em
Administração de estoques.

 SAP AG 1999
Atribuição de números a movimentos de
mercadorias

11 Docs. de material
Tipo de trans. 1 Tipo de trans. 2 Tipo de trans. 3
(WE) (WA) (WI)

Grupo 1 Grupo 2
(Entrada mercads.para pedido, (Outros movims.mercads.,
entrada mercads.para ordem, ...) diferenças de inventário físico)

Para ano: intervalo numérico 1 Para ano: intervalo numérico 2


(2000: 50 000 000 --- (2000: 49.000.000 ---
50 999 999 49.999.999

22 Documentos contábeis
Transação Tipo doc.

Interv.numeração

Intervalo numérico
(Dependendo do ano e da empresa)
 SAP AG 1999
Estrutura da tela para tipos de movimento

Regras de seleção
Seleção de campos
de campos para
para tipo de movimento
conta do Razão

Seleção de campos para:


saídas mercads., registros transfers., outras entradas

 SAP AG 1999
Seleção de campos para movimentos de
mercadorias: aspectos especiais

Entrar
Customizing
movim.mercadorias

11 Configurar classificação 11 Conta para contrapartida


contábil manual para de registro de estoque é:
cada tipo de movimento - Entrada obrigatória
- Entrada opcional
- Suprimida

22 Motivo do movimento: 22 Na tela de Detalhes,


o campo “Motivo do
- Definir chave
movimento” é:
- Definir seleção de - Entrada obrigatória
campos para cada - Entrada opcional
tipo de movimento - Suprimido

 SAP AG 1999
Seleção de campos para primeira tela/tela de
cabeçalho

As opções se aplicam a todas as


Campos modificáveis
primeiras telas/telas de cabeçalho (1):

Entr. Obrig. Exib. Supr. Destac.


Data do documento
Texto cabeçalho documento
Data de lançamento
Conhecimento de carga 
Motivo do
movimento
Número da nota de remessa 
Nota de material 
Algumas opções são válidas
sob determinadas condições,
por exemplo: código de
transação
 SAP AG 1999
Seleção de campos para transação MIGO

Campos de detalhes/cabeç. As opções se aplicam a todas as


Colunas de tabelas telas de detalhes/cabeçalho, ex.:

Entr. Obrig. Exib. Supr. Destac.

Data de produção
Material MPN
No material fornecedor
Motivo do movimento: chave 
Motivo do movimento: texto
Item de devolução 
Classificação contábil 

 SAP AG 1999
Tipos de movimento (1)

Nível ... dependente de ... ... opções para ...

Tipo de Tipo de Controle de entrada


movimento movimento (código impressão, código lote, data fim verificação)
Controle de atualização (LORT automático,
consumo, estatísticas, inventário físico)

Tipo de movimento Texto de tipo de movimento


Textos breves Código de estoque especial (descrição do movimento)
Código de movimento
Código de movim. de entrada
Código de consumo

Tipo de Quando o tipo de movimento pode ser usado?


Transações R/3 movimento (Propor tipo de movimento, apesar do
permitidas código diferente do tipo de movimento?)

Tipo de movimento Texto ampliado


Textos de ajuda Código de estoque especial (Texto que descreve o movimento individual)
Transação

Pesquisa lote Tipo de movimento Controle seleção cpos., procedim.pesquisa lote


seleção cpos. Código de estoque especial (esquema para determinação de lote)

 SAP AG 1999
Tipos de movimento (2)

Nível ... dependente de ... ... opções para ...

Controle atualiz., Tipo de movimento e indicadores Controle de entrada


tipo movimento para atualizações de valor/quantidade, (verif.disponibilidade, processam.partes em falta)
SAD estoques especiais, movimentos, Controle de atualização
receitas e consumo (LIFO/FIFO, LVS, QM, string de valores/quantidade)

Tipo de movimento e indicadores Código de agrupamento de contas,


Agrupam.contas p/ estoques especiais, atualizações de código p/ "Verificar classificação contábil"
valor/qtd., movimentos e consumo

Tipos movimento Tipo de movim., cód. de função Tipo de movimento de estorno,


subseq./estorno código para "Tipo de lançamento"

Motivo do Tipo de movimento, Descrição do motivo


movimento chave de motivo

Desativação Tipo de movimento e indicadores Tipo de movimento


do processo para estoques especiais, movimentos, para processamento de
controle QM receitas e consumo controle QM não ativo

Grupo de Tipo de movimento e indicadores Controle de atualização


estatísticas SIL p/ estoques especiais e movimentos de estatísticas (SIL)

 SAP AG 1999
Verificação dinâmica de disponibilidade

Tipo de
Código de movimento
material
Verificação de
disponibilidade
Verificação de Mensagem
disponibilidade na tela

Movim.mercads.
Regra verificação

Customizing Customizing Customizing


- Definição de regras - Tipos de estoques Tipo de mensagem
de verificação - Elems. de entrada/saída (erro, aviso,
- Atribuição de regra de - Considerar informação)
verif. para transação R/3 tempo de reposição?
 SAP AG 1999
Informações sobre peças em falta

Pré-requisitos
Regra verific.
Verific.ativa Grupo verificação Regra verific.
definida?
de peças entrado no atribuída
(estoque,
em falta material? à transação?
entradas,
no centro?
saídas)

Situação de peças em falta

Resultados
Mensagem Correio eletrônico Correio eletrônico para o
de aviso para planejadores planejador MRP da fábrica
em EM MRP responsáveis para obter peças em falta

Nota de peças Nota de peças


em falta não agregadas em falta agregadas

 SAP AG 1999
Geração de mensagens na Administração de
estoques

Entrar
Esquema de mensagens ME0001 movim.mercadorias
Tipos de mensagens Condição - Cód. de impressão
(Loop) - Tipo de movimento
Tipo de mensagem WE01 - Versão

Parâmetro de impressão
Seqüência de acesso

Existe registro
de mensagem
sim não

Determinação Continuar com próx.


de impressora tipo de mensagem

1) Entrada manual 3) Determin.flexível impressora Mensagem


2) Especificação no registro de mensagem gerada
 SAP AG 1999
Exemplo 1: mensagens em EM para pedido

Mensagens possíveis:

WE01 WEE1 MLGR MLFH

Nota acomp. Etiqueta Correio eletrônico Nota de


mercads.vers.1 versão 1 para Compras peças em falta

Determinação mensagens:

Código de Transação: Versão: Tipo movim.:


impressão EM para pedido nota individ. 101
ativado

Reg.condição Tipo transação Versão Cód.impr.


obrigatório: WE 1 item 1

 SAP AG 1999
Exemplo 2: mensagens em EM para pedido

Mensagens possíveis:

WE01 WEE1 MLGR MLFH


Nota acomp. Etiqueta Correio eletrônico Nota de
mercads.vers.1 versão 1 para Compras peças em falta

Determinação mensagens:

Código de Transação: Versão: Tipo movim.: Mestre materiais:


impressão EM p/ pedido nota individ. 101
ativado

Reg.condição Tipo transação Versão Cód.impr. Tipo de Forma de


obrigatório: WE 1 item 1 etiqueta etiqueta

 SAP AG 1999
Mensagens de sistema em
Administração de estoques

Mensagens sistema
Versão AA Núm. Texto Tipo
00 012 018 Entrar a data da produção E
00 M7 127 Material & & & marcado para eliminação E
00 M7 134 Material & é uma peça em falta A
00 M7 163 Última data de remessa possível foi & A
00 M7 127 Material & & & marcado para eliminação A

Parâmetros usuário
MSV Z1

Tipo de
mensagem
na aplicação

 SAP AG 1999
Parâmetros de centro (1)

Opções para movims. mercadorias


 Criar automaticamente dados de depósito para materiais
 Propor código de fornecimento final
 Verificação de peças em falta ativa em EM
 Lista de utilização de lotes ativa/inativa
 Verificação da data de vencimento
 ...

Opções para estoques negativos


Permitir estoques negativos para estoques especiais individuais
(consignação do fornecedor, consignação do cliente, ...)
(Condição: estoques negativos são permitidos em nível de fábrica e
em nível de depósito)

 SAP AG 1999
Parâmetros de centro (2)

Opções para o inventário físico


 Tipos de estoques
 Propor unidades de medida alternativas
 Determinar lotes em background
 Criar documentos de modificação ao modificar os resultados de contagem
 Modificar o estoque contábil
 Motivo para a diferença de inventário físico

Opções para reservas

 Propor código "Movimento permitido"


 Especificação da data para definição do código “Movimento permitido”
 Período de retenção para itens de reserva

 SAP AG 1999
Administração de estoques: resumo

O aluno deve estar apto a:


 Listar as opções importantes para as transações
de Administração de estoques e implementá-las
com a ajuda do Guia de implementação
 Ativar a verificação dinâmica de disponibilidade
para as transações de Administração de
estoques
 Criar um novo tipo de movimento

 SAP AG 1999
Resumo

Visão geral do curso


Introdução ao Guia
de implementação
Opções globais
Níveis organizacionais de MM
Dados mestre em
Administração de materiais Avaliação e
classificação contábil
Compras
Administração de estoques

Resumo

 SAP AG 1999
Resumo dos objetivos do curso

O aluno deve estar apto a:

 Mapear a estrutura da sociedade no sistema R/3


com base na perspectiva do componente
Administração de materiais
 Configurar os aspectos principais dos registros
mestre em Administração de materiais
 Configurar a determinação automática de
contas
 Fazer as opções selecionadas em Compras e
Administração de estoques

 SAP AG 1999
Atividades recomendadas para aperfeiçoamento

 Ler a documentação detalhada sobre as opções do


Customizing em MM abordadas no curso.
 Repetir os exercícios. Verificar os efeitos das
modificações das opções do Customizing.
 No Guia de implementação, ler a documentação sobre
as outras opções do Customizing em MM.
 Exibir as configurações standard. Verificar os efeitos
das modificações.

 SAP AG 1999
Cursos recomendados para aperfeiçoamento

 Participe dos cursos ASAP91 e ASAP92 para aprender


sobre a implementação do R/3 usando o
AcceleratedSAP.
 Participe dos cursos ABAP (como BC400) para
aprender sobre a modificação das ajudas para
pesquisa e temas semelhantes.
 Participe do curso BC460 para aprender a estruturar
formulários usando o SAPscript.
 Participe do curso CA940, sobre a definição do
sistema de autorizações, para aprender a modificar os
registros mestre de usuário e as autorizações.

 SAP AG 1999