Вы находитесь на странице: 1из 2

Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO

Centro de Ciências Jurídicas e Políticas


Escolas de Ciências Jurídicas e de Administração Pública

DIREITO DO TRABALHO I / LEGISLAÇÃO SOCIAL

1ª AVALIAÇÃO

Questões objetivas (1,0 ponto cada)

1) Acerca dos princípios do Direito do Trabalho, assinale a opção incorreta.


a) o princípio da proteção se concretiza em três idéias ou regras, a saber, in dubio pro operário, regra da
norma mais favorável e regra da condição mais benéfica;
b) o princípio da irrenunciabilidade expõe a noção de que os atos de despojamento patrimonial praticados por
trabalhadores, durante a vigência das relações de emprego, estão gravados com nulidade absoluta;
c) o princípio da primazia da realidade estabelece que o real conteúdo da relação jurídica é determinado pelo
que se observa no dia-a-dia da execução do contrato de trabalho, razão pela qual nenhuma irregularidade há
no pagamento de salário em quantia inferior à inicialmente pactuada, desde que essa realidade tenha sido
sempre vivenciada pelos contratantes;
d) o princípio da proteção determina que as regras legais trabalhistas sejam interpretadas de forma a
possibilitar os melhores resultados aos trabalhadores;
e) o princípio da continuidade da relação de emprego gera a presunção de que o trabalhador tem interesse na
preservação do contrato de trabalho, fonte da sua subsistência, pelo que não se pode presumir, sem quaisquer
outros elementos, a ocorrência de resilições contratuais por iniciativa de empregados.

2) A relação de emprego é compreendida:


a) como o negócio jurídico bilateral, firmado entre determinada empresa de prestação de serviços
terceirizados e os respectivos tomadores de serviços;
b) como o negócio jurídico bilateral, celebrado entre uma pessoa física e uma pessoa natural ou jurídica, pelo
qual se obriga o primeiro a prestar serviços habituais em favor do segundo, conforme as ordens que lhe forem
repassadas, mediante pagamentos periódicos;
c) como o negócio jurídico bilateral, celebrado entre duas pessoas naturais ou jurídicas, pelo qual um deles se
obriga a prestar serviços habituais em favor do outro, de acordo com as ordens que lhe forem dirigidas,
mediante pagamentos periódicos;
d) como o negócio jurídico bilateral, firmado para a execução de obra certa, por pessoa física, mediante o
pagamento de quantia fixa previamente ajustada;
e) como o negócio jurídico bilateral, destinado à execução – por pessoa natural ou jurídica, de forma habitual
e onerosa – de atividades inerentes aos fins do negócio explorado pelo contratante.

3) Assinale a opção incorreta:


a) para que uma disciplina adquira efetiva autonomia são necessárias três condições: domínio suficientemente
vasto (ou campo temático vasto e específico), doutrinas homogêneas (ou teorias próprias ao mesmo ramo
jurídico investigado) e método próprio (metodologia própria de construção e reprodução da estrutura e
dinâmica do ramo jurídico enfocado). O Direito do Trabalho possui autonomia doutrinária, legislativa,
didática e jurisdicional;
b) acerca da natureza jurídica do Direito do Trabalho, prepondera atualmente a sua classificação no segmento
do Direito Privado;
c) Segundo a doutrina, em sentido amplo, a área jurídica trabalhista pode ser dividida em: direito material do
trabalho e direito público do trabalho. O direito material do trabalho compreende dois segmentos: o direito
individual do trabalho e o direito coletivo do trabalho, enquanto o direito público do trabalho abrange: direito
processual do trabalho, direito administrativo do trabalho e direito previdenciário e acidentário do trabalho. É
controvertida a inclusão do direito penal do trabalho como segmento do direito público do trabalho;
d) destacam-se três tipologias de interpretação do Direito: segundo o critério da origem da interpretação
efetuada; segundo o critério dos resultados do processo interpretativo e segundo o critério dos meios ou
métodos utilizados no processo de interpretação jurídica. A tipologia segundo o critério da origem da
interpretação aponta três tipos de interpretação: autêntica, jurisprudencial e doutrinária. Exemplo de
interpretação autêntica é o decreto regulamentador de lei, com aptidão, inclusive para suprimir direito
adquirido;
e) nos sistemas jurídicos romano-germânicos, principalmente nas vertentes de tradição latina, como é o caso
brasileiro, há resistência teórica a se conferir teor jurígeno (criador de Direito) ao papel interpretativo
desempenhado pelos Tribunais. Entretanto, a despeito disso é insustentável negar-se a dimensão criadora do
direito inserida em inúmeras súmulas de jurisprudência dos tribunais superiores brasileiros, como, por
exemplo, a Súmula 268 do TST, que trata da interrupção da prescrição da ação trabalhista arquivada (“A ação
trabalhista, ainda que arquivada, interrompe a prescrição somente em relação aos pedidos idênticos”).

4) Considerando as fontes formais e materiais do direito do trabalho, seu conceito, classificação e hierarquia;
conflitos de normas e suas soluções; interpretação e aplicação do direito do trabalho, o papel da equidade e a
eficácia das normas trabalhistas no tempo e no espaço; revogação, irretroatividade e direito adquirido no
direito do trabalho, assinale a opção incorreta:
a) as teorias da acumulação e do conglobamento são utilizadas como métodos para se aferir a norma mais
benéfica ao empregado;
b) de acordo com a legislação trabalhista vigente, a jurisprudência é uma fonte de integração da lei;
c) se determinada pessoa física for contratada no Paraguai, por pessoa jurídica de nacionalidade paraguaia,
para prestar serviços no Brasil, inexistindo qualquer dispositivo no contrato individual do trabalho regulando
de maneira contrária, a norma trabalhista aplicável será a vigente no Brasil à época da prestação;
d) as fontes materiais de direito equivalem aos fenômenos sociais, econômicos e políticos;
e) a fonte formal por excelência do direito do trabalho é a equidade.

5) A mudança na propriedade ou na estrutura jurídica da empresa:


a) não afeta os contratos de trabalho dos respectivos empregados;
b) afeta o contrato de trabalho dos empregados, que deverão ater-se às regras do novo proprietário, mesmo em
condições mais desfavoráveis ao empregado;
c) importa em automática rescisão dos contratos de trabalho;
d) dá direito ao empregado de postular a rescisão indireta do contrato de trabalho;
e) importa necessariamente na celebração de novos contratos, com cláusulas que venham a assegurar os
interesses de ambas as partes diante da nova realidade.

Questões discursivas (2,5 pontos cada)

6) Disserte sobre a definição e caracterização da figura do empregador, abordando a questão referente à


sucessão trabalhista (máximo de 20 linhas).

7) No que concerne ao exercício do poder disciplinar pelo empregador, discorra sobre os critérios existentes
para caracterização das infrações, as modalidades de sanções trabalhistas reconhecidas pelo direito pátrio e o
direito de resistência do empregado (máximo de 25 linhas).

Оценить