Вы находитесь на странице: 1из 60

AMAMENTAÇÃO DE

AaZ
2

Introdução
Cursou Medicina na Faculdade de Ciências
Médicas da Unicamp. Pediatra formada pela
Universidade de São Paulo (USP), apaixonada
pela profissão e pelas crianças. Adora
conversar, ler, viajar e escrever.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Formada em Alergia e Imunologia pela


Universidade Federal de São Paulo - Unifesp,
com Título de Alergia e Imunologia pela
Associação Brasileira de Alergia e Imunologia
(ASBAI)

Criadora e autora do blog Pediatria


Descomplicada, onde escreve dicas e
orientações aos pais sobre o universo da
Saúde infantil. Defensora do atendimento Formada pela Universidade
humanizado, da amamentação e especialista de São Paulo (USP),
no método Baby-Led-Weaning, onde atua na apaixonada pela profissão
sua implementação e divulgação no Brasil. e pelas crianças. Adora
conversar, ler, viajar e
É especialista em Amamentação pelo escrever. Criadora e
International Breastfeeding Centre localizado autora do blog Pediatria
em Toronto, Canadá. Tem o título de Descomplicada, onde
Consultora Internacional de Amamentação escreve dicas e orientações
– International Board Certified Lactation aos pais sobre o universo
Consultant (IBCLC). Cursa Residência Médica da saúde infantil.
em Alergia e Imunologia na UNIFESP.

Fundadora da Clínica Pediatria Descomplicada,


onde promove atendimento humanizado e
integral à criança.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
Indice
Laid-back position: aprenda uma
A amamentação do meu bebê está
4 sendo suficiente?
30 forma intuitiva de amamentar

Bebês que dormem no peito Leite anterior e leite posterior


7 ou choram para mamar, o que 32 existe?
fazer?
Meu mamilo é plano ou
Como dar leite materno no 35
9 copinho
invertido! E agora?

Mitos sobre amamentação: Meu


Como a dieta da mãe afeta o
38 leite não sustenta!
10 leite materno
Mitos da amamentação:
41 amamentar um lado por vez?
Como saber se o bebê está
13 mamando?
Mitos sobre a língua
44 presa e porque ela afeta a
Como Aumentar a Produção de amamentação
15 Leite Materno
O que você precisa saber antes do
46 bebê nascer
Comportamento e desenvolvimento
18 do bebê Pega assimétrica: como fazer o
49 bebê mamar sem dor
Dicas para o bebê pegar o peito da
21 forma correta
Saiba qual a melhor posição na
51 hora de amamentar

Dor ou dificuldade na
22 Uma abordagem diferente: olhe
amamentação? anquiloglossia? 55 para o bebê!

Erros comuns que nos levam a


25 pensar que o bebê mama pouco 58 Considerações Finais

Fissuras, mamilos machucados


28 e dor para amamentar, e agora?
4
A amamentação do meu bebê está
sendo suficiente?
Saber quanto o bebê está mamando e se
a quantidade de leite materno está sendo Estudos mostram que o contato pele a pele
suficiente para ele é o grande”x” da questão é essencial para o bebê nesse primeiro
para as mamães. Afinal, quando você oferece momento, e bebês que fazem o chamado
leite na mamadeira, você sabe o quanto o “método canguru” tem um controle melhor de
bebê mamou. temperatura, glicemia, mamam melhor e por
mais tempo. Para fazer isso, basta deixa o
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Amamentação e números não combinam, e bebê somente de fralda no ventre da mamãe,


o mais difícil de tudo é estipular padrões e em contato direto com a sua pele. Se for
parâmetros para o bebê. É importante lembrar preciso, você pode colocar uma coberta por
que durante os saltos de crescimento do bebê cima dele, aquecendo os dois.
e se há alguma aquisição de habilidade, como
por exemplo rolar, sentar, andar, falar…o bebê Além disso, se for possível, a amamentação
irá demandar muita energia! Isso significa na primeira hora de vida é fundamental, pois
mamadas mais frequentes e mudanças no isso estimulará a produção do colostro, além
padrão da mamada e sono. do vínculo mãe-bebê.

O que esperar dos primeiros dias Evite enrolar muito o bebê principalmente nos
primeiros dias, pois isso também pode inibir
Bebês recém-nascidos podem ter o apetite os seus sinais de fome. Ele entra num sono
voraz e mamar até de 1 em 1h, e tirar cochilos muito profundo e acaba não mamando tanto.
breves (em torno de 30 minutos), muitas
vezes no colo mesmo. Em outras situações, Amamentar em livre demanda, o
podem ficar mais sonolentos que o normal. que isso realmente significa?
Bebês prematuros, pequenos para idade
gestacional, ou que ficaram muito tempo Livre demanda significa oferecer o peito
separados de suas mamães na maternidade para o bebê mamar sempre que ele ou a mãe
precisam de mais estímulo para mamar. desejarem, observando os sinais de fome do
bebê. Não se deve estipular horários ou tempo
de mamada. Isso significa que, no começo,
Para estimular o bebê a mamar quando mamãe e bebê estão se conhecendo
e aprendendo a amamentar, podemos “pecar
por excesso”. Se o bebê chora, oferece-se o
peito. Aos poucos a mãe passa a diferenciar
quando é fome, sono, fralda suja, cólica e etc.
Lembre-se que choro geralmente é o último
sinal de fome do bebê, e se você consegue
perceber a fome antes do choro, ele ficará
mais feliz e satisfeito.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
5
Alguns sinais de fome no bebê: Agitação que vai clareando logo nos primeiros dias. A
maior, levando as mãos próximo da boca; consistência é pastosa, macia, até um pouco
chupar o dedo ou as mãos; abrir a boca em aguada, com alguns grumos.
direção a algum lado; movimentos de sucção;
virar para os lados procurando algo. Outros sinais positivos: Após o bebê mamar,
a mãe sente as mamas mais macias, e o bebê
Veja algumas dicas abaixo para está satisfeito e contente. O bebê está alerta,
ativo e alcançando os padrões normais de
saber se o bebê está mamando
desenvolvimento.
adequadamente:
Ganho de peso: Se o bebê está ganhando
bastante peso somente com o leite materno,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

então ele está mamando o suficiente. Uma


perda de até 10% do peso de nascença durante
os primeiros 3-4 dias após o nascimento é
normal. Os bebês geralmente recuperam
o peso de nascimento em torno de 10 a 14
dias. A partir do quinto dia, o ganho de peso
geralmente é de 20-30g por dia. Lembre-
se que isso é uma média, e bebês tem suas
próprias individualidades. Se o bebê não
ganha peso adequadamente, é preciso avaliar
a amamentação. Procure ajuda especializada.

Fraldas molhadas: Em média 6 ou mais


fraldas molhadas por dia, a partir do 4º dia de
vida.

Espere uma fralda molhada no primeiro dia,


aumentando até 6 ou mais fraldas a partir do
4º dia. Para sentir o que é uma fralda bem
molhada, coloque 3 colheres de sopa (45ml)
de água numa fralda limpa (se as trocas de
fralda são mais frequentes, a quantidade de
água é menor por fralda). A urina deve ser
clara e sem cheiro.

Fraldas sujas: 3 a 4 fraldas sujas, ou mais por


dia, a partir do 4º dia.

As fezes do bebê podem variar desde um


amarelo ouro, até um mostarda e verde cor
de ervilha. O mecônio é um verde musgo,
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
6
Estômago pequeno = mamadas transferência de leite do peito para a boca do
mais frequentes bebê, um especialista em amamentação deve
ser consultado.
O bebê recém-nascido tem o estômago
extremamente pequeno, por isso há a Veja abaixo o tamanho do estômago do bebê
necessidade de amamentar várias vezes de acordo com a idade:
ao dia. Isso não necessariamente significa
que o seu leite não é suficiente. Além disso,


o bebê pode estar passando por um salto Evite enrolar muito o bebê
de desenvolvimento e exigir ainda mais principalmente nos primeiros
alimento para crescer. Se existe dúvida se o dias, pois isso também pode
bebê está mamando bem, e se há uma boa inibir os seus sinais de fome.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Primeiro dia: tamanho de Terceiro dia: tamanho de Uma semana: tamanho de Um mês: tamanho de um
uma cereja, 5-7ml uma noz, 22-27ml uma ameixa, 45-60ml ovo, 80-150ml

Espero que essas dicas tenham ajudado você, mamãe, a saber se o bebê está mamando bem!
Suplementar não precisa, nem deve ser a primeira opção caso você ache que o seu bebê não
está mamando adequadamente. Se você está tendo dificuldades na amamentação, procure
ajuda especializada o quanto antes!

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
7
Bebês que dormem no peito ou
choram para mamar, o que fazer?
Muitos bebês começam mamando isso. Lembre-se que a pega correta não dói
aparentemente bem, com boa sucção e boa e não machuca o mamilo.
pega, porém a mamãe nota que após menos
de 5 minutos ele acaba adormecendo no 3. Faça compressões torácicas: com a mão
peito. A mãe tenta acordá-lo, mexe nele, faz em “C”, os quatro dedos apoiados na
cócegas nos pés, na barriga, ele acorda, dá parte de baixo da mama e o polegar em
umas 3 sugadas e adormece novamente. cima, “abrace” a mama que o bebê está
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

A mãe, desesperada para o bebê mamar, dá sugando. Quando ele começar a dormir,
o complemento na mamadeira, e de forma faça movimentos de fora para dentro, em
impressionante o bebe mama tudo! direção à auréola. Isso fará com que um
jato de leite caia na boca do bebê, e ele
Essa é a primeira situação: irá acordar novamente.
bebês que adormecem no peito.
4. Use uma sonda de relactação. Coloque
Isso é extremamente comum em bebês a ponta da sonda na boca do bebê
pequenos, geralmente nos recém nascidos enquanto ele suga o seio, e a outra
e uma grande causa de desmame precoce. ponta acople a uma mamadeira. Essa
Felizmente existem soluções e alternativas sonda você compra em loja e materiais
para isso. cirúrgicos/médicos, e pode ordenhar o
próprio leite do peito e dá-lo à criança.
Além de fazer medidas para o bebê acordar,
como mexer na cabeça, fazer cócegas nos
pés e na barriga, tirar a roupa do bebê, trocar
a fralda, até dar um banho (vale tudo nessa
hora), outras medidas são necessárias.

1. Faça massagem na mama e ordenha para


estimular a produção e ejeção de leite dos
ductos mamários. Isso prepara a mama
para amamentar. Faça movimentos em
círculos, com as duas mãos, procurando
atingir todos o tecido mamário. Isso
ajuda tanto a mama que parece flácida,
sem leite, quanto a mama que está
ingurgitada e endurecida.

2. Corrija a pega e a posição do bebê. Para


isso, veja o post sobre pega e posição
adequadas para amamentação. Você
pode precisar de ajuda profissional para
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
8
A outra situação são bebês produção de leite e até para o seu aumento,
agitados ou o que chamamos em quando isso for necessário!
inglês de “fussy”.
Lembre-se: O método da sonda, deve ser
São bebês que estavam mamando bem, sem orientado por profissional e o ganho de peso
problemas e começam a ficar agitados quando deve ser acompanhando com o pediatra, de
começam a mamar, sugam um pouco e preferência que apoie a amamentação.
choram, largam o peito, colocam as mãozinhas
e empurram o peito. A amamentação passa Procure ajuda! As alternativas são inúmeras e a
mamadeira não é a solução.
a ser um momento extremamente difícil e
estressante para os pais, que acabam dando
a mamadeira. Incrivelmente eles mamam a
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

mamadeira de uma vez, sem reclamar!


Esses bebês costumam ser um pouco mais
velhos, por volta de 3 meses de idade.

As mesmas técnicas colocadas acima servem


para o bebê “fussy”.

A explicação: porque preferem a


mamadeira?
Essa seria a solução?
Bebês respondem ao fluxo de leite. Durante
a amamentação, o fluxo de leite pode variar,
e a ejeção do leite após a pega e sucção
do bebê pode demorar até 50 segundos
para acontecer! Fluxos muito rápidos, em
ejeção, podem fazer o bebê engasgar ou dar
pequenas pausas durante a amamentação, o
que é extremamente comum, e o fluxo lento
pode fazer o bebê adormecer, ou ficar “fussy”!
Todas as medidas aqui auxiliam no sentido de
melhorar o fluxo de leite, seja por uma pega
mais eficaz no seio materno, ou por aumentar
o fluxo de leite ao fazer a massagem e as
compressões torácicas! A sonda aumentaria
o fluxo de leite que o bebe deseja e por um
tempo pode ser utilizada para sanar essa
necessidade.

É preciso acreditar: isso funciona e não será


preciso suplementar com mamadeira. O seu
leite é suficiente. A sucção deve ser mantida,
pois ela é essencial para a manutenção da
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
9
Como dar leite materno
no copinho
É super simples e na verdade pensamos logo
na mamadeira por causa da facilidade de
acesso hoje, mas a verdade é que mesmo
com uma pequena xícara de café que você
tenha em casa podemos dar leite à criança!
(claro que com a devida esterilização)
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Temos medo da criança engasgar, de não dar


certo, insegurança, falta de costume, mas o
fato é que é super seguro, desde que realizado
com a técnica correta.

Abaixo explico sobre como dar o leite no


copinho e tem também um vídeo explicativo
ao final!

• Utilizar copinho (ou xícara) resistente,


que não tenha nenhuma saliência na um “C”). A cabeça do bebê deve formar
borda e que possa ser lavado e fervido, um ângulo de 45 graus com pescoço.
por exemplo, uma xícara de cafezinho
ou um copo americano ou similar. • Encostar a borda do copo no lábio inferior
do bebê e movimentar o copinho para que
• Lavar o copinho ( ou xícara) com água o leite toque o lábio. Quando o bebê abrir a
e sabão, colocar em uma panela com boca, colocar a borda do copinho ( ou xícara)
água encobrindo-o e fervê-lo por 15 abaixo da língua dele. Ele pode buscar o
minutos (contar após o início da fervura). leite com a língua dentro do copinho, como
um “gatinho”. O bebê faz movimentos de
• Colocar o leite somente até a metade lambida do leite, seguidos de deglutição.
do copinho, ou mais ou menos 1/3,
para que seja mais fácil posicionar • Virar o leite somente quando o
o copo sem derramar o leite. bebê movimentar a língua, o lábio
ou a bochecha, mostrando que
• Sentar-se com os pés apoiados, está pronto para ser alimentado.
num lugar confortável, de forma
acomodar o bebê em seu colo, na • Não despeje o leite na boca do
posição sentada ou semissentada. bebê! Coloque um pouco na boca o
suficiente para o bebê sorver o leite.
• Proteger a cabeça do bebê com a sua
mãe espalmada na base do crânio e nuca • Coloque o bebê para arrotar no final.
dele (seu polegar e indicador formando
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
10
Como a dieta da mãe afeta
o leite materno
Eu preciso ter uma dieta perfeita pois se o bebê tem alergia a proteína do
enquanto amamento? leite de vaca, por exemplo, a mãe deve ter
uma alimentação com restrição de leite e
De forma simples, derivados. Entretanto, o diagnóstico é médico
a resposta à essa e nenhuma mãe deve tirar o leite da sua dieta
pergunta é não. por conta própria por causa de “cólica” no
bebê.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Você não precisa ter


uma dieta perfeita
para produzir um Devemos incentivar hábitos
leite de qualidade saudáveis para a mamãe que
para seu bebê. De
fato, pesquisas mostram que a qualidade da amamenta?
alimentação da mãe tem pouca influência
no leite materno. Ainda assim, basta seguir Com certeza! Estudos mostram que a mãe que
o bom senso. Que leite poderia ser mais amamenta se alimenta melhor, tem hábitos
adequado para seu bebê? O leite materno é mais saudáveis, o que é bom para a mamãe
projetado para prover todos os nutrientes e para o bebê! Entretanto isso não é uma
que o bebê precisa, para seu crescimento condição para manter a qualidade do leite, ou
e desenvolvimento adequado. Além disso, um bom estoque de leite. Embora não seja
protege o seu bebê contra doenças. nem um pouco recomendado, uma mãe pode
Mesmo se uma dieta deixa a desejar, afeta ter uma dieta com “junk food” e ainda assim
mais a própria saúde da mãe do que o bebê produzir um leite de qualidade para seu bebê.
amamentado. Mas atenção! Uma alimentação ruim pode ter
falta de vitaminas e nutrientes importantes
Muitas mães tem a falsa idéia que para a própria mãe! (O seu corpo reservará as
amamentação é uma “prisão”, pois não podem vitaminas e nutrientes para o leite materno).
comer o que quiserem, não podem tomar o
cafézinho que tanto gostam, ou uma taça de


vinho ocasionalmente. Isso não é verdade. Uma alimentação ruim pode
Pouquissímo desses alimentos passam para
ter falta de vitaminas e
o leite materno, que não afeta a qualidade
do leite. Assim, a palavra chave é equilíbrio. nutrientes importantes para
Se limitarmos uma mãe lactante de comer a própria mãe!
ou beber coisas que ela gosta, realmente
amamentar pode se tornar algo limitante. A
amamentação é para ser algo leve, gostoso e
O que é necessário para ter um
não uma obrigação.
bom estoque de leite?
Cabe uma observação importante: não incluo
aqui os bebês com alguma alergia alimentar, A melhor forma de manter um bom estoque
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
11
de leite é o bebê mamar em livre demanda!
Isso significa não limitar as mamadas e nem
limitar a mamada a um lado só também!
Quanto mais o bebê mama, mais leite será
produzido. E em termos de calorias e líquidos?
Veja abaixo:

• Calorias: coma de acordo com a sua fome


e apetite, isso será de acordo com as
calorias que você precisa. Não é preciso
contar calorias para manter um peso
saudável, porém se você está acima do
peso e gostaria de restringir a quantidade Como a ingesta de nutrientes
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

de calorias, converse com seu médico afeta a amamentação?


e nutricionista. Dietas muito restritivas
podem reduzir a produção de leite. • Suplementos de vitaminas e minerais
(usados no pré natal ou outros) não
• Líquidos: tenha o costume de ter uma são necessários se você tem uma dieta
garrafinha de água próxima de você, balanceada, no entanto com a vida
principalmente quando for amamentar. moderna é difícil manter uma alimentação
Tome água de acordo com sua sede (e 100%. Se já tinha alguma deficiência de
vai dar sede, pode apostar!). Um bom vitamina, continue suplementando e faça
parâmetro é manter um diurese clara o acompanhamento correto com seu
sempre e tomar em média 2 litros por médico. Isso vale também se notar que está
dia. Isso pode variar de acordo com o perdendo peso rapidamente ou seu cabelo
seu peso e temperatura do lugar que está caindo muito! Mães vegetarianas
você mora. Em épocas mais quentes, ou veganas, ou com alguma restrição
certamente a necessidade de água é maior. alimentar devido alergia, por exemplo,
devem ter orientação e acompanhamento
• A principal mensagem é: Coma quando com médico e nutricionista.
tiver fome e beba quando tiver sede.
Procure ter uma alimentação saudável e • A ingesta de gordura não afeta a
equilibrada. quantidade de gordura no leite materno,
mas pode afetar a qualidade da gordura
do leite materno ( equilíbrio entre gorduras
“boas” e “ruins”). (Lawrence 1999, p. 106-


113, 300-305; Hamosh 1996, Hamosh
Quanto mais o bebê mama, 1991, p. 123-124). Um estudo realizado na
mais leite será produzido. África do Sul comparou mães nutrizes na
zona urbana e rural, concluiu que mães
da zona urbana que consomem mais
proteína e gordura de origem animal têm
mais gordura monoinsaturada no seu leite
do que mães que vivem em zona rural,
com dieta predominante de carboidratos e
fibras (Van Der Westhuyzen 1988).
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
12
Existe algum alimento que pode ser feito somente pelo médico.
devo evitar enquanto estou
amamentando? Fazer uma mãe pensar que deve manter
uma dieta perfeita para poder amamentar
• Nenhum alimento, repito, nenhum, seu filho é criar uma barreira desnecessária
deve ser evitado simplesmente porque à amamentação. Ao mesmo tempo,
você amamenta. A recomendação e a amamentação gera um senso de
que a mãe coma o que ela costuma responsabilidade que faz toda a família se
comer, sem restrições! Qualquer alimentar melhor! Boa amamentação!
restrição alimentar deve ser orientada
pelo médico e realizar o diagnóstico
de alergia alimentar é imprescindível.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

• Existem alguns alimentos que costumam


dar mais gases do que outros, em
qualquer pessoa! Se você sabe que
determinado alimento é indigesto para
você, você irpa naturalmente evitá-lo.
Dessa forma se houver alguma reação
óbvia do bebê com alguma comida que
você ingeriu, procure evitar, mas não
precisa suspender completamente,
a não ser que seja alergia alimentar.

• É recomendado para todos, especialmente


gestantes e nutrizes, evitem peixes
que contém alto teor de mercúrio.

• Recomenda-se que restrinja a quantidade


de cafeína e álcool, mas raramente
é necessário eliminá-los totalmente.

• Algumas proteínas do alimentos, como leite


de vaca, por exemplo, podem passar para o
leite materno. Se existe alguma história de
alergia alimentar na familia, converse com
o seu médico sobre restrições alimentares.

• Qualquer bebê pode reagir a um alimento


em particular, embora isso seja raro. Se
o bebê tem uma reação óbvia e imediata
a determinado alimento, converse com o
pediatra sobre possível alergia alimentar.
Mas calma! Nem toda cólica, choro ou
gases é alergia alimentar. O diagnóstico

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
13
Como saber se o bebê
está mamando?
Como saber se meu bebê está mamando bem aberta. Lábios voltados para fora (boca
bem? Essa é uma das grandes dúvidas de “peixinho”). Aréola pouco visível ou mais
relacionadas à amamentação! visível em cima do que embaixo. Queixo toca
a mama. Nariz livre.
Não existe visão de “raio-X”, e não conseguimos Dica boa! Para o bebê conseguir fazer a pega
olhar dentro do peito para entender o que correta, você pode tocar o mamilo no lábio
está acontecendo lá dentro não é? (por mais superior do bebê. Isso fará com que ele abra
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

que quiséssemos….), porém podemos ficar a boca em reflexo. Então você deve fazer um
atentos a alguns sinais que mostram que o movimento rápido de trazer o bebê até o peito,
bebê mama bem! com a aréola toda em direção à boca do bebê.

A grande questão relacionada ao peito é 2. Avalie se o bebê está


que não sabemos de fato quanto o bebê
efetivamente mamando
mama. É diferente de colocar um líquido num
recipiente (mamadeira, por exemplo) e saber
O bebê faz um movimento complexo durante
exatamente quanto o bebê mamou. Sim, é
a mamada. A língua do bebê encaixa-se na
uma questão de fé.
aréola, formando um lacre? O bebê retira o leite
eficientemente do peito? A sua mandíbula se
desloca para frente durante esse movimento?
Ele faz pausas para engolir o leite que está
Amamentar é uma questão


dentro da boca? Essas perguntas são
de fé. Não sabemos quanto o importantes quando estamos falando em
bebê mama, mas sabemos que transferência de leite de forma efetiva. O bebê
cresce e se desenvolve. pode fazer uma pega aparentemente correta
que na verdade pode não estar transferindo
leite adequadamente para a boca do bebê. É
importante pensar em língua presa se o bebê
parece não sugar de forma eficaz, ou fazer
bons goles. Isso pode causar dor para a mãe,
e dificuldades na amamentação.
Para entender como “decifrar” melhor seu
bebê, veja as dicas abaixo:

1. Observe se a pega do bebê no


peito está correta
Os bebês não mamam, ou mamam pouco e
com menos eficiência se a pega não estiver
correta. Para isso, existem alguns passos
para avaliar a pega correta, que são: Boca
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
14
3. O bebê parece satisfeito no 5. Existe dor para amamentar?
peito?
Se você está sentindo dor que não parece
O bebê mama, e ao final, está relaxado, parece melhorar, após as primeiras semanas
feliz e satisfeito? Ou parece irritado, ou dorme de amamentação, não é normal! Dor na
de exaustão, depois de horas tentando? Se amamentação é um sinal de que algo não
o bebê parece estar sempre brigando com vai bem. A causa mais comum é a pega e
o peito, algo pode estar errado e você deve posicionamento incorretos, mas podem ser
procurar ajuda o quanto antes. Certifique-se devido a outros fatores, como candidíase, e
que essa irritação, muitas vezes comum e língua presa, que por ser subdiagnosticado,
passageira não seja um salto de crescimento achamos que muitas vezes a culpa dessa
ou desenvolvimento, ou uma greve de peito. dificuldade toda é só nossa. o que só piora a
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

situação!
4. O ganho de peso está
adequado?
Sabemos que cada bebê é único e tem seu
ritmo, mas o bebês devem ganhar peso de
acordo com sua curva, mesmo que num
percentil menor. Em média os bebês ganham
de 20 a 30g por dia, nos primeiros meses.
Porém isso não é uma regra! O ganho de
peso é um dos parâmetros, e um parâmetro
importante, mas dar complemento de fórmula
nem sempre é a solução! Identificar o problema
relacionado à amamentação e a partir daí
fazer algo é melhor do que simplesmente
dar fórmula. Por isso, se o pediatra quer dar
fórmula, questione, argumente e saiba todas
as opções antes de fazer isso sem REAL
necessidade. Esse é o papel do pediatra,
perceber as dificuldades e encaminhar ao
especialista em amamentação.

Se o bebê parece estar sempre


brigando com o peito, algo
pode estar errado e você deve
procurar ajuda

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
15
Como Aumentar a Produção de
Leite Materno
Todas as mamães que amamentam querem Sendo assim, vamos às dicas para aumentar
saber: a produção de leite materno!
Dicas para aumentar a produção de leite:
como posso aumentar a minha produção de leite?
1. Certifique-se de que o bebê
O meu leite está sendo suficiente?
está mamando de forma eficiente
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Na verdade, o grande segredo para aumentar


a produção de leite está em nós mesmas! O O leite deve ser retirado da mama de forma
mecanismo de produção de leite em nosso eficiente para aumentar a sua produção
corpo funciona de forma complexa e depende (quanto mais esvazia, mais produz). Se o
praticamente de mecanismos hormonais. leite não é efetivamente retirado da mama
Para simplificar, podemos dizer que quanto (dificuldadade na transferência, pega
mais o bebê sugar, mais leite a mãe irá inadequada, língua presa) , a oferta de leite
produzir. Se conseguirmos retirar leite além da mãe irá diminuir. Se a posição e a pega
do que o bebê já mama, ou seja, retirar mais estiverem incorretas, e não ocorre o encaixe
leite através da ordenha de leite manual correto entre a mama e a boca do bebê, não
ou com bomba, podemos aumentar essa ocorrerá transferência do leite de forma
produção! Dessa forma o seu corpo entende eficaz. Lembre-se, isso é essencial! Mesmo
que precisa produzir mais, pois a demanda que a pega pareça correta, se existe dor
está aumentada. O nosso corpo funciona ou dificuldade na amamentação, devemos
como um mecanismo de oferta (quanto leite buscar o motivo!
produzo) e procura (quanto o bebê precisa)!
2. Bebês sonolentos, uso de
Isso significa que qualquer coisa que interferirbico de silicone ou intermediário,
nesse mecanismo irá alterar essa produção doença materna ou problemas
de leite. Qualquer tipo de suplementação, uso
de chupetas, mamadeiras, bicos artificiais, relacionados à anatomia da boca
enfim…qualquer problema nesse mecanismo do bebê
pode levar à diminuição d produção do leite
nessa mãe. Língua presa (anquiloglossia) ou freio lingual
curto, pode interferir com a capacidade do
O contrário também acontece. Se existe uma bebê de realizar a transferência de leite
maior demanda do bebê, seja devido a um do peito para a boca. A fenda palatina, por
salto de crescimento ou desenvolvimento, exemplo, dificulta que se forme o vácuo
seja através da retirada de mais leite do dentro da boca para etrair o leite e bebês
peito através do uso de bombas tira leite ou com essa condição precisarão de ajuda para
ordenha manual, seu corpo entenderá que conseguir amamentar. Para um bebê que não
precisa produzir mais leite! está mamando bem, retirar o leite do peito
é como tentar esvaziar uma piscina através
de um canudo – demora uma eternidade e
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
16
não sai nada! A retirada ineficiente de leite Use essa técnica para manter o bebê acordado
leva o bebê a não receber leite suficiente e o seu interesse em mamar. Isto pode ser
(e se esforçar muito para isso!) e de querer particularmente útil para os bebês sonolentos
mamar quase a todo momento para obter ou distraídos, ou bebês mais agitados no peito
apenas uma pequena quantidade. Isso acaba e que brigam com o peito. Bebês respondem
deixando o bebê muito irritado e com fome, ou ao fluxo de leite, e a compressão na mama
simplesmente dormindo no peito sem sugar. aumenta o fluxo que vai para a boca do bebê.
Para fazer as compressões na mama, segure
3. Amamente com frequência a mama com a mão em “c” e aperte levemente
enquanto o bebê mama. Se tiver dúvidas,
Lembre-se: se você deseja produzir mais procure um especialista em amamentação ou
leite amamente mais! Se o bebê está tendo consultora em amamentação.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

problemas para ganhar peso, amamente


pelo menos, a cada 1h 30 min a 2h durante 7. Dê ao bebê apenas leite
o dia e pelo menos a cada 3 horas durante materno
a noite. Acorde-o se necessário. Isso vle
especialmente para bebês pequenos ou Evite todos os sólidos, água, chás e qualquer
prematuros. tipo de fórmula se o bebê tem menos de seis
meses. Se você estiver usando fórmula, reduza
4. Ofereça ambos os lados em a quantidade gradualmente e suspenda o mais
cada mamada rápido possível. Procure alternativas que não
seja a suplementação por mamadeira. Veja
Ofereça sempre os dois lados, mesmo que o aqui como dar leite materno ou complemento
bebê pareça satisfeito após mamar um lado, no copinho.
e ficar sonolento. O fluxo de leite aumentado
do outro lado pode acordá-lo e ele poderá
mamar mais.

5. Troque o lado durante a


mamada se o bebê ficar agitado
Se o bebê perde o interesse de mamar em um
lado, por exemplo ao ficar agitado ou brigar
com o peito, ou dormindo no peito após
apenas algumas sugadas, tente trocar o lado.
Muitas vezes o fluxo de leite está diminuído
e não necessariamente não existe leite aí!
Lembre-se: peito é fábrica e não apenas 8. Descanse! Durma quando o
armazenamento. Tente mudar o lado que o bebê dorme. Relaxe!
bebê está mamando se isso acontecer.
Diminuir o nível de estresse é fundamental para
6. Use a técnica de compressões aumentar produção de leite. O estresse por si só
da mama é capaz de diminuir drasticamente a produção
de leite, por isso não deixe que ele faça isso!
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
17
11. Avalie com o seu médico a
9. Beba líquidos à vontade e possibilidade de usar alguma
tenha uma alimentação saudável e medicação que aumente a
bem equilibrada produção de leite

Lembre-se que o leite só poderá ser produzido Existem algumas medicações que podem
se você ingerir muito líquido. O mínimo aqui ser utilizadas para aumentar a produção de
são 2 litros de água, a recomendação é que leite, porém estas devem ser prescritas pelo
seja em torno de 4 litros ok? médico! Não faça automedicação nunca!

Essas são algumas dicas para ajudar, mas


10. Considere ordenhar o leite lembre-se o mais importante é a confiança
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

que você, mamãe, precisa ter que o seu leite


Faça a ordenha após ou entre os períodos é suficiente para o bebê! Não é preciso mais
de amamentação. O objetivo na ordenha é nada!
remover mais leite das mamas e aumentar a
frequência de esvaziamento da mama, dessa
forma estimulando sua produção. Você
pode fazer ordenhas mais frequentes (após
cada mamada) por 2 a 3 dias para aumentar
a produção, ou a cada 30 minutos por um
período de 8 horas, por exemplo, enquanto
amamenta ( o chamado “power pump”)!

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
18
Comportamento e
desenvolvimento do bebê
O bebê nasceu, e agora? O comportamento dos recém-nascidos é
muito variável e depende de vários fatores,
Pronto! O bebê nasceu e são inúmeras como idade gestacional, personalidade
emoções, expectativas e anseios…a mãe e sensibilidade do bebê, experiências
tem que lidar com a nova vida que depende intrauterinas, vivências do parto e diversos
completamente dela e toda a demanda que fatores ambientais, incluindo o estado
ele exige, o cansaço do pós parto, e aprender emocional da mãe. Mamães, lembrem-se
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

algo novo (para algumas) que é amamentar. que cada bebê é único, respondendo de
maneiras diferentes às diversas experiências.
Por isso, os primeiros dias após o parto Comparações com filhos anteriores ou com
são fundamentais para o sucesso da outras crianças podem atrapalhar a interação
amamentação. É um período de intenso entre a mãe e o bebê. Não faça isso!
aprendizado para a mãe e o bebê.
Algumas crianças demandam (choram) mais
Existem algumas características inerentes que outras e apresentam maiores dificuldades
ao bebê, pontos que devem ser destacados, na passagem da vida intra-uterina para a vida
bem como mitos e verdades que devem ser extra-uterina. Essas crianças, com freqüência,
esclarecidos não somente as mães, mas frustram as expectativas maternas (a de ter
também a toda a família (sabemos o poder um bebê “bonzinho”) e essa frustração muitas
que as vovós têm, e como o apoio delas é vezes é percebida pela criança, que responde
importante…) aumentando ainda mais a demanda.

O choro do bebê é uma importante causa de


desmame. As mamães, com freqüência, o
interpretam como fome ou cólicas. Por isso
é importante lembrar que existem muitas
razões para o choro, incluindo adaptação
à vida extra-uterina e tensão no ambiente
(quem disse que nascer e fácil?). Na
maioria das vezes os bebês se acalmam se
aconchegados ou se colocados no peito, o
que reforça a sua necessidade de se sentirem
seguros e protegidos.

Mamães que ficam tensas, frustradas e


Comportamento normal do bebê ansiosas com o choro dos bebês tendem
a transmitir esses sentimentos a eles,
O entendimento da mãe e das pessoas que vão causando mais choro, podendo instalar-se
conviver com o bebê sobre as necessidades um ciclo vicioso. Mamãe não se culpe pelo
deste é fundamental para a tranqüilidade de choro do seu bebê! Bebês choram e isso é
todos os membros da família. normal. Eles precisam se comunicar com o
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
19
mundo e a única forma de fazê-lo é através
do choro.

Não rotulem (nem deixem ninguém rotular)


seus bebês de “bravos”. Fique tranquila e saiba
que o bebê apresenta necessidades próprias
nesse momento, muitas vezes o próprio
existir ainda está sendo elaborado e esse
entendimento por parte dos pais e da família
traz mais tranqüilidade a todos. O importante
é tentar entender qual a necessidade do bebê
naquele momento, que pode ser somente uma
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

necessidade de se sentir protegido e amado.

Muitos bebês “trocam o dia pela noite”. Os


recém-nascidos costumam manter, nos Interaja com seu bebê!
primeiros dias, o ritmo ao qual estavam
acostumados dentro do útero. Assim, as Hoje se sabe que os bebês têm competências
crianças que no útero costumavam ser que antes eram ignoradas, e as mães (e pais
mais ativas à noite vão necessitar de alguns e familiares) devem saber disso para melhor
dias para se adaptarem ao ciclo dia/noite. interagirem com eles, além de tornar a
Portanto, fique tranquila mamãe que isso é interação mais gratificante.
normal e com o tempo ele vai se adaptando à O melhor momento de interagir com a criança
nova realidade. é quando ela se encontra no estado quieto-
alerta. Nesse estado o bebê encontra-se
Comparações com filhos quieto, mas alerta, com os olhos bem abertos,


como se estivesse prestando atenção.
anteriores ou com outras Na primeira hora de vida, esse estado de
crianças podem atrapalhar consciência predomina, favorecendo a
a interação entre a mãe e o interação. A separação da mãe e do bebê e a
bebê. Não faça isso! sedação da mãe logo após o parto privam a
dupla desse momento tão especial. Ao longo
do dia e da noite a criança encontra-se no
A interação entre a mãe e o bebê nos primeiros estado quieto-alerta várias vezes, por períodos
dias é muito importante para o sucesso curtos. Durante e após intensa interação, os
da amamentação e uma futura relação bebês necessitam de frequentes períodos de
harmônica. Mamãe, você não só pode como repouso.
deve responder prontamente às necessidades
do seu bebê, não temendo que isso vá deixá-lo Para uma melhor interação com o bebê,
“manhoso” ou “superdependente” mais tarde. é interessante que a mãe, o pai e outros
Carinho, proteção e o pronto atendimento familiares saibam que alguns recém-
das necessidades do bebê só tendem a nascidos a termo, em situações especiais
aumentar a sua confiança, favorecendo a sua (principalmente no estado quieto-alerta), são
independência em tempo apropriado. capazes de:

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
20
• Ir ao encontro da mama da mãe por si
próprios logo após o nascimento, se
colocados no tórax dela. Dessa maneira
eles decidem por si o momento da
primeira mamada, que ocorre em média
aos 40 minutos de vida;

• Reconhecer a face da mãe após algumas


horas de vida. O bebê enxerga melhor a
uma distância de 20 a 25cm, a mesma
que separa os olhos do bebê e o rosto da
mãe durante as mamadas;
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

• Ter contato olho a olho;

• Reconhecer e mostrar interesse por cores


primárias – vermelho, azul e amarelo;

• Seguir um objeto com os olhos e, às


vezes, virar a cabeça na sua direção;

• Distinguir tipos de sons, tendo preferência


pela voz humana, em especial a da mãe, e
pelos sons agudos;

• Determinar a direção do som;

• Reconhecer sabores, tendo preferência


por doces; A interação entre a mãe e


o bebê nos primeiros dias
• Reconhecer e distinguir diferentes
é muito importante para o
cheiros.Assim, com um ou dois dias de
vida reconhece o cheiro da mãe; sucesso da amamentação e
uma futura relação harmônica
• Imitar expressões faciais logo após o
nascimento;

• Alcançar objetos.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
21
Dicas para o bebê pegar o
peito da forma correta
Amamentação é um aprendizado sem fim!
Não me entendam mal! Não é para isso
Assim com o Dr. Jack Newman, pediatra parecer contráditorio…afinal a pega e posição
do Canadá que tem também uma clínica adequados importam ou não? Devemos
que atende mães com dificuldades em prestar atenção na pega ou não??? E no fim
amamentação, também gosto muito de um isso pode não importar muito???
site escrito por Kelly Bonyata, que é consultora
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

internacional de lactação e escreve o site Calma, calma gente!


kellymom.com.
Esse post é só para explicar o seguinte: a
Esse pequeno trecho é traduzido do site pega adequada é importante sim, mas não
kellymom.com (tradução livre): é a única coisa que deve ser
observada. Se existe dor,
“Não importa se a pega e a dificuldade de ganho de peso
posição pareçam corretas, ou se o bebê ficar o dia todo no
saberemos se o bebê está de peito e não parecer satisfeito,
fato mamando ao respondermos um especialista precisa ser
duas questões: consultado. Como vimos no
nosso longo aprendizado
É efetivo? sobre amamentação, pode
ser diferenças do fluxo de
É confortável? leite, cólicas do bebê, surtos
de crescimento…
Mesmo se a pega e posição
pareçam perfeitas (mesmo se o O importante é estar atento
consultor de lactação disser que para essas coisas!
está ok), mas existe dor e/ou as mamadas são
ineficientes ( o bebê suga e não engole leite, Acima a figura mostra que a pega pode
como vimos em outro post), ou o bebê fica o ser assimétrica, ou seja a mamãe encosta
dia todo no peito e não parece satisfeito nunca, primeiro o queixo do bebê na parte de baixo
associado ao ganho de peso inadequado, isso da aréola, e o bebê com a boca bem aberta,
indica que há um problema em algum lugar. A “abocanha” toda a aréola, mas de forma que
primeira suspeita é a posição e pega ineficientes. pode ficar mais aréola aparente em cima do
que embaixo!
Por outro lado, se o bebê está mamando de forma
eficiente e ganhando peso adequadamente, e a Acho essa forma de colocar o bebê no peito
mãe não tem dor ao amamentar, então a pega e muito boa, principalmente
a posição estão boas, por definição. Mesmo se quando está aprendendo,
não parece muito com os desenhos vistos nos pois o bebê tende a pegar
livros.” corretamente.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
22
Dor ou dificuldade na
amamentação? anquiloglossia?
Porque eu sinto dor quando amamento meu mãe pode ficar sofrendo por meses a fio com
bebê? dificuldades na amamentação.

Muitas mães apresentam dificuldades para A anquiloglossia é uma condição que pode ser
amamentar logo nos primeiros dias. Embora dividida em 4 tipos, de acordo com o quanto
a maioria após algumas semanas terá que a língua está presa pelo frênulo.
conseguido superar essa fase inicial, muitas
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

persistem com dor. Inúmeras vezes, acabam Tipo 1: O frênulo lingual está inserido na
se culpando pelas dificuldades. Porque eu ponta da língua, usualmente no cume alveolar
não consigo? O que há de errado comigo? do sulco do labio inferior. Essa é a ligua presa
No entanto, ainda pouco se fala sobre mais obvia, em que o próprio freio da língua
uma condição já existente ao nascimento “parte” a lingua em duas partes, ficando um
chamada anquiloglossia, a chamada língua aspecto de coração. Essa condição deve ser
presa, ou freio curto da língua, ou ainda frênulo tratado o mais breve possível, se possível
lingual, que pode trazer sérios problemas na ainda na maternidade ou na primeira visita ao
amamentação. pediatra. Usulamente é fácil de diagnosticar e
não passa desapercebida.
A anquiloglossia ou língua presa nada mais
é do que o remanescente embriológico de
um tecido que fica abaixo da língua, o frênulo
lingual, e que não desaparece completamente,
deixando a língua literalmente “presa” ao
assoalho da boca. O lábio superior também
pode ter um frênulo, que também impede que
o lábio superior fique evertido ao fazer a pega
no peito.

Ambas essas condições podem dificultar (e Tipo 2:O frênulo lingual está inserudo 2 a
muito) a amamentação, levar a dor que pode 4mm atrás da língua, ou imediatamente após
se tornar insuportável e até ao desmame o cume alveolar. A língua não fica em formato
precoce. de coração, mas o “freio” ou frênulo lingual é
claramente visto.
Já existe como lei brasileira o chamado
“Teste da Linguinha”, em todas as
maternidades. Entretanto, não se enganem.
O teste da linguinha é um teste de TRIAGEM
apenas, e não fará o diagnóstico de todas
as anquiloglossias. No máximo conseguirá
identificar aquelas mais óbvias, como o
grau 1 e 2. Uma anquiloglossia posterior
ou oculta, não será capaz de identificar, e a
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
23
e acabam por não receber o tratamento.
Tipo 3: O frênulo lingual é preso à lingua
no meio do assoalho da boca, usualmente é Bom, mas porque isso pode
mais fibroso e pouco elástico. A língua tem causar dificuldades na
dificuldade de se elevar, e fica em “formato de
barquinho”. Esse frênulo e mais difícil de ser
amamentação?
visto, e portanto, subdiagnosticado.
O movimento feito com a língua é
EXTREMAMENTE IMPORTANTE na
amamentação. Vamos ver que a mecânica da
amamentação importa, e porque o tal do freio
na língua atrapalha o bebê para mamar…
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Bebês que mamam no peito, fazem um


movimento completamente diferente de
bebês que mamam na mamadeira. O bebê
que mama no peito realiza movimentos
complexos com a língua, para ordenhar o
leite do peito.

Tipo 4: O frênulo está essencialmente contra


a base da língua, é grosso, esbranquiçado e
muito inelástico. Esse tipo é definitivamente
o mais difícil de ser diagnosticado, e por
isso pode causar tantos problemas na
amamentação. Esse tipo de freio pode causar
dificuldade em engolir e lidar com o fluxo de
leite, levando muitas vezes a engasgos.

Na ordenha, o bebê realiza os movimentos de:

• Abaixamento da língua com abertura


da boca, o que possibilita a pega.

• Extensão ou protrusão da língua: a


língua se estende até a gengiva inferior
A língua presa clássica são os tipo 1 e 2 de
anquiloglossia, são as mais comuns e são • Elevação da língua: a língua se eleva até o
responsáveis por 75% dos casos. Por outro palato para comprimir a areola dentro da
lado, os tipos 3e 4 são difíceis de diagnosticar boca e ordenhar o leite
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
24
• Peristaltismo ou movimento de onda: a em amamentação, fonoaudiólogos com
língua realiza movimento em onda para experiência em amamentação e dentistas
que o leite chegue até a faringe e seja com experiência na área podem fazer essa
deglutido. avaliação completa. Se você está com
dificuldades para amamentar, tem dor e fissura
Se o bebê tem anquiloglossia, ele é incapaz de mamilar que não cicatriza, desde o início da
posicionar a língua de forma bem elevada sem amamentação, seu bebê tem dificuldade em
fechar a boca, no caso a mandíbula, e por isso ganhar peso, refluxo, cólicas ou gases que
a pega fica “rasa”. O bebê fecha a boca e pega você considera além do “normal”, procure
mais o mamilo, causando dor e compressão ajuda!
do mamilo. Ele também não conseguirá
fazer o movimento de peristaltismo de forma Uma vez diagnosticado a
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

correta, podendo engasgar com o leite. Alguns


anquiloglossia, o que devo fazer?
bebês são tão tensos na mandíbula que tem
até dificuldade em abrir bem a boca!
Existe um procedimento para correção
da Anquiloglossia chamado Frenotomia.
Já o bebê que mama na mamadeira, mesmo
Consiste num procedimento simples e seguro,
que tenha uma sucção pobre e não consiga
no qual é feito um pequeno corte no freio da
elevar a língua de forma adequada, ele
língua, e a língua é desprendida do freio. Os
conseguirá retirar leite. O bebê que mama
riscos de complicações são praticamente
mamadeira não faz o movimento complexo
inexistentes, e muitas vezes o alívio da dor
que necessita o bebê que mama no peito,
para amamentar, imediato. Pode ser feito por
mas um movimento mais raso, fechado, “em
profissional médico ou dentista habilitado.
pistão”. O leite na mamadeira, em última
análise, escorre na boca do bebê, mesmo que
não haja nenhum esforço.

A língua presa clássica são os


tipo 1 e 2 de anquiloglossia,
são as mais comuns e são
responsáveis por 75%
dos casos.

Como posso saber se meu filho


tem anquiloglossia?
A avaliação de anquiloglossia deve ser feita Mamães, se vocês tem
por um profissional habilitado, que tenha passado por dificuldades
experiência em amamentação. Profissionais para amamentar,
certificados, como Consultores Internacionais
de Amamentação (IBCLC) tem experiência
procure ajuda!
em diagnosticar, pediatras especialistas

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
25
Erros comuns que nos levam a
pensar que o bebê mama pouco
frequência das mamadas, ou a quantidade
de leite que você conseguir bombear não
são formas confiáveis para determinar se o
seu leite é suficiente para seu bebê. Assim,
vamos entender quais são as situações que
não significam que você tem uma baixa oferta
de leite:
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

1. Você amamenta o seu bebê com


frequência. O leite materno é digerido
rapidamente (geralmente em 1h30min
a 2h), por isso, os bebês amamentados
precisam se alimentar mais vezes do
Se tem algo que as mamães que amamentam que bebês que tomam fórmula, simples
se preocupam é: meu leite está sendo assim! Isso não significa que a fórmula
suficiente? Será que o bebê está mamando? é melhor, mas que ela demora mais
Como saber se ele está mamando direito? para ser digerida e absorvida, pois não é
Antes de tudo, temos que nos perguntar, será perfeitamente adaptada ao bebê como o
que é a produção de leite realmente está leite materno. Além disso.
baixa? Muitas vezes as mamães pensam que
a sua produção de leite é pouca quando na 2. Muitos bebês têm uma forte
verdade não é. Se o seu bebê está ganhando necessidade de sugar. Além disso, os
peso adequadamente somente mamando bebês muitas vezes precisam de um
no peito, então você não tem problema com contato permanente com a mãe, a fim
a quantidade de leite fornecida. Se você não de se sentirem seguros. Todas essas
tem certeza sobre quanto de peso o bebê está coisas são normais, e você não vai
ganhando, um parâmetro que pode ajudar é “mimar” o seu bebê por atender a essas
o número de fraldas molhadas e sujas. Claro necessidades.
que nenhum desses parâmetros dispensa a
avaliação do pediatra, somente ele poderá 3. Seu bebê de repente aumentou a
avaliar corretamente essa questão. frequência e/ou duração das mamadas.
Isso pode ser um surto de crescimento .
Abaixo descrevo quais os principais motivos O aumento da frequência das mamadas
(errados!) que faz as mamães pensarem que por alguns dias consequentemente
não estão produzindo leite. aumenta a produção de leite e ocorre a
regulação da produção de leite de acordo
Diminuição da produção: erros comuns que com a necessidade do bebê. Não ofereça
nos levam a pensar que o bebê mama pouco suplementos ao bebê quando isso
acontecer: a suplementação irá informar
É importante notar que a sensação do peito o seu corpo de que o bebê não precisa
vazio, o comportamento do seu bebê, a desse leite extra, e a produção pode
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
26
diminuir, ou não ocorrer o aumento de 7. Seu bebê mama uma mamadeira inteira
que necessita. de fórmula ou leite ordenhado após ser
amamentado. Muito bebês vão mamar
4. Seu bebê mama muito mais a noite de boa vontade uma mamadeira inteira
que de dia. Os bebês quando nascem mesmo depois de ter uma alimentação
não têm ainda uma rotina e não sabem completa no peito. Isso porque o fluxo
diferenciar o dia da noite, e muitas vezes contínuo de leite pela mamadeira é mais
trocam (literalmente) o dia pela noite… fácil de sugar, e eles aceitam mesmo
Porém, com o tempo o bebê percebe a estando satisfeitos. Se for oferecido
diferença de claridade, os momentos em após toda mamada ao seio, isso pode
que o ambiente está mais tranquilo ou fazer com que a sua própria produção de
mais agitado, e cabe também um pouco leite caia, por isso procure evitar que vire
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

aos pais ir estabelecendo essa rotina. uma rotina.


Isso pode demorar meses…mas melhora.
8. Seus seios não vazam leite, ou apenas
5. Seu bebê não mama tanto quanto vazam um pouco, ou pararam de vazar
mamava antes. Conforme os bebês leite. Vazamento não tem nada a ver com
crescem, eles se tornam também mais a produção de leite. Muitas vezes pára
eficientes em mamar, e assim extraem o de vazar, pois a sua produção de leite se
leite de forma mais rápida e em menos adaptou às necessidades do seu bebê, o
tempo. que é completamente normal!

6. Seu bebê é agitado / estressado 9. Seus seios de repente parecem mais


(“fussy”). Muitos bebês têm um horário suaves e leves. Novamente, isso
agitado/estressado do dia – geralmente normalmente acontece após a produção
no final da tarde ou à noite. Outros de leite ter se ajustado às necessidades
bebês são agitados na maior parte do do seu bebê.
tempo. Isso pode ter muitas razões, e às
vezes essa agitação vai embora antes 10. Você nunca sentiu uma sensação de
de encontrar uma razão para ela (Ah! descida do leite, ou não parece tão forte
Como entender o mundo dos bebês…). quanto antes. Algumas mulheres nunca
Pode ser o momento da cólica (nos irão sentir essa descida do leite. Isto não
bebezinhos mais novos), ou o bebê está tem nada a ver com a produção de leite.
irritado porque o fluxo de leite não está A apojadura de leite ocorre nos primeiros
da forma que ele quer, e isso pode deixa- dias após o parto, e independe da
lo irritado. A cólica do bebê ocorre num demanda do bebê! Após esse momento,
período particular da vida, geralmente o que irá controlar a produção de leite é
se inicia com 1 a 3 semanas de vida, o quanto o bebê vai mamar.
pico da cólica ocorre com 6 a 8 semanas
e geralmente acaba com 3 a 4 meses. 11. Você extrai muito pouco ou nenhum
O importante é sabermos que o bebê leite quando você ordenha. A quantidade
não chora só porque está com fome ou de leite que você retira através da
porque não quer o peito, e não devemos ordenha não é uma medida exata da
dar fórmula para acalmá-lo. sua produção de leite. Um bebê com
uma sucção adequada, extrai o leite do
seu peito com muito mais eficiência
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
27
do que qualquer bomba de extração Se seu bebê não está ganhando peso
ou mesmo manualmente! A maioria adequadamente ou está perdendo peso,
do leite produzido ocorre durante a você precisa manter um contato próximo
amamentação. Além disso, retirar o com o pediatra, uma vez que é possível que
leite com a bomba é uma habilidade uma condição médica pode causar isso. A
que melhora com o tempo e prática. suplementação pode ser necessária para os
Algumas mulheres que têm uma oferta bebês que estão perdendo peso até que a
de leite abundante são incapazes de oferta de leite aumente. Se a suplementação
obter leite quando ordenham. Também for necessária, a melhor coisa para
é normal que a quantidade de leite que complementar o leite do peito é o seu próprio
você consegue retirar diminua ao longo leite ordenhado (existem alternativas que não
do tempo, devido a própria adaptação do seja a mamadeira!).
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

seu corpo com a demanda do seu bebê


e se você também reduzir a quantidade
de vezes que você retira o leite com a
bomba também. O contrário também
ocorre! Se você aumentar a quantidade
de vezes que amamenta e que retira o
leite com ordenha, a produção também
irá aumentar após alguns dias!

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
28
Fissuras, mamilos machucados e
dor para amamentar, e agora?
Dor tipo latejamento, pontada, ardência, prolongada ( o famoso “chupetar” no peito,
rachadura, sangramento, descamação, apesar de não gostar dessa palavra!), uso
prurido, queimação, mamilos sensíveis, impróprio de bombas de extração de leite,
fissuras ou simplesmente mamilos interrupção errada da sucção do bebê quando
machucados são queixas extremamente é preciso tirá-lo do peito antes dele soltar
comuns relacionadas à amamentação, espontaneamente, uso de cremes e óleos
principalmente nos primeiros dias. Estudos que causam reações alérgicas nos mamilos,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

mostraram que 80 a 90% das mulheres que uso de bicos de silicone (intermediários) e
amamentam ter algum tipo de dor no mamilo, exposição prolongada a forros úmidos. Não
e 26% evolui para fissuras e feridas maiores, existe evidência que mulheres de pele clara
com dor mamilar extrema (Huml 1995) – La são mais vulneráveis a lesões mamilares do
Leche League, tradução livre que mulheres com pele escura.

Mas como saber se aquela dor O trauma no mamilo, que pode estar
asssociado a edema, fissuras, bolhas,
inicial é “normal” e quando devo
vermelhidão, “marcas” brancas, amarelas
pedir ajuda? ou escuras, hematomas, é uma causa de
desmame muito comum.
É comum que a mamãe sinta uma dor leve
tipo queimação ou fisgada no mamilo no
começo das mamadas, devido à forte sucção
Para evitar que isso aconteça,
deles e da aréola. Esse tipo de dor pode ser existem algumas medidas de
considerada normal, desde que não persista prevenção. Então mamães, vejam
durante toda a mamada e não vá além as dicas abaixo:
das duas primeiras semanas de vida do
bebê, quando a amamentação está melhor 1. Amamente com técnica adequada
estabelecida. No entanto, se a dor persiste, (posicionamento e pega adequados).
aumenta ou as fissuras aumentam também Para isso assista vídeos, leia muito e
fique atenta! procure orientação antes do bebê nascer.

A causa mais comum de dor para amamentar 2. Cuide do peito: mantenha os mamilos e
é devido a pega e posicionamento incorretos aréola “arejados”, faça trocas frequentes
(veja aqui como avaliar a pega e posição dos forros (absorventes para mama)
corretas). Tente corrigir a pega se o bebê quando ocorrer vazamento de leite.
estiver fazendo a pega errada, normalmente Quando possível, tome um pouco de
isso ajuda com um bom posicionamento sol no mamilo e na aréola. A umidade
(veja aqui mais sobre posicionamento excessiva pode predispor a fissuras,
correto no peito). Outras causas incluem além de candidíase. É só lembrar do
mamilos planos, invertidos, muito curtos ou bebê com fralda: o mesmo cuidado que
muito grandes, disfunções orais na criança, temos com o bumbum do nenê, devemos
freio de língua curto, sucção não nutritiva tem com o peito!
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
29
3. Não use produtos que acabam retirando ingurgitada, o que aumenta a sua
a proteção natural do mamilo, como flexibilidade, permitindo uma
sabões, álcool ou qualquer produto pega adequada.
secante. Não use buchas! (Essá
recomendação já existiu, mas trata-se de 7. Se precisar interromper a mamada,
uma recomendação antiga, e não introduza o seu dedo indicador ou
mais indicada…) mínimo pelo canto da boca do bebê, de
maneira que a sucção seja interrompida
4. Não aplique nada que não possa ir à antes de a criança ser retirada do
boca de um bebê recém nascido. Um seio, e evitar que machuque o mamilo.
bom “filtro” para descobrimos o que (Introduza com cuidado, isso não
pode ser aplicdo no peito é pensar: machuca o bebê! Sei que as mães
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

isso poderia ir na boca do meu bebê? ficam com “dózinha” e acabam nao
Certamente sol e leite materno você introduzindo direito. Você deve introduzir
pode usar, porém dependendo da até sentir a diminuição da
fissura não é suficiente. Obviamente pressão na aréola.
que tratar a CAUSA do porqê seu peito
está machucado é mais importante, 8. Cuidado com bicos de silicone ou
para impedir que machuque mais. Casca intermediários! O chamado bico de
de banana e mamão não devem ser silicone tem indicações precisas, devem
usados, pois hágrande risco de infecção. ser usados de forma provisória quando
Alguns estudos mostraram eficácia na muito bem indicados. Ele pode causar
cicatrização de fissuras com o uso da trauma mamilar e piora das lesões, além
lanolina 100%. de a longo prazo, levar a diminuição da
produção de leite. Somente use com
5. Amamente em livre demanda – ofereça o indicação de um profissional especialista
peito ao seu bebê sempre que ele desejar em amamentação , que ainda possa
ou se você sentir que seu peito está acompanhá-la nesse processo.
cheio. A criança quando colocada no
peito assim que dá os primeiros sinais de 9. Procure um profissional qualificado. Sei
que quer mamar, vai ao peito com menos que pode até parecer redundante aqui,
fome, menos irritada e assim diminui a mas um profissional especialista em
chance de ocorrer a pega inadequada e amamentação faz TODA a diferença. E
machucar os mamilos, além de evitar o quanto antes for feita a intervenção, ou
ingurgitamento mamário. A necessidade até a prevenção, melhor!
da mãe também é
importante e você deve
oferecer o peito ao bebê
se ele estiver doendo ou
com
a mama endurecida.

6. Faça massagem
e ordenha manual
da aréola antes da
mamada se ela estiver
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
30
Laid-back position: aprenda uma
forma intuitiva de amamentar
Existem várias posições chamadas de
clássicas para amamentar, porém percebi que,
principalmente quando a mãe está iniciando a
jornada de amamentação, existe uma tensão
muito grande, a mãe não consegue encontrar
uma posição ideal, tem medo de segurar o
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

bebê, e outras inúmeras dificuldades. Foi


pensando nisso que pensei numa posição
conhecida como Laid-back Breastfeeding ou
Biological Nurturing, ou seja, uma posição
de amamentação mais natural e intuitiva,
tanto para a mãe quanto para o bebê. Essa
expressão “laid-back” significa devagar,
relaxado, calmo, sem pressa…como deve ser! A posição laid-back breastfeeding a mãe
fica a vontade, totalmente apoiada (mãos,
Esse conceito foi introduzido por uma ombros, cabeça e costas) e o bebê também
enfermeira na Inglaterra chamada Suzanne fica completamente apoiado, em cima da
Colson, da Inglaterra, que percebeu que ao usar mãe e sem a pressão nas costas, somente
essa posição, provocava um comportamento por ação da gravidade. O bebê pode estar
mais instintivo e natural dos bebês, propício despido (além de tudo pode-se praticar o
à amamentação. Essa técnica provou reduzir método canguru!) com o calor do corpo da
o desmame precoce além de tornar o ato mãe aquecendo o bebê. Esse contato pele a
de amamentar mais prazeroso para a dupla pele também favorece a amamentação.
mamãe-bebê.
Sabemos que os recém-nascidos nascem
O modo de amamentação tradicional a mãe com inúmeros reflexos primitivos, o que
fica sentada numa poltrona, recostada, com a lhes proporciona comportamentos inatos
coluna reta, o bebê fica numa posição deitada, e instintivos, ou seja, eles não precisam
barriga com barriga, a cabeça um pouco mais ser ensinados. Alguns desses reflexos
elevada que o resto do corpo, de maneira favorecem a amamentação, como o reflexo
transversal. A mãe usa um travesseiro para de rastejamento, preensão palmar e plantar,
alinhar o bebê ao seu corpo e apoiar o braço. flexão das mãos, dos pés e dos dedos, mãos
Os pés e braços do bebê nessa posição na boca, abertura da boca, reflexo de busca e
ficam pouco apoiados. O que acontece nessa procura, lambida, sucção e deglutição. Nessa
posição é que a mãe usa o braço para apoiar posição o bebê tem maior probabilidade de
as costas do bebê para mantê-lo junto ao usar esses reflexos inatos.
peito e para alguns bebês essa pressão é
desconfortável. Isso acontece porque essa posição promove
a movimentação do bebê, ao mantê-lo
inclinado, sem a pressão sob as costas, com
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
31
o corpo todo voltado para a mãe e próximo ao deitada, mas com as costas apoiadas e
corpo dela e suas curvas. O bebê também de o um pouco reclinada, num ângulo de 30 a
reflexo de rastejamento, como um engatinhar, 45 graus.
onde o bebê se acomoda ao peito da mãe
sozinho, somente utilizando os seus reflexos 3. Tenha um apoio para sua cabeça e
inatos! Sabe-se ainda que a aréola contém as ombros.
glândulas de Montgomery, que produzem um
óleo responsável pela lubrificação da mama 4. Coloque o seu bebê no seu peito, com
e também pelo seus cheiro. Isso orienta a barriga para baixo, bem amoldado
os bebês a localizar a mama. Além disso a ao seu corpo, de maneira que ele não
própria ação da gravidade auxilia a pega. escorregue para baixo.
Dessa forma o bebê passa de espectador para
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

participante ativo do ato da amamentação. 5. Deixe o seu bebê todo apoiado ao seu
corpo
Uma outra vantagem dessa posição seria
a maior interação entre mãe e bebê, com a 6. Uma vez que você está inclinada, não
promoção do contato pele-a-pele, o método precisa do “colo”, o seu bebê pode
canguru, e o que eu considero o mais apoiar-se em você da maneira que ele
importante, a mãe “perde” um pouco a tensão deseja e que fica mais confortável.
de amamentar com a técnica adequada, e Apenas tenha certeza que ele está
curte o momento! Às vezes a questão do totalmente apoiado em você e
posicionamento e pega adequados ficam confortável.
tão “engessados”, que no fim a mãe acaba
ganhando uma baita dor nas costas e nos 7. Deixe a bochecha do seu bebê encostar
braços…já reparou? Essa posição seria para próximo ao seu peito já descoberto. Isso
a mãe adquirir mais confiança e ao mesmo ativa o próprio reflexo de busca do bebê
tempo relaxar ambos, mãe e bebê. ( você vai vê-lo abrir a boca e procurar o
peito, elevando discretamente a cabeça).
Parece que o início do aleitamento materno é
mais instintivo do que acreditamos ser, tanto 8. Ajude-o na busca, delicadamente e sem
para as mães como para os bebês. Parece pressa.
ser muito mais que simplesmente uma
posição para amamentar. Em última análise, 9. Relaxe e aproveite esse momento!
amamentar utilizando a laid-back position
parece dar mais autonomia ao bebê, dando-
lhe chance para utilizar o seu potencial inato. Essa forma de amamentar parece ajudar
principalmente os bebês mais agitados e
Como colocar o bebê nessa chorosos, as mamães inseguras, melhora a
pega e consequentemente o risco de fissuras
posição:
mamárias, além do problema que muitas
mães tem com dores no punho e nos ombros.
1. Coloque roupas confortáveis em você e
em seu bebê

2. Encontre uma cama ou sofá onde você


possa deitar, porém sem ficar totalmente
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
32
Leite anterior e leite
posterior existe?
Sem dúvida que se você é mamãe e amamenta, Essa divisão entretanto, é muito simplista,
já ouviu falar desses termos alguma vez, e não explica o que acontece DURANTE a
e existe muita informação relacionada a amamentação!
esse assunto que pode confundir a mamãe:
“Você tem que esvaziar o peito para então Veja a foto abaixo:
dar o outro”, ou “Amamente um lado por vez
para que o bebê chegue ao leite posterior”,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

“o leite posterior é rico em gordura e o leite


anterior é mais para hidratação”. São tantas
informações que se cruzam, que ficamos
confusos quanto ao que é o conceito correto.

leite anterior e posterior wikipedia

O problema em mostrar uma amostra do


leite no começo da amamentação e ao final
da amamentação é justamente por que
ela não mostra o que ocorre DURANTE a
amamentação! Parece que existem 2 tipos
diferentes de leite, quando na verdade não há!

Não existem 2 tipos de leite, mas sim uma


mudança gradual na composição do leite com o
decorrer da mamada!

Porque essa mudança da


composição do leite ocorre?
Afinal, o que significa leite
O leite materno é produzido pelos lactócitos e
anterior e leite posterior? fica armazenado nos alvéolos, que nada mais
é que um conjunto dessas células. A produção
Segundo o livro “ The Breastfeeding Answer de leite é dinâmica e ela ocorre antes e
Book”, leite anterior é o leite do começo da também durante a mamada. Conforme o leite
amamentação, com maior quantidade de é produzido pelos lactócitos, a gordura, em
água, e com menos gordura. O leite posterior forma de “glóbulos”, fica aderida na parede
é rico em gordura e tem menor quantidade de do alvéolo e umas às outras. No início da
água. mamada, os glóbulos ainda estão presos à
parede dos alvéolos. Conforme o peito esvazia,
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
33
os glóbulos de gordura deslocam-se em
direção aos ductos e então ao mamilo. Dessa
forma, a gordura presente no leite se solta e
conforme o alvéolo fica menos distendido, os
glóbulos se soltam e são transportados com
mais facilidade. Assim podemos entender
porque a gordura está em maior proporção ao
final da mamada.

Como sabemos que o aumento


de gordura no leite materno é
gradual?
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Não percebemos essa mudança no leite


Estudos envolvendo várias mães com artificial (fórmula), nem no leite de vaca que
amostras do leite materno em vários compramos no supermercado, pois ele é
momentos de uma mamada, mostraram que HOMOGENEIZADO, ou seja, as partículas
a gordura do leite aumenta progressivamente maiores do leite são quebradas em menores,
ao longo da mamada. Para demonstrar isso, de forma que fique aparente uma única fase
vemos na figura abaixo (referencia), várias do leite.
amostras de leite materno coletadas no
decorrer de uma mamada, em que o início da
mamada é a amostra 1, com aumento gradual
da gordura conforme a numeração das
amostras, até a 12, em ordem cronológica.

Se colocarmos a primeira e a última juntas,


notamos a diferença de gordura entre as
duas amostras. Porém não percebemos o que Lembre-se:
ocorre entre essas duas amostras, que é esse
aumento da gordura DURANTE a mamada! 1. O leite varia de uma mamada para outra,
Por isso não podemos falar em leite anterior ao longo de um dia e de mãe para mãe,
e leite posterior, mas sim nesse aumento por isso não existe uma regra rígida
gradual da gordura! em relação a isso. Esqueça a idéia fixa
e obsessiva de sempre chegar ao leite
posterior, pois não é uma
fórmula mágica!

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
34
2. O padrão de mamada de um mesmo bebê
pode variar ao longo do dia e conforme o
bebê cresce! Mamar é um “treinamento”
e o bebê vai ficando cada vez mais
eficiente. Assim, o bebê diminui o tempo
de mamada, mas a quantidade de leite
retirada é a mesma.

3. Amamente em livre demanda e ofereça


os dois lados numa mamada. Assim a
produção é garantida e a fábrica de leite
que é a mama estará sempre estimulada
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

a produzir! Quanto mais o bebê mamar,


mais leite vai produzir! Veja os posts que
escrevi sobre esse assunto. Como o leite
vai do peito para o bebê e produção de
leite materno.

4. Corrija a posição e a pega do bebê ao


seio materno. Posso dizer que cerca
de 90% dos problemas relativos à
amamentação envolvem essa questão,
que é fundamental!

5. Se o bebê estiver com algum problema


relativo a dificuldade de retirada do
leite no peito, ele nunca chegará ao
Mamães, se vocês tem
leite posterior, pois na realidade ele não passado por dificuldades
está conseguindo retirar nada! Mais para amamentar,
uma vez, corrija a pega, a posição e procure ajuda!
saiba “ler” alguns sinais de que o bebê
está mamando de fato. Veja o post que
escrevi sobre esse assunto no link.
Dessa forma então você conseguirá
de fato chegar ao famigerado leite
posterior…

6. Procure um especialista no assunto. Sim,


existem alternativas, sim eles podem te
ajudar, e sim, vale a pena! Além disso,
existem individualidades de cada bebê e
situação, que seria impossível estipular
uma regra geral para todos e
que todos devem seguir…

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
35
Meu mamilo é plano
ou invertido! E agora?
Quando nasce uma mãe, nasce a culpa para que haja orientação adequada em
junto. A cobrança é enorme e a insegurança relação à amamentação. Você sabia que a
também. Muitas vezes temos dificuldade para mãe também tem direito a uma consulta pré
amamentar desde o início, e logo surgem os natal com o pediatra para orientações?
pitacos: o bebê tá mamando demais! O bebê
tá passando fome! Dá complemento pra ele!
Dá mamadeira! Porque você não usa bico de Informação é poder,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

silicone? O seu mamilo é muito grande! Seu e a chave para o


mamilo é muito pequeno…Quem não fica
empoderamento materno.
confuso com informações tão conflitantes,
até mesmo dos médicos?

Se o mamilo é plano ou invertido, a mãe já


recebe uma sentença ANTES mesmo do bebê Como saber se tenho mamilos
nascer, que cai como uma bomba: você não invertidos?
vai conseguir amamentar. Isso não é verdade,
e vamos entender o porquê. Para avaliar se o mamilo é invertido verdadeiro,
usamos a manobra de “pinçamento” ou pinch
test:

Se você é mamãe de primeira viagem, é


comum que o mamilo não se projete para
fora completamente. Um terço das mães Pressione a aréola na sua base, entre o
terão algum grau de inversão dos mamilos,
polegar e o dedo indicador: se o mamilo
mas somente 10% dessas mães não haverá for invertido, ele se retrai. O mamilo plano
inversão do mamilo no momento que o bebênão se protrai simplesmente. O mamilo
nasce. Isso ocorre porque na gravidez a pele
pseudoinvertido, ao fazer a manobra se
se torna mais elástica. protrai, pelo menos em parte. Nesses casos,
provavelmente tão logo o bebê começar
É extremamente importante que a mãe a sugar, o mamilo everte e fica para fora.
procure alguém que seja especialista em Mamilos planos podem formar o bico com
amamentação antes mesmo do bebê nascer, o ato do bebê sugar. O grau de inversão
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
36
pode variar bastante, e o ideal é procurar um A técnica de Hoffman é um exercício manual
profissional para avaliar. que pode ajudar liberar as aderências na base
do mamilo e fazê-lo se protrair.

1. Coloque os polegares das duas mãos,


um de frente pro outro na base do
mamilo

2. Puxe os polegares para fora de forma


gentil, mas firme.

Meu mamilo é plano ou invertido, 3. Faça isso para cima e para baixo e para
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

e agora? os lados.

É tão verdade que uma mãe com mamilos 4. Repita este exercício duas a cinco vezes
planos ou invertidos pode ter (e disse pode por dia.
ter, e não que vai ter!) uma maior dificuldade
em amamentar, tanto quanto uma mãe mal 5. Você pode fazer isso durante a gravidez
informada! Ajuda existe e é para isso! Você para preparar os seus mamilos, e
não está sozinha! também depois do seu bebê nascer.

Repita comigo: “o bebê não pega somente o


mamilo, pega toda a aréola”. Mesmo que o seu
mamilo seja pequeno, plano, invertido, isso
não é impeditivo de amamentar, mas precisa
ficar atenta em como está a pega do bebê. Se
o bebê está pegando só o mamilo, a pega está
incorreta e poderá machucar! O bebê deve
formar um vácuo na boca enquanto mama, e
ao abocanhar toda a aréola, ou pelo menos
grande parte dela, não haverá problemas para
mamar. Além disso, o bico acaba se formando
pelo ato do bebê sugar a mama. Invista na
pega e posicionamento corretos e evite ao
máximo bicos artificiais!

“O bebê deve sempre pegar a


aréola, e não o mamilo. Se o
bebê fizer a pega errada, vai
machucar!”

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
37
Bico de silicone, intermediário correta é importante que a mama esteja
devo ou não usá-los? macia, e o bebê com a boca bem aberta.
Se necessário ordenhe um pouco de leite
O chamado bico de silicone, protetor de antes.
mamilo ou intermediário consiste num bico
feito de sicone fino e flexível, usado sobre • Tente diferentes posições para ver em
o mamilo durante as mamadas. É indicado qual delas o bebê se adapta melhor.
amplamente na maternidade, mesmo que
não seja necessário. Seu uso é controverso, • Use manobras que podem ajudar a formar
mas uma coisa é certa: não utilize sem o mamilo antes das mamadas, como esse
recomendação precisa de uma consultora ou estímulo do mamilo pelo toque, ordenha
especialista em amamentação, e que faça manual ou sucção com bomba manual,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

um acompanhamento correto com você, da ou o uso de um corretor de mamilos ou


amamentação. Seu uso pode ser um grande a própria concha. Mas cuidado para não
problema, e ter impacto desde a redução na machucá-lo!
produção de leite, até ductos bloqueados,
ingurgitamento mamário, confusão de bicos, • Ordenhe o leite enquanto o bebê não
etc. sugar de forma efetiva: isso é essencial
para manter a produção do leite e deixa
as mamas mais macias, facilitando
a pega; o leite ordenhado deve ser
oferecido ao bebê, de preferência, em
copinho ou colher dosadora.
Evite a mamadeira.

Mamães, se vocês tem


passado por dificuldades
para amamentar,
procure ajuda!
Coisas importantes a se
considerar:
• Confiança, perseverança e paciência:
tenha em mente essas características
e saiba que você poderá superar cada
dificuldade. Ter um profissional da saúde
que saiba orientá-la a respeito, e toda
uma rede de apoio é fundamental. Com
a sucção do bebê os mamilos se tornam
mais propícios à amamentação.

• Favoreça a pega do bebê: para fazer com


que o bebê abocanhe a mama de maneira
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
38
Mitos sobre amamentação:
Meu leite não sustenta!
Muitas mamães que amamentam
exclusivamente ao seio materno percebem
que, em determinadas épocas, o bebê fica
praticamente o tempo todo no peito, e mama
com mais frequência. Uma das conclusões
erradas sobre isso é que o seu leite “é fraco”,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

ou “não sustenta” porque se sustentasse, o


bebê não mamaria o tempo todo. Além disso,
você, mamãe, vai deixar ele passar fome?
Resultado: muitas mamães, por insegurança,
falta de informação e pressão externas
acabam cedendo à mamadeira, pois aí sim, o
bebê “estará satisfeito”.
No bebê amamentado exclusivamente ao
Porque o bebê em determinados momentos seio materno a ingesta de leite pode aumentar
precisa tanto do leite materno em maior exponencialmente nas primeiras semanas
frequência e quantidade. Vamos desmascarar de vida, o que acompanha o crescimento da
cada mentira contada às mamães aqui, que as criança a olhos vistos! O aumento da ingesta
impedem de amamentar de maneira correta. de leite materno é temporário

A maioria dos bebês apresentam o que Quando ocorrem os “surtos de


chamamos de “surtos de crescimento” crescimento”?
durante o primeiro ano de vida.
Isso pode variar de bebê para bebê, mas
O que é o “surto de crescimento”? geralmente ocorrem em torno de 7 a 10 dias,
2 a 3 semanas, 4 a 6 semanas, 3 meses, 4
Surto de crescimento nada mais é do meses, 6 meses e 9 meses, em maior ou
que o crescimento acelerado do bebê em menor intensidade.
um curto espaço de tempo, que aumenta
consequentemente a sua demanda por leite. Ocorrem mais alguns surtos de crescimento
Se você tem um adolescente em casa, ou após o primeiro ano de vida do bebê também,
conhece, pense em como ele come na fase e também durante a adolescência.
de “estirão”…isso acontece com o bebê, mas
numa escala muito maior! Durante aquisições Quanto tempo o surto de
no seu desenvolvimento como rolar, sentar,
engatinhar, falar, a criança também “exige”
crescimento dura?
uma maior demanda, pois o seu cérebro
A sua duração média é de 2 a 3 dias, mas às
cresce numa velocidade enorme!
vezes pode demorar 1 semana ou mais.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
39
Quais são os sinais que ajudam a • Você pode notar um aumento das fraldas
saber se a criança está passando molhadas com o aumento da ingestão de
por um surto de crescimento? leite pelo bebê.

• O bebê mama a toda hora, quase que sem Como lidar com os surtos de
pausa. crescimento?
• O bebê antes dormia a noite e agora está Confie na demanda do seu bebê. O bebê
acordando várias vezes para mamar. irá naturalmente receber mais leite pelas
mamadas mais frequentes, e sua produção
• O bebê pega o peito e solta, ficando de leite vai aumentar. Não é necessário (nem
agitado nos intervalos. desejável) complementar o seu bebê com
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Estes sinais sinalizam para o corpo da fórmula ou leite ordenhado durante um surto
mamãe: “PRODUZA MAIS LEITE AGORA!” de crescimento. Nesse momento, qualquer
Nosso corpo entende muito bem o que está interferência na amamentação irá atrapalhar
acontecendo e irá responder às necessidades o processo, interferindo com a oferta natural e
do bebê. A sucção extra do bebe irá estimular a demanda de produção de leite, e vai impedir
a produção de mais leite. que seu corpo entenda que PRECISA produzir
mais leite durante o surto de crescimento.

Ouça seu corpo. Algumas mães que


amamentam sentem mais fome ou sede
quando o bebê está passando por um surto
de crescimento. Coma bem, de maneira
saudável e tome muito líquido.

Tome muita água. Você vai ver que amamentar


dá uma sede absurda, e nessa fase de maior
demanda, mais ainda! Deixe uma garrafinha
de água sempre próxima de você para não
esquecer de tomar água.

Não se prenda ao relógio. Se existe algo que


ajuda as mamães a sobreviverem aos surtos
de crescimento com um sorriso no rosto é
não se prender ao tempo das coisas. Não se
Sinais observados após um surto prenda em quanto tempo o bebê mama, há
quanto tempo o bebe mamou pela última vez,
de crescimento e quantas vezes você teve que acordar a noite
para amamentar….o bebê vai querer mamar…e
• Bebê dorme mais horas por um dia ou dois
muito!
• A mãe nota as mamas mais cheias
Saiba ouvir o seu bebê. Interprete os sinais.
Lembre-se que nem tudo é fome, mas se
• O bebê acalma ao seio materno
a bebê mama a toda hora (e mama bem), e
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
40
acalma quando está no peito, provável que
seja mesmo um surto de crescimento. Não se
desespere, continue amamentando, descanse
ao máximo, peça ajuda e aguente firme.

Não dê fórmula de jeito nenhum, muito menos


na mamadeira. As mamães costumam pensar
que o seu leite não está “sustentando”, porque
se tivesse, o bebê não mamaria toda hora.
Pensamento errado!!! Como já vimos, existem
outras causas para o bebê chorar e querer o
peito toda hora. Esses momentos de surtos
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

de crescimento são essenciais, e se você der


mamadeira o seu corpo vai entender que NÃO
precisa produzir mais leite, e esse aumento
de produção não vai acontecer.

Fique tranquila, busque apoio e saiba que você


está fazendo certo! Os surtos de crescimento
podem deixar os papais confusos, pois
quando pensamos que estamos começando
a entender melhor os sinais que o nosso bebê
transmite, tudo muda novamente. O bebê fica
o dia todo no peito mamando, o bebê que
dormia a noite toda volta a acordar, fica mais
agitado sem um motivo aparente…nesse
momento é importante buscar apoio e saber
que essa fase dura alguns dias e depois tudo
volta ao normal.

Lembre-se: nessa fase é super importante ter


um pediatra acompanhando o crescimento
de desenvolvimento do bebê e que passe a
tranquilidade que vocês, pais, precisam nessa
fase.

Mamães, se vocês tem


passado por dificuldades
para amamentar,
procure ajuda!

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
41
Mitos da amamentação:
amamentar um lado por vez?
vou falar um pouco sobre a questão de Existe sim, muitas mães que amamentam os
amamentar de um lado só. E não, eu não vou seus bebês oferecendo somente um peito
dizer para você amamentar de um lado só. Eu por mamada, e que os seus bebês sempre
também não vou dizer para você amamentar ganharam peso adequadamente, muito bem,
SEMPRE oferecendo os dois lados. E eu obrigado. Essas mães provavelmente tem
também não vou dizer que EXISTE UMA uma produção de leite abundante e graças a
REGRA! Porque na verdade não há regra para Deus, isso não é e nunca será um problema.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

isso!
Entretanto, oferecer sempre somente um peito
Primeiro: olhe para o seu bebê, observe-o, por mamada pode levar a uma diminuição
veja como está a mamada. na produção de leite, e ser preocupante. A
idéia de amamentar somente um lado por
Segundo: procure por favor um pediatra que vez surgiu do dogma que para o bebê chegar
apoie DE VERDADE a amamentação e não um no tão falado leite posterior, o leite mais
que vai dar complemento sem nem olhar o rico em gordura e portanto mais calórico,
bebê mamando… responsável pelo ganho de peso do bebê, o
bebê precisaria esvaziar completamente um
Terceiro: regras e amamentação não lado do peito, para então trocar o lado, de
combinam. Algumas orientações são forma que chegasse ao leite posterior.
importantes e necessárias para nos guiarmos,
mas cada bebê é único e deve ser tratado O grande problema em relação a esse dogma
individualmente. é que o bebê só chegará ao leite posterior se
estiver mamando adequadamente. Se existe

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
42
algum problema relativo a eficiência com que
o bebê retir leite do peito, ele não vai receber
nenhum leite, seja “anterior” ou “posterior”!

• A gordura do leite aumenta


PROPORCIONALMENTE ao longo da
mamada, e não há um divisor de águas
como até aqui, “leite anterior”, após, “leite
posterior”.

• Se o bebê estiver mamando


adequadamente, ele vai receber tudo
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

o que ele precisa, e não precisaremos


nos preocupar se o leite é o anterior ou
posterior!

• O fato de o bebê estar sugando o peito


não significa que ele está retirando leite
adequadamente e satisfatoriamente.
Isso quer dizer que o bebê pode passar o
dia todo no peito e não conseguir retirar
quase nada de leite!
e for apenas uma SUCÇÃO NÃO NUTRITIVA,
• O bebê suga para consolo, pela
podemos então oferecer o outro lado.
necessidade de sucção e principalmente
para obter o alimento de que precisa. Se
Se o bebê estiver com um comportamento
o bebê passa o dia todo no peito e ainda
irritado, agitado (chamamos de “fussy”
está irritado, pode ser fome!
em inglês), empurrando o peito, gritando,
chorando ou dormindo no peito, você pode
oferecer o outro lado. Se esse comportamento
Não siga uma regra!


persistir, em todas as mamadas e ao oferecer
Amamentação e regras não os dois lados, procure ajuda.
combinam.
Sobre esse comportamento “fussy”, ou
dormindo ao peito procure os posts que já
escrevi sobre o assunto.

Como posso saber se o bebê Lembre-se: bebês respondem ao FLUXO


DE LEITE. Se o fluxo está lento, diminuído
“terminou” um lado? ou demora em descer o leite ou o fluxo é
muito rápido, isso pode deixar o bebê irritado
Observamos que o bebê não está mais
(fussy), o bebê pode engasgar, ou adormecer
engolindo leite, mesmo com as compressões
no peito. Nesse caso pode-se usar a técnica
na mama. Geralmente deixamos o bebê
de compressões no peito, para facilitar a
mais alguns minutos e vemos se ele volta a
ejeção do leite e aumentar o fluxo, para então
sugar E ENGOLIR leite. Se isso não ocorrer,
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
43
o bebê voltar a sugar com avidez.

Finalmente, o problema de amamentar


somente de um lado leva a uma diminuição
da produção de leite. Isso pode deixar o bebê Nunca se baseie nas
pode ficar irritado e agitado e a produção de experiências pessoais
leite pode cair ainda mais. dos outros. Os bebês são
diferentes, reagem de forma
Outros problemas que podem surgir com a diferente e o seu bebê é único,
diminuição do fluxo de leite: por isso deve ser avaliado
individualmente.
1. Baixo ganho de peso ou até perda de
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

peso ( isso pode levar a suplementação e


até desmame precoce)

2. Diagnóstico incorreto de “refluxo”

3. Diagnóstico incorreto de “hiperreação ao


reflexo de ejeção de leite”

4. Recusa do bebê de mamar.

5. Pensar que o bebê está desmamando


por si só, quando na verdade é devido a
diminuição do fluxo de leite

6. Amamentação com períodos muitos


longos ou muito curtos, podendo alternar
no mesmo bebê

7. Bebê com comportamento agitado no


peito, que “pega e solta, pega e solta”,
morde o peito.

Se o bebê não está conseguindo lidar com o


fluxo de leite, não é porque ele é muito rápido
ou muito lento, mas porque A PEGA DO BEBÊ
NO PEITO PODERIA SER MELHOR. Corrija
a pega e então esse comportamento não
existirá mais. Nem sempre isso será rápido, e
pode exigir treinamento e acompanhamento
de um profissional.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
44
Mitos sobre a língua presa e
porque ela afeta a amamentação
Existem muitos mitos relacionados à mamilos fiquem “calejados” e já não
amamentação, e muitos deles tem a ver com doam mais. Se a mãe não consegue
a forma com que o bebê faz a pega no peito. amamentar, simplesmente deve
A mecânica da mamada está diretamente bombear o seu leite ou trocar por
relacionada ao movimento amplo da língua, fórmula na mamadeira.
e se existe alguma limitação para esse
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

movimento podemos ter problemas na Fato: Nada poderia estar mais errado que
amamentação. essa afirmação! A amamentação é um
momento entre mãe e bebê ficam juntos e
Mas porque esse tal de freio na língua pode formam vínculo. Esse vínculo criado dura
causar tantos problemas na mamadas? uma vida toda. Mães que não amamentam
acabam levando o peso da culpa sobre elas
Já expliquei um pouco sobre essa condição e muitas vezes entram até em depressão.
chamada anquiloglossia num post anterior, Amamentação não deve ser dolorosa nem
e como suspeitar se seu bebê pode ter a sofrida, deve ser algo gratificante e prazeroso.
linguinha presa. Veja o que NÃO te contaram Mães tem instinto. Se uma mãe acha que
sobre amamentação no post, e vamos algo está errado, geralmente está. E deve ser
desmistificar alguns mitos também… corrigido.

Mito # 1: As mães precisam entender


que amamentar pode ser doloroso.
Elas precisam esperar até que seus

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
45
Mito # 2: Freio lingual curto não
tem nada a ver com problemas
relacionados à amamentação
Fato: Amamentação depende da habilidade
da criança criar um vácuo para retirar o
leite do peito. O movimento de levantar e
abaixar a língua dentro da boca cria esse
vácuo, junto com o movimento de ordenha
do leite. Se a língua é impedida de fazer o
movimento, a criança não consegue tirar o
leite de forma eficiente e sem dor. Isso leva a
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

inúmeros problemas na amamentação, como Mesmo bebê após a frenotomia labial e


dificuldade de ganho de peso, refluxo, cólicas, lingual. Veja a abertura da boca e o lábio
mamadas ineficazes, muito longas ou muito inferior evertido
curtas, choro, engasgo, e para a mamãe, dor
e fissuras que não cicatrizam, obstrução de
ductos e mastite, entre outros. Se você não Mito #3: Freio labial curto não tem
acredita, veja a foto abaixo de um bebê antes nada a ver com amamentação.
e após o procedimento.
Fato: Amamentação depende da habilidade
da criança formar um bom selo com o seio da
mãe. Quando o lábio superior não consegue
ficar evertido (boca de peixinho, voltado para
cima) esse selo é raso ou incompleto. Isso
frequentemente leva a criança e fazer “click”
enquanto amamenta e acaba engolindo muito
ar. Isso cria um comportamento semelhante à
cólica ou refluxo. Não é um refluxo verdadeiro,
com retorno de conteúdo ácido ao esôfago,
mas AEROFAGIA ou deglutição de ar. Isso
leva a inúmeros problemas na amamentação,
já relatados acima. Os bebês podem ter
marcas no lábio superior, como se fosse uma
pele mais seca, em formato de bolha (veja
foto abaixo).
Bebê com anquiloglossia (língua presa). Veja
a pega fechada, com o lábio inferior pouco
aberto

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
46

Mito #4: Qualquer pessoa


consegue diagnosticar a presença
do freio curto da língua (língua
presa) ou freio curto do lábio ao
examinar o bebê no colo dos pais.
Errado!
Fato: O exame de um bebê com suspeita de
anquiloglossia (freio curto da língua) deve
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

ser feito por um profissional habilitado, que


vai examinar toda a cavidade oral, lábios,
bochechas, lábio inferior e superior, freio
labial e lingual, palato duro e palato mole.
Para isso é preciso uma visualização ótima e
um treinamento para tal.

Mito # 5: Meu bebê foi examinado


no hospital e feito até o teste da
linguinha, e disseram que estava
tudo bem.
Fato: Por diversas vezes o teste da
linguinha mostra-se falho ao diagnosticar
anquiloglossia e bebês. A não ser que seja
um freio da língua obviamente curto e bem
anteriorizado, o diagnóstico não é feito, e
aquela mãe segue com inúmeras dificuldades
na amamentação, que muitas vezes acabam
por levar a um desmame precoce. A maioria
dos pacientes que chegam no meu consultório
não foi diagnosticado no hospital.

Se você está com dificuldades na


amamentação, procure ajuda o quanto antes,
e pessoas capacitadas em amamentação. Se
existe a suspeita que seu bebê tem a língua
presa, procure um profissional habilitado em
fazer o procedimento!

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
47
O que você precisa saber antes do
bebê nascer
Não é raro hoje em dia encontro mães com
dificuldades na amamentação. Eu como
pediatra, tenho acompanhado tanto na
maternidade em que trabalho, como no
consultório, inúmeros problemas relacionados
à amamentação, a insegurança que ela causa,
o sentimento de culpa que as mães trazem, e
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

inúmeras dúvidas relacionadas ao assunto…

O nascimento do bebê é um evento único na


vida de uma mãe, e também é o início de uma
nova etapa. Nesse momento ela encontra-
se extremamente fragilidada, insegura,
com medo e também exausta! A presença
de alguém que a ajude a superar essas
questões, e principalmente as concernentes
à amamentação é fundamental.

Infelizmente muitos profissionais da saúde,


ao invés de ajudar, tem deixado mais “cargas”
para essas mães carregarem, sentimento de Introduzo então aqui o conceito
culpa e informação em excesso e de forma de aconselhamento em
vazia, vaga, sem que tenha de fato uma amamentação.
assimilação e aprendizado pela mãe!
Trata-se da competência do profissional de saúde
Tenho aprendido com as mamães em meu em auxiliar a mulher em tudo que está relacionado a
amamentação: desde o pré-natal, orientações quan-
consultório (e sou muito grata a elas por to a posição e pega, produção de leite, dúvidas da
isso!) que paciência é importante, é preciso mãe, acompanhar dificuldades e avaliar de perto e
mostrar e não somente falar, repetir quantas em todos os seus aspectos a amamentação. Acon-
vezes forem necessárias… mamães de bebês selhar não significa dizer à mamãe o que ela deve
pequenos são capazes de pensar em 300 fazer, mas significa ajudá-la a tomar decisões, após
ouvi-la, entendê-la e dialogar com ela sobre os prós
coisas ao mesmo tempo (ok, as vezes até
e contras das opções. Cria o espaço para que haja
mais) e não conseguir assimilar tudo em uma confiança e vínculo da mãe com o profissional, que
única consulta… por isso o seguimento de é fundamental para o aconselhamento e sucesso da
perto é fundamental! amamentação.

Como fazer esse aconselhamento? Existem difer-


entes momentos que o pediatra tem a oportunidade
de poder orientar a mãe em relação ao seu bebê e
devemos aproveitar esses momentos ao máximo!
Hoje falarei sobre o momento no pré natal.
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
48
Aconselhamento Pré-natal
• Importância do aleitamento materno;

• Vantagens e desvantagens do
uso de leite não humano (as
famosas fórmulas lácteas…);

• Importância da amamentação logo após o


parto, do alojamento conjunto e da técnica
(posicionamento e pega) adequada na
prevenção de complicações relacionadas
à lactação;
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

• Possíveis dificuldades na amamentação


e meios de preveni-las. Muitas mulheres
“idealizam” a amamentação e se frustram
Sabe-se que a promoção da amamentação na ao se depararem com a realidade;
gestação, comprovadamente, tem impacto
positivo na prevalência do aleitamento • Comportamento normal do recém-nascido;
materno, em especial entre as mamães de
primeira viagem! O acompanhamento pré- • Vantagens e desvantagens do uso
natal é uma excelente oportunidade para da chupeta. (Teremos um post só
motivar as mulheres a amamentarem. É para abordar esse assunto polêmico!)
importante que pessoas significativas para
a gestante, como companheiro e mãe, sejam • O exame das mamas é fundamental, pois
incluídas no aconselhamento. por meio dele podem-se detectar situações
que poderão exigir uma maior assistência
Acho essencial esse aconselhamento, pois à mulher logo após o nascimento do
as mamães nessa fase estão mais tranquilas bebê, como, por exemplo, a presença de
para ouvir, ávidas por informação, e ainda não mamilos muito planos ou invertidos e
tem um bebê totalmente dependente dela cicatriz de cirurgia de redução de mamas.
para cuidar! Por isso, tudo o que ela puder
aprender e assimilar nesse momento é bom e • O uso de sutiã adequado ajuda
deve ser feito. na sustentação das mamas, pois
na gestação elas apresentam
Durante o acompanhamento pré-natal, quer o primeiro aumento de volume.
seja em grupo, quer seja no atendimento
individual, é importante dialogar com as • Se ao longo da gravidez a mulher não notou
mulheres, abordando os seguintes aspectos: aumento nas suas mamas, é importante
fazer um acompanhamento rigoroso
• Planos da gestante com relação à do ganho de peso da criança após o
alimentação da criança, assim como nascimento, pois é possível
experiências prévias, mitos, suas crenças, tratar-se de insuficiência de
medos, preocupações e fantasias tecido mamário (são casos
relacionados com o aleitamento materno; raros e o diagnóstico é feito
pelo médico!).
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
49
Pega assimétrica: como fazer
o bebê mamar sem dor
Muitas vezes ao amamentar não encontramos o posicionamento ao trazer a cabeça do bebê
uma posição que seja confortável ao mesmo “enfiada” no peito, de forma que o nariz que
tempo para mãe e bebê. Sentimos dor, ou encosta a mama e não o queixo!!! Isso não
o bebê não parece abrir a boca direito, ou deixará o nariz livre, como deve ser, e a boca
mesmo ficamos desconfortáveis. acaba abrindo bem menos do
que poderia…
Por isso resolvi fazer esse post. Todos os
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

dias atendo mães com orientação errada da Lembre-se que você deve trazer o bebê até o
pega. Ou a posição que está ruim. Acreditem, peito, e não levar o peito até o bebê, isso pode
a posição é super importante para uma boa deixá-la curvada, toda torta e com uma baita
pega! Muitas vezes as mães ficam com dor nas costas.
tensão muscular nas costas, tendinite, devido
a uma má posição! O nariz do bebê deve estar na direção oposta
do mamilo, mais acima
Às vezes, seguir muitas “regrinhas” não
funciona…por isso essas orientações servem Toque o mamilo entre o nariz e o lábio superior,
como um guia, mas você e seu bebê devem isso provocará o estímulo do bebê de abrir
encontram uma forma mais gostosa e bem a boca.
prazerosa para mamar.
Quando ele tiver com a boca bem aberta, a
Traga o bebê para perto de você, ao longo lingua para fora e para baixo, traga seu bebê
do seu antebraço, de forma que o seu queixo ao peito, de forma que o queixo encoste
esteja tocando a mama. A mãe deve segurar a primeiro a mama.
nuca do bebê e não a cabeça! As mães erram

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
50
na boca para deglutir.
Essa pega profunda e assimétrica faz com que Conforme o tempo de mamada avança, ocorre
se forme um vácuo entre a mama e a boca do mais períodos de descanso, e goles amplos,
bebê, tornando o movimento extremamente porém mais pausados. O bebê mama mais
eficiente. Repare que o mamilo e grande parte tranquilo e relaxado.
da aréola alcança o palato mole da boca do
bebê, e não deve provocar dor! O bebê pode soltar o peito espontaneamente,
ou ficar sugando somente, sem haver muita
1. Traga o seu bebê com o nariz na direção transferência de leite.
oposta do mamilo
Se você sente dor logo quando o bebê pega o
2. Permita que a cabeça do bebê vá peito, você pode tentar colocá-lo novamente,
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

ligeiramente para trás. O olhar do bebê e se o bebê durante a mamada pegou de


ficará na direção do seus olhos. forma errada, somente o mamilo, e começou
a doer, reposicione-o novamente.
3. Quando o mamilo roçar no lábio superior,
isso provocará a abertura ampla da boca Para retirar o bebê do peito, caso ele não solte
do bebê espontaneamente, você pode colocar seu
dedo mindinho limpo no canto da boca, entre
4. Quando o bebê abrir bem a boca, faça as gengivas, e introduza até sentir a perda do
um movimento rápido de trazê-lo até a vácuo.
mama, sempre o mamilo apontado para
o céu da boca.

5. Isso permitirá uma pega profunda e de


forma assimétrica.

6. Quando a pega está correta, o queixo


está bem encostado na mama, e o seu
nariz está livre.

7. Lábios evertidos, para fora, com boca “de


peixinho”

8. Bochechas cheias, não encovadas.

9. A aréola em cima é mais visível do que


embaixo

10. Não tem dor na mamada!

Você consegue visualizar movimentos amplos


da boca do bebê, e goles grandes e amplos,
com pausas ocasionais para o bebê deglutir.
Essas pausas são normais e esperadas
enquanto o bebê descansa, e acumula leite
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
51
Saiba qual a melhor posição na
hora de amamentar
bem sucedida, pois o bebê aprende a retirar o
leite do peito de forma eficiente.

Para uma boa pega, o bebê requer uma


abertura ampla da boca, abocanhando não
apenas o mamilo, mas também parte da
aréola. Forma-se então um lacre perfeito
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

entre a boca e a mama, e ocorre a formação


do vácuo, indispensável para que o mamilo e
a aréola se mantenham dentro da boca
do bebê.

A língua eleva suas bordas laterais e a ponta,


formando uma concha que leva o leite até a
faringe posterior e esôfago, ativando o reflexo
de deglutição. A retirada do leite é feita pela
língua, graças a um movimento rítmico da
ponta da língua para trás, que comprime
suavemente o mamilo.

Enquanto mama no peito, o bebê respira


De todos os possíveis problemas relativos pelo nariz, estabelecendo o padrão normal
à amamentação, como mamilos fissurados, de respiração nasal. O ciclo correto dos
ingurgitamento mamário, mastite, movimentos mandibulares promove o
relacionados à mãe, e relacionados ao crescimento harmônico da face do bebê.
bebê, bebês que não sugam direito, bebês
preguiçosos ou sonolentos, a grande maioria Figura 1: Essa figura mostra que o bebê deve
traz uma estreita relação com a pega e o abocanhar toda a aréola, e não somenteo bico.
posicionamento adequados! Mesmo que
você mamãe, já saiba disso de cor e salteado,
a teoria é muito diferente da prática (as
mães que o digam), e vale a pena reforçar.
Se soubermos qual é a maneira correta,
poderemos mais facilmente identificar onde
está o erro e corrigi-lo precocemente. Assim,
poderemos evitar o desmame precoce.

Apesar de a sucção do bebê ser um ato


reflexo, a pega e a posição correta do bebê são
essenciais para que haja uma amamentação
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
52
Figura 2. Pega adequada ou boa pega: Veja
que nessa figura que o bebê abre bem a boca
e pega toda a aréola e não somente o bico, o
nariz do bebê está livre, o queixo bem apoiado
e a língua, vista por dentro, está elevada,
formando o vácuo, essencial para a formação
da pressão negativa responsável pela sucção
do bebê.

formação de vácuo.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

Posição da Mãe
É imprescindível que a mãe esteja numa
O posicionamento da dupla mãe-bebê na posição confortável para amamentar, e existem
amamentação também é importantíssimo diversas posições para a amamentação. A
para que o bebê consiga retirar, de maneira mãe deve escolher aquela que será melhor
eficiente, o leite da mama e também para pra ela e para seu bebê, e também variar as
não machucar os mamilos. Uma posição posições. Veja abaixo algumas posições
inadequada da mãe e/ou do bebê na usadas.
amamentação pode levar à “má pega”,
que nada mais é do que posicionamento posicoes diferentes amamentar, pediatria
incorreto da boca do bebê em relação ao descomplicada, dra kelly oliveira, pediatra
mamilo e à aréola. A má pega dificulta o sao paulo
esvaziamento da mama, levando a uma
diminuição da produção do leite. Muitas # 4 pontos-chave que
vezes, o bebê com pega inadequada caracterizam o posicionamento e
não ganha o peso esperado apesar de pega adequados
permanecer longo tempo no peito. Isso
ocorre porque, nessa situação, ele é capaz Segundo a Organização Mundial da
de obter o leite anterior, mas tem dificuldade
Saúde, alguns pontos a respeito da pega e
de retirar o leite posterior, mais calórico. posicionamento corretos são essenciais,
e é importante tê-los em mente durante a
Além de dificultar a retirada do leite, a má amamentação.
pega machuca os mamilos. Quando o bebê
tem uma boa pega, o mamilo fica em uma Pontos-chave do posicionamento adequado:
posição dentro da boca da criança que o
protege da fricção e compressão, prevenindo, 1. Rosto do bebê de frente para a mama,
assim, lesões mamilares. com nariz na altura do mamilo;

Figura 3. Pega inadequada ou má pega: 2. Corpo do bebê próximo ao da mãe;


observe que o bebê estpa longe da mama,
não abre bem a boca e pega somente o bico. 3. Bebê com cabeça e tronco alinhados
Dessa forma a língua não se eleva e não há a (pescoço não torcido);
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
53
4. Bebê bem apoiado. Outras perguntas que as mamães
Pontos-chave da pega adequada:
devem fazer para checar uma boa
pega:
1. Mais aréola visível acima da boca do
bebê; As suas roupas e as do bebê são adequadas,
sem restringir movimentos? Recomenda-
2. Boca bem aberta; se que as mamas estejam completamente
expostas, sempre que possível, e o bebê
3. Lábio inferior virado para fora; vestido de maneira que os braços fiquem
livres.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

4. Queixo tocando a mama.


• Você está confortavelmente posicionada,
Lembre-se de que é o bebê que vai à mama e relaxada, bem apoiada, não curvada para
não a mama que vai ao bebê. Para isso você trás nem para a frente? O apoio dos pés
mamãe, pode com um rápido movimento, acima do nível do chão é aconselhável
levar o bebê ao peito quando ambos estiverem (um banquinho pode ser útil).
prontos (veja a figura abaixo).
• O corpo do bebê se encontra bem
próximo ao seu, todo voltado para você,
barriga com barriga?

• O corpo e a cabeça do bebê estão


alinhados (pescoço não torcido)?

• O braço inferior do bebê está posicionado


de maneira que não fique entre o corpo do
bebê e o seu corpo?

• O corpo do bebê está curvado sobre você,


com o bumbum firmemente apoiado?

• O pescoço do bebê está levemente


estendido?

• Você segura a mama de maneira que


a aréola fique livre? Não se recomenda
que os seus dedos sejam colocados em
forma de tesoura, pois dessa maneira
podem servir de obstáculo entre a boca
do bebê e a aréola.

• A cabeça do bebê está no mesmo nível da


mama, com o nariz na altura do mamilo?

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
54
Sinais indicativos de técnica
inadequada de amamentação:
• Você espera o bebê abrir bem a boca e
abaixar a língua antes de colocá-lo no peito? • Bochechas do bebê encovadas a cada
sucção;
• O bebê abocanha, além do mamilo, parte
da aréola (aproximadamente 2 cm além • Ruídos da língua;
do mamilo)? É importante lembrar que o
bebê retira o leite comprimindo os seios • Mama aparentando estar esticada ou
lactíferos com as gengivas e a língua. deformada durante a mamada;

• O queixo do bebê toca a mama? • Mamilos com estrias vermelhas ou áreas


E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

esbranquiçadas ou achatadas quando o


• As narinas do bebê estão livres? bebê solta a mama;

• O bebê mantém a boca bem aberta • Dor na amamentação;


colada na mama, sem apertar os lábios?
Quando a mama está muito cheia, a aréola
• Os lábios do bebê estão curvados para pode estar tensa, endurecida, dificultando a
fora, formando um lacre? Para visualizar pega. Em tais casos, recomenda-se, antes da
o lábio inferior do bebê, muitas vezes é mamada, retirar manualmente um pouco de
necessário pressionar a mama com as leite da aréola ingurgitada.
mãos.
Aqui procurei abordar como é a pega correta
• A língua do bebê encontra-se sobre a do bebê, e como conseguir fazer isso, bem
gengiva inferior? Algumas vezes a língua como sinais de que a pega está inadequada.
é visível; no entanto, na maioria das Como uma imagem vale mais do mil palavras,
vezes, é necessário abaixar suavemente o procurei ilustrar bem pelas figuras. Veja
lábio inferior para visualizar a língua. também aqui o link para o vídeo do Ministério
da Saúde sobre Amamentação. Confirmam!
• A língua do bebê está curvada para cima
nas bordas laterais? Espero que tenha esclarecido um pouco
sobre o assunto, tão cheio de mitos e
• O bebê mantém-se fixado à mama, sem meias verdades. Contem suas experiências,
escorregar ou largar o mamilo? dificuldades e compartilhem suas dúvidas!
Boa amamentação!
• As mandíbulas do bebê estão
• se movimentando?

• A deglutição é visível e/ou audível?

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
55
Uma abordagem diferente:
olhe para o bebê!
Sabemos que a maior preocupação da
mamães é: meu bebê está ganhando peso
suficiente? Hoje gostaria de propor uma
abordagem diferente. Não que o ganho
de peso não é importante, ele é. É um dos
parâmetros de avaliação do pediatra. Mas o
que destaco aqui é muitas vezes o ganho de
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

peso do bebê está normal quando pensamos


que NÃO é satisfatório ( ou o pediatra fala que
é pouco!)

Primeiro, veja se o seu pediatra segue a curva


mais atualizada da OMS de 2006, em que foi
feito um grande estudo multicêntrico entre como asma e rinite no futuro!
bebês saudáveis em diferentes continentes,
e o mais importante: bebês que foram Lembre-se:
amamentados no peito. As curvas anteriores
(NCHS, CDC) foram baseadas em bebês • 10% (ou qualquer) perda de peso não
amamentados com fórmulas, o que não é igual a suplementação. Além de
reflete a realidade. Percebeu-se que o grande ocorrerem variações entre balanças
erro dessa curva antiga era que esses bebês de marcas diferentes, e diferenças
tinham maior peso para idade e IMC, porém de balanças entre consultórios, olhe
com maior risco de obesidade no futuro! primeiro para o binômio mamãe e
bebê! Avalie a amamentação! O bebê
Bebês seguem a sua própria curva de suga e engole? O bebê somente suga
crescimento! Curvas nada mais são que um e não engole nada, pois não retira leite
parâmetro para se ter uma idéia da população nenhum? O bebê suga e chora, suga e
em geral, mas não é uma regra. Existem fica agitado, suga e dorme? (Isso significa
bebês no percentil 3, e isso significa que 3% que há necessidade de ajuda, não
da população mundial segue esse parametro! necessariamente de suplementação! Isso
(O que não é pouco…nem anormal ou baixo significa que pode haver necessidade de
peso…) suplementação, não necessariamente por
mamadeira!!!).
Hoje sabemos que bebês amamentados
no peito são, via de regra, mais magros que • Não olhe para o relógio. Qualquer tempo
bebês amamentados com fórmula, e isso é relacionado às mamadas não significa
completamente normal! Sabemos também nada, quando o mais importante é avaliar
que o aleitamento materno é um fator de a qualidade dessas mamadas!
proteção contra doenças como obesidade,
diabetes, hipertensão, dislipidemia e alergias • Não limite o horário das mamadas.
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
56
Essa história de que “o bebê tem que se mamada.O que acontece quando o peito
alimentar a cada 3 horas” (ou qualquer está mais cheio é que a proporção de
outro intervalo de horas) não significa gordura é menor, do que quando não
nada! está tão cheio (a gordura tem maior
participação no leite nesses casos. Isso
• Só porque o bebê está sugando o peito, significa que mesmo em mamães em que
não significa que está conseguindo retirar a produção de leite não é tão grande os
leite efetivamente! bebês vão receber o leite rico em gordura
também, necessária ao ganho de peso!
• Colocar o bebê para mamar em um lado
e só quando terminar o lado e esvaziar 1. Na maternidade, a maioria das
o peito colocar no outro não faz sentido, mulheres recebe grande quantidade de
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

nem colocar para mamar de um lado líquidos intravenosos (devido ao jejum


só. Se o bebê não está efetivamente prolongado), e dessa forma, uma parte
mamando no peito, o bebê não está desses líquidos são transferidos para o
recebendo o tão falado leite posterior. bebê, que nasce edemaciado. Quando
Ofereça sempre os dois, e pode trocar a criança nasce, começa e eliminar
mais de uma vez durante a mamada, caso esses líquidos e retorna ao seu estado
o bebê comece a chorar e ficar agitado de hidratação normal. Assim, a perda de
durante a amamentação. Se ele não peso do bebê não é relativa ao seu “peso
quiser mamar o outro lado, não insista, real”, mas superestimada muitas vezes.
mas faça esse exercício. É preciso avaliar caso a caso. É preciso
individualizar e não generalizar.
• Oferecer o último lado em que foi
amamentado para pegar o leite posterior 2. Cuidados com as diferenças de balança!
também não é matemático. A gordura Duas balanças diferentes podem ter uma
aumenta proporcionalmente durante a variação de peso da criança, sem ser
real! A maioria dos bebês são pesados
ao nascimento na sala de parto, e depois
na balança da maternidade. Muitas
vezes marcas podem levar a alteração
de peso significativa. Isso também
acontece nos consultórios.

3. Existe a possibilidade do bebê não


estar realmente conseguindo tirar muito
leite do peito, ou mesmo quase nada.
Isso relaciona-se com milhares de
fatores, mas principalmente a uma pega
inadequada. Quanto antes intervirmos,
melhor será. O pediatra precisa avaliar
nos primeiros dias de vida se mamãe e
bebê precisarão de ajuda, e não iniciar
o complemento e dizer à mãe que ela
não é capaz. Existem muitos lugares
que oferecem ajuda à amamentação,
MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,
NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
57
inclusive sem custo. Mamães, procurem
ajuda nos Bancos de Leite Humano
da sua cidade ou em um Hospital com
Iniciativa Amiga da Criança.

O que o bebê precisa não é de suplemento


logo de início, como se fosse algo automático,
mas antes de tudo, o bebê e a mãe precisam
de ajuda para amamentar e conseguir uma
boa pega. Para isso, é necessário muito apoio
à amamentação seja por parte da família, do
marido, da própria equipe do Hospital e do
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

pediatra, que é fundamental nesse momento.


As mães que saem amamentando do hospital
com mais confiança têm uma maior chance
de manter o aleitamento materno exclusivo
por 6 meses.

O complemento só deve ser introduzido


após uma avaliação de um especialista em
amamentação, com apoio e acompanhamento
do pediatra (que apoie a amamentação,
por favor!)

Mamães, não desistam!


Procurem ajuda e apoio.

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
58
Considerações Finais

O aleitamento materno ainda tem muitos que são esperados e devem ser esclarecidos
aspectos que precisam ser esclarecidos à mãe, para que ela possa estar preparada
e explorados, e para isso é fundamental o e tranquila quando ocorrer. O máximo do
acompanhamento com o pediatra desde o potencial do bebê deve ser explorado
pré natal, no nascimento e nos primeiros e estimulado!
dias e semanas de vida do bebê, até que o
aleitamento esteja bem estabelecido. Para Estes são alguns aspectos interessantes de
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

que isso ocorra, é preciso que haja uma amamentação para você, mamãe, entender
relação de confiança entre o pediatra e a mãe
melhor, e ficar tranquila para amamentar seu
e a família. bebê. É importante também que as vovós e
papais leiam também. O suporte da família
O apoio da família, principalmente dos avós é fundamental.
e do pai da criança é fundamental, tanto no
sentido de auxiliar nos cuidados do bebê Para mais informações acesse meu blog:
quanto em relação ao suporte emocional Pediatriadescomplicada.com.br
para essa mãe. Instagram:@ pediatriadescomplicada
Facebook: pediatriadescomplicada
Existem aspectos no comportamento do bebê

MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,


NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO
Direitos Reservados a Espaço Médico
Descomplicado, 2017 Distribuição Digital
Gratuita.

Imagens retiradas de banco de imagens:


Freepick, ShutterStock, PicJumbo.

Editorado por Caramujos Voadores

"AS INFORMAÇÕES E SUGESTÕES CONTIDAS NESTE E-BOOK SÃO MERAMENTE


INFORMATIVAS E NÃO DEVEM SUBSTITUIR CONSULTAS COM MÉDICOS
ESPECIALISTAS." É EXPRESSAMENTE PROIBIDA A CÓPIA E A REPRODUÇÃO DE
QUALQUER TEXTO OU FOTO UTILIZADO, MESMO QUE CITANDO A FONTE. SE VOCÊ
DESEJAR PUBLICAR PARTE DE ALGUM CONTEÚDO EM QUALQUER VEÍCULO QUE
SEJA, POR FAVOR, ENTRE EM CONTATO CONOSCO E SOLICITE UMA AUTORIZAÇÃO
POR ESCRITO. TODO O CONTEÚDO DESTE SITE É PROTEGIDO PELAS LEIS DE DIREITOS
AUTORAIS. A VIOLAÇÃO DESTES DIREITOS CONSTITUI CRIME E É PASSÍVEL DE
AÇÕES JUDICIAIS.
E-BOOK AMAMENTAÇÃO DE A a Z | PEDIATRIA DESCOMPLICADA. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. 60

NÃO PODE SER REPRODUZIDO NEM VENDIDO


MATERIAL É DISTRIBUIDO GRATUITAMENTE,