Вы находитесь на странице: 1из 14

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE-UERN

CENTRO DE EDUCAÇÃO
DEPARTAMENTO DE PRÁTICAS EDUCACIONAIS E CURRÍCULO
ATIVIDADE ESPECIAL COLETIVA ESTÁGIO SUPERVISIONADO DE FORMAÇÃO DE
PROFESSORES II

O OLHAR DE OBSERVAÇÃO SOBRE A ESCOLA E SUAS


RELAÇÕES: QUAL O SENTIDO DO ESTÁGIO PARA O
ESTAGIÁRIO?

DÉBORA MARIA DO NASCIMENTO


Para começo de conversa...

Algumas questões para refletir....

 O que observar na escola?


 De que maneira a observação na escola favorece a
produção do conhecimento e a formação profissional
docente?
 O que investigar na escola?
 Para que, como e por que, pesquisar na escola?
 Como desenvolver o olhar de observação no espaço
escolar?
 Como desenvolver atividades de observação durante o
estágio?
Para continuar a conversa...

 Olhar de observação, direcionado por uma


intencionalidade pedagógica
 Olhar demorado sobre os fatos, nexos e relações que
se estabelecem no movimento das pessoas. Um olhar
reflexivo sobre a escola como organismo vivo com
identidade própria, construída pela comunidade que a
compõe
 Papel do estagiário no espaço escolar: estabelecer um
diálogo pedagógico com os que compõem a escola:
professores, alunos, funcionários, gestores...
O olhar de observação do estagiário
sobre a escola

 Característica da observação: contato pessoal entre


estagiário e escola para que o aluno conheça de perto a
realidade para em seguida propor intervenções
 Objetivos da observação: coleta e organização do
registro de dados
 Instrumentos de coleta de dados: diário de campo
para registra a compreensão da experiência vivenciada
O olhar de observação do estagiário
sobre a escola
 Intencionalidade investigadora do estagiário na
escola: um olhar aguçado para os elementos que a
aprendizagem da profissão docente; experiência
formadora
 Como desenvolver o olhar de observação no espaço
escolar?
 Para que desenvolver atividades de observação
durante o estágio?
 Como se sente o estagiário na passagem pela escola
no período de estágio?
Para compreender a escola e seus
objetivos
 As atividades de estágio na escola precisam levar em
consideração:
 os objetivos da instituição
 Seus documentos curriculares;
 Planos e projetos;
 Sua estrutura e funcionamento;
 A relação estabelecida entre as pessoas/ a escola em
movimento
Para compreender e encontrar espaços
e diálogos

 O que fazer para descobrir as possibilidades de


uma ação dialógica?
 Compreender os delineamentos de formação que
acontecem na escola;
 Estar aberto ao diálogo para construir uma teia de
relação entre a escola recebedora e os estagiários
Para refletir sobre a prática docente
Um olhar além da percepção da sala de aula de forma isolada

Escola

Sociedade em Sala de Contexto


que se insere a escolar
escola aula

Processo
educacional
 Assim, acreditamos que a prática docente é parte
do fenômeno educativo, envolve uma percepção
atenta dos processos de ensinar e aprender,
incluindo uma autoavaliação do estagiário sobre o
sentido e o significado do estágio em sua formação.
Observar o que existe entre o escrito e o
vivido
 Observar os diferentes momentos da escola em
movimento:
 Entra dos alunos e o portão da escola;
 O movimento dos alunos nos diferentes espaços da
escola: o portão, o pátio, os corredores, os
banheiros, a cantina, a quadra esportiva, os
laboratórios, a secretaria, a sala dos professores,
os murais e mensagens espalhadas pela escola.
Observar com o olhar crítico-reflexivo

 O olhar crítico-reflexivo durante a


observação/investigação abre espaço para o
questionamento de conceitos e a problematização
do fenômeno observado
 O estágio pode ser considerado uma janela para
uma reflexão crítica, comprometida com as
transformações sociais
Considerações finais

 A observação realizada no cotidiano escolar da instituição


indica pistas para o desenvolvimento das atividades a serem
desenvolvidas no Estágio Supervisionado
 O conhecimento da escola, sua estrutura e funcionamento
permitem-nos compreender melhor a vida da instituição em
suas possibilidades e limites, contexto e movimento
 O período de observação na escola permite-nos compreender
a realidade institucional
 A passagem do estagiário pela escola-campo é um espaço de
autoformação e pode acrescentar elementos identitários no
tocante à investigação dos fenômenos subjetivos que
compõem o ser e o estar na profissão docente.
Referência
 LIMA, Maria do Socorro Lucena. O olhar de
observação sobre a escola e suas relações: qual o
sentido do estágio para o estagiário? In:______.
Estágio e aprendizagem da profissão docente.
Brasília: líber Livro, 2012.