Вы находитесь на странице: 1из 58

Por Trás dos Bastidores

Por Trás dos Bastidores

Dedicatória

Meu apreço e minha alegria ao Senhor Deus todo


poderoso que me inspirou e trouxe a luz do seu conhecimento
em minha mente a Ele seja toda glória, toda honra. E aos meus
queridos irmãos em Cristo Jesus espalhados por toda a terra.

Clayton Lima
Por Trás dos Bastidores

Agradecimentos

Os meus sinceros agradecimentos à Pra. Joseide, pelo o


total apoio na revisão dos textos, esta que tem sido uma grande
conselheira, onde a sabedoria e a prudência encontrou um lugar
especial em sua vida. Ao seu Esposo Pr. Nairo Carvalho, Pr.
Presidente da Igreja Evangélica Nova Vida, da qual sou membro,
um homem de Deus, que não mede esforços para ganhar vidas
para Jesus e que muito influenciou na minha vida cristã. Ao Prof.
Milton Oliveira ( Presidente do Sindicato dos Escritores de Alagoas
) que me deu total apoio na publicação deste livro e que acreditou
no meu trabalho. Ao Pr. Osmar Wilson pela espontaneidade de
ceder gentilmente seu computador para que o conteúdo do livro
fosse digitado e por fazer o seu prefácio. A Irmã Denise Lisboa que
me incentivou a realizar este projeto da minha vida, esta que se
dedica tanto à obra de Deus. A irmão Evaldo Miranda e sua
esposa Márcia Verene que participou do capítulo VIII deste livro,
por acreditar na realização deste trabalho e por orar para que este
sonha se concretizasse. Ao Pr. Paulo César, um homem de fé que
também me encorajou para que este livro fosse escrito. Ao meu
amado e querido irmão Fábio Menezes um fiel servo de Deus que
sempre esteve ao meu lado me dando forças e me ajudando a
continuar esta jornada e a sua Esposa Luiza Éricka, que muitas
vezes me apoiou e me incentivou. Ao irmão Sidrack Júnior que fez
a arte da capa do Livro. À todos os irmãos que de uma forma direta
ou indireta contribuíram para a conclusão deste trabalho, e por fim
gostaria de expressar a minha mais profunda gratidão aquele que
meu deu a vida, me deu inspiração, que tanto me ama, ao meu
querido Deus. Te amo Senhor.
Por Trás dos Bastidores

Prefácio

Este livro destina-se a ser um moderno, simples e fácil


ensinamento da nossa realidade literária, compulsado por leitores
moços ou velhos que desejarem estudar a sua participação por trás
dos bastidores.
Como professor e pastor já há 20 anos tendo lido está
obra senti-me privilegiado por também servir ao senhor por trás dos
bastidores. Este volume portanto, é o resultado de instruções
práticas não sendo pois, simplesmente uma encenação de palco.
Todo o material apresentado na forma artística moderna
tem seu objetivo de levar o caro amigo leitor a mais fácil e simples
literatura, produzindo pois o conhecimento da nossa participação no
reino de Deus por trás dos bastidores.
Todos quantos quiserem usar as lições do respectivo livro
devem compreender que o autor de uma forma despretensiosa,
quer mostrar ao público leitor qual a importância dos desígnios de
Deus ao homem chamado segundo o seu propósito para servi-lo.
Sendo assim muito me honra em prefaciar este livro, rogando ao
Deus da seara as mais ricas bênçãos sobre a vida do autor e
também de todo aquele que carinhosamente venha a ler este
exemplar.
Agradeço a Deus por participar na formação, espiritual,
intelectual, acadêmica e literária do autor, sendo ele uma ovelha do
meu rebanho. Com muito prazer recomendo aos leitores fazendo
minhas as palavras de Salomão.

“Ensina o teu filho no caminho em que deve andar, e ainda


quando for velho não se desviará dele”. ( Provérbios 22 : 6 )

Grande Abraço, sucesso.

Rev. Osmar Wilson de Oliveira


Por Trás dos Bastidores

Apresentação

O Conteúdo deste livro levará você a uma reflexão profunda da vida


cristã, pois ao contrário do que muitos imaginam Deus se importa
com o homem que ele criou a sua imagem e semelhança.
O título Por Trás dos Bastidores mostra justamente
alguns aspectos desta vida maravilhosa que Deus reservou para
aqueles que verdadeiramente o amam. É importante mencionar
que, a mensagem que será passada em cada capítulo traz dentro
de si reflexões que, de uma forma ilustrativa, acenderá a chama de
poder servir a Deus com amor e dedicação, pois para Ele és muito
importante e ninguém pagou um preço tão alto pela tua vida se não
Jesus Cristo o único que é digno de todo louvor e toda adoração,
portanto desejo imensamente que tua vida seja diferente e que a
glória de Deus esteja sempre presente em todo teu ser.

Clayton Lima
Por Trás dos Bastidores

SUMÁRIO

Prefácio ...........................................................................
Apresentação..........................................................................
Capítulo I - A escolha dos personagens .........................
Capítulo II - Os figurantes ...............................................
Capítulo III - O personagem principal .............................
Capítulo IV - O Escript errado ........................................
Capítulo V - Dá para mudar o escript ? ..........................
Capítulo VI - Os cenários da vida ...................................
Capítulo VII - Patrocinado por quem ? ...........................
Capítulo VIII - O refletor do Palco ...................................
Capítulo IX - Quando se abrem as cortinas ...................
Capítulo X - A expectativa da platéia .............................
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO I

A ESCOLHA DOS
PERSONAGENS
Por Trás dos Bastidores

Desde o princípio Deus tem escolhido os personagens


para a história da humanidade, começando com Adão e Eva até os
dias de hoje.
Ao longo da história alguns personagens chamaram
atenção por serem de grande valor nas mãos de Deus, deixando
assim, o testemunho e o bom exemplo para nós os que lemos suas
histórias.
Deus tem um propósito notavelmente de amor para com
aqueles que fazem parte da história, independente do seu
envolvimento, se de período curto ou longo, de pequenos ou
grandes feitos como Protagonista ou apenas Figurante, não
importa o grau da sua participação, o que importa na realidade é
fazer parte da história e contribuir para o seu desenvolvimento.
O Deus criador tem sempre uma história para nossas
vidas e um dos seus objetivos é nos ensinar a conhecê-lo de uma
forma mais íntima e profunda tornando-nos participantes de sua
graça, bondade e acima de tudo do seu amor eterno. É por isso que
a bíblia afirma que fomos chamados com uma “Santa Vocação”. (
II Timóteo 1 : 9a )
Ser personagem da história de Deus é extremamente
importante, é sentir que podemos ser útil, é poder estar lado a lado
com Ele, é ser seu cooperador, enfim temos todos os motivos do
mundo para sermos integrantes participativos da mesma.
Neste momento a história está diante nós, somos parte
dela e não podemos nos excluir da mesma, ela está inerente as
nossas vidas, somos personagens indispensáveis, pois o que seria
da história sem os personagens, e os personagens sem a história,
então salienta-se que os dois estão atrelados um ao outro, pois não
vivem separados, do contrário não existiriam.
Deus precisa de nós para realizá-la, Ele nos criou e nos
colocou dentro dela, entretanto somos preparados, moldados para
desempenharmos bem o nosso papel, visto que temos imperfeições
e cada momento Deus está nos transformando, mas tudo isso só
Por Trás dos Bastidores

será percebido quando realmente dermos valor a Deus e assim


despertar-mos para a responsabilidade que está a nossa frente.

"Pois Somos Cooperadores de Deus..." ( I Corintios 3 : 9a )

A. O Propósito

Para cada história Deus tem um propósito firme e


concreto, em se tratando disso a seriedade é maior, pois Deus não
faz nada por um acaso, mais sempre tem objetivos bem definidos.

"Deus é muito poderoso, mas a ninguém despreza; Ele é


poderoso e firme em seu propósito". ( Jó 36 : 5 )

Sempre que estivermos envolvidos em alguma história que


Deus traçou para nossas vidas, podemos ter certeza que o seu
propósito está em andamento em nossas vidas.
É importante saber que a história é fundamentada com
propósitos e os mesmos são parte de nossas vidas, apesar de Deus
ter um para cada personagem a história parece muitas vezes se
repetir na vida das pessoas. Mas acredite uma história com
ausência de propósito não procede da parte de Deus, porque Ele
não cria nada sem uma finalidade, o melhor exemplo é você, Deus
não te criou por criar, Ele quando te criou já tinha um propósito para
tua vida.
Ao sermos escolhidos faremos parte deste objetivo,
portanto, sigamos com confiança esta jornada sublime para qual
fomos escolhidos, sejamos então um personagem fiel, e com
certeza teremos uma vida melhor diante de Deus.

"A história sem um objetivo é semelhante a um caminho sem


rumo, ou seja, não leva a lugar algum". ( Clayton Lima )
Por Trás dos Bastidores

1. A Transformação

Como personagem na história de Deus enfrentaremos


diversos tipos de circunstâncias, seremos lapidados, nosso caráter
sofrerá transformações, e cada vez que a história mudar,
observaremos que algo mudou em nossas vidas.
Note que muitas vezes nos deparamos com circunstâncias
adversas, mas se analisar-mos profundamente o objetivo delas,
veremos que servem de experiência e crescimento espiritual e só
perceberemos isso quando realmente passarmos por elas.
A transformação de nossas vidas é parte do nosso
amadurecimento, é sendo transformado que saberemos o motivo
pelo qual Deus nos escolhe para a sua história. Partindo deste
princípio é necessário entender a excelência desta escolha, todos
nós temos objetivos e consequentemente Deus também tem e não
nos escolhe sem um objetivo concreto, e a transformação de
nossas vidas é um deles.
Meditemos no texto abaixo :

"Todo aquele que está em Cristo nova criatura é, as coisas


velhas passaram; eis que tudo se fez novo". ( II Coríntios 5 :
17 )

Quando o texto se refere a nova criatura ele fala de


transformação (mudanças), é justamente o que acontece quando
somos personagens da história de Deus, e o texto vai mais adiante
afirmando que as coisas velhas passaram tudo se fez novo,
então podemos deduzir que realmente existe mudanças e as coisas
que nos acompanhavam antes vão ficando para trás, dando assim
lugar as coisas novas criadas por Deus, que com certeza são
melhores.
Um dos principais objetivos de Deus é ver nossas vidas
diferentes, vidas cheias de alegria, gozo, paz e esperança.

“E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos


pela renovação do vosso entendimento, para que
Por Trás dos Bastidores

experimentais qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de


Deus”. ( Romanos 12 : 2 )

Ter a vida transformada é levar uma vida diferente, ou


seja, uma vida que não acompanha os padrões estabelecidos pelo
mundo.
Precisamos retornar ao estado original antes da queda do
homem no jardim do Éden, uma vida voltada para Deus, em plena
comunhão com Ele. Isto é uma realidade e não uma ficção, ao
contrário do que pensam muitos.
A transformação de nossas vidas se dará de uma forma
gradativa, tudo é dosado, Deus tem a medida certa de tudo, a
nossa função é permitir que Ele trabalhe em todo o nosso ser e só
assim experimentaremos uma forma de viver melhor, pois em Deus
está toda fonte de nossas expectativas.

“ Pois em ti está o manancial da vida; na tua luz veremos a


luz”. ( Salmos 36 : 9 )

Cada afirmação que você está lendo tem acontecido na


vida de milhares de pessoas espalhadas por todo o mundo de
diversos povos, tribos línguas e nações. As mudanças aparecem de
forma natural a medida que se toma conhecimento das verdades de
Deus que estão escritas na Bíblia.
Isto é prova que essas transformações pode acontecer
também na sua vida, se você realmente desejar isso em seu
coração o caminho correto é estar na presença de Deus e permitir
que Ele lhe renove o seu Espirito, sua Alma e seu Corpo.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO Ii

OS FIGURANTES
Por Trás dos Bastidores

Ao observar-mos a história notamos aqueles que


desempenham um papel quase não muito prestigiado, mas
significativo para o bom andamento dela. Estamos falando dos
figurantes. Há quem diga que os mesmos não são muito
necessário, contudo do ponto de vista de Deus todos os que fazem
parte da sua história são importantes, mesmos que sua participação
seja mínima, pois o nosso Deus é detalhista e todos tem valor para
Ele, mesmo quando não são merecedores de muita atenção, como
alguns acham.
Alguns exemplos serão citados neste capítulo e você
poderá ver a importância que alguns ( figurantes ) tiveram em
algumas histórias.

IMPONDO AS MÃOS
Quem não já leu a história da conversão do apóstolo
Paulo, pois bem existiu um homem por nome Ananias, este a bíblia
apenas relata que ele era um discípulo e não dá mais detalhes
sobre sua vida ou seja era um figurante, mas que teve um papel
fundamental na conversão de Paulo, pois através da Imposição de
suas mãos o apóstolo que antes era conhecido como Saulo o
perseguidor, ficou cheio do Espirito Santo e foi batizado, iniciando
assim um ministério que resultou na salvação dos gentios.

ATUANDO NA MULTIPLICAÇÃO
No livro de João existe um episódio que chama muita a
tenção que é a multiplicação dos pães. Vejamos sua panorâmica :
Estava Jesus e seus discípulos e uma grande multidão, a
bíblia menciona cinco mil homens, sem contar mulheres e crianças,
o lugar era deserto, logo não tinha onde conseguir comida, mas eis
que surge um rapaz que tinha cinco pães pequenos e dois
peixinhos. Os discípulos de Jesus levou o rapaz até ele onde o
mestre recebendo aquela oferta multiplicou os pães e alimentou
todo aquele povo que estava com fome e fatigado por causa do
deserto. Que papel importante teve aquele jovem, apareceu apenas
Por Trás dos Bastidores

como um figurante, contudo foi o suficiente para ficar registrado na


história.

UNGINDO JESUS
Não poderia de forma alguma deixar de ser relatado um
acontecimento que colocou uma mulher na lembrança eterna de
todos aqueles que lêem os evangelhos. No livro de Marcos está
registrado este relato.
Jesus estava na casa de Simão o leproso e uma mulher se
aproximou dele e com perfume de nardo puro, derramou o bálsamo
sobre sua cabeça, Simão e os discípulos de Jesus não entenderam
aquele gesto, pois ela estava ungindo antecipadamente o seu
corpo, visto que se aproximava o dia de sua morte na cruz, mas
fizeram críticas a ela alegando que se o bálsamo fosse vendido e o
dinheiro da venda doado aos pobres teria maior proveito, entretanto
o gesto de amor daquela mulher fez com que até hoje os dias de
hoje ela fosse lembrada, pois Jesus prometeu :

“Em verdade vos digo que em todo mundo onde este


evangelho for pregado, o que ela fez também será contado para
sua memória”.
( Marcos 14 : 9 )

Portanto não importa que você desempenhe um papel de


figurante em alguma história, ou acontecimento, mas o que
realmente conta é o amor e a dedicação que você irá dar de si para
a sua realização.

A CRUZ DA SALVAÇÃO
Destaco neste tópico Simão o Cireneu, um homem
aparentemente desprovido de qualquer observação mais profunda,
mas um fato lhe mudou a vida, no evangelho de Lucas narra a
história desse personagem, para relembrar foi Simão quem
carregou a cruz de Jesus, num momento em que o mestre em sua
humanidade se sentia bastante cansado.
Este fato marcou sua vida e de sua família, pois está
escrito em Romanos 16:13 que sua família posteriormente aceitou a
Jesus devido a este acontecimento, que aos olhos de muitos não
tinha muito significado, mas que realmente trouxe transformações.
Por Trás dos Bastidores

São momentos pequenos como este que trazem grandes


modificações mesmo sendo um figurante.

CONCLUINDO

Tenho certeza que muito outros exemplos poderiam ser


citados, e que serviriam como base ilustrativa para as afirmações
que foram feitas no início deste capítulo, mas o objetivo maior é que
você tome conhecimento de que seja qual for o teu trabalho em prol
do reino de Deus, ele será muito importante e terá um grande efeito
na sua vida e na de muitos que de uma forma direta ou indireta
participarem dele.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO Iii

O PERSONAGEN PRINCIPAL
Por Trás dos Bastidores

Ser o principal personagem em uma história não é fácil,


pois normalmente é o mais visado, todos os olhares estão postos
nele, seus movimentos são observados, seus atos medidos e suas
palavras pesadas na balança.
Ao ser escolhido existirá uma pressão muito grande, uma
cobrança excessiva em torno do mesmo, em consequência disso
muitos rejeitam ao chamado de Deus por sentirem incapacitados de
desempenharem o seu papel. A bíblia esta repleta de histórias onde
homens e mulheres foram chamados e tentaram fugir por acharem
que não podiam executar os planos de Deus, podemos citar os
exemplos de :
Saul – ( I Samuel 9:21 ); Davi – ( II Samuel 7:18 ); Gideão (
Juízes 6:15 ) e vários outros, assim numa história o personagem
principal tem uma responsabilidade maior, lhe é cobrado mais, se
torna alvo de críticas, mas também o seu trabalho é de tal
importância que pode até mudar a história de um povo, nação, raça,
país, estado, cidade, bairro etc.
Na realidade o que importa é o amor por aquilo que ele
está fazendo, e o nosso maior exemplo disso é Jesus que se
despojou da sua glória para servir aos homens e se ofereceu
naquela cruz para morrer por mim e por você. Hoje Ele é o principal
da história do povo que conhece a Deus, aquele que cumpriu o seu
papel por completo. (João 19:30), o que não se importou com a dor
e o sofrimento que iria passar (Mateus 17:22-23), não desistiu da
sua responsabilidade, mas obedeceu ao que Deus traçara para sua
vida (Mateus 26:39), portanto ele Jesus é o nosso maior exemplo, é
como diz o texto abaixo :
“Para isto fostes chamados, porque também Cristo
padeceu por vós, deixando-vos o exemplo, para que sigas as suas
pisadas”.
“Ele não cometeu pecado, nem na sua boca se achou
engano”.
“Quando injuriado, não injuriava, e quando padecia não
ameaçava. Antes, entregava-se àquele que julga justamente”. ( I
Pedro 2:21-23 )
Por Trás dos Bastidores

Seguir os passos de Jesus, este é o maior desafio de


nossas vidas. Imagino que haja indagações à respeito de como
devemos nos comportar diante de uma responsabilidade, onde
iremos atuar firmemente em cima dos propósitos de Deus.
Devemos fazer algumas considerações sobre o assunto, em que eu
destaco as seguintes :

A. Boa aceitação ao chamado de Deus.


B. Humildade em reconhecer que Deus é soberano na sua escolha.
C. Confiar plenamente em Deus.
D. Obedecer a palavra de Deus.

Diante da observação destes conselhos básicos, o nosso


desempenho será mais proveitoso, e com certeza nossas
expectativas serão melhores e não nos preocuparemos com fato de
pesar sobre nossas vidas o encargo de conduzir um trabalho, onde
haverá alegrias e tristezas, altos e baixos, mas, apesar de tudo isso
o nosso Deus estará do nosso lado, esta é a ancora de nossa fé, e
a certeza de nossas realizações e os pilares de nossos anseios.

“Eis que venho sem demora, e comigo está o galardão


que tenho para retribuir a cada um segundo as suas obras” (
Apocalipse 22:12 )
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO Iv

O ESCRIPT ERRADO
Por Trás dos Bastidores

“Ele nos vivificou, estando vós mortos nos vossos delitos e


pecados”
“Nos quais andastes outrora, segundo o curso deste
mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espirito que
agora opera nos filhos da desobediência”
“Entre eles todos nós também andávamos nos desejos da
carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos. E éramos
por natureza filhos da ira, como também os demais”. ( Efésios 2:1-
3)
Observando o texto acima vemos que tipo de escript era o
nosso antes de conhecermos a salvação de Deus, era o Escript
Errado, no qual o homem já nasce com ele, e muitas vezes sem
saber morre com o mesmo.

A. SEGUNDO O CURSO DESTE MUNDO

Note que no texto diz que andávamos segundo o curso


deste mundo ( Grifo meu ) imagine que tipo de escript você
encontraria, não é necessário pensar muito, só o fato de olhar ao
nosso redor vemos como o mundo anda.
Segundo o evangelho de João 5: 9 o mundo anda em
trevas, ele jaz no maligno, portanto explica-se o motivo pelo qual
muitos andam por aí com o escript errado, e que não foi escrito por
Deus, isso se deve por não conhecerem outro e terminam
cumprindo apenas o que está em suas mãos.

B. FILHOS DA DESOBEDIÊNCIA

Também no mesmo texto está o papel ou um dos papéis


que tão facilmente se encontra no mundo, filhos da desobediência
será esse o papel que Deus escolheu para você ? É evidente que
não, pois o que Deus tem para nossas vidas é tão precioso e está
acima de qualquer outro tipo de vida que se possa encontrar em um
mundo desprovido de amor, compreensão, solidariedade etc.

C. INIMIGOS DA CRUZ DE CRISTO

Um outro papel que se encontra no mundo é o de


Inimigos da Cruz de Cristo, é o que mostra o texto abaixo.
Por Trás dos Bastidores

“Pois muitos há, dos quais muitas vezes vos disse, e agora
novamente digo, chorando, que são Inimigos da Cruz de Cristo” (
Filipenses 3:18 )
Será que você já imaginou a existência deste tipo de papel
pois acredite ele existe, e muitos são os que desempenham nos
dias de hoje esta função, contudo se você ler o versículo seguinte
do texto mencionado irá encontrar o fim da história destes que
detém tal escript, confira neste texto :

“O seu fim é a perdição, o seu Deus é o ventre, e a sua


glória e a vergonha. Só pensam nas coisas terrenas”. (
Filipenses 3:19 )

D. INIMIGOS DE DEUS

Talvez você pode estar perguntando, existe este papel


“Inimigo de Deus” ? Sim existe e não estamos falando do diabo,
mas de pessoas que se constitui inimigas de Deus, pois tem um
escript chamado “Amigos do Mundo”, veja a confirmação desta
verdade no texto a seguir :

“...Portanto qualquer que quiser ser amigo do mundo


constitui-se inimigo de Deus”. ( Tiago 4:4b )

Para espanto de muitos, existem pessoas nestas


condições e que precisam conhecer uma forma de vida melhor para
poder livrar-se das conseqüências terríveis que pesam sobre elas.
A melhor forma de se ter uma vida diferente, é aproximando-se de
Deus e de sua palavra ( A Bíblia ) o que se pode chamar de “O
manual do fabricante”.

E. O ESCRIPT ERRADO É O DO DIABO

Todos os exemplos de escripts errados que foram


mencionados só têm um autor, a saber, o diabo, pois sua meta é a
mesma matar, roubar e destruir ( João 10:10 ) só altera, as
circunstâncias, os personagens, os tempos, mas o enredo é o
mesmo, portanto cuidemos para não pegar o errado e sim o de
Deus, “Pois somos feituras suas, criados em Jesus Cristo para
Por Trás dos Bastidores

as boas obras, as quais Deus preparou ( Escreveu ) para que


andássemos nelas”.
( Efésios 2:10 )
Tudo o que Deus escreve para nossas vidas é o melhor,
pois nestes escritos estão os seus planos de paz, isto é uma
realidade e não uma história em quadrinhos ou um conto de fadas,
portanto sigamos com confiança o que nos está proposto, pois
como está escrito :

“Pois eu sei os planos que tenho para vós, diz o


Senhor, planos de paz, e não de mal, para vos dar uma
esperança e um futuro”.
( Jeremias 29:11 )

Quais são os planos para sua vida ? Será que você está
com o escript Correto ou está com o errado ? Medite, pois Por Trás
dos Bastidores muitos estão com os errados.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO V

DÁ PARA MUDAR
O ESCRIPT ?
Por Trás dos Bastidores

Dá para mudar o escript ? Esta é uma pergunta, que


muitos fazem à Deus ao tomarem conhecimento do papel que será
desempenhado em alguma história traçada por ele.
Muitas vezes pensamos conosco mesmo “Eu acho que
Deus errou ao escrever esta história para mim”.
O homem sempre quis determinar o que é melhor para ele
mesmo, é o que está escrito nos textos abaixo de provérbios :

“Muitos são os planos do coração do homem, mas é o


propósito do Senhor que permanecerá”. ( Provérbios 19:21 )

“Há um caminho que parece direito ao homem, mas o


seu fim conduz à morte” ( Provérbios 16:25 )

Diante dessas afirmações por qual motivo algumas


pessoas pedem a Deus para mudarem o curso de suas vidas,
certamente Deus tem o melhor para nos dar e Ele não
acrescentaria uma linha se quer em nossa história se não houvesse
necessidade, portanto tudo o que Deus determina está dentro do
seu propósito eterno.
Os caminhos descritos nos textos acima significam que o
homem tem uma predisposição para tentar traçar os rumos de sua
vida e não obstante, suas determinações tentam superar as de
Deus, que no caso são superiores e mais proveitosas, daí então o
texto de provérbios faz este alerta que se encaixa perfeitamente em
uma atitude de exortação e não de vontade pessoal do homem.

“Toda a escritura é divinamente inspirada e útil para o


ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na
justiça”
( II Timóteo 3:16 )
Vejamos alguns personagens da bíblia que fizeram está
pergunta para Deus :

A. MOISÉS - O ESCRIPT NO MEIO DO FOGO

No livro de Êxodo, Deus chama Moisés para um papel


importante na história, que era libertar os israelitas que estavam
como escravos no Egito. Imaginemos então aquela cena, Moisés
olha para sarça que ardia e não se consumia e foi se aproximando
para ver de perto, quando de súbito uma voz bradou do meio da
sarça : Moisés ! Moisés ! Moisés ! Ele prontamente respondeu : Eis-
me aqui.!
Por Trás dos Bastidores

Deus se apresenta para ele e diante do mesmo lê o que


lhe estava preparado, contudo uma pergunta foi feita : “Senhor
será que dar para mudar o escript” ( Êxodo 4: 10-13).
Não é de admirar que Moisés ao ouvir o que estava escrito
a seu respeito, tenha tentado desistir, pois sua missão realmente
não era fácil, mas graças a Deus que ele aceitou e cumpriu o
propósito que lhe estava designado. O mais tremendo de tudo é
que o seu escript foi dado no meio de fogo.

B. GIDEÃO - A PROVA DO ESCRIPT

Os israelitas estavam debaixo do poder dos Midianitas e


Deus escolhe a Gideão, entretanto ao convocá-lo para realizar essa
tarefa o mesmo também faz mesma pergunta que Moisés fez ,
seguida da seguinte alegação “Pois minha família é a mais pobre
em Manasses, e eu o menor na casa de meu pai” (Juízes 6 : 15)
Como não poderia ser o contrário, Deus confirmou o
escript para ele, contudo Gideão avançou para um estágio ainda
maior do que o primeiro, pois também duvidou do autor do escript e
lhe pediu um sinal, para ter certeza se realmente era Deus que
tinha escrito ( Juízes 6:17 ), e que foi confirmado.
Então o que dizer a respeito de Gideão ? Quem imaginaria
que um homem que se achava tão pequeno, poderia realizar coisas
grandes e ficar para a história, pois é isso que Deus faz ao
escolher homens e mulheres em nosso meio hoje.

C. JEREMIAS - O ESCRIPT DE ADULTO

Talvez um dos escripts mais difíceis no antigo testamento


era o de profeta, pois ser profeta naquela época era enfrentar um
povo, muitas vezes idólatra, desobediente e cruel, era neste
contexto que Jeremias vivia no dia em que Deus apareceu para ele
e leu o escript que já estava escrito antes mesmo dele nascer.

“Antes que eu te formasse no ventre, eu te conheci; e


antes que saísse da madre, te santifiquei às nações te dei por
profeta”.
( Jeremias 1 : 5 )
Por Trás dos Bastidores

Jeremias ficou muito espantado com o encargo que foi lhe


dado, ele sabia o que iria enfrentar e não seria um tarefa fácil, daí
ele também da mesma forma fez a pergunta que foram feitas por
Moisés e Gideão, porém seu argumento foi seguinte : “Senhor
este escript é de adulto, e eu não passo de uma criança, deixe
que eu cresça um pouco mais”. ( Jeremias 1:6 )
Talvez você esteja se perguntando, Deus escolhe criança
para sua historia ? A resposta para esta pergunta está diante de
você, pois Deus nos capacita mesmo quando somos ainda uma
criança. Confia nEle e serás uma benção.

D. PEDRO - E O ESCRIPT DELE ?

Certo dia Jesus após a sua ressurreição estava com o


apóstolo Pedro e diante dele leu o fim do escript de sua vida. Como
já se esperava Pedro ficou muito perturbado ao ouvir como seria o
final de sua vida aqui na terra e disse : “Senhor dá para mudar o
escript ? ” e olhou para o apóstolo João e perguntou e o escript dele
? Jesus, não dá para trocar ? Eu queria o de João ! Jesus então
responde :
“...Se eu quero que ele permaneça até que eu venha,
que te importa ? Segue-me tu”. ( João 21 : 22 )

Vamos fazer um trocadilho e ver do ponto de vista do tema


deste capítulo :
“...Se eu quero que o escript dele seja assim, o que
tens tu com isso, segue-me e desempenha o teu papel”.
Por Trás dos Bastidores Pedro queria um escript sem dor,
mais cômodo, pois sua personalidade ainda estava sendo
transformada, contudo o que Jesus traçou para Pedro se cumpriu.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO VI

OS CENÁRIOS DA VIDA
Por Trás dos Bastidores

“No princípio criou Deus os céus e a terra” ( Gênesis 1:1 )

Quando Deus criou os céus e a terra, Ele formou os


cenários da nossa vida e percorrendo todo o capítulo primeiro,
observaremos como foi montado de forma maravilhosa, pois, tudo
era perfeito.
A partir daí, com o pecado já consumado, tudo foi se
modificando e ao longo das gerações o que Deus havia criado com
tanto amor sofreu perdas incalculáveis. Este é um retrato que vem
sendo traçado na história de cada povo e em cada nação, pois
conforme a cultura e os seus costumes, a tendência é ter uma
pluralidade cada vez maior, onde os cenários são cada vez mais
diferentes.
Em nossas mentes muitas vezes imaginamos lugares
belos, coloridos, cheios de traços e totalmente harmônico, mas
sabemos que a realidade está longe de ser o que se aparenta, pois
a decepção bate a nossa porta quando no fundo o que está por trás
são lugares escuros, muitos vezes tortos, sem vida que confundem
nossa mente e se chocam com o imaginário criado em nossos
pensamentos. O que acontece nestas circunstâncias é uma crise
em torno daquilo que fantasiamos, pois o conceito que temos de
realidade é ainda muito vago e nos deixa totalmente desnorteado,
mas eu tenho algo maravilhosa para te contar :

A. Ele é o todo poderoso, e tudo está em suas mãos


B. Deus tem o melhor para tua vida
C. Ele tem o cenário ideal para você
D. Ele pode transformar as circunstâncias da tua vida

Esta é uma realidade que jamais passará, e que Deus tem


reservado para você que deseja estar dentro da vontade dEle.
Amem !

A. A TRANSFORMAÇÃO DO CENÁRIO

“Levantando Ló os olhos, e viu toda a campina do


Jordão, e que era toda bem regada (antes de o Senhor ter
destruído Sodoma e Gomorra), e era como o jardim do Senhor,
como a terra do Egito, na direção de Zoar” ( Gênesis 13 : 10 )
Por Trás dos Bastidores

Observamos no livro de Gênesis a história de Abraão e


seu sobrinho Ló, no qual eram tão ricos que estava havendo
contenda entre os seus pastores, pois a terra onde habitavam não
podia comportá-los mais. Então Abraão propôs que se apartassem
um do outro, e coube a seu sobrinho, escolher a direção a seguir.
A Bíblia diz que Ló levantou os olhos e viu uma terra
bonita que se assemelhava ao jardim do Senhor. Ali estava a visão
de um “belo cenário para a vida do homem”, o típico sombra e água
fresca, o desejado do coração dos homens. Muito bem ao dirigir-se
para lá ele teve uma grande surpresa, o que era tão lindo, vistoso
aos olhos não era realmente o que se esperava, pois seus
habitantes eram maus e pecadores contra Deus. Devemos ter em
mente que o melhor cenário não é o que escolhemos, e sim o
criado por Deus, embora ao nosso ver não seja tão agradável, foi o
que aconteceu com Abraão, que ficou em uma terra que ninguém
dava nada por ela, contudo era o lugar em que Deus havia
escolhido para ele ficar.
As verdades comentadas acima é descrita nos textos
abaixo :

“Abraão levantou-se de madruga, e foi ao lugar onde


estivera em pé na presença do Senhor”
“Olhando para Sodoma e Gomorra, e para toda a terra
da planície, viu que subia da terra fumaça como a de uma
fornalha”
( Gênesis 19: 27-28 )

O cenário já era tão agradável como antes, isto mostra


que, aquele que não agrada a Deus, será destruído ou
transformado por Ele.

B. JERUSALÉM - O CENÁRIO DA DOR

“Jerusalém, Jerusalém ! Que matas os profetas e


apedrejas os que te são enviados! Quantas vezes eu quis
ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintinhos
debaixo das asas, e tu não quiseste!”
“Agora a vossa casa vos ficará deserta”. ( Mateus 23 :
37-38 )
Por Trás dos Bastidores

Quem pode medir a intensidade da dor e do lamento de


Jesus sobre Jerusalém, a cidade onde era palco de matança de
profetas; de apedrejamento e foi ali que crucificaram Jesus. O texto
acima fala que Jesus quis mudar esse cenário mais no final do
versículo 37 ele diz que não quiseram, e então veio a profecia da
queda de Jerusalém ou como poderíamos dizer a queda do cenário.
Tudo o que foi profetizado cumpriu-se quando sob o comando do
General Tito, o templo foi arrasado, pessoas foram vendidas como
escravos e toda a cidade ficou em ruínas, se tornando ainda pior do
que antes, transformando-se num cenário de dor.
Existe circunstância em nossas vidas que podem ser
mudadas se permitirmos que Deus o faça, mas se negarmos, assim
como fizeram os moradores de Jerusalém, podermos sofrer
conseqüências terríveis. A escolha é totalmente nossa, e diante de
tão grande responsabilidade sejamos prudentes em tal tarefa.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO VII

PATROCNADO POR QUEM ?


Por Trás dos Bastidores

“Não temas, pois eu sou contigo; não te assombres,


pois eu sou teu Deus. Eu te fortalecerei, e te ajudarei; eu te
sustentarei com a destra da minha justiça”.
( Isaías 41:10 )

O texto acima mostra como precisamos de um apoio nos


projetos que tanto sonhamos em realizar, seja na área espiritual,
emocional ou material. Este apoio nos termos populares é
conhecido como Patrocínio.
No Dicionário da Língua Portuguesa esta palavra significa :
Proteção, Amparo, Auxílio. Nestes termos podemos afirmar que
Deus é o melhor patrocinador que existe, pois investe diariamente
em nossas vidas e com ele seremos bem sucedidos.
Nos dias atuais para realizar-mos eventos, seminários,
palestras etc. É necessário que exista organização, daí surge a
necessidade de alguém que possa ajudar, e este mesmo tem que
reunir características de defensor, conselheiro, sustentador e quem
mais poderia ter tantas qualidades inseparáveis se não o nosso
querido Deus. Existe algo que me chama muita atenção, é que
quanto mais conhecido for o patrocinador, maiores chances terá o
evento de prosperar, e o nome de Jesus é o mais forte e o mais
conhecido de todos os tempos. Aleluia!
É de fundamental importância salientar que a procura hoje
por colaboradores tem sido muita intensa, visto que, não podemos
realizar projetos sem que haja participação de mais pessoas.
Partindo deste princípio temos que ter o cuidado de saber se, os
que estão ao nosso lado tem a mesma visão de que se Deus não
for conosco, nenhum propósito poderá ser levado em diante com
segurança. É baseado nesta hipótese que firmo minhas convicções
a respeito deste capítulo, pois “Não poderá andar dois ou mais,
se não estivem de comum acordo”.

A. PATROCINADO PELO SINÉDRIO

“E Saulo, respirando ainda ameaças e morte contra os


discípulos do Senhor, dirigiu-se ao sumo sacerdote,
E pediu-lhe cartas para as sinagogas de Damasco, a
fim de que, se encontrasse alguns daquela seita, quer homens
quer mulheres, os conduzissem presos a Jerusalém”. (Atos 9:1-
2)
Por Trás dos Bastidores

Quantas pessoas são patrocinadas para fazerem coisas


erradas, o texto mostra como Saulo antes de se tornar o apóstolo
Paulo, tinha todo o apoio para perseguir os cristãos. Era notável o
empenho que o sinédrio tinha em ajudar a matar e a prender as
pessoas que não concordavam com suas tradições religiosas.
Olhando para os nossos dias observamos que existe
alguma coisa em comum em determinados “grupos religiosos” que
tentam levar a diante seus anseios por meios totalmente radicais e
extremistas. Um exemplo bem forte disso é o Islamismo, que tem
apoio de seus governos para perseguir todo aquele que não
professam Alá como seu deus e Maomé como seu profeta. Dentro
deste contexto uma pergunta fica no ar, até que ponto vai a
consciência humana em patrocinar atos que são desaprovados por
Deus, e que ferem até mesmo os sentimentos mais profundos que
são : o amor, a compaixão e a bondade ? Na verdade a palavra de
Deus se torna bem clara quando diz :

“Sabe, porém, isto : que nos últimos dias sobrevirão


tempos difíceis; Porque haverá homens amantes de si
mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, desobedientes a
pais e mães, ingratos, profanos, sem afeição natural,
irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor
para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais
amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência
de piedade, mas negando a eficácia dela. Deste afasta-te”. ( II
Timóteo 3 :1-4 )

Este é o retrato de uma sociedade que perdeu os seus


valores e anda à procura de coisas que só dizem respeito a elas
mesmas.

B. O PATROCÍNIO DA TRAIÇÃO

“Então um dos doze, chamado Judas Iscariotes, foi ter


com os principais sacerdotes,
E disse : Que me quereis dar, e eu vo-lo entregarei ? E
pagaram-lhe trinta moedas de prata”. ( Mateus 26 : 14-15 )

O sinédrio sem sombra de dúvidas foi um dos maiores


patrocinadores das matanças, prisões e cegueira espiritual daquela
época. Por trás de uma capa religiosa, se escondia a soberba, a
inveja e a arrogância, sentimentos que eram expressos nos seus
atos.
Por Trás dos Bastidores

Quando Judas resolveu no seu coração em trair a Jesus, a


primeira atitude dele foi procurar um patrocinador, e mais uma vez o
sinédrio fez esse papel, só que o preço pago por Judas foi alto de
mais, talvez ele nunca imaginasse que a sua traição lhe custaria a
própria vida, e por outro lado o sinédrio não imaginaria, que com
trinta moedas de prata estaria patrocinando a salvação da
humanidade. Esses são paralelos antagônicos entre si, pois a morte
de Jesus nos trouxe a salvação por meio de um acontecimento tão
terrível.

C. JESUS O GRANDE PATROCINADOR

“Chamando a si os seus doze discípulos, deu-lhes


poder sobre os espíritos imundos, para os expulsarem e para
curarem toda sorte de doenças e enfermidades”. (Mateus 10 :1)

Jesus o grande patrocinador, aquele que envia, que dá


poder para curar enfermidades, que ensina, o que apoia, que
consola, enfim não houve outro que investisse tanto nas pessoas
como ele, não houve ninguém que tivesse tantos a sua procura a
fim de receber seu auxílio, foi o mais conhecido, o mais bem
sucedido, não virava as costas para aqueles que necessitavam de
sua ajuda.
Hoje Jesus continua sendo o melhor apoio, pois ele nunca
falhou e jamais falhará, portanto lancemos nossa confiança nele e
jamais iremos nos arrepender.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO VIII

O REFLETOR DO PALCO
Por Trás dos Bastidores

“O espirito do homem é a lâmpada do Senhor; ele


esquadrinha todo o mais íntimo do ser”. ( Provérbios 20:27 )

O Nosso interior torna-se muitas vezes o palco de muitos


conflitos, de lutas e indecisões, parece que a história se repete
constantemente dentro do nosso íntimo. Quantas vezes não
enxergamos o medo, o ódio, a inveja, e o desânimo que está em
nós; é como se olhasse-mos para nós mesmos e não visse-mos
nada, é como se existisse uma venda encobrindo o que realmente
está lá. É aí que o refletor do palco se acende e nos mostra quem
nós somos e o que existe dentro de nossos corações.
Deus conhece o nosso interior, Ele sabe o que se passa
conosco, é o que descreve o texto de provérbios apresentado no
início deste capítulo. Sempre somos observados e a medida que
isso acontece a luz vai mostrando as trevas que ainda tenta se
manter dentro do nosso ser.

“Tu, ó Senhor, mantém acesa a minha lâmpada; o


Senhor meu Deus transforma as minhas trevas em luz” (
Salmos 18:28 )

Cada vez que o refletor do palco se acende, mostra-nos


que devemos mudar alguma coisa em nós, e que com certeza não
agrada a Deus. Quando o Espirito Santo acende o refletor, é porque
está na hora de tomarmos uma atitude em relação as trevas (
Pecado ) que existe em nossas vidas. Observe o que diz o Salmos
119:105

“Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e luz para


o meu caminho”.

A palavra de Deus é quem nos mostra o caminho da


mudança, ela é quem guia os nosso passos, caso contrário
andaríamos sempre em trevas, tropeçando nas coisas que nos
tenta derrubar. Se analisar-mos bem nossa vida iremos ver o
quanto precisamos de transformação, daí surge a necessidade de
que Deus nos oriente no que temos que mudar, e para isso ele
acende o refletor do palco, o palco de nossas vidas.

A. JESUS, E O ÍNTIMO DOS HOMENS


Por Trás dos Bastidores

“Jesus, porém, conhecendo os pensamentos deles,


disse : Por que pensais mal nos vossos corações”. ( Mateus
9:4 )

Muitas vezes Jesus ao ser deparar com uma pessoa ou


um grupo de pessoas ele acendia o refletor do palco de suas vidas
e enxergava o que estava dentro delas, é o caso do texto acima.
Talvez você já tenha se deparado com uma cena
semelhante a essa, quantas vezes você já conversou com alguém e
Deus através do Espirito Santo acendeu o refletor do palco da vida
daquela pessoa e lhe mostrou algo que existia dentro dela, é o que
chamamos muitas vezes de revelação, e isso se dá quando Deus
quer nos ajudar ou ajudar a alguém a mudar de vida. Este tipo de
cena se repetiu várias vezes no ministério de Jesus, acompanhe os
textos a seguir e veja como isso foi uma realidade :

“Jesus porém, conhecendo a sua malícia, disse : Por


que me experimentais, hipócritas ?”. ( Mateus 22 :18 )

“Jesus, conhecendo logo em seu espirito que assim


arrazoavam entre si, lhes disse : Por que arrazoais sobre estas
coisas em vossos corações”. ( Marcos 2 :8 )

“Mas ele lhes conhecia os pensamentos, e disse ao


homem que tinha a mão ressequida : Levante, e põe-te em pé
no meio, e levantando-se ficou em pé” ( Lucas 6:8 )

“Ele não necessitava de quem alguém lhe testificasse


a respeito do homem, pois ele sabia o que havia no homem”. (
João 2:25 )

Vimos então que, é de vital importância a intervenção de


Deus para que haja uma transformação em nossas vidas e sei que
o maior interessado nisso tudo é o nosso ajudador, o Espirito Santo,
o refletor do nosso palco.

B. O REFLETOR DE DEUS
Por Trás dos Bastidores

“Pois os olhos do Senhor passa por toda a terra, para


mostrar-se forte para com aqueles cujo coração é perfeito para
com ele...”.
( II Crônicas 16:9a )

É importante saber que o senhor nos observa , e como foi


citado no texto acima, “Os seus olhos passeiam pela terra”, porque
não dizer que o refletor de Deus passeia pelos nossos corações.
Imaginemos o Senhor passeando sobre nossas vidas, a
fim de nos sondar, quantas coisas boas ou más ele encontraria ?
Verdadeiramente Deus se preocupa com toda humanidade, pois o
seu refletor contempla os bons e os maus.

“Os olhos do Senhor estão em todo lugar


contemplando os maus e os bons”. ( Provérbios 15:3 )

Como Deus criador ele sabe a natureza pecaminosa que o


homem tem, e o seu objetivo, através do Espirito Santo, é nos
purificar, é trazer a tona todo nosso ser e tudo o que nele há, pois
ele nos sonda, nos conhece e sabe o que estamos pensando, ele
nos entende e está disposto a ficar do nosso lado, porque
precisamos dele e necessitamos da sua graça, do seu poder e de
seu amor.

Esta grande maravilha começará a se concretizar a partir


do momento em que desejar-mos que Deus comece uma
reviravolta no nosso íntimo, e sabedores disso, temos que tomar
uma atitude diante dele, para que este processo tenha início, e por
fim chegue a sua reta final, tendo completado todo o seu trabalho. É
isto que realmente devemos ter em nosso corações, afinal de
contas Deus não nos criou para viver uma vida cheia de mazelas,
sofrimentos e desilusões, mas nos criou para sermos filhos amados
no qual tem prazer de estar junto ao seu pai, permitindo que ele nos
molde conforme a sua imagem e semelhança.

C. SEPULTURA INVISÍVEL

“Ai de vós, escribas e fariseus hipócritas ! sois como


as sepulturas invisíveis, e os homens que sobre elas andam
não o sabem.”.
Por Trás dos Bastidores

( Lucas 11:44 )

Jesus nesta passagem acende o refletor na vida dos


fariseus diante de todos, e revela quem eles são.
Talvez alguém pode achar que Jesus foi muito duro em
suas palavras, mas o que foi falado era a pura realidade, pois os
fariseus não eram o que aparentavam ser . A cegueira espiritual na
época era tamanha que os fariseus e os doutores da lei, criavam
suas tradições e eles mesmos arrumavam um jeito de passar por
cima delas, e a maioria do povo não percebia, e os que percebiam
tinham medo de replicar.
Jesus não se deixou intimidar e quando se deparou com
isso iluminou e abriu os olhos de muitos, fazendo-os enxergar a
realidade que esta diante deles, foi aí então que começaram a
maquinar contra a vida de Jesus.
Diante disso podemos presumir o que acontece em nossos
dias, pois o farisaísmo ainda existe, só que um pouco disfarçado, ou
seja com outra cara, mas o nosso Senhor Jesus Cristo continua até
hoje refletindo sobre essas vidas, trazendo a tona todo os seus
males, portanto cuidemos para que não sejamos pegos de surpresa
e não venhamos a ser enganados pela aparência externa.

D. O NOSSO ESPELHO

O homem ( criatura ) foi criado à imagem e semelhança de


Deus ( criador ) por isso, é diferente dos animais que apesar de
serem criaturas não tiveram o privilégio de possuir características
semelhantes àquele que os criou. Logo, o homem que é dotado de
uma natureza espiritual, também é racional e físico. Assim sendo,
Deus trata com o homem espiritualmente ( I Coríntios 2: 14-15 ), é
com o nosso espirito que nos relacionamos com Deus ( João 4:24 ).
Contudo, Deus que nos criou conhece tanto o nosso
espirito, nossa mente, como nosso corpo ( Salmos 139:1 ), (
Jeremias 17 :10 ), mas é na nossa alma que o Senhor acende o
“refletor do palco”, é bem aí no centro, na sede de nossas emoções,
sentimentos, decisões e vontades; na nossa alma racional, que o
Senhor nos esquadrinha nos sonda, nos conhece. Depois do nosso
espirito recriado ( com o novo nascimento ) é a hora de receber
tratamento também na alma. Entretanto, a situação espiritual na
Por Trás dos Bastidores

qual nos encontramos a partir desse momento tornar-se-á


progressiva ( crescendo à medida que deixamos o “refletor do
palco” iluminar todos os espaços - áreas de nossas vidas até
então obscuras, entenebrecidas pelo pecado ) ou regressiva (
quando nos fechamos impedindo o agir de Deus através do seu
Espirito em nós ).
O refletor acender-se-á cada vez mais forte em nós
quando estivermos dispostos a permitir que a palavra de Deus seja
o nosso “espelho”.
Imaginemo-nos sendo convidados para uma grande festa
aonde estarão reis, rainhas governadores, embaixadores e... você.
Ao se preparar para ir á festa com certeza você escolheria a melhor
roupa ( impecável ), pentearia os cabelos, combinaria acessórios (
buscando ajuda com alguém que entendesse melhor, um
especialista ) sendo mulher cuidaria da maquiagem etc., sendo
homem de todos os outros detalhes. Até o perfume, ou melhor,
principalmente o perfume você escolheria com o máximo de
cuidado ( o perfume revela seu modo de viver ). Tudo com muito
capricho, afinal não seria ocasião mais imprópria para errar. Jamais,
veja bem, jamais você sairia de casa sem dar boas olhadas no
espelho ( se possível fazer todo esse ritual pelo menos umas duas
ou três vezes antes da festa. Exagero ? talvez não ). Essa é uma
situação que você já deve ter passado - ou ao menos uma parecida
e o seu pensamento era estar apresentável. Por que você
conseguiu chegar ao resultado final com sucesso ? Simplesmente
porque você combinou bem todas as peças, procurou os
recursos necessários e teve a aprovação do Espelho (
fundamental ).

Não adiantaria você apenas receber elogios sem ter


estado a frente de um espelho, previamente, para constatar a
veracidade deles. Sem o espelho ficaria muito difícil detectar falhas
para corrigi-las ou tentar melhorar. Até o modo de andar, sentar,
cruzar s pernas e outras coisas como gesticular, por exemplo, você treinaria
diante de um enorme espelho, não é verdade ?
O que estou tentando dizer é que, na verdade você
realmente foi convidado a participar de uma festa, maior e melhor
que qualquer outra, andar em novidade de vida. Aleluia ! E tudo o
que fazemos deve ser para a honra e glória daquele que nos
chamou. O nosso “anfitrião” merece, é digno de que estejamos
diante dele com vestes limpas, purificadas, vestidos próprios para a
ocasião; ornados de virtudes e frutos do Espirito; bem perfumados,
exalando o perfume de Cristo.
Por Trás dos Bastidores

- Como nos preparar para andar dessa maneira ?


- Use o Espelho ! eis a resposta

A palavra de Deus é o nosso espelho de que


necessitamos para viver de maneira digna do Senhor.
Não haverá luz em nós sem que decidamos permitir mudar
a nossa situação espiritual. Através do espelho ( que é a palavra de
Deus ) a luz do Senhor Jesus penetrará nos lugares mais escuros,
distantes e sombrios da nossa alma extinguindo toda treva.
Diante do espelho nós vemos nossas imperfeições, áreas
que necessitam ser restauradas, brechas que precisam ser
fechadas. Ninguém que deseja olhar-se num espelho procura um
lugar escuro, nem penumbra. O espelho nos leva a buscar a luz. É
diante do espelho que o Espirito Santo acende a lâmpada da nossa
alma, onde o Senhor nos sonda. Esse momento é de intimidade e
de amor, Deus está sempre nos ensinando, para que venhamos a
renunciar toda obra do mau e viver diante dele sem envergonha-lo.
Não existe refletor de maior potência em todo o Universo.
Agora, tome o espelho e deixe que ele reflita em você a sua luz.
E quando você começar a brilhar e a transmitir essa luz,
lembre-se : o que somos, o que temos e o que fazemos é para
glorificar, honrar, dignificar, magnificar a LUZ DO MUNDO, Jesus.

“Senhor, acende a sua lâmpada em mim. Ensina-me a


tomar a tua santa palavra como espelho em minha vida, durante o
meu viver, e assim poder ver transformação em mim.
Vem, Senhor, derrama a tua luz nas minhas trevas. Podes
entrar, inunda-me com a tua doce e maravilhosa presença para que
eu possa te servir como tu queres.
Permita-me, Senhor, manifestar a tua glória”. Amem!

Márcia Verene
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO IX

QUANDO SE ABREM AS
CORTINAS
Por Trás dos Bastidores

Quando as cortinas de um teatro se abrem, significa que a


peça ou a encenação vai começar, daí todos os olhos se voltam
para o palco, pois irão contemplar os cenários, os atores e a história
em si.
Normalmente as pessoas tendem a discorrer em seus
pensamentos “o que será que está por trás das cortinas ?”, Nunca
se sabe o que será apresentado, pois está no oculto, é para isso
que existe as cortinas, elas encobrem o que está no palco, mas no
momento em que são abertas, mostra todo um cenário, que aos
olhos das pessoas causa um impacto inicial.
Quantos fazem críticas ao cenário por acharem feio, outros
ficam surpresos com a beleza, enfim, uma série de fatores
influenciam aqueles que estão do outro lado da história, mas uma
coisa é certa até serem abertas as cortinas, nunca se sabe o que
está por trás delas.

“Pois nada há encoberto que não haja de ser


manifesto, e nada se faz para ficar oculto, mas para ser
descoberto”. ( Marcos 4:22 )

A. AS CORTINAS DO PECADO

“Perguntou-lhe Deus : Quem te mostrou que estavas


nu? Comeste da árvore de que te ordenei que não comeste”.
(Gênesis 3:11)

Quando Deus criou o homem e a mulher e os colocou no


Éden, a bíblia diz que eles eram perfeitos, sem pecado e viviam em
comunhão com criador.
Um certo dia satanás chegou para Eva e disse : “Porque
Deus sabe que no dia em que comerdes desse fruto, os vosso
olhos se abrirão, e sereis como Deus, conhecendo o bem e o
mal” ( Gênesis 3 : 5 )

A partir desta mentira o diabo abriu as cortinas do pecado


para Eva e posteriormente para Adão. No texto inicial poderíamos
entender a pergunta de Deus da seguinte forma : “Quem te abriu
as cortinas e te mostrou o pecado”
Temos que ter cuidado, pois o diabo tem aberto as
cortinas do pecado para nós todos os dias e porque não dizer as
Por Trás dos Bastidores

cortinas da tentação. Somos tentados a olhar para coisas que


desagradam a Deus e precisamos estar vigilantes para não cair
nesta armadilha, portanto feche as cortinas do pecado da sua vida e
com certeza Deus se alegrará com você.

B. PEDRO E AS CORTINAS DO SINÉDRIO

“Então, prendendo-o, o levaram, e o introduziram na


casa do sumo sacerdote. Pedro seguia-o de longe ”. ( Lucas
22:54 )

Observamos neste episódio Pedro tentando saber o que


iria acontecer com Jesus, pois ele tinha sido levado para o sinédrio.
Talvez Pedro não imaginava que por trás das cortinas do
sinédrio havia corrupção, inveja e uma sorte de outras coisas, que
foi descoberta quando ele estava lá.
Com certeza ele ficou horrorizado, pois como podia
aquelas pessoas no qual era o exemplo da sociedade, serem tão
cruéis, ao ponto de falarem e praticarem atos totalmente errôneos
em nome de Deus, contudo aquilo não era uma encenação, era
realidade e estava diante dos olhos dele, que contemplava e viu
que por trás das cortinas se escondia planos diabólicos, no qual
enganava as pessoas e os levavam a seguir tradições feitas por
homens, invalidando os mandamentos de Deus.

“Esse não precisa honrar nem a seu pai nem a sua


mãe : Assim invalidaste, pela vossa tradição, o mandamento de
Deus”. ( Mateus 15 : 6 )

Quantas vezes nos sentimos como Pedro, espantados, ao


se deparar com as coisas que acontecem as nossas vistas, que
muitas vezes partem de pessoas que se tornaram até um padrão
para a sociedade, é uma realidade dos nossos dias, portanto muitas
vezes se é necessário abrir as cortinas para ver o que se esconde
por trás.
Por Trás dos Bastidores

CAPÍTULO X

A EXPECTATIVA DA PLATÉIA
Por Trás dos Bastidores

Quem já fez parte de alguma platéia, seja num teatro,


auditório ou até mesmo na igreja, sabe que a expectativa é muito
grande, pois a curiosidade toma conta de todo o nosso ser, e
dependendo do que fomos ver e quem estará lá, o nosso coração
baterá mais forte.
Por outro lado aquele ou aqueles que estarão diante da
platéia, também tem uma doze de expectativa, afinal de contas, a
platéia estará lá para vê-los e isso traz inquietação, nervosismo,
tremedeira nas pernas, o coração começa a bater de uma forma
mais acelerada. A quem mude até de cor de tamanha tensão, e não
é para menos, pois todos os olhos serão fixados nos personagens
que farão parte da história.
Analisando essa expectativa, podemos tirar grandes lições
para nossas vidas, é o que iremos ver neste último capítulo, e não
ficarei surpreso se descobrir-mos que tanto do lado da platéia,
como dos personagens, a tensão é muito grande, isto é, a balança
pende para os dois lados, dependendo do que será visto ou
escutado.

A. A PLATÉIA DO SINAI

“Então levou Moisés o povo para fora do arraial ao


encontro de Deus, e puseram-se ao pé do monte.
Todo monte Sinai fumegava, porque o Senhor descera
sobre ele em fogo. A sua fumaça subia como a fumaça de uma
fornalha, todo o monte tremia grandemente”. (Êxodo 19 : 17-18)

O texto descrito mostra o povo de Deus junto ao pé do


monte, para ouvir Deus falar e ali receber os dez mandamentos.

Que visão estarrecedora tinha aquela platéia, tente se


imaginar diante daquele monte, vendo o fogo de Deus e todo o
monte tremer diante de você, qual seria a sua expectativa ? O que
você sentiria ? E o que será que Deus iria falar ? Adentremos então,
nesta história e vejamos o que aconteceu.
Em primeiro lugar quem iria falar era aquele que libertou
todo aquele povo das mãos dos egípcios e com mão forte abriu o
mar vermelho, destruiu os exércitos de faraó, tirou água da rocha e
agora fazia tremer todo o monte Sinai na presença de todos, e o
Por Trás dos Bastidores

mais impressionante ninguém o via e a sua voz era como de um


trovão. Aleluia ! Deus o todo poderoso estava lá, todos queriam vê-
lo, mas não podia, a expectativa era tremenda, talvez alguns tinham
o desejo de abraça-lo e dizer obrigado por nos libertar, outros talvez
de se ajoelhar e adorá-lo, enfim várias reações seriam manifestas
naquele lugar. Penso que muitos choravam, outros tremiam perante
o todo poderoso, contudo um homem estava lá em cima na
presença de Deus e podia ao menos contemplar um pouco da sua
glória, este homem era Moisés, que tinha intimidade e era um
homem de coragem. Portanto podemos nos imaginar no lugar do
povo ou no lugar de Moisés. Qual seria a maior expectativa ? E
você aonde queria estar, ao pé do monte ou em cima dele ?

B. ELIAS E OS 450 EXPECTADORES DE BAAL

“Então Elias disse ao povo : Só eu fiquei dos profetas


do Senhor, mas os profetas de baal são quatrocentos e
cinqüenta homens”.
( I Reis 18 : 22 )

temos aqui uma platéia diferente, e uma circunstância


semelhante ao do Sinai, pois Deus iria responder com fogo.
Elias era um homem que andava na presença de Deus e
suas expectativas neste episódio de sua vida, era de fé, pois como
ele mesmo demonstrou em suas palavras :

“... Ó Senhor, Deus de Abraão, de Isaque, e de Israel,


manifesta-se hoje que tu és Deus em Israel, e que sou teu
servo, e que segundo a tua palavra fiz todas estas coisas”. ( I
Reis 18 : 36b )

Voltemos nossa atenção para os 450 profetas de baal. Ao


verem que baal não tinha respondido aos seus clamores, ficaram
aguardando Elias clamar a Deus, como será que eles ficaram ?
Atônitos, apreensivos, bom de certo que o medo se apoderou deles
e sua expectativa ficou ainda maior, quando viram que Deus
respondeu a oração de Elias. Simplesmente mais uma vez Deus
mostrou sua grandeza e o seu poder e diante daquela platéia
operou maravilhas e o povo que estava observando, viu e disse : “O
Por Trás dos Bastidores

Senhor é Deus! O Senhor é Deus!” Que sejamos essa platéia e


digamos em alto e bom som , O Senhor é Deus.

C. A PLATÉIA DA CRUSCIFICAÇÃO

“A multidão veio e começou a pedir que lhes fizesse


como de costume.
Mas os principais sacerdotes incitaram a multidão no
sentido de que Pilatos soltasse de preferência a Barrabás.
Pilatos perguntou-lhes : Que farei, pois, com este a
quem chamas Rei dos Judeus ?
Gritaram eles : Crucifica-o!
Mas Pilatos lhes perguntou : Por Quê ? que crime
cometeu ele ? Mas eles gritavam cada vez mais : Crucifica-o!”
( Marcos 15 : 8, 11-14 )

Olhemos agora o outro lado da moeda, o que será que


Jesus sentiu ao olhar toda aquela platéia lhe condenando por aquilo
que ele não fez, e sua expectativa com relação ao seu julgamento.
Ora, Jesus sabia que iria ser condenado, mas o que se está
analisando aqui é que, como homem ele tinha sentimentos e o que
se passava em seu coração ao ver aqueles pelo qual ele veio dar a
vida , gritando Crucifica-o ?
Não podemos esquecer que escarneceram dele, bateram,
cuspiram nele, e foi o homem mais humilhado de todos.
Será que temos a dimensão de colocar no lugar de Jesus
e contemplar toda aquela platéia ? Qual seria a sua reação ? Pois
como está escrito :

“Por amor de ti somos entregues à morte o dia todo;


Fomos considerados como ovelhas para o
matadouro”.
( Romanos 8 : 36 )

D. ESPETÁCULO DO MUNDO

“Pois tenho para mim que Deus a nós, apóstolos, nos


pôs por últimos, como condenados à morte. Somos feitos
espetáculo ao mundo, aos anjos e aos homens”.
( I Coríntios 4 : 9 )
Por Trás dos Bastidores

A maior e mais temida platéia hoje é o mundo, que o diga


o apóstolo Paulo, no qual foi exposto várias vezes a ela e sofreu
conseqüências sérias.
Ser espetáculo do mundo, é ser alvo de ataques físicos, e
espirituais, pois a platéia do mundo não conhece à Deus e com isso
se torna mais difícil desenvolver o seu papel.
Pense nas diversas culturas, camadas sociais, pessoas
sérias, alegres, ricas, pobres, boas, más, tudo isso juntas ao
mesmo tempo. Que tipo de reação teria você ao enfrentá-las. Vou
lhe dizer algo : Hoje nos nossos dias ser cristão é enfrentar essa
platéia, é ser espetáculo do mundo, mas diante desta verdade eu
lhe pergunto : Você está disposto a enfrentar tudo isso por amor a
Jesus ? Espero que sim ! Pois vale a pena servir a esse Deus tão
amoroso. Então o que você está esperando ? Vá a luta e que Deus
te abençoe em nome de Jesus. Amem !
Por Trás dos Bastidores

SÍNTESE DO LIVRO POR TRÁS DOS BASTIDORES

Este livro destina-se a ser um moderno, simples e fácil ensinamento


da nossa realidade literária, compulsado por leitores moços ou velhos que
desejarem estudar a sua participação por trás dos bastidores.
Este volume portanto, é o resultado de instruções práticas não
sendo pois, simplesmente uma encenação de palco.
Todo o material apresentado na forma artística
moderna tem seu objetivo de levar o caro amigo leitor a mais
fácil e simples literatura, produzindo pois o conhecimento da
nossa participação no reino de Deus por trás dos bastidores.
Todos quantos quiserem usar as lições do respectivo livro devem
compreender que de uma forma despretensiosa, ele quer mostrar ao público
leitor qual a importância dos desígnios de Deus ao homem chamado segundo o
seu propósito para servi-lo.

Síntese do Capítulo I - A Escolha dos Personagens

Desde o princípio Deus tem escolhido os personagens para a


história da humanidade, começando com Adão e Eva até os dias de hoje.
Ao longo da história alguns personagens chamaram atenção por
serem de grande valor nas mãos de Deus, deixando assim, o testemunho e o
bom exemplo para nós os que lemos suas histórias.
Deus tem um propósito notavelmente de amor para com aqueles
que fazem parte da história, independente do seu envolvimento, se de período
curto ou longo, de pequenos ou grandes feitos como Protagonista ou apenas
Figurante, não importa o grau da sua participação, o que importa na realidade
é fazer parte da história e contribuir para o seu desenvolvimento.
O Deus criador tem sempre uma história para nossas vidas e um
dos seus objetivos é nos ensinar a conhecê-lo de uma forma mais íntima e
profunda tornando-nos participantes de sua graça, bondade e acima de tudo
do seu amor eterno. É por isso que a bíblia afirma que fomos chamados com
uma “Santa Vocação”. ( II Timóteo 1 : 9a )
Ser personagem da história de Deus é extremamente importante, é
sentir que podemos ser útil, é poder estar lado a lado com Ele, é ser seu
cooperador, enfim temos todos os motivos do mundo para sermos integrantes
participativos da mesma.
Neste momento a história está diante nós, somos parte dela e não
podemos nos excluir da mesma, ela está inerente as nossas vidas, somos
personagens indispensáveis, pois o que seria da história sem os
personagens, e os personagens sem a história, então salienta-se que os dois
estão atrelados um ao outro, pois não vivem separados, do contrário não
existiriam.
Por Trás dos Bastidores

Deus precisa de nós para realizá-la, Ele nos criou e nos colocou
dentro dela, entretanto somos preparados, moldados para desempenharmos
bem o nosso papel, visto que temos imperfeições e cada momento Deus está
nos transformando, mas tudo isso só será percebido quando realmente
dermos valor a Deus e assim despertar-mos para a responsabilidade que está
a nossa frente.

"Pois Somos Cooperadores de Deus..." ( I Corintios 3 : 9a )

Síntese do Capítulo II - Os Figurantes

Ao observar-mos a história notamos aqueles que desempenham um


papel quase não muito prestigiado, mas significativo para o bom andamento
dela. Estamos falando dos figurantes. Há quem diga que os mesmos não são
muito necessário, contudo do ponto de vista de Deus todos os que fazem parte
da sua história são importantes, mesmos que sua participação seja mínima,
pois o nosso Deus é detalhista e todos tem valor para Ele, mesmo quando não
são merecedores de muita atenção, como alguns acham.
Alguns exemplos serão citados neste capítulo e você poderá ver a
importância que alguns ( figurantes ) tiveram em algumas histórias.

A. IMPONDO AS MÃOS

Quem não já leu a história da conversão do apóstolo Paulo, pois


bem existiu um homem por nome Ananias, este a bíblia apenas relata que
ele era um discípulo e não dá mais detalhes sobre sua vida ou seja era um
figurante, mas que teve um papel fundamental na conversão de Paulo, pois
através da Imposição de suas mãos o apóstolo que antes era conhecido
como Saulo o perseguidor, ficou cheio do Espirito Santo e foi batizado,
iniciando assim um ministério que resultou na salvação dos gentios.

Síntese do Capítulo III - O Personagem Principal

Ser o principal personagem em uma história não é fácil, pois


normalmente é o mais visado, todos os olhares estão postos nele, seus
movimentos são observados, seus atos medidos e suas palavras pesadas na
balança.
Ao ser escolhido existirá uma pressão muito grande, uma cobrança
excessiva em torno do mesmo, em consequência disso muitos rejeitam ao
chamado de Deus por sentirem incapacitados de desempenharem o seu papel.
A bíblia esta repleta de histórias onde homens e mulheres foram chamados e
Por Trás dos Bastidores

tentaram fugir por acharem que não podiam executar os planos de Deus,
podemos citar os exemplos de :
Saul – ( I Samuel 9:21 ); Davi – ( II Samuel 7:18 ); Gideão ( Juízes
6:15 ) e vários outros, assim numa história o personagem principal tem uma
responsabilidade maior, lhe é cobrado mais, se torna alvo de críticas, mas
também o seu trabalho é de tal importância que pode até mudar a história de
um povo, nação, raça, país, estado, cidade, bairro etc.
Na realidade o que importa é o amor por aquilo que ele está
fazendo, e o nosso maior exemplo disso é Jesus que se despojou da sua glória
para servir aos homens e se ofereceu naquela cruz para morrer por mim e por
você. Hoje Ele é o principal da história do povo que conhece a Deus, aquele
que cumpriu o seu papel por completo. (João 19:30), o que não se importou
com a dor e o sofrimento que iria passar (Mateus 17:22-23), não desistiu da
sua responsabilidade, mas obedeceu ao que Deus traçara para sua vida
(Mateus 26:39), portanto ele Jesus é o nosso maior exemplo, é como diz o
texto abaixo :
“Para isto fostes chamados, porque também Cristo padeceu por vós,
deixando-vos o exemplo, para que sigas as suas pisadas”.
“Ele não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano”.
“Quando injuriado, não injuriava, e quando padecia não ameaçava.
Antes, entregava-se àquele que julga justamente”. ( I Pedro 2:21-23 )

Síntese do Capítulo IV - O Escript Errado

“Ele nos vivificou, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados”
“Nos quais andastes outrora, segundo o curso deste mundo,
segundo o príncipe das potestades do ar, do espirito que agora opera nos
filhos da desobediência”
“Entre eles todos nós também andávamos nos desejos da carne,
fazendo a vontade da carne e dos pensamentos. E éramos por natureza
filhos da ira, como também os demais”. ( Efésios 2:1-3)
Observando o texto acima vemos que tipo de escript era o nosso
antes de conhecermos a salvação de Deus, era o Escript Errado, no qual o
homem já nasce com ele, e muitas vezes sem saber morre com o mesmo.

SEGUNDO O CURSO DESTE MUNDO

Note que no texto diz que andávamos segundo o curso deste


mundo ( Grifo meu ) imagine que tipo de escript você encontraria, não é
necessário pensar muito, só o fato de olhar ao nosso redor vemos como o
mundo anda.
Segundo o evangelho de João 5: 9 o mundo anda em trevas, ele jaz
no maligno, portanto explica-se o motivo pelo qual muitos andam por aí com o
escript errado, e que não foi escrito por Deus, isso se deve por não
conhecerem outro e terminam cumprindo apenas o que está em suas mãos.
Por Trás dos Bastidores

Síntese do Capítulo V - Dá para mudar o script ?

Dá para mudar o escript ? Esta é uma pergunta, que muitos fazem à


Deus ao tomarem conhecimento do papel que será desempenhado em alguma
história traçada por ele.
Muitas vezes pensamos conosco mesmo “Eu acho que Deus errou
ao escrever esta história para mim”.
O homem sempre quis determinar o que é melhor para ele mesmo, é
o que está escrito nos textos abaixo de provérbios :

“Muitos são os planos do coração do homem, mas é o


propósito do Senhor que permanecerá”. ( Provérbios 19:21 )

“Há um caminho que parece direito ao homem, mas o seu fim


conduz à morte” ( Provérbios 16:25 )

Diante dessas afirmações por qual motivo algumas pessoas pedem


a Deus para mudarem o curso de suas vidas, certamente Deus tem o melhor
para nos dar e Ele não acrescentaria uma linha se quer em nossa história se
não houvesse necessidade, portanto tudo o que Deus determina está dentro do
seu propósito eterno.
Os caminhos descritos nos textos acima significam que o homem
tem uma predisposição para tentar traçar os rumos de sua vida e não obstante,
suas determinações tentam superar as de Deus, que no caso são superiores e
mais proveitosas, daí então o texto de provérbios faz este alerta que se encaixa
perfeitamente em uma atitude de exortação e não de vontade pessoal do
homem.

“Toda a escritura é divinamente inspirada e útil para o ensino,


para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça”
( II Timóteo 3:16 )

Síntese do Capítulo VI - Os cenários da vida

“No princípio criou Deus os céus e a terra” ( Gênesis 1:1 )

Quando Deus criou os céus e a terra, Ele formou os cenários da


nossa vida e percorrendo todo o capítulo primeiro, observaremos como foi
montado de forma maravilhosa, pois, tudo era perfeito.
A partir daí, com o pecado já consumado, tudo foi se modificando e
ao longo das gerações o que Deus havia criado com tanto amor sofreu perdas
incalculáveis. Este é um retrato que vem sendo traçado na história de cada
povo e em cada nação, pois conforme a cultura e os seus costumes, a
Por Trás dos Bastidores

tendência é ter uma pluralidade cada vez maior, onde os cenários são cada vez
mais diferentes.
Em nossas mentes muitas vezes imaginamos lugares belos,
coloridos, cheios de traços e totalmente harmônico, mas sabemos que a
realidade está longe de ser o que se aparenta, pois a decepção bate a nossa
porta quando no fundo o que está por trás são lugares escuros, muitos vezes
tortos, sem vida que confundem nossa mente e se chocam com o
imaginário criado em nossos pensamentos. O que acontece nestas
circunstâncias é uma crise em torno daquilo que fantasiamos, pois o
conceito que temos de realidade é ainda muito vago e nos deixa totalmente
desnorteado, mas eu tenho algo maravilhosa para te contar :

A. Ele é o todo poderoso, e tudo está em suas mãos


E. Deus tem o melhor para tua vida
F. Ele tem o cenário ideal para você
G. Ele pode transformar as circunstâncias da tua vida

Síntese do Capítulo VII - Patrocinado por quem ?

“Não temas, pois eu sou contigo; não te assombres, pois eu


sou teu Deus. Eu te fortalecerei, e te ajudarei; eu te sustentarei com a
destra da minha justiça”. ( Isaías 41:10 )

O texto acima mostra como precisamos de um apoio nos projetos


que tanto sonhamos em realizar, seja na área espiritual, emocional ou material.
Este apoio nos termos populares é conhecido como Patrocínio.
No Dicionário da Língua Portuguesa esta palavra significa :
Proteção, Amparo, Auxílio. Nestes termos podemos afirmar que Deus é o
melhor patrocinador que existe, pois investe diariamente em nossas vidas e
com ele seremos bem sucedidos.
Nos dias atuais para realizar-mos eventos, seminários, palestras etc.
É necessário que exista organização, daí surge a necessidade de alguém que
possa ajudar, e este mesmo tem que reunir características de defensor,
conselheiro, sustentador e quem mais poderia ter tantas qualidades
inseparáveis se não o nosso querido Deus. Existe algo que me chama muita
atenção, é que quanto mais conhecido for o patrocinador, maiores chances terá
o evento de prosperar, e o nome de Jesus é o mais forte e o mais conhecido de
todos os tempos. Aleluia!
É de fundamental importância salientar que a procura hoje por
colaboradores tem sido muita intensa, visto que, não podemos realizar projetos
sem que haja participação de mais pessoas. Partindo deste princípio temos
que ter o cuidado de saber se, os que estão ao nosso lado tem a mesma visão
de que se Deus não for conosco, nenhum propósito poderá ser levado em
diante com segurança. É baseado nesta hipótese que firmo minhas convicções
a respeito deste capítulo, pois “Não poderá andar dois ou mais, se não
estivem de comum acordo”.
Por Trás dos Bastidores

Síntese do Capítulo VIII - O Refletor do Palco

“O espirito do homem é a lâmpada do Senhor; ele esquadrinha


todo o mais íntimo do ser”. ( Provérbios 20:27 )

O Nosso interior torna-se muitas vezes o palco de muitos conflitos,


de lutas e indecisões, parece que a história se repete constantemente dentro
do nosso íntimo. Quantas vezes não enxergamos o medo, o ódio, a inveja, e o
desânimo que está em nós; é como se olhasse-mos para nós mesmos e não
visse-mos nada, é como se existisse uma venda encobrindo o que realmente
está lá. É aí que o refletor do palco se acende e nos mostra quem nós somos e
o que existe dentro de nossos corações.
Deus conhece o nosso interior, Ele sabe o que se passa conosco, é
o que descreve o texto de provérbios apresentado no início deste capítulo.
Sempre somos observados e a medida que isso acontece a luz vai mostrando
as trevas que ainda tenta se manter dentro do nosso ser.

“Tu, ó Senhor, mantém acesa a minha lâmpada; o Senhor meu


Deus transforma as minhas trevas em luz” ( Salmos 18:28 )

Cada vez que o refletor do palco se acende, mostra-nos que


devemos mudar alguma coisa em nós, e que com certeza não agrada a Deus.
Quando o Espirito Santo acende o refletor, é porque está na hora de tomarmos
uma atitude em relação as trevas ( Pecado ) que existe em nossas vidas.
Observe o que diz o Salmos 119:105

“Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e luz para o meu


caminho”.

A palavra de Deus é quem nos mostra o caminho da mudança, ela é


quem guia os nosso passos, caso contrário andaríamos sempre em trevas,
tropeçando nas coisas que nos tenta derrubar. Se analisar-mos bem nossa
vida iremos ver o quanto precisamos de transformação, daí surge a
necessidade de que Deus nos oriente no que temos que mudar, e para isso ele
acende o refletor do palco, o palco de nossas vidas.

Síntese do Capítulo IX - Quando se abrem as cortinas

Quando as cortinas de um teatro se abrem, significa que a peça ou a


encenação vai começar, daí todos os olhos se voltam para o palco, pois irão
contemplar os cenários, os atores e a história em si.
Normalmente as pessoas tendem a discorrer em seus pensamentos
“o que será que está por trás das cortinas ?”, Nunca se sabe o que será
apresentado, pois está no oculto, é para isso que existe as cortinas, elas
Por Trás dos Bastidores

encobrem o que está no palco, mas no momento em que são abertas, mostra
todo um cenário, que aos olhos das pessoas causa um impacto inicial.
Quantos fazem críticas ao cenário por acharem feio, outros ficam
surpresos com a beleza, enfim, uma série de fatores influenciam aqueles que
estão do outro lado da história, mas uma coisa é certa até serem abertas as
cortinas, nunca se sabe o que está por trás delas.

“Pois nada há encoberto que não haja de ser manifesto, e nada


se faz para ficar oculto, mas para ser descoberto”. ( Marcos 4:22 )

Síntese do Capítulo X - A expectativa da Platéia

Quem já fez parte de alguma platéia, seja num teatro, auditório ou


até mesmo na igreja, sabe que a expectativa é muito grande, pois a
curiosidade toma conta de todo o nosso ser, e dependendo do que fomos ver e
quem estará lá, o nosso coração baterá mais forte.
Por outro lado aquele ou aqueles que estarão diante da platéia,
também tem uma doze de expectativa, afinal de contas, a platéia estará lá para
vê-los e isso traz inquietação, nervosismo, tremedeira nas pernas, o coração
começa a bater de uma forma mais acelerada. A quem mude até de cor de
tamanha tensão, e não é para menos, pois todos os olhos serão fixados nos
personagens que farão parte da história.
Analisando essa expectativa, podemos tirar grandes lições para
nossas vidas, é o que iremos ver neste último capítulo, e não ficarei surpreso
se descobrir-mos que tanto do lado da platéia, como dos personagens, a
tensão é muito grande, isto é, a balança pende para os dois lados, dependendo
do que será visto ou escutado.

A. A PLATÉIA DO SINAI

“Então levou Moisés o povo para fora do arraial ao encontro


de Deus, e puseram-se ao pé do monte.
Todo monte Sinai fumegava, porque o Senhor descera sobre ele
em fogo. A sua fumaça subia como a fumaça de uma fornalha, todo o
monte tremia grandemente”. ( Êxodo 19 : 17-18 )

O texto descrito mostra o povo de Deus junto ao pé do monte,


para ouvir Deus falar e ali receber os dez mandamentos.
Que visão estarrecedora tinha aquela platéia, tente se imaginar
diante daquele monte, vendo o fogo de Deus e todo o monte tremer diante
de você, qual seria a sua expectativa ? O que você sentiria ? E o que será
que Deus iria falar ? Adentremos então, nesta história e vejamos o que
aconteceu.
Por Trás dos Bastidores

Em primeiro lugar quem iria falar era aquele que libertou todo
aquele povo das mãos dos egípcios e com mão forte abriu o mar vermelho,
destruiu os exércitos de faraó, tirou água da rocha e agora fazia tremer todo
o monte Sinai na presença de todos, e o mais impressionante ninguém o
via e a sua voz era como de um trovão. Aleluia ! Deus o todo poderoso
estava lá, todos queriam vê-lo, mas não podia, a expectativa era tremenda,
talvez alguns tinham o desejo de abraça-lo e dizer obrigado por nos libertar,
outros talvez de se ajoelhar e adorá-lo, enfim várias reações seriam
manifestas naquele lugar. Penso que muitos choravam, outros tremiam
perante o todo poderoso, contudo um homem estava lá em cima na
presença de Deus e podia ao menos contemplar um pouco da sua glória,
este homem era Moisés, que tinha intimidade e era um homem de coragem.
Portanto podemos nos imaginar no lugar do povo ou no lugar de Moisés.
Qual seria a maior expectativa ? E você aonde queria estar, ao pé do monte
ou em cima dele ?
Por Trás dos Bastidores

Letras Santas
Proibido todo e qualquer uso comercial.
Se você pagou por esse livro
VOCÊ FOI ROUBADO!
Você tem este e muitos outros títulos GRÁTIS
direto na fonte:
http://letrassantas.vilabol.uol.com.br/index.htm

O Portal da
Literatura Evangélica
Grátis!