Вы находитесь на странице: 1из 14
2 CHAMADA| 1 | V° Sento 5 NOME: TURMA: Prof, Ash MCG | AE3/2014 - HISTO! ALUNO N°: 13 QUESTAO (10 escores) MULTIPLA ESCOLHA | ESCOLHA A UNICA RESPOSTA CERTA, ASSINALANDO-A COM UM “X" NOS PARENTESES A ESQUERDA. 01. (UFSCar-SP - Modificada) “ O processo de independéncia da América Espanhola ocorreu em um conjunto de situagdes experimentadas ao longo do século XVIII. Nesse periodo, observamos a ascensdo de um novo conjunto de valores que questionava diretamente 0 pacto colonial e o autoritarismo das monarquias. O iluminismo defendia a liberdade dos povos e a queda dos regimes politicos que promovessem 0 privilégio de determinadas classes sociais.” Fonte: http://www, mundoeducacae.com/historia-america/in« : -espanhola.htm Acesso: 05/08/2014 10:00h Conforme o texto acima, a independéncia das colénias espanholas da América deveu-se a diversos fatores. Assinale a op¢ao na qual todos os fatores relacionados contribuiram para essa independéncia. (A) Politica mercantilista da Espanha; influéncia da independéncia brasileira; interesse dos Estados Unidos no comércio das colénias espanholas. (B) Monopélio comercial em beneficio da metrépole; desigualdade de direitos entre os Criollos, nascidos nas colénias, e os Chapetones, nascidos na Espanha; enfraquecimento da Espanha pelas guerras napolednicas. ((C) Influéncia das ideias politicas de Maquiavel; auxilio militar brasileiro & independéncia dos territérios vizinhos; exemplo da independéncia dos Estados Unidos. ((D) Liberalismo politico e econémico, adotado pelas cortes espanholas; enfraquecimento do governo espanhol por causa da intervengao militar francesa; politica do Congresso de Viena favoravel & independéncia das colénias. Interesse econémico da Inglaterra na independéncia das colénias; politica de suspensdo das restricdes de importacées, seguida pelo governo de José Bonaparte; alianca entre Chapetones, colonos nascidos na Espanha, e Criollos, nascidos nas coldnias para promover a independéncia. (E) 02. “A expans&o econémica do norte chegou a fazer concorréncia com a Inglaterra, no comércio de longa distancia com o Caribe, a Africa e a propria Europa. Além disso, com os progressos da Revolucao Industrial durante o século XVIII, 0 reino inglés se lancou em busca de novos mercados consumidores, 0 que incluiu as préprias Treze Colénias. Aos poucos, 0 Parlamento inglés foi lancando as bases de uma politica fiscal, ou seja, de uma legislaggo voltada para a cobranca de impostos na América. A Guerra dos Sete Anos (1756-1763) contra a Franca acelerou o processo, ao desequilibrar as financas do Estado inglés. Além disso, 0 fato de 0 conflito ter se desenrolado parcialmente em territério Norte-Americano serviu como pretexto para a cobranca de impostos.” Histéria Geral e do Brasil, volume 2/ VICENTINO, Cldudio € DORIGO, Gianpaolo 1" edigho, S40 Paulo: Scipione, 2012, p. 149 A Lei do Aciicar (1764), a Lei do Selo (1765) e a Lei Townshend (1767), exemplos da politica fiscal posta em pratica pela Inglaterra, representaram, quando implementadas, para: (A) os EUA, um estopim & declaragao de guerra a Franca, aliada, incondicionalmente, aos interesses ingleses. (B) a Franca e a Inglaterra, formas de arrecadagio e controle sobre 0 Quebec e sobre as Treze Coldnias. ((C) 0s EUA, uma excepcional oportunidade, pela cobranca destes impostos, e ampliagéo de seus mercados interno e externo. ((D) as Treze Colénias, uma medida tributaria que possibilitou a expansao dos negécios da burguesia de Boston na Europa, marcando, assim, 0 inicio da importancia dos EVA no cendrio mundi (E) a Inglaterra, uma alternativa para um maior controle sobre as Treze Colénias, e, também, uma medida tributaria que permitisse saldar as dividas contraidas na guerra com a Franca. SSAA / STE / CMCG 2014 CMCG | AE3/2014 - HISTO! E 2 CHAMADA| 2 | VS"? beh 5 ALUNO N°: NOME: TURMA: cae a P. 03. (Puepr) Leia o texto a seguir e extraia a ideia central: "S&o verdades incontestdveis para nds: todos os homens nascem iguais; 0 Criador thes conferiu certos direitos inalienaveis, entre os quais os de vida, o de liberdade e o de buscar a felicidade; para assegurar esses direitos se constituiram homens-governo cujos poderes justos emanam do consentimento dos governados; sempre que qualquer forma de governo tenda a destruir esses fins, assiste a0 povo o direito de muda-la ou aboli-la, instituindo um novo governo cujos principios basicos e organizacéo de poderes obedecam as normas que Ihes parecam mais préprias para promover a seguranca e a felicidade gerais." (Trecho da "Declaracao de Indépendéncia dos Estados Unidos da América", Ministro das RelagBes Exteriores, EUA.) A ideia central do texto é: (A) A forma de governo estabelecida pelo povo deve ser preservada a qualquer preco. (B) A realizagéo dos direitos naturais independem da forma, dos principios e da organizacéo do governo. ((C) Cabe ao povo determinar as regras sob as quais sera governado. ((D) Todos os homens tém direitos e deveres. (E) Cabe aos homens-governo estabelecer as regras para 0 povo. 04. (Uff) Os processos de ocupacao do territério americano do Norte simbolizam, para muitos historiadores, a presenca do idedrio europeu no Novo Mundo. Os pioneiros ingleses do Mayflower construiram uma sociedade baseada na justica e no cumprimento dos valores religiosos e morais protestantes. Essa base fundadora teve papel essencial na formacao dos Estados Unidos da América. Assinale a opc&o que contém a relacao correta entre a fundagao e a formacao dos Estados Unidos. (A) A Revoluco Americana de 1776 representou, nos Estados Unidos, a presenca dos valores da Revolucao Francesa, mostranto como os americanos estavam sintonizados com a Europa e néo queriam se separar da Inglaterra. (B) A Revolucao Americana de 1776 foi o episédio que representou, de forma mais cabal, a presenca da tradicdo dos primeiros colonos, através do sentido de liberdade e da ideia de “destino manifesto". ((C) A Revolug&o Americana de 1776 apresentou valores que eram oriundos das culturas indigenas da regiao americana e por isso garantiu a expresso radical de liberdade, na revolucao. ((D) A revolugéio de 1776 foi um episédio isolado na histéria dos Estados Unidos, pois fundamentou- se em valores de unidade que nao foram capazes de fazer dos Estados Unidos um pais americano, (E) A Revolugéo Americana de 1776 foi apenas um ensaio do que ocorreria no século XIX nos Estados Unidos, por isso, podemos pensd-la como um apéndice da Guerra de Secessdo, esta sim, vinculada a Revolugao Francesa. [ SSAA / STE / CMCG 2014 McG | AE3/2014 - HISTO! J4@ CHAMADA| 3 ALUNO N°: NOME: TURMA: rote Aa 05. "Os Estados Confederados podem adquirir novo territério. (...] Em todos esses territérios, a instituicao da escraviddo negra, tal como ora existe nos Estados Confederados, seré reconhecida e protegida pelo Congresso e pelo governo territorial; e os habitantes dos varios Estados Confederados e Territérios terao o direito de levar para esse territério quaisquer escravos legalmente possuidos por eles em quaisquer Estados ou Territérios dos Estados Confederados [...]." ("Constituigdo dos Estados Confederados da América", Art. IV, seco 3, 1861.) 0 texto acima reflete um dos pontos centrais de discérdia que geraram a Guerra Civil Americana. Esta guerra civil foi o resultado: (A) da aco imperialista americana que, a partir da Doutrina Monroe, passou a intervir na América Latina. (B) da luta entre os colonos e a Metrépole Inglesa, 0 que redundaria na independéncia dos Estados Unidos. (C) da Grande Depress&o, intensificando a pobreza e o desemprego nas grandes cidades americanas. ((D) da luta pelos direitos civis, particularmente dos negros, forcando uma reinterpretacéo da Constituicéo Americana. (E) da oposicao dos interesses dos Estados do Sul e do Norte em torno da questo da escravidéo e da expansao para o Oeste. 06. (Upe 2013)A charge a seguir: faz referéncia ao capitalista Cecil Rhodes, que investiu no expansionismo imperialista inglés. I. Podemos afirmar que os pés do capitalista estdo assentados obre as duas Unicas possessées inglesas na Africa: Egito e Africa do Sul. II. A projeco do personagem em relac&o ao continente expressa também a dimensio do interesse da Inglaterra pelos territ6rios africanos. III. Os paises europeus dividiram a Africa entre si, respeitando suas especificidades étnicas, religiosas e linguisticas IV. O Canal de Suez pode ser considerado uma conseqléncia da presenca inglesa na Africa V. © preconceito dos ingleses com os africanos foi de tal monta que deixou marcas até o presente, como 0 Apartheid na Africa do Sul. SSAA / STE / CMCG 2014