Вы находитесь на странице: 1из 35

Aula 02

Cultura Organizacional p/ Banco do Brasil ­ Escriturário (com videoaulas)

Professor: Carlos Xavier
Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

AULA 02: Ética aplicada: ética, moral, valores e


virtudes; noções de ética empresarial e
profissional. A gestão da ética nas empresas
públicas e privadas. Código de Ética do Banco do
Brasil (disponível no sítio do BB na internet).

Sumário
1. Palavras iniciais. ........................................................................................................................................ 2
2. Conceitos iniciais: ética, moral, valores e virtudes. ................................................................................... 3
2.1. Ética profissional, empresarial e gestão da ética. ...................................................................................... 8
3. Código de ética do Banco do Brasil. ....................................................................................................... 11
4. Questões comentadas. .............................................................................................................................. 21
5. Lista de Questões. .................................................................................................................................... 30
6. Gabarito. .................................................................................................................................................. 34
7. Bibliografia principal. .............................................................................................................................. 34

37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 1 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

1. Palavras iniciais.

Oi Pessoal! Voltamos para uma aula voltada para a ética!

Inicialmente veremos os conceitos principais sobre ética e outros


pontos, conforme cobrados no seu Edital. Em seguida, faremos uma leitura
comentada do Código de Ética do BB.

De todos os assuntos dessa aula recomendo que vocês deem ênfase


a memorizar os conceitos básicos de ética, moral, valores e virtudes e a
memorizar os diversos aspectos do Código de Ética do BB .

Como já tinha adiantado na aula inicial, este é um assunto onde


quase inexistem questões disponíveis da mesma banca. De qualquer modo, fiz
uma busca e encontrei algumas questões!

Lembro ainda que existe um simulado com questões inéditas para


você praticar como parte do curso.

Ao trabalho, então!

Boa aula!

Prof. Carlos Xavier

www.facebook.com/professorcarlosxavier

Periscope: @ProfCarlosXavier
37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 2 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

2. Conceitos iniciais: ética, moral, valores e virtudes.

Muito se ouve falar hoje em dia sobre a necessidade das pessoas e


organizações agirem com ética. Essa preocupação busca atentar para que as
pessoas não ajam de maneira considerada “errada” pelo grupo social. Mas será
que é isso mesmo que significa ética? Trata-se de um conceito recente ou que
já existe há muito tempo? Quando surgiu este conceito?

São muitas questões sobre o assunto, não é pessoal?!

Vamos começar sabendo que a preocupação com a ética é algo tão


antigo quanto as interações sociais entre seres humanos enquanto animais
racionais. Desde o surgimento das primeiras sociedades, reflexões eram feitas
sobre os princípios básicos que deveriam guiar o comportamento das pessoas.

Mas é só a partir do Século IV a.C que começa a se falar em ética


enquanto um conceito a ser estudado. Naquele tempo, os pensadores gregos
Sócrates, Platão e Aristóteles se debruçaram sobre uma reflexão do que seria
o bem e o mal na sociedade humana, como discernir a justiça da injustiça, a
beleza da feiura, etc.

A Ética, naquele momento, surgiu como um ramo da filosofia que


buscava distinguir o bem e o mal com base numa reflexão, encontrando
princípios supostamente universais que deveriam pautar a conduta humana.
37515380896

Para ser mais específicos, vamos ver uma definição de dicionário.


Segundo o Dicionário Michaelis, ética deriva do grego (ethiké) e significa:

sf (gr ethiké) 1 Parte da Filosofia que estuda os valores


morais e os princípios ideais da conduta humana. É
ciência normativa que serve de base à filosofia
prática. 2 Conjunto de princípios morais que se devem
observar no exercício de uma profissão;

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 3 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

deontologia. (...) É. social: parte prática da filosofia social,


que indica as normas a que devem ajustar-se as relações
entre os diversos membros da sociedade.

Sobre este mesmo assunto, Lacombe (2009) afirma que ética refere-
se aos:

1. princípios, padrões e valores sobre o que é bom e mau,


o que é certo e errado, o que se espera das condutas das
pessoas, estabelecendo, assim, padrões de conduta e de
julgamento moral. 2. Obrigações e deveres que governam
a ação individual.

Perceba que tudo que é bom, certo e esperado do comportamento


das pessoas é considerado “ético”. O que é mau, errado e não esperado como
padrão de conduta é considerado “antiético”.

- Mas como é possível discernir perfeitamente o que é certo do


que é errado para que se possa estabelecer a ética?

-Justamente por meio dos princípios éticos!


37515380896

Perceba pelas definições de ética que foram apresentadas que o


conceito de moral já começa a surgir...

- E o que é “moral”?

O dicionário Michaelis define moral como, entre outras coisas:

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 4 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

adj (lat morale) 1 Relativo à moralidade, aos bons


costumes. 2 Que procede conforme à honestidade e à
justiça, que tem bons costumes. 3 Favorável aos bons
costumes. (...)

Veja que Moral deriva do latim (morale) e é um conceito associado


aos bons costumes, ao contrário da ética que é um ramo da filosofia associado
ao estabelecimento dos princípios básicos sobre os ideais da conduta humana
com base no raciocínio e na moral vigente na sociedade!

Sobre moralidade, Lacombe (2009) diz trata-se de um conceito ligado


ao:

Conjunto de princípios e valores, que fornece um quadro de


referências para se determinar o que é certo e a forma como se
deve viver, reconhecido pelas pessoas de determinada
sociedade.

Diferentemente da ética a moral é reconhecida pelas pessoas de


determinado grupo social, de modo que as pessoas não a adquirem pela
reflexão intelectual, mas por absorção da moral da sociedade onde elas
37515380896

se inserem.

Por exemplo, em alguns lugares do mundo o comportamento de uma


mulher colocar um biquíni e ir à praia seria considerado contra a moral,
enquanto em outros (como no Brasil) é algo comum e aceito por toda a
sociedade! A ética, por sua vez, permite o estudo dos porquês da moral em
cada sociedade.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 5 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

A moral, deste modo, está mais ligada às práticas da sociedade do


que aos princípios fundamentais e valores, mas também se influencia por estes
últimos - uma vez que decorre da ética.

Os valores, por sua vez, são à base do comportamento das pessoas,


representando as justificativas para cada uma de suas atitudes perante a vida.
Como você deve ter percebido, os valores estão ligados tanto à ética quanto à
moral, representando a sua base.

Os valores podem ser individuais ou coletivos. Os valores individuais


são aqueles que servem de base para o comportamento de um individuo,
enquanto os valores coletivos são compartilhados por membros de uma
sociedade, deixando claro, para todos, alguns princípios básicos aceitos por um
grupo.

Com todas essas explicações em mente, vamos agora ver o que diz
Lacombe (2006) sobre “valor”, nesta acepção que estamos estudando:

Valor. 1 princípio ou preceito que compõe um quadro de


referência capaz de orientar as ações humanas supondo-se a
existência de múltiplos padrões éticos e múltiplas prioridades
de necessidades. (...)
37515380896

Perceba que, para Lacombe, o valor pressupõe a existência de


múltiplos padrões éticos, ou seja, é possível que o raciocínio leve à
múltiplas formas de ver a ética. Os valores serviriam para distinguir, em cada
grupo social, qual o padrão ético aceitável!

- e as virtudes, Prof. Carlos Xavier, o que seriam?

Virtude é uma palavra que deriva do latim virtute ou ainda virtus,


significando as qualidades humanas de praticar o bem em sua comunidade

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 6 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

com base na responsabilidade e na moral. Vamos ver algumas definições sobre


virtudes retiradas do Dicionário Michaelis de língua portuguesa:

1 Hábito de praticar o bem, o que é justo; excelência moral;


probidade, retidão. 2 Boa qualidade moral. 3 O conjunto de
todas as boas qualidades morais.

As virtudes, então, estariam ligadas aos comportamentos


reconhecidos socialmente como dentro da moral!

Vamos fazer um quadro geral sobre os conceitos que estudamos até


agora:

Ética Moral Valores Virtudes


Relativa aos Relativa aos costumes São os princípios Prática de
princípios adquiridos pelo básicos para a comportamentos
adquiridos pela individuo na sociedade reflexão ética e a considerados
reflexão onde vive. É mais decisão sobre qual “positivos” ou
intelectual. O aberta a mudança do ética seguir. Estão “justos” pela
indivíduo se que a ética. É relativa nos indivíduos e moralidade de
impõe por meio às práticas culturais, nas sociedades. uma sociedade.
de seus valores. sendo imposta pela
37515380896

É mais sociedade ao
abrangente que indivíduo. Decorre da
a moral e tende ética.
a ser universal.

Vamos agora ao próximo tópico de nossa aula.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 7 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

2.1. Ética profissional, empresarial e gestão da ética.

A ética profissional e empresarial acontecem quando os indivíduos e


organizações se comportam de acordo com os valores e princípios aceitos
como sendo éticos.

Para Maximiano (2004) a ética pessoal e profissional está muito mais


relacionada a como as pessoas se tratam umas as outras no contexto do
ambiente de trabalho, enquanto a ética na administração de uma organização
está ligada especialmente a como a organização lida com seus funcionários.

Cabe destacar, entretanto, que a ética empresarial também diz


respeito a como a organização lida com a sociedade, com outras organizações
competidoras e com os seus stakeholders em geral.

OBS.: Stakeholder é um termo que representa os vários públicos


interessados em uma organização, como os clientes, os fornecedores, os
acionistas, o governo, etc.

- E como a ética é gerida nas organizações, para que a própria


organização e as suas pessoas tenham comportamentos éticos?
37515380896

- R.: Através dos códigos de ética!

Os “códigos de ética são conjuntos de normas de conduta que


procuram oferecer diretrizes para decisões e estabelecer a diferença entre
certo e errado” (Maximiano, 2004, p. 433).

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 8 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

Neste sentido, os códigos de ética permitem que as pessoas e a


organização tenham princípios básicos para nortear os seus comportamentos
no dia-a-dia, especialmente quando eles se encontram em uma “zona
cinzenta”, ou seja, quando não há clareza sobre se determinado
comportamento é visto como positivo ou negativo frente aos princípios da
organização e da sociedade!

Vamos imaginar uma situação: um vendedor está preocupado em


bater sua meta de vendas. Por conta disso, ao atender um cliente, resolve
oferecer produtos que claramente não são uma solução para suas
necessidades. O vendedor sabe disso, mas acha que é mais fácil conseguir
vender aquele produto do que um outro, que resolveria a necessidade do
cliente mas que é bem mais caro. Ele estaria agindo de maneira “certa” ao
priorizar sua necessidade do que a do cliente? Certamente um código de ética
poderia esclarecer isso ao dizer que a organização deve buscar resolver a
necessidade do cliente!

Na verdade, os códigos de ética surgem como consequência de uma


nova visão sobre as organizações, que devem preocupar-se cada vez mais com
a sociedade como um todo e com fazer as coisas da maneira correta - em
oposição a uma visão tradicional que acreditava que as organizações deveriam
buscar apenas o lucro.

Hoje em dia, o lucro é importante, mas ele não é tudo! É preciso


37515380896

atingir os objetivos com eficácia e eficiência, mas também é fundamental que


as coisas sejam feitas dentro de padrões éticos aceitáveis, sem agressões
despropositadas e com base em princípios sólidos.

Chiavenato (2011, p.574-575) afirma que duas providências são


necessárias para que o código de ética estimule decisões e comportamentos
éticos das pessoas:

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 9 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

1. As organizações devem comunicar o seu código de ética a


todos os seus parceiros, isto é, às pessoas dentro e fora
da organização.
2. As organizações devem cobrar continuamente
comportamentos éticos de seus parceiros, pelo respeito a
seus valores básicos ou adotando práticas transparente de
negócios.

Podemos entender, destas observações, que nada adianta ter um


código de ética e não comunicar-lhe claramente para todos aqueles que são
atingidos por suas disposições. Além disso, não basta ter um código de ética
na prateleira, é importante que ele seja praticado no dia a dia. Para isso as
organizações devem cobrar constantemente o respeito aos valores básicos
propostos em seu Código de Ética.

Com base nisso, vamos ver como o Banco do Brasil utiliza seu
código de ética para nortear o comportamento da organização e de
seus profissionais no próximo tópico.

37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 10 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

3. Código de ética do Banco do Brasil.

Neste tópico apresentarei para vocês o Código de Etica do Banco do


Brasil. Trata-se de um documento bem redigido e de fácil compreensão. Trarei
para vocês as várias disposições do Código de Ética do Banco do Brasil,
fazendo comentários onde for necessário para sua melhor compreensão.

O Código de Ética do BB representa o conjunto de valores e princípios


básicos que devem ser seguidos pelos funcionários do BB, estando adequado à
cultura organizacional e à sociedade como um todo. Quanto aos valores,
estudaremos os mesmos em uma aula específica...

Além de dispor sobre os valores do BB, o código de ética também


apresenta a forma de comportamento esperado da organização e seus
membros. Afirma ainda que, se qualquer disposição do Código for conflitante
com as leis e costumes locais, é importante que as disposições locais
prevaleçam sobre o que está no Código de Ética. Em outras palavras, a ética
do Banco do Brasil não deve se sobrepor ao que se considera ético pela própria
sociedade e comunidade!

As disposições do Código de Ética estão organizadas de acordo com


cada grupo de stakeholders do Banco do Brasil: clientes, funcionários e
colaboradores, fornecedores, acionistas investidores e credores, parceiros,
concorrentes, governos, comunidades, e órgãos reguladores.
37515380896

Assim, para cada um dos públicos interessados no Banco há uma


série de princípios a serem adotados como base para o comportamento das
pessoas e da instituição Banco do Brasil.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 11 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

Vamos conhecer as disposições do Código de Ética do Banco do Brasil


sobre os clientes:

1. Clientes

1.1. Oferecemos produtos, serviços e informações para o


atendimento das necessidades de clientes de cada segmento
de mercado, com inovação, qualidade e segurança.

1.2. Oferecemos tratamento digno e cortês, respeitando os


interesses e os direitos do consumidor.

1.3. Oferecemos orientações e informações claras, confiáveis


e oportunas, para permitir aos clientes a melhor decisão nos
negócios.

1.4. Estimulamos a comunicação dos clientes com a Empresa


e consideramos suas manifestações no desenvolvimento e
melhoria das soluções em produtos, serviços e
relacionamento.

1.5. Asseguramos o sigilo das informações bancárias,


ressalvados os casos previstos em lei.

Perceberam como a preocupação com os clientes vai muito além do


cumprimento das leis relativas ao direito do consumidor?! As pessoas no Banco
do Brasil devem buscar também respeitar os interesses do consumidor, ou
37515380896

seja, o atendimento ao cliente deve buscar saber o que o consumidor deseja e


oferecer-lhe a solução mais apropriada em cada caso.

Não é porque o Banco deseja bater a meta na venda de um


determinado produto que ele deve “empurrar” este produto para o cliente,
especialmente quando esta não for do interesse do cliente!

Além disso, o atendente deve conhecer as informações que passa


para o cliente, para que a comunicação flua bem e para que as informações

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 12 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

sejam “claras, confiáveis e oportunas”, fazendo com que o cliente possa tomar
boas decisões!

- Seria ética uma situação na qual um gerente omite do cliente os


riscos de uma determinada aplicação financeira apenas para que possa bater
sua meta pessoal? Claro que não! Estaria contra o código de ética da própria
instituição!

Vamos ver o que diz o Código de Ética do BB sobre funcionários e


colaboradores:

2. Funcionários e Colaboradores

2.1. Zelamos pelo estabelecimento de um ambiente de


trabalho digno e saudável, pautando as relações entre
superiores hierárquicos, subordinados, pares e colaboradores
pelo respeito e pela cordialidade.

2.2. Repudiamos condutas que possam caracterizar assédio


de qualquer natureza.

2.3. Respeitamos a liberdade de associação sindical e


buscamos conciliar os interesses da Empresa com os
interesses dos funcionários e suas entidades representativas
de forma transparente, tendo a negociação como prática
permanente.

2.4. Asseguramos a cada funcionário o acesso às informações


37515380896

pertinentes à sua privacidade, bem como o sigilo destas


informações, ressalvados os casos previstos em lei.

2.5. Reconhecemos, aceitamos e respeitamos a diversidade


do conjunto de pessoas que compõem o Conglomerado

2.6. Repudiamos práticas ilícitas, como suborno, extorsão,


corrupção, propina, lavagem de dinheiro, financiamento do
terrorismo, em todas as suas formas.

2.7. Orientamos os profissionais contratados a pautarem seus


comportamentos pelos princípios éticos do BB.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 13 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

2.8. Valorizamos o diálogo com funcionários e colaboradores,


mantendo canais aptos a recepcionar e processar dúvidas,
denúncias, reclamações e sugestões, bem como garantimos
o anonimato, quando solicitado.

Nesta parte, o Código de Ética do BB demonstra clara preocupação


com os interesses do funcionário, buscando criar princípios que possam
conciliá-los com os interesses do Banco do Brasil. Está de acordo com a teoria
que afirma que um dos grandes propósitos da gestão da ética nas
organizações está ligada à melhoria da maneira através da qual a organização
trata os seus funcionários.

No que tange ao comportamento em relação aos fornecedores, o


Código de Ética do BB afirma:

3. Fornecedores

3.1. Adotamos, de forma imparcial e transparente, critérios


de seleção, contratação e avaliação, que permitam
pluralidade e concorrência entre fornecedores, que
confirmem a idoneidade das empresas e que zelem pela
qualidade e melhor preço dos produtos e serviços
contratados.

3.2. Requeremos, no relacionamento com fornecedores, o


cumprimento da legislação trabalhista, previdenciária e fiscal,
bem como a não utilização de trabalho infantil ou escravo e a
adoção de relações de trabalho adequadas e de boas práticas
37515380896

de preservação ambiental, resguardadas as limitações legais.

3.3. Requeremos das empresas fornecedoras de serviços que


seus empregados, enquanto prestarem serviços para o BB,
sejam orientados a respeitar as diretrizes deste Código de
Ética.

Quanto aos seus fornecedores, o Banco do Brasil busca criar um


ambiente de competição, não dando nenhuma vantagem para nenhum

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 14 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

fornecedor que não seja com base na qualidade e preço dos produtos e
serviços.

Além disso, o BB alça a princípio ético não só a preocupação com o


cumprimento da legislação (trabalhista, previdenciária, fiscal, não escravidão e
trabalho infantil) mas também com a manutenção de relações de trabalho
“adequadas” nos seus fornecedores, além da preocupação com o meio
ambiente (resguardadas eventuais limitações a esta imposição que possam
constar em lei). Assim, seus fornecedores também devem ter relações de
trabalho éticas com seus funcionários.

Destaco ainda a obrigação que o BB aponta para os seus


fornecedores, para que também respeitem as diretrizes gerais apontadas por
seu Código de Ética.

Sobre acionistas, investidores e credores o Código afirma:

4. Acionistas, Investidores e Credores

4.1. Pautamos a gestão da Empresa pelos princípios da


legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e
eficiência.

4.2. Somos transparentes e ágeis no fornecimento de


informações aos acionistas, aos investidores e aos credores.
37515380896

4.3. Consideramos toda informação passível de divulgação,


exceto a de caráter restrito que coloca em risco o
desempenho e a imagem institucional, ou que está protegida
por lei.

Note que, para o Código de Ética do BB, todos aqueles que de alguma
forma fizeram investimentos financeiros na organização são considerados parte
do mesmo grupo: “acionistas, investidores e credores”.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 15 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

Para eles, o BB afirma que é a organização será gerida com base nos
princípios da administração pública (Legalidade, Impessoalidade, Moralidade,
Publicidade, Eficiência = LIMPE), deixando clara desde já a sua natureza de
sociedade de economia mista.

Por outro lado, o BB dá a necessária transparência à sua gestão para


que os “investidores” públicos e privados não sejam prejudicados pela falta de
informações relevantes, ressalvando apenas as informações sigilosas ou
aquelas que prejudicariam ou colocariam em risco o próprio Banco – ou seja,
cuja divulgação seria contra a lei ou contra o interesse dos próprios
“investidores”.

5. Parceiros

5.1. Consideramos os impactos socioambientais na realização


de parcerias, convênios, protocolos de intenções e de
cooperação técnico-financeira com entidades externas,
privadas ou públicas.

5.2. Estabelecemos parcerias que asseguram os mesmos


valores de integridade, idoneidade e respeito à comunidade e
ao meio ambiente.

5.3. Mantemos relacionamento negocial com outras


instituições financeiras que possuam políticas, normas e
procedimentos para prevenção e combate à lavagem de
dinheiro, ao financiamento do terrorismo e combate à
37515380896

corrupção ou qualquer espécie de ilícito.

A mesma preocupação demonstrada quanto aos fornecedores - de


fazer com que eles ajam de uma maneira socialmente responsável - é
demonstrada em relação aos parceiros do BB. A integridade, idoneidade e
respeito à comunidade também são princípios básicos na escolha de parceiros
para o BB. Destaco ainda que o BB busca manter relacionamento de negócios

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 16 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

com instituições que também combatam atos ilícitos, terrorismo, corrupção e


lavagem de dinheiro nas suas práticas.

Quanto aos concorrentes, o Código afirma:

6. Concorrentes

6.1. Temos a ética e a civilidade como compromisso nas


relações com a concorrência.

6.2. Conduzimos a troca de informações com a concorrência


de maneira lícita, transparente e fidedigna, preservando os
princípios do sigilo bancário e os interesses da Empresa.

As relações com os concorrentes do BB também são uma


preocupação do Código. Isto provavelmente busca evitar situações de conflito
explícito e injurias à concorrência, pois o BB alça a principio ético que as suas
relações com os concorrentes devem ter civilidade e ética– apesar de não
definir claramente o que seria esta “ética”.

Além disso, a instituição busca evitar acordos obscuros ao afirmar no


seu código e ética que as informações serão trocadas de maneira lícita (dentro
da lei), transparente (para que todos possam ver) e fidedigna (sem mentiras).
37515380896

Sobre o Governos, Comunidade e órgãos reguladores o Código afirma


que:

7. Governos

7.1. Somos parceiros do poder público na implementação de


políticas, projetos e programas socioeconômicos voltados
para o desenvolvimento sustentável do Brasil e dos países
em que atuamos.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 17 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

7.2. Articulamos os interesses e as necessidades da


Administração Pública brasileira com os vários segmentos
econômicos das sociedades em que atuamos.

7.3. Relacionamo-nos com o poder público


independentemente das convicções ideológicas dos seus
titulares.

7.4. Atuamos em conformidade com as diretrizes


internacionais no que diz respeito à prevenção e ao combate
à lavagem de dinheiro e ao financiamento do terrorismo.

7.5. Repudiamos quaisquer práticas de corrupção a fim de


influenciar a ação de funcionário de governo brasileiro ou
estrangeiro para obtenção de vantagens impróprias.

7.6. Não financiamos partidos políticos ou candidatos a


cargos públicos, no Brasil e nos países em que atuamos.

8. Comunidade

8.1. Valorizamos os vínculos estabelecidos com as


comunidades em que atuamos e respeitamos seus valores
culturais.

8.2. Reconhecemos a importância das comunidades para o


sucesso da Empresa, bem como a necessidade de retribuir à
comunidade parcela do valor agregado aos negócios.

8.3. Apoiamos, nas comunidades, iniciativas de


desenvolvimento sustentável e participamos de
empreendimentos voltados à melhoria das condições sociais
37515380896

da população.

8.4. Zelamos pela transparência no financiamento da ação


social.

8.5. Afirmamos nosso compromisso com a erradicação de


todas as formas de trabalho degradante: infantil, forçado e
escravo.

8.6. Adotamos a responsabilidade social como premissa na


definição de políticas, normas e procedimentos voltados à
prevenção e combate à lavagem de dinheiro e financiamento
do terrorismo.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 18 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

9. Órgãos Reguladores

9.1. Trabalhamos em conformidade com as leis e demais


normas do ordenamento jurídico brasileiro e dos países em
que atuamos.

9.2. Atendemos nos prazos estabelecidos às solicitações


originadas de órgãos externos de regulamentação e
fiscalização e de auditorias externa e interna.

Percebam que o BB se preocupa em afirmar, enquanto princípio ético,


a sua parceria para a implementação de políticas públicas, projetos e
programas sociais e econômicos com o Governo Federal. Note que a União é
acionista e o seu Governo é um “parceiro" especial para o BB na execução de
políticas públicas, e que deve ser respeitado nessas posições
independentemente da posição ideológica dos titulares dos cargos públicos.
Destaco ainda a elevada preocupação com evitar os atos ilícitos, em especial
na relação com o Governo. Os itens que destaquei são adição recente ao
Código, que estão em linha com as demandas da sociedade sobre as empresas
públicas e sociedades de economia mista.

No que diz respeito à comunidade, o BB deve pautar sua atuação


respeitando os valores culturais e não impondo propostas suas. Esta atuação
deve ser ativa, pois o BB deve retribuir à comunidade uma parte do valor
37515380896

agregado do negócio, buscando o desenvolvimento sustentável das mesmas.


As ações comunitárias do BB devem ser transparentes e conforme a lei, tendo
especial atenção à erradicação do trabalho infantil, forçado e escravo.

Sobre seu relacionamento com os órgãos reguladores, o BB


preocupa-se em afirmar que sua atuação deve ser dentro da lei e das normas,
e os prazos de fiscalizações internas e externas devem ser cumpridos. Assim,
se uma determinada solicitação de órgãos reguladores e auditoria não é

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 19 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

respondida no prazo, é possível dizer que houve um comportamento fora dos


padrões de ética aceitáveis para o BB.

Um abraço e boa continuação com os estudos!

Prof. Carlos Xavier

www.facebook.com/professorcarlosxavier

Periscope: @ProfCarlosXavier

37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 20 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

4. Questões comentadas.

Questões sobre Ética em geral

1. (CESPE/MPU/Técnico do MPU - Segurança Institucional e


Transporte/2015) A ética envolve um processo avaliativo
do modo como os seres humanos, a natureza e os
animais intervêm no mundo ao seu redor
Comentário:
A ética avalia o comportamento dos seres humanos, mas não da
natureza e dos animais!
GABARITO: Errado.

2. (CESPE/MPU/Técnico do MPU - Segurança Institucional e


Transporte/2015) Ser honesto e verdadeiro e cumprir
promessas são considerados princípios éticos.
Comentário:
Apesar de haver muita discussão em cima dessa questão, já que a
ética, por sua natureza, pertence a cada indivíduo, não há dúvidas de que,
numa visão de ética pública, a honestidade e retidão em relação ao
cumprimento das promessas feitas são basilares, por isso a questão foi
considerada correta.
GABARITO: Certo.

3. (CESPE/Técnico do MPU - Segurança Institucional e


Transporte/2015) A ética é um ramo da filosofia que
estuda a moral, os diferentes sistemas públicos de
regras, seus fundamentos e suas características
Comentário:
A ética realmente é um ramo da filosofia que estuda o
comportamento humano em sociedade. Como a moral decorre da ética,
podemos dizer que a ética estuda a moral, sem problemas. Como o estudo é
37515380896

aprofundado, podemos dizer que os fundamentos e características do conjunto


de regras que rege as interações humanas também são estudados!
GABARITO: Certo.

4. (CESPE/TCE-RN/Conhecimentos Básicos/2015) A ética é


um conjunto de regras e preceitos de ordem valorativa e
moral de um indivíduo, de um grupo social ou de uma
sociedade.
Comentário:
Boa definição para ética. Traz os elementos valorativos e aponta que
pode servir para o indivíduo ou para o grupo social, o que está certo!
GABARITO: Certo.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 21 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

5. (CESPE/MPU/Analista/2015) Uma vez que a moral se


reveste de conteúdo mais doutrinário e normativo que a
ética, é correto afirmar que um dos fundamentos de
existência da noção de moral seria a formação de uma
base teórica para o estudo da ética.
Comentário:
A ética é que é mais teórica, sendo a base para o estudo da moral. A
moral, por sua vez, é baseada nos costumes considerados "bons" pela
sociedade.
GABARITO: Errado.

6. (CESPE/Telebras/Conhecimentos Básicos/2015) As
decisões do servidor público, cuja conduta deve ser
pautada na ética, deverão ser pautadas na legalidade, na
conveniência, na oportunidade, na justiça e na
honestidade.
Comentário:
Questão simples, não cobra nenhum conhecimento de lei específica. A
grande questão é: um servidor que age com ética tem seu trabalho baseado
na legalidade? Sim! Conveniência e oportunidade? Sim (são os aspectos
básicos da discricionariedade administrativa)! Justiça e honestidade? Claro!
GABARITO: Certo.

7. (CESPE/DEPEN/Agente e Técnico/2015) A conduta ética


do servidor deve basear-se não somente na legalidade,
mas também em ações fundamentadas na dignidade, no
decoro, na eficácia e na consciência dos princípios
morais.
Comentário:
Isso mesmo! Não basta ser legal, é preciso ser ético e seguir os
princípios morais! Além disso, claro, a eficácia, dignidade e decoro também são
princípios basilares do comportamento do agente público, por serem
amplamente aceitos pela sociedade, mesmo que não expressamente previstos
37515380896

em um código específico.
GABARITO: Certo.

8. (CESPE/DEPEN/Agente e Técnico/2015) Ética e moral


são termos que têm raízes históricas semelhantes e são
considerados sinônimos, uma vez que ambos se referem
a aspectos legais da conduta do cidadão.
Comentário:
Ética e moral não são sinônimos! Ética é o estudo valorativo dos
comportamentos humanos, usando o raciocínio para distinguir entre o que
deve ser feito e o que não. Moral, por sua vez, aponta aquilo que é comumente
aceito como "bons costumes". Mais: nenhum dos dois se referem a aspectos

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 22 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

legais da conduta do cidadão, apesar de que seguir às leis pode ser


considerado um princípio ético.
GABARITO: Errado.

9. (CESPE/INPI/Cargo 25 e 26/2013) Ética é a parte da


filosofia que estuda os fundamentos da moral e os
princípios ideais da conduta humana.
Comentário:
Definição de dicionário. Está certa!
GABARITO: Certo.

10. (CESPE/CNJ/Analista - Cargos 6 a 12/2013) Quando


as decisões morais são baseadas nos padrões de
equidade, justiça e imparcialidade, a ética pode
diferenciar substantivamente as pessoas em relação às
suas características particulares, mediante a explicitação
clara de regras de conduta.
Comentário:
Como a moral deriva da ética, as características morais das decisões
apontam as regras de condutas ligadas à ética das pessoas em um grupo,
possibilitando sua diferenciação entre aquelas que estão de acordo com o que
se espera das demais.
GABARITO: Certo.

11. (CESPE/IBAMA/Analista Ambiental/2013) Quando um


servidor define fins, prioriza valores e delimita regras de
conduta conforme sua concepção particular de bem, ele
age em consonância com princípios da ética pública.
Comentário:
Errado. Neste caso o servidor está de acordo com sua própria ética e
não com a ética pública.
GABARITO: Errado.

12. (CESPE/Câmara dos Deputados/Analista - Técnico em


37515380896

Material e Patrimônio/2012) A edição do código de ética


é suficiente para modificar o comportamento
organizacional, transformando a organização em uma
instituição comprometida com valores de conduta.
Comentário:
Questão bastante interpretativa. Na verdade, o candidato tinha que
saber apenas que o código de ética sozinho não faz nada. As pessoas precisam
se comprometer com ele, se não trata-se de uma folha de papel sem
serventia.
GABARITO: Errado.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 23 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

13. (CESPE/Câmara dos Deputados/Analista - Técnico em


Material e Patrimônio/2012) Estando o código de ética
presente nos relatórios anuais e nos manuais de
procedimentos que orientam os funcionários acerca da
conduta interna na organização, é desnecessária a
existência de documento oficial da organização para o
estabelecimento de regras de condutas
Comentário:
Muito interpretativa também. Mesmo que o código de ética esteja
presente em todos os relatórios e manuais, é preciso que haja um documento
oficial para o estabelecimento do código de ética!
Note que a questão está dizendo algo do tipo: se o código de ética
está nos manuais e relatórios anuais, o código de ética não é necessário (já
que ele é, por definição, o documento oficial para estabelecer regras de
conduta...)
GABARITO: Errado.

14. (FCC/Nossa Caixa Desenvolvimento/Contador/2011)


A respeito dos conceitos de ética, moral e virtude, é
correto afirmar:
a) A vida ética realiza-se no modo de viver daqueles indíviduos
que não mantêm relações interpessoais.
b) Etimologicamente, a palavra moral deriva do grego mos e
significa comportamento, modo de ser, caráter.
c) Virtude deriva do latim virtus, que significa uma qualidade
própria da natureza humana; significa, de modo geral, praticar
o bem usando a liberdade com responsabilidade
constantemente.
d) A moral é influenciada por vários fatores como, sociais e
históricos; todavia, não há diferença entre os conceitos morais
de um grupo para outro.
e) Compete à moral chegar, por meio de investigações
científicas, à explicação de determinadas realidades sociais, ou
seja, ela investiga o sentido que o homem dá a suas ações para
37515380896

ser verdadeiramente feliz.


Comentário:
Vamos analisar cada uma das alternativas:
a) A vida ética realiza-se no modo de viver daqueles indíviduos
que não mantêm relações interpessoais.
Alternativa errada. A ética está ligada aos princípios pelos quais vive a
humanidade, sendo relativamente estável ao longo do tempo. Não tem
nenhuma relação com a alternativa.
b) Etimologicamente, a palavra moral deriva do grego mos e
significa comportamento, modo de ser, caráter.
Alternativa errada. A moral está ligada aos costumes do ser humano
aceitos por uma sociedade. Não tem nada a ver com a alternativa.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 24 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

c) Virtude deriva do latim virtus, que significa uma qualidade


própria da natureza humana; significa, de modo geral, praticar
o bem usando a liberdade com responsabilidade
constantemente.
Alternativa certa. Virtude deriva do latim e está ligada à pratica do
bem conforme os preceitos morais de uma sociedade. É o que está dito na
alternativa com outras palavras.
d) A moral é influenciada por vários fatores como, sociais e
históricos; todavia, não há diferença entre os conceitos morais
de um grupo para outro.
Alternativa errada. Cada grupo (ou sociedade) pode possuir conceitos
morais distintos. A ética é que é um conceito mais estável no tempo e no
espaço.
e) Compete à moral chegar, por meio de investigações
científicas, à explicação de determinadas realidades sociais, ou
seja, ela investiga o sentido que o homem dá a suas ações para
ser verdadeiramente feliz.
A ética é que busca utilizar o raciocínio para chegar aos princípios que
devem guiar a vida do ser humano.
GABARITO: C.

15. (FCC/TRT6/Analista Judiciário - Área


Administrativa/2012) O comportamento ético na gestão
pública exige que se valorize
a) a presteza acima da formalidade legal.
b) a eficiência mais do que a eficácia.
c) o consenso acima do conflito.
d) o interesse público antes dos interesses privados.
e) a impessoalidade contra a afabilidade.
Comentário:
Questão interessante e interpretativa. Veja que ela, na verdade, pede
que você interprete sobre o que deve ser priorizado na administração para que
a ética seja cumprida. Nesse caso, é preciso encontrar um elemento que, se
valorizado, seria contra a ética. 37515380896

Simples: os interesses privados não devem ser objeto da


administração pública, enquanto os públicos devem.
GABARITO: D.

16. (FUNCAB/PM-MT/Soldado/2014) A adoção de uma


conduta ética nas organizações é uma exigência
incontornável das sociedades contemporâneas. As
decisões no contexto de trabalho são orientadas por uma
ética que:
A) independe das condutas socialmente valorizadas ou das
políticas sintonizadas com a moral vigente.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 25 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

B) segue os códigos de valores que têm por base um conjunto


de princípios morais, que estabelecem o que deve ou não ser
feito em função do que é considerado certo ou errado por
determinada comunidade.
C) esteja alinhada com os objetivos econômicos da organização,
mesmo que coloquem em dúvida os princípios morais da cultura
em que se insere.
D) é dependente das percepções individuais sobre quais são os
comportamentos eticamente corretos e qual a forma como
devem ser abordados os assuntos moralmente qualificáveis.
E) se baseia nos valores morais e na conduta individual, pois, as
reações perante o desconhecido são manifestações humanas
que dependem da experiência de vida de cada indivíduo.
Comentário:
Questão meramente interpretativa. Para respondê-la você teria que
ter em mente que a ética é uma reflexão que leva em consideração a moral
vigente. Neste sentido:
A) Errada. Os valores morais são importantes.
B) Certa!
C) Errada. Os valores morais são importantes.
D) Errada. Não é cada indivíduo sozinho que origina a moral, mas sim
a sociedade como um todo.
E) Errada. Não é o indivíduo sozinho que origina a moral, mas sim a
sociedade como um todo.
GABARITO: B

37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 26 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

Questões sobre Código de Ética do Banco do Brasil

17. (FCC/Banco do Brasil/Escriturário/2013-1) O Código


de Ética do Banco do Brasil prevê
(A) contratação de fornecedores a partir de um grupo
selecionado com parcialidade.
(B) estrita conformidade à Lei na proibição ao financiamento a
partidos políticos.
(C) troca, sem limites, de informações com a concorrência, na
busca de negócios rentáveis.
(D) relacionamento com o poder público, dependente das
convicções ideológicas dos seus titulares.
(E) responsabilidade aos parceiros pela avaliação de eventual
impacto socioambiental nas realizações conjuntas.
Comentário:
Questão que buscava que o candidato tivesse memorizado os
principais aspectos do Código de Ética do BB. Como eu disse durante a aula, o
referido código afirma que:
Afirmamos estrita conformidade à Lei na proibição ao
financiamento e apoio a partidos políticos ou candidatos a cargos
públicos.
Todas as outras alternativas apresentam afirmativas inexistentes no
referido código.
GABARITO: B.

18. (FCC/Banco do Brasil/Escriturário/2013-1) O Banco


do Brasil espera de seus colaboradores o atendimento a
elevados padrões de ética, moral, valores e virtudes, tais
como:
(A) intolerância com a diversidade do conjunto das pessoas que
trabalham no conglomerado.
(B) aceitação de presentes oferecidos por clientes satisfeitos,
sem restrição de valor.
(C) associação a entidades representativas alinhadas ao
37515380896

pensamento da diretoria.
(D) repúdio a condutas que possam caracterizar assédio de
qualquer natureza.
(E) imposição dos princípios pessoais dos chefes aos membros
da sua equipe.
Comentário:
No item 2.2 do Código de Ética do BB se afirma que:
2.2. Repudiamos condutas que possam caracterizar assédio
de qualquer natureza.
Assim, a resposta D está correta! É a única!
GABARITO: D.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 27 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

19. (FCC/Banco do Brasil/Escriturário/2013-2) Está


presente no Código de Ética do Banco do Brasil que
(A) os profissionais contratados são orientados a pautarem seus
comportamentos pelos seus princípios éticos familiares.
(B) a transparência e a agilidade no fornecimento de
informações prioriza o acionista controlador em relação aos
investidores e credores.
(C) a concorrência entre fornecedores se dá dentre aqueles que
também sejam clientes e tenham sido indicados pelas áreas de
relacionamento comercial.
(D) os clientes têm assegurado o sigilo das informações
bancárias, ressalvados os casos previstos em lei.
(E) as parcerias e os convênios são estabelecidos sem
condicionamento à prévia análise de valores de integridade,
idoneidade e respeito à comunidade e ao meio ambiente.
Comentário:
Interessante questão de perfil mais interpretativo. Se você tivesse
decorado todo o código de ética do Banco do Brasil, você poderia resolvê-la,
mas se tivesse lido com cuidado e entendido seu espírito, isso também seria
possível.
Vejamos cada uma das alternativas:
(A) os profissionais contratados são orientados a pautarem seus
comportamentos pelos seus princípios éticos familiares.
Errado. Na verdade, segundo o código de Ética do Banco do Brasil, os
profissionais são orientados a se pautarem pelos princípios éticos do BB. Não
faria sentido que fosse diferente, pois isso poderia fazer com que cada um
tivesse padrões éticos distintos.
(B) a transparência e a agilidade no fornecimento de
informações prioriza o acionista controlador em relação aos
investidores e credores.
Errado. A transparência e agilidade no fornecimento de informações é
a mesma para acionistas, investidores e credores.
(C) a concorrência entre fornecedores se dá dentre aqueles que
também sejam clientes e tenham sido indicados pelas áreas de
37515380896

relacionamento comercial.
Errado. O que se busca é a seleção de fornecedores de forma
imparcial e transparente, com base na qualidade e preço dos produtos e
serviços contratados, não havendo preferência para nenhum indicado.
(D) os clientes têm assegurado o sigilo das informações
bancárias, ressalvados os casos previstos em lei.
Certo. Trata-se especificamente do item 1.5. do Código de Ética do
Banco do Brasil: 1.5. Asseguramos o sigilo das informações bancárias,
ressalvados os casos previstos em lei.
(E) as parcerias e os convênios são estabelecidos sem
condicionamento à prévia análise de valores de integridade,
idoneidade e respeito à comunidade e ao meio ambiente.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 28 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

Errado. Ao contrário. Os impactos socioambientais são considerados


na realização de parcerias e convênios. O BB busca o estabelecimento de
parcerias que assegurem os mesmos valores de integridade, idoneidade e
respeito à comunidade e ao meio ambiente.
GABARITO: D.

37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 29 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

5. Lista de Questões.

Questões sobre Ética em geral

1. (CESPE/MPU/Técnico do MPU - Segurança Institucional e


Transporte/2015) A ética envolve um processo avaliativo
do modo como os seres humanos, a natureza e os
animais intervêm no mundo ao seu redor

2. (CESPE/MPU/Técnico do MPU - Segurança Institucional e


Transporte/2015) Ser honesto e verdadeiro e cumprir
promessas são considerados princípios éticos.

3. (CESPE/Técnico do MPU - Segurança Institucional e


Transporte/2015) A ética é um ramo da filosofia que
estuda a moral, os diferentes sistemas públicos de
regras, seus fundamentos e suas características

4. (CESPE/TCE-RN/Conhecimentos Básicos/2015) A ética é


um conjunto de regras e preceitos de ordem valorativa e
moral de um indivíduo, de um grupo social ou de uma
sociedade.

5. (CESPE/MPU/Analista/2015) Uma vez que a moral se


reveste de conteúdo mais doutrinário e normativo que a
ética, é correto afirmar que um dos fundamentos de
existência da noção de moral seria a formação de uma
base teórica para o estudo da ética.

6. (CESPE/Telebras/Conhecimentos Básicos/2015) As
decisões do servidor público, cuja conduta deve ser
pautada na ética, deverão ser pautadas na legalidade, na
37515380896

conveniência, na oportunidade, na justiça e na


honestidade.

7. (CESPE/DEPEN/Agente e Técnico/2015) A conduta ética


do servidor deve basear-se não somente na legalidade,
mas também em ações fundamentadas na dignidade, no
decoro, na eficácia e na consciência dos princípios
morais.

8. (CESPE/DEPEN/Agente e Técnico/2015) Ética e moral


são termos que têm raízes históricas semelhantes e são

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 30 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

considerados sinônimos, uma vez que ambos se referem


a aspectos legais da conduta do cidadão.

9. (CESPE/INPI/Cargo 25 e 26/2013) Ética é a parte da


filosofia que estuda os fundamentos da moral e os
princípios ideais da conduta humana.

10. (CESPE/CNJ/Analista - Cargos 6 a 12/2013) Quando


as decisões morais são baseadas nos padrões de
equidade, justiça e imparcialidade, a ética pode
diferenciar substantivamente as pessoas em relação às
suas características particulares, mediante a explicitação
clara de regras de conduta.

11. (CESPE/IBAMA/Analista Ambiental/2013) Quando um


servidor define fins, prioriza valores e delimita regras de
conduta conforme sua concepção particular de bem, ele
age em consonância com princípios da ética pública.

12. (CESPE/Câmara dos Deputados/Analista - Técnico em


Material e Patrimônio/2012) A edição do código de ética
é suficiente para modificar o comportamento
organizacional, transformando a organização em uma
instituição comprometida com valores de conduta.

13. (CESPE/Câmara dos Deputados/Analista - Técnico em


Material e Patrimônio/2012) Estando o código de ética
presente nos relatórios anuais e nos manuais de
procedimentos que orientam os funcionários acerca da
conduta interna na organização, é desnecessária a
existência de documento oficial da organização para o
estabelecimento de regras de condutas

14. (FCC/Nossa Caixa Desenvolvimento/Contador/2011)


37515380896

A respeito dos conceitos de ética, moral e virtude, é


correto afirmar:
a) A vida ética realiza-se no modo de viver daqueles indíviduos
que não mantêm relações interpessoais.
b) Etimologicamente, a palavra moral deriva do grego mos e
significa comportamento, modo de ser, caráter.
c) Virtude deriva do latim virtus, que significa uma qualidade
própria da natureza humana; significa, de modo geral, praticar
o bem usando a liberdade com responsabilidade
constantemente.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 31 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

d) A moral é influenciada por vários fatores como, sociais e


históricos; todavia, não há diferença entre os conceitos morais
de um grupo para outro.
e) Compete à moral chegar, por meio de investigações
científicas, à explicação de determinadas realidades sociais, ou
seja, ela investiga o sentido que o homem dá a suas ações para
ser verdadeiramente feliz.

15. (FCC/TRT6/Analista Judiciário - Área


Administrativa/2012) O comportamento ético na gestão
pública exige que se valorize
a) a presteza acima da formalidade legal.
b) a eficiência mais do que a eficácia.
c) o consenso acima do conflito.
d) o interesse público antes dos interesses privados.
e) a impessoalidade contra a afabilidade.

16. (FUNCAB/PM-MT/Soldado/2014) A adoção de uma


conduta ética nas organizações é uma exigência
incontornável das sociedades contemporâneas. As
decisões no contexto de trabalho são orientadas por uma
ética que:
A) independe das condutas socialmente valorizadas ou das
políticas sintonizadas com a moral vigente.
B) segue os códigos de valores que têm por base um conjunto
de princípios morais, que estabelecem o que deve ou não ser
feito em função do que é considerado certo ou errado por
determinada comunidade.
C) esteja alinhada com os objetivos econômicos da organização,
mesmo que coloquem em dúvida os princípios morais da cultura
em que se insere.
D) é dependente das percepções individuais sobre quais são os
comportamentos eticamente corretos e qual a forma como
devem ser abordados os assuntos moralmente qualificáveis.
37515380896

E) se baseia nos valores morais e na conduta individual, pois, as


reações perante o desconhecido são manifestações humanas que dependem da
experiência de vida de cada indivíduo.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 32 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

Questões sobre Código de Ética do Banco do Brasil

17. (FCC/Banco do Brasil/Escriturário/2013-1) O Código


de Ética do Banco do Brasil prevê
(A) contratação de fornecedores a partir de um grupo
selecionado com parcialidade.
(B) estrita conformidade à Lei na proibição ao financiamento a
partidos políticos.
(C) troca, sem limites, de informações com a concorrência, na
busca de negócios rentáveis.
(D) relacionamento com o poder público, dependente das
convicções ideológicas dos seus titulares.
(E) responsabilidade aos parceiros pela avaliação de eventual
impacto socioambiental nas realizações conjuntas.

18. (FCC/Banco do Brasil/Escriturário/2013-1) O Banco


do Brasil espera de seus colaboradores o atendimento a
elevados padrões de ética, moral, valores e virtudes, tais
como:
(A) intolerância com a diversidade do conjunto das pessoas que
trabalham no conglomerado.
(B) aceitação de presentes oferecidos por clientes satisfeitos,
sem restrição de valor.
(C) associação a entidades representativas alinhadas ao
pensamento da diretoria.
(D) repúdio a condutas que possam caracterizar assédio de
qualquer natureza.
(E) imposição dos princípios pessoais dos chefes aos membros
da sua equipe.

19. (FCC/Banco do Brasil/Escriturário/2013-2) Está


presente no Código de Ética do Banco do Brasil que
(A) os profissionais contratados são orientados a pautarem seus
comportamentos pelos seus princípios éticos familiares.
37515380896

(B) a transparência e a agilidade no fornecimento de


informações prioriza o acionista controlador em relação aos
investidores e credores.
(C) a concorrência entre fornecedores se dá dentre aqueles que
também sejam clientes e tenham sido indicados pelas áreas de
relacionamento comercial.
(D) os clientes têm assegurado o sigilo das informações
bancárias, ressalvados os casos previstos em lei.
(E) as parcerias e os convênios são estabelecidos sem
condicionamento à prévia análise de valores de integridade,
idoneidade e respeito à comunidade e ao meio ambiente.

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 33 de 34 


Cultura Organizacional p/ BB - Escriturário
      Teoria e Exercícios.  
Prof. Carlos Xavier - Aula 02

6. Gabarito.

1. E 6. C 11. E 16. B
2. C 7. C 12. E 17. B
3. C 8. E 13. E 18. D
4. C 9. C 14. C 19. D
5. E 10. C 15. D

7. Bibliografia principal.

 CHIAVENATO, Idalberto. Introdução à Teoria Geral da


Administração. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011.
 Dicionário Michaelis. Disponível em: <michaelis.uol.com.br>. Acesso
em: 17 de novembro de 2012.
 LACOMBE, Francisco. Dicionário de Negócios: mais de 6.000 termos
em inglês e português. São Paulo: Saraiva, 2009.
 MAXIMIANO, Antonio Cesar Amaru. Teoria geral da administração: da
revolução urbana à revolução digital. 4ª Ed. São Paulo: Atlas, 2004.
 Código de Ética do Banco do Brasil. Acesso em 28/11/2015.

37515380896

Prof. Carlos Xavier www.estrategiaconcursos.com.br Página 34 de 34