Вы находитесь на странице: 1из 19

RESUMO DA DOUTRINA DO FIM

O presente estudo visa trazer um resumo dos eventos finais da história a luz da Bíblia, embora o tema
abordado nos traga palavra Apocalipse à mente, o assunto que abordaremos ainda que de forma
resumida terá abrangência bíblica muito maior do que apenas o livro Apocalipse, pois a profecia é um
assunto que permeia toda as Escrituras.
O assunto a que agora abordaremos no estudo teológico é chamado de “Escatologia” esta palavra vem
de dois vocábulos gregos a saber: ‘eschatos’ que significa “último” e “logos” que significa “tratado” ou
“estudo”.,ou seja o estudo das últimas coisas.
O ser humano por natureza especula sobre o futuro, mas apenas a Bíblia possui a resposta certa,
porque nosso Deus é aquele que anuncia o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que
ainda não sucederam; Ele cumprirá seus planos (Is 46:10). Aleluia!
O tema do fim é um tema que pode ser amargo ou doce, para aqueles que perecem é amargo, pois, fala
que no fim Deus julgara é condenará todo mal, dessa perspectiva a palavra prófetica é uma advertência
e um chamado ao arrependimento, porém para aqueles que se aproximaram de Deus através de Seu
Filho Jesus Cristo, ela é um “Bendita Esperança”(Tt 2.13), algo que devemos reter firmes como uma
luz em meio à escuridão (2 Pe 1.19).
Que Deus nos abençoe que aprendendo mais o plano de Deus exarado nas Escrituras Sagrados
possamos temer mais ao Senhor, servindo-o mais e que possamos ter nosso coração a oração que diz
Maranta, “ora vem, Senhor Jesus!”. Ap 22.20

I .OS SINAIS DA VINDA

Falsos Cristos: “Porque muitos virão e meu nome, dizendo : Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.”(
Mt 24 .5);

Guerras : “E ouvireis de guerras e rumores de guerras; olhai, não vos assusteis,...” (Mt.24.6);
I Guerra Mundial - 8 milhões morreram;
- 15 milhões mutilados;
II Guerra Mundial - 55 milhões morreram.

Fome: “... haverá fomes,...”(Mt.24.7);


Milhares de pessoas morrem de fome diariamente no mundo.

Pestes : “... e pestes ...”( Mt 24 . 7)


Câncer, Cólera, Aids , Ebola e outras.

Terremotos: “... e terremotos em vários lugares...” (Mt 24.7)

1985: 8.000 mortos no México


1988: 25.000 mortos na Armênia
1990: 35.000 mortos no Irã
1993: 30.000 mortos na Índia

Multiplicação dos pecados: “E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos se esfriará.” ( Mt
24 .12)

1
Proliferação do ocultismo “... dando ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios.” (1
Tm 4 : 1)
Apostasia : (1Tm.4:1; 2Tm.4:1-4; 2Pe.2:1,2).
Decadência moral: “.. que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos; porque haverá homens
amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães,
ingratos, profanos,...”( 2Tm 3.1 - 2)
Restauraçao nacional de e Espiritual de Israel
Ez 37.4-12.
29 de nov de 1947 votação na ONU.
15 de maio de 1948 nascia o moderno Estado de Israel

II. O ARREBATAMENTO DA IGREJA

Textos chaves: 1 Ts 4.13-18; 1Co 15.51,52

Há cerca de 1527 referências a Segunda vinda do Senhor Jesus Cristo só no Antigo Testamento; no
Novo testamento temos 319, só isso já seria o suficiênte para vermos a importância desta doutrina nas
Escrituras.
Ao estudar atentamente a Bíblia podemos constatar que a segunda vinda de Cristo se dará em
duas fazes divididas por um intervalo de pelo menos 7 anos.
A primeira fase é o Arrebatamento da igreja; a segunda, e chamada de “Revelação” ou “Vinda
em Glória”.

1. Diferenças entre o Arrebatamento e a Vinda em Glória.

Arrebatamento Vinda em Glória


Há segredo Mt 24.36,44 Será publico Ap 1.7
Jesus vem até os ares 1Ts 4.17 Seus pés tocam o monte das Oliveiras Zc 4.4,5
Jesus vem para os santos 1Ts 4.17 Jesus vem com os santos Jd v.14; 1Ts 3.13
Haverá profunda alegria 1Jo 3.2 Haverá profundo lamento Mt 24.30; Zc 12.10
Os incrédulos serão deixados Mt 25.1,12 Incrédulos serão destruídos. Mt 25.41

2. Significado
O termo Arrebatamento vem da palavra Raptus em latim que significa “arrebatar”, “raptar”,
“pegar rapidamente e com força”. Equivale ao termo grego harpazo que é traduzido por
“arrebatado” em 1 Tessalonicenses 4.17.
O arrebatamento é a retirada da igreja da terra Para encontrar o Senhor nos ares.
3. Participantes do Arrebatamento

a) O Senhor Jesus Cristo: “Porque o mesmo Senhor descerá do céu.”1Ts 4.16a


b) O Arcanjo 1Ts 4.16b.
c) Os mortos em Cristo:

2
Os mortos da era da Igreja terão seus corpos reconstituídos e transformados 1Co 15.35-
38.
Este evento faz parte da Primeira Ressurreição que é para a vida, A primeira
ressurreição assim como a 2a vinda de Cristo se dá em mais de uma fase, cada um pela
sua ordem 1Co 15.23:
- Cristo as Primícias 1Co 15.20, Mt 27.52.
- Os santos da era da igreja no arrebatamento 1Co 15.51,52; 1Ts 4.14-17
- Os mártires da Tribulação Ap 6.9-11; 7.9-17, 14.1-5; 20.4.5
- Os santos do Antigo Testamento Dn 12.2

O corpo da ressurreição será um corpo espiritual não limitado as leis da física como a
conhecemos ele será um corpo como o do Senhor. Fp 3.21.
d) Os vivos preparados 1Co15.53.54

4. Elementos especiais do Arretamento.

a) Surpresa Tt 2.13; Mt 24.35,36.42;


b) Velocidade “num momento” (gr. atomos) “abrir e piscar de olhos”.1Co 15.52.
c) Invisibilidade 1Ts 4.17.
d) Imaterialidade 1Co15.52.
e) Alarido 1Ts 4.17
d) Ultima Trombeta 1Co 15.52

6.O Arrebatamento como incentivo a virtude e eperança cristã


“Havendo, pois, de perecer todas estas coisas, que pessoas vos convém ser em santo trato, e
piedade”(2Pe 3:11)
“Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas sabemos
que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos. E
qualquer que nele tem esta esperança purifica-se a si mesmo, como também ele é puro. (1Jo 3:2-3)

“Por isso, estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não
penseis.”(Mt 24:44)
“Para que, vindo de improviso, não vos ache dormindo. “(Mc 13:36)
“Não durmamos, pois, como os demais, mas vigiemos, e sejamos sóbrios;”(1Ts 5:6)
“E agora, filhinhos, permanecei nele; para que, quando ele se manifestar, tenhamos confiança, e não
sejamos confundidos por ele na sua vinda.” (1Jo 2:28)

“Se sofrermos, também com ele reinaremos; se o negarmos, também ele nos negará;” (2Tm 2:12)
“Não rejeiteis, pois, a vossa confiança, que tem grande e avultado galardão. (36) Porque necessitais
de paciência, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, possais alcançar a promessa. (37)
Porque ainda um pouquinho de tempo, E o que há de vir virá, e não tardará.”(Hb 10:35-37)
“Tendo por maiores riquezas o vitupério de Cristo do que os tesouros do Egito; porque tinha em vista
a recompensa.” (Hb 11:26)

3
“Sede pois, irmãos, pacientes até à vinda do Senhor. Eis que o lavrador espera o precioso fruto da
terra, aguardando-o com paciência, até que receba a chuva temporã e serôdia.” (Tg 5:7)

5.O Tempo do Arrebatamento


Ninguém sabe o dia Mt24.36, devemos estar sempre preparados.
 Será antes da Tribulação

1. A Bíblia nunca assim o declarou explicitamente.


2. Aocalipse1 fala do passado (“as coisas que vistes”); Ap 2,3 do presente (“as coisas que
são”) ; Ap 4-22 do futuro (“as coisas que hão de ser”). Depois de Ap 3 a Igreja nunca é
mencionada. Em Ap 4 os 24 anciãos (símbolos da igreja local totalizada futura) já estão no trono
antes de começar a Tribulação; em Ap 19:8,14 a igreja local totalizada futura VOLTA à terra ao
final da Tribulação; logo não estava aqui naquele período.
3.Cristo prometeu aos crentes das igrejas locais : “Eu te guardarei da hora da provação”Ap
3:10.
4. Ap 15:1; 16:1,19 dizem que a Grande Tribulação é um período de juízo sobre um mundo
ímpio, sobre as igrejas apóstatas, e sobre Israel rebelde. Usam expressões fortíssimas: “flagelo”,
“vinho do furor de Deus”, “7 taças da cólera de Deus”! Mas Jo 5:24, Rm 5:9, 1Ts 5:9 nos
garantem que o salvo “não entra em juízo”, “não foi destinado para a ira”, e “Jesus nos livra da
ira vindoura”.

5. A Grande Tribulação, embora afetando o mundo inteiro, é primordialmente para tratar


com Israel Jr 30:4-9; Dn 12:1; Mt 24:15,21.

6. Não há nenhum sinal cronológico quanto à vinda de Cristo para arrebatar os crentes das
igrejas locais ; mas há muitos sinais cronológicos (“1260”, “2520 dias”, “tempo, tempos e metade
de tempo”, “42 meses”, etc.) que se aplicam só a Israel.

7. Dn 9:25-27 profetizou 70 semanas para Israel. Na 69a., Israel rejeitou e crucificou seu
Senhor, por isso o plano e Deus com Israel foi interrompida e iniciada a dispensação da Igreja.
Completada esta, será retomado o trato de Deus com Irsrael como nação, para cumprir-se a 70a.
semana, a Grande Tribulação, chamada “Tribulação de Jacó” em Dn 12:1; Jr 30:7; Ap 12:7-9.
Como a igreja não estava presente nas primeiras 69 semanas, não estará também na 70a.

8. A trombeta de 1Co 15:52 (instantânea; relacionada com o Arrebatamento) é diferente da de


Ap 10:17; 11:15-19 (prolongada Ap 10:7; relacionada com juízo).

9. José (tipo de Cristo) casou-se com Asená (tipo da Igreja) quando estava rejeitado pelos seus
irmãos (tipo de Israel) e antes dos 7 anos de fome Gn 41:45. Enoque foi arrebatado antes do

4
dilúvio Jd 14-16; Gn 5:24; Noé, antes das águas Gn 6; Lc 17:26-27,30; Ló, antes do fogo Gn 19;
Lc 17:28-30.

10.Somente quando a igreja for retirada é que o mundo entrará em completa e veloz
putrefação moral e espiritual (2Ts 2:67-10).

11.Cada crente da igreja de Cristo é um só com Ele e em Ele. Portanto, se os crentes da igreja
de Cristo passassem pela 70a. semana, o próprio Cristo passaria pelo julgamento e castigo de
Deus, o que é impossível Hb 9:25-27.

12.A besta vence os santos da tribulação Ap 13:7, então Cristo estaria sujeito ao Diabo ou
deixaria de ser o cabeça de cada Igreja .

13. Aos crentes da era da igreja é prometido o livramento da ira de Deus (1 Tes. 1:9-10; 5:9;
Romanos 5:9 e Ap3:10).

PÓS ARREBATAMENTO

No céu
III .O Tribunal de Cristo
Imediatamente após o Cristo arrebatar para o 3º céu tos salvos 1Ts 4:17, e antes da Sua
Revelação 7 anos depois (quando viremos com Ele Zc 14:5; Cl 3:4), ocorrerá no céu o Tribunal
de Cristo (Bema) Rm 14:10-12; 2Co 5:10 com base em: os motivos e atitudes secretas do
coração 1Co 3:11-15 + 1Co 4:5; a mordomia e fidelidade no uso dos talentos Mt 25:14-30; 1Co
4:2; a fidelidade na mordomia dos bens que Deus nos emprestou Mt 6:20; 2Co 9:6; 8:12; Gl 6:7;
o zelo em ganhar almas para Cristo Dn 12:3; 1Ts 2:19-20; o amor manifesto, principalmente aos
irmãos Mt 10:40,42; Gl 6:10; a perseverança nas perseguições Mt 5:11-12; 2Tm 2:12; Tg 1:12.
Resultando não em salvação/condenação, mas sim em recompensas e galardões: coroa do gozo
1Ts 2:19; coroa da justiça 2Tm 4:8; coroa da vida Tg 1:12; Ap 2:10; coroa da glória 1Pd 5:1-4;
compartilhar do trono do Cristo 2Tm 2:11-12; Ap 3:21. Coroas são incorruptíveis 1Co 9:25, mas
podem ser perdidas, se não perseverarmos no 1º amor Ap 3:11.

Coroas Mencionadas na Bíblia:


1) A coroa de glória. “ E, quando aparecer (na sua vinda) 0 Sumo Pastor, alcançareis a
incorruptível coroa de glória” (1 Pd 5.4).
2) A coroa incorruptível. “ E todo aquele que luta de tudo se abstém; eles o fazem para
alcançar uma coroa corruptível, nós, porém, uma incorruptível” (1 Co 9.25).
3) A coroa de alegria. “ Portanto, meus amados e mui queridos irmãos, minha alegria e
coroa...” (F1 4.1; 1 Ts 2.19,20).

5
4) A coroa da justiça: “ Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor,
justo juiz, me dará naquele dia (diante do tribunal); e não somente a mim, mas também a todos
os que amarem a sua vinda” (2 Tm 4.8).
5) A coroa da vida. “ Bem-aventurado o varão que sofre a tentação; porque, quando for
provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam” (Tg 1.12;
Ap 2.10). Cumpre-se aqui, portanto, o que diz o profeta Isaías acerca de Jesus: “ ...o castigo que
nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras foram sarados” (Is 53.5b). Isto, aponta
claramente para o Calvário, onde Jesus suportou por nós “ uma coroa de espinhos” (Jo 19.2) para
nos dar o direito de sermos participantes de “ uma coroa de glória” . Isso é supremo sacrifício!

IV. AS BODAS DO CORDEIRO


Apocalipse 19.7-9
Depois do Tribunal de Cristo, nos ares, os salvos se reunirão com o Senhor, no Céu (2 Ts 2.1),
onde ocorrerão as Bodas do Cordeiro, o casamento entre Cristo e a Igreja (Ef 5.25-27; 2 Co 11.2).
Em muitos trechos do Novo Testamento a relação entre Cristo e a igreja é revelada pelo uso de
figuras do noivo e da noiva (Jo 3.29; Rm 7.4; 2 Co 11.2; Ef 5.25-33; Ap 19.7,8; 21.1-22.7.) Na
translação da igreja, Cristo aparece como o noivo que leva a noiva consigo, para que o
relacionamento que foi prometido seja consumado e os dois se tornem um.
Está figura é tirada do casamento judaico que consistia nas seguintes etapas:
1) O noivado, um compromisso legal, quando o membros individuais do Corpo de Cristo são
salvos;
2)A vinda do noivo para buscar sua igreja.
3) As bodas do Cordeiro. Desve-se notar que as bodas duravam sete dias entre os judeus(Gn
29.27.28; Jz 14.12). Isso aponta para os sete anos que durarão as Bodas do Cordeiro.

As Bodas se darão no céu , que é a casa do Pai (Jo 4.3), conforme o costume judaico onde o
casamento era consumado na casa do Patriarca.
A igreja já arrebatada estara ataviada com linho fino resplandecente que são obras de justiça (Ap
19.8) o que demonstra que, a mesma, já passou pelo tribunal de Cristo.

A Ceia das Bodas. Segundo o costume do casamento judaico após as bodas casa do pai. O noivo
e a noiva então apareciam publicamente dando uma festa onde seus convidados viriam festejar o
casamento. Assim tembém após os 7 anos das Bodas no céu Cristo e sua Igreja retornam
visivelmente a terra,para festejar com seus convidados. Em Apocalipse 19.9 diz que:
“Bemaventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro”(ARC). Na NTLH
temos a expressão “convidados”, mas que afinal serão esses convidados? Primeiramente o povo
de Israel, inclusive aqueles santos ressucitarão no fim da grande Tribulação (Dn 12.2; Is 26.19-
21). A esperança do Reino é primariamente judaica ( Mt 22.1-14; Lc14.16-24 Mt 25.1-13); Os
mártires da Tribulação(Ap 20.4); e as Nações que adentrarem tendo passado pelo Julgamento das
Nações (Mt 25.31-40). Nesta Ceia Jesus afirmou: “muitos virão do oriente e do ocidente, e

6
assentar-se-ão à mesa com Abraão, e Isaque, e Jacó, no reino dos céus;” Mt 8.11. Esta se dará
na terra durante o Reino Milenial de Cristo que será estudado adiante.

Na terra:
V. A TRIBULAÇÃO:
Enquanto a Igreja galardoada estiver adentrando às mansões celestiais, a fim de participar das
Bodas do Cordeiro, já terá começado na Terra o mais difícil período da História: a Grande
Tribulação, através da qual a ira do Senhor, o Justo Juiz, se manifestará contra os ímpios e
adoradores da Besta (Ap 6.16,17).
Definição: O termo “tribulação” na Bíblia é a palavra grega “thilipsis”que significa colocar uma
carga sobre o espírito da pessoa”. Na tradução da vulgata latina, a palavra é tribulum que se
refere a um tipo de grade para debulhar o trigo. O sentido é de afligir, pressionar.
Como salvos por Cristo, passamos por muitas tribulações nesta vida (At 14.22; Jo 16.33; Rm
8.18), mas, como já vimos estamos isentos da Grande Tribulação(Ap 3.10). A Grande Tribulação
se trata de um periodo especifico de provação que há de vir sobre a terra, tal periodo é o periodo
mais dificil da história humana (Mt 24.21-29; Dn 12.21).

Profecias Biblicas sobre este periodo


 Tempo de angústia sem igual Dn 12.1;
 Dia de indignação e angustia , alvoroço e desolação, trevas Sf 1.15;
 Dia da vingança do nosso Deus Is 6.12;
 Hora da tentação universal Ap. 3.10
 Dia da grande aflição Mt 24.21
 Dia da grande Ira Rm 5.9; 1Ts 5.9;
 Ira vindoura ou futura Lc 3.7; 1Ts 1.10.

Quando terá a Tribulação?


A Tribulação não poderá se iniciar antes do Arrebatamento da Igreja. Após este evento glorioso,
O Espírito Santo deixará sua atividade de habitação do crentes na terra, Este continuara para sempre
com a igreja,pórém esse ministério é excluivo da era da Igreja que terá chegado a seu fim na terra. Com
saída corpo de Cristo habitado pelo Espirito Santo da terra, terá sido removido a restrição que impede a
manifestação do “Anticristo”, o “Homem do Pecado” (2Ts 2.3-7). O Anticristo então poderá fazer o ato
que inicía a Tribulação, que é assinatura de um tratado com Israel (Dn 9.26), dando assim inicio a 70ª
semana de Daniel que é a Tribulação.

Qual o objetivo da Tribulação?


 Levar Israel a reconhecer Jesus como seu Messias Rm 11; Jr 30.7; Ml 4.5.6
 Levar os Homens ao arrependimento de seu pecados Ap 16.11
 Trazer o juizo e a ira de Deus sobre o mundo Jr 25.32.33; Is 26.21; 2 Ts 2.11.2

7
Duração da Tribulação
Este periodo será tão terrivel que o Senhor afirma que se não tivesse sido abreviado, nimguém se
salvaria (Mt 24.22). Como ela se refere a ultima semana profética de anos de Daniel (Dn 9.27),
sabemos que o periodo é de 7 anos.
Estes sete anos são dividos em duas partes de tres anos e meio como visto nas expressões "um tempo,
tempos e metade de um tempo" (Dn.7:25;12:7; Ap.12:14) , "quarenta e dois meses" (Ap.11:2;13:5) e
"1.260 dias" (Ap.11:3;12:6; Dn.12:11,12).
Os primeiros 3 anos e meios são chamados por alguns apenas de Tribulação, já a segunda metade de A
Grande Tribulação, porque é a pior parte.
1) A Primeira Metade da Tribulação:
a) Aliança de Israel com o Anticristo (Dn.9:27; Jo.5:43; Is.28:14-18).
b) As duas testemunhas (Ap.11;3).
2 A Segunda Metade da Tribulação: Chamada de grande tribulação ou angústia de Jacó (Mt.24:21;
Jr.30:7; Dn.12:1).
a)Perseguição aos judeus (Ap.11:2;12:6,14).
b)Perseguição aos convertidos (Ap.7:13,14).
c)A besta política, o Anticristo (Ap.13:1-10).
d) A besta religiosa, o Falso Profeta (Ap.13:11-18)
e)Os 144.000 judeus (Ap.7:4-8;14:1-5).
f)Abominação desoladora (Dn.9:27;12:11; Mt.24:15; Ap.13:14,15; 2 Ts.2:9).
VI. O ANTICRISTO (2 Ts 2:8)
1.Adivento do Anticristo
Na abertura do primeiro selo (Ap 6:1,2), surgirá um cavalo branco, cujo o cavaleiro será o Anticristo.
· O Anticristo - Surgirá como líder de um grande reino do mal, que haverá sobre. a terra. O apostolo
João adverte (I Jo 2:18).
a) Surgirá no Dia do Senhor (Grande Tribulação) que será após o arrebatamento da igreja (II Ts 2:1-3,
6-8)
b) Blasfemará de Deus, solicitará ser adorado como se fora Deus, e, perseguirá àquele que não se
curvarem em sua adoração (Ap 13:11-17).
c) Terá um auxiliar (o falso profeta) que fará o povo adorá-lo, através de prodígios (Ap 13:5; II Ts 2:4).
d) Satanás lhe entregará todo o poder que tem (Ap 13:2, 4).
e) Será o Senhor da Terra (Ap 13:7; Dn 11:36).

2. Quem será o Anticristo


a) Surgirá engendrado pelo próprio Satanás (II Ts 2:8, 9)
b) Não fará caso ao amor das mulheres (Dn 11:37)
c) O falso profeta lhe fará uma imagem que fala (Ap 13:14,15)
d) Os que não tiverem seu nome escrito no livro da vida o adorarão (Ap 13:8)
e) A bíblia lhe dá vários nomes:

8
-Anticristo (I Jo 2:18; 4:3);
-Iníquo (2 Ts 2:8);
-Besta (Ap 13);
-Filho da perdição (II Ts 2:3);
-Homem do pecado (II Ts 2:3).

3. O Aparecimento do Anticristo:
a) Não aparecerá enquanto a igreja estiver na Terra (II Ts 2:5-7)
b) O Espírito Santo, através da igreja, na qual habita, está impedindo a plena manifestação do Mal (II
Ts 2:7, 8)
c) Será um líder ativo neste mundo por sete anos (Dn 9:27).
d) Fará uma aliança com os judeus pelo espaço de sete anos, mas quebrará a aliança nos 3 anos e meio
(Dn 9:27)
Quando pensares que há paz, então virá repentina destruição.
e) Imitará a Cristo, na sua vinda, e enganará a muitos, trazendo uma falsa paz (Ap 6:1,2).
f) Matará as duas testemunhas que Deus enviará, e com isto alcançará grande popularidade (Ap 13:7).

4. O domínio do Anticristo (Ap 13:7)


a) Unirá os povos a uma só religião (Ap 13:8)
b) Terá completo controle sobre as atividades comerciais em todo o mundo (Ap13:17).
c) Implantará seu domínio à força (Dn 7:23,25)
d) Satanás, através de seu filho, conseguirá dominar a terra como sempre desejou. Mas,seu domínio
durará apenas sete anos e, então... Cristo virá com poder e grande glória (Mt 24:30).
5. Armagedon e a derrota do Anticristo (Ap 19:11-20):
Armagedom no hb. É monte de megido Jz 5:19 2 Rs23:29.
A última e decisiva rebelião contra Deus culminará em uma guerra mundial, que findará na batalha de
Armagedom, Ap 16:16. Ver Esdrelom.

Quando faltarem poucos dias para a volta de Cristo a esta terra, a trindade satânica enviará demônios
por toda terra, a fim de congregar as nações para a batalha contra o Todo-Poderoso (Ap 26:13-14)
a) O mundo hoje se prepara para esta batalha, com a construção de suas potentes armas.
b) Israel invocará o verdadeiro Deus (At 2:21) e será salvo.
c) Cristo virá lentamente e o exercito do Anticristo lhe fará guerra (Ap 19:19; 17:14).
d) Cristo o matará pela sua palavra (espada de sua boca), e, juntamente com o falso profeta, o
Anticristo será lançado “vivo” no ardente lago de fogo (Ap 19:19, 20; 2 Ts 2:8; Is 11:4; Dn 7:11)
e) Esta é a segunda morte (Ap 2:11;20:14)

·
6. Características pessoais do Anticristo

9
a)Um gênio em oratória (Dn 11:36)
b) Um gênio em política (Ap 17:11, 12, 13, 17; Dn 7:25).
c) Um gênio em comércio (Ap 17:11, 12, 13, 17)
d) Um gênio intelectual (Dn 8:23; Ap 13:14-15; 2 Ts 2:9,10)
e) Um gênio militar (Ap 6:2; 19:19).
f) Um gênio religioso (Ap 13:8; II Ts 2:4).

7. Atividade Pessoal do Anticristo


a) Fazer a vontade de satanás, como Judas ( Ap 13:2; Dn 8:24).
b) Opor-se sistematicamente a Deus (2 Ts 2:4; Dn 7:25)

c) Promover a expansão da apostasia e da impiedade no mundo (2 Ts 2:3; Dn11:36)


d) Cuidar de receber a adoração que pertence a Deus (2 Ts 2:4 ).
e) Atuar como um ditador mundial, tirânico e cruel (2 Ts 2:9; Dn 7:23,25; 8:24; Ap 13:3,11,18)
f) Reinar por sete anos ( Dn 9:27;Ap 13:5;) ( ex: para o Senhor mil anos é como um dia, um dia como
mil anos 2 Pe 3:8)
g) Controlar a área econômica (Dn 11:38-43; Ap 13:17)
h) Controlar a religião (Ap 13:1-18; 14:9,11; 15:2; 16:2).
I) Controlar a área política (Ap 17:12- 17; Dn 7:23,34)
j) Controlar a mente dos homens e todos o admirarão (Ap 13:2-4,8,12-16).
k) controlar o futuro império romano restaurado e os exércitos levando-os ao Armageddon Ap 13:1;
16:13-16; 19:19-21; Dn7:23,24)

8. Como se manifesta atualmente o espírito do Anticristo


a) Através das falsas doutrinas ( 2 Tm 4:1-4).
b) Através do ecumenismo ( Ap 13:12; Gn11:1-9)
c) Através da apostasia (2 Ts 2:3; I Tm 4:1,2
d) Negando que Cristo veio em carne ( I Jo 4:3).
e) Torcendo, adulterando a Palavra de Deus ( 2 Pe 3:26)`.
f) Através do comunismo (Rm1:18-23,28-32).
VII. ASPECTOS E FATOS RELACIONADOES À GRANDE TRIBULAÇÃO NO LIVRO DE
APOCALIPSE
A Babilônia Política ( Referência: Apocalipse 17:8-17 )
Interpreta-se profeticamente, no livro do Apocalipse, que o império e o sistema confederado da besta, o
último estágio de governo e forma de ditadura que a terra vai presenciar, qual terá seu final em
Armagedon ( Meguido ).

10
A Babilônia Eclesiástica
( Referência: Apocalipse 17:1-7, 18, 18:1-18 )
Toda a expressão do cristianismo apóstata que se encontra fora da doutrina ( doutrina essa que afirma
ser Jesus o Senhor, Salvador e Mediador entre a humanidade e Deus ) o papado tem sido precursor e
atual incentivador do ecumenismo mundial. A Babilônia Eclesiástica é a grande meretriz espiritual dos
dias atuais, e terá seu enfoque nos dias do anti-Cristo ( Apocalipse 17:1 ) será destruída, pela Babilônia
Política. Somente a besta reivindicará adoração a si próprio, através dos seus meios, para que lhe
seja dado culto e adoração ( 2 Tessalonissences 2:3-4 e Apocalipse 13:15 ).
Nota- Estas duas babilônias serão destruidas literalmente pelo Senhor Jesus em sua volta
triunfal. Amado leitor, lembre-se de que o Senhor Jesus adentrou em Jerusalém, montado em um
jumentinho como Rei de paz, as crianças e os simples clamavam: Hosanas, hosanas, hosanas! Nesta
ocasião, no desenrolar dos tempos finais ( a grande tribulação ) Ele virá sobre as nuvens em um cavalo
branco, como Rei que em sua mão leva o seu cetro de domínio para reger as nações.

OS SETE SELOS

PRIMEIRO SELO CAVALO BRANCO Ap6 : 1 - 2


Cavalo Branco significa falsa paz
Como conseguirá implantar esta paz ?
Resolvendo o problema do Arrebatamento
Resolvendo o problema sócio - político
Ler Ap6 : 7 - 12

SEGUNDO SELO CAVALO VERMELHO Ap6 : 3 - 4


Cavalo Vermelho significa guerra
Inicio da segunda etapa da Grande Tribulação. Apoc 12 : 12 Pelo que alegrai-vos, ó céus, e vós que
neles habitais. Ai dos que habitam na terra e no mar, porque o diabo desceu a vós, e tem grande ira,
sabendo que já tem pouco tempo.

TERCEIRO SELO CAVALO PRETO Ap6 : 5 - 6


Cavalo Preto significa dificuldade e fome.
Balança significa controle.
Começa a escassez de alimento. Ap13 : 16 - 17

QUARTO SELO CAVALO AMARELO Ap6 : 7 - 8


Cavalo Amarelo significa doença e morte.

QUINTO SELO OS MÁRTIRES Ap6 : 9 - 11


A visão dos mártires da Grande Tribulação.
São aqueles que não receberão o sinal da besta.

SEXTO SELO A VINDA DE JESUS Ap6 : 12 - 17


A vinda do Senhor em glória.

11
SÉTIMO SELO AS TROMBETAS Ap8 : 1 - 2
O soar das sete trombetas

AS SETE TROMBETAS

PRIMEIRA TROMBETA Ap8 : 7


1/3 dos alimentos são destruídos
Começa a fome sobre a terra Ap6 : 6

SEGUNDA TROMBETA Ap 8.8 - 9


1/3 das águas dos mares apodrecem
1/3 das criaturas marítimas morrem
1/3 dos navios e embarcações naufragam

TERCEIRA TROMBETA Ap 8 .10 - 11


1/3 das águas doce apodrecem
A sede se intensifica mais Isaías 19 .5 - 8
Comparar com Êxodo 7 . 20, 24

QUARTA TROMBETA Ap8 : 12 - 13


Sol, lua e estrelas escurecerão
Serão dias sombrios, úmidos e nublados, Lucas 21 .25 - 26
"Ai ! Ai ! dos que habitam sobre a terra..."

QUINTA TROMBETA Ap9 : 1 - 6


Começa a ira de Deus sobre os homens
O abismo é aberto e soltos os demônios Lucas 8 : 31
Os homens que tiverem o sinal da besta serão possessos.
Não haverá morte por cinco meses.

SEXTA TROMBETA Ap9 .14 - 16


São chefes de 200 milhões de demônios

SÉTIMA TROMBETA Ap11.15


Esta trombeta se refere ao milênio

AS SETE TAÇAS

PRIMEIRA TAÇA Ap16 . 1 - 2


Chaga má e maligna, será uma epidemia mundial.
Comparar com Êxodo 9 . 9 e Jó 2. 7
Esta praga afetará quem tem o sinal da besta

SEGUNDA TAÇA Ap 16. 3


Toda água apodrecerá.

12
Todas as criaturas aquáticas morrerão.
Com a 2a trombeta somente 1/3 das águas apodrecerão.
O odor da podridão dos mares será insuportável.

TERCEIRA TAÇA Ap16 : 4


Toda água potável se contaminará
As criaturas aquáticas morrerão
Com a 3a trombeta 1/3 das águas apodrecerão.
Leiamos Isaías 19 : 5 - 8

QUARTA TAÇA Ap16 : 8 - 9


Calor intenso.
Obs. A falta de alimento, as úlceras, o mal cheiro, o sol causticante, os homens possessos.
"Serão homens normais"

QUINTA TAÇA Ap16 : 10 - 11


Dores insuportáveis.

SEXTA TAÇA Ap16 : 12 - 16


Preparação para o Armagedom.

SÉTIMA TAÇA Ap16 : 17 - 21


A vinda do Senhor em glória.

VIII. A VINDA EM GLÓRIA DO SENHOR JESUS CRISTO


Ao término dos 7 anos das Tribulação o Senhor retornara a terra. Está vinda será uma vinda visivel
(Ap.1.7; Lc 21.27), Exterior e Gloriosa (Mt 16.27; Mt 25.31), acopanhado de seus santos (Jl 3.11; 1Ts
3.13; Ap 19.11-14) e com seus anjos (Jd v.14).
Ele voltará publicamente e aqueles que não quisereram o reconhecer na era da igreja e ignoraram o
desaparecimento de milhares de pessoas, serão forçados a reconhecer o Rei dos Reis quando ele
revelar-se (Jl 3.11,12 ; Zc 14.5; Mt 16.27; 24.29-31 ; Cl 3.4; 1 Ts 3.13; 1Jo 3.2).
Ele virá com poder para julgar os seus inimigos. A Besta, o Falso Profeta, e seus exércitos sofreerão a
ira de Deus. As forças do anticristo serão aniquiliadas neste evento (2Ts 2.8.9).
Os espíritos malignos que sairão da trindade satânica (o Anticristo, o Falso profeta eu Dragão/Satanás),
se dirigirão para consquista Jerusalém no fim da Grande Tribulação (Zc 12.1-9; 13.8,9; 14.12; Ap
16.12-16). Quando Israel estiver cercada de seus inimigos o Senhor virá ao seu socorro com seus
exércitos (Ap.19.11-16).
Deuteronômio 4,30: “Quando estiveres em angústia, e todas estas coisas te alcançarem, então, no fim
de dias , te virarás para o Senhor, teu Deus, e ouvirás a sua voz”. Esta e outras passagens
veterotestamentárias se referem, profeticamente, ao evento em análise (Dt 31.4; Is 13.9-13; 34.8; Jr
30,7,8; Ez 20.33-37; Dn 12,1; Jl 1.15).
O Senhor como prometido pelos anjos voltará da mesma forma que foi (At 1.11), no exato ponto, no
Monte das Oliveiras do qual Ele ascendeu aos céus ele virá e poder manifesta ali sera tão grande que ao
tocar os pés no monte, esse se partira em dois(Zc 14.4.5) e então o povo judeu pranteara ao ver seu
Messias outrorá rejeitado (Zc 12.10), O Senhor salvará seu povo estes comfessarão “Bendito aquele
que vem em Nome do Senhor”(Lc 13.35).

13
Cristo triunfará sobre seus inimigos sobre seus inimigos , O Anticristo eu Falso Profeta inaugurarão o
Lago de fogo e o restante do inimigos serão mortos(Ap 19.20,21);
Quanto a Satanás este será preso por Mil anos no Abismo(Ap 20.1-3).

Segue-se após isso a ressureição dos martires da Tribulação (Ap 20.4). e dos Santos do Antigo
Testamento (Dn 12.2). Os juizos sobre Israel (Ez.20:30-44; Jl.3:2;) e sobre as nações (Mt 25.31-32)para
que possam adentrar ao reino Milenial de Cristo.

IX. OS JULGAMENTOS:

A) O Juiz:
1) Deus (Rm.1:32;2:2,3,5,6;14:12; Sl.9:7,8;96:13).

2) Cristo (Rm.2:16;14:10-12; At.17:31; Jo.5:22,23,27; 2 Co.5:10; At.10:42; IITm.4:1).

3) Os Santos como Auxiliares (Sl.149:9; Ap.2:26;3:21; 1 Co.6:2,3).

B) Natureza do Julgamento:
1) Tribunal de Cristo (ICo.4:5; Ap.22:12; 1Co.3:13-15; Jo.5:24; 2Co.5:10).Como já vimos não é para
salvaçãomas para galardão dos crentes da igreja.

2) Israel Sl.50:1-7; Is.1:2,24,26; Ez.20:30-44; Jl.3:2; Ml.3:1,17; Mt.25:31,32; Zc.14:1,2).

3) Gentios (Sl.9:7,8;96:12,13; Zc.14:1,2; Mt.25:31,32). As nações serão julgadas tendo em vista


seu tratamento a Israel na Tribulação para que possam adentrar o Milênio.

4) Besta e Falso Profeta (Ap.19:20).

5) Anjos(Mt.25:41; 1 Co.6:3; Jd.6; I2Pe.2:4). Anjos caidos apenas.

6) Satanás (Ap.20:10).

7) Juízo Final = Trono branco (Ap.20:5a,11; At.24:14; Jo.5:29; Ap.20:12,13,15;21:8;


ICo.4:5;15:28; Hb.9:27; Rm.2:5,6; Mt.12:36; IICo.5:10).Todos o impios serão jugados e
condenados ao lago de fogo após o Milênio.

X. O MILÊNIO

Após a Grande Tribulação, Cristo voltará em glória, pousará seus pés sobre o Monte das Oliveiras, e
assim iniciará o Reino Milenar.
Ao destruir o reino do Anticristo se cumprirá a visão da Grande estatua de Nabucodonosor, Cristo é
aquela pedra lançada divinamente que destroi todos os imprérios humanos nos pés, e seu reino se

14
estabelece no lugar deles e enche toda terra (Dn 2.34.35). Só saberemos o que é um reino de justiça
quando o proprio Deus reinar, não importa quanto seja sincero nossso esforços.

ASPECTOS GERAIS
Quem viverá no milênio ?
Cristo reinará sobre o mundo. Ap11 : 15, Zac. 14 : 9
Satanás será preso por mil anos. Ap20 : 1 - 2
Cristo será reconhecido como Rei dos reis. Ap19 : 16
Será um reinado de paz.
Os armamento serão destruídos Ezeq. 39 : 9 - 10
Algumas armas serão transformadas [em instrumentos pacíficos]. Isaías 2 : 4, Miq. 4 : 3 - 4
Jerusalém será a capital do reino. Isaías 2 : 2 - 3
Haverá o julgamento das nações. Mat. 25 : 31 - 32
Conforme o tratamento que deram a Israel. Joel 3 : 2
O grande enterro dos mortos. Ezeq. 39 : 11 - 15
Os homens serão poucos no início. Isaías 13 : 12
A maldição da terra será tirada. Isaías 29 : 17
O mar morto terá vida. Ezeq. 36 : 29 - 30, 47 : 9 - 10
Não haverá doenças. Isaías 29 : 17 - 19, 35 : 5 - 6
A idade será prolongada. Isaías 65 : 19 - 20
A morte será em pequena escala. Isaías 65 : 20
Todos conhecerão a Cristo. Mat. 24 : 14, Isaías 11 : 9
Haverá salvação no milênio. Isaías 65 : 23 - 24
Não haverá mais crises. Isaías 65 : 21 - 23
As nações adorarão ao Senhor anualmente. Zac. 14 : 16 - 19
Os animais serão dóceis. Isaías 11 : 6 - 9
O sol brilhará mais. Isaías 30 : 26
A lua será como o sol. Isaías 24 : 23
Israel receberá Jesus como messias. Zac. 12 : 10 - 11, 13 : 6
Israel possuirá toda a terra prometida. Gên. 15:8, 17:7 - 8
Israel será reconhecido como cabeça. Zac. 8 : 23
No final satanás será solto. Ap20 : 7 - 9
Enganará as nações.
Será lançado no lago de fogo. Ap20 : 10

O JUÍZO FINAL

A cena do Juízo Final que aparece na Bíblia é esta que fala em justiça soberana e santa.

15
A idéia do Juízo e retratada através do Rei sobre o seu trono medindo a justiça de todos que estão a sua
frente.
Os termos sados para descrever o Trono "Grande e Branco" salienta a Soberania e Santidade.
Neste juizo todos os impios serão julgados. Segundo o conteudo dos livros.
O LIVRO DA REDENÇÃO – Ap-05:01
O LIVRO DA NATUREZA – Rm-01:25e27
O LIVRO DA CONSCIÊNCIA – Rm-02:15e16
O LIVRO DO PECADO – Rm-08:02
O LIVRO DA LEI DO SENHOR – Dt-31:26
O LIVRO DA JUSTIÇA – Ap-22:11
O LIVRO DA VIDA – Ap-20:15
O destino final dos Impios seráo lago de fogo para toda eternida (Ap 21.8).

A Nova Jerusalém
"Porque esperava a cidade que tem fundamentos, da qual o artífice e construtor é Deus...(16) Mas
agora desejam uma melhor, isto é, a celestial. Por isso também Deus não se envergonha deles, de se
chamar seu Deus, porque já lhes preparou uma cidade." (Hebreus 11:10,16 )
A Jerusalém celestial já estará pairando sobre a Jerusalém terrestre durante o milênio e será morada de
Cristo e de Seus remidos, enquanto estarão governando sobre a Terra:

"E levou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a grande cidade, a santa
Jerusalém, que de Deus descia do céu." (Apocalipse 21:10 )
"E as nações dos salvos andarão à sua luz; e os reis da terra trarão para ela a sua glória e honra."
(Apocalipse 21:24 )
E esta mesma cidade será morada eterna dos salvos:

"E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com
eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus."
(Apocalipse 21:3 )
A santa cidade será imensa:

"E a cidade estava situada em quadrado; e o seu comprimento era tanto como a sua largura. E mediu
a cidade com a cana até doze mil estádios; e o seu comprimento, largura e altura eram iguais."
(Apocalipse 21:16 )

16
Cada estádio, pelo sistema israelita, media aproximadamente 178 metros. Multiplicando 12.000 x 178
temos que a cidade tinha 2.136 Km de comprimento, de largura e de altura, com isto temos que Nova
Jerusalém tem um volume maior que o de Plutão!
A Eternidade (a situação final do universo)
A Eternidade se iniciará com Cristo após ter vencido a todos os inimigos, sendo o último a morte,
entregará o Reino Eterno ao Pai:

"Depois virá o fim, quando tiver entregado o reino a Deus, ao Pai, e quando houver aniquilado todo
o império, e toda a potestade e força. (25) Porque convém que reine até que haja posto a todos os
inimigos debaixo de seus pés. (26) Ora, o último inimigo que há de ser aniquilado é a morte. (27)
Porque todas as coisas sujeitou debaixo de seus pés. Mas, quando diz que todas as coisas lhe estão
sujeitas, claro está que se excetua aquele que lhe sujeitou todas as coisas. (28) E, quando todas as
coisas lhe estiverem sujeitas, então também o mesmo Filho se sujeitará àquele que todas as coisas
lhe sujeitou, para que Deus seja tudo em todos." (I Coríntios 15:24-28 )
No Reino os salvos estarão em completo e perpétuo gozo e sentirão indescritível felicidade
eternamente:

"E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor,
nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas." (Apocalipse 21:4 )
Haverá completa comunhão com Cristo:

"E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde
eu estiver estejais vós também." (João 14:3 )
"E verão o seu rosto, e nas suas testas estará o seu nome." (Apocalipse 22:4 )
Haverá pleno conhecimento de todas as coisas:

"Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas
sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o
veremos." (I João 3:2 )
"Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em
parte, mas então conhecerei como também sou conhecido." (I Coríntios 13:12 )
Haverá completa glória:

"Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui
excelente;" (II Coríntios 4:17 )
Não haverá maldição:

"E ali nunca mais haverá maldição contra alguém..." (Apocalipse 22:3a )
Os salvos servirão a Deus:

17
"... e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão." (Apocalipse 22:3b )

BIBLIOGRAFIA
STAMPS, Donald, Bíblia de Estudo Pentecostal, CPAD
PEREIRA, Paixão. O Fim do Mundo eo Mundo sem Fim, Ed. Kairos;
PEREIRA, Paixão. APOCALIPSE, A Revelação Final, Ed. Kairos;
MENZIES, Willians ; HORTON, Stanley. Doutrinas Bíblicas, Os Fundamentos de Nossa fé. CPAD
HORTON, Stanley. Teologia Sistemática, U ma Perspectiva Pentecostal, CPAD
GILBERTO, Antônio. Teologia Sistemática Pentecostal, CPAD
GEISLER, Norman. Teologia Sistemática, Vol.2, CPAD
BARBOSA, Paulo André. Teologia Dogmática, curso Bacharel Livre – IBE
TULER, Marcos. Sumário de Escatologia & Soteriologia, Ed. 3D
ICE, Thomas; DEMY, Timothy. Quando A Trombeta Soar, Chamada
CABRAL, Elienai, Liçoes Bíblicas 3º Timestre 1998, CPAD
PENTECOST, Dwight. Manual de Escatologia, Vida
HYRIE, Charle. Teologia Básica, Ed. Mundo Cristão
http://solascriptura-tt.org/EscatologiaEDispensacoes/index.htm

18
19