Вы находитесь на странице: 1из 5

Fosfoetanolamina Sintética

Receita caseira (atualização 4)


Importante:

Esta receita caseira deve ser feita apenas em contexto familiar, você não poderá
ganhar dinheiro com seu produto , porque seus registros ainda estão em andamento e
licenciamentos estão em tramitação; Atualmente esta substancia é considerado um
produto experimental ; você não poderá vender o preparado para terceiros nem doar
à população; apenas poderá doar a quem seja seu parente doente ou doente da
família. As Leis de nosso País devem ser respeitadas.

Doe as cópias da Receita caseira e então estará beneficiando as famílias dos doentes,
pois esta Receita está em situação de Domínio Público.

Introdução:

Existem alguns tratamentos alternativos desintoxicantes de origem chinesa que


utilizam a ingestão de Urina da própria pessoa para estimular o funcionamento do
sistema imunológico.

Aqui nós desenvolvemos a fermentação da urina para desmembrar a Ureia em


Amônia, utilizando a flora bacteriana e enzimas presentes na Urina do próprio
paciente. A urina da manhã dá melhores resultados. Se tiver pouco volume pode
adicionar de outras coletas de outros horários do dia. Pode ser também urina do dia
anterior que terá cheiro e cor mais fortes, beneficiando também a fermentação.

Desenvolvemos este método, devido às dificuldades de encontrar Amônia e de


transformar Ureia em Amônia. A principal característica da Amônia é o cheiro
característico de Urina .

Se na eventualidade de doença grave dos rins ou da bexiga, e não for possível a coleta
da Urina do próprio paciente , esta poderá ser de qualquer pessoa da família que tiver
boa saúde, ou mesmo de uma criança. O álcool que será adicionado posteriormente
matará todas as bactérias que estiverem vivas após a fermentação.

Ingredientes:

1( uma ) Porção de Fermento em pó Químico.

1( uma ) Porção de Ureia Sintética.

1( uma ) Porção de Álcool 92° ou 96 ° ou de Álcool de Cereais.

3 ( três ) Porções de água destilada ou de fonte ou água mineral ou deionizada.

2 ( duas ) Duas medidas de Urina .


Utensílios usados na preparação:

1 ( um ) Copinho de cafezinho para medida das porções dos componentes.

2 (duas ) Colherinhas de plástico descartável, não metálicas.

3 ( três ) Potinhos de plástico não metálicos.

1 ( uma ) Peneirinha ou coador de chá de plástico não metálico.

1 ( um ) Par de luvas descartáveis.

1 ( um ) Rolo de Toalhas de papel ou filme de PVC para proteger a mesa de trabalho.

1 ( uma ) Geladeira ou congelador.

Reagentes :

1 (um ) litro de Álcool 92 ° ou 96° ou Álcool de Cereais ou até álcool 70° (ou meio litro)

1 ( um ) potinho de Fermento em pó Químico.

100 ( cem ) gramas de Uréia sintética ;

Procedimentos:

O copinho de café será a medida dos componentes.

Use a geladeira ou o congelador para resfriar e precipitar as impurezas.

Esterilizar todos os utensílios que vai usar na receita usando o Álcool.

Luvas higiênicas descartáveis podem ser usadas pelo operador da Receita, reduzindo
contaminação.

A Ureia Sintética é encontrada em lojas de Agropecuária, como adubo folhar, ou


ração suína ou em lojas de insumos cosméticos, compre a mais pura que encontrar;
( é vendida por quilo ).

O Álcool 92° ou 96° é encontrado em lojas de produtos especializados ; o 70° em


loja de produtos hospitalares; Álcool de cereais em farmácias de manipulação. Álcool
de menor grau não deve ser usado, por conter aditivos desnaturantes ou
aromatizantes que são vendidos em supermercados; o Álcool gel também não .

Você irá gastar algumas horas de seu tempo para preparar a Receita, que pode ser
interrompida, conservando os componentes na geladeira.

Escolha um lugar tranquilo, sem muita passagem de pessoas, para se concentrar no


trabalho da preparação.
Alguns dos componentes são inflamáveis, assim não devem ficar próximos a fontes
de calor ou fogo ou faíscas.

Você usará os componentes de forma mais concentrada que em uso normal, assim os
reagentes ficam mais fortes, devendo ter os devidos cuidados .

Preparação da receita:

(1 ) Limpeza da Ureia:

A Ureia agrícola pode conter impurezas. Assim ponha uma medida e meia na
peneirinha e vá separando todas as bolinhas com a colherinha, que contenham
qualquer manchinha colorida, pozinho ou sujeirinha; Se precisar use uma lente e boa
luminosidade para procurar; não tenha dó, só deixe as que são totalmente brancos.
Lave com água fria mineral rapidamente na peneirinha. Com água fria as bolinhas não
dissolvem. A Uréia limpa está pronta para uso.

(2) Fermentação da Ureia com a Urina :

Ponha uma medida e meia de Ureia num potinho e acrescente duas medidas de
Urina. Mexa um pouco e deixe a mistura descansar tampada em temperatura
ambiente. Você verá a fermentação progredir, com a formação de pequenas bolhas de
CO2 se formando na superfície, depois de algum tempo; O cheiro poderá aumentar e
as bolinhas de Ureia irão se dissolver lentamente no fundo. Deixe fermentando por
duas horas aproximadamente ou mais. O cheiro poderá aumentar , tudo vai
depender das características da Urina e da Ureia utilizada.

(3)Mistura da Uréia com o Álcool:

Misture uma medida de Álcool com uma medida de Ureia-Urina, mexendo com a
colherinha. Aqui temos a Monoetanolamina. Deixe descansar na geladeira.

(4)Ativação do Fermento

Coloque uma medida e meia de água em temperatura ambiente em um potinho, e


vá despejando aos poucos uma medida do Fermento em pó Químico e mexendo
com a colherinha, até misturar toda a medida do Fermento; Cuidado em não
despejar a água no Fermento que irá espumar muito e transbordar; O Fermento é que
é jogado na água. Poderá acrescentar mais meia medida de água se o sobrenadante
líquido for insuficiente ou estiver muito cremoso. Isto dependerá da marca do
Fermento.

Ponha descansar na geladeira, ou no congelador;

Depois de dez ou quinze minutos na geladeira, a parte da fécula de mandioca e outros


resíduos da reação ficarão no fundo do pote; Você só usará a parte líquida
sobrenedante do Fermento.

(5) Mistura do Fermento com a Monoetanolamina.


Lentamente adicione uma medida da Monoetanolamina, com uma medida do
líquido do Fermento; vá mexendo com a colherinha até homogenizar ; Sua aparência
será de líquido quase incolor e ligeiramente amarelado devido a cor da urina e talvez
um precipitado branco no fundo do resíduo do amido do Fermento em temperatura
ambiente . Aqui já temos a Fosfoetanolamina pronta e concentrada. Mantenha na
geladeira. Poderá formar cristais no fundo .

Aqui temos a Fosfoetanolamina pronta e já é possível experimentar, e está


concentrada.

(6)Estabilização

A adição de um excesso de Monoetanolamina é desejável, já que este composto age


como estabilizante e tem uma fraquinha, mas eficiente ação anticancerígena também.

Misture um terço da medida de Uréia-Urina e um terço da medida de Álcool ,


formando a Monoetanolamina e adicione à Fosfoetanolamina. A qui temos a Fosfo
estabilizada e pronta para uso. Seu sabor é uma mistura de Amônia com Álcool e
Fermento. Melhor conservar na geladeira ou no congelador.

A dosagem diária deve ser ao redor de 2400mg, ou 40 mg/quilo de peso da pessoa


da substancia pura, divididas em três doses diárias.

A dosagem é de uma colherinha pequena em cada uma das três doses diárias.

A quantidade poderá ser aumentada dependendo da gravidade da doença, podendo


dobrar ou triplicar a dose. Doses maiores e mais de três doses diárias poderão
sobrecarregar o fígado ou o pâncreas.

Tomar com água ; Ou se preferir deixe a substância absorver na boca.

Quando as dores reduzirem, significa que a dosagem está próxima da correta.

A Fosfoetanolamina é metabolizada no fígado; Assim não pode ser usada para doenças
no fígado ou no pâncreas.

A Fosfoetanolamina evita a metástase, podendo ser usada nos pós procedimentos .

Para fins preventivos, uma dose diária é o suficiente .

Análise de Caracterização da Fosfoetanolamina Sintética

Sempre que um composto químico é sintetizado, podemos verificar se é de fato


mesmo o produto que se quer obter; Para isto se utiliza um reagente de
caracterização, que dará segurança na obtenção; em geral um reagente específico é
utilizado e que dará um tipo de coloração, demonstrando o resultado. Isto é chamada
Análise Imediata, isto é: apenas uma Análise prévia Qualitativa.

No caso da Fosfoetanolamina este reagente de caracterização é o iodo em solução


alcoólica a 2%; Este reagente é a Tintura de iodo, encontrada em Farmácias,
adicionado de iodeto de Sódio a que é utilizada para tratamento de ferimentos da
pele. Se você quiser maior segurança, poderá encomendar em uma Farmácia de
Manipulação a Tintura de iodo, em solução alcoólica a 2%. Pode pedir o menor
volume possível, porque você utilizará apenas gotinhas para a análise.

Reação de caracterização da Fosfoetanolamina

Procedimento: Encher uma colherinha não metálica com Fosfoetanolamina, e pingar


uma gota do reagente Tintura de Iodo. Imediatamente deverá aparecer a coloração
Amarela em toda a Fosfoetanolamina. Isto confirma que de fato a Fosfo foi obtida com
a síntese descrita na Receita caseira.

Se no fundo da colher aparecer uma leve coloração violeta azulada, é a reação do iodo
com os resíduos do amido, provenientes da formulação do Fermento em pó Químico
usado na fórmula da Receita; Isto é perfeitamente normal.

Recomendações:

Use alimentação antioxidante, como frutas e verduras, cereais integrais, feijão e


peixes com ômega 3 , como na dieta Mediterrânea.

Use todos os derivados produzidos pelas abelhas na alimentação, como o mel, pólen,
geleia real e própolis, como auxiliares na restauração do sistema imunológico.

Elimine da dieta ou reduza os embutidos e carnes vermelhas por conterem nitratos.

Elimine o uso da sacarose refinada (açúcar da cana ou beterraba) que captura e


desativa a Fosfo.

Não misture sacarose com proteínas.

Elimine o uso de bebidas alcoólicas e cigarro químico industrial.

Reduza os ovolactofrango.

Adoçantes, só os naturais, como estévia , mel de abelhas e sucos de frutas ou outros.

Consulte seu médico regularmente.

Fim do texto.