Вы находитесь на странице: 1из 4

Pergunta 16 pts

Considere as assertivas abaixo:


I. As denominadas teorias absolutas da pena consideram que a pena se esgota
na ideia de pura retribuição, tem como fim a reação punitiva, ou seja, responde
ao mal constitutivo do delito com outro mal que se impõe ao autor do delito.
Kant, um dos seus principais defensores, considerava que a exigência da pena
derivava da ideia de justiça.
II. As teorias ecléticas veiculam a dupla finalidade da pena: prestando a mesma
tanto a reprimir o criminoso como a prevenir a prática do crime.
III. A teoria da prevenção especial negativa da pena busca a segregação do
criminoso, com o fim de neutralizar a possível repetição delitiva.

São corretas:

Todas as assertivas.
Apenas as assertivas II e III.
Apenas as assertivas I e III.
Apenas as assertivas I e II.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 26 pts
(Fonte MPE-GO-2010) Sobre a execução penal considere as proposições
seguintes:
I - O excesso ou desvio de execução ocorre sempre que algum ato foi
praticado além dos limites fixados na sentença, em normas legais ou
regulamentares.
II - O recurso cabível na execução penal é o recurso de agravo, sem efeito
suspensivo e que segue o rito do recurso em sentido estrito.
III – O prazo para interposição do agravo é de 10 dias, contados na ciência da
decisão impugnada.
Pode-se dizer que:

Apenas as proposições II e III estão corretas.


Apenas a proposição I está correta.
Apenas as proposições I e II estão corretas.
As três proposições estão corretas.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 36 pts
Considere as assertivas abaixo:

I. As denominadas teorias absolutas da pena consideram que a pena se esgota


na ideia de pura retribuição, tem como fim a reação punitiva, ou seja, responde
ao mal constitutivo do delito com outro mal que se impõe ao autor do delito.
Kant, um dos seus principais defensores, considerava que a exigência da pena
derivava da ideia de justiça.

II. As teorias ecléticas ou mistas veiculam a dúplice finalidade da pena: presta-


se tanto a reprimir o criminoso como a prevenir a prática do crime.

III. Para as teorias relativas a pena tem um fim prático e imediato de prevenção
geral ou especial do crime, não se justificando por si mesma, mas apenas na
medida em que se cumprem os fins legitimadores do controle de delinquência.

IV. A teoria da prevenção especial negativa da pena busca a segregação do


criminoso, com o fim de neutralizar a possível novação delitiva.
São corretas:

Somente as assertivas I, III e IV.


Todas as assertivas.
Somente as assertivas I e II.
Somente as assertivas I, II e III.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 46 pts
(Fonte Polícia Civil RJ/2013)O princípio da humanidade consubstancia-se na
ideia de que o direito penal deve pautar-se na benevolência, de forma a tratar
dignamente aquele que comete um fato delituoso, visto que, apesar de ter
infringido a norma penal, é pessoa humana como qualquer outra. Sendo assim,
podemos afirmar corretamente que:

A pena de morte confronta o princípio da humanidade, sendo


vedada no ordenamento jurídico brasileiro de forma absoluta.
O cumprimento de pena privativa de liberdade em regime
fechado não atenta contra o princípio da humanidade, por isso
é permitido no ordenamento jurídico brasileiro.
Constitui-se pena degradante, por violar o direito à liberdade de ir
e vir do condenado, a imposição de penas restritivas de direitos
consistentes na proibição de freqüentar determinados lugares e
limitação de fim de semana.
Ao condenado, durante a execução da pena, pode ser imposta a
obrigação de realizar trabalhos forçados, desde que se garanta o
benefício da remição penal.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 56 pts
Sobre a prevenção especial, é incorreto afirmar:

A pena, nesta concepção, possui a finalidade de reabilitar


socialmente o indivíduo.
O objetivo primário da pena, com funções preventivas especiais, é
prevenir a reincidência.
A mesma pressupõe uma atuação diretamente sobre o indivíduo
condenado.
O destinatário da mensagem preventiva da pena é o infrator
potencial, não o efetivo.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 66 pts
Sobre as teorias mistas ou ecléticas, considere as seguintes afirmativas:

I – Se recusam a aceitar qualquer justificativa para a legitimação da pena.


II - Recolhem os aspectos mais destacados das teorias absolutas e relativas.
III - Entendem que a retribuição, a prevenção geral e a prevenção especial são
distintos aspectos de um mesmo e complexo fenômeno que é a pena.
São corretas:

Apenas as afirmativas I e II.


Apenas as afirmativas I e III.
Todas as afirmativas.
Apenas as afirmativas II e III.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 76 pts
É (são) instrumento(s) do Modelo de Inocuização:

Todas as opções acima.


O internamento sem prazo definido.
A prisão perpétua.
A pena de morte.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 86 pts
Sobre o Princípio da Individualização da pena, é incorreto afirmar:

A individualizaçaõ da pena se dá em três momentos: o da


cominaçaõ , o da aplicaçaõ da sanção ao caso concreto e o da
execuçaõ da pena.
A individualizaçaõ da pena é corolário lógico da isonomia. Os
desiguais naõ podem ser tratados igualmente e, por via de
consequência, os iguais naõ podem ser tratados desigualmente.
Se duas pessoas forem condenadas pelo mesmo fato a pena
deverá ser idêntica para ambas, em atenção ao princípio da
igualdade, justificando-se, assim, a relativização do princípio
da individualização das penas.
A atenção ao princípio da individualizaçaõ da pena resulta em
tratamento específico a cada condenado ou internado durante a
execuçaõ criminal.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 96 pts
Está correta a seguinte afirmação:

O modelo penitenciário Pensilvânico, ou filadélfico, previa a


realização coletiva do trabalho como instrumento para a obtenção
da emenda.
O modelo penitenciário Alburniano aboliu o trabalho forçado,
sendo este considerado uma faculdade do preso.
A primeiras experiências penitenciárias surgiram no Séc XIX,
baseadas nos ideais iluministas.
As idéias de Jeremias Bentham, manifestadas no modelo
“Panótico”, ainda hoje influenciam os sistemas e a arquitetura
penitenciária.

Sinalizar esta pergunta


Pergunta 106 pts
A regra geral é a de que o sentenciado pode progredir de regime de pena
quando o seu mérito o recomende e tenha cumprido, no regime anterior, pelo
menos:

dois terços da pena.


metade da pena.
um sexto da pena.
um terço da pena.