Вы находитесь на странице: 1из 40
TREINAMENTO TREINAMENTO RÁDIO RÁDIO AW-1500-3A AW-1500-3A 1

TREINAMENTOTREINAMENTO

RÁDIORÁDIO AW-1500-3AAW-1500-3A

TREINAMENTO TREINAMENTO RÁDIO RÁDIO AW-1500-3A AW-1500-3A 1

1

RÁDIO AW-1500-3A Empresa brasileira 200 colaboradores 6000m2 área NBR ISO-9001:2008 2

RÁDIO AW-1500-3A

Empresa brasileira 200 colaboradores 6000m2 área NBR ISO-9001:2008

RÁDIO AW-1500-3A Empresa brasileira 200 colaboradores 6000m2 área NBR ISO-9001:2008 2
 Características do AW-1500-3A Características  Equipamento tipo Split  Montagem em Rack 19”(IDU) e

Características do AW-1500-3A

Características

Equipamento tipo Split

Montagem em Rack 19”(IDU) e Mastro de 2” a 6”(ODU)

Led’s de sinalização de falhas, Status e Operação

Alto índice de Modulação de 8PSK a 256 QAM

Melhor ganho de Sistema

Forward error correction (FEC)

Equalizador Transversal

Supervisão Remota e Local

Canais de serviço integrados

Proteção de Equipamento 1+1 Hot Stb, Div. Esp. e Div. Freq.

Operação nos modos 2+0 e XPIC

 IDU do Rádio AW-1500 -1A Composição do Equipamento 4

IDU do Rádio AW-1500 -1A

Composição do Equipamento

 IDU do Rádio AW-1500 -1A Composição do Equipamento 4
Composição do Equipamento  ODU do Rádio AW-1500-3A 5

Composição do Equipamento

ODU do Rádio AW-1500-3A

Composição do Equipamento  ODU do Rádio AW-1500-3A 5

5

Especificação do Equipamento

Características Gerais

Banda

1500 MHz

Interfaces de Dados

G703, Ethernet

Modulações

16QAM, 64QAM e256 QAM

Potência de saída

+33 dBm– 16QAM +32 dBm– 64QAM +29 dBm– 256QAM

Conexão à antena

Conector N fêmea, 50Ω

Sistemas

1+ 0, 1+1/HS, 1+1/DE, 1+1/DF, 2+0/XPIC

Código corretor de Erro

Disponível para todas as taxas.

Alimentação da IDU

-48 VDC ± 25% ou -24VDC ± 20%

Alimentação da ODU

-48 VDC ± 25% ou -24 VDC ± 20%

Canais de serviço Digital Orderwire(OW) Contato seco de relê

Um canal digital, assíncrono, RS-232, taxa de 19200 bps. Umcanal (300 a 3400 Hz), +híbrida emtrês direções Três contatos (C, NA e NF) de 4 reles (MJ1, MN1, MJ2, MN2)

Telesinais

4 Telesinais

Telecontrole

1 Telecontrole

Telemedida

1 Telemedida

Especificação do Equipamento

Características Gerais ( cont. )

Condições ambientais

de Operação

IDU ODU
IDU
ODU

Temperatura

-5 a +55 ºC

-10 a +55 ºC

Umidade relativa

10% a 90 %

10% a 100 %

 

Altitude

5000 m

5000 m

Instalação

em coluna de

em torre

Dimensões Externas

IDU ODU
IDU
ODU

Profundidade

260 mm

100 mm

Largura

435 mm

310 mm

Altura

44 mm

360 mm

Consumo

Sistema 1+0

Sistema 1+1

P

T

t

l

IDU ODU
IDU
ODU

12 W

45 W

17 W

2 X 45 W

310 mm Altura 44 mm 360 mm Consumo Sistema 1+0 Sistema 1+1 P T t l

IDU

ODU

7

Especificação do Equipamento

Especificação Técnica

Especificação do Equipamento  Especificação Técnica 8

8

Especificação do Equipamento

Especificação Técnica

Especificação do Equipamento  Especificação Técnica 9

Especificação do Equipamento

Especificação do Transceptor

ITEM

BANDA

1500 MHz

Valor

Garantido

FI de transmissão

FI de Recepção

Nível de saída de FI RX

Nível de entrada de FI TX

Impedância da entrada de FI TX

Impedância da saída de FI RX

Perda de Retorno entrada FI TX

Perda de Retorno saída FI RX

Faixa de operação do CAG de FI

Faixa de correção do CAG

70 MHz

70 MHz

-10dBm 0.5 dB

-10dBm 1 dB

50 ·, desbalanceada

50 ·, desbalanceada 20 dB em 70 2 MHz

20 dB em 70 2 MHz

60 dB

-95 dBm a -27 dBm

-

- 1 dB

3 dB

-

- 18 dB

18 dB

55 dB

1 dB

Especificação do Equipamento

Especificação do Modulador / Demodulador

ITEM

TAXA

Garantido

TAXA

5XE1

8XE1

12XE1

Modulação

16QAM

64QAM

256QAM

Taxa Bruta

12.7394

19.1091

25.4788

-

Fator de Roll-off (√TX·√RX)

0.12

-

Cod. Corret. Erro

Reed-Solomon

-

Freqüência de saída do MOD

70 MHz 100Hz

2KHz

Freqüência de entrada do DEM

70 MHz 50KHz

-

Impedância de entrada de FI

50 ·, desbalanceada

-

Impedância de saída de FI

Perda de retorno entrada/saída de FI

50 ·, desbalanceada 20 dB em 70 2 MHz

- 18 dB

11

Especificação do Equipamento

Especificação da Interface IDU/ODU

Especificação do Equipamento  Especificação da Interface IDU/ODU 12

Especificação do Equipamento

Especificação da Interface de Dados

Especificação do Equipamento  Especificação da Interface de Dados 13

13

Especificação do Equipamento

Especificação das Interfaces Externas

Especificação do Equipamento  Especificação das Interfaces Externas 14
Descrição Funcional  Diagrama em blocos da ODU 15

Descrição Funcional

Diagrama em blocos da ODU

Descrição Funcional  Diagrama em blocos da ODU 15

15

 Diagrama em blocos da IDU Descrição Funcional 16

Diagrama em blocos da IDU

Descrição Funcional

 Diagrama em blocos da IDU Descrição Funcional 16
Interfaces do Equipamento 17

Interfaces do Equipamento

Interfaces do Equipamento 17
Interfaces do Equipamento 18

Interfaces do Equipamento

Interfaces do Equipamento 18
Interfaces do Equipamento 19

Interfaces do Equipamento

Interfaces do Equipamento 19
Interfaces do Equipamento 20

Interfaces do Equipamento

Interfaces do Equipamento 20
Interfaces do Equipamento 21

Interfaces do Equipamento

Interfaces do Equipamento 21
Interfaces do Equipamento  ODU (Identificação no próximo slide) 22

Interfaces do Equipamento

ODU

(Identificação no próximo slide)

Interfaces do Equipamento  ODU (Identificação no próximo slide) 22

22

 Descrição das interfaces da ODU Interfaces do Equipamento 23

Descrição das interfaces da ODU

Interfaces do Equipamento

 Descrição das interfaces da ODU Interfaces do Equipamento 23
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 24

IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES

 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 24

Operação

 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 24
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 25

IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES

Operação

 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 25
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 25
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 26

IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES

Operação

 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 26
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 26

26

 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 27

IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES

Operação

 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 27
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 27
 IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES Operação 27
Operação  IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES - ODU 28

Operação

IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES - ODU

Operação  IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES - ODU 28
Operação  IDENTIFICAÇÃO DE ALARMES - ODU 28
 CLASSIFICAÇÃO DOS ALARMES ALARMES MAJORITÁRIOS Perda de potência de transmissão Falha no sintetizador de

CLASSIFICAÇÃO DOS ALARMES

ALARMES MAJORITÁRIOS

Perda de potência de transmissão

Falha no sintetizador de transmissão

TEB10 -3 ( HIGH BER )

Falha no sintetizador RX

Perda da conexão óptica

Perda de sincronismo de quadro

Falha na operação do modo XPIC

Falha na operação do modo 2+0

ALARMES MINORITÁRIOS

Alarme de ventoinhas

Alarme de temperatura

Alarme de tensões secundárias

Alarme de tensão primária

TEB10 -6 ( LOW BER )

Perda de tributário

SIA enviado

SIA recebido

Manutenção

Operação

ITENS QUE ATIVAM O ESTADO DE MANUTENÇÃO

Sistema 1+1 operando no modo forçado

Operação em CW

Operação com dois tons

Operação de alinhamento de antena

Solicitação de Loop _Back Local

Solicitação de Loop _Back Remoto

Solicitação de IF TX MUTE

Solicitação de POWER MUTE

 Modos de Operação Operação SISTEMA 1+0 A figura mostra a ligação básica do sistema

Modos de Operação

Operação

SISTEMA 1+0

 Modos de Operação Operação SISTEMA 1+0 A figura mostra a ligação básica do sistema 1+0.

A figura mostra a ligação básica do sistema 1+0. Não há nenhum tipo de proteção para o sistema.

SISTEMA 1+1 HS

há nenhum tipo de proteção para o sistema. SISTEMA 1+1 HS Na figura é mostrada a

Na figura é mostrada a ligação básica de um sistema 1+1 Hot Stand By, com antena única.

30

Operação  Modos de Operação SISTEMA 1+1 DF O diagrama ao lado demonstra a montagem

Operação

Modos de Operação

Operação  Modos de Operação SISTEMA 1+1 DF O diagrama ao lado demonstra a montagem de

SISTEMA 1+1 DF

O diagrama ao lado demonstra a montagem de sistemas Hot Stand By com Diversidade de Freqüência ou 2+0

sistemas Hot Stand By com Diversidade de Freqüência ou 2+0 SISTEMA 1+1 DE O diagrama ao

SISTEMA 1+1 DE

O diagrama ao lado mostra a montagem de um sistema 1+1 com Diversidade de Espaço

31

 Modos de Operação SISTEMA 2+0 (XPIC) Operação O sistema XPIC consiste em uma configuração

Modos de Operação

SISTEMA 2+0 (XPIC)

Operação

O sistema XPIC consiste em uma configuração 2+0 que funciona com polarização cruzada, ou seja, um transmissor operando na Vertical e outro na Horizontal no mesmo canal, na mesma antena ( ou não ). Através de um software específico, o MODEM faz uma combinação dos sinais que estão em polarizações distintas e utilizando um cancelador de interferência cruzada consegue utilizar ambos os sinais, dobrando a capacidade do rádio.

utilizando um cancelador de interferência cruzada consegue utilizar ambos os sinais, dobrando a capacidade do rádio.
Configuração 3333

Configuração

Configuração 3333

3333

Configuração 1 8  Acesso ao Terminal Rádio (VT-100 / CONFIG) PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA

Configuração

1 8
1
8
Configuração 1 8  Acesso ao Terminal Rádio (VT-100 / CONFIG) PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA ACESSO

Acesso ao Terminal Rádio (VT-100 / CONFIG)

1 8  Acesso ao Terminal Rádio (VT-100 / CONFIG) PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA ACESSO AO
1 8  Acesso ao Terminal Rádio (VT-100 / CONFIG) PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA ACESSO AO
PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA ACESSO AO RÁDIO

PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA ACESSO AO RÁDIO

PARÂMETROS DE CONFIGURAÇÃO PARA ACESSO AO RÁDIO

PARÂMETRO

VT-100

CONFIG

Velocidade de TX

38400

19200

Bits de dados

8

8

Paridade

Bits de parada

Controle de Fluxo

Usuário

Senha

Nenhum

1

Nenhum

----

111

Nenhum

1

Nenhum

admin

cmgrasga

34

Instalação  Instalação do Rádio AW-1500-3A SISTEMA 1+0 AW-3A SISTEMA 1+1 AW-3A IDU AW-3A 35

Instalação

Instalação do Rádio AW-1500-3A

SISTEMA 1+0

AW-3A
AW-3A

SISTEMA 1+1

AW-3A IDU AW-3A
AW-3A
IDU AW-3A

35

 Instalação do Rádio AW-3A Instalação 36

Instalação do Rádio AW-3A

 Instalação do Rádio AW-3A Instalação 36

Instalação

36

 Instalação do Rádio AW-3A C o n e c t o r d e

Instalação do Rádio AW-3A

Conector de alimentação da IDU

d e a l i m e n t a ç ã o d a I

0V ( +48V )

-48V ( 0 V ) AZUL

VERMELHO

GND /TERRA

VERDE/PRETO

Instalação

Conector de alimentação da ODU

I D U 0V ( +48V ) - 48V ( 0 V ) AZUL VERMELHO GND
 Instalação do Rádio AW-3A Instalação Curva de Tensão de CAG x Nível de RX

Instalação do Rádio AW-3A

Instalação

Curva de Tensão de CAG x Nível de RX

 Instalação do Rádio AW-3A Instalação Curva de Tensão de CAG x Nível de RX Nível

Nível de RX = 10 x VCAG

 Reposição Manutenção No caso da IDU por se tratar de um equipamento composto por

Reposição

Manutenção

No caso da IDU por se tratar de um equipamento composto por vários módulos, quando for identificado um problema, será possível efetuar a troca somente do módulo defeituoso. Já no caso da ODU, quando identificado um problema, será feita a substituição completa da unidade.

Cada módulo é fixado à IDU por dois parafusos laterais. Para retirar o módulo, deve-se desatarraxar os parafusos e fixá-los nos furos localizados no frontal do módulo. Com os parafusos fixados nos furos de apoio, puxar firmemente o módulo por igual, para que o mesmo se desconecte do painel traseiro.

Após a substituição do módulo, colocá-lo no slot correspondente e deslizá-lo uniformemente até o fim para que se conecte ao painel traseiro. Atentar-se com a correta colocação do painel para que este encaixe perfeitamente e não danifique seus terminais. Colocar novamente os parafusos de fixação.

Deve-se prestar muita atenção quanto ao posicionamento do módulo, pois cada um possui uma posição específica e não funcionará caso seja instalado em posição errada.

Observe atentamente o funcionamento do equipamento a fim de averiguar a operação correta das ventoinhas, pois o mau funcionamento pode acarretar uma diminuição no MTBF do rádio.

Observar se as saídas e entradas de ar estão desobstruídas para garantir um perfeito arrefecimento do equipamento.

Suporte Técnico Email: suporte- tecnico@asga.com.br Tel: (19)3517-6440/(19)2116- 2120 www.asga.com.br AsGa S.A. Rod. Dr.

Suporte Técnico Email: suporte- tecnico@asga.com.br

Tel: (19)3517-6440/(19)2116-

2120

www.asga.com.br

AsGa S.A.

Rod. Dr. Roberto Moreira, Km

04

Paulínia, São Paulo. Fone: (19) 2116-2000 Email: asga@asga.com.br

40

40