Вы находитесь на странице: 1из 7

CURSO PROGRESSÃO

Profº Emilson Moreira PROJETO DE FÍSICA II


____________________________________________________________________________________________________________________________________

01. (AFA 2014) Um pequeno objeto plano e luminoso São corretas apenas
pode ser utilizado em três arranjos ópticos distintos (I, II
e III), imersos em ar, como apresentado na figura abaixo. a) I e II apenas. c) II e III apenas.
b) I e III apenas. d) I, II e III

03. (AFA 2011) Um objeto luminoso é colocado em frente ao


orifício de uma câmara escura como mostra a figura abaixo.

No arranjo I, o objeto é colocado sobre um plano onde


se apoiam dois espelhos planos ortogonais entre si. Nos
arranjos II e III, respectivamente, o objeto é disposto de
forma perpendicular ao eixo óptico de um espelho
esférico côncavo gaussiano e de uma lente convergente
delgada. Dessa maneira, o plano do objeto se encontra
paralelo aos planos focais desses dois dispositivos.
Considere que as distâncias do objeto ao vértice do Do lado oposto ao orifício é colocado um espelho plano com
espelho esférico e ao centro óptico da lente sejam sua face espelhada voltada para o anteparo translúcido da
câmara e paralela a este, de forma que um observador em A
maiores do que as distâncias focais do espelho côncavo possa visualizar a imagem do objeto estabelecida no anteparo
e da lente. pelo espelho. Nessas condições, a configuração que melhor
Nessas condições, das imagens abaixo, a que não pode representa a imagem vista pelo observador através do espelho
ser conjugada por nenhum dos três arranjos ópticos é é

a) a)

b) b)

c)
c)

d)
d)

04. (AFA 2011) d) 3traios


Três 1 + 819de luz monocromáticos
02. (AFA 2012) A figura 1 abaixo ilustra o que um observador correspondendo às cores vermelho (Vm), amarelo (Am) e
visualiza quando este coloca uma lente delgada côncavo- violeta (Vi) do espectro eletromagnético visível incidem na
convexa a uma distância d sobre uma folha de papel onde está superfície de separação, perfeitamente plana, entre o ar e a
escrita a palavra LENTE. Justapondo-se uma outra lente água, fazendo o mesmo ângulo θ com essa superfície, como
delgada à primeira, mantendo esta associação à mesma mostra a figura abaixo.
distância d da folha, o observador passa a enxergar, da mesma
posição, uma nova imagem, duas vezes menor, como mostra a
figura 2. Considerando que o observador e as lentes estão
imersos em ar, são feitas as seguintes afirmativas.

Sabe-se que α, β e γ são, respectivamente, os ângulos de


refração, dos raios vermelho, amarelo e violeta, em relação à
normal no ponto de incidência. A opção que melhor representa
a relação entre esses ângulos é

a) α > β > γ c) γ >β > α


I - a primeira lente é convergente. b) α > γ > β d) β > α > γ
II - a segunda lente pode ser uma lente plano-côncava.
III - quando as duas lentes estão justapostas, a distância focal
da lente equivalente é menor do que a distância focal da
primeira lente.
www.cursoprogressao.com 1
FÍSICA II
05. (AFA 2010) Considere um objeto AB, perpendicular ao eixo Considerando-se as medidas do esquema, pode-se afirmar que
óptico de um espelho esférico gaussiano, e sua imagem A’B’ a distância focal da lente vale
conjugada pelo espelho, como mostra a figura abaixo.
Movendo-se o objeto AB para outra posição p em relação ao a) f b) f/2 c) f/3 d) 2f/3
espelho, uma nova imagem é conjugada de tal forma que o
aumento linear transversal proporcionado é igual a 2. Nessas 08. (AFA 2008) Considere uma película transparente de faces
condições, essa nova posição p do objeto, em cm, é paralelas com índice de refração n iluminada por luz
monocromática de comprimento de onda no ar igual a λ, como
mostra a figura abaixo.

a) 1 c) 3
b) 2 d) 4
Sendo a incidência de luz pouco inclinada, a mínima espessura
06. (AFA 2010) Considere a palavra ACADEMIA parcialmente de película para que um observador a veja brilhante por luz
vista de cima por um observador através de uma lente esférica refletida é
gaussiana, como mostra a figura abaixo.
a) λ/n
b) λ/2n
c) λ/4n
d) λ/5n
Estando todo o conjunto imerso em ar, a lente que pode
representar a situação é 09. (AFA 2007) Considere uma bola de diâmetro d caindo a
partir de uma altura y sobre um espelho plano e horizontal
a) plano-côncava. c) bicôncava. como mostra a figura abaixo.
b) côncavo-convexa. d) convexo-côncava.

42. (AFA 2008) A figura mostra um objeto A, colocado a 8 m de


um espelho plano, e um observador O, colocado a 4 m desse
mesmo espelho.

O gráfico que MELHOR representa a variação do diâmetro d’


da imagem da bola em função da distância vertical y é

a)

Um raio de luz que parte de A e atinge o observador O por


reflexão no espelho percorrerá, nesse trajeto de A para O,

a) 10 m c) 15 m b)
b) 12 m d) 18 m

07. (AFA 2008) Um espelho esférico E de distância focal f e


uma lente convergente L estão dispostos coaxialmente, com
seus eixos ópticos coincidentes. Uma fonte pontual de grande
potência, capaz de emitir luz exclusivamente para direita, é
colocada em P. Os raios luminosos do ponto acendem um c)
palito de fósforo com a cabeça em Q, conforme mostra a figura.

d)

www.cursoprogressao.com 2
10) (AFA 2007) Uma lente convergente L de distância focal O espectro de difração, observado no anteparo pelo estudante,
igual a f e um espelho esférico E com raio de curvatura igual a foi registrado por uma câmera digital e os picos de intensidade
2f estão dispostos coaxialmente, conforme mostra a figura apareceram como pequenos pontos brilhantes na imagem.
abaixo. Uma lâmpada de dimensões desprezíveis é colocada Nessas condições, a opção que melhor representa a imagem
no ponto P. A imagem da lâmpada produzida por essa do espectro de difração obtida pelo estudante é:
associação é
a)

b)

c)
a) imprópria.
b) real e estará localizada à direita da lente.
c) virtual e estará localizada à direita da lente. d)
d) virtual e estará localizada entre o espelho e a lente.

11) (AFA 2005) A figura abaixo mostra uma vista superior de 14) (AFA2015) Uma onda estacionária é estabelecida em
dois espelhos planos E1 e E2 que formam entre si um ângulo . uma corda homogênea de comprimento 2π m , presa pelas
Sobre o espelho E1 incide um raio de luz horizontal e que forma extremidades, A e B, conforme figura abaixo.
com este espelho um ângulo . Após reflexão nos dois
espelhos, o raio emerge formando um ângulo  com a normal
ao espelho E2. O ângulo  vale

Considere que a corda esteja submetida a uma tensão de


10 N e que sua densidade linear de massa seja igual a
0,1kg/m. Nessas condições, a opção que apresenta um
sistema massa-mola ideal, de constante elástica k, em N/m e
massa m, em kg , que oscila em movimento harmônico simples
na vertical com a mesma frequência da onda estacionária
considerada é
a)  +  c)  +  + 90
b)  +   90 d)  – 

12) (AFA 2005) Assinale a alternativa que preenche correta e


respectivamente as lacunas abaixo.

Um objeto é observado através de uma lupa. Para que se


consiga observar seus mínimos detalhes, é necessário que o
objeto esteja localizado ................... e, neste caso, a imagem
conjugada é ...................... .

a) entre a lente e seu foco / virtual e direita em relação ao


objeto.
b) entre a lente e seu foco / real e invertida em relação ao
objeto.
c) além do foco / virtual e invertida em relação ao objeto. 15) (AFA2015) Um corpo luminoso de massa 1 kg é acoplado
d) além do foco / real e direita em relação ao objeto. a uma mola ideal de constante elástica N/m100 e colocado à
meia distância entre uma lente esférica delgada convergente L
e um espelho esférico côncavo gaussiano E, de distâncias
13) (AFA 2013 ) Um estudante montou um experimento com focais respectivamente iguais a 10 cm e 60 cm, como mostra a
uma rede de difração de 1000 linhas por milímetro, um laser figura abaixo.
que emite um feixe cilíndrico de luz monocromática de
comprimento de onda igual a 4 . 10-7 m e um anteparo,
conforme figura abaixo.

Considere que o corpo luminoso seja puxado verticalmente


para baixo 1 cm a partir da posição em que ele se encontra em
equilíbrio sobre o eixo óptico do sistema e, então, abandonado,
passa a oscilar em movimento harmônico simples
exclusivamente na vertical. A distância entre o centro de
curvatura do espelho e o centro óptico da lente é 40 cm. Dessa
forma, o corpo luminoso serve de objeto real para a lente e
para o espelho que conjugam, cada um, apenas uma única

www.cursoprogressao.com 3
imagem desse objeto luminoso oscilante. Nessas condições, as 18) (AFA2013)
funções horárias, no Sistema Internacional de Unidades (SI),
que melhor descrevem os movimentos das imagens do corpo
luminoso, respectivamente, conjugadas pela lente L e pelo
espelho E, são

16) (AFA2013) A figura abaixo mostra uma face de um arranjo


cúbico, montado com duas partes geometricamente iguais. A
parte 1 é totalmente preenchida com um líquido de índice de
refração n1 e a parte 2 é um bloco maciço de um material
transparente com índice de refração n2.

19) (AFA2012)

Neste arranjo, um raio de luz monocromático, saindo do ponto


P, chega ao ponto C sem sofrer desvio de sua direção inicial.
Retirando-se o líquido n e preenchendo-se completamente a
parte 1 com um outro líquido de índice de refração n3, tem-se
que o mesmo raio, saindo do ponto P, chega integralmente ao
ponto D. Considere que todos os meios sejam homogêneos,
transparentes e isotrópicos, e que a interface entre eles forme
um dióptro perfeitamente plano. Nessas condições, é correto
afirmar que o índice de refração n3 pode ser igual a
a) 1,5 n1
b) 1,3 n1
c) 1,2 n1
d) 1,1 n1

17) (AFA 2013)

20) (AFA 2012)

www.cursoprogressao.com 4
22) (AFA2011)

21) (AFA2012)
23) (AFA2011)

24) (AFA2011)

www.cursoprogressao.com 5
26) (AFA2010)

25) (AFA2011)
27) (AFA2011)

28) (AFA2008)

www.cursoprogressao.com 6
29) (AFA2008)

32) (AFA2005) Uma fonte pontual de luz monocromática está


imersa numa piscina de profundidade h. Para que a luz emitida
por essa fonte não atravesse a superfície da água para o ar,
coloca-se na superfície um anteparo opaco circular cujo centro
encontra-se na mesma vertical da fonte. O raio mínimo desse
anteparo é

a) h.tg[arc sen(nAR/ nÁGUA)]


c) h.sen(nAR/ nÁGUA)
tg(nAR / nÁGUA )
b)
h

d) h.arc tg[sen(nAR/ nÁGUA)]

33) (AFA2005) Para que os raios luminosos sempre convirjam


na retina, os músculos ciliares, que garantem também
sustentação mecânica ao globo ocular, podem contrair-se
variando a curvatura das faces do cristalino.
Quando um objeto se aproxima do olho, o cristalino

a) atua como lente convergente e os músculos ciliares vão se


contraindo, diminuindo a distância focal do cristalino.
b) atua como lente convergente e os músculos ciliares ficam
relaxados.
c) atua como lente divergente e os músculos ciliares vão se
contraindo, diminuindo a distância focal do cristalino.
30) (AFA2008) d) atua como lente divergente e os músculos ciliares ficam
relaxados.

34) (AFA2005) Assinale a alternativa que preenche correta e


respectivamente as lacunas abaixo.
Um objeto é observado através de uma lupa. Para que se
consiga observar seus mínimos detalhes, é necessário que o
objeto esteja localizado ................... e, neste caso, a imagem
conjugada é ...................... .

a) entre a lente e seu foco / virtual e direita em relação ao


objeto.
b) entre a lente e seu foco / real e invertida em relação ao
objeto.
c) além do foco / virtual e invertida em relação ao objeto.
d) além do foco / real e direita em relação ao objeto.

31) (AFA2008) 35) (AFA2005) Uma mola, de massa desprezível, se distende


de b quando equilibra um bloco de massa m. Sabe-se que no
instante t = 0, o bloco foi abandonado do repouso a uma
distância  abaixo de sua posição de equilíbrio. Considerando g
a aceleração da gravidade e desprezando os atritos, a equação
do movimento resultante em função do tempo t é

a)

x   cos gb t  c)
 b 
x   sen  t
 g 
 
 g 
b) x   cos  t
 b 
  d) 
x   tg gb t 

www.cursoprogressao.com 7

Оценить