You are on page 1of 43

Desmontagem, Inspeção e Montagem

> VST e/ou VLB

Guilherme Henrique Garcia


Senior Field Service Tech
Observações

‣ É recomendado que as manutenções realizadas em


válvulas CCI sejam acompanhadas e supervisionadas por
um técnico responsável e especializado da própria CCI,
evitando assim a possibilidade de PERDA DE GARANTIA.
‣ Além disso, o técnico CCI no final do serviço, gera um
relatório apontando tudo o que foi constatado durante a
manutenção (preditiva, preventiva ou corretiva), além de
dar suporte para melhorias e correções no processo,
instalação ou qualquer outro ponto que o mesmo, através
de sua própria experiência e/ou consulta com os
especialistas da CCI (Valve Doctors), julgar necessário ou
obrigatório para melhor vida útil do equipamento.
Observações
‣ Válvulas, principalmente de vapor, NUNCA devem ser
desmontadas quando constatada alta temperatura na linha a
jusante e/ou montante, devemos seguir o procedimento CCI IMI
onde e permissivel o contato no equipamento quando o mesmo
estiver menor ou igual 50ºC. Deve-se sempre garantir que as
valvulas de bloqueio de vapor estejam completamente fechadas e
garantindo a vedação.
‣ Antes de qualquer intervenção na válvula é recomendado fazer
testes de abertura e fechamento, modulando através do
posicionador, quando possível.
‣ Após testes, certificar-se que todas as fontes de alimentação
(pneumática, hidraulica e elétrica) foram desligadas,
desconectadas e/ou bloqueadas.
‣ Abrir by pass entre as camaras A e B do atuador (válvulas com
opcional de abertura manual); caso existirem.
Observações

‣ Não há a necessidade de nenhuma ferramenta específica,


ou seja, faz-se uso somente de ferramentas “comuns”
como chaves fixas, combinadas, saca-pino, marreta (1kg),
chave fenda, chave fenda cruzada, alicate para anel
elástico para furo (atuador) etc. faz-se uso também de
desengripante (ex.: WD40, SuperLub, WhiteLub etc.)

‣ Obs: Em alguns casos há a necessidade do uso de


maçarico e dispositivos elaborados no momento, depende
do estado em que encontramos o equipamento e quando
foi realizado a ultima intervencao.
VLB e/ou VST

DESMONTAGEM
Antes da desmontagem
‣ Checar spare parts mínimos antes da abertura da válvula;
VLB e/ou VST
DESMONTAGEM

‣ PRIMEIRAMENTE DEVEMOS REMOVER TODAS AS


LIGACOES ELETRICAS, PNEUMATICAS OU
HIDRAULICAS EXISTENTE NA VALVULA.
‣ CONFIRMAR JUNTO AOS OPERADORES SE TODOS
OS BLOQUEIOS FORAM FEITOS, E IR JUNTO COM O
RESPONSAVEL VERIFICAR REALMENTE SE FORAM
REALIZADOS CORRETAMENTE.

‣ SEGURANCA EM PRIMEIRO LUGAR !!!


‣ SEMPRE
Desmontagem

> Remoção do stem clamp (acoplamento


das hastes do atuador e plug);
DESMONTAGEM

‣ Remover os 9 parafusos que fixam a base do yoke


(castelo) no corpo da valvula.

‣ OBS: Antes de comecar a


soltar os parafusos que
fixam a base do yoke,
providenciar sintas e
Guindastes, muncks, etc..
para que o
atuador nao caia.
Desmontagem

> Remover atuador junto do yoke que


estavam presos pelos 9 parafusos
DESMONTAGEM

‣ Remover os internos, que sao as travas da valvulas e as


vedacoes:
DESMONTAGEM
SEGMENT RING

GRANDE
DEPOIS

PRIMEIRO
REMOVER O
PEQUENO
DESMONTAGEM

‣ Realizar a remocao do plug (obturador) junto do bonnet.


Caso nao desmonte facilmente, realizar um impacto do plug
sobre o bonnet, com isso, caso tenha algum agarramento
interno ele se solta.
Desmontagem

Caso o plug (obturador) for


muito pesado, jamais esquecer
de realizar um agarramento do
mesmo impossibilitando a
queda e possiveis acidentes.

Um tipo de dispositivo, caso o


bonnet e o plug estiver muito dificil
de serem retirados.
DESMONTAGEM

‣ APOS OBSERVAR QUE O PLUG E O BONNET ESTAO


LIVRES, CASO FOREM GRANDES E PESADOS,
PROVIDENCIAR SINTAS, GUINDASTES, MUNCKS,
ETC.. PARA A REMOCAO DO MESMO.
VST e VLB

Inspeção
Inspeção

‣ Por que é feita inspeção?


‣ A inspeção no equipamento é feita para garantir a integridade
mecânica de seus internos para correto funcionamento, além
de “prever” futuros problemas e impedir futuras paradas não
programadas. Outro ponto é relacionado a remoção de
ferrugens das peças que apresentam tal problema,
dificultando a montagem e desmontagem.

‣ Quem deve fazer a inspeção?


‣ Deve ser feito por técnico/engenheiro CCI, a fim de garantir
que todas as peças foram devidamente inspecionadas e se
estão ou não com desgastes excessivos ou anormais, e junto
com o cliente, encontrar uma solução caso seja encontrado
algum tipo de problema.
Inspeção

‣ Como é feita a inspeção?


‣ Geralmente é feita visualmente. Em alguns casos pode-se ter
o auxilio de um torno mecânico para checar empenamento de
plug’s (colocando-o entre pontos) ou excentricidade de sede.
Em alguns casos também é feito ensaio de LP (líquido
penetrante) se houver suspeita de trinca devido à stress
térmico ou golpe de ariete sofrido em operação, tanto em
pontos de solda como no próprio corpo da válvula ou internos.
‣ Outro procedimento utilizado é a endoscopia, a fim de
inspecionar componentes que não podem ser “removidos” da
válvula em desmontagem, como por exemplo o PR Pipe.
Inspeção

‣ O que é inspecionado?
‣ TODOS os componentes internos das válvulas, mesmo aqueles que não
são removidos em desmontagem.
‣ Seat: Inspeciona-se a seat (assento) para checar se há marcas de
passagem de vapor quando a válvula está totalmente fechada,
indicando que na verdade ela ainda estaria aberta. Marcas de erosão
ou impactos de particulados sólidos que podem estar juntos com o
vapor.
Inspeção na solda (LP) para casos em que haja indicios de passagem
de vapor com a válvula fechada e o assento está sem desgaste;
‣ Plug (obturador): mesmo procedimento de inspeção do assento da
sede;
‣ PR Pipe: É inspecionado para checar se o mesmo ainda se encontra
soldado ou se há trincas. Um indicio de que o PR Pipe não esteja mais
soldado na válvula em caso de grande vibração e principalmente ruído;
Inspeção

Seat
Plug (Obturador)
Inspeção

PR Pipe
Inspeção
‣ Atuador: Ispeciona-se desde a camisa até a haste do atuador
para evitar que qualquer dano que possa causar desequilibrio
entre as camaras do atuador, podendo causar oscilações na
válvula enquanto modula, consequentemente problemas de
controle de processo.
Obs.: Quando é feita inspeção nos atuadores, é feita também a
troca de todo o Kit de Soft Goods (anéis o’rings e retentores)
obrigatoriamente.
‣ Demais peças: É inspecionado se aparentam algum desgaste
anormal ou excessivo, caso haja, deve-se ser investigado e
levantado as causas desses desgastes e avaliado se há ou não
condições de reutilizar esta peça ou esta deve ser substituida.
Desmontagem

> Remover parafusos e olhais da tampa;


Desmontagem

Realizar a desmontagem empurrando a haste do atuador


para cima, e nunca segurar na haste do transmissor de
posicao, a mesma e muito fragil e extremamente
importante para o funcionamento da valvula.
Desmontagem
VLB e/ou VST
Montagem
MONTAGEM
‣ Antes da montagem, durante a inspeção, é feita a limpeza
de TODAS as peças e caso necessário, lixamento para
remoção de ferrugem;

‣ A montagem é basicamente procedimento inverso da


desmontagem, porém sempre tomando o máximo de
cuidado com todas as peças, na sequência de montagem
e posição de cada uma.
‣ Na montagem recomenda-se lubrificação com graxa para
alta temperatura (grafitada ou cobreada) para facilitar a
montagem e principalmente, em futuras desmontagens.
MONTAGEM

‣ Primeiro devemos montar o plug e o bonnet no corpo da


valvula.
MONTAGEM

‣ Colocar os aneis de travas :

Quarto

Terceiro

Primeiro
Segundo
MONTAGEM

4 SEGMENT RING

OBS: Temos 4 aneis,


que forma um circulo,
sua funcao e travar o
bonnet e o plug
internamente na
3 2 valvula, temos 4 pecas
porem 2 tamanhos
diferentes. SEMPRE
devemos deixar o
menor por ultimo na
hora da montagem.

1
*Colocar o Stem Guide, uma peca metalica que serve como um apoio para o Packing
rings.
*Colocar as vedacao Packing rings ou Stem packing, como podemos observar na figura
abaixo sao 4 aneis de grafite.
Apos colocar o Gland, que serve para
prensar as gaxetas.
*Colocar o gland nut, essa peca, ela e
enroscada no bonnet, conforme
apertamos, mais pressao e dada
sobre as gaxetas.
No gland nut temos 3 furos com tres
parafusos sextavados que servem
para dar pressao diretamente no
Gland.
OBS: Na hora da montagem essas
pecas nao precisa de muito aperto.
Podendo ser apertadas com a mao e no final um pequeno travamento com uma chave de
grifo. Caso tenha vazamento durante a operacao ir apertando aos poucos ate sanar.
Montagem

‣ Fixar a base do yoke (castelo) e o atuador, no corpo da


valvula, utilizando os 9 parafusos que foram removidos na
hora da desmontagem
‣ Fazer o acoplamento entre as hastes do plug e atuador;
Desmontagem
Spray Nozzle VLB

Remover os
Retirar o nozze
Remover porcas e bonnet prisioneiros caso for
completo
flange (tampa); necessario
Desmontagem

Remover nozzle holder,


pode ser utilizado uma
alavanca, dependendo do
estado do equipamento
Desmontagem

> Remover nozzle holder;


essa e uma outra forma
para remocao do nozzle
completo.
Desmontagem
Quando observarem que o
nozzle por completo esta
saindo e estiver em uma
posicao conforme a foto,
tenham cuidado pois pode
sair agua quente que fica
acumulada internamente.

Em alguns casos utilizamos o


maxarico para nos ajudar, devido
a situacao precaria em que se
encontra o equipamento
Inspeção
‣ Nozzle:Inspecionado todo o corpo do nozzle e principalmente
o bico para checar se a mola não perdeu a pressão que deve
exercer para evitar injeção de água na linha sem controle, além
de checar se há sinais de impureza na água;
Inspeção
Impurezas metalicas encontradas
no bico do spray nozzle, isso causa
condensado na linha, pois, a todo
tempo mesmo sem necessidade
estara entrando agua na linha, e
nao tera velocidade de arrate do
vapor para vaporizar o mesmo.
Inspeção

CASOS CRITICOS
CONSERVAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

‣ Durante uma semana após o start-up fazer manutenção


preventiva reapertando todos os parafusos devido a
dilatação térmica do equipamento. Acompanhar até que
não haja mais vazamentos
Obs.: Em caso de vazamento insistente, contactar CCI.

‣ Operar válvula dentro das condições máximas e mínimas


especificados no documento Technical Specification;

‣ Posicionar o isolamento térmico até a base do castelo que


fixa-o no corpo da válvula, isolando tambem os 9
prisioneiros de fixacao, evitando assim que o calor nao
chegue ate o atuador danificando-o internamente.
‣ Reinstalar fontes de alimentação (pneumatica, hidraulica e
elétrica);
‣ Fechar sistema de by pass do atuador (em caso de
válvulas com opcional de abertura manual) pois o by pass
só será novamente aberto quando houver a necessidade
de operação manual;
‣ Realizar um calibracao do posicionador e apos realizar
testes de abertura e fechamento junto com o DCS.
DUVIDAS ???
MUITO OBRIGADO !!!

GUILHERME HENRIQUE GARCIA


Field Service Technician

guilherme.garcia@imi-critical.com