Вы находитесь на странице: 1из 1

visa fornecer uma conta dos fenomenos da consci�ncia.

dESDE descartes houve uma ideia de que a consci�ncia estava fora do alcance da
f�sica.
tentativas cient�ficas a respeito do problema da consci�ncia
projeto de de interpreta��o de experimentos

uma fun��o adaptativa muito prov�vel do


sistemas subjacentes � consci�ncia � a sua capacidade de integrar um
n�mero muito grande de entradas sensoriais e respostas motoras
ocorrendo em paralelo

a very likely adaptive function of neural


systems underlying consciousness is their ability to integrate a
very large number of sensory inputs and motor responses
occurring in parallel.

o problema da experi�ncia subjetiva

subjacentes � consci�ncia surgiram para possibilitar


discrimina��es em um espa�o multidimensional de sinais (8),

a experiencia cientifica n�o tem como pretens�o explicar a cerca dessa experi�ncia
fenometica com as coisas
qualia s�o essas discrimina��es

c�rebro como seletor de repert�rio

reentrada *

o animal consciente individual. Nesta base, o animal pode


alterar seu comportamento de forma adaptativa. Tal animal com
consci�ncia prim�ria n�o tem capacidade narrativa expl�cita (embora
mem�ria de longo prazo) e, na melhor das hip�teses, s� pode planejar
para lidar com a cena imediata no presente lembrado.
No entanto, tem uma vantagem sobre um animal que n�o tem tal
capacidade de planejar.
A consci�ncia de ordem superior emerge mais tarde na evolu��o e �
visto em animais com capacidades sem�nticas como chimpanz�s. isto
est� presente em sua forma mais rica na esp�cie humana, que � �nica
em possuir linguagem verdadeira composta de sintaxe e sem�ntica.
A consci�ncia de ordem superior permite que seus possuidores

essa atividade de reentrada como complexifica��o da consciencia